No Oval de Sakhir, erro grotesco da Mercedes em parada leva Sergio Perez a primeira vitória na Formula 1

Em mais uma corrida inacreditável onde todo o roteiro original acabou mudado, a Mercedes que tinha a chance de fazer uma dobradinha acabou com um Safety car , onde fizeram uma das paradas mais desastrosas que se possa ver. Trocaram os pneus de Russell errado com os pneus de Bottas e com o finlandês, foram inacreditáveis 27 segundos que comprometeram a corrida de ambos. A Vitória caiu nas mãos de Sergio Perez que tinha largado na frente, foi tocado, caindo para a última posição e partiu para a recuperação. Não se imaginava que essa recuperação se resultasse nesse resultado, num momento tão decisivo da sua carreira.

Na largada, Bottas foi superado por George Russell que largou melhor e assumiu a ponta. O finlandês acabou saindo de frente por 2 vezes, tendo de segurar a segunda posição dos ataques de Sergio Perez e Max Verstappen. No final da 4ªVolta, Sergio Perez é tocado por trás por Charles Leclerc, nessa confusão toda, Verstappen não consegue desviar e acaba indo para o muro junto de Leclerc. Ambos deixaram a prova e o safety car entrou na pista. Perez aproveitou para fazer uma parada nos boxes.

Após 7 voltas, a corrida recomeça, Sainz jr. ataca Bottas e até consegue a ultrapassagem, mas o espanhol escapa e o piloto da Mercedes recupera a segunda posição. Russell seguiu na liderança. Ricciardo em 4º, Kvyat em 5º, Stroll em 6º, Gasly em 7º e Ocon em 8º. Lando Norris fez uma senhora largada, da 19ª para a 10ªposição. Na volta seguinte, Norris supera Vettel e ganha a 9ªposição. Na volta seguinte, o britânico passou Vettel e ganhou a 9ªposição.

Na 11ªVolta, Vettel é superado por Albon e Perez. O mexicano que caiu para a última posição superou Albon na volta seguinte e assumiu a 10ªposição. Lá na frente, os dois pilotos da Mercedes sobravam na turma, Russell colocava 2.1 segundos em cima de Bottas e 5.7 segundos em cima de Carlos Sainz jr. Depois disso, era Ricciardo, Kvyat, Stroll e Gasly muito próximos um do outro.

Na 19ªVolta, Norris passa a ser pressionado por Albon e Perez. Na volta seguinte, o piloto da Red Bull supera o piloto da Mclaren e logo depois é a vez do piloto mexicano ter superado o britânico que foi para os boxes. Na volta 21, Perez supera Albon e ganha a 9ªposição. Que prova de recuperação do piloto mexicano. Russell e Bottas já tinham livrado mais de 10 segundos dos demais pilotos.

Danill Kvyat foi o primeiro a parar nos boxes na 28ªVolta, Na volta seguinte pararam Sainz jr. e Gasly. Na volta 30, parou Ricciardo e acabou voltando atrás de Kvyat, Essa foi a única mudança que aconteceu diante dessas paradas. Lance Stroll estava na 3ªposição, seguido de Estaban Ocon, Sergio Perez e Alexander Albon. Sainz era o primeiro piloto dos que pararam nos boxes, a 38 segundos de Russell e 36 segundos de Bottas.

Ricciardo pressionava Kvyat, era o pega da corrida no começo do segundo terço de corrida. Após 38 voltas, só Stroll estava com os pneus macios, mostrando que dava para andar bem com os pneus macios por muito tempo. Ocon parou na 42ªvolta, Stroll parou na volta seguinte e chegou a voltar a frente do piloto francês, mas Ocon conseguiu recuperar a posição se aproveitando dos pneus mais aquecidos.

George Russell fez sua parada na 46ªVolta e coloca os pneus duros. Bottas vai para a liderança, poderia estar pintando uma tática diferente para o piloto finlandês, mas 3 voltas depois, Bottas vai para a sua parada e coloca os pneus duros também.  A vantagem entre os dois que estava em 3 segundos passou a ser de 8 segundos, uma enorme vantagem para Russell.

