Lindner leva CAM-AM a vitória nos Quadriciclos, Título fica pela 3ªVez com Ignacio Casale

O Polonês Arkadiusz Lindner ficou com a vitória no último estágio de ponta a ponta, foi a primeira e única vitória da Cam-AM no Dakar de 2020. A Especial só fez confirmar o favoritismo do Chileno Ignacio Casale que acabou com o título de Tricampeão do Dakar 2020 nos quadriciclos. O 4ºcolocado nos quadriciclos acabou ficando com a vitória na geral, com 18 minutos de frente para o francês Simon Vitse que até tentou tirar a enorme vantagem o Chileno, Mas acabou ficando em 3ºlugar, 4 segundos atrás do Chileno Giovanni Enrico.

Casale se torna um dos maiores pilotos de quadriciclos, campeão em 2014, 2017. O Chileno fez uma volta triunfal após uma passagem nos SSV para conquistar um novo campeonato, Apesar de que nessa edição a categoria ter sido a que mais se esvaziou entre as 4 categorias. O Polonês Rakal Sonik completou o pódio na classificação Geral. O Argentino Manuel Andujar e o Polonês Kamil Wisniewski completaram as 5 primeiras posições.

Fotos:

Resultado final do 12ªEstagio do Dakar 2020
Categoria Motos – Haradh até Qiddiya

posPilotoPaísEquipeQuadricicloTempo
1277Arkadiusz lindnerPolôniaLINDNER 91 TEAMCAN-AM Renegade01h 53′ 15”
2267Giovanni EnricoChileENRICO RACING TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 01′ 21”
3265Simon VitseFrança# JE PEUX 2020-BBR MERCIER RACINGYamaha 700 Raptor+ 00h 01′ 25”
4250Ignacio CasaleChileCASALE RACINGYamaha Raptor 700+ 00h 04′ 17”
5251Rafal SonikPolôniaSONIK TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 05′ 32”
6252Alexandre GiroudFrançaTEAM GIROUDYamaha YFZ 700+ 00h 06′ 17”
7255Manuel AndujarArgentina7240 TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 06′ 43”
8257Kamil WisniewskiPolôniaORLEN TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 08′ 58”
9268Italo PedemonteChileENRICO RACING TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 09′ 11”
10254Nelson Augusto Sanabria GaleanoParaguaiM.E.D. RACING TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 09′ 42”

Classificação Final

posPilotoPaísEquipeQuadricicloTempoPenalizações
1250Ignacio CasaleChileCASALE RACINGYamaha Raptor 70052h 04′ 39”
2265Simon VitseFrança# JE PEUX 2020-BBR MERCIER RACINGYamaha 700 Raptor+ 00h 18′ 24”00h 04′ 00”
3251Rafal SonikPolôniaSONIK TEAMYamaha Raptor 700+ 01h 04′ 15”00h 19′ 00”
4255Manuel AndujarArgentina7240 TEAMYamaha Raptor 700+ 03h 30′ 16”00h 22′ 00”
5257Kamil WisniewskiPolôniaORLEN TEAMYamaha Raptor 700+ 04h 38′ 53”00h 55′ 00”
6262Sebastien SoudayFrançaTEAM ALL TRACKSYamaha 700YFMR+ 05h 45′ 14”
7268Italo PedemonteChileENRICO RACING TEAMYamaha Raptor 700+ 06h 34′ 28”00h 21′ 00”
8254Nelson Augusto Sanabria GaleanoParaguaiM.E.D. RACING TEAMYamaha Raptor 700+ 08h 56′ 03”
9263Szdenek TumaRepública TchecaBARTH RACING TEAMYamaha Raptor+ 15h 58′ 30”04h 15′ 00”
10261Martin SarquizArgentinaMARTIN SARQUIZ TEAMCAN-AM 800 R+ 17h 14′ 39”00h 02′ 30”
11260Carlos Alejandro VerzaArgentinaVERZA RALLY TEAMYamaha 099-Renegade X XC 850+ 23h 05′ 27”
12277Arkadiusz lindnerPolôniaLINDNER 91 TEAMCAN-AM Renegade+ 32h 43′ 14”15h 50′ 00”

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Dakar

dia complicado para Casale e Polonês vence especial

De forma inesperada, O Polonês Kamil Wisnieski conquistou a especial número 10 do Dakar 2020, que foi realizada entre as cidades de Haradh até Shubaytah. O estágio foi encurtado para 345 km. A disputa pelo campeonato volta a ficar aberto. Ignacio Casale acabou perdendo muito tempo e acabou vendo sua vantagem para Simon Vitse cair para 16 minutos.

