GP da França – Mundial de Motovelocidade 2021 – Corrida da Moto 2

Raúl Fernández conseguiu sua segunda vitória na categoria, o piloto da KTM mesmo perdendo a ponta no começo acabou mantendo a calma e recuperando a liderança, a partir dai, o espanhol levou com primazia sua moto até a bandeirada. Foi uma corrida cheia de quedas, Sam Lowes foi um dos pilotos que foram ao chão e ficou mais distante da briga pelo título. Remy Gardner e Marco Bezzecchi completaram o pódio.

Na largada, Bezzecchi foi melhor que Fernández e tomou a frente. Joe Roberts manteve a 3ªposição, Canet que vinha em 4º acabou caindo na curva 9, deixando uma corrida que poderia ter muito boa para ele. Bezzecchi e Fernández abrem vantagem dos demais pilotos. Na segunda volta, Augusto Fernandez que superou Roberts e vinha em uma ótima terceira posição acabou indo ao chão na curva 11, Joe Roberts retornou a essa posição, com Garzó, Bendsneyder, Baldassarri, Vierge, Lowes e Gardner.

Em uma tentativa de ultrapassagem imprudente, Sam Lowes acabou derrubando Xavi Vierge e atrapalhando Lorenzo Baldassarri (que volta nas últimas posições) tanto o piloto da Marc VDS como o piloto da Petronas abandona na 4ªvolta. Na volta seguinte, Joe Roberts foi para o chão na curva 9.

Diante dessas quedas, Raúl Fernández superou Marco Bezzecchi e voltou para a ponta. Bo Bendsneyder vinha em uma ótima terceira posição, Remy Gardner e Tony Arbolino vinham logo atrás do piloto holandês da SAG.  Hector Garzó vinha na 6ªposição e estava na frente de Fabio di Giannantonio, mas na 7ªvolta, di Giannantonio provoca a queda de Garzó que abandona a prova.

Esse acidente leva Fabio di Giannantonio a levar a punição da volta longa, essa punição levaria o piloto da Gresini na 11ªposição, mas di Giannantonio cometeu um erro ao cumprir a punição. Resultado é que ele teve de fazer novamente a volta longa. Depois de tudo isso, o piloto da Gresini caiu para a 14ªposição atrás de Thomas Luthi.

Lá na frente, Fernández começava a abrir vantagem sobre Bezzecchi que liderava a disputa da 2ª a 5ªposição, Bendsneyder segurava o quanto podia a 3ªposição dos ataques de Gardner e Arbolino (Piloto que largou da 19ªposição e que estava já colocado em 5ºlugar). Em sexto vinha Cameron Beaubier, mas já vinha a mais de 10 segundos atrás e com Ogura, Schrotter, Dalla Porta e Chantra atrás dele completando os 10 primeiros colocados.

No final da 16ªVolta, Gardner passou Bendsneyder e sobe para 3ªposição. Curvas depois foi a vez de Arbolino superar o piloto da SAG e ganhar a 4ªposição.

Raúl Fernández vinha com a corrida sob controle lá na frente, com 1.3 segundos a frente de Bezzecchi que tinha Gardner na sua cola, o australiano queria a segunda posição. Diante da pressão, o piloto da VR46 não resistiu, acabou errando a curva 8 e perdendo a posição para o líder do campeonato.

Nas ultimas voltas, Beaubier acabou caindo e perdendo a chance de conquistar seu melhor resultado na Moto 2. Nas voltas finais, muita disputa pela 6ªposição para trás. A se destacar a ótima recuperação de Fabio di Giannatonio e de Simone Corsi que ganharam posições.

Raúl Fernández abriu mais de 2 segundos de frente para Remy Gardner. Com tranquilidade, o piloto espanhol acabou conquistando a 2ªvitória na temporada e na Moto 2 e ficando a 1 ponto da liderança do campeonato. Liderança essa continua nas mãos de Gardner que ficou na segunda posição, dobradinha da Red Bull Ajo em Le Mans. Marco Bezzecchi completou o pódio, levando a VR46 em mais uma boa corrida.

Tony Arbolino fez uma grande corrida de recuperação, ganhando 15 posições para chegar a uma ótima 4ªposição, seu melhor resultado na sua curta trajetória na Moto 2 e um dos melhores resultados da Dynavolt nos últimos anos. Bo Bendsneyder se segurou na frente, apesar de não conseguir o pódio acabou levando a moto da SAG para a uma ótima 5ªposição. o melhor resultado do piloto Holandês na Moto 2.

Bem longe, O Alemão Marcel Schrotter da Dynavolt foi o melhor do resto da turma, chegando na 6ªposição, na frente de Ai Ogura que ficou até o finalzinho na 6ªposição, o japonês acaba colocado na 7ªposição.

Fabio di Giannantonio e Simone Corsi se recuperaram na reta final, chegando na 8ª e 9ªposições respectivamente. O piloto da Gresini tomou praticamente 2 punições de volta longa, já o outro leva a MV Agusta ao melhor resultado da temporada. O Espanhol Jorge Navarro completa os 10 primeiros colocados.

Lorenzo Dalla Porta da Italtrans, Somkiat Chantra da Honda Asia Team, Nicolò Bulega da Gresini, Marcos Ramirez da American Racing e Albert Arenas da Aspar Martinez chegou a zona de pontuação.

Resultado final do GP da França
Mundial de Motovelocidade – Moto 2 – 25 Voltas

pospilotoequipemototempo
125Raúl FernándezRed Bull KTM AjoKalex40’46.101
287Remy GardnerRed Bull KTM AjoKalexa 1.490
372Marco BezzecchiSKY Racing Team VR46Kalexa 4.599
414Tony ArbolinoLiqui Moly Intact GPKalexa 7.503
564Bo BendsneyderPertamina Mandalika SAG TeamKalexa 11.887
623Marcel SchrotterLiqui Moly Intact GPKalexa 27.829
779Ai OguraIDEMITSU Honda Team AsiaKalexa 27.975
821Fabio Di GiannantonioFederal Oil Gresini Moto2Kalexa 28.112
924Simone CorsiMV Agusta Forward RacingMV Agustaa 28.204
109Jorge NavarroMB Conveyors Speed UpBoscoscuroa 28.432
1119Lorenzo Dalla PortaItaltrans Racing TeamKalexa 28.989
1235Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalexa 28.749
1311Nicolo BulegaFederal Oil Gresini Moto2Kalexa 29.316
1442Marcos RamirezAmerican RacingKalexa 31.605
1575Albert ArenasInde Aspar TeamBoscoscuroa 32.080
1655Hafizh SyahrinNTS RW Racing GPNTSa 32.571
1770Barry BaltusNTS RW Racing GPNTSa 33.309
187Lorenzo BaldassarriMV Agusta Forward RacingMV Agustaa 39.036
1996Jake DixonPetronas Sprinta RacingKalexa 41.069
2013Celestino Vietti RamusSKY Racing Team VR46Kalexa 45.599
2110Tommaso MarconMV Agusta Forward RacingMV Agustaa 1’19.160
6Cameron BeaubierAmerican RacingKalexa 5 voltas
12Thomas LuthiPertamina Mandalika SAG TeamKalexa 11 voltas
40Hector GarzoFlexbox HP40Kalexa 19 voltas
16Joe RobertsItaltrans Racing TeamKalexa 21 voltas
97Xavi ViergePetronas Sprinta RacingKalexa 22 voltas
22Sam LowesElf Marc VDS Racing TeamKalexa 22 voltas
62Stefano ManziFlexbox HP40Kalexa 23 voltas
2Alonso LópezMB Conveyors Speed UpBoscoscuroa 23 voltas
37Augusto FernandezElf Marc VDS Racing TeamKalexa 24 voltas
44Arón CanetInde Aspar TeamBoscoscuroa 25 voltas

