GP da Itália – Mundial da Motovelocidade 2021 – Moto 3 – 6ªetapa

Um final de semana triste para o Mundial de Motovelocidade. Com o falecimento do suíço Jason Dupasquier da PruestelGP na sessão de classificação da Moto 3, foi realizada no final de semana passada o GP da Itália em Mugello.

Q1 começou com nenhuma movimentação na pista, todos ficaram esperando o primeiro piloto a entrar na pista. A isca foi o líder do campeonato, Pedro Acosta que mais uma vez estava buscando uma das 4 vagas para o Q2, mas tinha muito piloto forte nessa repescagem.

Acosta fez 1:58.234, o tempo não se sustentou e o surpreendente Alberto Surra da academia da equipe de Valentino Rossi marcou o melhor tempo com 1:58.082. Essa marca desse jovem piloto foi superado por Tatsuki Suzuki da SIC58 a 7 minutos e 40 segundos do final, com 1:57.122, Niccolò Antonelli passa para a segunda posição enquanto que Takuma Matsuyama foi parar no chão da curva 15.

A 6 minutos do final, o motivado Andi Farid Izdihar marca o 4ºtempo e tira Pedro Acosta da zona de classificação. Ao mesmo tempo em que Izan Guevara foi ao chão após tocar por trás de Ricardo Rossi (que nada sofreu). A menos de 6 minutos do final, Suzuki, Toba (Que marcou uma bela volta, se posicionando na segunda posição), Antonelli e Surra eram os classificados para o Q2.

Acosta precisava fazer tempo ou ficaria de novo abaixo da 19ªposição no grid de largada, mas acabou tendo uma das suas tentativas atrapalhada por vários pilotos no setor final. Restando poucos segundos, Acosta teria só mais uma chance de fazer volta. Nessa volta, ele acabou pegando o vácuo de outro piloto na frente e acaba conseguindo a classificação, ficando na 3ªposição. Tatsuki Suzuki com 1:56.875 fica na frente, seguido de Kaito Toba da Cip Green. Niccolò Antonelli acabou com a última vaga no Q2 e deixou o piloto da academia da VR46, Alberto Surra de fora.

Resultado do Q1:

pospilotoequipemototempo
124Tatsuki Suzuki SIC58 Squadra CorseHonda1’56.875
227Kaito Toba CIP Green PowerKTM1’57.229
337Pedro Acosta Red Bull KTM AjoKTM1’57.330
423Niccolo Antonelli Avintia Esponsorama Moto3KTM1’57.382
567Alberto Surra Team Bardahl VR46 Riders AcademyKTM1’57.698
643Xavier Artigas Leopard RacingHonda1’57.794
754Riccardo Rossi BOE OwlrideKTM1’57.832
819Andi Farid IzdiharHonda Team AsiaHonda1’57.964
922Elia BartoliniTeam Bardahl VR46 Riders AcademyKTM1’57.977
1020Lorenzo Fellon SIC58 Squadra CorseHonda1’58.138
116Ryusei Yamanaka CarXpert PruestelGPKTM1’58.280
1231Adrian Fernandez Sterilgarda Max Racing TeamHusqvarna1’58.290
1399Carlos Tatay Avintia Esponsorama Moto3KTM1’58.452
1473Maximilian Kofler CIP Green PowerKTM1’59.219
1528Izan Guevara Valresa GASGAS Aspar TeamGASGAS2’00.834
1632Takuma MatsuyamaHonda Team AsiaHondaSem Tempo

No Q2, o tempo começa a roda, mas só depois de 2 minutos e que o primeiro piloto vai para a pista, Pedro Acosta estava disposto a levar a pole position. Os outros pilotos estavam muito devagar, após 4 minutos de sessão, pouca gente foi para a pista.

Acosta fez um tempo alto e acabou facilmente superado, primeiro com Deniz Oncü da Tech 3 (1:57.574), depois por Antonelli com 1:57.134 e depois pelo argentino Gabriel Rodrigo da Gresini, com 1:56.685.

