Marc Marquez conquista vitória em Assen e garante a liderança do Mundial para as Férias

Moto GP

Resultado dos Três Treinos Livres:

pos Piloto Equipe Motor FP1 FP2 FP3
1 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda 1’34.227 1’34.041 1’33.341
2 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’34.404 1’33.378 1’33.342
3 35 Cal Crutchlow LCR Honda CASTROL Honda 1’34.898 1’33.812 1’33.347
4 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’34.513 1’33.779 1’33.388
5 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’34.684 1’33.499 1’33.403
6 9 Danilo Petrucci Alma Pramac Racing Ducati 1’35.037 1’33.764 1’33.986
7 99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati 1’34.811 1’33.870 1’33.787
8 41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’35.289 1’34.318 1’33.825
9 19 Alvaro Bautista Angel Nieto Team Ducati 1’35.096 1’34.484 1’33.848
10 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati 1’34.637 1’33.859 1’33.872
11 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’35.376 1’34.822 1’33.915
12 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’35.146 1’34.133 1’33.939
13 43 Jack Miller Alma Pramac Racing Ducati 1’34.548 1’34.535 1’33.968
14 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’35.245 1’34.047 1’34.202
15 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda 1’35.182 1’34.167 1’34.073
16 53 Tito Rabat Reale Avintia Racing Ducati 1’35.102 1’34.576 1’34.151
17 55 Hafizh Syahrin Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’35.838 1’34.246 1’35.576
18 17 Karel Abraham Angel Nieto Team Ducati 1’35.669 1’34.522 1’35.215
19 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’35.271 1’34.700 1’34.624
20 45 Scott Redding Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’35.935 1’34.970 1’34.637
21 30 Takaaki Nakagami LCR Honda IDEMITSU Honda 1’35.955 1’34.855 1’34.722
22 21 Franco Morbidelli EG 0,0 Marc VDS Honda 1’34.820 1’35.287 1’34.988
23 12 Thomas Luthi EG 0,0 Marc VDS Honda 1’36.471 1’36.129 1’35.828
24 10 Xavier Simeon Reale Avintia Racing Ducati 1’36.955 1’36.157 1’35.927

Os 10 Classificados para o Q2 automaticamente

pos Piloto Equipe Motor Tempo Treino Livre
1 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda 1’33.341 FP3
2 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’33.342 FP3
3 35 Cal Crutchlow LCR Honda CASTROL Honda 1’33.347 FP3
4 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’33.388 FP3
5 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’33.403 FP3
6 9 Danilo Petrucci Alma Pramac Racing Ducati 1’33.764 FP2
7 99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati 1’33.787 FP3
8 41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’33.825 FP3
9 19 Alvaro Bautista Angel Nieto Team Ducati 1’33.848 FP3
10 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati 1’33.859 FP2

Repescagem

pos Piloto Equipe Motor Tempo Treino Livre
11 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’33.915 FP3
12 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’33.939 FP3
13 43 Jack Miller Alma Pramac Racing Ducati 1’33.968 FP3
14 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’34.047 FP2
15 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda 1’34.073 FP3
16 53 Tito Rabat Reale Avintia Racing Ducati 1’34.151 FP3
17 55 Hafizh Syahrin Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’34.246 FP2
18 17 Karel Abraham Angel Nieto Team Ducati 1’34.522 FP2
19 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’34.624 FP3
20 45 Scott Redding Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’34.637 FP3
21 30 Takaaki Nakagami LCR Honda IDEMITSU Honda 1’34.722 FP3
22 21 Franco Morbidelli EG 0,0 Marc VDS Honda 1’34.820 FP1
23 12 Thomas Luthi EG 0,0 Marc VDS Honda 1’35.828 FP3
24 10 Xavier Simeon Reale Avintia Racing Ducati 1’35.927 FP3

Os Favoritos para a Repescagem para o Q2 eram Johann Zarco, Alex Rins e Dani Pedrosa teoricamente. Brigando por fora, O Australiano Jack Miller e o Japonês Takaaki Nakagami com a LCR Honda. A Lamentar a não participação de Franco Morbidelli que sofreu um acidente no 3ºTreino Livre e acabou diagnosticado com uma “pequena fratura” em seu terceiro metacarpo na mão esquerda. Isso impossibilitou a sua participação em Assen.

