Mundial de Motovelocidade 2024 – GP da Espanha – MotoGP – Classificação e Corrida Sprint

Na sessão de treinamentos na sexta feira aconteceram com pista seca, mas com o alerta de que teríamos chuva nesse sábado. Para a MotoGP não seria problema, pois teria a decisão das vagas diretas para o Q2. Já a Moto 2 e Moto 3 praticamente tiveram sua decisão na sessão da sexta-feira.

Na MotoGP, 3 pilotos de testes participaram desse final de semana: Daniel Pedrosa da KTM, Lorenzo Savadori da Aprilla e Stefan Bradl da Honda, fazendo que o grid tivesse cheio com 25 pilotos disputando a etapa de Jerez de la Fronteira.

Ao final da sessão, os classificados para o Q2 foram Peppo Bagnaia (Ducati), Marevick Viñales (Aprilla), Marc Marquez (Gresini), Marco Bezzecchi (VR46), Jorge Martin (Pramac), Pedro Acosta (Tech 3), Aleix Espargaró (Aprilla), Enea Bastianini (Ducati), Fabio di Giannantonio (VR46) e Alex Marquez (Gresini). Os demais pilotos teriam de passar pela repescagem.

Pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 1  Francesco Bagnaia  Ducati Lenovo Team Ducati Desmosedici GP24 1’36.025 Q2
2 12  Maverick Viñales  Aprilia Racing Aprilia RS-GP24 1’36.125 Q2
3 93  Marc Márquez  Gresini Racing MotoGP Ducati Desmosedici GP23 1’36.168 Q2
4 72  Marco Bezzecchi  Pertamina Enduro VR46 MotoGP Team Ducati Desmosedici GP23 1’36.364 Q2
5 89  Jorge Martín  Prima Pramac Racing Ducati Desmosedici GP24 1’36.435 Q2
6 31  Pedro Acosta  Red Bull GasGas Tech3 KTM RC16 1’36.439 Q2
7 41  Aleix Espargaró  Aprilia Racing Aprilia RS-GP24 1’36.446 Q2
8 23  Enea Bastianini  Ducati Lenovo Team Ducati Desmosedici GP24 1’36.480 Q2
9 49  Fabio Di Giannantonio  Pertamina Enduro VR46 MotoGP Team Ducati Desmosedici GP23 1’36.536 Q2
10 73  Álex Márquez  Gresini Racing MotoGP Ducati Desmosedici GP23 1’36.539 Q2
11 33  Brad Binder  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’36.644 R
12 21  Franco Morbidelli  Prima Pramac Racing Ducati Desmosedici GP24 1’36.711 R
13 43  Jack Miller  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’36.900 R
14 26 Daniel Pedrosa  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’36.944 R
15 42  Álex Rins  Monster Energy Yamaha MotoGP Team Yamaha YZR-M1 1’36.959 R
16 30  Takaaki Nakagami  Idemitsu Honda LCR Honda RC213V 1’36.969 R
17 25  Raúl Fernández  Trackhouse Racing Aprilia RS-GP23 1’37.111 R
18 5  Johann Zarco  Castrol Honda LCR Honda RC213V 1’37.277 R
19 88  Miguel Oliveira  Trackhouse Racing Aprilia RS-GP24 1’37.342 R
20 20  Fabio Quartararo  Monster Energy Yamaha MotoGP Team Yamaha YZR-M1 1’37.382 R
21 36  Joan Mir  Repsol Honda Team Honda RC213V 1’37.476 R
22 37  Augusto Fernández  Red Bull GasGas Tech3 KTM RC16 1’37.611 R
23 6 Stefan Bradl HRC Test Team Honda RC213V 1’37.709 R
24 10  Luca Marini  Repsol Honda Team Honda RC213V 1’37.838 R
25 32 Lorenzo Savadori  Aprilia Racing Aprilia RS-GP24 1’37.902 R

Q2 – Classificados direto para o Q2
R – Disputam a repescagem

Sobre a pista úmida, 15 pilotos lutavam por 2 vagas para o Q2. Brad Binder que tinha a classificação nas suas mãos na sexta-feira acabou caindo no final da sessão de sexta e perdendo seu posicionamento. Binder era o principal favorito a passar para a parte final da sessão.

Com 4:10 de sessão, Brad Binder faz o primeiro tempo (1:49.112) superando em 1 décimo a Franco Morbidelli da Pramac que marcou o primeiro marca dessa sessão. Augusto Fernandez (Tech 3), Johann Zarco (LCR Honda) e Miguel Oliveira (Trackhouse) completam o Top 5.