Fotos:

image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Moto 2 em Aragón – Sam Lowes vence novamente e campeonato fica totalmente aberto a 4 provas do final

Classificação no sábado começa no Q1. A fase da repescagem onde praticamente todos os pilotos saíram cara para a pista. Liderados por Marcel Schrotter, o primeiro piloto a sair a marcar volta, mas essa volta não chegou nem perto da pela volta de 1:52.630 de Jorge Martin, o primeiro colocado aos 11 minutos do final da sessão. Baldassarri, Vierge e Syarhin completavam os 4 primeiros colocados.

Na segunda volta, Martin não foi alcançado por ninguém, O japonês Tetsuta Nagashima subiu para 2º, Simone Corsi subiu para 3º e Syarhin conseguiu melhorar seu tempo e permanecer em 4ºlugar. Os dois pilotos da Red Bull Ajo estavam a 94 milésimos de segundo, enquanto isso, Luthi e Nagashima foram para os boxes a 7 minutos do final.

Outros pilotos continuaram na pista, como o italiano Stefano Manzi que vinha em uma boa volta, mas acabou perdendo tempo no final e acabou ficando na 9ªposição. outro que tentou melhorar e acabou fracassando foi Xavi Vierge. Com as posições bem definidas, Jorge Martin foi para os boxes, seu tempo era praticamente inalcançável.

Até que a 2 minutos e 10 segundos do final da sessão, Thomas Luthi consegue uma bela volta e subiu da 6ª para a 4ªposição. Foi a última coisa que aconteceu na classificação, tirando a queda do Indonésio Andi Farid Izdihar.

Termina o Q1 com Martin e Nagashima levando a equipe Ajo ao Q2, Simone Corsi da MV Agusta e Thomas Luthi da Intact GP completam a lista dos classificados. Syarhin ficou com o 5ºtempo, seguidos de Xavi Vierge, Lorenzo Baldassarri (Mais um dia lamentável para o piloto Italiano) e de Marcel Schrotter.

Resultado do Q1:

posPilotoEquipeMotoTempo
188Jorge MartínRed Bull KTM AjoKalex1’52.630
245Tetsuta NagashimaRed Bull KTM AjoKalex1’52.724
324Simone CorsiMV Agusta Forward RacingMV Agusta1’52.736
412Thomas LuthiLiqui Moly Intact GPKalex1’52.774
555Hafizh SyahrinKipin Energy Aspar Team Moto2Speed Up1’52.849
697Xavi ViergePetronas Sprinta RacingKalex1’52.989
77Lorenzo BaldassarriFlexbox HP 40Kalex1’53.083
823Marcel SchrötterLiqui Moly Intact GPKalex1’53.118
962Stefano ManziMV Agusta Forward RacingMV Agusta1’53.125
1019Lorenzo Dalla PortaItaltrans Racing TeamKalex1’53.281
1135Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalex1’53.370
1211Nicolò BulegaFederal Oil Gresini Moto2Kalex1’53.541
1327 Andi Farid IzdiharIDEMITSU Honda Team AsiaKalex1’54.090
1418Xavier CardelúsKipin Energy Aspar Team Moto2Speed Up1’54.542
1574Piotr BiesiekirskiNTS RW Racing GPNTS1’55.293
1699Kasma KasmayudinOnexox TKKR SAG TeamKalex1’55.388

Líder do campeonato, Luca Marini foi o primeiro a partir para a pista a parte final da sessão. Junto dele, Marcos Ramirez e Bo Bendsneyder (Surpresa conseguir entrar no Q2 direto com a NTS) vinham logo atrás dele. Marini fez uma boa volta, mas logo foi superado por Marcos Ramirez da American Racing. Remy Gardner da SAG marcou o 3ºtempo com 4 minutos de treinamento.

A 10:40 do final, Fabio di Giannantonio passou para a ponta, seguidos de Jorge Martin, Sam Lowes e Marco Bezzecchi. A 9 minutos e 20 do final, Ramirez supera Marini e passa para a ponta, uma liderança provisória já que Jake Dixon passou para a ponta, com 1:51.999 sendo o primeiro a baixar de 1 minuto e 52 segundos. A menos de 9 minutos do final, di Giannantonio voltou a liderança, com 1:52.870. Naquele momento o piloto da Speed UP junto de Dixon da Petronas e Bezzecchi da VR46 iriam dividir a primeira fila. Em 4º, Marcos Ramirez vinha para o seu melhor grid da temporada. Martin, Marini, Fernandez, Navarro, Lowes e Gardner completavam os Top 10.

a 7:30, exatamente na metade do tempo de classificação, Luca Marini chega a conquistar a 5ªposição, mas segundos depois é superado por Jorge Navarro. 30 segundos depois, Marco Bezzecchi supera Di Giannantonio e assume a ponta. Gardner e Luthi melhoram suas marcas, mas não passam da 9ª e 13ª posições respectivamente.

Bezzecchi vinha com a pole até que Sam Lowes marca uma brilhante volta de 1:51.651 e toma a pole do piloto da VR46, Algo que Fabio di Giannantonio tentou, mas sem sucesso. O Britânico conquistou a pole position, embalado com a vitória em Le Mans, na semana anterior. Na primeira fila será completada pelos italianos Marco Bezzecchi da VR46 e Fabio di Giannantonio da Speed UP.

Jake Dixon e Marcos Ramirez obtiveram os melhores grid da sua carreira, largando em 4º e 5ºlugares. Jorge Navarro da Speed UP Completa a 2ªfila. Na terceira fila, largam Luca Marini da VR46, Jorge Martin da Red Bull Ajo e Augusto Fernandez da Marc VDS. Na Quarta fila, largam Remy Gardner da SAG, Joe Roberts da American Racing e Enea Bastianini da Italtrans.