Os primeiros pilotos que saíram e marcaram tempos foram Bradley Smith, Takaaki Nakagami e Pol Espargaró. Alex Rins com sua Suzuki aos 4 minutos e 10 segundos de treino, assumiu a liderança com 1:34.130. Miller vinha em 2º, Zarco em 3º e Rabat em 4º como um candidato a surpresa para o Q2.

Na sua segunda volta, O Japonês Takaagi Nakagami mostra suas cartas e toma a segunda posição com 1:34.194, Mas isso não durou muito. Rins marcou 1:42.082 e logo em seguida Miller superou o Espanhol e assumiu a liderança.

Ao final da primeira parte do Q1 estava Classificando Jack Miller e Alex Rins. Johann Zarco, Takaaki Nakagami, Esteva Rabat, Dani Pedrosa que largaria em 16ºlugar. Realmente muito mal o piloto da Honda Repsol.

Na Parte final do Q1 Tudo isso mudou, O Malaio Hafizh Syarhin chegou a ficar com o melhor tempo, Porém a glória do piloto da Tech 3 não durou muito. Rins e Nakagami acabaram melhorando seu tempo. Zarco não conseguia melhorar seu tempo, Até que na sua última volta ele consegue tomar a ponta e levar a tech 3 para o Q2.

O Espanhol Alex Rins acabou ficando com a segunda vaga, O Japonês Takaaki Nakagami fica de fora do Q2, apesar do bom treino que ele fez. Esteve Rabat ficou bem colocado no Grid de largada com o 14ºlugar seguido de Sharyin, Miller, Redding e Dani Pedrosa que só larga em 18ºlugar. O Espanhol esta muito longe dos dias de Glória na MotoGP.

Classificação do Q1:

pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’33.578
2 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’33.600
3 30 Takaaki Nakagami LCR Honda IDEMITSU Honda 1’33.625
4 53 Tito Rabat Reale Avintia Racing Ducati 1’33.666
5 55 Hafizh Syahrin Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’33.666
6 43 Jack Miller Alma Pramac Racing Ducati 1’33.672
7 45 Scott Redding Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’33.995
8 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda 1’34.125
9 17 Karel Abraham Angel Nieto Team Ducati 1’34.145
10 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’34.149
11 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’34.268
12 12 Thomas Luthi EG 0,0 Marc VDS Honda 1’35.192
13 10 Xavier Simeon Reale Avintia Racing Ducati 1’35.646

Classificação no Q2, Começou com Lorenzo fazendo o melhor tempo (11 minutos e 50 segundos para o final), Com 1:33.600 contra 1:33.745 de Johann Zarco, Marcado 40 segundos depois que o piloto da Ducati fez essa marca.

A 10 minutos do final, Marquez marcou o melhor tempo, Com 1:33.593. Porém, O treino estava longe de acabar. Danilo Petrucci com a Pramac com 1:33.530, Johann Zarco com 1:33.539 e a 9 minutos e 43 segundos do final do Q2, Alex Rins marcou 1:33.499. A Suzuki estava ficando com a Pole position.

Dai, Marc Marquez em mais uma volta rápida, Um tempo de 1:33.330. Voltou a ter a pole position nas mãos deles. Na metade da Disputa: Marquez, Rins e Petrucci formavam a primeira fila. Com Zarco, Viñales e Lorenzo. Depois vinham Crutchlow, Dovizioso, Rossi, Aleix Espargaró, Iannone e Alvaro Bautista. (Que foi uma surpresa esta no Q2 de forma direta) A Diferença entre Marquez que estava na pole position para o 8ºlugar era de apenas 385 milésimos.