A 5 minutos do final, somente Rodrigo, Alcoba, Antonelli, Toba, Oncü, McPhee, Acosta e Binder marcaram uma volta, os outros 10 pilotos não tinham feito nenhum tempo. A 2 minutos e meio do final, Os pilotos que não marcaram tempo foram para a pista. Não era mais o caso de Romano Fenati que marcou uma boa marca e sobe para a 4ªposição. Pouco depois, John McPhee sobe para a 5ªposição.

Com o tempo encerrando, Dennis Foggia marcou uma ótima marca que lhe dava a segunda posição. Porém, nada foi tão avassalador como o 1:56.001 de Tatsuki Suzuki da SIC58, conquistando a pole position com mais de meio segundo de frente para Pedro Acosta da KTM Ajo. Gabriel Rodrigo completa a primeira fila. Dennis Foggia da Leopard Racing, Jaume Masia da KTM Ajo e Jeremy Alcoba da Gresini compõem a segunda fila. Fenati, Antonelli, McPhee e Sasaki completam os 10 primeiros.

Mas um fato lamentável aconteceu no final do Q2, o suíço Jason Dupasquier acabou indo para o chão e sofreu graves ferimentos e se submetendo a uma intervenção “neurocirúgica”, seu estado é grave. Ayumi Sasaki da Tech 3 e Jeremy Alcoba acabaram se envolvendo no acidente, mas nada sofreram.

Grid de largada:

pospilotoequipemototempo
124Tatsuki Suzuki SIC58 Squadra CorseHonda1’56.001
237Pedro Acosta Red Bull KTM AjoKTM1’56.597
32Gabriel Rodrigo Indonesian Racing Gresini Moto3Honda1’56.685
47Dennis Foggia Leopard RacingHonda1’56.980
55Jaume Masia Red Bull KTM AjoKTM1’56.985
652Jeremy Alcoba Indonesian Racing Gresini Moto3Honda1’57.107
755Romano Fenati Sterilgarda Max Racing TeamHusqvarna1’57.110
823Niccolo Antonelli Avintia Esponsorama Moto3KTM1’57.137
917John McPhee Petronas Sprinta RacingHonda1’57.152
1071Ayumu Sasaki Red Bull KTM Tech 3KTM1’57.206
1150Jason Dupasquier (Não largou)CarXpert PruestelGPKTM1’57.213
1227Kaito Toba CIP Green PowerKTM1’57.298
1353Deniz Öncü Red Bull KTM Tech 3KTM1’57.574
1482Stefano Nepa BOE OwlrideKTM1’57.776
1511Sergio García Valresa GASGAS Aspar TeamGASGAS1’58.456
1640Darryn Binder Petronas Sprinta RacingHonda1’58.472
1716Andrea Migno Rivacold Snipers TeamHonda2’01.176
1812Filip Salač Rivacold Snipers TeamHonda2’01.325
1967Alberto Surra Team Bardahl VR46 Riders AcademyKTM1’57.698
2043Xavier Artigas Leopard RacingHonda1’57.794
2154Riccardo Rossi BOE OwlrideKTM1’57.832
2219Andi Farid IzdiharHonda Team AsiaHonda1’57.964
2322Elia BartoliniTeam Bardahl VR46 Riders AcademyKTM1’57.977
2420Lorenzo Fellon SIC58 Squadra CorseHonda1’58.138
256Ryusei Yamanaka (Não largou)CarXpert PruestelGPKTM1’58.280
2631Adrian Fernandez Sterilgarda Max Racing TeamHusqvarna1’58.290
2799Carlos Tatay Avintia Esponsorama Moto3KTM1’58.452
2873Maximilian Kofler CIP Green PowerKTM1’59.219
2928Izan Guevara Valresa GASGAS Aspar TeamGASGAS2’00.834
3032Takuma MatsuyamaHonda Team AsiaHondaSem Tempo

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Começando a programação do domingo, A moto 3 acabou largando com 28 pontos, o companheiro de Jason Dupasquier na PruestelGP, Ryusei Yamanaka não iria para a corrida.

Na largada, Pedro Acosta toma a ponta, seguido de Gabriel Rodrigo e Tatsuki Suzuki que não fez uma brilhante largada. Só na primeira volta, 6 pilotos foram ao chão, primeiro foram Alberto Surra e Adrian Fernández. O piloto da academia da VR46 errou uma marcha e o irmão de Raúl Fernández não conseguiu evitar a batida e ambos foram para o chão.