Grid de Largada:

posPilotoEquipeMotoTempo
122Sam LowesEG 0,0 Marc VDSKalex1’51.651
272Marco BezzecchiSKY Racing Team VR46Kalex1’51.799
321Fabio Di GiannantonioMB Conveyors Speed UpSpeed Up1’51.870
496Jake DixonPetronas Sprinta RacingKalex1’51.999
542Marcos RamírezTennor American RacingKalex1’52.166
69Jorge NavarroMB Conveyors Speed UpSpeed Up1’52.167
710Luca MariniSKY Racing Team VR46Kalex1’52.188
888Jorge MartínRed Bull KTM AjoKalex1’52.235
937Augusto FernándezEG 0,0 Marc VDSKalex1’52.348
1087Remy GardnerOnexox TKKR SAG TeamKalex1’52.401
1116Joe RobertsTennor American RacingKalex1’52.554
1233Enea BastianiniItaltrans Racing TeamKalex1’52.596
1312Thomas LuthiLiqui Moly Intact GPKalex1’52.702
1445Tetsuta NagashimaRed Bull KTM AjoKalex1’52.729
1540Héctor GarzóFlexbox HP 40Kalex1’52.751
1657Edgar PonsFederal Oil Gresini Moto2Kalex1’52.751
1764Bo BendsneyderNTS RW Racing GPNTS1’53.097
1824Simone CorsiMV Agusta Forward RacingMV Agusta1’53.221
1955Hafizh SyahrinKipin Energy Aspar Team Moto2Speed Up1’52.849
2097Xavi ViergePetronas Sprinta RacingKalex1’52.989
217Lorenzo BaldassarriFlexbox HP 40Kalex1’53.083
2223Marcel SchrötterLiqui Moly Intact GPKalex1’53.118
2362Stefano ManziMV Agusta Forward RacingMV Agusta1’53.125
2419Lorenzo Dalla PortaItaltrans Racing TeamKalex1’53.281
2535Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalex1’53.370
2611Nicolò BulegaFederal Oil Gresini Moto2Kalex1’53.541
2727 Andi Farid IzdiharIDEMITSU Honda Team AsiaKalex1’54.090
2818Xavier CardelúsKipin Energy Aspar Team Moto2Speed Up1’54.542
2974Piotr BiesiekirskiNTS RW Racing GPNTS1’55.293
3099Kasma KasmayudinOnexox TKKR SAG TeamKalex1’55.388

No domingo, tivemos uma grande corrida, com o líder do campeonato caindo no começo e dois pilotos candidatos à vitória também indo para o chão. Ao final, Sam Lowes vence pela segunda vez seguida, em seu melhor momento no ano. Enea Bastianini completou a prova no pódio e na liderança do mundial.

Sam Lowes perdeu a liderança na largada para Marco Bezzecchi, que largou melhor que o piloto da Marc VDS. Nos primeiros momentos da prova, Jorge Navarro toca em Marcos Ramirez e acaba indo para o chão. Um acidente perigoso que não acabou em nada para o piloto da Speed UP, que 3 voltas acabou voltando a corrida.

Enquanto isso, o outro piloto da Speed UP, Fabio di Giannantonio chegou a superar Lowes, mas o britânico voltou a ficar na frente do piloto Italiano. Jorge Martin e Jake Dixon completavam os 5 primeiros. Marini vinha em 6º seguido de Bastianini, líder e vice-líder estavam bem próximos.

No final da 3ªVolta, Marini caiu e abandonou a prova. Essa queda tornaria o campeonato bem mais embolado. Bastianini em 6º agora teria que avançar na classificação e ficar lá na frente, como estavam Bezzecchi e Lowes.

Sam Lowes queria a vitória e partiu para cima de Bezzecchi, mas foi di Giannantonio que acabou indo pra cima de Fato. Primeiro, passou o britânico da Marc VDSna 8ªVolta e passou para 2ªposição. Na 10ªvolta, Fabio di Giannantonio supera Bezzecchi, assumindo a liderança, tudo indicava que a Speed UP poderia ter a primeira vitória da temporada, mas no começo da volta seguinte, di Giannantonio cai na curva 2 e joga fora uma grande chance de vencer pela 1ªvez na categoria intermediária.

Bezzecchi voltou para a ponta, com Lowes em 2º, Martin em 3º e Bastianini em 4º, já tendo superado Jake Dixon, na 5ªposição de forma bastante tranquila. Lá atrás, Marcos Ramirez, Remy Gardner disputavam a 6ªposição. Depois vinha Hector Garzó, Joe Roberts e Augusto Fernandez, que superou Thomas Luthi para ganhar a 10ªposição. A se destacar a boa corrida de Simone Corsi, na 12ªposição com a moto da MV Agusta.

No terço final de corrida, Bastianini chega em cima de Jorge Martin disputando um lugar no pódio. Mais atrás, Gardner passa a ser pressionado por Hector Garzó para duelarem pela 6ªposição.

Quando Bastianini chegou no Martin, o piloto da Italtrans sem cerimonias superou o piloto da KTM, nesse momento Enea estava no pódio, mas Martin não desistiu e recuperou a posição no pódio a menos de 6 voltas do final, Na curva 9, Bastianini voltou a ficar a frente de Martin. Porém, com essa briga, Bezzecchi e Lowes fugiram na frente, deixando Bastianini e Martin bem para trás.

Bezzecchi começou a abrir diferença para Lowes, a corrida estava nas mãos dele, com 1.4 segundos sobre Lowes. Só que ao começar a penúltima volta, Bezzecchi cai na curva 2, jogando a vitória no lixo e dando de bandeja a vitória nas mãos de Sam Lowes, que só administrou sua grande vantagem para vencer a segunda corrida seguida no campeonato.

O Britânico da Marc VDS só não é o líder do campeonato porque Enea Bastianini fez uma bela corrida, chegando a segunda posição, fazendo com que ele terminasse o dia com a liderança do campeonato com 155 pontos contra os 153 pontos de Lowes e os 150 pontos de Marini.

Após enfrentar a COVID-19, Jorge Martin mostrou uma incrível recuperação e conquistou a 3ªposição. Não é só importante para ele, mas para mostrar que voltou competitivo após ter sido contaminado pelo Coronavirus. Uma vitória para o piloto da KTM.

Jake Dixon conseguiu o melhor resultado da sua carreira, com o 4ºlugar na prova de domingo. O piloto da Petronas mostra finalmente se torna um piloto bastante competitivo, algo que Xavi Vierge, primeiro piloto da equipe não conseguiu nessa corrida, ficando em uma apática 16ªposição.

Remy Gardner venceu a batalha contra Hector Garzó e ficou na 5ªposição, Já o piloto da Pons ainda perdeu a 6ªposição para o Espanhol Marcos Ramírez, melhor resultado no seu ano de estreia na Moto 2, com uma classificação e uma corrida muito competente. Garzó ficou ainda com uma boa 7ªposição.

Joe Roberts acabou ficando ofuscado pelo belo final de semana de Ramírez nesse final de semana, ficando com a 8ªposição. Completando os 10 primeiros colocados ficaram Tetsuta Nakashima da Red Bull KTM, muito longe do desempenho de Martin e ficando em 10ºlugar, o italiano Simone Corsi da MV Agusta, em um final de semana muito bom desse experiente piloto.