Nos últimos minutos, Lorenzo e Iannone foram para a pista melhorarem seus tempos. A 2 minutos e 25 segundos, O piloto da Ducati passa a liderança com 1:33.167 e o piloto da Suzuki com 1:33.318, Assumindo os 2 primeiros lugares. Só que Marquez na sua última volta, Destroçou todo mundo e marcou 1:32.791. Para ficar definitivamente com a Pole position.

O inglês a Serviço da sua Majestade Cal Crutchlow larga em 2º com 1:32.984, Levando a LCR Honda para a primeira fila. Completando a primeira fila, O bom e velho Valentino Rossi de 39 anos com 1:32.850.

Disposto a reagir e mandar a má fase para longe, Andrea Dovizioso abre a segunda fila com Alex Rins com a Suzuki e Marevick Viñales com a Yamaha na segunda fila. Aleix Espargaró leva a Aprilla a uma impressionante 7ªposição. (Ele já foi pole position em 2014 em Assen) com Zarco e Iannone na 3ªfila.

Jorge Lorenzo que estava a 2 minutos de conquistar a pole, acabou sendo renegado para o 10ºlugar. Abrindo a quarta fila que vai ter Danilo Petrucci e Alvaro Bautista.

Grid de largada da 8ªEtapa do Mundial de Motovelocidade
GP da Holanda – MotoGP

pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda 1’32.791
2 35 Cal Crutchlow LCR Honda CASTROL Honda 1’32.832
3 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’32.850
4 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati 1’32.870
5 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’32.933
6 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’32.984
7 41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’33.029
8 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’33.072
9 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’33.120
10 99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati 1’33.167
11 9 Danilo Petrucci Alma Pramac Racing Ducati 1’33.292
12 19 Alvaro Bautista Angel Nieto Team Ducati 1’34.015
13 30 Takaaki Nakagami LCR Honda IDEMITSU Honda 1’33.625
14 53 Tito Rabat Reale Avintia Racing Ducati 1’33.666
15 55 Hafizh Syahrin Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’33.666
16 43 Jack Miller Alma Pramac Racing Ducati 1’33.672
17 45 Scott Redding Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’33.995
18 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda 1’34.125
19 17 Karel Abraham Angel Nieto Team Ducati 1’34.145
20 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’34.149
21 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’34.268
22 12 Thomas Luthi EG 0,0 Marc VDS Honda 1’35.192
23 10 Xavier Simeon Reale Avintia Racing Ducati 1’35.646

Na largada, Marquez manteve a liderança, Mas quem chamou a atenção foi Jorge Lorenzo que largou do 10º para nas primeiras curvas já de cara assumir a segunda posição. O Gladiador do Asfalto na sua melhor fase na Ducati Foi para cima de Marc Marquez e assumiu a liderança na curva 11. Incrível a 1ªvolta de Lorenzo. Marquez que ainda tentou dar o troco em Lorenzo que se segurou na liderança.

Valentino Rossi vinha em terceiro, Com Dovizioso em 4º, Crutchlow em 5º. Já Dani Pedrosa vinha em uma lamentável 19ªposição.

Marc Marquez volta a liderança no final da 2ªvolta, Mas a disputa estava longe de acabar. Alex Rins fez a melhor volta da prova estava no primeiro pelotão, Em 6ºlugar com sua Suzuki. Na Volta seguinte, Rins passou Crutchlow passando a 5ªposição. Na mesma volta, Lorenzo recupera a liderança passando a Formiga Atômica que perderia a segunda posição para Rossi. Era sem dúvida um momento ruim que Marquez vivia na prova.

 

Andrea Dovizioso começava a aparecer na prova, Travando um duelo pelo terceiro lugar com o líder do campeonato. Relembrando os velhos tempos, Valentino Rossi partiu para a pressão em cima de Lorenzo. O outro piloto Principal da Yamaha, Marevick Viñales faz a melhor volta da prova.

