Em primeiro Estágio em Solo Argentino: Polêmica com os mapas. Quedas e problemas de navegação. Vitória fica nas mãos de Walkner

Após um dia em que tivemos uma prova do Dakar cancelada devido as péssimas condições de tempo a competição entra na Argentina para a sua Reta final. A primeira especial em Solo Argentino foi uma especial polêmica, Que pode ter decidido o Dakar a favor da KTM. De Salta até Belén foi realizada o 10ºestágio do Dakar 2018.

No primeiro setor o Argentino Kevin Benavides assumiu a liderança com sua Honda, Já abrindo uma bela vantagem de 1 minuto e 51 segundos de frente para o Francês Antonie Meo de KTM. O Espanhol Joan Barreda Boat, 3 segundos depois vinha em 3ºlugar. Seguido do Chileno Pablo Quintanilla com a Husqvarna.

Na 5ªposição vinha o Austríaco Matthias Walkner vinha 11 segundos a frente de Stefan Svitko, Em 7ºlugar estava o piloto Australiano Toby Price, Completando a trinca de pilotos da KTM entre o 5º, 6º e 7ºlugar. 4 minutos e 36 segundos atrás de Benavides estava o piloto da Gas Gas Johnny Aubert começando na frente da Hero, Do Espanhol Oriol Mena, Por 39 segundos atrás do francês. Armand Monleon, Darming completava os 10 primeiros colocados. Andrew Short com sua Husqvarna, 26 segundos atrás do piloto Espanhol vinha em 11ºlugar, Seguindo de Pedrero Garcia (Outro espanhol) com a Sherco TVS. Jose Ignácio Cornejo, Gerard Farres Guell e Marc Sola Terradellas completavam os 15 primeiros.

No Segundo Setor, Benavides aumenta a vantagem na liderança para 2 minutos e 47 segundos para Juan Barreda Boat, Também com uma Honda. 28 segundos a frente de Toby Price, Que subiu do 7º para o 3ºlugar com sua KTM. Com a mesma moto Austríaca os pilotos Matthias Walkner e Stefan Svitko completavam os 5 primeiros colocados.

Quem acabou perdendo nesse 2ºsetor foi Antonie Meo que caiu do 2ºlugar para o 6ºlugar (5 minutos e 30 segundos atrás do Líder) e Pablo Quintanilla, que caiu do 4º para o 7ºlugar, Com 7 minutos e 54 segundos atrás. Johnny Albert acabou perdendo posições. Quem se deu bem foi Oriol Mena (Hero) que sobe para o 8ºlugar. 36 segundos depois veio o piloto da Sherco Pedrero Garcia, E Andrew Short completa os Top 10. 26 segundos atrás de Aubert que perdeu 4 posições. Gerard Farres Guell vinha em 12ºlugar, 18 segundos atrás de Aubert com a primeira moto da Himoinsa.

Benavides aumentou mais 19 segundos na sua liderança na especial. A vantagem do Argentino para o segundo lugar que passou para as mãos de Toby Price que passou Barreda Bort. (Vantagem entre os 2 era de 35 segundos) Matthias Walkner e Stefan Svitko, Ambos de KTM (primeiro com a Moto oficial) permaneciam em 4º e 5ºlugar. Antonie Meo (7 minutos e 40 segundos) e Palbo Quintanilla (9 minutos e 51 segundos) seguiram buscando uma recuperação em 6º e 7ºlugares respectivamente.

Oriol Mena segurava Pedrero Garcia por apenas 2 segundos. Em 8ºlugar com a Hero em cima do piloto da Sherco. Andrew Short da Husqvarna, Johnny Aubert da Gas Gas e Farres Guell da Himoinsa KTM continuavam com suas posições. Marc Samuels da Mec Team vinha 1 minuto e 52 segundos atrás de Farres Guell, Em 13ºlugar. Oliveras Carreras, Jose Ignacio Cornejo e Armand Monleon vinham disputando o 14ºlugar. (21 segundos de distância entre os 3)

4ºSetor da especial. Benavides seguia líder, 3 minutos e 14 segundos a frente de Toby Price. A distância entre Price e Barreda Bort aumentou para 2 minutos e 7 segundos. O Espanhol da Honda não era ameaçado pelo Austríaco Matthias Walkner, 1 minuto e 25 segundos atrás. O piloto oficial da KTM aumentou um pouco sua vantagem para o Eslovaco Stefan Svitko que completava os 5 primeiros com sua KTM privada.

Meo e Quintanilla mantiveram o 6º e 7ºlugares. Já Pedrero Garcia Ganhou o 8ºlugar de Mena. O Espanhol estava a 14 minutos e 40 segundos de Kevin Benavides e a 17 segundos a frente do piloto da Hero. Short continuava no 10ºlugar. Do norte-americano da Husqvarna até o 16ºlugar Armand Monleon as posições não se modificaram. Apenas as distâncias que estavam entre eles. Short vinha 8 segundos para Aubert, Que vinha em 11º.

No 5ºSetor Continuava Kevin Benavides na liderança. Com seus 3 minutos e 9 segundos sobre O Australiano Toby Price que vinha em um tranquilo segundo lugar. Matthias Walkner, Com 6 minutos e 43 segundos atrás do líder vinham em 3ºlugar. Antonie Meo reagiu subindo do 6º para o 4ºlugar e Barreda Bort perdeu 2 posições caindo para o 5ºlugar, 10 segundos atrás do piloto Francês.

Stefan Svitko perdeu a posição do Meo. Caindo para o 6ºlugar. 10 minutos e 39 segundos do líder. Palbo Quintanilla vinha mais de 4 minutos atrás do Eslováquio em 7ºlugar. Pedrero Garcia vinha em 8ºlugar. Oriol Mena acabou perdendo muito tempo caindo para o 14ºlugar. Quem subiu foi Farres Guell, Que ganhou 3 posições (passando Aubert, Short e Mena) ganhando o 9ºlugar. Andrew Short completava os 10 primeiros colocados.

Daniel Oliveras Carreras, Mark Samuels e José Ignácio Cornejo disputavam o 11ºlugar, 21 segundos separavam esses três pilotos. Mena caiu para o 14º (27 minutos e 56 segundos atrás do líder) Armand Monleon completava os 15 primeiros colocados.

E dai a partir do penúltimo checkdown do Estágio os pilotos, Vários pilotos se perderam e culparam o mapa entregue pela organização do Dakar. Esse não foi o único problema. Um outro problema foi o fato de apenas 7 pilotos terem tido suas marcas no WP6 no aplicativo do Dakar. Para mim esse estágio por tudo que aconteceu deveria ser cancelada ou então ter sido anulado os últimos setores. Eu defendo que o resultado do WP5 deveria ser o resultado final do Estágio.

O WP6 foi uma confusão, 7 pilotos tiveram seus tempos registrados. Com esse problema, Os dois ultimos Setores da prova deveriam ter sido anulados e o Resultado deveria ter sido o resultado do WP5.

Ao final do Estágio Adrien van Beveren que vinha com sua Yamaha na liderança do Dakar, Acabou não se perdendo, Mas a 3 km do Final ele sofre um grave acidente. O Francês teve serias lesões que acabou fazendo ele deixar o Dakar. A Yamaha praticamente deixava a disputa do Dakar tendo apenas pilotos secundários na disputa.

Matthias Walkner acabou não se perdendo nessa confusão. Conquistou a vitória e com toda essa confusão. O Austríaco abriu uma enorme vantagem em cima dos seus adversários e praticamente dando um grande passo para o título do Dakar de 2018. O segundo lugar do Estágio foi o Chileno Pablo Quintanilla com a Husqvarna que ficou a 11 minutos e 35 segundos do vencedor. Gerard Farres Guell acabou completando o pódio na 3ªposição. Em 4ºlugar, ficou o Espanhol Oriol Mena com um belo especial. Com sua Moto da Hero, Terminando a 20 minutos e 45 segundos atrás de Walkner.