A maioria dos pilotos baixaram seus tempos na segunda volta rápida. Franco Morbidelli marca 1:48.918 e fica 1 décimo a frente de Daniel Pedrosa da KTM. A 9:10 do final, Brad Binder melhora sua marca para 1:48.626 recupera a liderança da sessão. Pouco depois, Raúl Fernández da Trackhouse e Jack Miller da KTM superaram Franco Morbidelli  e passaram para a 2ª e 3ªposição respectivamente. Morbidelli caiu para 4ª e Zarco para 5ªposição.

Alguns pilotos foram para os boxes, mas outros seguiram para nova volta, o que foi o caso de Miguel Oliveira que deu um belo pulo na classificação, passando de 8º para 3º a menos de 7 minutos do final. 1 minuto e meio depois, Daniel Pedrosa faz uma bela volta e passa a segunda posição com 1:48.699 passando para a segunda posição.

Os resultados levavam Binder e Pedrosa, dois pilotos da KTM para o Q2 seguidos de Raúl Fernández que voltou a 3ªposição após melhora de volta, Miguel Oliveira, em 4º, Jack Miller em 5º e depois vinham Morbidelli, Zarco, Augusto Fernandez, Stefan Bradl, Joan Mir, Fabio Quartararo, Luca Marini, Alex Rins, Lorenzo Savadori e Takaagi Nakagami.

A 3:15 do final, Miguel Oliveira fez uma grande volta (1:48.418) e subiu para a liderança. Mas essa liderança durou pouco, pois 45 segundos depois, Franco Morbidelli baixou seu tempo para 1:47.887 pulando para a ponta. A menos de 1:45 do final, Brad Binder pula para segunda posição e tira o piloto Português da Trackhouse da zona de classificação.

Johann Zarco batalho muito para entrar no Q2, mas acabou subindo apenas para a 3ªposição. O piloto francês claramente tirou mais do que seu fraco equipamento pode oferecer. Franco Morbidelli da Pramac e Brad Binder da KTM conquistaram as duas vagas para o Q2. Johann Zarco vai largar em uma honrosa 13ªposição, seguido de Miguel Oliveira, Jack Miller e Daniel Pedrosa.  Fabio Quartararo vai largar em uma lamentável 23ªposição, só a frente de Nakagami da LCR Honda e de Alex Rins, companheiro de equipe na Yamaha.

Resultado do Q1:

Pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 21  Franco Morbidelli  Prima Pramac Racing Ducati Desmosedici GP24 1’47.887
2 33  Brad Binder  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’47.949
3 5  Johann Zarco  Castrol Honda LCR Honda RC213V 1’48.102
4 88  Miguel Oliveira  Trackhouse Racing Aprilia RS-GP24 1’48.418
5 43  Jack Miller  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’48.672
6 26 Daniel Pedrosa  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’48.699
7 25  Raúl Fernández  Trackhouse Racing Aprilia RS-GP23 1’48.728
8 37  Augusto Fernández  Red Bull GasGas Tech3 KTM RC16 1’49.229
9 6 Stefan Bradl HRC Test Team Honda RC213V 1’49.659
10 36  Joan Mir  Repsol Honda Team Honda RC213V 1’49.765
11 32 Lorenzo Savadori  Aprilia Racing Aprilia RS-GP24 1’49.860
12 10  Luca Marini  Repsol Honda Team Honda RC213V 1’49.978
13 20  Fabio Quartararo  Monster Energy Yamaha MotoGP Team Yamaha YZR-M1 1’50.100
14 30  Takaaki Nakagami  Idemitsu Honda LCR Honda RC213V 1’50.245
15 42  Álex Rins  Monster Energy Yamaha MotoGP Team Yamaha YZR-M1 1’50.302

A pista não estava totalmente seca foi realizada a fase final da classificação. Toda a tropa da Ducati estava na disputa, com as suas 8 motos. A Aprilla e a KTM teriam 2 representantes nessa disputa.

Após a primeira volta, Marc Marquez assume a liderança (1:48.016) colocando meio segundo de frente para Pedro Acosta que marcou o segundo tempo. Fabio di Giannantonio, Jorge Martin, Franco Morbidelli e Marco Bezzecchi completavam o Top 6 naquele momento.

Na segunda volta, Jorge Martin passou para segundo, mas continuava meio segundo atrás do Formiga Atômica. 10 segundos depois, Brad Binder desbancou o piloto da Gresini e assumiu a liderança com o tempo de 1:47.807 a 9:10 do final do Q2. Marc Marquez iria dar o troco em uma brilhante volta que foi estragada por um desequilíbrio do Marquez que conseguiu corrigir e evitou a queda.