Perez e Albon pararam na 48ªVolta. Após as paradas, a classificação dos 10 primeiros: Russell, Bottas, Sainz jr., Kvyat, Ricciardo, Gasly, Ocon, Stroll, Perez e Norris.

Gasly parou pela segunda vez na 52ªvolta, volta em 12º. Ao mesmo tempo praticamente, Albon passou Norris e assumiu a 9ªposição. Enquanto isso, Ricciardo voltava a pressionar Kvyat pela 4ªposição. Ocon era pressionado pelo Stroll, disputando a 6ªposição. Na volta 54, Kvyat parou pela segunda vez.

Na 55ªVolta, Nicholas Latifi acabou parando seu carro na área de escape, isso fez com que o Safety Car virtual fosse acionado. Nisso, Sainz jr., Ricciardo, Ocon aproveitaram para fazerem uma 2ªparada nos boxes. O Safety Car Virtual foi desligado na volta 56. Com essas paradas, Ocon passou a ser o terceiro colocado, Perez superou Stroll e assumiu a 4ªposição, não satisfeito, Perez passou Ocon e assumiu a terceira posição. Grande forma do piloto da Racing Point.

Bottas vinha tirando a diferença para Russell, na 62ªVolta, Jack Aitken acaba rodando depois da curva 11, bate e danifica a asa dianteira que fica na pista. Safety Car entra na pista…

… E ai a Mercedes faz uma tremenda de uma besteira. Na Parada de Russell, eles colocaram os pneus que eram do Bottas, na parada do Bottas, demoraram 27.3 segundos. Pior que isso, foi ter colocado os mesmos pneus para o finlandês o jogando para a 5ªposição. 4 voltas depois, Russell teve de trocar os pneus para os Médios destinados a ele.

Depois de toda essa confusão, o líder era Serio Perez, com Esteban Ocon e Lance Stroll na frente de Valtteri Bottas e George Russell. Sainz jr. vinha em 6º, Ricciardo em 7º, Kvyat 8º, Gasly em 9º e Albon na 10ªposição.

Na volta 69, tivemos a relargada, as posições foram todas mantidas de começo. Na volta seguinte, Bottas sente o desgaste dos pneus, alonga demais a curva 4 e permite a ultrapassagem de Russell que ganha a 4ªposição. Na volta seguinte, o jovem passou Stroll e depois passou Ocon na volta 72.

A partir dai, eram 15 voltas para Russell chegar em Perez, ele vinha conseguindo e iria conseguir a ultrapassagem. Porém a 9 voltas do final, Russell tem um furo no pneu e vai para os boxes para colocar novos pneus, volta na 14ªposição. Perez tinha a vitória nas suas mãos. Bottas também não estava com bom desempenho, apesar de ainda tentar superar Stroll, Os pneus velhos estavam comprometendo seu trabalho. O finlandês foi superando por Sainz jr., Ricciardo, Albon e Kvyat caindo para a 8ªposição.

Da última posição depois de ter sido atingido na, Sergio Perez conquistou a 1ªVitória da carreira após 190 Grandes Prêmios disputados, numa brilhante corrida de recuperação acaba cortejado pela sorte e pela completa incompetência da Mercedes no começo do Safety Car para conquistar esse triunfo. Importante para um piloto que esta lutando pela sua sobrevivência na Formula 1.

Esteban Ocon conquistou seu primeiro pódio da carreira, numa corrida que estava sendo discreta em muitos momentos, mas que na hora certa sobre aproveitar o momento e se sustentar na segunda posição. Lance Stroll espantou a má fase de resultados e completou o pódio com a 3ªposição. Um grande dia para a Racing Point que fica perto do 3ºlugar no Mundial de Construtores.

Carlos Sainz jr. que tinha a chance de ir ao pódio acabou traído pela tática de paradas e acabou o dia na 4ªposição, seguido de Daniel Ricciardo da Renault e Alexander Albon da Red Bull. A vitória de Perez não ajuda em nada o piloto tailandês a renovar seu contrato para o ano que vem. Outro que correu muito bem e que foi prejudicado pela tática de paradas foi Daniil Kvyat, ao chegar na 7ªposição. O Russo chegou perto de andar no pódio por um bom tempo e resistindo aos ataques de Daniel Ricciardo.