Marquez que vivia um momento ruim da prova, Se recupera e retorna ao segundo lugar, Passando O Doutor, Andrea Dovizioso foi de carona e jogou Rossi para o 4ºlugar. São 8 pilotos que estavam praticamente juntos no Primeiro Bloco da prova. Além de Lorenzo, Marquez, Dovizioso e Rossi tínhamos Rins, Viñales, Crutchlow e Zarco.

Dovizioso vai para cima de Marquez. A dobradinha da Ducati era uma realidade em Assen. Enquanto isso, Rins ultrapassa Rossi, Tomando a 4ªposição. E Logo depois, O piloto da Suzuki não tomou conhecimento de Andrea Dovizioso. Ele detonou o 3ºlugar do vice-campeão de 2017. Esse quadro não duraria muito mais que 1 volta. Dovizioso recuperou o 3ºlugar a superar Rins. Enquanto que Rossi sofria a pressão em cima de Viñales.

Na 11ªVolta, Rins e Rossi ultrapassaram Dovi que caia para o 5º, Era o momento ruim do Italiano na prova. Como também era para Takaagi Nakagami que já não vinha em uma boa corrida e acabou vazando a Chicane. Resultado disso foi uma punição de 1.5 segundo acrescentados para o final da prova.

Na Volta seguinte, Rins força a barra pra cima de Marquez que quase perde o equilíbrio da moto , Acabou se Segurando e evitando a queda. Mas perdeu posição para Rins e Dovizioso. Nessa história toda era Lorenzo que estava gostando muito. Ele vinha na frente sem ser muito ameaçado de forma incisiva.

Dovizioso e Marquez superaram Rins logo depois e foram a caça de Lorenzo. A 12 voltas do final, O Estrategista deu o bote em cima do seu companheiro de equipe passando a liderança. Parecia que os pneus do Piloto Espanhol começava a dar sinais de que tinha acabado. Porém, Lorenzo continuava a tocar no mesmo ritmo de Dovi e de Marques. Tanto é que ele abriam uma distância para Viñales que vinha em 4º após superar Alex Rins. Na volta seguinte, Marquez tomava o segundo lugar ultrapassando Lorenzo, Que parecia estar se retirando da briga pelo desgaste dos pneus.

Porém, Lorenzo ainda tinha bala para Gastar. Passando Marc Marquez (Que ainda tentou revidar a ultrapassagem, Sem Sucesso) E foi para cima de Dovizioso com tudo para ganhar a liderança a 9 voltas do final.

Mas em poucas curvas, Lorenzo foi engolido pelo Dovizioso, Marquez e Viñales caindo para o 4ºlugar. Na Curva seguinte, Viñales ultrapassa Marquez e ganha o segundo lugar e depois passou Dovizioso assumindo a liderança pela primeira vez, como Marquez tomando o segundo lugar do piloto da Ducati.

Na Volta seguinte, Marc Marquez ultrapassa Marevick Viñales para assumir a liderança. O Piloto da Yamaha não desistiu e foi para a pressão em cima do piloto da Honda, Buscando a primeira vitória da fábrica em 2018.

Porém, Precisava ficar de olho no Dovizioso e no Rossi. No final da volta 21, Marquez e Viñales acabaram perdendo a curva, Dovi e Rossi se aproveitaram e passaram a frente.

Rossi queria a vitória e partiu para a briga em cima do Dovizioso, Chegando a passar para a liderança por alguns segundos. Na Volta 23, Marquez em uma grande manobra acabou passando ambos e retornando a liderança. A três voltas do final, Marquez começou a abrir vantagem. Dovizioso era pressionado pelo Rossi em busca do 2ºlugar.