Augusto Fernandez chegou a frente de Thomas Luthi, ficando com a 11ªposição, enquanto que o suíço acabou ficando com a 12ªposição, com a moto Kalex da Intact GP que realmente não tem um grande desempenho nessa temporada. Edgar Pons, Stefano Manzi e Marcel Schrotter completaram a zona de pontuação.

Resultado da 11ªetapa do Mundial de Motovelocidade
Moto 2 – GP de Aragón – 21 voltas

posPilotoEquipeMotoTempo
122Sam LowesEG 0,0 Marc VDSKalex39’33.202
233Enea BastianiniItaltrans Racing TeamKalexa 4.195
388Jorge MartínRed Bull KTM AjoKalexa 4.340
496Jake DixonPetronas Sprinta RacingKalexa 9.298
587Remy GardnerOnexox TKKR SAG TeamKalexa 14.765
642Marcos RamírezTennor American RacingKalexa 15.130
740Héctor GarzóFlexbox HP 40Kalexa 15.192
816Joe RobertsTennor American RacingKalexa 17.024
945Tetsuta NagashimaRed Bull KTM AjoKalexa 19.000
1024Simone CorsiMV Agusta Forward RacingMV Agustaa 20.206
1137Augusto FernándezEG 0,0 Marc VDSKalexa 22.661
1212Thomas LuthiLiqui Moly Intact GPKalexa 22.692
1357Edgar PonsFederal Oil Gresini Moto2Kalexa 22.995
1462Stefano ManziMV Agusta Forward RacingMV Agustaa 23.301
1523Marcel SchrötterLiqui Moly Intact GPKalexa 23.989
1697Xavi ViergePetronas Sprinta RacingKalexa 26.747
1719Lorenzo Dalla PortaItaltrans Racing TeamKalexa 26.862
1811Nicolò BulegaFederal Oil Gresini Moto2Kalexa 27.686
1955Hafizh SyahrinKipin Energy Aspar Team Moto2Speed Upa 27.761
207Lorenzo BaldassarriFlexbox HP 40Kalexa 27.892
2164Bo BendsneyderNTS RW Racing GPNTSa 36.250
2227 Andi Farid IzdiharIDEMITSU Honda Team AsiaKalexa 44.779
2335Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalexa 45.687
2418Xavier CardelúsKipin Energy Aspar Team Moto2Speed Upa 47.231
2599Kasma KasmayudinOnexox TKKR SAG TeamKalexa 58.178
2674Piotr BiesiekirskiNTS RW Racing GPNTSa 1’05.154
279Jorge NavarroMB Conveyors Speed UpSpeed Upa 3 voltas
72Marco BezzecchiSKY Racing Team VR46Kalexa 2 voltas
21Fabio Di GiannantonioMB Conveyors Speed UpSpeed Upa 11 voltas
10Luca MariniSKY Racing Team VR46Kalexa 19 voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Moto 2: Dynavolt domina etapa no Texas, Schrotter fez a pole, Luthi venceu e equipe faz dobradinha

Dynavolt deu uma aula em Austin, Seus dois pilotos fizeram um excelente trabalho nos Estados Unidos. No sábado, uma pole de Marcel Schrotter e no Domingo uma vitória incontestável de Thomas Luthi.

O piloto Alemão Marcel Schrotter aproveitou o melhor equipamento e levou a pole position, Em um treino aonde a equipe Dynavolt parece ter uma moto um pouco na frente das outras equipes.

Na Repescagem, Já começou com duas baixas, O Indonésio Dimas Ekky Pratama e o Inglês Jake Dixon acabaram caindo e não voltando mais para a pista. Pole position da etapa passada, O azarado Xavi Vierge de cara marcou o melhor tempo no começo, Se colocando como um dos favoritos a uma das 4 vagas para a fase final da Classificação.

Mas Vierge não estava sozinho nesse favoritismo, O Holandês Bo Bendsneyder na sua segunda volta marcou o 2ºtempo e na 3ªVolta o Holandês da NTS leva a moto para a liderança, mas que durou pouco segundos, Já que Brad Binder passou a liderança, ao superar em 114 milésimos o tempo do piloto Holandês. A se destacar o belo desempenho do Estreante Marco Bezzecchi, Que já começava a estar competitivo com sua Tech 3, Enquanto que Phillip Oettl ainda não conseguiu essa competitividade.

Jorge Martin aproveitou o vácuo de Brad Binder, Em um jogo de equipe da KTM muito bem feito, O Espanhol subiu para o 3ºlugar a mais ou menos 4 minutos do final. Xavi Vierge vendo que poderia ser gongado ainda no Q1, melhorou sua marca e subiu para o 3ºlugar, Mas na volta seguinte não conseguiu melhorar seu tempo, Isso acabou sendo fatal para a sua classificação. Vierge fez uma última tentativa que não deu certo.

Na parte final, Jorge Martin levou a primeira vaga para o Q2, O tempo de 2:11.712 foi o melhor da repescagem. O Q1 foi muito bom para a KTM. das 4 vagas para o Q2, 3 foram conquistadas por pilotos da KTM: Brad Binder ficou em 3º e Marco Bezzecchi da Tech 3 ficou em 4ºlugar. No meio deles, ficou o piloto da NTS Bo Bendsneyder em 2ºlugar.

Xavi Vierge acabou ficando de fora do Q2, Uma decepção para um piloto da Estrella Galícia, que vai ter de largar em 20ºlugar atrás de Iker Lecuona que ficou em 5ºlugar no Q1. O Único representante da Estados Unidos no Mundial Joe Roberts acabou ficando em 8ºlugar.

Resultado do Q1:

posPilotoEquipeMotoTempo
188Jorge MartinRed Bull KTM AjoKTM2’11.712
264Bo BendsneyderNTS RW Racing GPNTS2’12.043
341Brad BinderRed Bull KTM AjoKTM2’12.111
472Marco BezzecchiRed Bull KTM Tech 3KTM2’12.229
527Iker LecuonaAmerican Racing KTMKTM2’12.445
697Xavi ViergeEG 0,0 Marc VDSKalex2’12.516
72Jesko RaffinNTS RW Racing GPNTS2’13.033
816Joe RobertsAmerican Racing KTMKTM2’13.476
989Khairul Idham PawiPetronas Sprinta RacingKalex2’13.645
1035Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalex2’14.240
1165Philipp OettlRed Bull KTM Tech 3KTM2’14.344
123Lukas TulovicKiefer RacingKTM2’14.702
136Gabriele RuiuMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta2’14.792
1418Xavi CardelusSama Qatar Angel Nieto TeamKTM2’18.341
1577Dominique AegerterMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta2’18.687
NC20Dimas Ekky PratamaIDEMITSU Honda Team AsiaKalexSem Tempo

No Q2, Destacar a presença de Mattia Pasini que substitui o Espanhol Augusto Fernandez, em decorrência do acidente do piloto titular da Pons. O Veterano de 33 anos, chegou a fazer o segundo tempo.