Valtteri Bottas deve esta completamente frustrado pelo domingo, a largada não muito boa poderia ter comprometido a possibilidade de vitória, mas os problemas na sua parada na entrada do Safety Car acabou com a sua corrida. Isso comprometeu o seu desempenho na reta final, chegando apenas em 8ºlugar e adiando a definição do vice-campeonato para Abu Dhabi.

George Russell usou os pneus novos e acabou fazendo todo o possível para recuperar os prejuízos. Acabou conseguindo no final a 9ªposição e a melhor volta da corrida. Sem os erros da Mercedes, Russell era o provável vencedor e Bottas o segundo colocado e com o vice-campeonato garantido. Uma tristeza ver uma equipe 7 vezes campeã Mundial comprometendo a corrida dos seus dois pilotos.

Lando Norris completou a zona de pontuação, superando o francês Pierre Gasly na reta final de corrida. O Francês que se destacou na temporada, dessa vez não teve um dia feliz e ficou em 11º. Sebastian Vettel acabou limitado pelo motor ruim e pelo carro ruim, acabou ficando na 12ªposição.

Antonio Giovinazzi e Kimi Raikkonen não foram além da 13ª e 14ªposições, Assim como Kevin Magnussen em sua penúltima corrida na Haas que ficou em 15ªposição. Os estreantes Jake Aitken da Williams e Pietro Fittipaldi da Haas fizeram corridas discretas e acabaram em 16º e 17ºlugares respectivamente. Semana que vem, teremos a última etapa do Mundial de Formula 1. O GP de Abu Dhabi fecha a temporada desse ano tão complicado como foi o ano de 2020.

Fotos:

Resultado do GP de Sakhir
16ªEtapa do Mundial de Formula 1 – 87 Voltas

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
111Sergio Perez  BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:31:15.114 
231Esteban Ocon  Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 20+10.518s 
318Lance Stroll  BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes+11.869s 
455Carlos Sainz  McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 20+12.580s 
53Daniel Ricciardo  Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 20+13.330s 
623Alexander Albon  Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H+13.842s 
726Daniil Kvyat  Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H+14.534s 
877Valtteri Bottas  Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M11+15.389s 
963George Russell  Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M11+18.556s 
104Lando Norris  McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 20+19.541s 
1110Pierre Gasly  Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H+20.527s 
125Sebastian Vettel  Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065+22.611s 
1399Antonio Giovinazzi Alfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 065+24.111s 
147Kimi Räikkönen Alfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 065+26.153s 
1520Kevin Magnussen  Haas F1 TeamVF-20Ferrari 065+32.370s 
1689Jack Aitken  Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M11+33.674s 
1751Pietro Fittipaldi  Haas F1 TeamVF-20Ferrari 065+36.858s 
6Nicholas Latifi  Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M11a 35 Voltas
33Max Verstappen  Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620Ha 87 Voltas – Acidente
16Charles Leclerc  Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065a 87 Voltas – Acidente

Melhor Volta de cada piloto – George Russell marcou 1 ponto pela melhor volta da prova

posPilotoEquipeChassiMotorTemponº da volta
163George Russell  Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M1155.40480
277Valtteri Bottas  Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M1156.56360
311Sergio Perez  BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes56.78969
499Antonio Giovinazzi Alfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 06556.88756
55Sebastian Vettel  Scuderia FerrariSF1000Ferrari 06556.90556
63Daniel Ricciardo  Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 2056.97957
726Daniil Kvyat  Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H57.00180
823Alexander Albon  Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H57.05652
955Carlos Sainz  McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 2057.16580
1010Pierre Gasly  Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H57.22053
114Lando Norris  McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 2057.27085
1231Esteban Ocon  Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 2057.35075
137Kimi Räikkönen Alfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 06557.37556
1418Lance Stroll  BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes57.38885
1589Jack Aitken  Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M1157.39256
1620Kevin Magnussen  Haas F1 TeamVF-20Ferrari 06557.51657
1751Pietro Fittipaldi  Haas F1 TeamVF-20Ferrari 06557.74256
186Nicholas Latifi  Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M1158.20629

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Mclaren/Renault/Alpha Tauri/Racing Point/Alfa Romeo/Haas/Williams

Deixe uma resposta