Ricky Brabec domina 4ªEtapa do Dakar 2019 nas Motos

O Norte-Americano Ricky Brabec venceu de ponta a ponta a 4ªEtapa do Dakar 2019. Que foi de Arequipa até a Moquegua e passou a liderar na classificação geral dos pilotos.

No primeiro setor, Ricky Brabec que faz um grande Dakar assumiu a liderança, Com grande folga sobre o Austriaco da KTM Matthias Walkner, Segundo colocado a 1 minuto e 29 segundos atrás. Toby Price vinha em 3ºlugar, 8 segundos atrás do seu companheiro de equipe. Pablo Quintanilla vinha em 4º e Kevin Benavides completava os Top 5. 2 segundos a frente de Adrien van Beveren, 3 segundos a frente de Stefan Svitko e 6 a frente de San Sunderland que vinha em 8ºlugar. Paulo Gonçalves com a Honda e Oriol Mena com a Hero completavam os 10 primeiros colocados.

Brabec aumenta sua vantagem na liderança no 2ºsetor para 2 minutos e 19 segundos a frente de Walkner, O Esquadrão da KTM tinha Toby Price em 3º e San Sunderland em 5º, 6 segndos atrás de Kevin Benavides. Stefan Svitko vinha em uma decente 6ªposição, 4 segundos atrás estava a primeira Yamaha, Que vinha com o Francês Adrien Van Beveren. Paulo Gonçalves vinha por perto do Francês em 8ºlugar. Palbo Quintanilla com a Husqvarna e Oriol Mena com a Hero completavam os 10 primeiros colocados, Ambos empatados a 4 minutos e 38 segundos atrás de Brabec. Lorenzo Santolino continua sendo o melhor dos estreante em 11ºlugar, A Frente de Andrew Short, de Michael Metge, de José Ignacio Cornejo e de Ross Branch completando os 15 primeiros colocados.

No terceiro setor, Brabec com sua Honda era o líder, Com 2 minutos e 38 segundos a frente de Matthias Walkner que buscava a recuperação depois da fraca 3ªetapa. 12 segundos depois em 3ºlugar vinha o Australiano Toby Price. Kevin Benavides com a Honda vinha em 4ºlugar a 3 minutos e 59 segundos do norte-americano. Stefan Svitko, Melhor piloto de moto privada vinha em 5ºlugar, Com 12 segundos a frente de San Sunderland e 20 segundos a frente do Português Paulo Gonçalves. Adrien Van Beveren, Pablo Quintanilla e Oriol Mena completavam os Top 10. Com Lorenzo Santolino e Andrew Short correndo atrás em 11º e 12ºlugares.

No quarto setor de prova, Brabec praticamente manteve sua vantagem para Walkner (Caiu 6 segundos a distância entre os dois pilotos) O Campeão de 2018 tinha uma pequena vantagem para seu companheiro de equipe Toby Price que vinha em 3ºlugar. Kevin Benavides vinha em 4º lugar, 38 segundos a frente de San Sunderland, Que subiu do 6º para o 5ºlugar. Paulo Gonçalves, Adrien van Beveren e Stefan Svitko disputavam o 6ºlugar, Separados por apenas 8 segundos. Quintanilla, Oriol Mena, Lorenzo Santoino e Andrew Short permaneceram nas posições do setor passado. Xavier de Soultrait vinha em 16ºlugar, A 8 minutos e 17 segundos atrás do líder da Especial.

No 5ºSetor, Ricky Brabec continua líder com sua Honda, Agora com uma diferença menor para Matthias Walkner. Com 1 minuto e 57 segundos atrás. Toby Price continua em 3ºlugar. San Sunderland subiu mais uma posição, Indo para o 4ºlugar, 6 minutos e 2 segundos atrás do líder. Oriol Mena subiu muito com sua Hero, Do 10ºlugar para o 5ºlugar, 26 segundos a frente de Paulo Gonçalves da Honda.

Adrien van Beveren, José Ignacio Cornejo Florimo e Stefan Svitko disputavam o 7ºlugar com 9 segundos de distância entre os 3. Lorenzo Santolino continuava em uma ótima trajetória com sua Sherco, Classificado em 10ºlugar. Kevin Benavides acabou perdendo muitas posições, Mas ainda assim não perdeu tanto tempo, Estava em 12ºlugar a 11 minutos e 25 segundos atrás do líder. 11 segundos a frente de seu irmão Luciano Benavides. Palbo Quintanilla também caiu muito, Estava em 20ºlugar com 13 minutos e 27 segundos defasado sobre o líder.

Ricky Brabec aumentou sua vantagem para Matthias Walkner, No 6ºsetor a vantagem do Norte-Americano para o Austríaco é de 2 minutos e 59 segundos. Continuava Toby Price na terceira posição a 4 minutos e 15 segundos atrás de Brabec. San Sunderland continuava em 4ºlugar. O Francês Adrien Van Beveren vinha completando os 5 primeiros colocados, 8 minutos e 45 segundos atrás do líder.

Paulo Gonçalves abriu 25 segundos sobre Stefan Svitko mantendo o 6ºlugar. O Eslovaco vinha em 7ºlugar com 12 segundos a frente de José Ignacio Cornejo (Honda) e 20 segundos a frente de Lorenzo Santolino (Sherco). O Norte-Americano Andrew Short completava os Top 10, 11 minutos e 45 segundos atrás de Brabec. Kevin Benavides vinha em 11º com Oriol Mena que perdeu várias posições, Caindo para o 12ºlugar com 13 minutos e 23 segundos atrás. Pablo Quintanilla começava a se recuperar em 14ºlugar. Já Xavier de Soultrait continuava muito atrás, Em 18ºlugar com 15 minutos e 41 segundos atrás da liderança. Longe do desempenho que levou o francês a vitória no 3ºestágio.

No 7ºSetor, Tudo inalterado nas 5 primeiras posições. Brabec com a Honda na liderança, Com 3 minutos e 10 segundos atrás de Matthias Walkner da KTM. Toby Price (KTM), San Sunderland (KTM) e Adrien van Beveren (Yamaha) completavam os 5 primeiros colocados. 3 motos da equipe oficial da KTM, Uma da Honda e outra da Yamaha. Stefan Svitko ganhou posição de Paulo Gonçalves e assumiu o 6ºlugar, Já a 10 minutos e 43 segundos atrás de Brabec. 15 segundos a frente do piloto Portugues. O Chileno José Ignacio Cornejo, O Espanhol Lorenzo Santolino e o Argentino Kevin Benavides completavam os 10 primeiros colocados.

Brabec chegou ao penúltimo setor na liderança, Com 3 minutos e 42 segundos a frente de Matthias Walkner, O piloto da Honda perto da vitória. Mesmo com o trio de ferro da Marca Austríaca atrás do Norte-Americano da Honda. Toby Price vinha 6 minutos e 13 segundos atrás, e San Sunderland com 9 minutos e 15 segundos atrás. Completando os 5 primeiros colocados vinha o Francês Adrien Van Beveren com sua Yamaha. Paulo Gonçalves, Stefan Svitko, Cornejo Florimo e Lorenzo Santolino estavam separados em apenas 47 segundos entre o 6º até o 9ºlugar. Kevin Benavides completava os 10 primeiros lugares com 13 minutos e 38 segundos atrás.

Brabec venceu de maneira impressionante a 4ªEtapa do Dakar, Com 6 minutos e 19 segundos a frente do Austríaco Matthias Walkner. O Campeão de 2018 nada pode fazer para deter um inspirado norte-Americano da equipe Honda. Toby Price fechou a Especial em 3ºlugar. O Francês Adrien van Beveren chegou em 4ºlugar, 6 segundos a frente de San Sunderland e 7 segundos a frente do Português Paulo Gonçalves.