Juan Pedrero Garcia acabou punido em 15 minutos em seu tempo final, Deixando o 5ºlugar para o Chileno Jose Ignacio Cornejo com sua moto da Honda, Que chegou a 59 segundos de frente para o Norte-Americano Andrew Short que conquista seu primeiro Top 10 no Dakar. Nenhum dos favoritos ficaram nos últimos lugares dos 10 primeiros lugares. Mark Samuels da Mec Team ficou em 7ºlugar, 37 segundos atrás do ex-piloto do AMA Motorcross. Daniel Oliveras Carreras com a Himoinsa KTM, Armand Monleon da Daming Racing e Pedrero Garcia da Sherco completaram os 10 primeiros lugares. 11 segundos depois em 11ºlugar a piloto Laia Sanz com sua KTM.

Joan Barreda Bort acabou com toda essa confusão em 14ºlugar, 38 minutos e 15 segundos atrás do vencedor. Kevin Benavides que liderou praticamente toda o Estágio ficou em 17ºlugar, 47 minutos e 35 segundos. Toby Price ficou em 19ºlugar, 49 minutos e 17 segundos atrás. Depois disso tudo por incrível que pareça, O Vice-líder passou a ser Juan Barreda Bort , Que esta a 39 minutos e 42 segundos do Austríaco que lidera o Dakar. E Kevin Benavides que poderia assumir a liderança do Dakar acabou com o resultado final caindo para o 3ºlugar. A 41 minutos e 23 segundos do líder.

Resultado final da 10ªEtapa do Dakar 2018
Categoria Motos

POS. Pilotos Motos Tempo
1 2 Matthias Walkner KTM 450 RALLY REPLICA 04h 52′ 26”
2 10 Pablo Quintanilla Husqvarna FR 450 RALLY + 00h 11′ 35”
3 3 Gerard Farres Guell KTM 450 RALLY + 00h 16′ 21”
4 61 Oriol Mena Hero 450 Rally + 00h 20′ 45”
5 68 Jose Ignacio Cornejo Florimo Honda CRF450RALLY + 00h 23′ 14”
6 54 Andrew Short Husqvarna FR 450 RALLY + 00h 24′ 13”
7 64 Mark Samuels Honda CRF450RALLY + 00h 24′ 50”
8 29 Daniel Olivera Carreras KTM 450 RALLY + 00h 25′ 25”
9 17 Armand Monleon KTM 450 RR + 00h 34′ 18”
10 12 Juan Pedrero Garcia 450 RALLYE SHERCO TVS + 00h 36′ 24”
11 15 Laia Sanz KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 36′ 35”
12 40 Johnny Aubert GASGAS + 00h 37′ 29”
13 44 Rodney Faggotter Yamaha WR450F RALLY + 00h 38′ 07”
14 5 Joan Barreda Bort Honda CRF450RALLY + 00h 38′ 15”
15 33 Daniel Nosiglia Jager KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 40′ 22”
16 34 Marc Sola Terradellas KTM 450 RALLY + 00h 41′ 36”
17 47 Kevin Benavides Honda CRF450RALLY + 00h 47′ 35”
18 60 Jonathan Barragan Nevado GASGAS + 00h 47′ 49”
19 8 Toby Price KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 49′ 17”
20 52 Jacopo Cerutti KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 51′ 39”
21 42 Maurizio Gerini HUSQVARNA 450 + 00h 52′ 40”
22 37 Milan Engel KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 55′ 50”
23 25 Ivan Cervantes Montero KTM 450 RALLY + 00h 56′ 01”
24 20 Ricky Brabec Honda CRF450RALLY + 00h 56′ 13”
25 9 Stefan Svitko KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 59′ 48”
26 19 Antonie Meo KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 00′ 13”
27 58 Maciej Giemza KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 04′ 00”
28 103 Shane Esposito KTM RALLY REPLICA + 01h 04′ 35”
29 128 Maikel Smits KTM 450 RALLY + 01h 05′ 29”
30 28 Emanuel Gyenes KTM 450 RALLY + 01h 15′ 22”

Classificação Geral

POS. Pilotos Motos Tempo
1 2 Matthias Walkner KTM 450 RALLY REPLICA 32h 21′ 03”
2 5 Joan Barreda Bort Honda CRF450RALLY + 00h 39′ 42”
3 47 Kevin Benavides Honda CRF450RALLY + 00h 41′ 23”
4 3 Gerard Farres Guell KTM 450 RALLY + 00h 47′ 46”
5 8 Toby Price KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 50′ 18”
6 19 Antonie Meo KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 03′ 35”
7 20 Ricky Brabec Honda CRF450RALLY + 01h 21′ 37”
8 9 Stefan Svitko KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 25′ 09”
9 10 Pablo Quintanilla Husqvarna FR 450 RALLY + 01h 30′ 24”
10 40 Johnny Aubert GASGAS + 01h 40′ 57”
11 68 Jose Ignacio Cornejo Florimo Honda CRF450RALLY + 01h 49′ 50”
12 33 Daniel Nosiglia Jager KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 52′ 27”
13 29 Daniel Olivera Carreras KTM 450 RALLY + 01h 56′ 30”
14 61 Oriol Mena Hero 450 Rally + 01h 57′ 08”
15 15 Laia Sanz KTM 450 RALLY REPLICA + 02h 01′ 26”
16 60 Jonathan Barragan Nevado GASGAS + 02h 12′ 10”
17 12 Juan Pedrero Garcia 450 RALLYE SHERCO TVS + 02h 25′ 18”
18 17 Armand Monleon KTM 450 RR + 02h 26′ 58”
19 54 Andrew Short Husqvarna FR 450 RALLY + 02h 41′ 10”
20 44 Rodney Faggotter Yamaha WR450F RALLY + 02h 51′ 04”
21 27 Diego Martin Duplessis Honda CRF450RALLY + 03h 38′ 50”
22 34 Marc Sola Terradellas KTM 450 RALLY + 04h 04′ 04”
23 52 Jacopo Cerutti KTM 450 RALLY REPLICA + 04h 24′ 50”
24 37 Milan Engel KTM 450 RALLY REPLICA + 04h 50′ 42”
25 28 Emanuel Gyenes KTM 450 RALLY + 04h 59′ 40”
26 25 Ivan Cervantes Montero KTM 450 RALLY + 05h 01′ 23”
27 42 Maurizio Gerini HUSQVARNA 450 + 05h 13′ 13”
28 64 Mark Samuels Honda CRF450RALLY + 05h 20′ 02”
29 58 Maciej Giemza KTM 450 RALLY REPLICA + 05h 25′ 01”
30 128 Maikel Smits KTM 450 RALLY + 06h 17′ 19”

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Dakar

Francês vence duelo com Norte-americano na 8ªEtapa do Dakar

Antonie Meo e Ricky Brabec travaram um belo duelo pela vitória no 8ºestágio do Dakar 2018, Sem dúvida o maior e mais disputado Dakar na Categoria Motos que já se viu. Com vários pilotos na disputa pelo título. A Vitória acabou nas mãos do piloto da KTM.

No primeiro estágio Antonie Meo que vinha em busca de um bom resultado para continuar na disputa pelo título começou muito bem. Assumiu a liderança com seu companheiro de equipe, O australiano Toby Price a 10 segundos de distância, Em 2ºlugar. Pablo Quintanilla com sua Husqvarna e Ricky Brabec com a Honda estavam empatados, Com 36 segundos atrás de Meo na terceira posição.

Matthias Walkner estava em 5ºlugar. Em uma disputa ferrenha com Johnny Aubert com a Gas Gas e Kevin Benavides com a Honda. Distância entre os 3 de apenas 4 segundos. Stefan Svitko vinha em 8ºlugar, 2 segundos a frente de Laia Sanz que vinha em 9º também com a KTM. Joan Barreda Bort com as lesões adquiridas no estágio passado e com a moto danificada fechava os 10 primeiros colocados.

A se destacar a disputa pelo 12ºlugar entre líder da classificação geral, Adrien van Beveren com a Yamaha, O Boliviano Daniel Nogislia Jager com a KTM e Jonathan Barragan com a Gas Gas. Empatados em 2 minutos e 30 segundos na 13ªposição e depois o Argentino da Mec Team, Diego Duplessis Com sua Honda (1 segundo atrás em 15º), Armand Monleon (KTM), Joan Pedrero Garcia (Sherco) e Shaun Esposito (KTM).

No segundo setor, Meo aumenta sua vantagem para 1 minuto e 11 segundos de frente para o Australiano Toby Price. 4 segundos depois vinha o Norte-Americano Ricky Brabec, Ameaçando a dobradinha da KTM no Estágio. Pablo Quintanilla com a Husqvarna e Kevin Benavides com a Honda completavam os 5 primeiros colocados.

Matthias Walkner vinha 17 segundos atrás de Benavides, Com sua KTM em 6ªlugar. Stefan Svitko com sua KTM privada estava em 7ºlugar (2 minutos e 55 segundos atrás de Meo) e 10 segundos depois vinha Barreda Bort, com sua Honda. Johnny Aubert com a Gas Gas, Laia Sanz com a KTM completavam os 10 primeiros lugares.

Daniel Nosiglia Jager vinha 11 segundos à frente de Adrien van Beveren. Em 11ºlugar. Vindo perto do líder da Geral vinham Pedrero Garcia, Mena e Monleon fechando os 15 primeiros colocados.

No Setor 3, Antonie Meo continua líder, Mas ver sua vantagem para Price cair para 24 segundos. Ricky Brabec vinha em 3ºlugar, Um pouco mais distante da Briga das KTM. (1 minuto e 33 segundos) Quintanilla com a Husqvarna 1 minuto e 58 segundos atrás e Kevin Benavides de Honda (2 minutos e 42 segundos) seguiam em 4º e 5ºlugares.

Em 6ºvinha Stefan Svitko, Superando em 25 segundos a Matthias Walkner com a Moto oficial da KTM. Johnny Aubert subiu para o 8ºlugar, 3 segundos a frente da Melhor Mulher das motos Laia Sanz (5 minutos e 1 segundo do líder naquele momento) Adrien van Beveren vinha em 10ºlugar com sua Yamaha que restou na competição. (Xavier de Soultrait abandonou o Dakar nesse estágio)

20 segundos depois, vinha Jonathan Barragan que estava 2 segundos a frente de Joan Pedrero Garcia. Era uma disputa entre Gas Gas e Sherco na 11ªposição. Logo depois vinha Shaun Esposito que vinha em 13ºlugar com a moto da equipe Duust Rally Team. Era o destaque fora dos 10 primeiros colocados. Barreda Bort não teve um setor feliz e saiu dos 20 primeiros lugares.

No Quarto setor, A Classificação era Antonie Meo na liderança. Com diferença de 40 segundos para Toby Price. (Meo aumentou em 16 segundos a vantagem na ponta da tabela) O Terceiro lugar continuava sendo Ricky Brabec (1 minuto e 29 segundos atrás de Meo) Os três primeiros lugares estavam sendo os mesmos desde do primeiro Check Point do Estágio. Depois vinham Palbo Quintanilla em 4º e Kevin Benavides em 5º mantendo suas posições.

Matthias Walkner recuperou o 6ºlugar de Svitko, Com 4 minutos e 25 segundos atrás do líder e abrindo 40 segundos do piloto da Eslováquia. Laia Sanz vinha em seu melhor estágio, Em 8ºlugar, Superando a Aubert com a Gas Gas em 9ºlugar. Adrien Van Beveren com seus 6 minutos e 31 segundos de atraso vinha fechando os 10 primeiros lugares. 7 segundos atrás do piloto Francês da Gas Gas.

Shaun Esposito subiu do 13º para o 11ºlugar, 2 segundos a frente de Pedrero Garcia. Armand Monleon vinha em 13ºlugar a 2 segundos de frente para Luciano Benavides com sua KTM em 14º e fechando os 15 primeiros lugares vinha Jonathan Barragan a 10 segundos de Benavides caçula.

No 5ºSetor Meo continua líder e a segunda posição muda de mãos. Ricky Brabec ultrapassa Toby Price e passa a figurar logo atrás do francês da KTM Red Bull, (2 minutos e 7 segundos atrás)  Price vinha 27 segundos de desvantagem para Brabec. Começava ai uma briga entre Honda e KTM pela vitória em Território Boliviano.

Pablo Quintanilla vinha em 4ºlugar (3 minutos e 25 segundos de Meo), O Quinto lugar muda de mãos. Walkner passou o Argentino Kevin Benavides e assumiu o quinto lugar, Com 12 segundos de vantagem para o piloto oficial da equipe Honda. Stefan Svitko vinha em 7ºlugar (6 Minutos e 35 segundos atrás do líder). Os 10 primeiros colocados são completados pelo francês Adrien Van Beveren com a Yamaha (8 minutos e 35 segundos), Johnny Aubert com a Gas Gas em 9º, (9 minutos e 56 segundos) e Laia Sanz em 10ºlugar (9 minutos e 10 segundos atrás do líder)

Joan Pedrero Garcia em um bom trabalho com sua Sherco vinha em 11ºlugar (Melhor especial em 2018) Superando Shaun Esposito com sua KTM em 12ºlugar. Oriol Mena em 13ºlugar, Levava a Hero para um digno resultado. Gerard Farres Guell da Himoinsa KTM e Luciano Benavides da Ktm Factory Racing Team completavam os 15 primeiros colocados.

No 6ºsetor a disputa esquenta entre Meo e Brabec. O Francês com a KTM seguia na frente, 33 segundos atrás de Brabec de Honda. Toby Price estava mais longe, Vinha a 1 minuto e 40 segundos atrás do ponteiro. Matthias Walkner ganhou o 4ºlugar, 4 minutos e 15 segundos atrás de Quintanilla que teve problemas e saiu dos 20 primeiros colocados. (Problemas de Ansiedade) Sorte dos outros que acabaram ganhando uma posição. O Argentino Kevin Benavides passava a ser o melhor sul-americano do evento, Com 18 segundos atrás em 5ºlugar.

Stefan Svitko voltou ao 6ºlugar com a moto da equipe Slovnaft Rally Team com a KTM privada, O líder da Geral Adrien van Beveren vem em 7ºlugar, 7 minutos e 31 segundos de Meo. Laia Sanz em brilhante 8ºlugar com sua KTM. Johnny Aubert com a Gas Gas e Joan Pedrero Garcia com a Sherco completavam os 10 primeiros colocados.

Joan Barreda Bort reaparecia em 11ºlugar, só 3 segundos atrás de Pedrero Garcia. (10 minutos e 38 segundos da liderança)  Oriol Mena vinha em 12ºlugar, 6 segundos atrás de Barreda Boat e 6 segundos a frente de Shaun Esposito que estava em um belíssimo 14ºlugar. (De forma inesperada com sua KTM da equipe Duust) A segunda Yamaha aparecia em 20ºlugar com o italiano Alessandro Botturi.

No 7ºSetor o Norte-americano Ricky Brabec assume a liderança do Estágio, 26 segundos de frente para Meo e 35 segundos para Toby Price. O piloto da Honda vinha no comando da prova com os dois pilotos da KTM logo atrás e com o Austríaco Matthias Walkner, 2 minutos e 32 segundos atrás de Brabec. Kevin Benavides se manteria perto deles em 5ºlugar. (3 minutos e 43 segundos atrás)

Stefan Svitko permanecia em 6ºlugar, Já vinha mais de 2 minutos e meio atrás de Benavides. 14 segundos atrás vinha Van Beveren com a Yamaha. Laia Sanz vinha em 8º. Pedrero Garcia em 9º, Oriol Mena em 10º e Barreda Bort em 11º vinham separados por apenas 13 segundos entre eles. Armand Monleon ganhou o 12ºlugar que estava nas mãos de Shaun Esposito. Luciano Benavides e Daniel Nosiglia Jager completavam os 15 primeiros colocados.

No 8ºSetor, Brabec continuou na liderança. Porém sua vantagem reduziu para apenas 31 segundos em relação ao piloto Francês Antonie Meo (KTM), Toby Price já vinha mais longe dos dois primeiros. 3 minutos e 3 segundos de diferença para Brabec. Já parecia um pouco mais disposto a manter essa posição sobre o Austríaco Matthias Walkner, Que vinha a 48 segundos de distância do piloto Austráliano. Kevin Benavides já ficou mais de 2 minutos atrás, em 5ºlugar.

Stefan Svitko se manteve na 6ªposição. Adrien van Beveren com a Yamaha vinha em 7ºlugar. A 8 minutos e 57 segundos do líder e 3 minutos atrás de Kevin Benavides que poderia estar voltando a liderança na categoria geral. Joan Pedrero Garcia em 8ºlugar, Em um belo estágio vinha levando a Sherco ao melhor resultado naquele momento. A frente de Laia Sanz que vinha segurando o 9ºlugar, 5 segundos a frente de Barreda Bort.

Oriol Mena e Armand Monleon disputavam o 11ºlugar, Uma bela ascensão do piloto Espanhol da Equipe Daming Racing Team que vinha crescendo setor a setor. Destaco a briga pelo 15ºlugar que vinha entre Diego Martin Duplessis, Daniel Nosiglia Janer e Luciano Benavides, Vinham separados por apenas 4 segundos de distância.

Brabec e Meo no 9ºsetor disputavam a liderança. A Vantagem do Norte-Americano da Honda era de apenas 6 segundos para o Francês da Equipe KTM Red Bull. São dois pilotos que andaram muito bem no Dakar, Vindos do Enduro e do Baja 1000 e que serão o futuro do Dakar na categoria motos. Toby Price diminuiu sua distância para os 2º e vinha a 2 minutos e 28 segundos. Matthias Walkner perdeu rendimento e perdeu 2 posições, Caindo para o 6ºlugar. Quem subiu foi Kevin Benavides com a Honda e Stefan Svitko com a KTM. (Ganhando o 4º e 5ºlugares respectivamente)

Adrien Van Beveren manteve o 7ºlugar, Tirando 3 segundos da desvantagem que tinha para Kevin Benavides. Joan Barreda Bort, A 11 minutos e 40 segundos do líder na parcial subiu para o 8ºlugar. Ao ganhar as posições de Laia Sanz e de Pedrero Garcia que completavam o Top 10.

Armand Monleon ganhou o 11ºlugar. Johnny Aubert com sua Gas Gas, vinha logo a seguir (48 segundos de Monleon) Oriol Mena, Diego Duplessis e Shaun Esposito completavam os Top 15. Gerard Farres Guell em um estágio bem sumido, Vinha em 19ºlugar.

No 10ºEstágio, Brabec segurava a liderança, Com 10 segundos a frente de Meo. Era a disputa pela vitória. O australiano Toby Price estava já a 2 minutos e 57 segundos. Sem ameaçar os líderes, Mas não era ameaçado pelo Argentino Kevin Benavides. Com sua Honda ele vinha em 4ºlugar. 23 segundos a frente do Eslováquia Stefan Svitko que completava os 5 primeiros lugares. 30 segundos depois vinha o Austríaco Matthias Walkner.

Van Beveren continuava em 7ºlugar, Longe de ameaçar Walkner (2 minutos e 10 segundos), Porém estava bem tranquilo em relação ao Espanhol Barreda Bort, Que estava a 3 minutos atrás. Em 8ºlugar. Laia Sanz e Pedrero Garcia continuava em 9º e 10ºlugares,Mas Armand Monleon vinha 40 segundos a frente do Piloto da Sherco e buscava um lugar entre os Top 10.

No estágio Final Acabou o piloto Francês superando Ricky Brabec. Meo conquistou a vitória na especial, Com 1 minuto e 8 segundos a frente do piloto Norte-americano que também fez uma bela corrida com sua Honda. Toby Price ficou com o 3ºlugar. 2 minutos e 45 segundos atrás. Fechando os 5 primeiros colocados ficaram o Argentino Kevin Benavides, Que por causa de 22 segundos não assume a liderança do Dakar. O Francês Adrien van Beveren ainda ficaria em primeiro lugar. O piloto da Yamaha ficou classificado em 7ºlugar. Com 8 minutos e 44 segundos atrás do vencedor e 2 minutos e 52 segundos atrás de Benavides. O quinto colocado ficou mesmo com Stefan Svitko. Com sua KTM privada ele superou em 14 segundos o piloto Oficial da KTM Matthias Walkner.

Fim da Linha para Xavier de Soultrait

Joan Barreda Bort resistiu as dores e a sua moto danificada, Acabou em 8ºlugar, Meio longe dos vencedores (12 minutos atrás de Meo), Mas ainda estava na disputa pelo título. Gerard Farres Guell em incrível final de prova subiu do 17º para o 9ºlugar. E Laia Sanz completou os Top 10 do Estágio superando a Armand Monleon que ficou em 11ºlugar.

O prejuízo do dia ficou para 2 pilotos: Palbo Quintanilla que perdeu muitíssimo tempo com sua crise de ansiedade no que fez o chileno praticamente deixar a briga pelo título do Dakar. (12ºlugar na Geral a 1 hora, 25 minutos e 23 segundos atrás) e para Joan Pedrero Garcia que acabou perdendo meia hora no Estágio e perdeu a chance de colocar a Sherco na melhor posição do Dakar em 2018.

Jonathan Barragan e Johnny Aubert com a Gas Gas fizeram mais um belo trabalho com a Gas Gas, Ficando em 12º e 13ºlugares respectivamente. Oriol Mena representando bem a Hero com o 14ºlugar e o Argentino Diego Duplessis fecharam os Top 15, Com a moto Honda da Mec Team.

Na classificação geral, Os 6 primeiros colocados estão separados por apenas 9 minutos e 56 segundos. E ainda tem Stefan Svitko 7º, Ricky Brabec 8º e Gerard Farres Guell em 9º a mais ou menos 30 minutos atrás dos líderes. O que ainda pode dar a possibilidades deles de disputarem o titulo. Restam 5 etapas e tudo pode acontecer no Dakar das reviravoltas nas Motos.

Resultado da 8ªEtapa do Dakar 2018
Uyuni-Tupiza – Categoria Motos

POS. Pilotos Motos Tempo
1 19 Antonie Meo KTM 450 RALLY REPLICA 05h 24′ 01”
2 20 Ricky Brabec Honda CRF450RALLY + 00h 01′ 08”
3 8 Toby Price KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 02′ 45”
4 47 Kevin Benavides Honda CRF450RALLY + 00h 05′ 52”
5 9 Stefan Svitko KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 06′ 46”
6 2 Matthias Walkner KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 07′ 00”
7 4 Adrien van Beveren WR450F YAMAHA + 00h 08′ 44”
8 5 Joan Barreda Bort Honda CRF450RALLY + 00h 12′ 00”
9 3 Gerard Farres Guell KTM 450 RALLY + 00h 13′ 16”
10 15 Laia Sanz KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 14′ 15”
11 17 Armand Monleon KTM 450 RR + 00h 15′ 15”
12 60 Jonathan Barragan Nevado GASGAS + 00h 15′ 27”
13 40 Johnny Aubert GASGAS + 00h 16′ 15”
14 61 Oriol Mena Hero 450 Rally + 00h 16′ 57”
15 27 Diego Martin Duplessis Honda CRF450RALLY + 00h 19′ 11”
16 103 Shane Esposito KTM RALLY REPLICA + 00h 20′ 21”
17 54 Andrew Short Husqvarna FR 450 RALLY + 00h 22′ 28”
18 33 Daniel Nosiglia Jager KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 22′ 50”
19 29 Daniel Olivera Carreras KTM 450 RALLY + 00h 23′ 02”
20 64 Mark Samuels Honda CRF450RALLY + 00h 25′ 28”
21 68 Jose Ignacio Cornejo Florimo Honda CRF450RALLY + 00h 25′ 46”
22 18 Alessandro Botturi Yamaha 450F + 00h 27′ 33”
23 77 Luciano Benavides KTM 450 RALLY + 00h 29′ 44”
24 42 Maurizio Gerini HUSQVARNA 450 + 00h 30′ 55”
25 25 Ivan Cervantes Montero KTM 450 RALLY + 00h 31′ 32”
26 37 Milan Engel KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 31′ 35”
27 44 Rodney Faggotter Yamaha WR450F RALLY + 00h 31′ 57”
28 52 Jacopo Cerutti KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 32′ 23”
29 34 Marc Sola Terradellas KTM 450 RALLY + 00h 33′ 13”
30 12 Juan Pedrero Garcia 450 RALLYE SHERCO TVS + 00h 40′ 47”
31 28 Emanuel Gyenes KTM 450 RALLY + 00h 43′ 29”

Classificação Geral

POS. Pilotos Motos Tempo
1 4 Adrien van Beveren WR450F YAMAHA 27h 22′ 03”
2 47 Kevin Benavides Honda CRF450RALLY + 00h 00′ 22”
3 2 Matthias Walkner KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 06′ 34”
4 8 Toby Price KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 07′ 35”
5 5 Joan Barreda Bort Honda CRF450RALLY + 00h 08′ 01”
6 19 Antonie Meo KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 09′ 56”
7 9 Stefan Svitko KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 31′ 55”
8 20 Ricky Brabec Honda CRF450RALLY + 00h 31′ 58”
9 3 Gerard Farres Guell KTM 450 RALLY + 00h 37′ 59”
10 40 Johnny Aubert GASGAS + 01h 10′ 02”
11 33 Daniel Nosiglia Jager KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 18′ 39”
12 10 Pablo Quintanilla Husqvarna FR 450 RALLY + 01h 25′ 23”
13 60 Jonathan Barragan Nevado GASGAS + 01h 30′ 55”
14 15 Laia Sanz KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 31′ 25”
15 68 Jose Ignacio Cornejo Florimo Honda CRF450RALLY + 01h 33′ 10”
16 29 Daniel Olivera Carreras KTM 450 RALLY + 01h 37′ 39”
17 61 Oriol Mena Hero 450 Rally + 01h 42′ 57”
18 77 Luciano Benavides KTM 450 RALLY + 01h 48′ 13”
19 27 Diego Martin Duplessis Honda CRF450RALLY + 01h 52′ 43”
20 12 Juan Pedrero Garcia 450 RALLYE SHERCO TVS + 01h 55′ 28”
21 17 Armand Monleon KTM 450 RR + 01h 59′ 14”
22 44 Rodney Faggotter Yamaha WR450F RALLY + 02h 19′ 31”
23 54 Andrew Short Husqvarna FR 450 RALLY + 02h 23′ 31”
24 18 Alessandro Botturi Yamaha 450F + 02h 27′ 10”
25 34 Marc Sola Terradellas KTM 450 RALLY + 03h 29′ 02”
26 52 Jacopo Cerutti KTM 450 RALLY REPLICA + 03h 39′ 45”
27 28 Emanuel Gyenes KTM 450 RALLY + 03h 50′ 52”
28 37 Milan Engel KTM 450 RALLY REPLICA + 04h 01′ 26”
29 25 Ivan Cervantes Montero KTM 450 RALLY + 04h 11′ 56”
30 42 Maurizio Gerini HUSQVARNA 450 + 04h 27′ 07”

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Dakar

De Belén a La Rioja Dakar chega ao final do 10ºEstágio com Peterhansel, Irmãos Patronelli e De Rooy encaminhando para serem campeões. Nas Motos KTM será campeã com Price ou Svitko

No estágio de hoje O Eslovaco Stefan Svitko conquistou a vitória e se mostrou um adversário que pode tirar Pryce do Titulo do Dakar, Apesar de não ser piloto Oficial da KTM o piloto de 33 anos de idade vem pilotando muito com sua KTM vencendo o estágio com quase 3 minutos de diferença sobre Kevin Benavides, A única esperança da Honda para tentar um improvável titulo do Dakar nesse ano, Apesar da Queda o Argentino conseguiu tirar 2 minutos e 53 segundos de Toby Pryce que chegou em 3ºlugar, Agora faltando 3 provas e estando a 23 minutos a frente de Svitko sem dúvida o piloto Australiano tentará não se arriscar muito, Mas tendo de ser rápido o bastante para evitar que o título escape das mãos dele e nessas três provas finais tudo pode acontecer, Mas se nada acontecer é provável que o título fique ou para a Austrália ou a Eslováquia.

Dakar_estagio10_Belen_la2016 (6)
Ricky Brabec vem entre os 10 primeiros com a sua Honda.

Paulo Gonçalves que voltou a disputa e que achamos que ele está lá atrás terminou em 4ºlugar, Mas acabou penalizado em mais de 38 minutos na classificação geral caindo para o 8ºlugar na geral (Sem as punições ele estaria em 3ºlugar). Antoine Meo e Pablo Quintanilla que chegaram em 5º e 6ºlugar no Estágios disputam o pódio junto de Kevin Benavides num espaço de tempo de apenas 2 minutos e 21 segundos entre eles com o Chileno na frente do Francês e com o Argentino sendo o 5ºlugar. O Português Helder Rodrigues sendo o melhor piloto da Yamaha e passando a ser o melhor da terrinha no Dakar ficou em 7ºlugar na especial de Quarta-feira seguido do Norte-americano Ricky Brabec que ocupa o 7ºlugar na Geral com sua Honda.

Completando os 10 primeiros colocados ficaram o Francês Adrian Van Beveren de Yamaha e Gerard Farres Guell com a KTM ambos fazendo boas apresentações no Dakar  e ambos estão entre os 10 primeiros colocados, Alias todos os 10 primeiros da Especial de Hoje estão entre os 10 primeiros na Geral. O 11ºcolocado na Geral é  Armand Monleon que ficou numa Modesta 21ªposição na Especial de hoje. As Sherco que eram presença constante entre os 15 primeiros acabaram tendo um dia de azar tendo Juan Pedrero tendo dúvidas se vai continuar no Dakar e Alain Duclos ficando muito atrás na classificação de hoje.

Dakar_estagio10_Belen_la2016 (11)
Helder Rodrigues levando a Yamaha a boas colocações no Dakar 2016

Laia Sanz sofreu um acidente na especial e isso afetou a sua moto fazendo com que ela perdesse tempo e ficasse colocada apenas em 40ºlugar na especial o que fez ela recuar na Classificação Geral para o 17ºlugar.

Menção para Jurgen van der Goorberch que terminou em 23º nessa quarta-feira e esta ainda no Dakar em uma posição mediana. O Holandês correu no Mundial de Motovelocidade pela Muz Weber, Proton, TSR Honda tendo 2 poles com a Muz Weber em 1999. E um destaque para Alberto Santiago Ontiveros levando a Moto Beta para o 39ºlugar na frente da Sherco.

