Apelação da Renault dá resultado e Racing Point é punida em 15 pontos, por copiar dutos de freios traseiros da Mercedes 2019

Depois de tanto apelarem para a FIA (desde do GP da Estíria, 2ªetapa do campeonato) sobre o carro da Racing Point, finalmente os franceses da equipe Renault conseguiram fazer com que os comissários punissem a equipe de Lawrence Stroll. Pelo fato do sistema de freios da equipe foram considerado uma copia do carro da Mercedes de 2019. Portando os protestos seguidos da Renault acabaram sendo aceitos. A FIA acabou decidindo por punir a Racing Point com a perda de 15 pontos no GP da Estíria e uma multa de 400 mil euros (7,5 Pontos e 200 mil euros por carro). Também levaram uma reprimenda pela utilização desse componente nos GP da Hungria e da Inglaterra (Na semana passada).

A Racing Point não esconde de ninguém que fizeram uma copia do carro vencedor da Mercedes de 2019, usando motor, câmbio, suspensão. O que se chamou a atenção foram os dutos traseiros de freios, que ajudam na aerodinâmica do carro e na refrigeração da temperatura dos freios. A equipe adquiriu esses dutos no ano passado, quando ainda era permitido comprar equipamentos de outra equipe. Mas esse procedimento foi proibido nessa temporada e a equipe deixou essa brecha para as outras equipes protestarem.

Apesar do atual projeto do duto dianteiro seja aceitável por ser evolução do projeto do ano passado, os dutos de freio traseiros foram considerados como se fossem feitos pela Mercedes, no que se configura como uma copia, como um componente proibido.

Porém, a Racing Point vai puder usar os Dutos traseiros até o final da temporada, porque não existe tempo hábil para uma reconstrução desses componentes.

Minha opinião: Eu achei que não iria dar em nada essa reclamação da Renault sobre a Racing Point, mas a Renault tinha razão em sua reivindicação. Não era simplesmente uma reclamação de uma equipe que não estava conseguindo realizar um bom trabalho, mas sim de uma equipe que estudou o regulamento para poder incriminar a Racing Point com embasamento e foi isso que aconteceu.

Isso pode prejudicar a Racing Point? Se tivesse que mudar a peça, fatalmente poderia mudar o desempenho desse carro, mas como não vai mudar nada, então, acredito que não vai ter grandes mudanças na ordem das forças dessa temporada. A Racing Point vai continuar sendo fortíssima na disputa pelo 3ºlugar no Mundial de Construtores. Porém, os 15 pontos perdidos podem fazer falta no final do ano. Podem definir a classificação do Mundial de Construtores, é uma pena que se trata de uma equipe que começou muito bem o ano e que pode evoluir muito no ano que vem e para a mudança de regulamento.

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Force India

Deixe uma resposta