Já o segundo incidente foi mais grave, com 4 pilotos envolvidos: Deniz Oncü, Carlos Tatay, Andrea Migno e Maximilian Kofler. Felizmente nenhum deles acabou ferido de forma grave.

Na 2ªVolta, o italiano Dennis Foggia foi da 5ªposição para a liderança usando o vácuo, que era fundamental em uma reta tão grande como é a reta do circuito de Mugello. Rodrigo passou a ser o segundo, Acosta em 3º, Fenati, Suzuki, Binder, Alcoba, Masia, Sasaki e Salac eram os 10 primeiros.

Acosta reagiu e passou Gabriel Rodrigo antes do final da  segunda volta e partiu para a liderança após passar Dennis Foggia na reta, mas na volta seguinte tudo mudou e Acosta foi engolido pelo pelotão, enquanto que Foggia voltava para a liderança seguido de Fenati com sua Husqvarna em 2º, Suzuki da Sic58 em 3º e Rodrigo que tinha caído para o 8ºlugar e na volta 4 retornou as posições de frente. Acosta caiu para a 10ªposição.

No meio da 4ªVolta, Fenati supera Foggia e passa a liderar o pelotão da frente. Na 5ªvolta, Tatsuki Suzuki retorna a liderança, mas Foggia passou por Suzuki curvas depois. O piloto da Leopard Racing estava disposto a vencer de qualquer maneira, mas teria que suportar a pressão de Fenati e de mais 13 pilotos que estavam na cola do Foggia.

Na 8ªVolta, Pedro Acosta, líder do campeonato voltar a liderar a corrida, com Foggia, Suzuki e Rodrigo colados na rabeta da sua moto. Na 10ªVolta e na 11ªVolta, Dennis Foggia disputa a ponta com Tatsuki Suzuki e consegue se sustentar na frente do piloto japonês. Sergio Garcia começa a aparece na entrada da 11ªVolta, se colocando na 3ªposição.

Ao final da volta 11, Suzuki supera Foggia e volta a liderar a corrida e conseguiu evitar o ataque dos seus adversários na reta dos boxes, começando a volta seguinte na liderança. Foggia retorna a liderança na 13ªVolta, Já Suzuki acabou caindo para a 8ªposição. Quem voltou a corrida foi Pedro Acosta que voltou a ser o segundo colocado, o jovem piloto da Equipe Ajo foi com tudo para tentar superar Foggia e os dois trocam de posições na 14ªVolta.

Tatsuki Suzuki fez uma manobra audaciosa e quase tomou a ponta da prova, ficando entre Foggia e Acosta.

Na 15ª e 16ªVoltas John McPhee, Romano Fenati e Darryn Binder passaram para a liderança, Dennis   Foggia caiu para a 13ªposição. Suzuki também perdeu posições. Na entrada da 17ªVolta, Acosta volta a assumir a liderança, com Ayumi Sasaki cheio de dores na segunda posição, Masia em 3º e Darryn Binder em 4º.

A corrida estava totalmente indefinida, Acosta ficou na frente até quando Fenati passou para frente a 2 voltas do final e tentou abrir frente, mas não conseguiu impedir que Dennis Foggia o superasse assumisse a frente na reta final de prova.

Na última volta, Foggia vinha abrindo uma vantagem de 3 décimos em cima de Masia, Rodrigo e Sasaki. A vantagem aberta na volta final foi o suficiente para o piloto da Leopard Racing conquistar sua primeira vitória na temporada, foi também a primeira vitória da Honda na Moto 3 e no Mundial juntando as 3 categoria. O piloto italiano estava determinado a vencer e acabou conseguindo seu objetivo.

Jaume Masia acabou em 2ºlugar e recupera um pouco da sua moral abalada pelos ótimos resultados de Pedro Acosta nas 4 primeiras etapas do campeonato. O Argentino Gabriel Rodrigo conquista seu primeiro pódio na temporada e o segundo pódio da carreira chegando na 3ªposição, numa bela corrida do piloto da Gresini.