Stefan Svitko segurou o 7ºlugar por 23 segundos de frente para Jose Ignacio Cornejo Florimo da Honda. Também com a moto da Honda, O Argentino Kevin Benavides ficou em 9ºlugar, A 15 minutos e 40 segundos da vitória. Completando os 10 primeiros o Estreante Lorenzo Santolino da Sherco. Oriol Mena ficou em 11º, a poucos segundos atrás do 10ºlugar.

Andrew Short acabou em 12ºlugar. O Irmão de Kevin Benavides não foi nada mal e chegou em 13ºlugar Luciano Benavides. Pablo Quintanilla em 14º 20 minutos e 21 segundos e Xavier de Soultrait em 15º a 23 minutos e 10 segundos de atraso para Brabec acabaram sendo as decepções da Especial. Jacopo Cerutti em uma boa 16ªposição com sua Husqvarna, Ross Branch continua impressionando no Dakar ao cegar em 18º. Armand Monleon e Laia Sanz em boas posições entre os 20 primeiros. Joaquim Rodrigues em 30º, Ivan Jakes em 37º, Diego Duplessis em 39º, Emanuel Gyenes em 50º, Carlos Gracida Garza em 77º e Aravind Prabhakar em 79º foram as decepções da 4ªEspecial.

Resultado final da 4ªEtapa do Dakar – Motos

pospilotoPaisEquipeVeiculoTempo
115Ricky BrabecEstados UnidosMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally03H 40′ 30”
21Matthias WalknerÁustriaRed Bull Ktm Factory TeamKTM+ 00H 06′ 19”
33Toby PriceAustráliaRed Bull Ktm Factory TeamKTM+ 00H 07′ 07”
44Adrien Van BeverenFrançaYamalube Yamaha Official Rally TeamYamaha WR450F+ 00H 13′ 29”
514San SunderlandInglaterraRed Bull Ktm Factory TeamKTM+ 00H 13′ 35”
62Paulo GoncalvesPortugalMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 13′ 36”
711Stefan SvitkoEslováquiaSlovnaft TeamKTM 450 Rally Replica+ 00H 14′ 10”
810Jose Ignacio CornejoChileMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 14′ 33”
947Kevin BenavidesArgentinaMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 15′ 40”
1063Lorenzo SantoliniEspanhaSherco TVS Rally FactorySherco TVS 450+ 00H 17′ 02”
117Oriol MenaEspanhaHero Motorsports Team RallyHero 450 Rally+ 00H 17′ 16”
1229Andrew ShortEstados UnidosRockstar Energy Husqvarna Factory RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 18′ 51”
1377Luciano BenavidesArgentinaRed Bull Ktm Factory TeamKTM 450+ 00H 20′ 03”
146Pablo QuintanillaChileRockstar Energy Husqvarna Factory RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 20′ 21”
1518Xavier de SoultraitFrançaYamalube Yamaha Official Rally TeamYamaha WR450F+ 00H 23′ 10”
1633Jacopo CeruttiItáliaSolarys RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 23′ 24”
1716Michael MetgeFrançaSherco TVS Rally FactorySherco TVS 450+ 00H 23′ 32”
18114Ross BranchBotsuanaBas Dakar TeamKTM 450 Rally Factory Replica+ 00H 23′ 55”
1920Armand MonleónEspanhaKlicen KTM R2R Dakar Rally TeamKTM RR450+ 00H 24′ 43”
2017Laia SanzEspanhaKTM Factory Racing TeamKTM+ 00H 24′ 58”
2124Adrien MetgeFrançaSherco TVS Rally FactorySherco TVS 450+ 00H 25′ 23”
2228Daniel Nosiglia JagerBolíviaMEC HRCHonda CRF 450 Rally+ 00H 28′ 41”
2373Skyler HowesEstados UnidosKlymciw RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 30′ 00”
2434Mario PatraoPortugalKTM Factory Racing TeamKTM 450+ 00H 30′ 58”
2542Maurizio GeriniItáliaSolarys RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 31′ 36”
2646Jan BrabecRepública TchecaBig Shock RacingHusqvarna WR 450 F+ 00H 32′ 04”
27110Sebastian BühlerAlemanhaBühler Racing TeamKTM 450 Rally+ 00H 32′ 22”
2843Adam TomiczekPolôniaOrlen TeamKTM RR450+ 00H 33′ 43”
29108Kenneth GlibertÁfrica do SulBas Dakar TeamHusqvarna FR450 Rally+ 00H 35′ 03”
3027Joaquim RodriguesPortugalHero Motorsports Team RallyHero 450 Rally+ 00H 36′ 50”
3138Milan EngelRepública TchecaMoto Racing Group (MRG)KTM 450 Rally Replica+ 00H 37′ 14”
3230Marc Sola TerradellasEspanhaFN Speed TeamKTM 450 Rally Replica+ 00H 37′ 48”
3375Antonio MaioPortugalDrag’on Rally TeamYamaha 450+ 00H 37′ 53”
3436Maciei GiemzaPolôniaOrlen TeamKTM 450 Rally Replica+ 00H 45′ 12”
35132Wesley PittensHolandaYamaha Team Pittens NetherlandsYamaha WR450F Rally Replica+ 00H 46′ 39”
3639Beniamin MelotFrançaNomade RacingKTM 450 Rally Replica+ 00H 47′ 19”
3721Ivan JakesEslováquiaJakes Dakar TeamKTM 450 Rally Replica+ 00H 52′ 06”
3861Anthony BoursFrançaAntho Moto Sport – Drag’on Rally TeamYamaha 450+ 00H 52′ 21”
3922Diego Martin DuplessisArgentinaMEC HRCHonda CRF 450 Rally+ 00H 57′ 26”
4064Oscar RomeroEspanhaTesla-Tamega Rally TeamKTM 450 Rally Replica+ 00H 59′ 07”

Classificação Geral

pospilotoPaisEquipeVeiculoTempo
115Ricky BrabecEstados UnidosMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally12H 33′ 00”
26Pablo QuintanillaChileRockstar Energy Husqvarna Factory RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 02′ 19”
33Toby PriceAustráliaRed Bull Ktm Factory TeamKTM+ 00H 04′ 22”
414San SunderlandInglaterraRed Bull Ktm Factory TeamKTM+ 00H 07′ 45”
54Adrien Van BeverenFrançaYamalube Yamaha Official Rally TeamYamaha WR450F+ 00H 08′ 56”
647Kevin BenavidesArgentinaMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 09′ 01”
71Matthias WalknerÁustriaRed Bull Ktm Factory TeamKTM+ 00H 09′ 31”
82Paulo GoncalvesPortugalMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 20′ 45”
918Xavier de SoultraitFrançaYamalube Yamaha Official Rally TeamYamaha WR450F+ 00H 22′ 00”
1011Stefan SvitkoEslováquiaSlovnaft TeamKTM 450 Rally Replica+ 00H 28′ 09”
1129Andrew ShortEstados UnidosRockstar Energy Husqvarna Factory RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 30′ 04”
127Oriol MenaEspanhaHero Motorsports Team RallyHero 450 Rally+ 00H 35′ 17”
1363Lorenzo SantoliniEspanhaSherco TVS Rally FactorySherco TVS 450+ 00H 39′ 46”
1477Luciano BenavidesArgentinaRed Bull Ktm Factory TeamKTM 450+ 00H 50′ 52”
1510Jose Ignacio CornejoChileMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 56′ 20”
1624Adrien MetgeFrançaSherco TVS Rally FactorySherco TVS 450+ 01H 05′ 56”
1728Daniel Nosiglia JagerBolíviaMEC HRCHonda CRF 450 Rally+ 01H 13′ 39”
1833Jacopo CeruttiItáliaSolarys RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 01H 21′ 42”
1920Armand MonleónEspanhaKlicen KTM R2R Dakar Rally TeamKTM RR450+ 01H 27′ 18”
2017Laia SanzEspanhaKTM Factory Racing TeamKTM+ 01H 29′ 15”
2134Mario PatraoPortugalKTM Factory Racing TeamKTM 450+ 01H 36′ 50”
2273Skyler HowesEstados UnidosKlymciw RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 01H 36′ 54”
2342Maurizio GeriniItáliaSolarys RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 01H 42′ 39”
24114Ross BranchBotsuanaBas Dakar TeamKTM 450 Rally Factory Replica+ 01H 49′ 19”
2546Jan BrabecRepública TchecaBig Shock RacingHusqvarna WR 450 F+ 01H 51′ 24”
2616Michael MetgeFrançaSherco TVS Rally FactorySherco TVS 450+ 02H 10′ 23”
27108Kenneth GlibertÁfrica do SulBas Dakar TeamHusqvarna FR450 Rally+ 02H 16′ 17”
2843Adam TomiczekPolôniaOrlen TeamKTM RR450+ 02H 21′ 35”
2930Marc Sola TerradellasEspanhaFN Speed TeamKTM 450 Rally Replica+ 02H 24′ 42”
3039Beniamin MelotFrançaNomade RacingKTM 450 Rally Replica+ 02H 27′ 34”
3127Joaquim RodriguesPortugalHero Motorsports Team RallyHero 450 Rally+ 02H 30′ 51”
3238Milan EngelRepública TchecaMoto Racing Group (MRG)KTM 450 Rally Replica+ 02H 36′ 38”
33110Sebastian BühlerAlemanhaBühler Racing TeamKTM 450 Rally+ 02H 46′ 12”
3475Antonio MaioPortugalDrag’on Rally TeamYamaha 450+ 02H 50′ 35”
3522Diego Martin DuplessisArgentinaMEC HRCHonda CRF 450 Rally+ 02H 52′ 13”
3636Maciei GiemzaPolôniaOrlen TeamKTM 450 Rally Replica+ 03H 01′ 02”
3792Arunas GelazninkLituâniaArunas GelazninkasKTM Rally Replica+ 03H 01′ 51”
3849Max HuntInglaterraHT Rally Raid Husqvarna RacingHusqvarna FR 450 RR+ 03H 03′ 32”
39132Wesley PittensHolandaYamaha Team Pittens NetherlandsYamaha WR450F Rally Replica+ 03H 10′ 39”
4037Loic MinaudierFrançaNomade RacingKTM 450 Rally Replica+ 03H 21′ 57”