Dakar_estagio10_Belen_la2016 (7)
Palbo Quintanilla

Resultado final da 10ªEspecial – Belén a La Rioja – Motos

1. 5 Stefan Svitko (Eslováquia) KTM 4:02:23
2. 47 Kevin Benavides (Argentina) Honda 4:05:17
3. 3 Toby Price (Austrália) KTM 4:08:10
4. 2 Paulo Gonçalves (Portugal) Honda 4:08:24
5. 49 Antoine Meo (França) KTM 4:10:06
6. 4 Pablo Quintanilla (Chile) Husqvarna 4:12:18
7. 7 Helder Rodrigues (Portugal) Yamaha 4:14:24
8. 48 Ricky Brabec (Estados Unidos) Honda 4:16:10
9. 42 Adrien van Beveren (França) Yamaha 4:20:24
10. 23 Gerard Farres Guell (Espanha) KTM 4:29:09
11. 106 Ian Blythe (Estados Unidos) KTM 4:32:25
12. 61 Adrien Metge (França) Honda 4:33:10
13. 50 Jacopo Cerutti (Itália) Husqvarna 4:33:42
14. 29 Hans Vogels (Holanda) KTM 4:33:52
15. 15 Frans Verhoeven (Holanda) Yamaha 4:41:27
16. 58 Jakub Piatek (Polônia) KTM 4:41:28
17. 33 Emanuel Gyenes (Romênia) KTM 4:46:09
18. 11 Jordi Viladoms (Espanha) KTM 4:49:39
19. 44 Mario Patrão (Portugal) KTM 4:50:16
20. 36 Juan Carlos Salvatierre (Bolívia) KTM 4:53:55
21. 45 Armand Monleon (Espanha) KTM 4:57:37
22. 91 Nicolas Alberto Cardona Vagnoni (Venezuela) Yamaha 5:00:17
23. 40 Jurgen van der Goorberch (Holanda) KTM 5:03:09
24. 32 Paolo Ceci (Itália) Honda 4:50:16
25. 123 Maikel Verkade (Holanda) Honda 4:55:03
26. 37 David Pabiska (República Tcheca) KTM 4:56:57
27. 78 Felipe Rios (Peru) KTM 4:57:58
28. 86 Jan van Gerven (Holanda) KTM 4:59:21
29. 52 Ivan Cervantes Montero (Espanha) KTM 5:01:46
30. 103 Alexander Smith (Estados Unidos) Husqvarna 5:04:58
31. 10 Olivier Pain (França) KTM 5:06:58
32. 92 Antonio Gimeno Garcia (Espanha) KTM 5:07:00
33. 55 Patrice Carillon (França) KTM 5:08:25
34. 35 Bruno da Costa (França) Yamaha 5:08:37
35. 9 David Casteu (França) KTM 5:08:42
36. 54 Loic Minaudier (França) KTM 5:11:40
37. 80 Manuel Lucchese (Itália) Yamaha 5:16:11
38. 104 Diego Martin Duplessis (Argentina) KTM 5:17:24
39. 72 Alberto Santiago Ontiveros (Argentina) Beta 5:18:52
40. 12 Laia Sanz (Espanha) KTM 5:21:52

Classificação Geral:

1. 3 Toby Price (Austrália) KTM 34:49:04
2. 5 Stefan Svitko (Eslováquia) KTM 35:12:16
3. 4 Pablo Quintanilla (Chile) Husqvarna 35:31:53
4. 49 Antoine Meo (França) KTM 35:33:08
5. 47 Kevin Benavides (Argentina) Honda 35:34:14
6. 7 Helder Rodrigues (Portugal) Yamaha 35:45:21
7. 48 Ricky Brabec (Estados Unidos) Honda 36:01:12
8. 2 Paulo Gonçalves (Portugal) Honda 36:03:49
9. 23 Gerard Farres Guell (Espanha) KTM 36:04:13
10. 42 Adrien van Beveren (França) Yamaha 36:10:59
11. 45 Armand Monleon (Espanha) KTM 37:23:05
12. 61 Adrien Metge (França) Honda 37:40:32
13. 33 Emanuel Gyenes (Romênia) KTM 38:01:42
14. 50 Jacopo Cerutti (Itália) Husqvarna 38:01:47
15. 11 Jordi Viladoms (Espanha) KTM 38:09:06
16. 44 Mario Patrão (Portugal) KTM 38:09:58
17. 12 Laia Sanz (Espanha) KTM 38:11:46
18. 15 Frans Verhoeven (Holanda) Yamaha 38:13:03
19. 9 David Casteu (França) KTM 38:35:27
20. 52 Ivan Cervantes Montero (Espanha) KTM 38:40:14

O Sul-africano Brian Baragwanath conquistou a vitória na Especial de hoje e avançou na classificação geral, Após ficar bem longe dos líderes em certo momento da competição agora ele se encontra na 5ºposição e com condições de chegar ao pódio que nesse momento é todo Argentino com Marcos Patronelli que foi o segundo colocado no 10ºestágio do Dakar na liderança da Geral seguido do 3ºlugar do Estágio Alejandro Patronelli e de Jeremias Gonzalez Ferioli que ficou apenas em 9ºlugar, Se atrasou em mais de 40 minutos e está a apenas 12 segundos na frente de Sergei Karyakin que ficou em 4ºlugar na Especial de hoje, Com a Melhor Honda do Estágio Lucas Bonetto chegou em 5ºlugar.

Já Alexis Hernandez que estava em 3ºlugar teve sérios problemas no Estágio de Belén até La Rioja completando em 29ºlugar com mais de 4 horas de atraso para o vencedor da especial, Isso fez com que o Peruano caísse do 3ºlugar para o 10ºlugar saindo da disputa do pódio.

Resultado final da 10ªEspecial – Belén a La Rioja – Quadriciclos

1. 274 Brian Baragwanath (África do Sul) Yamaha 4:53:30
2. 252 Marcos Patronelli (Argentina) Yamaha 4:53:59
3. 253 Alejandro Patronelli (Argentina) Yamaha 4:54:47
4. 264 Sergei Karyakin (Rússia) Yamaha 5:11:12
5. 267 Lucas Bonetto (Argentina) Honda 5:15:23
6. 261 Daniel Domaszewski (Argentina) Honda 5:16:37
7. 256 Walter Nosiglia (Bolívia) Honda 5:29:06
8. 257 Nelson Augusto Sanabria Galeano (Paraguai) Yamaha 5:29:37
9. 254 Jeremias Gonzalez Ferioli (Argentina) Yamaha 5:35:35
10. 272 Pablo Copetti (Argentina) Yamaha 5:36:12
11. 263 Santiago Hansen (Argentina) Honda 5:50:18
12. 266 Sebastian Palma (Chile) Yamaha 5:51:20
13. 288 Frederic Alard (França) Honda 6:12:28
14. 259 Camelia Liparoti (França) Yamaha 6:13:06
15. 280 Lucas Innocente (Argentina) CAN-AM 6:41:21
29. 265 Alexis Hernandez (Peru) Yamaha 9:28:29

Classificação Geral:

1. 252 Marcos Patronelli (Argentina) Yamaha 43:14:19
2. 253 Alejandro Patronelli (Argentina) Yamaha 43:15:53
3. 254 Jeremias Gonzalez Ferioli (Argentina) Yamaha 44:49:02
4. 264 Sergei Karyakin (Rússia) Yamaha 44:49:14
5. 274 Brian Baragwanath (África do Sul) Yamaha 44:55:54
6. 272 Pablo Copetti (Argentina) Yamaha 45:20:14
7. 257 Nelson Augusto Sanabria Galeano (Paraguai) Yamaha 45:46:20
8. 256 Walter Nosiglia (Bolívia) Honda 46:19:39
9. 263 Santiago Hansen (Argentina) Honda 48:18:22
10. 265 Alexis Hernandez (Peru) Yamaha 48:32:43

No Estágio 10 vários pilotos tiveram acidentes e problemas de equipamento, Entre eles os campeões de 2015 Nasser Al-Attiyah e Matthieu Baumel que acabaram capotando o seu Mini e perdendo quase 1 hora na classificação. Mas o mais grave foi com Carlos Sainz e Lucas Cruz, Líderes da competição que tiveram problemas de câmbio do Peugeot e que perderam horas e horas esperando ajuda que veio, Mas a 61º a mais de 6 horas do Vencedor acabou com as possibilidades de título nesse ano.

Dakar_estagio10_Belen_la2016 (5)

Com tudo isso o Francês Stephane Peterhansel junto com seu navegador Jean Paul Cottret acabaram dando um grande passo para o título do Dakar, Vencendo a especial de hoje a quase 5 minutos do segundo colocado os pilotos da Pegueot Cyril Despres com seu melhor desempenho no Dakar 2016 junto de David Castela superando em mais de 7 minutos aos russos Vladmir Vasilvev e Kosstantin Zhiltsov que chegaram em 3ºlugar com a Toyota.

Mesmo com alguns problemas o campeão de 2014 Nani Roma junto de seu compatrilhota Espanhol Alex Haro Bravo ficaram em 4ºlugar com Sebastian Loeb e Daniel Elena completando os Top 5 da Especial. Giniel de Villiers e Dirk von Zitzewitz  ficaram em 6ºlugar hoje e estão em 3ºlugar a 8 minutos dos vice-líderes Nasser Al-Attiyah e Matthieu Baumel que ficaram em 14º hoje e estão a 1 hora dos lideres a 3 dias do Final.

Com o carro da Hummer Miroslav Zapletal e Maciej Marton tiveram um bom destaque ficando em 7ºlugar e superando vários carros mais fortes que ele como o Mini de Harry Hunt e Andreas Schulz que ficaram em 8º e da Toyota dos sul-africanos Leeroy Poulter e Robert Howie que ficaram em 10ºlugar na Especial. No meio deles os Argentinos Emiliano Spataro e Benjamin Lozada fazendo um belo estágio ficando em 9ºlugar no dia e subiram de 16º para o 11ºlugar na classificação geral.

Dakar_estagio10_Belen_la2016 (9)

Mark Corbett e Juan Mohrlevaram mais uma vez o carro da Century a boa 11ºcolocação, Robby Gordon e Kellon Walch resistem com o Hammer Gordini com o 15ºlugar no Estágio, Tim Coronel levou o Suzuki ao 24ºlugar.

Os Brasileiros João Antonio Franciosi e Gustavo Gugelmin continuam na luta do Dakar, Ficaram em 58º na Especial de Hoje e estão em 58º na Geral.

Resultado final da 10ªEspecial – Belén a La Rioja – Carros

1. 302 Stephane Peterhansel (França) / Jean Paul Cottret (França) PEUGEOT 3:58:32
2. 321 Cyril Despres (França) / David Castera (França) PEUGEOT 4:04:12
3. 307 Vladimir Vasilyev (Rússia) / Konstantin Zhiltsov (Rússia) TOYOTA 4:11:28
4. 304 Nani Roma (Espanha) / Alex Haro Bravo (Espanha) MINI 4:13:05
5. 314 Sebastian Loeb (França) / Daniel Elena (Mônaco) PEUGEOT 4:16:12
6. 301 Giniel de Villiers (África do Sul) / Dirk von Zitzewitz (Alemanha) TOYOTA 4:24:48
7. 326 Miroslav Zapletal (República Tcheca) / Maciej Marton (Polônia) HUMMER 4:26:18
8. 323 Harry Hunt (Inglaterra) / Andreas Schulz (Alemanha) MINI 4:32:57
9. 317 Emiliano Spataro (Argentina) / Benjamin Lozada (Argentina) RENAULT 4:39:02
10. 319 Leeroy Poulter (África do Sul) / Robert Howie (África do Sul) TOYOTA 4:36:08
11. 346 Mark Corbett (África do Sul) / Juan Mohr (África do Sul) CENTURY 4:37:48
12. 308 Christian Lavieille (França) / Jean Michel Polato (França) RENAULT 4:39:45
13. 322 Marek Dabrowski (Polônia) / Jacek Czachor (Polônia) TOYOTA 4:42:07
14. 300 Nasser Al-Attiyah (Catar) / Matthieu Baumel (França) MINI  4:50:57
15. 312 Robby Gordon (Estados Unidos) / Kellon Walch (Estados Unidos) GORDINI 4:51:28
16. 315 Mikko Hirvonen (Finlândia) / Michel Perin (França) MINI 4:54:36
17. 366 Antanas Juknevicius (Lituânia) / Mindaugas Slapsys (Lituânia) TOYOTA 4:58:23
18. 316 Ronan Chabot (França) / Gilles Pillot (França) TOYOTA 5:22:09
19. 345 Andrey Cherednikov (Cazaquistão) / Dmytro Steintsyro (Ucrânia) FORD 5:27:13
20. 334 Jerôme Pelichet (França) / Eugenie Decre (Suíça) TOYOTA 5:34:55
21. 333 Benediktas Vanagas (Lituânia) / Rozwadowski Sebastian (Polônia) TOYOTA 5:41:08
22. 329 Martin Prokop (República Tcheca) / Jan Tomanek (República Tcheca) TOYOTA 5:51:50
23. 352 Marco Bulacia (Bolívia) / Ruben Garcia (Argentina) TOYOTA 5:55:37
24. 347 Tim Coronel (Holanda) Suzuki 5:58:41
25. 344 Maik Willems (Holanda) / Robert van Pelt (Holanda) TOYOTA 6:01:28
26. 327 Jakub Przygonski (Polônia) / Andrei Rudnitski (Bulgária) MINI 6:02:40
27. 378 Colin Matthews (África do Sul) / Rodney Burke (África do Sul) CENTURY 6:06:46
28. 313 Boris Garafulic (Chile) / Filipe Palmeiro (Portugal) MINI 6:15:28
29. 375 Basil Reitz Sean (África do Sul) / Riaan Greyling (África do Sul) NISSAN 6:27:37
30. 336 Jurgen Schroder (Alemanha) / Daniel Schroder (Alemanha) NISSAN 6:32:50
58. 384 João Antonio Franciosi (Brasil) / Gustavo Gugelmin (Brasil) MITSUBISHI 9:41:22
61. 303 Carlos Sainz (Espanha) / Lucas Cruz (Espanha) PEUGEOT 10:01:35

Classificação Geral:

1, 302 Stephane Peterhansel (França) / Jean Paul Cottret (França) PEUGEOT 32:49:59
2. 300 Nasser Al-Attiyah (Catar) / Matthieu Baumel (França) MINI 33:49:59
3. 301 Giniel de Villiers (África do Sul) / Dirk von Zitzewitz (Alemanha) TOYOTA 33:57:30
4. 315 Mikko Hirvonen (Finlândia) / Michel Perin (França) MINI 34:08:50
5. 319 Leeroy Poulter (África do Sul) / Robert Howie (África do Sul) TOYOTA 34:19:57
6. 321 Cyril Despres (França) / David Castera (França) PEUGEOT 34:35:06
7. 304 Nani Roma (Espanha) / Alex Haro Bravo (Espanha) MINI 304 34:35:24
8. 307 Vladimir Vasilyev (Rússia) / Konstantin Zhiltsov (Rússia) TOYOTA 34:43:06
9. 314 Sebastian Loeb (França) / Daniel Elena (Mônaco) PEUGEOT 35:12:30
10. 323 Harry Hunt (Inglaterra) / Andreas Schulz (Alemanha) MINI 35:13:40
11. 317 Emiliano Spataro (Argentina) / Benjamin Lozada (Argentina) RENAULT 36:34:38
12. 305 Yazeed Alrajhi (Arábia Saudita) / Timo Gottschalk (Alemanha) TOYOTA 37:17:16
13. 326 Miroslav Zapletal (República Tcheca) / Maciej Marton (Polônia) HUMMER 37:24:24
14. 306 Erik van Loon (Holanda) / Wouter Rosegaar (Holanda) MINI 37:37:16
15. 310 Orlando Terranova (Argentina) / Bernardo Graue (Argentina) MINI 37:39:09
16. 329 Martin Prokop (República Tcheca) / Jan Tomanek (República Tcheca) TOYOTA 37:41:36
17. 327 Jakub Przygonski (Polônia) / Andrei Rudnitski (Bulgária) MINI 38:06:06
18. 346 Mark Corbett (África do Sul) / Juan Mohr (África do Sul) CENTURY 38:30:18
19. 303 Carlos Sainz (Espanha) / Lucas Cruz (Espanha) PEUGEOT 38:40:59
20. 308 Christian Lavieille (França) / Jean Michel Polato (França) RENAULT 39:25:31
58. 384 João Antonio Franciosi (Brasil) / Gustavo Gugelmin (Brasil) MITSUBISHI 63:29:23