Ayumi Sasaki superou todas as dores que ele obteve no acidente do sábado e acabou na 4ªposição e assume a 3ªposição do Mundial, somente atrás de Jaume Masia por 2 pontos e do líder disparado Pedro Acosta que acabou o dia na 8ªposição.

Darryn Binder, Romano Fenati e John McPhee flertaram com a disputa da vitória. Os pilotos da Petronas que chegaram em 5º e 7º só conseguiram isso por um momento, já o piloto da Husqvarna chegou a ter mais momentos na frente, mas acabou perdendo posições na última volta.

Pedro Acosta acabou perdendo terreno no final e ficou na 8ªposição, mas sua vantagem que era gigante continua confortável, com 52 pontos de frente para Jaume Masia. De positivo, Acosta já tem lugar na Moto 2 em 2022 pela equipe  Ajo.  Sergio Garcia da Gas Gas e Tatsuki Suzuki completaram as 10 primeiras posições.

Após o pódio realizado, já na formação do Grid da Moto 2 foi informada o falecimento de Jason Dupasquier. O piloto de 19 anos teve sua morte confirmada as 7 horas da manhã por morte cerebral. Durante a madrugada, o piloto foi submetido a uma cirurgia torácica por causa de uma lesão vascular e lesões cerebrais.

Duspasquier vinha em sua segunda temporada na Moto 3 e vinha fazendo uma boa temporada, com 27 pontos conquistados e o 7ºlugar no GP da Espanha foi seu melhor resultado no Mundial de Motovelocidade. Nossas condolências as família desse jovem piloto que perdeu sua vida nesse terrível acidente em Mugello.

Resultado final da 6ªEtapa do Mundial de Motovelocidade
GP da Itália – Mugello – Moto 3 – 20 Voltas

pospilotoequipemototempo
17Dennis Foggia Leopard RacingHonda39’37.497
25Jaume Masia Red Bull KTM AjoKTMa 0.036
32Gabriel Rodrigo Indonesian Racing Gresini Moto3Hondaa 0.145
471Ayumu Sasaki Red Bull KTM Tech 3KTMa 0.240
540Darryn Binder Petronas Sprinta RacingHondaa 0.499
655Romano Fenati Sterilgarda Max Racing TeamHusqvarnaa 0.711
717John McPhee Petronas Sprinta RacingHondaa 0.918
837Pedro Acosta Red Bull KTM AjoKTMa 0.745
911Sergio García Valresa GASGAS Aspar TeamGASGASa 0.861
1024Tatsuki Suzuki SIC58 Squadra CorseHondaa 0.963
1112Filip Salač Rivacold Snipers TeamHondaa 1.080
1227Kaito Toba CIP Green PowerKTMa 1.351
1323Niccolo Antonelli Avintia Esponsorama Moto3KTMa 1.429
1482Stefano Nepa BOE OwlrideKTMa 4.472
1552Jeremy Alcoba Indonesian Racing Gresini Moto3Hondaa 12.491
1643Xavier Artigas Leopard RacingHondaa 23.493
1728Izan Guevara Valresa GASGAS Aspar TeamGASGASa 23.499
1854Riccardo Rossi BOE OwlrideKTMa 23.609
1920Lorenzo Fellon SIC58 Squadra CorseHondaa 23.774
2022Elia BartoliniTeam Bardahl VR46 Riders AcademyKTMa 39.959
2119Andi Farid IzdiharHonda Team AsiaHondaa 40.023
2232Takuma MatsuyamaHonda Team AsiaHondaa 40.035
53Deniz Öncü Red Bull KTM Tech 3KTMa 20 voltas
16Andrea Migno Rivacold Snipers TeamHondaa 20 voltas
67Alberto Surra Team Bardahl VR46 Riders AcademyKTMa 20 voltas
31Adrian Fernandez Sterilgarda Max Racing TeamHusqvarnaa 20 voltas
99Carlos Tatay Avintia Esponsorama Moto3KTMa 20 voltas
73Maximilian Kofler CIP Green PowerKTMa 20 voltas

Fotos:

image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Deixe uma resposta