A Fase Final da Classificação começou com Binder liderando com Jorge Martin e Alex Marquez nas três primeiras posições. Na metade da classificação, a Dynavolt mostrou suas cartas. Marcel Schrotter e Thomas Luthi marcaram os 2º e 3ºtempos respectivamente. (Separados por Apenas 8 milésimos)

Binder continuava intocável em primeiro lugar. Até que na parte final, Marcel Schrotter mostrou que não estava para brincadeira, Tomou a liderança de Binder a 4 minutos do final com 2:11.243. O sul-Africano não conseguiu recuperar posição.

E o golpe final foi nas duas voltas finais. Na última o piloto da Dynavolt arrasou, marcando o tempo de 2:10.875 e levou a pole position. O Alemão em busca de sua primeira vitória na Moto 2. Alex Marquez com sua Marc VDS salvou o dia da equipe e foi o que mais se aproximou de Schrotter largando em 2º.

Completando a primeira fila larga o Britânico Sam Lowes da Gresini, Tomando a posição de Thomas Luthi. O suíço vai abrir a segunda fila. Brad Binder que vinha a pole position até a parte final acabou rebaixado para o 5ºlugar com sua KTM, A fila será completada pelo Espanhol Jorge Navarro da Speed UP.

Belo treino de Mattia Pasini, que vai largar em 7ºlugar. Completando os 10 primeiros colocados: Jorge Martin da KTM, Simone Corsi da Tasca Racing e Luca Marini da VR46. (Único representante da equipe de Valentino Rossi nesse final de semana) Decepções do dia foram Lorenzo Baldassarri e Remy Gardner. O líder do campeonato larga em 15ºlugar, Já piloto Australiano da SAG acabou caindo e prejudicando seu treino, Ficou com o último lugar dos pilotos do Q2, Largando em 18ºlugar.

Grid de Largada:

posPilotoEquipeMotoTempo
123Marcel SchrotterDynavolt Intact GPKalex2’10.875
273Alex MarquezEG 0,0 Marc VDSKalex2’10.933
322Sam LowesFederal Oil Gresini Moto2Kalex2’11.123
412Thomas LuthiDynavolt Intact GPKalex2’11.243
541Brad BinderRed Bull KTM AjoKTM2’11.276
69Jorge NavarroBeta Tools Speed UpSpeed Up2’11.333
754Mattia PasiniFlexbox HP 40Kalex2’11.528
888Jorge MartinRed Bull KTM AjoKTM2’12.006
924Simone CorsiTasca Racing Scuderia Moto2Kalex2’12.039
1010Luca MariniSKY Racing Team VR46Kalex2’12.083
115Andrea LocatelliItaltrans Racing TeamKalex2’12.230
1272Marco BezzecchiRed Bull KTM Tech 3KTM2’12.313
1321Fabio di GiannantonioBeta Tools Speed UpSpeed Up2’12.494
1445Tetsuta NagashimaONEXOX TKKR SAG TeamKalex2’12.529
157Lorenzo BaldassarriFlexbox HP 40Kalex2’12.664
1664Bo BendsneyderNTS RW Racing GPNTS2’12.669
1733Enea BastianiniItaltrans Racing TeamKalex2’12.903
1887Remy GardnerONEXOX TKKR SAG TeamKalex2’13.629
1927Iker LecuonaAmerican Racing KTMKTM2’12.445
2097Xavi ViergeEG 0,0 Marc VDSKalex2’12.516
212Jesko RaffinNTS RW Racing GPNTS2’13.033
2216Joe RobertsAmerican Racing KTMKTM2’13.476
2389Khairul Idham PawiPetronas Sprinta RacingKalex2’13.645
2435Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalex2’14.240
2565Philipp OettlRed Bull KTM Tech 3KTM2’14.344
263Lukas TulovicKiefer RacingKTM2’14.702
276Gabriele RuiuMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta2’14.792
2818Xavi CardelusSama Qatar Angel Nieto TeamKTM2’18.341
2977Dominique AegerterMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta2’18.687
3020Dimas Ekky PratamaIDEMITSU Honda Team AsiaKalexSem Tempo

Domingo de muito sol para a etapa norte-americana da Moto 2 e comprovou o domínio da Dynavolt nesse final de semana em Austin.

Na largada. Schrotter manteve a liderança, Que logo foi pega para as mãos de Alex Marquez. No meio dessa disputa tivemos um acidente onde Fabio di Giannantonio acabou indo pra cima de Joe Roberts e de Xavi Vierge, Os três acabaram caindo e deixando a corrida. Na entrada da curva 10, O líder do campeonato, Lorenzo Baldassarri acabou chocando sua roda dianteira com a Roda traseira de Jorge Martin, Resultado é que o piloto da Pons caiu no chão e viu sua corrida acabar logo no começo.

Marquez vinha na frente, Mas logo com a pressão de Thomas Luthi já dava para ver que o rendimento da Dynavolt estava superior ao Desempenho das motos da Marc VDS. No começo da 3ªVolta, Luthi conseguiu passar por 2 vezes a liderança, Mas acabou perdendo o ponto da freada e Marquez conseguiu voltar em ambas as oportunidades a liderança. Porém, era questão de tempo a ultrapassagem definitiva. Schrotter vinha em 3º com Lowes e Marini disputando o 4ºlugar.

Luthi não resolvia a vida em cima de Marquez, Com isso o Alemão Schrotter, companheiro de equipe se aproximou dos dois pilotos. O Suíço então parou de brincar. Na 6ªVolta Luthi passou Marquez e assumiu a liderança. A Partir dai ele começou a abrir vantagem, enquanto que Schrotter começava a se aproximar de Marquez em 3º. Um pouco mais atrás, O Espanhol Jorge Navarro em um final de semana muito bom ultrapassa Sam Lowes e subiu para o 4ºlugar.

Schrotter foi para cima de Marquez, O Espanhol não iria entregar o segundo lugar sem se entregar. Na curva 12 da volta 12 o Alemão passou Alex, que conseguiu recuperar a posição, mas isso não durou muito. Schrotter na curva 21 passou o piloto da Marc VDS e assumiu de forma definitiva o 2ºlugar.

Um pouco mais atrás, Navarro, Marini e Lowes disputaram na reta oposta, Uma briga sensacional pelo 4ºlugar. Quem levou a melhor foi o piloto da Speed UP que estava com um belo desempenho. Lá na frente, Luthi já abriu quase 3 segundos. Se nada acontecer de errado a vitória é dele.

Uma pena Marco Bezzecchi ter caído, Ele vinha em 11ºlugar e estava marcando pontos pela primeira vez pela Tech 3. A 6 voltas do final, Navarro chegou em Marquez para lutar pelo pódio, trazendo com ele o Italiano Luca Marini. Quem também vinha evoluindo no final da prova é Mattia Pasini, levando a moto 54 para o 6ºlugar após ultrapassar Sam Lowes que perdia rendimento.

Na 16ªVolta, Navarro conseguiu a ultrapassagem sobre Marquez, tudo estaria resolvido se ele não fosse para a parte de fora da pista, Dai Marquez e Marini superaram o Espanhol jogando para o 5ºlugar. No final da Volta, Marini erra e Navarro recupera o 4ºlugar. A disputa ainda não tinha acabado. Na penúltima volta, Marquez da uma errada e na reta oposta, O piloto da Marc VDS, Navarro com sua Speed UP e Marini da VR46 disputaram o 3ºlugar. Quem levou a melhor foi Navarro, Ele superou os seus dois adversários e ganhou o lugar no pódio. Nessa confusão, quem se aproveitou foi Mattia Pasini. Ele passou Marini e Marquez ganhando o 4ºlugar.

Luthi levou sua Kalex para a vitória, Após um vexatório ano de 2018 na MotoGP. Nesse ano o suíço parece renascido com a moto da Dynavolt, Uma brilhante vitória e um brilhante trabalho do piloto Suíço. A Dobradinha foi completada pelo pole position Marcel Schrotter. A primeira vitória do piloto Alemão está a caminho e deve vim em breve.

O pódio foi completado pela Speed UP de Jorge Navarro, que após duas temporadas medianas agora parece ter um equipamento em melhores condições que ele teve em 2017 e 2018. Grande corrida do Espanhol. Assim como foi uma grande participação de Mattia Pasini, O Italiano de 34 anos chegou ao final na 4ªposição, seguido de Alex Marquez que acabou não tendo um rendimento suficiente para levar a Única Marc VDS que chegou ao final da prova. Luca Marini segurou o 6ºlugar dos ataques do Inglês Sam Lowes da Gresini, que chegou logo atrás.

Completaram os 10 primeiros colocados: Simone Corsi, numa boa apresentação com a moto da Tasca Racing o final de semana inteiro, Enea Bastianini e Andrea Locatelli. Os dois pilotos da Italtrans fazem um bom inicio de Campeonato.

Mais atrás se destacar o bom resultado do Dominique Aegerter. O 14ºlugar leva a MV Agusta aos 2 primeiros pontos, Em sua 3ªcorrida da volta da Icônica marca Italiana.

Daqui a 3 semanas teremos a primeira corrida na Europa. O Grande Prêmio da Espanha, No circuito de Jerez de la Fronteira. Baldassarri agora ver Luthi e outros adversários mais de perto na disputa pelo título de 2019.

Fotos:

Resultado Final do GP dos Estados Unidos
Mundial de Motovelocidade – Moto 2

posPilotoEquipeMotoTempo
112Thomas LuthiDynavolt Intact GPKalex39’11.508
223Marcel SchrotterDynavolt Intact GPKalexa 2.532
39Jorge NavarroBeta Tools Speed UpSpeed Upa 3.836
454Mattia PasiniFlexbox HP 40Kalexa 4.757
573Alex MarquezEG 0,0 Marc VDSKalexa 7.741
610Luca MariniSKY Racing Team VR46Kalexa 8.031
722Sam LowesFederal Oil Gresini Moto2Kalexa 8.282
824Simone CorsiTasca Racing Scuderia Moto2Kalexa 8.953
933Enea BastianiniItaltrans Racing TeamKalexa 10.706
105Andrea LocatelliItaltrans Racing TeamKalexa 16.868
1187Remy GardnerONEXOX TKKR SAG TeamKalexa 25.633
1245Tetsuta NagashimaONEXOX TKKR SAG TeamKalexa 25.948
1364Bo BendsneyderNTS RW Racing GPNTSa 26.997
1477Dominique AegerterMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agustaa 27.462
1588Jorge MartinRed Bull KTM AjoKTMa 27.482
162Jesko RaffinNTS RW Racing GPNTSa 39.435
1789Khairul Idham PawiPetronas Sprinta RacingKalexa 49.582
1865Philipp OettlRed Bull KTM Tech 3KTMa 51.247
193Lukas TulovicKiefer RacingKTMa 51.380
2035Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalexa 53.778
216Gabriele RuiuMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agustaa 1’19.156
2220Dimas Ekky PratamaIDEMITSU Honda Team AsiaKalexa 1’19.286
x27Iker LecuonaAmerican Racing KTMKTMa 5 Voltas
x72Marco BezzecchiRed Bull KTM Tech 3KTMa 6 Voltas
x18Xavi CardelusSama Qatar Angel Nieto TeamKTMa 12 Voltas
x41Brad BinderRed Bull KTM AjoKTMa 16 Voltas
x21Fabio di GiannantonioBeta Tools Speed UpSpeed Upa 18 Voltas
x7Lorenzo BaldassarriFlexbox HP 40Kalexa 18 Voltas
x97Xavi ViergeEG 0,0 Marc VDSKalexa 18 Voltas
x16Joe RobertsAmerican Racing KTMKTMa 18 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Xavi Vierge leva pole position em treino Disputado na Moto 2

Continua o tempo nublado em Termas de Rio Hondo, para o Começo o Q1 da definição do Grid de Largada para o GP da Argentina da Moto 2. Todos os 17 pilotos aptos para disputar o Q1 foram para a pista. O Espanhol Augusto Fernandez sofreu um acidente nos treinos livres e fraturou o Braço, Isso impossibilitou sua participação na prova. A Pons teria apenas Lorenzo Baldassarri que estava já garantido no Q2.

O Holandês Bo Bendsneyder começou muito bem, com seu chassi da NTS marcando o melhor tempo. Em segundo vinha Dominique Aegerter e Stefano Manzi com a MV Agusta e o Japonês Nagashima completava os 4 primeiros lugares. Mas isso não iria se manter por muito tempo, Por um momento, O Suíço da Forward conseguiu tomar a ponta. Porém, segundos depois, Bezzecchi assumiu a liderança com a Tech 3 KTM, superando em 24 milésimos o tempo de Aegerter.

Mas logo,Bendsneyder voltou a ficar na frente com 1:43.202. Quando parecia que o tempo do piloto da NTS Racing era muito bom, Mas ai veio o piloto da Italtrans Enea Bastianini e marcando 1:43.004 e subindo para o primeiro lugar, Muito perto da casa do 1 minuto e 42 segundos.

A 6 minutos e 50 segundos do Final, Simone Corsi que vinha lá atrás em 13ºlugar marcou uma grandíssima volta, Superando a casa do 1 minuto e 43 segundos o piloto da Tasca Assumiu a liderança do Q1 com 1:42.987. Depois disso quando se achou que a disputa iria pegar fogo, Aconteceu exatamente ao contraio, Praticamente não tivemos nada acontecendo na segunda parte. Um dos poucos a conseguir melhorar alguma coisa foi Dominque Aegeter que subiu do 7º para o 6ºlugar.

Nos últimos momentos, Somtiat Chantra em 5ºlugar tentou superar Locatelli em sua última volta rápida, Mas não obteve sucesso. Com o Cronometro Zerado, Corsi acabou o mais rápido do Q1. Passaram para a próxima Fase junto com o piloto da Tasca Enea Bastianini, Bo Bendsneyder e Andrea Locatelli. Menção honrosa a Chantra em 5ºlugar e Dominique Aegerter em 6ºlugar que fizeram bons treinamentos.

Classificação do Q1:

posPilotoEquipeMotoTempo
124Simone CorsiTasca Racing Scuderia Moto2Kalex1’42.987
233Enea BastianiniItaltrans Racing TeamKalex1’43.004
364Bo BendsneyderNTS RW Racing GPNTS1’43.192
45Andrea LocatelliItaltrans Racing TeamKalex1’43.358
535Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalex1’43.505
677Dominique AegerterMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta1’43.576
772Marco BezzecchiRed Bull KTM Tech 3KTM1’43.619
845Tetsuta NagashimaONEXOX TKKR SAG TeamKalex1’43.669
962Stefano ManziMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta1’43.727
102Jesko RaffinNTS RW Racing GPNTS1’43.730
1189Khairul Idham PawiPetronas Sprinta RacingKalex1’44.037
1216Joe RobertsAmerican Racing KTMKTM1’44.226
133Lukas TulovicKiefer RacingKTM1’44.233
1496Jake DixonSama Qatar Angel Nieto TeamKTM1’44.571
1520Dimas Ekky PratamaIDEMITSU Honda Team AsiaKalex1’44.690
1665Philipp OettlRed Bull KTM Tech 3KTM1’44.825
1718Xavi CardelusSama Qatar Angel Nieto TeamKTM1’45.363
NC40Augusto FernandezFlexbox HP 40KalexNão Corre

O Q2 foi bem disputado e começou com Lorenzo Baldassarri na liderança, Mas logo ele foi ultrapassado por Marcel Schrotter, Que assumiu a liderança, Seguido de Remy Gardner da SAG e de Brad Binder da KTM Ajo.

Mas isso era a primeira volta, Os pilotos continuavam a melhorar seus tempos. Luthi passou a liderança 1 minuto depois com Bastianini em segundo. Mas a menos de 9 minutos do final da classificação, Veio Schorotter a superar o tempo de seu companheiro de equipe com 1:43.001. Esse tempo deu ao Alemão apenas o 4ºlugar.

A 7 minutos e 45 segundos do Final, Thomas Luthi melhora seu tempo para o 3ºlugar, Seu companheiro de equipe Marcel Schrotter melhora um pouco seu tempo e fica com o 5ºlugar. Logo ele cairia na tabela de classificação, O Sul-Africano Brad Binder mostrou suas garras e subiu para o 3ºlugar.

A 5 minutos e meio do final Schrotter foi a luta e acabou por muito pouco, 18 milésimos ele não tomou a liderança das mãos de Vierge. Dai a classificação deu uma parada e parecia que não teríamos mais os tempos baixando. Só que diferente do Q1, Isso acabou acontecendo…

… A um minuto e meio do Final, Lowes subiu do 10º para o 6ºlugar, Mesmo assim parecia que a pole de Xavi Vierge estava garantida. Até que na última tentativa. Schrotter, Alex Marquez (Que pouco apareceu no treino) e Lowes vinham com parciais vermelhas e pareciam que iriam tirar Vierge da primeira posição. Porém, Nenhum deles conseguiu superar o piloto da Marc VDS. Schorotter ficou com 1:42.737 e acabou a 11 milésimos do pole, Sam Lowes subiu para terceiro e iria completar a primeira fila com o tempo 1 milésimos mais lento que Schrotter e Alex Marquez ficou a 47 milésimos do pole e larga em 4ºlugar.

Thomas Luthi ficou com o 5ºlugar e Brad Binder com a primeira Moto sem ser da Kalex completava a 2ªfila, Na 6ªposição. Completando os 10 primeiros vinham: O Australiano Remy Gardner, O Italiano Lorenzo Baldassarri da Pons, Nicolo Bulega da VR46 e Simone Corsi da Tasca Racing.

Fotos:

Grid de Largada
GP da Argentina – Moto 2

posPilotoEquipeMotoTempo
197Xavi ViergeEG 0,0 Marc VDSKalex1’42.726
223Marcel SchrotterDynavolt Intact GPKalex1’42.737
322Sam LowesFederal Oil Gresini Moto2Kalex1’42.738
473Alex MarquezEG 0,0 Marc VDSKalex1’42.773
512Thomas LuthiDynavolt Intact GPKalex1’42.856
641Brad BinderRed Bull KTM AjoKTM1’42.873
787Remy GardnerONEXOX TKKR SAG TeamKalex1’42.969
87Lorenzo BaldassarriFlexbox HP 40Kalex1’42.975
911Nicolo BulegaSKY Racing Team VR46Kalex1’43.008
1024Simone CorsiTasca Racing Scuderia Moto2Kalex1’43.061
119Jorge NavarroBeta Tools Speed UpSpeed Up1’43.098
1233Enea BastianiniItaltrans Racing TeamKalex1’43.103
1310Luca MariniSKY Racing Team VR46Kalex1’43.119
145Andrea LocatelliItaltrans Racing TeamKalex1’43.323
1527Iker LecuonaAmerican Racing KTMKTM1’43.452
1664Bo BendsneyderNTS RW Racing GPNTS1’43.498
1788Jorge MartinRed Bull KTM AjoKTM1’43.604
1821Fabio di GiannantonioBeta Tools Speed UpSpeed Up1’43.677
1935Somkiat ChantraIDEMITSU Honda Team AsiaKalex1’43.505
2077Dominique AegerterMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta1’43.576
2172Marco BezzecchiRed Bull KTM Tech 3KTM1’43.619
2245Tetsuta NagashimaONEXOX TKKR SAG TeamKalex1’43.669
2362Stefano ManziMV Agusta Idealavoro ForwardMV Agusta1’43.727
242Jesko RaffinNTS RW Racing GPNTS1’43.730
2589Khairul Idham PawiPetronas Sprinta RacingKalex1’44.037
2616Joe RobertsAmerican Racing KTMKTM1’44.226
273Lukas TulovicKiefer RacingKTM1’44.233
2896Jake DixonSama Qatar Angel Nieto TeamKTM1’44.571
2920Dimas Ekky PratamaIDEMITSU Honda Team AsiaKalex1’44.690
3065Philipp OettlRed Bull KTM Tech 3KTM1’44.825
3118Xavi CardelusSama Qatar Angel Nieto TeamKTM1’45.363
NC40Augusto FernandezFlexbox HP 40KalexNão Corre

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Miguel Oliveira fecha sua trajetória na Moto 2 com vitória em piso molhado em Valencia

A última corrida do ano na Moto 2, Tivemos uma corrida com piso molhado e com muitos acidentes. Na Largada, Vierge passou a liderança. Logo na segunda curva, Luca Marini caiu, levando com ele Joan Mir e Lorenzo Baldassarri. Francesco Bagnaia e Augusto Fernandez perderam muitas posições.

Na primeira volta ainda, Pasini, Vierge e Oliveira disputaram a primeira posição. Na segunda volta a liderança foi parar nas mãos de Miguel Oliveira que partiu do 10ºlugar, Com Pasini em 2º e Alex Marquez largando do 17ºlugar estava em 3ºlugar à frente de Xavi Vierge, Iker Lecouna (Que largou do 21ºlugar) Na 3ªVolta, Já tinham ido ao chão 6 pilotos: Além dos três da largada: Carderus, Pawi e Danilo.

Na 4ªVolta, Sam Lowes que vinha em 6ºlugar foi ao chão pela última vez em 2018 com sua KTM de 2017. Xavi Vierge e Iker Lecouna disputam com muita coragem o 3ºlugar.

Na volta 5, Alex Marquez partiu para cima de Miguel Oliveira. A ultrapassagem do irmão de Marc Marquez aconteceu na volta seguinte. Alex foi para a liderança e abriu diferença para o vice-campeão do mundo da Moto 2. Vierge, Lecouna, Pasini, Corsi, Locatelli, Schrotter, Nakagami e Roberts nas 10 primeiras posições. Quartararo que teve problemas e largou dos boxes estava em 9ºlugar. Bagnaia já vinha nos pontos em 12ºlugar.

Joe Roberts com a NTS que anda bem na chuva vinha evoluindo muito na corrida, Chegou a estar em 7ºlugar. Porém, No final da volta 9, O norte-americano cai e deixa a prova.

Marquez abria diferença para Oliveira, A briga pelo 3ºlugar entre Vierge e Lecuona acabou na 13ªvolta, Quando o piloto da Dynavolt acabou indo para o Chão, Deixando a prova e a posição para o jovem piloto da Swiss Innovative Investors, que acabou cometendo um pequeno erro na última curva do circuito perdendo contato com Oliveira.

Marquez vinha com o controle da corrida, Até que ele cai no final da 15ªVolta e deixa a liderança com Miguel Oliveira, O piloto da Marc VDS consegue ainda volta em 3ºlugar, A frente de Mattia Pasini, Mas com a moto avaliada poderia ter tido algum prejuízo em desempenho.

Outro que vinha muito bem e acabou caindo era o finlandês Niki Tuuli que vinha em 5ºlugar. Miguel Oliveira na parte final da prova abria 9 segundos de frente para o Lecouna. Marquez conseguiu se consolidar em 3ºlugar. Mais atrás, Simone Corsi que vinha muito bem acabou perdendo rendimento no final. O 5ºlugar passou a ser disputado por Fabio Quartararo e Remy Gardney, Disputa que acabou o Australiano levando a melhor.

Miguel Oliveira acabou levando sua KTM com cuidado para a 3ªVitória no ano e completando sua história na Moto 2 com chave de ouro e com o vice-campeonato no bolso. Iker Lecouna fez sua melhor corrida do ano e acabou levando o seu primeiro pódio da sua carreira, O jovem de 18 anos terminou o ano em ótima forma.

Alex Marquez que largou em 16ºlugar acabou liderando a prova e mesmo com a queda no meio da corrida ainda conseguiu salvar o pódio, Com o terceiro lugar. Após um ano muito irregular do piloto Espanhol. Mattia Pasini acabou em 4ºlugar e por enquanto não tem uma moto para 2019.

O australiano Remy Gardner teve seu melhor resultado na Moto 2. Levando o Chassi Tech 3 a encerrar sua trajetória com dignidade ao 5ºlugar, Superando Fabio Quartararo, Que também fez uma sensacional corrida. Dos boxes para o 6ºlugar.

Marcel Schrotter que largou na primeira fila não conseguiu ir além do 7ºlugar, Augusto Fernandez fechando o ano com o 8ºlugar, Andrea Locatelli com um decente 9ºlugar e Simone Corsi ainda fechando os Top 10. O Campeão Francesco Bagnaia terminou em 14ºlugar e termina sua trajetória no Mundial de motovelocidade com 30 corridas seguidas na zona de pontuação.

Dessa forma o ano no Mundial da moto 2 se encerra com a disputa mais apertada na classificação final, Bagnaia e Oliveira ficaram separados por apenas 9 pontos. (306 a 297 a favor do piloto da VR46) e com a promessa de um 2019 mais disputado e com os novos motores triumph que estrelam no GP do Qatar no ano que vem.

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultado final da última etapa da Moto 2
GP da Comunidade Valenciana – Mundial de Motovelocidade

pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 44 Miguel Oliveira Red Bull KTM Ajo KTM 45’07.639
2 27 Iker Lecuona Swiss Innovative Investors KTM a 13.201
3 73 Alex Marquez EG 0,0 Marc VDS Kalex a 22.175
4 54 Mattia Pasini Italtrans Racing Team Kalex a 28.892
5 87 Remy Gardner Tech 3 Racing Tech 3 a 30.106
6 20 Fabio Quartararo HDR Heidrun – Speed Up Speed Up a 32.126
7 23 Marcel Schrotter Dynavolt Intact GP Kalex a 33.086
8 40 Augusto Fernandez Pons HP40 Kalex a 33.950
9 5 Andrea Locatelli Italtrans Racing Team Kalex a 35.707
10 24 Simone Corsi Tasca Racing Scuderia Moto2 Kalex a 37.019
11 77 Dominique Aegerter Kiefer Racing KTM a 43.844
12 45 Tetsuta Nagashima IDEMITSU Honda Team Asia Kalex a 45.871
13 4 Steven Odendaal NTS RW Racing GP NTS a 49.113
14 42 Francesco Bagnaia SKY Racing Team VR46 Kalex a 53.288
15 2 Jesko Raffin SAG Team Kalex a 1’08.712
16 32 Isaac Vinales Forward Racing Team Suter a 1’25.666
17 18 Xavier Cardelus Marinelli Snipers Team Kalex a 1’32.166
18 95 Jules Danilo Nashi Argan SAG Team Kalex a 1’47.502
19 21 Federico Fuligni Tasca Racing Scuderia Moto2 Kalex a 1 Volta
20 3 Lukas Tulovic Forward Racing Team Suter a 1 Volta
66 Niki Tuuli Petronas Sprinta Racing Kalex a 6 Voltas
97 Xavi Vierge Dynavolt Intact GP Kalex a 12 Voltas
16 Joe Roberts NTS RW Racing GP NTS a 17 Voltas
70 Tommaso Marcon HDR Heidrun – Speed Up Speed Up a 18 Voltas
9 Jorge Navarro Federal Oil Gresini Moto2 Kalex a 20 Voltas
41 Brad Binder Red Bull KTM Ajo KTM a 22 Voltas
22 Sam Lowes Swiss Innovative Investors KTM a 22 Voltas
89 Khairul Idham Pawi IDEMITSU Honda Team Asia Kalex a 23 Voltas
10 Luca Marini SKY Racing Team VR46 Kalex a 25 Voltas
7 Lorenzo Baldassarri Pons HP40 Kalex a 25 Voltas
36 Joan Mir EG 0,0 Marc VDS Kalex a 25 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP