Jorge Navarro conquista primeira vitória na Moto 3 em corridas de muitas quedas

Começando a programação do GP da Catalunha tivemos como sempre uma corrida muito disputada na Moto 3 aonde tivemos muitas quedas durante as 21 voltas da prova, O Espanhol Jorge Navarro teve quase 10 adversários disputando pela vitória com o líder do campeonato Band Binder, com Romano Fenati, Enea Bastianini e com algumas surpresas com o piloto argentino Gabriel Rodrigo com a moto da equipe RBA Racing Team em contraponto outros pilotos como Hiroki Ono, Francesco Bagnaia, Maria Herrera acabaram caindo.

No Final da prova tínhamos 8 pilotos disputando a vitória e entre eles o Argentino Gabriel Rodrigo que estava fazendo sua melhor corrida na MotoGP com possibilidades até de vencer a prova, Mas a 2 Voltas do final no final da reta dos boxes o Argentino acaba caindo e deixando uma corrida em que ele poderia ter um grande resultado, Curvas antes caia o Malaio Pawi que vinha também bem posicionado.

Moto3_disputa_primeiros_lugares

Fenati, Binder e até mesmo Aron Canet tinham liderado a prova, Mas foi mesmo Jorge Navarro que acabou decidindo na penúltima volta abrir uma distância segura para os demais o suficiente para não receber ataques na volta final e receber pela primeira vez na sua carreira a bandeirada em 1ºlugar. O piloto da Estrella Galícia chegou a 564 milésimos na frente de Brad Binder que continua líder do campeonato com uma distância segura do vice-líder que é o próprio Jorge Navarro, Enea Bastianini no final conseguiu tirar Fenati do Pódio ficando com o Terceiro lugar.

Fenati acabou a corrida em 4ºlugar na frente do seu companheiro de equipe o Jovem e agora mais promissor que Romano Fenati o piloto Nicolo Bulega e Aron Canet que foi o último do pelotão da frente completou a prova em Sexto Lugar. Completando os 10 primeiros colocados vieram Fabio Quartararo e Joan Mir da Leopard Racing, Fabio di Giannantonio e Jakub Kornfeil. Daqui a 3 semanas teremos a 8ªEtapa da Moto 3 em Assen na Holanda.

podio_moto3_CAT16

Resultado Final do GP da Catalunha
Mundial de Motovelocidade – Moto 3

1 9 Jorge Navarro (Estrella Galicia 0,0 Honda) 42’18.228 em 22 Voltas
2 41 Brad Binder (Red Bull KTM Ajo KTM) a 0.564
3 33 Enea Bastianini (Gresini Racing Moto3 Honda) a 0.817
4 5 Romano Fenati (SKY Racing Team VR46 KTM) a 0.925
5 8 Nicolo Bulega (SKY Racing Team VR46 KTM) a 1.531
6 44 Aron Canet (Estrella Galicia 0,0 Honda) a 1.581
7 20 Fabio Quartararo (Leopard Racing KTM) a 13.605
8 36 Joan Mir (Leopard Racing KTM) a 13.672
9 4 Fabio di Giannantonio (Gresini Racing Moto3 Honda) a 13.753
10 84 Jakub Kornfeil (Drive M7 SIC Racing Team Honda) a 14.814
11 64 Bo Bendsneyder (Red Bull KTM Ajo KTM) a 14.840
12 40 Darryn Binder (Platinum Bay Real Estate Mahindra) a 29.860
13 58 Juanfran Guevara (RBA Racing Team KTM) a 32.006
14 24 Tatsuki Suzuki (CIP-Unicom Starker Mahindra) a 33.305
15 17 John Mcphee (Peugeot MC Saxoprint Peugeot) a 33.766
16 11 Livio Loi (RW Racing GP BV Honda) a 34.986
17 65 Philipp Oettl (Schedl GP Racing KTM) a 36.384
18 16 Andrea Migno (SKY Racing Team VR46 KTM) a 41.731
19 55 Andrea Locatelli (Leopard Racing KTM) a 42.985
20 23 Niccolò Antonelli (Ongetta-Rivacold Honda) a 59.035
21 3 Fabio Spiranelli (CIP-Unicom Starker Mahindra) a 1’29.713
22 77 Lorenzo Petrarca (3570 Team Italia Mahindra) a 1’30.640

Não Terminaram a corrida:

98 Karel Hanika (Platinum Bay Real Estate Mahindra) a 1 Volta
37 Davide Pizzoli (Procercasa – 42 Motorsport KTM) a 1 Volta
19 Gabriel Rodrigo (RBA Racing Team KTM) a 2 Voltas
89 Khairul Idham Pawi (Honda Team Asia Honda) a 3 Voltas
88 Jorge Martin (ASPAR Mahindra Team Moto3 Mahindra) a 6 Voltas
12 Albert Arenas (MRW Mahindra Aspar Team Mahindra) a 9 Voltas
21 Francesco Bagnaia (ASPAR Mahindra Team Moto3 Mahindra) a 17 Voltas
7 Adam Norrodin (Drive M7 SIC Racing Team Honda) a 17 Voltas
76 Hiroki Ono (Honda Team Asia Honda) a 19 Voltas
95 Jules Danilo (Ongetta-Rivacold Honda) a 19 Voltas
6 Maria Herrera (MH6 Team KTM) a 20 Voltas
43 Stefano Valtulini (3570 Team Italia Mahindra) a 20 Voltas
10 Alexis Masbou (Peugeot MC Saxoprint Peugeot) a 22 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Motos

Sem categoria

Deixe uma resposta