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Gerard Farres Guell vence 3ªProva, Chileno assume liderança na Geral

O Espanhol Gerard Farres Guell conquistou a vitória na 3ªEtapa do Dakar de 2019. Nos SxS a liderança mudou de mãos. O Chileno Francisco Lopez Contrado.

No 1ºSetor, Reinaldo Varela começou na liderança, O Líder na Geral abriu 53 segundos a frente de Sergei Kariakin com seu BRP quase que solitário. Em terceiro vinha o Chileno Francisco Lopez Contardo. O Brasileiro Cristian Baumgart vinha em 4ºlugar, 4 segundos a frente de Gerard Farres Guell que vinha em 5º.

Ignacio Casale vinha em 6ºlugar, Com Casey Currie, Ricardo Porem, José Salaverry e Miguel Jordão completando os 10 primeiros lugares.

No segundo setor, Varela mantem liderança com 59 segundos a frente do Russo Kariakin. Em terceiro vinha outro Brasileiro, Cristian Baumgart com 10 segundos a frente de Farres Gueel e 25 segundos a frente de Lopez Contardo. Ignacio Casale continuava em 6ºlugar, Manteve o 6ºlugar. Assim como Currie, Porem, Salaverry. O 10ºlugar estava nesse momento com Marcos Baumgart, A 3 minutos e 36 segundos do líder.

No 3ºSetor, A Liderança troca de mãos, O Chileno Lopez Contardo assumiu a liderança da etapa. Uma liderança apertada, Com 10 segundos a frente do Espanhol Gerard Farres Guell, O Segundo colocado. 50 segundos atrás do Chileno vinha o Norte-Americano Casey Currie. Sergei Kariakin e Ignacio Casale completam os 5 primeiros colocados, Com diferença de 1 minuto e 36 segundos entre esses 5 pilotos.

O Chileno Rodrigo Javier Moreno Piazzoli vinha em 7ºlugar, Atrás do Peruano José Salaverry, O piloto da Casa é mais um piloto a se destacar em casa. Reinaldo Varela acabou perdendo a liderança e caindo para o 8ºlugar, 5 minutos e 1 segundo atrás do líder. Miguel Jordão e Marcos Baumgart completam os 10 primeiros lugares.

No WP5, Farres Guell assumiu a liderança da prova. Com curtos 41 segundos de vantagem para o Russo Sergei Kariakin que subiu do 4º para o 2ºlugar. Reinaldo Varela não só recuperou posições (O Brasileiro passou do 8º para o 3ºlugar) como recuperou tempo e agora estava a 1 minuto e 28 segundos atrás do líder. Casey Currie recuou do 3º para o 4ºlugar enquanto Lopez Contardo acabou caindo da liderança para o 5ºlugar, Com desvantagem de 2 minutos e 27 segundos para o líder.

Moreno Piazzoli vinha longe dos 5 primeiros colocados, Com 9 minutos e 11 segundos atrás da liderança. Miguel Jordão venha em 7ºlugar. Marcos Baumgart a 20 minutos da liderança em 8ºlugar, José Salaverry e Cristian Baumgart completavam os 10 primeiros.

Gerard Farres Guell continuava na liderança no 6ºSetor, Com uma vantagem um pouco maior que o Russo Sergei Kariakin. 1 minuto e 1 segundo de vantagem. Com Reinaldo Varela perto de Kariakin, A 25 segundos atrás do Russo. Francisco Lopez Contardo vinha em 4º com 18 segundos de frente para o Norte-Americano Casey Currie.

Moreno Piazzoli manteve o 6ºlugar com Miguel Jordão em 7ºlugar. Eles vinham já mais longe dos primeiros colocados, Mais atrás ainda vinham Marcos Baumgart, José Salaverry e Cristian Baumgart.

Farres Guell continuava na frente, Agora com uma diferença menor para Reinaldo Varela que vinha 48 segundos atrás do Espanhol. Tudo indicava uma bela briga pela vitória entre esses dois pilotos. Sergei Kariakin já vinha 2 minutos atrás. Com Lopez Contardo mantendo o 4ºlugar. O Norte-Americano Casey Currie perdeu muito tempo, Apesar de manter o 5ºlugar, Agora ele vinha a 11 minutos e 17 da liderança. Só tinha 33 segundos de vantagem para O Chileno Moreno Piazzoli.

Marcos Baumgart subiu para o 7ºlugar, Superando Miguel Jordão de Portugal. Cristian Baumgart e José Salaverry completou os 10 primeiros. Ignacio Casale estava mais atrás, Em 14ºlugar a 49 minutos e 42 segundos atrás de Farres Guell.

No penúltimo setor, O Espanhol Gerard Farres Guell abriu vantagem sobre Reinaldo Varela. Agora era de 2 minutos e 21 segundos, Que seriam importantíssimos para o final da prova, O Brasileiro precisaria se preocupar com a aproximação do Chileno Francisco Lopez Contardo, 20 segundos atrás em 3ºlugar.

Sergei Kariakin vinha em 4º e Casey Currie manteve o 5ºlugar. Assim como Moreno Piazzoli, Marcos Baumgart e Miguel Jordão mantiveram suas posições. Herman Garces subiu para o 9ºlugar superando José Salaverry (Que vinha a 39 minutos e 9 segundos atrás do líder) e do Brasileiro Cristian Baumgart em 11ºlugar.

Reinaldo Varela teve problemas no último Setor, E permitiu a vitória do Espanhol Gerard Farres Guell foi facilitada. Com 2 minutos e 3 segundos sobre o Chileno Francisco Lopez Contardo, O piloto assumiu a liderança na geral com esse resultado.

O Russo Sergei Kariakin acabou mesmo em 3ºlugar, A 4 minutos e 42 segundos sobre o vencedor. Casey Currie acabou a 11 minutos e 29 segundos atrás. Completando os 5 primeiros colocados chegou o Chileno Rodrigo Javier Moreno Piazzoli.

O Brasileiro Reinaldo Varela acabou com os problemas chegando em 6ºlugar, A 15 minutos e 36 segundos atrás. Bem a frente de Marco Baumgart, O Também brasileiro acabou a mais de 12 minutos atrás. Miguel Jordão terminou em 8º, Cristian Baumgart e Hernan Garces completaram os 10 primeiros colocados. Ignacio Casale acabou em 14ºlugar, A Mais de 1 hora de atraso para o campeão da Etapa. Certamente vai dificultar a disputa do campeonato.

Resultado Final da 3ªEtapa do Dakar – SxS

pospiloto/Copiloto/PaisEquipe/VeiculoTempo
1358Gerard Farres GuellEspanhaMonster Energy CAN-AM04H 35′ 58”
1358Daniel Oliveras CarrerasEspanhaCAN-AM Maverick
2360Francisco Lopez ContardoChileSouth Racing CAN-AM+ 00H 02′ 03”
2360Alvaro Juan LeonChileCAN-AM Maverick
3344Sergei KariakinRússiaSNAG Racing Team+ 00H 04′ 42”
3344Anton VlasiukRússiaBRP Maverick X3
4343Casey CurrieEstados UnidosMonster Energy CAN-AM+ 00H 11′ 29”
4343Rafael TornabellEspanhaCAN-AM Maverick X3
5421Rodrigo Javier Moreno PiazzoliChileMamoro Rally Team+ 00H 14′ 31”
5421Jorge Gabriel Araya DiazChileCAN-AM Marevick X3RS
6340Reinaldo VarelaBrasilMonster Energy CAN-AM+ 00H 15′ 36”
6340Gustavo GugelminBrasilCAN-AM Maverick X3
7412Marcos BaumgartBrasilX Rally Team+ 00H 27′ 23”
7412Kleber CinceaBrasilCAN-AM Maverick X3
8372Miguel JordãoPortugalSouth Racing CAN-AM+ 00H 31′ 51”
8372Lourival RoldanBrasilCAN-AM Maverick
9398Cristian BaumgartBrasilX Rally Team+ 00H 39′ 41”
9398Alberto AndreottiBrasilCAN-AM Maverick X3
10366Hernan GarcesChileSouth Racing CAN-AM+ 00H 41′ 56”
10366Juan Palbo LatrachChileCAN-AM Maverick

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Walkner supera Brabec no final e ganha segunda etapa do Dakar

Matthias Walkner conquistou uma bela vitória na segunda etapa do Dakar 2019, Após disputar setor a setor com o Norte-Americano Ricky Brabec. Um dos candidatos a vitória Michael Metge acabou com problemas e esta fora da disputa do campeonato, A mais de uma hora e meia dos lideres. Barreda Bort continua na liderança na Geral

A Largada foi dada as 8 e meia da Manhã, (11 e meia da Manhã no Horário de Brasília) Com Joan Barreda Boat e depois com Pablo Quintanilla, Ricky Brabec, Adrien Van Beveren e San Sunderland, Além dos mais de 130 pilotos que estavam na disputa. A Disputa era entre Pisco até San Juan de Marcona, Com

Ricky Brabec, 3ºlugar no primeiro estágio começou na liderança com sua moto da Honda, Com Matthias Walkner da KTM na segunda posição. 10 segundos a frente do norte-americano. Os dois primeiros abriram uma boa vantagem de 1 minuto e 3 segundos sobre Adrien Van Beveren da Yamaha em 3º, Pablo Quintanilla em 4º, Kevin Benavides em 5º. (Ambos com o mesmo tempo – 1 minuto e 5 segundos atrás do líder) o Francês Xavier de Soultrait com a Yamaha em 6ºlugar, 10 segundos a frente de Joan Barreda Boat da Honda.

Quem era a surpresa da primeira parte foi o Espanhol Lorenzo Santolino, Com sua TVS Sherco. O Norte-Americano Andrew Short vem cumprindo a promessa de brigar mais a frente no Dakar, Em 9ºlugar. San Sunderland vinha em 10ºlugar, 1 segundo a frente do Argentino Franco Caimi da Yamaha. Paulo Gonçalves, Stefan Svitko, E os irmãos Metge com a TVS Sherco (Acho que nunca a marca colocou 3 motos entre os 15 primeiros lugares) completavam os top 15. O piloto Ross Branch de Botsuana vinha em uma surpreendente 17ªposição com sua KTM.

Brabec segurou a liderança no 2ºSetor, Por apenas 3 segundos de frente para o Austríaco Matthias Walkner. O piloto da Honda e o Piloto da KTM colocaram vantagem para o Argentino Kevin Benavides, com sua Honda a 2 minutos e 6 segundos atrás do líder. O Inglês San Sunderland vinha com sua KTM em 4ºlugar, 7 segundos atrás do vice-campeão de 2018.

O Francês Adrien Van Beveren com sua Yamaha vinha em 5º, Com 2 minutos e 20 atrás do líder e 10 segundos a frente do Espanhol Barreda Boat em 6ºlugar. Lorenzo Santolino continuava muito bem, Levando a Sherco a uma importante 7ªposição. Short, de Soultrait e Caimi completava os 10 primeiros. Palbo Quintanilla não estava aparecendo na classificação.

Ricky Brabec e Matthias Walkner polarizam a liderança no WP3, Os dois eram separados por apenas 1 segundo a favor do piloto da Honda sobre o piloto da KTM. Kevin Benavides continuava em 3ºlugar, A 2 minutos e 58 segundos atrás de Brabec e 2 minutos e 57 segundos atrás de Walkner. O Argentino vinha 16 segundos a frente de Barreda Bort e 17 a frente de Toby Price, que pulou do 11º para o 5ºlugar. O Australiano estava 1 segundo atrás do Espanhol e empatado com o Britânico San Sunderland, Seu companheiro de equipe.

Os pilotos da Yamaha Adrien van Beveren e Xavier de Soultrait vinham em 7º e 8ºlugares. Andrew Short da Husqvarna e Lorenzo Santolino da Sherco completavam os 10 primeiros. O Chileno Jose Ignacio Cornejo Florimo com a Honda, Franco Caimi com Yamaha, Paulo Goncalves com Honda e Michael e Adrien Metge da Sherco completava os 15 primeiros. Laia Sanz vinha decepcionando em 36ºlugar, A 13 minutos e 59 segundos atrás do líder. Outra decepção era Joaquim Rodrigues da Hero, Com 21 minutos e 44 segundos atrás do Brabec.

No 4ªSetor, Ricky Brabec conseguiu abrir uma vantagem para Walkner na liderança, com 26 segundos de frente para o piloto da KTM Matthias Walkner. O Espanhol Juan Barreda Boat assumiu a terceira posição, Com 2 minutos e 48 segundos atrás do líder. Toby Price e San Sunderland da KTM completavam os 5 primeiros colocados. Kevin Benavides acabou perdendo 3 posições, do 3º para o 6ºlugar, 5 minutos e 30 segundos atrás do líder. Adrien van Beveren com a Yamaha vinha em 7ºlugar.

Andrew Short com a Husqvarna subiu para o 8ºlugar. Completava os top 10: Cornejo Florimo e Xavier de Soultrait. Lorenzo Santolino sai dos 10 primeiros colocados por 8 segundos. Ross Branch continuava a fazer um belo estágio, Em 22ºlugar. O Peruano Cesar Pardo com sua KTM vinha em uma boa 34ªposição.

No 5ºSetor, Ricky Brabec continua na ponta, Com Matthias Walkner tirando alguns segundos da diferença do piloto da Honda. A 18 segundos atrás vinha o piloto Austríaco da KTM. OS dois continuavam muito na frente de Joan Barreda Boat da Honda, O espanhol estava a 2 minutos e 43 segundos atrás da liderança, O Piloto da Honda abriu 43 segundos a frente de Toby Price que vinha em 4º e a 59 segundos atrás do Britânico San Sunderland que vinha em 5ºlugar.

Kevin Benavides, Adrien van Beveren, Andrew Short, José Ignacio Cornejo Florimo e Xavier de Soultrait completavam os 10 primeiros colocados, As posições do 4º para o 5ºsetor não se alteraram. Paulo Goncalves subiu para o 11º, Seguido de Michael Metge, Stevan Svitko, Franco Caimi e Adrien Metge completando os 15 primeiros colocados. Oriol Mena vinha em uma modesta, Mas digna 18ªposição, Com 15 minutos e 16 segundos atrás de Brabec.

No 6ªSetor, Brabec abre sua maior vantagem para Matthias Walkner, Com 48 segundos de vantagem a favor do norte-Americano sobre o Campeão de 2018. Barreda Boat vinha em 3º, A 2 minutos e 59 segundos atrás da liderança. Toby Price, San Sunderland mantiveram suas posições. A única modificação entre os 10 primeiros foi Paulo Goncalves que ganhou o 10ºlugar de Xavier de Soultrait. Michael Metge teve sérios problemas e acabou perdendo mais de uma hora, Caindo para o 71ºLugar.

No 7ºSetor, Brabec com a Honda, aumenta sua vantagem para 1 minuto e 3 segundos para Matthias Walkner com KTM. Parecia que o Norte-americano iria manter a liderança até o final… O Espanhol Joan Barreda Bort seguia constante em 3ºlugar, 3 minutos e 6 segundos atrás de Brabec. Toby Price e San Sunderland continuam em 4º e 5ºlugar completando o esquadrão da marca Austríaca.

Adrian Van Beveren ganhou a 6ªposição que estava nas mãos de Kevin Benavides, Mas bem pra trás em relação aos 5 primeiros lugares, Com mais de 3 minutos atrás de Sunderland. Andrew Short manteve o 8ºlugar, Com Paulo Goncalves e Xavier de Soultrait completando os 10 primeiros colocados. Stefan Svitko aparecia em uma razoável 11ªposição (14 minutos e 25 segundos atrás de Brabec), Seguido de Adrien Metge, Joan Pedrero Garcia, Franco Caimi e Oriol Mena. Pablo Quintanilla, Lorenzo Santolini e Diego Duplessis estavam sem seus tempos marcados, Mas continuavam na corrida.

No penúltimo estágio, Ricky Brabec ver sua vantagem na liderança diminuída para 3 segundos, Matthias Walkner com sua KTM e Joan Barreda Bort com Honda a 2 minutos da liderança reduziram essa diferença. Ainda havia briga e possibilidade de mudança no primeiro lugar. Toby Pryce, San Sunderland, Adrien Van Beveren, Kevin Benavides, Andrew Short continuavam nas suas posições de 4º ao 8ºlugar respectivamente.

Jose Ignacio Cornejo Florimo voltou a ter registado seu tempo, Vinha em 9ºlugar, 11 minutos e 59 segundos atrás de Ricky Brabec e a frente de Paulo Goncalves (Ano passado o chileno substituiu o piloto Português que estava contundido) Xavier de Soultrait com sua Yamaha saiu dos 10 primeiros colocados.

No último setor, Matthias Walkner acabou passado Brabec e conquistando a vitória na 2ªEtapa do Dakar. O Austríaco com a KTM ficou na frente por 22 segundos do Norte-Americano Ricky Brabec da equipe Honda. Joan Barreda Boat ficou em 3º, Com 1 minuto e 41 segundos atrás do Vencedor. O Espanhol lidera a classificação geral da competição.

Toby Price acabou em 4º a 3 minutos e 6 segundos atrás de Walkner. 18 segundos depois acabou chegando o Chileno Pablo Quintanilla que ficou por muitos setores sem ter seu tempo marcado. O piloto da Husqvarna ficou com o 5ºlugar. San Sunderland acabou na 6ªposição. Depois vieram Adrien Van Beveren com Yamaha, Kevin Benavides com a Honda, Andrew Short com Husqvarna e Jose Ignacio Cornejo Florimo com a Honda.

Paulo Goncalves acabou em 11ºlugar, 14 minutos e 12 segundos atrás do vencedor. Xavier de Soultrait com Yamaha, Stefan Svitko com KTM ficaram em 12º e 13º. Lorenzo Santolino (Punido em 5 minutos depois da prova) Ficou em 14ºlugar e Adrien Metge (Ambos com a Sherco) acabou completando os Top 15. Oriol Mena terá que se esforçar mais para levar a Hero a posições melhores do que o 16ºlugar, 22 minutos e 54 segundos atrás do vencedor.

Walter Nosiglia Jager em uma decente 17ªposição, A Frente de Franco Caimi, Juan Pedrero Garcia e Luciano Benavides. Destaque da prova é Ross Branch com o 22ºlugar, Representando a Botsuana (apesar de ter nascido na África do Sul) Diego Duplessis acabou a prova em 25ºlugar, 31 minutos e 23 segundos atrás da vitória. Laia Sanz decepcionando com o 27ºlugar.

Joaquim Rodrigues e Santosh Chunchunguppe muito atrás de Mena, Não ajudando muito a Hero. Ivan Jakes em lamentável 57ªposição, Emanuel Gyenes também muito abaixo do que ele pode fazer com o 64ºlugar. (1 hora, 23 minutos e 17 segundos atrás do Walkner) E lamentar os problemas de Michael Metge que ficou longe demais da disputa, Ficando em 69ºlugar.

Resultado da 2ªEtapa do Dakar 2019
Pisco até San Juan de Mardona

pospilotoPaísEquipeVeiculoTempo
11Matthias WalknerÁustriaRed Bull Ktm Factory TeamKTM03H 23′ 57”
215Ricky BrabecEstados UnidosMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 00′ 22”
35Joan Barreda BoatEspanhaMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 01′ 41”
43Toby PriceAustráliaRed Bull Ktm Factory TeamKTM+ 00H 03′ 06”
56Pablo QuintanillaChileRockstar Energy Husqvarna Factory RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 03′ 24”
614San SunderlandInglaterraRed Bull Ktm Factory TeamKTM+ 00H 06′ 03”
74Adrien Van BeverenFrançaYamalube Yamaha Official Rally TeamYamaha WR450F+ 00H 09′ 05”
847Kevin BenavidesArgentinaMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 09′ 59”
929Andrew ShortEstados UnidosRockstar Energy Husqvarna Factory RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 12′ 25”
109Jose Ignacio CornejoChileMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 13′ 43”
112Paulo GoncalvesPortugalMonster Energy Honda Team 2019Honda CRF 450 Rally+ 00H 14′ 12”
1218Xavier de SoultraitFrançaYamalube Yamaha Official Rally TeamYamaha WR450F+ 00H 16′ 11”
1311Stefan SvitkoEslováquiaSlovnaft TeamKTM 450 Rally Replica+ 00H 19′ 00”
1463Lorenzo SantoliniEspanhaSherco TVS Rally FactorySherco TVS 450+ 00H 19′ 37”
1524Adrien MetgeFrançaSherco TVS Rally FactorySherco TVS 450+ 00H 21′ 36”
167Oriol MenaEspanhaHero Motorsports Team RallyHero 450 Rally+ 00H 22′ 54”
178Franco CaimiArgentinaYamalube Yamaha Official Rally TeamYamaha WR450F+ 00H 23′ 43”
1812Juan Pedrero GarciaEspanhaMoto Racing Group (MRG)KTM 450 Rally Replica+ 00H 23′ 50”
1958Walter NosigliaBolíviaMEC HRCHonda CRF 450 Rally+ 00H 24′ 05”
2077Luciano BenavidesArgentinaRed Bull Ktm Factory TeamKTM 450+ 00H 24′ 50”
2128Daniel Nosiglia JagerBolíviaMEC HRCHonda CRF 450 Rally+ 00H 25′ 37”
22114Ross BranchBotsuanaBas Dakar TeamKTM 450 Rally Factory Replica+ 00H 28′ 58”
2334Mario PatraoPortugalKTM Factory Racing TeamKTM 450+ 00H 30′ 23”
2446Jan BrabecRepública TchecaBig Shock RacingHusqvarna WR 450 F+ 00H 31′ 07”
2522Diego Martin DuplessisArgentinaMEC HRCHonda CRF 450 Rally+ 00H 31′ 23”
2620Armand MonleónEspanhaKlicen KTM R2R Dakar Rally TeamKTM RR450+ 00H 31′ 32”
2717Laia SanzEspanhaKTM Factory Racing TeamKTM+ 00H 31′ 46”
2836Maciei GiemzaPolôniaOrlen TeamKTM 450 Rally Replica+ 00H 32′ 37”
2925Rodney FaggoterAustráliaYamalube Yamaha Official Rally TeamYamaha WR450F+ 00H 33′ 13”
3043Adam TomiczekPolôniaOrlen TeamKTM RR450+ 00H 33′ 33”
3130Marc Sola TerradellasEspanhaFN Speed TeamKTM 450 Rally Replica+ 00H 33′ 45”
3242Maurizio GeriniItáliaSolarys RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 36′ 30”
3333Jacopo CeruttiItáliaSolarys RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 39′ 00”
3427Joaquim RodriguesPortugalHero Motorsports Team RallyHero 450 Rally+ 00H 39′ 07”
3573Skyler HowesEstados UnidosKlymciw RacingHusqvarna FR 450 Rally+ 00H 39′ 55”
3675Antonio MaioPortugalDrag’on Rally TeamYamaha 450+ 00H 41′ 32”
3750Santosh Chunchunguppe ShivashankaríndiaHero Motorsports Team RallyHero 450 Rally+ 00H 42′ 23”
3839Beniamin MelotFrançaNomade RacingKTM 450 Rally Replica+ 00H 53′ 20”
3952David MegrePortugalKTM PortugalKTM 450 Rally+ 00H 53′ 26”
4038Milan EngelRepública TchecaMoto Racing Group (MRG)KTM 450 Rally Replica+ 00H 54′ 26”

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Barreda Boat conquista vitória no Primeiro Estágio

Após 4 horas de disputa entre mais de 130 pilotos, A vitória ficou com o Espanhol Joan Barreda Boat da equipe oficial da Honda acabou conquistando o primeiro lugar, Com o Chileno Palbo Quintanilla e do Norte-Americano Ricky Brabec da Honda fechando os top 3.

Com os primeiros pilotos saindo as 9 e 50 da manhã em Lima, A Competição das Motos começou, Porém a saída dos pilotos não estava sendo rápida, Não estava com a rapidez que precisava ser. Teve intervalo de até 6 minutos entre o Português Miguel Caetano e o Chileno Ismael Nietto.

Entre os primeiros a chegar no primeiro posto de controle, Se destacou o peruano Cesar Pardo que ficou na primeira posição por muito tempo, Até ser superado Pelos irmãos Benavides (Kevin e Luciano), Pelo Indiano Santosh Chunchunguppe Shivashankar com a moto da Hero, Pelo Espanhol Romero Montoya e pelo Português Antonio Maio.

Na Segunda parte A Classificação estava Kevin Benavides, 5 minutos e 32 segundos a frente de Antonio Maio, Com Cesar Prado a 18 segundos do Português em 3ºlugar. Porém, Os principais favoritos não tinham feito suas passagens.

Os Favoritos só largaram as por volta do meio dia e 15 a meio dia e meio. Os Favoritos foram um a um derrubando os primeiros pilotos que largaram. Andrew Short, Daniel Nosiglia Jager e Joaquim Rodrigues apareceram bem, Mas o Espanhol Barreda Boat por volta das 10 pras 4 da tarde acabou com a brincadeira e passou a frente, Com 15 segundos a frente do Chileno Palbo Quintanilla.

Adrien van Beveren com a Yamaha, Matthias Walkner com a KTM, Ricky Brabec com a Honda superaram o Argentino da Moto 47. Santosh Shunshunguppe e Andrew Short ainda estavam em boas posições. Os outros covadjovantes foram descendo a ladeira na classificação. E foi a mesma coisa no segundo ponto de cronometragem. Barreda Boat abriu 59 segundos de Quintanilla e 1 minuto e 31 do Australiano Toby Price. Van Beveren com sua Yamaha e Rick Brabec estavam bem pertinho de Price. Assim como O Campeão e o Vice-Campeão de 2018: Walkner e Kevin Benavides.

San Sunderland, Andrew Short e José Ignacio Cornejo Florimo completavam os 10 primeiros colocados. Cesar Pardo já estava em 38ºlugar, Que ainda assim é uma bela posição para esse piloto peruano.

Já terminada a corrida: Os Irmãos Benavides estavam na frente, Com Walter Noslglia Jager, Santosh Shunshunguppe e o Estreante Lorenzo Santolino da Sherco Nas 5 primeiras posições. Mas quando chegou a turma da frente, A vitória ficou mesmo com Joan Barreda Boat. O espanhol da Honda ganhou seu 22ªEstágio da carreira e se mostra mais uma vez como um sério Candidato ao Campeonato.

Também não sendo nenhuma surpresa, O Chileno Palbo Quintanilla leva a Husqvarna para o segundo lugar, 1 minuto e 34 segundos atrás. O 3ºlugar ficou com o Norte-Americano Ricky Brabec com a Honda. 3 segundos depois veio o Francês Adrien van Beveren com sua Yamaha e logo a seguir, Fechando os 6 primeiros lugares o Inglês San Sunderland com a KTM. Muito disputado o 3ºlugar. Toby Price e Matthias Walkner em 6º e 7ºlugares já mostraram que a Marca Austríaca vem com a mesma tática dos anos anteriores (Que levou a marca a ganhar o evento desde de 2001) Kevin Benavides ficou com o 8ºlugar. 4 minutos atrás.

Jose Ignacio Cornejo Florimo com a Honda e Xavier de Soultrait com a Yamaha completaram as 10 primeiras posições. Após ficar de fora do Dakar em 2018, O Português Paulo Goncalves volta a competição, Ele terminou o estágio de hoje em 11ºlugar, Ficando a Frente de Michael Metge da Sherco e de Andrew Short com a Husqvarna (O Norte-Americano promete um melhor desempenho para esse ano)

De Resto… A Se destacar, A Hero veio com suas motos entre os 25 primeiros. (Oriol Mena em 14º, Santosh Shunshunguppe que foi uma surpresa ao chegar em 20º e Joaquim Rodrigues em 23º)

Daniel e Walter Nosiglia Jager mantendo a tradição da Família Bolíviana no mundo das duas rodas, Chegando muito bem em 17º e 19º Respectivamente. Juan Pedrero Garcia aparentemente não foi muito bem na sua nova equipe ao chegar em 21º.  Laia Sanz em 31º sendo a mais experiente das mulheres desse Dakar.

Cesar Pardo levou uma bela 38ªposição, A frente de pilotos mais experientes e a poucos segundos atrás de Maurizio Gerini e de Mario Patrao.

Juan Puga com uma modesta 72ªposição, Sendo o solitário representante do Equador nas motos. Vergonha participação dos Brasileiros Antonio Lincoln Berrocal em 95º (39 minutos e 26 segundos atrás do Vencedor) e Marcos Colvero em 132ºlugar (a 1 hora, 20 minutos e 45 segundos) E Nenhum piloto deixou o Dakar nessa primeira etapa do Campeonato.

Resultado provisório da Primeira etapa:

pospilotoEquipePaísVeiculoTempo
15Joan Barreda BoatMonster Energy Honda Team 2019EspanhaHonda CRF 450 Rally57:36:00
26Pablo QuintanillaRockstar Energy Husqvarna Factory RacingChileHusqvarna FR 450 Rallya 1:34
315Ricky BrabecMonster Energy Honda Team 2019Estados UnidosHonda CRF 450 Rallya 2:52
44Adrien Van BeverenYamalube Yamaha Official Rally TeamFrançaYamaha WR450Fa 2:55
514San SunderlandRed Bull Ktm Factory TeamInglaterraKTMa 2:56
63Toby PriceRed Bull Ktm Factory TeamAustráliaKTMa 3:08
71Matthias WalknerRed Bull Ktm Factory TeamÁustriaKTMa 3:12
847Kevin BenavidesMonster Energy Honda Team 2019ArgentinaHonda CRF 450 Rallya 4:00
99Jose Ignacio CornejoMonster Energy Honda Team 2019ChileHonda CRF 450 Rallya 5:22
1018Xavier de SoultraitYamalube Yamaha Official Rally TeamFrançaYamaha WR450Fa 5:54
112Paulo GoncalvesMonster Energy Honda Team 2019PortugalHonda CRF 450 Rallya 6:41
1216Michael MetgeSherco TVS Rally FactoryFrançaSherco TVS 450a 6:49
1329Andrew ShortRockstar Energy Husqvarna Factory RacingEstados UnidosHusqvarna FR 450 Rallya 6:53
147Oriol MenaHero Motorsports Team RallyEspanhaHero 450 Rallya 7:07
1577Luciano BenavidesRed Bull Ktm Factory TeamArgentinaKTM 450a 7:21
1611Stefan SvitkoSlovnaft TeamEslováquiaKTM 450 Rally Replicaa 7:24
1728Daniel Nosiglia JagerMEC HRCBolíviaHonda CRF 450 Rallya 7:42
188Franco CaimiYamalube Yamaha Official Rally TeamArgentinaYamaha WR450Fa 7:45
1958Walter NosigliaMEC HRCBolíviaHonda CRF 450 Rallya 7:49
2050Santosh Chunchunguppe ShivashankarHero Motorsports Team RallyíndiaHero 450 Rallya 9:13
2112Juan Pedrero GarciaMoto Racing Group (MRG)EspanhaKTM 450 Rally Replicaa 9:29
2230Marc Sola TerradellasFN Speed TeamEspanhaKTM 450 Rally Replicaa 9:48
2327Joaquim RodriguesHero Motorsports Team RallyPortugalHero 450 Rallya 10:14
2424Adrien MetgeSherco TVS Rally FactoryFrançaSherco TVS 450a 10:16
2563Lorenzo SantoliniSherco TVS Rally FactoryEspanhaSherco TVS 450a 10:53
2643Adam TomiczekOrlen TeamPolôniaKTM RR450a 11:01
2736Maciei GiemzaOrlen TeamPolôniaKTM 450 Rally Replicaa 11:10
2820Armand MonleónKlicen KTM R2R Dakar Rally TeamEspanhaKTM RR450a 11:16
2925Rodney FaggoterYamalube Yamaha Official Rally TeamAustráliaYamaha WR450Fa 11:27
3046Jan BrabecBig Shock RacingRepública TchecaHusqvarna WR 450 Fa 11:31
3117Laia SanzKTM Factory Racing TeamEspanhaKTMa 12:38
3222Diego Martin DuplessisMEC HRCArgentinaHonda CRF 450 Rallya 14:09
3338Milan EngelMoto Racing Group (MRG)República TchecaKTM 450 Rally Replicaa 14:17
3421Ivan JakesJakes Dakar TeamEslováquiaKTM 450 Rally Replicaa 15:44
3561Anthony BoursAntho Moto Sport – Drag’on Rally TeamFrançaYamaha 450a 17:08
3634Mario PatraoKTM Factory Racing TeamPortugalKTM 450a 17:13
3742Maurizio GeriniSolarys RacingItáliaHusqvarna FR 450 Rallya 17:32
38137Cesar PardoKTM Peru Rally Team 2018PeruKTM 450 Rally Replicaa 17:35
39108Kenneth GlibertBas Dakar TeamÁfrica do SulHusqvarna FR450 Rallya 17:42
4075Antonio MaioDrag’on Rally TeamPortugalYamaha 450a 18:00

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Formula Indy – Dixon conquista Pentacampeonato em Sonoma, Com Hunter-Reay vencendo após corrida impecável

Na última prova do campeonato se confirmou o favoritismo do Neozelandês Scott Dixon, Com o segundo lugar ele conquistou o 5ºtítulo da sua carreira na Formula Indy. Em uma corrida calma para o piloto da Ganassi, Ainda mais ajudado pelo erro de Rossi na primeira curva que acabou dando a tranquilidade a Dixon. O Norte-Americano Ryan Hunter-Reay dominou a prova e conquistou a vitória no Circuito de Sonoma, Que vai sair do calendário da categoria em 2019.

O Campeonato que estava favorável para o piloto Neozelandês, ficou bem melhor com a Largada. Enquanto Ryan Hunter-Reay e Scott Dixon mantiveram as 2 primeiras posições. Alexander Rossi tentou ganhar posições, Mas acabou tocado em Marco Andretti, Quebrando o Aerofólio e furando o seu pneu. O piloto da Andretti foi se arrastando para os boxes. Ao trocar os pneus, Rossi voltou a quase 1 minuto atrás de Hunter-Reay e de Dixon.

Enquanto Hunter-Reay abria vantagem na liderança, Dixon vinha em uma tranquila segunda posição. Newgarden, Andretti e o estreante Patrício O’Ward com o carro da Harding vinha em 5ºlugar. Tony Kannan se aproveitando da confusão da largada, ganhou 5 posições e foi para o 13ºlugar. (O Brasileiro fazia a sua 300ªCorrida seguida na Formula Indy e sua 360ªprova na categoria)

O Estreante O’Ward desgastou muito seus pneus e começou a ser pressionado por Graham Rahal e Will Power fortemente. O Mexicano resistiu a pressão por 3 voltas, Mas como ele desgastou demais os pneus, Foi alvo fácil para Power, que na curva final antes de completar a volta fez uma manobra belíssima, levando a posição do filho do Bobby Rahal.

13ªVolta, Simon Pagenaud foi o primeiro a fazer a primeira parada. A previsão era de 3 a 4 paradas nos boxes. No meio disso, Takuma Sato abandonou com o estouro do seu motor Honda, O Vencedor do GP de Portland foi o primeiro a abandonar a prova.

Na 17ªVolta, Ryan Hunter-Reay e Scott Dixon foram para a 1ªparada. O piloto da Ganassi escapou por pouco de um choque com Sebastien Bourdais que estava também indo aos boxes para a sua primeira parada. Josef Newgarden na volta 19ª (O motor morreu após a parada e o piloto da Penske perdeu tempo) e Will Power na Volta 20 foram os últimos a pararem nos boxes.

Hunter-Reay voltou a liderança, Com Scott Dixon em 2º e Simon Pagenaud subindo para o terceiro lugar. Rossi foi para o 19ºlugar, Mas adotando a arriscada tática de 2 paradas apenas ele foi superado por pilotos na parte de trás indo para o último lugar. A 43 segundos de Hunter-Reay e a 41 segundos de Dixon.

Rossi para na 26ªVolta, Era bem difícil. Ou melhor, Quase impossível que ele terminasse a prova com apenas mais 1 parada de troca de pneus e reabastecimento. O piloto da Andretti voltou a 1 volta atrás dos líderes. Na volta 28, Power ultrapassa na curva final a Graham Rahal e sobe para o 5ºlugar.

Hunter-Reay e Dixon vinham sobrando e estava a 11 segundos de Pagenaud. O Francês vinha sendo pressionado pelo Marco Andretti.

Rossi foi tentar passa o piloto da Ganassi para tirar a volta de desvantagem para Dixon e tentar volta a corrida. Foram 5 voltas atrás do piloto da Ganassi acabou cedendo a ultrapassagem para o piloto da Andretti Autosport. Nesse meio tempo, O companheiro de equipe de Scott Dixon passou para o 7ºlugar, Superando a Rahal.

Na volta 35, Pagenaud e Rahal foram para a segunda parada. 4 Voltas depois, Hunter-Reay e Dixon foi para a segunda parada deles. Com isso, Rossi voltou a volta do líder. Power assumiu a liderança por uma volta, Na 40ªvolta, Ele e Bourdais foram para os pits. Hunter-Reay abriu 4.5 segundos a frente de Dixon. Simon Pagenaud continuava em 3º, Ainda pressionado pelo Marco Andretti. Depois vinham Power, Bourdais em 5º e 6º, Enquanto que o campeão da temporada de 2017 era pressionado pelo Graham Rahal.

Na volta 43, Rossi vai para os boxes. Durante sua parada. O Norte-Americano Graham Rahal acabou parando seu carro em uma das curvas do circuito, (Na maior reta da pista) Isso provoca a única bandeira amarela da prova. Era disso que Rossi precisava, após a parada ele manteve a Volta e com essa bandeira amarela ele pode se juntar a todo o pelotão. Nesse meio tempo ele foi para os boxes com mais uns 2 pilotos encher o tanque.

Na volta 50 a corrida recomeça. A partir dai começou o Show do piloto da Andretti, Que em um espaço de 3 voltas, Ele passou do 21º para a 9ªposição. Na volta 54, Rossi ultrapassou Tony Kannan subindo para o 8ºlugar. As chances do campeonato estavam aumentando para o norte-americano. Na volta 55, Foi a vez de Ed Jones tomar passada de Rossi que já estava em 7ºlugar em um espaço de 6 voltas, Ganhando 14 posições.

No meio do pelotão, Santino Ferrucci vinha fazendo uma corrida agressiva ao atacar a Jordan King da Carpenter. Atrás deles vinham Jack Harley que tentou passar o inglês, Mas acabou tomando passada do Norte-Americano Zach Veach.

Na entrada da volta 60, Rossi que vinha pressionando Bourdais foi para a sua última parada. Percebendo isso, Dixon abriu mão da vitória e acabou indo para os boxes na volta seguinte. Na entrada da volta 62, Hunter-Reay e Pagenaud foram para a última parada. Os últimos a fazerem isso foram Will Power e Ed Jones na 64ªpassagem.

Hunter-Reay continuava na liderança, Com 4 segundo a frente de Scott Dixon. Alexander Rossi vinha em 5ºlugar a 12 segundos do líder e a 8 segundos de Dixon. Mas não seria tão simples para o piloto da Andretti. Ele tinha 20 voltas para superar  Will Power que subiu do 5º para o 3ºlugar e de Simon Pagenaud que perdeu uma posição.

Porém, O rendimento de Rossi começou a declinar, A 12 voltas do final Rossi perdeu o 5ºlugar para Marco Andretti. A cada volta que passava Dixon estava cada vez mais perto do título e acabou levando seu carro sem riscos até o final da prova.

Lá na frente, Ryan Hunter-Reay teve um brilhante final de semana e levou a vitória na última etapa do Campeonato Mundial de Formula Indy. Porém, A festa ficou mesmo para Scott Dixon que acabou chegando na posição que ele precisava. O 2ºlugar fez com que Dixon conquistasse seu 5ºtítulo de sua carreira. Se tornando o maior campeão da História da Formula Indy, CART e IRL (Contando os títulos desde de 1979 até hoje) De uma temporada aonde o pior resultado de Dixon foi o 12ºlugar em Iowa. Com 3 Vitórias e 9 pódio, Esse título esta em ótimas mãos ao piloto da Chip Ganassi.

O pódio foi completado pelo Australiano Will Power, Que no final da prova chegou a ameaçar o segundo lugar de Dixon. O Australiano ficou com o 3ºlugar na Classificação final. Em 4ºlugar ficou o francês Simon Pagenaud e em 5ºlugar o Norte-Americano Marco Andretti.

Alexander Rossi acabou a corrida em 7ºlugar, Conquistando o vice-campeonato em sua 3ªTemporada na Formula Indy. Sem dúvida é um piloto consolidado na categoria e acabou se recuperando de maneira fantástica na segunda metade de prova. Mas seu erro no começo da corrida acabou por decidir seu destino no campeonato. Sebastien Bourdais na volta final.

Completando os 10 primeiros ficaram Josef Newgarden (que perdeu não só o 3º como também perdeu o 4ºlugar para Ryan Hunter-Reay), Patricio O’ward da Harding e Ed Jones.

A Se destacar o brilhante final de semana do Mexicano, Que foi o campeão da Indy Lights e fez uma bela corrida, Claro que ele perdeu algumas posições no começo da prova. Isso não apaga o que ele fez nos 3 dias de evento. Ele não só ganhou o 9ºlugar em Sonoma como ele provavelmente ganhou um lugar para 2019.

Tony Kannan fez uma boa corrida, Chegando em 12ºlugar. O piloto de 43 anos de idade teve bons desempenhos nas 3 provas finais. Pietro Fittipaldi ficou em 16ºlugar e Matheus Leist ficou em 19ºlugar. Não dava para cobrar muito dos pilotos Brasileiros nesse ano, Eles estavam em equipes de Média para pequeno pote.

Semana que vem teremos uma avaliação da temporada de 2018 da Formula 1 no Portal Sportszone.

Vídeo da prova:

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultado final da última Etapa
Formula Indy – Temporada 2018

Pos Piloto País Equipe Motor Voltas Tempo
1 28 Ryan Hunter-Reay EUA Andretti Autosport Honda 85 2h 02:19.1667
2 9 Scott Dixon Nova Zelandia Chip Ganassi Racing Honda 85 a 2.7573
3 12 Will Power Austrália Team Penske Chevrolet 85 a 3.6550
4 22 Simon Pagenaud França Team Penske Chevrolet 85 a 4.6306
5 98 Marco Andretti EUA Andretti Herta Honda 85 a 19.8030
6 18 Sebastien Bourdais França Dale Coyne Racing Honda 85 a 21.6393
7 27 Alexander Rossi EUA Andretti Autosport Honda 85 a 28.3778
8 1 Josef Newgarden EUA Team Penske Chevrolet 85 a 34.6288
9 8 Patricio O’Ward México Harding Racing Chevrolet 85 a 42.8662
10 10 Ed Jones EAU Chip Ganassi Racing Honda 85 a 44.2254
11 39 Santino Ferrucci EUA Dale Coyne Racing Honda 85 a 44.6273
12 14 Tony Kannan Brasil A.J.Foyt Enterprises Chevrolet 85 a 1:00.4138
13 20 Jordan King Inglaterra Ed Carpenter Racing Chevrolet 85 a 1:04.0637
14 26 Zach Veach EUA Andretti Autosport Honda 85 a 1:05.4899
15 5 James Hinchcliffe Canadá Schmidt Peterson Motorsports Honda 85 a 1:12.8026
16 19 Pietro Fittipaldi Brasil Dale Coyne Racing Honda 85 a 1:14.2459
17 60 Jack Harvey Inglaterra Michael Shank Racing Honda 85 a 1:15.6462
18 6 Carlos Muñoz Colômbia Schmidt Peterson Motorsports Honda 85 a 1:18.6345
19 4 Matheus Leist Brasil A.J.Foyt Enterprises Chevrolet 85 a 1:22.3819
20 88 Colton Herta EUA Harding Racing Chevrolet 85 a 1:23.4673
21 59 Max Chilton Inglaterra Carlin Chevrolet 84 a 1 Volta
22 23 Charlie Kimball EUA Carlin Chevrolet 76 a 9 Voltas
23 15 Graham Rahal EUA Rahal Letterman Lanigan Racing Honda 66 a 19 Voltas
24 21 Spencer Pigot EUA Ed Carpenter Racing Chevrolet 38 Mecânico
25 30 Takuma Sato Japão Rahal Letterman Lanigan Racing Honda 15 Motor

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: IndyCar