No km 87, Giovanni Enrico estava na frente, Com 35 segundos de vantagem para o compatriota Ignacio Casale e 49 segundos para o Argentina. Depois vinham em 4º e 5ºlugares dois poloneses: Rafal Sonik e Arkadiusz lindner. O trio de Franceses liderados por Alexandre Giroud vinha em 6º, 7º com Simon Vitse e em 8º com Sebastian Souday.

Enrico manteve a liderança até que Ignacio Casale passou a comandar a especial no km 174, A sua vantagem para Rafal Sonik nesse momento era de 33 segundos. Simon Vitse vinha em 3º, com 2 segundos atrás de Sonik, brigando pela segunda posição. Lindner e Enrico estavam a menos de 1 minuto da liderança.

Porém o estágio foi interrompido e acabou no km 345. Eis que o Polonês Kamil Wisnieski acabou conquistando a vitória. Surpresa total, mesmo que o piloto esteja entre os 5 primeiros lugares. O tcheco Szdenek Tuma chegou em 2ºlugar, com 48 segundos de distância que tiraram a chance de vitória do segundo colocado.

Rafal Sonik acabou sendo o melhor dos ponteiros a terminar o estágio, com o 3ºlugar, apenas 4 segundos a frente do jovem Manuel Andujar. Os 5 primeiros colocados foi completado pelo piloto Italo Pedemonte. Simon Vitse perdeu muito tempo, porém, quem perdeu mais tempo ainda foi Ignacio Casale, que teve seu pior dia no Dakar 2020. Ainda assim, o chileno manteve a liderança, mas agora com 16 minutos de diferença sobre Vitse. A disputa do título na Geral que parecia definido acaba de voltar a ficar em aberta.

Fotos:

Resultado do 10ºEstágio do Dakar 2020
Categoria Quadriciclos – Haradh – Shubaytah

posPilotoPaísEquipeQuadricicloTempo
1257Kamil WisniewskiPolôniaORLEN TEAMYamaha Raptor 70003h 04′ 11”
2263Szdenek TumaRepública TchecaBARTH RACING TEAMYamaha Raptor+ 00h 00′ 48”
3251Rafal SonikPolôniaSONIK TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 03′ 42”
4255Manuel AndujarArgentina7240 TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 03′ 46”
5268Italo PedemonteChileENRICO RACING TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 04′ 56”
6267Giovanni EnricoChileENRICO RACING TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 07′ 20”
7274Toni VingutEspanhaVISIT SANT ANTONI – IBIZAYamaha Raptor 700+ 00h 07′ 33”
8254Nelson Augusto Sanabria GaleanoParaguaiM.E.D. RACING TEAMYamaha Raptor 700+ 00h 09′ 17”
9266Leonardo MartinezBolíviaTEAM CAN AM MARTINEZCAN-AM Renegade+ 00h 09′ 43”
10277Arkadiusz lindnerPolôniaLINDNER 91 TEAMCAN-AM Renegade+ 00h 13′ 56”