A Especial de Belén a La Rioja pode ter sacramentado para Gerard de Rooy, Moises Torrallardona e Darek Rodewald o título do Dakar de 2016 na categoria caminhões, Com uma grande atuação o trio representa a Iveco conseguiu fazer um belissimo estágio ficando em 2ºlugar apenas 2 minutos e 36 segundos atrás dos vencedores do 10ºEstágio do Dakar Pascal de Baar, Martin Roesink e Wouter de Graaff. O Trio Holandês com os caminhões da Renault que não esta entre os favoritos da Categoria, Mas hoje foram muito bem conquistando a vitória e dando uma pernada na Iveco, Man, Tatra e Kamaz que são as principais marcas do evento.

O Trio Argentino esta em uma belíssima 3ªposição na Geral
O Trio Argentino esta em uma belíssima 3ªposição na Geral

O Trio Russo da Kamaz Airat Mardeev, Aydar Belyaev e Dmitriy Svintunov que são os campeões de 2015 ficaram em 3ºlugar no Estágio a mais de 26 minutos dos vencedores. Mas a Prova foi problemática para vários dos líderes o que fizeram eles assumirem a vice-liderança faltando 3 estágios para o final, Mas estando a mais de 1 hora e 15 minutos vejo Gerard De Rooy com a mão na taça do Dakar desse ano.

Os 5 primeiros colocados foram completados pelo Trio da Tatra Martin Kolomy , David Kilian e Rene Kilian que acabaram em um dos estágios tendo sérios problemas deixando de disputar o campeonato e em 5ºlugar ficaram Hans Stacey , Serge Bruynkens e Jan Van Der Vaet com o caminhão da MAN colocando 5 marcas nas 5 primeiras posições.

Gerard de Rooy e sua turma estão com grande vantagem rumo ao título de 2016.
Gerard de Rooy e sua turma estão com grande vantagem rumo ao título de 2016.

A Tarta é a primeira marcar a repetir um segundo caminhão isso com Artur Ardavichus, Ignat Falkov e Filip Skrobanek na 6ªPosição na classificação do Estágio.

Os Argentinos Federico Villagra, Jorge Perez Companc e Andres Memi estavam com condições de vencerem a especial, Mas tiveram problemas que tiraram essa possibilidade fazendo com que eles ficassem em 9ºlugar na Especial, Mas estão em 3ºlugar na Geral na frente de Hans Stacey, Serge Bruynkens e Jan Van Der Vaet da MAN e de Ton van Genugten, Anton van Limpt e Peter Van Eerd com a Iveco. Já o Trio da Kamaz Eduard Nikolaev, Evgeny Yakovley e Vladimir Rybakov em 10ºlugar após o péssimo Estagio que fizeram ficando de fora dos 15 primeiros colocados.

Dakar_estagio10_Belen_la2016
Nikolaev, Yakovley e Rybakov tiveram um péssimo estágio hoje.

Resultado final da 10ªEspecial – Belén a La Rioja – Quadriciclos

1. 529 Pascal de Baar (Holanda) / Martin Roesink (Holanda) / Wouter de Graaff (Holanda) RENAULT TRUCKS 4:51:41
2. 501 Gerard de Rooy (Holanda) / Moises Torrallardona (Espanha) / Darek Rodewald (Polônia) IVECO 4:54:17
3. 500 Airat Mardeev (Rússia) / Aydar Belyaev (Rússia) / Dmitriy Svintunov (Rússia) KAMAZ 5:17:47
4. 505 Martin Kolomy (República Tcheca) / David Kilian (República Tcheca) / Rene Kilian (República Tcheca) TATRA 5:18:06
5. 506 Hans Stacey (Holanda) / Serge Bruynkens (Bélgica) / Jan Van Der Vaet (Bélgica) MAN 5:19:06
6. 515 Artur Ardavichus (Cazaquistão) / Ignat Falkov (Cazaquistão) / Filip Skrobanek (República Tcheca) TATRA 5:23:10
7. 508 Dmitry Sotnikov (Rússia) / Igor Devyatkin (Rússia) / Ruslan Akhmadeev (Rússia) KAMAZ 5:37:43
8. 512 Aleksandr Vasilevski (Bulgária) / Valery Kazlouski (Bulgária) / Anton Zaparoshchanka (Bulgária) MAZ 5:43:42
9. 514 Federico Villagra (Argentina) / Jorge Perez Companc (Argentina) / Andres Memi (Argentina) IVECO 5:45:40
10. 537 Maurik van den Heuvel (Holanda) / Wilko Van Oort (Holanda) / Peter Kuijpers (Holanda) SCANIA 5:53:11
11. 518 Pep Vila Roca (Espanha) / Xavi Colome Roqueta (Espanha) / Marc Torres Sala (Espanha) IVECO 6:02:45
12. 519 Teruhito Sugawara (Japão) / Hiroyuki Sugiura (Japão) HINO 6:05:28
13. 533 Jaroslav Valtr (República Tcheca) / Josef Kalina (República Tcheca) / Jiri Stross (República Tcheca) TATRA 6:07:57
14. 517 Steven Rotsaert (Bélgica) / Dirk Den Dooven (Bélgica) / Joeri Christiaen (Bélgica) MAN 6:21:51
15. 516 Ton van Genugten (Holanda) / Anton van Limpt (Holanda) / Peter Van Eerd (Holanda) IVECO 6:26:10

Classificação Geral:

1. 501 Gerard de Rooy (Holanda) / Moises Torrallardona (Espanha) / Darek Rodewald (Polônia) IVECO 33:25:03
2. 500 Airat Mardeev (Rússia) / Aydar Belyaev (Rússia) / Dmitriy Svintunov (Rússia) KAMAZ 34:40:22
3. 514 Federico Villagra (Argentina) / Jorge Perez Companc (Argentina) / Andres Memi (Argentina) IVECO 34:57:50
4. 506 Hans Stacey (Holanda) / Serge Bruynkens (Bélgica) / Jan Van Der Vaet (Bélgica) MAN 35:14:00
5. 516 Ton van Genugten (Holanda) / Anton van Limpt (Holanda) / Peter Van Eerd (Holanda) IVECO 35:41:58
6. 529 Pascal de Baar (Holanda) / Martin Roesink (Holanda) / Wouter de Graaff (Holanda) RENAULT TRUCKS 36:02:32
7. 510 Pieter Versluis (Holanda) / Marcel Pronk (Holanda) / Artur Klein (Alemanha) MAN 36:20:17
8. 537 Maurik van den Heuvel (Holanda) / Wilko Van Oort (Holanda) / Peter Kuijpers (Holanda) SCANIA 37:09:37
9. 533 Jaroslav Valtr (República Tcheca) / Josef Kalina (República Tcheca) / Jiri Stross (República Tcheca) TATRA 37:17:25
10. 502 Eduard Nikolaev (Rússia) / Evgeny Yakovley (Rússia) / Vladimir Rybakov (Rússia) KAMAZ 37:20:23

Vídeos: TV Pública Argentina
Fotos: Dakar
Texto: Deivison da Conceição da Silva