A 7 minutos do final, Binder estava com a pole nas mãos seguido de Marc Marquez e Jorge Martin formando a primeira fila. Pedro Acosta vinha em 4º seguido de Di Giannantonio, Morbidelli, Bezzecchi, Alex Marquez, Bastianini, Viñales e Aleix Espargaró.

Pilotos começaram a voltar para a pista a 6 minutos do final. Pedro Acosta foi com tudo para fazer o melhor tempo, o Tubarão vinha voando na pista e fazendo 3 parciais mais rápidas, mas na curva 13, Acosta foi para o chão e acabou perdendo aquela que poderia ser o seu grande momento na MotoGP em 4 participações.

A 2:45 do final, Marco Bezzecchi pula para a liderança ao marcar o tempo de 1:47.044 para a satisfação de Valentino Rossi (Dono da VR46). Jorge Martin passou para segundo a 3 décimos atrás.

A 1:45 do final, Marc Marquez concluiu sua brilhante volta em 1:46.773 e foi para a liderança da sessão de onde não saiu mais já que outros pilotos não conseguiram mais melhorar seus tempos.

Marc Marquez conquista a primeira pole com a moto da Gresini e com a moto da Ducati e a sua 93ªpole da sua carreira. Uma ótima sessão de classificação para o Formiga Atômica. Marco Bezzecchi da VR46 obteve uma ótima segunda posição e completando a 1ªfila teremos Jorge Martin com a Ducati de 2024 da equipe Pramac. Pelo menos na classificação a Ducati de 2023 levou a melhor sobre a Ducati de 2024.

Brad Binder da KTM que enfrentou uma repescagem acabou conquistando uma ótima 4ªposição no grid de largada vai comandar a segunda fila no Grid de largada. Fabio di Giannantonio com a outra moto da VR46 fez uma boa sessão e vai largar na 5ªposição e Alex Marquez da Gresini deu um belo pulo no final da sessão para fechar a segunda fila na 6ªposição.

Peppo Bagnaia vai partir da 7ªposição, bicampeão do Mundo precisava reverter o jogo que estava muito favorável nesse momento para Jorge Martin em relação a luta pelo título. Franco Morbidelli vai partir da 8ªposição, a frente de Enea Bastianini que completa a 3ªfila. Pedro Acosta da Tech 3, Marevick Viñales que venceu em Austin em seu grande final de semana de sua carreira e Aleix Espargaró, companheiro de equipe de Viñales na Aprilla compõem a 4ªFila.

Grid de Largada:

Pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 93  Marc Márquez  Gresini Racing MotoGP Ducati Desmosedici GP23 1’46.773
2 72  Marco Bezzecchi  Pertamina Enduro VR46 MotoGP Team Ducati Desmosedici GP23 1’47.044
3 89  Jorge Martín  Prima Pramac Racing Ducati Desmosedici GP24 1’47.381
4 33  Brad Binder  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’47.730
5 49  Fabio Di Giannantonio  Pertamina Enduro VR46 MotoGP Team Ducati Desmosedici GP23 1’47.778
6 73  Álex Márquez  Gresini Racing MotoGP Ducati Desmosedici GP23 1’47.840
7 1  Francesco Bagnaia  Ducati Lenovo Team Ducati Desmosedici GP24 1’47.962
8 21  Franco Morbidelli  Prima Pramac Racing Ducati Desmosedici GP24 1’48.116
9 23  Enea Bastianini  Ducati Lenovo Team Ducati Desmosedici GP24 1’48.362
10 31  Pedro Acosta  Red Bull GasGas Tech3 KTM RC16 1’48.528
11 12  Maverick Viñales  Aprilia Racing Aprilia RS-GP24 1’48.595
12 41  Aleix Espargaró  Aprilia Racing Aprilia RS-GP24 1’49.417
13 5  Johann Zarco  Castrol Honda LCR Honda RC213V 1’48.102
14 88  Miguel Oliveira  Trackhouse Racing Aprilia RS-GP24 1’48.418
15 43  Jack Miller  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’48.672
16 26 Daniel Pedrosa  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’48.699
17 25  Raúl Fernández  Trackhouse Racing Aprilia RS-GP23 1’48.728
18 37  Augusto Fernández  Red Bull GasGas Tech3 KTM RC16 1’49.229
19 6 Stefan Bradl HRC Test Team Honda RC213V 1’49.659
20 36  Joan Mir  Repsol Honda Team Honda RC213V 1’49.765
21 32 Lorenzo Savadori  Aprilia Racing Aprilia RS-GP24 1’49.860
22 10  Luca Marini  Repsol Honda Team Honda RC213V 1’49.978
23 20  Fabio Quartararo  Monster Energy Yamaha MotoGP Team Yamaha YZR-M1 1’50.100
24 30  Takaaki Nakagami  Idemitsu Honda LCR Honda RC213V 1’50.245
25 42  Álex Rins  Monster Energy Yamaha MotoGP Team Yamaha YZR-M1 1’50.302

Se a sessão de classificação foi disputada, emocionante e cheia de alternâncias na briga pela pole a corrida foi bem mais disputada e cheia de alternativas além de um número de quedas bem incomum.

Marc Marquez que largou na pole position foi superado na largada por Brad Binder que pulou da 4ª para a 1ªposição em uma ótima partida. Jorge Martin passou para segundo e Marc Marquez caiu para a terceira posição. Alex Marquez passou de 6ªpara 4ªposição, Peppo Bagnaia pulou da 7ª para a 5ªposição e Marco Bezzecchi despencou da 2ª para a 6ªposição. Aleix Espargaró acabou indo para o chão na curva 7.

Jorge Martin partiu para o ataque em cima de Brad Binder e acabou passando para a liderança na entrada da curva 8. Ainda na primeira volta, Jack Miller foi para o chão na curva 13, mas conseguiu se levantar e voltar para a corrida.

Marc Marquez na segunda volta supera Brad Binder na curva 8 e passa a segunda posição, mas se pensa que a disputa terminou por aqui, se enganou, isso porque na curva 13, Brad Binder foi com tudo para passar o Formiga Atômica. O resultado dessa manobra foi que Marquez e Binder se tocaram e perderam a trajetória da curva, Alex Marquez aproveitou para tomar a segunda posição com Marc Marquez em 3º e Brad Binder caindo para 4º. Na reta, Marc Marquez passa Alex Marquez na briga de família e volta à segunda posição.

Na terceira volta, Peppo Bagnaia cai na cura 1 após ser tocado por Brad Binder e por Marco Bezzecchi. Não foi um bom final de semana para o campeão do Mundo de 2023.

A classificação na terceira volta era a seguinte: Martin, Marc Marquez, Alex Marquez, Binder, Bastianini, Acosta, Bezzecchi, Di Giannantonio, Viñales e Quartararo (Que partiu da 23ªposição no Grid de largada). No final da 4ªVolta, foi a vez de Fabio di Giannantonio ir para o chão na curva 13. Antes disso, Pedro Acosta chegou a superar Enea Bastianini que acabou voltando a ficar na frente do piloto da Tech 3.

Jorge Martin vinha na frente com Marc Marquez chegando cada vez mais no piloto da Pramac. O Formiga Atômica se distanciou de Alex Marquez que liderava o segundo pelotão formado por ele, Brad Binder, Enea Bastianini e Pedro Acosta. Na metade da 7ªvolta, Jorge Martin erra e Marc Marquez aproveita para ultrapassar o piloto da Pramac e assumir a liderança da prova. O público comemora a ultrapassagem do piloto da Gresini.

Tudo encaminhava bem na prova, mas na 9ªVolta aconteceu um acidente muito bizarro na curva 5 onde Alex Marquez, Brad Binder e Enea Bastianini caíram em sequência, ao mesmo tempo. Em principio, Não havia nenhuma explicação a não ser que a pista estivesse cheia de óleo ou que ela estivesse em condições estranhas por causa das mudanças constantes de tempo e de temperatura.

Na curva 8, Marc Marquez vai ao chão, mas ainda consegue voltar a prova na 10ªposição. Tudo rapidamente conspirou a favor de Jorge Martin que tinha a corrida em suas mãos, com grande vantagem para Pedro Acosta que passou para a segunda posição. Marevick Viñales vinha em 3º, mas a 2 voltas do final, o piloto da Aprilla foi ao chão e abandonou a corrida. Eis que Fabio Quartararo que largou na 23ªposição estava no pódio, mas começou a sofrer pressão de Daniel Pedrosa que largou na 16ªposição para lutar pelo pódio. Johann Zarco e Franco Morbidelli vinham logo atrás de Pedrosa e Quartararo. Na volta final, Pedrosa buscou ultrapassar o piloto da Yamaha que segurou com unhas e dentes a 3ªposição.

Na última volta, Luca Marini e Stefan Bradl caíram. Na última curva, Johann Zarco cai após ter sido superado por Franco Morbidelli e perde uma boa classificação que teria na prova.

Jorge Martin da Pramac conquista uma vitória tranquila e consolida ainda mais a liderança no Mundial. Martinator fez uma corrida muito boa e acabou sobrevivendo a serie de quedas que ocorreu durante as 12 provas da corrida curta. Martin abre 29 pontos de frente para Pedro Acosta, novato nessa temporada também sobrevive as quedas e acaba herdando a segunda posição, seu primeiro pódio em corrida Sprint da sua carreira.

Fabio Quartararo chegou em 3º e conquistou brilhantemente o pódio , isso após largar na 23ªposição, mas o francês acabou punido em 8 segundos de acréscimo no seu tempo final de corrida por ter infringido a regra da pressão de pneus e acabou por perder posição para Daniel Pedrosa que herda a 3ªposição e para Franco Morbidelli que marca seus primeiros 6 pontos na temporada. Mesmo com a punição, Quartararo fez uma brilhante corrida de recuperação, assim como Daniel Pedrosa fez uma bela prova de recuperação herdando o pódio de Quartararo. Franco Morbidelli também fez um grande trabalho, recuperando posições após ter largado mal e conquistando um importante resultado.

Marc Marquez de maneira até que afobada acabou recuperando posições chegando na 6ªposição. Se o Formiga Atômica não tivesse caído poderia ter vencido a prova. Marquez foi beneficiado pela punição de Raúl Fernández que também foi punido em 8 segundos por ter infringido a regra da pressão de pneus e acabou caindo para a 12ªposição. Augusto Fernandez da Tech 3 conseguiu uma boa 7ªposição se aproveitando todas as quedas que ocorreram na corrida.

Miguel Oliveira da Trackhouse e Joan Mir da Honda completaram a zona de pontuação na corrida Curta. Jack Miller foi outro piloto que infringiu a regra da pressão de pneus e acabou perdendo 8 segundos, mas ficou de fora da zona de pontos e sua classificação acabou sendo a 14ªposição. Se a pista estiver nas mesmas condições no domingo podemos esperar muito mais emoção para a corrida nas 3 categorias.

Resultado final da 4ªEtapa do Mundial de Motovelocidade
GP da Espanha – Jerez de la Fronteira – Corrida Sprint – 12 Voltas

Pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 89  Jorge Martín  Prima Pramac Racing Ducati Desmosedici GP24 19’52.682
2 31  Pedro Acosta  Red Bull GasGas Tech3 KTM RC16 a 2.970
3 26 Daniel Pedrosa  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 a 7.102
4 21  Franco Morbidelli  Prima Pramac Racing Ducati Desmosedici GP24 a 8.481
5 20  Fabio Quartararo  Monster Energy Yamaha MotoGP Team Yamaha YZR-M1 a 15.052
6 93  Marc Márquez  Gresini Racing MotoGP Ducati Desmosedici GP23 a 18.131
7 37  Augusto Fernández  Red Bull GasGas Tech3 KTM RC16 a 18.278
8 88  Miguel Oliveira  Trackhouse Racing Aprilia RS-GP24 a 18.418
9 36  Joan Mir  Repsol Honda Team Honda RC213V a 18.553
10 30  Takaaki Nakagami  Idemitsu Honda LCR Honda RC213V a 21.136
11 5  Johann Zarco  Castrol Honda LCR Honda RC213V a 21.948
12 25  Raúl Fernández  Trackhouse Racing Aprilia RS-GP23 a 23.882
13 49  Fabio Di Giannantonio  Pertamina Enduro VR46 MotoGP Team Ducati Desmosedici GP23 a 31.478
14 43  Jack Miller  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 a 45.901
15 42  Álex Rins  Monster Energy Yamaha MotoGP Team Yamaha YZR-M1 a 1’10.288
16 32 Lorenzo Savadori  Aprilia Racing Aprilia RS-GP24 a 1’22.979
10  Luca Marini  Repsol Honda Team Honda RC213V a 1 volta
6 Stefan Bradl HRC Test Team Honda RC213V a 1 volta
12  Maverick Viñales  Aprilia Racing Aprilia RS-GP24 a 3 voltas
73  Álex Márquez  Gresini Racing MotoGP Ducati Desmosedici GP23 a 4 voltas
33  Brad Binder  Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 a 4 voltas
23  Enea Bastianini  Ducati Lenovo Team Ducati Desmosedici GP24 a 4 voltas
72  Marco Bezzecchi  Pertamina Enduro VR46 MotoGP Team Ducati Desmosedici GP23 a 4 voltas
1  Francesco Bagnaia  Ducati Lenovo Team Ducati Desmosedici GP24 a 10 voltas
41  Aleix Espargaró  Aprilia Racing Aprilia RS-GP24 a 12 voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Pramac/Tech 3/KTM/Yamaha/Gresini/TrackHouse/Honda/LCR Honda/Ducati/VR46/Aprilla

Deixe um comentário