Classificação Geral

posPilotoPaísEquipeQuadricicloTempo
1250Ignacio CasaleChileCASALE RACINGYamaha Raptor 70044h 41′ 33”
2265Simon VitseFrança# JE PEUX 2020-BBR MERCIER RACINGYamaha 700 Raptor+ 00h 16′ 18”
3251Rafal SonikPolôniaSONIK TEAMYamaha Raptor 700+ 01h 06′ 16”
4255Manuel AndujarArgentina7240 TEAMYamaha Raptor 700+ 03h 10′ 36”
5257Kamil WisniewskiPolôniaORLEN TEAMYamaha Raptor 700+ 04h 00′ 55”
6262Sebastien SoudayFrançaTEAM ALL TRACKSYamaha 700YFMR+ 05h 15′ 11”
7268Italo PedemonteChileENRICO RACING TEAMYamaha Raptor 700+ 06h 16′ 05”
8254Nelson Augusto Sanabria GaleanoParaguaiM.E.D. RACING TEAMYamaha Raptor 700+ 08h 03′ 23”
9274Toni VingutEspanhaVISIT SANT ANTONI – IBIZAYamaha Raptor 700+ 11h 02′ 30”
10261Martin SarquizArgentinaMARTIN SARQUIZ TEAMCAN-AM 800 R+ 14h 23′ 01”
11263Szdenek TumaRepública TchecaBARTH RACING TEAMYamaha Raptor+ 14h 54′ 51”
12260Carlos Alejandro VerzaArgentinaVERZA RALLY TEAMYamaha 099-Renegade X XC 850+ 20h 34′ 26”
13277Arkadiusz lindnerPolôniaLINDNER 91 TEAMCAN-AM Renegade+ 32h 41′ 35”

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Dakar

Argentinos Dominam Terceira Etapa no Quadriciclos, Ferioli vence o Estágio

Os Argentinos dominaram a 3ªEtapa do Dakar 2019, Que foi de San Juan de Marcona até Arequipa. A Vitória ficou com Jeremias Gonzalez Ferioli, Com o líder na Geral Nicolas Cavigliasso ficando em segundo lugar.

No primeiro setor, Trio Argentino na liderança, Com Manuel Andujar na liderança, 3 segundos a frente de Gustavo Gallego e 17 segundos a frente do líder do Dakar, Nicolas Cavigliasso. E seria uma quadra da Argentina se o Francês Sebastian Souday não tivesse ficado um segundo a frente de Jeremias Gonzalez Ferioli. Alexandre Giroud vinha em 6ºlugar. Enrico, Kubiena, Barahona e Malaga Carpio completavam os Top 10 nesse começo de Especial.

No segundo Setor, Gustavo Gallego assumiu a liderança, com 28 segundos na frente de Cavigliasso. A Quadra Argentina se completou com Manuel Andujar em 3º, 18 segundos atrás de Cavigliasso (46 segundos atrás do líder) e Jeremias Ferioli ultrapassando a Souday e assumindo o 4ºlugar por 7 segundos.

Alexandre Giroud vinha em 6ºlugar, 16 segundos atrás do seu compatriota. Kubiena com a Ibos Hawk vinha em 7º. A frente de Giovanni Enrico e dos peruanos Christian Jose Malaga Carpio e Emilio Choy.

No Terceiro Setor, Manuel Andujar voltou a ficar na frente por 4 segundos de vantagem para Nicolas Cavigliasso e Gustavo Gallego que estavam empatados em segundo lugar. Os Argentinos vinham fazendo a festa nos Quadriciclos. Giovanni Enrico superou Ferioli e assumiu o 4ºlugar, Com 4 minutos e 13 segundos de Andujar.

Alexandre Giroud era o primeiro dos Europeus na corrida, Vinha em 6ºlugar. Sebastian Soudat caiu para o 7ºlugar, Já a 8 minutos e 36 segundos da liderança. Mais longe ainda vinham o tcheco Tomas Kubiena com 12 minutos e 26 segundos, Kamil Wisniewski com primeiro CAN-AM no estágio e Emilio Choy em 10, Já tinha 18 minutos de atraso para os líderes.

No 5ºSetor, Tudo mudou a favor de Jeremias Ferioli, Que pulou do 5ºlugar para a liderança. Melhor que isso é liderar com 9 minutos e 5 segundos a frente do líder nos tempos gerais o Também Argentino Nicolas Cavigliasso. Gustavo Gallego foi para o terceiro lugar, Já um pouco mais longe dos dois primeiros colocados. O Trio Argentino dava um show na concorrência. Em 4º já com 24 minutos e 51 segundos vinha o Tcheco Tomas Kubiena com o primeiro não Yamaha da Classificação. E Alexandre Giroud vinha em 5ºlugar, 1 minuto e 50 segundos atrás do piloto da Ibos Hawk.

Emilio Choy fazia bela corrida, O Peruano vinha em 6ºlugar. O Francês Benoit Aubrion vinha logo a seguir em 7º. Estanguet, Mattarucco e Wisniewski completavam os 10 primeiros colocados. Sebastian Souday caiu para o 11º, 40 minutos e 20 segundos atrás de Ferioli.  Manuel Andujar ficou também para trás, Vinha em 14ºlugar.

Jeremias Ferioli manteve a ponta no 6ºsetor de Cronometragem, Com 8 minutos e 35 segundos sobre Nicolas Cavigliasso, Pouca coisa mudou nas primeiras posições. Gallego continuava em 3º. Seguido de bem longe por Kubiena, Giroud, Choy , Aubrion e Estanguet que mantiveram suas posições. Wisnieski e Souday superaram o Argentino Gaston Ariel Mattarucco e completaram os 10 primeiros colocados.

No WP7, Nicolas Cavigliasso baixou a sua desvantagem para Jeremias Ferioli para 6 minutos e 21 segundos, Ainda era uma vantagem confortável a favor do vice-campeão de 2015 dos Quadriciclos.

Gustavo Gallego permanecia em terceiro lugar. Enquanto Kubiena (28 minutos e 12 segundos atrás), Giroud, Choy continuavam nas mesmas posições do Setor anterior. Sebastian Souday em 7º (Com 41 minutos e 22 segundos atrás de Ferioli) e Manuel Andujar que vinha em 14ºlugar para o 8ºlugar subiram de posição. Benoit Aubrion e Julio Estanguet completavam os Top 10.  

WP8, A liderança continuava com Ferioli, A vitória estava próxima das mãos dele, Mas Cavigliasso ainda não desistia de forma nenhuma de uma terceira vitória em 3 corridas. Gustavo Gallego caminhava um 3ºlugar bem tranquilo. Bem mais atrás, Exatamente 30 minutos atrás do líder, Alexandre Giroud passou Tomas Kubiena e assumiu o 4ºlugar. Emilio Choy continuava em 6º, por 7 segundos a frente de Manuel Andujar que vinha com força para brigar por esse Sexto lugar. Estanguet, Sanabria Galeano e Aubrion completavam os Top 10.

Cavigliasso fez o que pode, Mas a vitória ficou mesmo com Jeremias Gonzalez Ferioli por uma vantagem de 1 minuto e 44 segundos o piloto conquistou sua primeira vitória do Dakar 2019. Porém era pouco para voltar à liderança na Geral que continuaria com Nicolas Cavigliasso. Gustavo Gallego completou o trio Argentino com o 3ºlugar.

Em Quarto ficou o Chileno Giovanni Enrico que ficou muito tempo fora da Classificação, Chegando a imaginar que ele estava de fora da prova, Mas ele acabou superando e muito o Francês Alexandre Giroud que fechou os 5 primeiros colocado, A 31 minutos e 6 segundos atrás do Vencedor.  Tomas Kubiena da Ibos Hawk ficou 6º, A Apenas 45 segundos do piloto Francês. Manuel Andujar ganhou a posição de Emilio Choy e acabou em 7ºlugar. Julio Estanguet e Nelson Augusto Sanabria Galeano completaram os 10 primeiros colocados.

Resultado final da 3ªEtapa – Quadriciclos

pospilotoPaisEquipeVeiculoTempo
1241Jeremias Gonzalez FerioliArgentinaFerioli Racing TeamYamaha Raptor 70005H 16′ 03”
2240Nicolas CavigliassoArgentinaDrag’on Rally TeamYamaha YFM700R+ 00H 01′ 44”
3257Gustavo GallegoArgentinaGustavo Gallego CompeticionYamaha Raptor 700+ 00H 10′ 50”
4270Giovanni EnricoChileEnrico Racing TeamYamaha Raptor+ 00H 14′ 46”
5250Alexandre GiroudFrançaTeam GiroudYamaha YFZ 700+ 00H 31′ 06”
6253Tomas KubienaRepública TchecaMoto Racing Group (MRG)IBOS Hawk 690+ 00H 31′ 51”
7273Manuel AndujarArgentina7240 TeamYamaha Raptor 700+ 00H 40′ 09”
8262Emilio ChoyPeruECM Racing TeamYamaha Raptor 700+ 00H 43′ 09”
9260Julio EstanguetArgentinaDKR TeamCAN-AM Renegade 800 XXC+ 00H 51′ 20”
10245Nelson Augusto SanabriaParaguaiDrag’on Rally TeamYamaha YFM700R+ 00H 52′ 12”

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Nicolas Cavigliasso sobrou no 2ºdia e conquista segunda vitória no Dakar

Os pilotos da categoria Quadriciclos saíram a partir das 9 e 36 da manhã com o vencedor da primeira etapa: Nicolas Cavigliasso, Os 26 pilotos estavam na disputa. A Vitória ficou com o próprio piloto Argentino, Sobrou na Turma abrindo cada vez mais e mais vantagem para os demais pilotos.

No primeiro estágio, O Argentino Manuel Andujar, Supreendeu e passou a liderança, Com uma boa vantagem inicial de 1 minuto e 54 segundos de frente para Nicolas Cavigliasso que estava em 2º. Em terceiro vinha o Chileno Italo Pedemonte da Yamaha. Os franceses Sebastian Souday e Alexandre Giroud completavam os Top 5. Gustavo Gallego vinha em 6ºlugar, A 5 minutos e 6 segundos dos líderes. Quem começou mal era Jeremias Feroli que perdeu 19 minutos e 16 com relação ao Líder e estava em 25º e penúltimo lugar.

No segundo estágio, Andujar continuava na frente com praticamente a mesma vantagem para Nicolas Cavigliasso (Tirou 6 segundos de Manuel Andujar, que vinha a 1 minuto e 48 segundos do líder) Italo Pedemonte continuava em 3ºlugar. Porém, estava pressionado pelo Francês Alexandre Giroud que vinha 18 segundos atrás do Chileno. Gustavo Gallego passou para o 5ºlugar, 5 segundos a frente de Sebastian Souday.

Tomas Kubiena da Ibos Hawk vinha em 7º, O Tcheco estava 8 minutos e 19 segundos atrás do líder. Axel Dutrie, Giorgio Enrico e Walter Nosiglia completavam os 10 primeiros colocados. Jeremias Gonzalez Ferioli vinha em 21ºlugar, A 21 minutos e 31 segundos.

Nicolas Cavigliasso acabou com a brincadeira, No 3ºSetor de Cronometragem O vice-campeão de 2018 assumiu a liderança. E não foi por pouco não, ele abriu 4 minutos e 37 segundos a frente do também Argentino Gustavo Gallego. Esse estava com 13 segundos de frente para Alexandre Giroud que vinha em terceiro e 19 segundos a frente de Sebastian Souday, O Quarto colocado da prova. Italo Pedemonte acabou caindo do 3º para o 5ºlugar, A 5 minutos e 15 segundos atrás da liderança.

Tomas Kubiena subiu do 7º para o 6ºlugar, 7 minutos e 5 segundos da liderança. Axel Dutrie vinha em 7º, Giorgio Enrico, Walter Nosiglia e Nelson Augusto Sanabria completava os 10 primeiros colocados. Jeremias Ferioli sobe e se recupera e vinha em 17ºlugar, 20 minutos e 32 segundos atrás de Cavigliasso.

No 4ªSetor, Cavigliasso aumenta ainda mais sua vantagem para 7 minutos e 2 segundos de frente para o Francês Sebastian Souday, Que disputava posição com o seu compatriota Alexandre Giroud, Que estava a 10 segundos atrás, Em 3ºlugar. Gustavo Gallego vinha em 4º e o Tcheco Tomas Kubiena da Ibos Hawk completava as 5 primeiras posições.

Italo Pedemonte continuava a perder posições, Com 9 minutos e 22 segundos ele estava em 6ºlugar, Bem a frente de Giorgio Enrico, (Com 14 minutos e 43 segundos atrás de Cavigliasso) 2 segundos atrás em 8ºlugar vinha o francês Axel Dutrie. Barahona e Ferioli (Em bonita recuperação) Completavam os 10 primeiros lugares.

Cavigiasso aumentou para 10 minutos a sua vantagem na liderança, O Seus mais próximos seguidores eram os Franceses Sebastian Souday em 2º, 35 segundos a frente de Alexandre Giroud que vinha em 3º. A briga pelo 2ºlugar também envolvia: Gustavo Gallego em 4ºlugar, Italo Pedemonte em 5º e Tomas Kubiena em 6ºlugar. Todos eles separados por apenas 2 minutos e 41 segundos.

Giorgio Enrico vinha mais longe, A 18 minutos e 19 segundos em 7º, Mais longe ainda vinha Jeremias Gonzalez Ferioli que vinha em 8ºlugar, Mas a 25 minutos e 37 segundos atrás do seu mais temível rival na disputa pelo campeonato. Barahona e Walter Nosiglia completavam os Top 10 do WP5.

No WP6, Cavigliasso aumenta ainda mais a sua liderança, O Argentino sobrava na turma. Enquanto isso: Alexandre Giroud (a 12 minutos e 3 segundos), Gustavo Gallego (a 12 minutos e 34) e Italo Pedemonte (a 12 minutos e 51 segundos) disputavam o 2ºlugar. Sebastian Souday acabou caindo 3 posições perdendo 4 minutos e ficando um pouco mais para o Tcheco Tomas Kubiena da Ibos Hawk, Numa possível disputa do 5ºlugar.

Giovanni Enrico vinha em 7ºlugar, Com longos 20 minutos e 27 segundos atrás do Líder. Fazendo uma boa prova. Gonzalez Ferioli, Barahona e Walter Nosiglia completava os 10 primeiros.

Cavigliasso a partir dos últimos setores começou a administrar a sua vitória, Mesmo assim acabou ganhando mais alguns segundos de vantagem para Giroud que vinha em 2º com uma pequena vantagem sobre o Argentino Gustavo Gallego. Sebastian Souday recuperou posição de Pedemonte por uma diferença de 21 segundos.

Tomas Kubiena manteve a 6ªposição, Com Enrico a quase 5 minutos atrás do Tcheco em 7ºlugar. O Argentino Jeremias Gonzalez Ferioli vinha a 26 minutos e 59 segundos atrás da liderança vinha em 8ºlugar. Luis Barahona e Walter Nosiglia continuavam completando os 10 primeiros colocados.

Nicolas Cavigliasso conquistou a vitória, depois de 4 horas de disputa dura para os outros, Mas muito fácil para o Argentino que ganhou com tranquilos 11 minutos e 18 segundos a frente do Argentino Gustavo Gallego que acabou superando em muito o Francês Alexandre Giroud que ficou 8 minutos atrás em 3ºlugar. 16 segundos depois acabou o Chileno Giovanni Enrico.

Depois da Quadra da Yamaha completou os Top 5 o Tcheco Tomas Kubiena com o Quadriciclos da Ibos Hawk, 22 minutos e 22 segundos. O sexto Lugar ficou com Jeremias Gonzalez Ferioli, 27 minutos e 41 segundos atrás. Isso não é muito bom para Ele, Visto que seu rival se distancia muito na disputa pelo título.

Manuel Andujar, Martin Sarquiz com o melhor CAN-AM do dia, Walter Nosiglia com a Honda e Nelson Sanabria completaram os 10 primeiros lugares. Axel Dutrie abandonou a disputa com problemas mecânicos.

Resultado final da 2ªEtapa

pospilotoPaísEquipeVeiculoTempo
1240Nicolas CavigliassoArgentinaDrag’on Rally TeamYamaha YFM700R04H 22′ 10”
2257Gustavo GallegoArgentinaGustavo Gallego CompeticionYamaha Raptor 700+ 00H 11′ 18”
3250Alexandre GiroudFrançaTeam GiroudYamaha YFZ 700+ 00H 19′ 21”
4270Giovanni EnricoChileEnrico Racing TeamYamaha Raptor+ 00H 19′ 37”
5253Tomas KubienaRepública TchecaMoto Racing Group (MRG)IBOS Hawk 690+ 00H 22′ 22”
6241Jeremias Gonzalez FerioliArgentinaFerioli Racing TeamYamaha Raptor 700+ 00H 27′ 41”
7273Manuel AndujarArgentina7240 TeamYamaha Raptor 700+ 00H 29′ 39”
8254Martin SarquizArgentinaDKR TeamCAN-AM 800 R+ 00H 44′ 40”
9258Walter NosigliaBolíviaNosiglia SportHonda TRX700XX+ 00H 46′ 16”
10245Nelson Augusto SanabriaParaguaiDrag’on Rally TeamYamaha YFM700R+ 00H 48′ 46”

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Cavigiasso sai na frente nos Quadriciclos

O Quadriciclos foi a primeira categoria a largar para a primeira etapa, Por volta das 9 e meia da Manhã no Horário Peruano (Meio-Dia e meia no Horário de Brasília)

Vice-campeão do Dakar em 2018, Nicolas Cavigiasso conquistou a vitória no primeiro estágio de 2019. Foi uma disputa boa com o seu compatriota Jeremias Gonzalez Ferioli. Nos 3 pontos de controle os dois pilotos Argentinos acabaram polarizando a disputa pela vitória.

No primeiro Setor foram 56 segundos separando Cavigiasso e Ferioli, Nelson Sanabria Galeano do Paraguai vinha em 3º a 2 minutos do líder. Santiago Hanzen, Tomas Kubiena completavam os 5 primeiros colocados. Já no segundo estágio, Cavigliasso aumenta a sua vantagem para 2 minutos e 43 segundos para Ferioli. Vice-campeão em 2015 vinha sem ser ameaçado pelo Paraguaio Nelson Sanabria (3º com 4 minutos e 56 segundos de Atraso) Santiago Hansen e Tomas Kubiena completavam os 5 primeiros colocados.

Gustavo Gallego ganhou o 6ºlugar do Polonês Kamil Wisniewski.

Depois de 1 hora e 17 minutos de disputa, Nicolas Cavigliasso confirmou a vitória no Estágio e saiu na frente na disputa pelo título. 3 minuto e 55 segundos atrás de Jeremias Gonzalez Ferioli. Quem se destacou com o Quadriciclo da Ibos Hawk foi o Tcheco Tomas Kubiena que subiu para o terceiro lugar, Chegando a 8 minutos e 22 segundos atrás do Vencedor. O Argentino Gustavo Gallego e o Francês Alexandre Giroud completaram os 5 primeiros colocados.

O Paraguaio Nelson Sanabria Galeano acabou caindo do 3º para o 6ºlugar no último e mais longo setor. Sebastian Souday, Santiago Hansen, Giordano Enrico e Kamil Wisniewski completaram os 10 primeiros colocados.

O Francês Axel Dutrie acabou perdendo 1 hora no 1ªSetor, Com problemas mecânicos um dos favoritos a vitória nos Quadriciclos ver seu sonho ruir logo na Primeira Etapa da Competição.

Resultado provisório da Primeira etapa:

posPilotoEquipePaísVeiculoTempo
1240Nicolas CavigliassoDrag’on Rally TeamArgentinaYamaha YFM700R01:17:15
2241Jeremias Gonzalez FerioliFerioli Racing TeamArgentinaYamaha Raptor 700a 3:55
3253Tomas KubienaMoto Racing Group (MRG)República TchecaIBOS Hawk 690a 8:22
4257Gustavo GallegoGustavo Gallego CompeticionArgentinaYamaha Raptor 700a 9:56
5250Alexandre GiroudTeam GiroudFrançaYamaha YFZ 700a 10:41
6245Nelson Augusto SanabriaDrag’on Rally TeamParaguaiYamaha YFM700Ra 10:47
7259Sebastien SoudayTeam All TracksFrançaYamaha 450 YFZRa 11:56
8264Santiago HansenNosiglia SportArgentinaHonda TRX700XXa 11:56
9270Giovanni EnricoEnrico Racing TeamChileYamaha Raptora 13:01
10255Kamil WisniewskiKamil WisniewskiPolôniaCAN-AM Renegade 850XXCa 13:39

Texto: Deivison da Conceição da Silva