Na Chicane, Rossi passou Dovizioso. O Italiano com a Ducati foi pra cima do Velho de 39 anos que acabou saindo da curva. Mas não foi Dovi que ficou com o 2ºlugar. Ele perdeu posição para Viñales e Rins caindo para o 4ºlugar, Rossi caiu para o 5ºlugar.

Na volta final, Rins foi para cima de Viñales que se segurou na segunda posição até a curva 15 quando o Piloto da Suzuki ganhou o segundo lugar. Ao final da prova Rossi passou Dovizioso que deu o troco na última perna da Chicane, A metros da linha de chegada.

Marquez conquistou sua 4ªvitória em 2018, após 2 provas sem vencer e ver Jorge Lorenzo com a Ducati crescer no campeonato. Uma grande vitória do Piloto Espanhol que sai de Assen com 41 pontos a frente do vice-líder do Campeonato.

Alex Rins com a Suzuki conquista o 2ºlugar em uma bela corrida, O pódio foi completado por Marevick Viñales, Que acabou fechando o pódio todo espanhol com sua Yamaha.

Andrea Dovizioso que poderia ter vencido a prova, Teve uma grande atuação ficando em 4ºlugar, Igualmente o que aconteceu com Valentino Rossi que tem nesse circuito o seu ápice de desempenhos nos últimos anos.

Cal Crutchlow acabou ficando a frente de Jorge Lorenzo em 6ºlugar. Depois de 2 importantes vitórias, Dessa vez o Gladiador do Asfalto ficou muito longe de um bom resultado. Johann Zarco com a Tech 3 de 2016 (Que começa a dar claros sinais de que esta ultrapassada) Acabou em 8ºlugar. Completando os 10 primeiros lugares: O Excelente Álvaro Bautista com a Ducati de 2017 da equipe de Angel Nieto em 9ºlugar e Andrea Iannone que decepcionou com o 10ºlugar.

Jack Miller com a Pramac que sobrou, Os irmãos Espargaró (Pol em 12º e Aleix em 13º), Scott Redding mostrando algum resultado com a Aprilla e Fechando de forma melancólica esse final de semana o Espanhol Dani Pedrosa, Com uma Honda de 2018 da equipe Principal ter feito apenas 1 ponto. Não só isso como ter um final de semana tão horrível como esse.

Nesse final de semana teremos o GP da Alemanha, No Circuito de Sachsenring na Alemanha. No dia da final da Copa do Mundo. Marquez já esta com a liderança do campeonato garantido para as férias. Mas a disputa vai ser para ser “Quem vai derrotar Marc Marquez no circuito Alemão?” O Espanhol desde de 2010 ele não sabe outro resultado a não ser a vitória.

Resultado Final da 8ªEtapa do Mundial de Motovelocidade
GP da Holanda – MotoGP

pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda 41’13.863
2 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki a 2.269
3 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha a 2.308
4 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati a 2.422
5 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha a 2.963
6 35 Cal Crutchlow LCR Honda CASTROL Honda a 3.876
7 99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati a 4.462
8 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha a 7.001
9 19 Alvaro Bautista Angel Nieto Team Ducati a 7.541
10 43 Jack Miller Alma Pramac Racing Ducati a 13.056
11 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki a 14.255
12 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM a 15.876
13 41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia a 15.986
14 45 Scott Redding Aprilia Racing Team Gresini Aprilia a 16.019
15 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda a 16.043
16 53 Tito Rabat Reale Avintia Racing Ducati a 16.416
17 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM a 29.073
18 55 Hafizh Syahrin Monster Yamaha Tech 3 Yamaha a 33.824
19 30 Takaaki Nakagami LCR Honda IDEMITSU Honda a 34.037
20 12 Thomas Luthi EG 0,0 Marc VDS Honda a 47.853
9 Danilo Petrucci Alma Pramac Racing Ducati a 9 Voltas
10 Xavier Simeon Reale Avintia Racing Ducati a 9 Voltas
17 Karel Abraham Angel Nieto Team Ducati a 15 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *