F1 Formula 1 Formula 1 - 1991 Fotos História Jordan Grand Prix

Especial Jordan 1991: O Carro dos Sonhos

A Estréia da Equipe Jordan começou em 1980, um ano após um Jovem piloto irlandês chamado Eddie Jordan ter montado a Jordan Grand Prix, depois de grandes Resultados em 1987 e 1989 culminando com o titulo de Johnny Herbert e Jean Alesi, Eddie Jordan começa a concentrar as suas forças na Formula 1, e para isso conta com o Projetista Gary Anderson, a Jordan Grand Prix ainda correria com seus carros na Formula 3000 durante esse meio tempo.

Com isso o Jordan 191 é pronto para testar. e para isso é chamado um grande amigo de Eddie Jordan, John Watson que estava sem correr a 6 anos na Formula 1 é o grande responsável pelo desenvolvimento do carro na Pré-Temporada para a temporada de 1991.

O Carro estava preto, mas o principal patrocinador foi escolhido, era a marca de Refrigerante 7UP, e os pilotos eram o Experiente e por algumas vezes demolidor de carros, Italiano Andrea de Cesaris e o Belga Bertrand Gachot, que toparam a missão de conduzir o EJ191 para uma digna primeira temporada de Formula 1.

Carro Oficial:

Ficha Técnica do Jordan 191

Construtor: Jordan Grand Prix
Projetista: Gary Anderson
Chassi: Monoposto de Fibra de Carbono
Motor: Ford Cosworth HB4 3.494 Litros (3.5)/ 213.2 com um Ângulo de 90º e Com 8 Válvulas
Transmissão: Longitudinal com 6 Marchas e Manual
Combustível: BP
Pneus: Goodyear Eagle

Estava tudo pronto, a Estréia seria nos Estados Unidos, no Circuito de Phoenix, como a Jordan era um time Estreante, precisava passar das pré-qualificações, algo terrível para as equipes que compuseram esse grupo, mas para a Jordan não seria problema.

Mas em Phoenix a Jordan não esperava pelo ótimo desempenho da Dallara que fez o 1º e 2º Tempo com Pirro e Lehto, A Jordan andavam logo Atrás, mas não esperavam pelo Italiano Nicola Larini que na estréia da Lamborghini fez o 3ºMelhor Tempo, dai só restavam uma vaga, que era disputada por Gachot, De Cesaris e Acredite se quiser: Pedro Chaves com a Nanica Coloni. Bertrand Gachot garantiu a última vaga do Grid, e De Cesaris ficou pelo caminho, para o experiente piloto da Jordan o final de semana acabou na Sexta-feira.

No Sábado Bertrand Gachot era o único Jordan na disputa do Grid de largada, e o Belga não decepcionou, colocou o carro verdinho na 14ªPosição. dividindo a 7ªFila com Mika Hakkinen da Lotus. Pirro e Lehto foram 9º e 10º e Larini em 17º Mostraram que o Nível de pilotagem dos que veio da pré-classificação foi muito alto.

Na Corrida Bertrand Gachot não se destacou na Corrida, e abandonou a corrida quando estava na 9ªPosição com problemas de motor.

Parte 2: Os Resultados Positivos

Passada a Euforia da Estreia a Jordan precisa agora de ter resultados, que em termos de Treinos Classificatórios vieram com facilidade, e o carro sempre largado do meio para Frente, isso ficou provado no GP do Brasil quando Bertrand Gachot e Andrea de Cesaris conseguiram com muita facilidade a Classificação para o Grid de Largada, Gachot em 10º e De Cesaris em 13º. Na Corrida no entanto De Cesaris abandonou a corrida na volta 20 acidentado e Bertrand Gachot chegou em 13º a 8 Voltas do Líder, provavelmente com problemas no seu carro, já que não se acreditava que Gachot tivesse num dia ruim, já que ele andava em 9ºLugar a maior parte do tempo. Em San Marino De Cesaris e Gachot ficaram na 6ºFila com o Italiano na Frente. Numa corrida confusa e com chuva no começo As Jordans quebravam na mesma volta, quando poderia ter chances de pontuar pela primeira vez. No principado de Mônaco, Andrea de Cesaris conseguiu o 10ºLugar no Grid, mas Gachot terminou no sufoco conseguindo um lugar apenas na penúltima fila, 24ªPosição, Na Corrida De Cesaris Fica pelo caminho, e Gachot faz uma otima corrida de recuperação chegando em 8ºLugar, mostrando já todo o potencial do carro.

Após 4 corridas sem pontuar, a Jordan sabia que os pontos viriam mais cedo o mais tarde, dai veio o GP do Canadá, uma corrida de onde acontece sempre corridas muito acidentadas, Mais uma vez os dois Jordans passam pelas pré-qualificações de sexta e no Grid Andrea de Cesaris conquistou o 11ºLugar e Bertrand Gachot o 14ºTempo. na Corrida, vários dos Favoritos Quebravam, Senna, Prost, Alesi, Moreno, Berger, sobravam só de Favoritos Patrese, Mansell e Piquet. a Briga pelos pontos se tornava mais possível, no final da Corrida as Jordans tinham os dois carros nos pontos, De Cesaris em 5º e Gachot em 6º, geralmente a carruagem nesses casos virara abóbora, mas dessa vez a coisa foi diferente, Mansell a curvas do Final teve problemas com o Carro e acabou abandonando, Com isso mais dois pontos para a Jordan, e festa para o Time Irlandes, 4º com De Cesaris e 5º com Gachot, os primeiros pontos do time verde na Formula 1 e muita festa para todos.

A Partir dai a Jordan começou a emplacar uma seqüência de pontuação na Temporada.

No México De Cesaris Larga em 11º e Gachot em 20ºLugar, Na Corrida Gachot abandonou, mas De Cesaris numa ótima Corrida conquistou um 4ºLugar na Corrida, mas 3 pontos para a Jordan Grand Prix. Depois na França Andrea de Cesaris largava de 13ºLugar para terminar de novo nos pontos, com o 6ºLugar, e Gachot largou em 19º para se acidentar logo na primeira volta.

No GP da Inglaterra outra vez De Cesaris larga melhor que Gachot, o italiano larga em 13º contra o 17º do Belga Gachot, enquanto De Cesaris teve problemas de suspensão na volta 41, o Belga conseguia coletar mais um pontinho para a Jordan com o 6ºLugar numa magnífica corrida de Recuperação. Com 10 pontos ganhou a Jordan já era a 6ªColocada, um ponto atrás da Tyrrell que tinha apoio da Honda. Na Alemanha a Jordan mostra sua forca nos Treinos com a 7ªposição no Grid de largara para De Cesaris e o 11ºLugar para Gachot. Na Corrida Ambos pontuam, De Cesaris em 5º e Gachot em 6º. na Frente de Senna que teve problemas e de Moreno, dois carros que tinham mais desempenho do que a Jordan. Com esse Resultado, a Jordan passava a ser a 5ªColocada, só atrás das 4 grandes (Mclaren, Williams, Ferrari e Benetton). Na Hungria a Jordan não vai muito bem a Treino, De Cesaris ficou só em 16º e Gachot em 17º. na Corrida os dois carros fizeram boas corridas, mas não o bastante para manter a seqüência de pontos, De Cesaris ficou em 7º e Gachot em 9ºlugar, mas o Belga faria a melhor volta da corrida, de uma forma inimaginável para uma estreante.

Mas mal sabia Gachot que essa seria sua última corrida pela Jordan, pois ele se envolvia em uma briga com um taxista na Inglaterra, Gachot acabou usando um spray de pimenta nos olhos da vitima, para seu azar o spray era considerado uma arma na Inglaterra, Gachot ficou preso por dois meses. E para seu substituto Jordan chamou alguém de onde vamos contar na parte final do especial sobre a Jordan 1991.

Parte 3: O Surgimento de Schumacher e as corridas Finais

GP da Bélgica, em Spa-Francorchamps, pista fantástica receberia a 11ºEtapa do Mundial de 91, tudo normal a não ser pela prisão de Gachot e por ele não largar na corrida de Spa, Jordan precisava de alguém para correr com algum dinheiro, já que o Ano estava sendo mais custoso do que o planejado, Eddie Jordan acha um alemão que disputava o campeonato de marcas e pilotos, chamado Michael Schumacher, o Alemão tinha apenas 21 anos, e nunca tinha andado em Spa, com a exceção de duas voltas de bicicleta na pista, seu empresário foi muito habilidoso, Jordan perguntou se Schumacher sabia a pista de Spa, Seu empresário disse que sim. e assim ele foi contratado para correr no lugar de Gachot. Nos Treinos Schumacher assombra o mundo pois em sua primeira experiência ele largava na 7ªPosição, 4 posições na Frente de De Cesaris, na largada Schumacher já pulava para o Quinto lugar, tudo indicava uma estreia triunfal, mas o Câmbio da Jordan não aguentou nem a subia da Eau Rouge e o carro parou, fim de corrida para Schumacher, mas para a Jordan, as coisas seriam pra lá de boas a corrida, Andrea De Cesaris fez brilhante corrida, andou até o fim lutando pela vitória contra Ayrton Senna, a coisa não esta fácil para o Brasileiro, De Cesaris era mais rápido que Senna, mas a 4 Voltas para o Final De Cesaris Quebra, a corrida termina para a Jordan, sem ter conseguido pontuar, mas foi um final de semana muito positivo, com uma revelação na Jordan e uma corridaça de De Cesaris.

Para o GP da Itália o Esperto Flávio Briatore paga 300 mil dólares a Mercedes e Compra o passe de Schumacher que sai da Jordan, no seu lugar aparece o Brasileiro Roberto Pupo Moreno, demitido após fazer melhor corrida na Benetton em 91. Moreno faz o 9ºTempo, contra o 14ºde De Cesaris, mas na Corrida Moreno abandonou com problemas nos Freios e De Cesaris fica em 7ºLugar. Em Portugal, De Cesaris e Moreno tem um treino muito ruim, 14º e 16º. na Corrida, ambos se recuperaram e terminaram em 7º e 9º Respectivamente, Moreno voltava bem na Jordan, mas deixa a Equipe para a Entrada de Alessandro Zanardi.

Definitivamente a Frase da Jordan não era das melhores, e no Treino do GP da Espanha Zanardi largava em 20º e De Cesaris em 17º,em Ritmo de corrida a Jordan estava bem tanto que Zanardi terminava em 9º, De Cesaris na volta 22 abandonou por problemas elétricos, mas os treinos nas últimas corridas matavam as chances de pontos da equipe. e quando largavam na Frente, acabavam sofrendo quebras, No Japão novamente um bom treino para a Jordan, De Cesaris em 11º e Zanardi em 13º, mas para a Corrida, De Cesaris terminava ela na 2ªVolta num acidente envolvendo Ele, Pirro, lehto e Wendlinger, e na 7ªVolta Zanardi abandonou a corrida. por problemas de Câmbio.

O GP da Austrália a Jordan fazia a última corrida da Temporada, no Grid De Cesaris ficava em 12º e Zanardi em 14º. Os dois pilotos estavam se aproximando dos pontos rapidamente, quando a corrida foi paralisada devido ao temporal que teve em Adelaide, De Cesaris ficou em 8º e Zanardi em 9º

O Ano Fechava com a Jordan numa incrível 5ªPosição, apenas atrás de Mclaren, Williams, Ferrari, Benetton. e na Frente de Tradicionais equipes como Tyrrell, Ligier, Brabham e Minardi.

O Carro foi conhecido com um dos carros mais bonitos da História da Formula 1, mas as consequências foram que Eddie Jordan confessou anos depois que o Carro de 1991 não pagava as dividas da equipe. Revelando que a Equipe ficou com dividas depois dessa temporada. Mas a Inesquecível temporada de 1991 já estava registrada na memória da Formula 1. Desde de 1977 uma estreante não fazia o que fez a Jordan Fez, do Nada para um Grande Campeonato, mas tudo devido a um planejamento que foi recompensado.

Números da Jordan em 1991.

Gps: 32 (Largou em 31 Gps)
Vitórias: 0
Poles: 0
Pódios: 0
Pontos: 13
Número de Melhores Voltas: 1
Motor: Ford HB4 V8
Número de Voltas Completadas: 1.354
Pilotos em 1991

Bertrand Gachot
Michael Schumacher
Alessandro Zanardi
Andrea De Cesaris
Roberto Pupo Moreno

Fotos:

Fonte: Bestlap / Formel1mic

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *