Hamilton vence Paul Ricard sem qualquer adversário e reassume a liderança do Mundial

10 anos depois do Último GP da França realizado em 2008. Tivemos a volta da Formula 1 no tradicional circuito de Paul Ricard. Uma prova totalmente dominada pelo Inglês Lewis Hamilton que liderou praticamente toda a corrida de hoje.

Na largada tivemos Hamilton mantendo a liderança e atrás tivemos Vettel tocando em Bottas na entrada da curva 1, furando o pneu do piloto Finlandês e quebrando sua  própria asa dianteira. Essa não foi a única confusão na primeira volta. Na quarta curva Pierre Gasly perde o controle do carro e acaba batendo em Esteban Ocon, Fogo amigo entre franceses provocou a entrada do safety car.

Vettel teve de fazer a parada para trocar o bico do seu carro, Bottas se arrastou com o pneu furado para os Boxes. Alonso, Sirotkin e Stroll foram para os boxes para fazerem uma parada nos boxes.

Quem se deu bem na largada foi Max Verstappen que subiu para o segundo lugar, Em terceiro vinha Carlos Sainz jr., Seguido de Daniel Ricciardo, Kevin Magnussen, Charles Leclerc e Kimi Raikkonen entre nas 7 primeiras posições.

Na volta 6, tivemos a relargada. Hamilton manteve a liderança e começou a abrir vantagem para Verstappen, Sainz e Ricciardo. Kimi Raikkonen começava a sua recuperação ultrapassando Charles Leclerc e partindo para cima de Kevin Magnussen. Já lá atrás, Fernando Alonso roda e cai para a última posição.

Raikkonen vai para cima de Magnussen com a Haas na 7ªVolta de prova, Enquanto que Sebastian Vettel vinha muito bem em sua recuperação, na 8ªvolta ultrapassou Marcus Ericsson e já vinha em 12º. Ao mesmo tempo, Raikkonen pressionava Kevin Magnussen na disputa pelo 5ºlugar e Ricciardo vinha se aproximando de Carlos Sainz jr. na disputa pelo terceiro lugar.  Na volta seguinte o Homem de gelo ultrapassou Magnussen assumindo o 5ºlugar enquanto que Daniel Ricciardo passou Carlos Sainz jr. para assumir o 3ºlugar.

Ao mesmo tempo a FIA puniu em 5 segundos de acrescimento para Vettel que foi o causador do toque em Valtteri Bottas. Na 13ªVolta passou Sergio Perez e assumiu a 9ªposição e na volta seguinte o piloto alemão passou Grosjean subindo para o 8ºlugar na Volta 19 ultrapassa Kevin Magnussen subindo para a 7ªposição.

Enquanto isso, Lewis Hamilton continuava tranquilo na liderança, Sem forçar muito já tinha quase 5 segundos a frente de Verstappen que vinha tranquilo em segundo lugar, Daniel Ricciardo vinha em 3º, Kimi Raikkonen em 4º e Carlos Sainz jr. ainda em 5ºlugar.

Na volta 21, Vettel ultrapassa Sainz assumindo a 5ªposição. Valtteri Bottas na volta seguinte entrou na zona de pontuação ao ultrapassar Romain Grosjean. Hamilton abria 5 segundos à frente de Max Verstappen. Nas 3 voltas seguintes, Hamilton fez as melhores voltas da prova.

Na volta 26, Max Verstappen vai para a sua parada. Exatamente na metade da corrida. Enquanto isso Hamilton fazia mais uma volta voadora. Na volta seguinte parou o Espanhol Carlos Sainz jr. que vinha fazendo uma grande corrida.

Bottas ultrapassou Charles Leclerc na volta 29, Assumindo a 9ªposição. Os pneus do piloto da Sauber já estavam desgastados. Na mesma volta, Ricciardo, Magnussen e Perez foram para a parada. Para Perez, a corrida acabou. Problemas de motor impediram o mexicano de continuar na prova.

Grosjean depois de metade da corrida foi punido em 5 segundos de acréscimo de tempo por ter provocado uma batida na primeira curva da primeira volta.

Na volta 33, parou Lewis Hamilton. Foi o único momento que o piloto inglês não liderou a corrida. Raikkonen assumiu a liderança com Hamilton em segundo e Verstappen em 3º. Ricciardo ultrapassou Vettel sem qualquer problema e conquistou a 4ªposição.

Na volta 35, Raikkonen vai para a sua parada, Colocando um pneu Super Macio para andar mais rápido. Acabaram dando certo, O homem de Gelo marcou a melhor volta da prova. Sainz jr. e Magnussen subindo na prova, estando em 8º e 9º ultrapassando a Stoffel Vandoorne com a Mclaren que não estava andando nada nesse final de semana.

Na Volta 38, Nico Hulkenberg fez sua parada nos boxes. Raikkonen foi para cima de Vettel, Com dois segundos por volta mais rápida, A ultrapassagem foi inevitável e Vettel caiu para o 5ºlugar. Bottas fez uma segunda parada na volta 41. Vendo que seus pneus não estavam em boas condições e tinha uma grande vantagem para Sainz jr.

Vettel fez a parada e mesmo tendo de cumprir a punição de 5 segundos parado nos boxes, Acabou voltando a frente do piloto da Renault.

Enquanto Hamilton estava tranquilo na liderança, Na parte final da prova Raikkonen foi para cima do Riccardo lutando pelo 3ºlugar. Na Volta 47, Raikkonen conseguiu a ultrapassagem na Chicane da Mistral, Que foi o palco da maior parte das ultrapassagens da corrida de hoje.

A 3 voltas do final, Carlos Sainz jr. perde 160 cavalos de potência no seu motor e perde posição para Magnussen e Bottas. Caindo para o 8º. Na Curva 10 da mesma volta, O pneu Lance Stroll acabou explodindo, Quebrou a asa dianteira dele o que vez o Canadense deixar a prova.

Safety Car Virtual acionado na pista. A corrida praticamente acaba, Com um pouco mais de meia volta para o final, A prova voltou ao normal, Mas mais nada aconteceu na prova. Hamilton venceu uma corrida fácil e retornou a liderança do Mundial de Pilotos, A Mercedes mostrou o melhor equipamento para esse circuito e Inglês foi impecável em todo o final de semana.

Max Verstappen chegou ao seu melhor resultado do ano, Os erros e os acidentes das primeiras corridas parecem que ficaram para trás. Kimi Raikkonen que chegou a cair para o 7ºlugar após a largada se recuperou muito bem e completou o pódio, Colocando Mercedes, Red Bull e Ferrari no pódio.

Daniel Ricciardo acabou perdendo seu lugar no pódio chegando em 4ºlugar, Porém reassumiu o terceiro lugar no Mundial. Sebastian Vettel após o erro da primeira curva acabou tendo uma boa recuperação, Porém o 5ºlugar deixa o piloto Alemão de novo na vice-liderança, a 14 pontos atrás de Hamilton.

Kevin Magnussen ficou a frente de Valtteri Bottas, Mais um final de semana muito bom para o Escandinavo que correspondeu com o belo desempenho da Haas. Enquanto que o piloto da Mercedes fez uma corrida bem burocrática, muito também porque o carro depois da pancada e por ter arrastado o carro para entrar aos boxes com o pneu furado. Pode ter danificado o carro a tal ponto dele não conseguir nada mais do que o 7ºlugar.

Carlos Sainz jr. conseguiu segurar o 8ºlugar, a 4 segundos a frente de Nico Hulkenberg. Consolidando ainda mais a 4ªposição da Renault no Mundial de Construtores, Nico ultrapassou Alonso na classificação de pilotos na disputa pelo 7ºlugar. Charles Leclerc fechou a zona de pontuação com um belo final de semana dele na Sauber.

Romain Grosjean foi o único piloto Francês a terminar a prova, Porém termina a 8ªetapa do mundial sem marcar um único ponto em 2018. Stoffel Vandoorne fez o que podia com uma Mclaren problemática ficando em 12ºlugar. Marcus Ericsson com a Sauber ficou longe de disputar posições entre os pontos.

Brendon Hartley sobreviveu com a Toro Rosso em mais uma corrida apagada em 14º ficando a frente de Sergey Siroktin com o horrível carro da Williams em 15º. Fernando Alonso no final acabou tendo problemas de suspensão e Stroll com seu problema acabaram classificados em 16º e 17ºlugares.

Semana que vem a Formula 1 fará a 9ªprova da temporada no Circuito de Spielberg. Hamilton tem tudo para aumentar sua vantagem na liderança do campeonato devido as características que  são favoráveis ao carro alemão.

Resultado Final do GP da França
8ªEtapa do Mundial de Formula 1

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Voltas Tempo Grid
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 53 1:30:11.385 1
2 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 53 a 7.090s 4
3 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 53 a 25.888s 6
4 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 53 a 34.736s 5
5 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 53 a 1:01.935s 3
6 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 53 a 1:19.364s 9
7 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 53 a 1:20.632s 2
8 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 53 a 1:27.184s 7
9 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 53 a 1:31.989s 12
10 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 53 a 1:33.873s 8
11 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 52 a 1 Volta 10
12 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 52 a 1 Volta 17
13 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 52 a 1 Volta 15
14 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 52 a 1 Volta 20
15 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 52 a 1 Volta 18
16 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 50 Suspensão 16
17 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 48 Pneu 19
11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 27 Motor 13
31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 0 Acidente 11
10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 0 Acidente 14

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Red Bull/Haas /Ferrari/Mclaren/Williams/Renault

Resultado do Terceiro Treino Livre – GP da França

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo Voltas
1 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:33.666 3
2 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:34.953 3
3 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:35.012 5
4 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:36.365 4
5 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:36.756 5
6 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:37.547 4
7 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:38.317 5
8 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:38.450 3
9 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:39.641 4
10 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:39.738 3
11 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:40.087 4
12 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:40.743 3
13 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:49.711 3
14 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 2:02.399 4
15 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 2:04.093 5
16 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO Sem Tempo 1
17 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H Sem Tempo 3
18 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO Sem Tempo 1
19 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 Sem Tempo 2
20 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer Sem Tempo 3

Hamilton ganha a 75ªPole da sua carreira, Na Volta de Paul Ricard a Formula 1

No Q1, Tivemos como esperado a superioridade dos carros da Mercedes, Mas deve se registrar que Kimi Raikkonen e Max Verstappen chegaram a fazer os melhores tempos. No caso da Red Bull, usando o que tem de melhor da Red Bull no primeiro e no terceiro setor. A Mercedes com maior potência conseguia se sobressair sobre os seus adversários.

A Equipe Haas chegou bem perto dos primeiros colocados, Confirmando a expectativa de que serão a quarta força dessa prova. A Force India no final da sessão ficou no sufoco, Mas tanto Perez como Ocon garantiram seus lugares para o Q2. OS eliminados foram os dois pilotos da Williams nas duas últimas posições. Lance Stroll no final da sua participação acabou indo para fora da pista, Além da parte avermelhada da Área de Escape.

Brendon Hartley ficou em 17º, Mais uma vez eliminado. E a Mclaren obteve seu pior treino de classificação. Com seus dois pilotos ficando de Fora: Alonso em 16º e Vandoorne em 18º. Foi a primeira vez no ano que os dois pilotos da Sauber conseguiram passar para o Q2.

Q2

Hamilton fez uma brilhante volta no primeiro terço de treino. Com 1:30.645, Lewis garantiu de cara o primeiro lugar nessa fase. Vettel, Raikkonen e Verstappen conseguiram se aproximar do tempo do piloto Inglês, Ainda assim ficaram a 1 décimo de Hamilton. Bottas em 5ºlugar já ficou a meio segundo atrás.

A Haas confirmou o ótimo desempenho em Paul Ricard, Colocando seus dois pilotos entre os 10 primeiros em boas posições. Grosjean em 6º e Magnussen em 7º. A frente de Daniel Ricciardo. Carlos Sainz e o supreedente Charles Leclerc levaram as 2 últimas vagas no Q3.

Ficaram de fora da fase final da Classificação. Esteban Ocon com a Force India, Nico Hulkenberg com a Renault, Sergio Perez com a Force India, Pierre Gasly com a Toro Rosso e Marcus Ericsson com a Sauber.

Q3

Na decisão da pole position, Vettel foi o primeiro a ir para a pista fez o tempo de 1:30.400, Que já era muito bom tempo. Raikkonen ficou longe do Vettel. Enquanto que Valtteri Bottas superou em 83 milésimos o tempo do piloto alemão. Dai veio Hamilton e com 1:30.222 tomando a pole naquele momento.

Os dois pilotos da Red Bull foram os próximos a fecharem a volta. Com o piloto Holandês quase 2 décimos a frente de Ricciardo. Segundos depois Romain Grosjean bate no muro provocando uma bandeira vermelha faltando 7 minutos e 49 segundos para o final do treino.

Após uns 10 minutos o treino recomeça, Mais apenas aos 6 minutos para o final do treino os pilotos foram para a última tentativa. A Ferrari acabou falhando na tentativa de melhorar o tempo com seus dois pilotos. Já Valtteri Bottas na sua última tentativa superou Hamilton, Marcando 1:30.147, Porém Hamilton segundos depois marcou 1:30.029 e marcou a pole position de número 75 da sua carreira.

Lewis Hamilton tem tudo para amanhã recuperar a liderança do campeonato. Valtteri Bottas larga em segundo, Se der tudo certo os pilotos da Mercedes devem fazer a dobradinha da equipe alemã. Na segunda fila largam Sebastian Vettel com a Ferrari e Max Verstappen com a Red Bull, Na terceira fila largam Daniel Ricciardo e Kimi Raikkonen. Nenhum dos 4 pilotos conseguiram melhorar seus tempos no final. Carlos Sainz larga em 7ºlugar, Superando a expectativa que era ver os pilotos da Haas na 4ªfila. Acabou que os dois pilotos vão dividir a quinta fila do Grid.

Charles Leclerc foi muito além do esperado e vai largar ao lado do piloto da Renault, Na 4ªFila. Amanhã as 11 horas da manhã teremos a largada para o GP da França de Formula 1, Na volta do Circuito de Paul Ricard.

Grid de largada do GP da França de Formula 1
Paul Ricard

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Pneu Voltas Pneus
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:30.029 19 SS
2 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:30.147 17 U
3 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:30.400 22 U
4 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:30.705 20 SS
5 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:30.895 20 SS
6 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:31.057 22 U
7 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:32.126 23 U
8 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:32.635 22 SS
9 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:32.930 24 U
10 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO Sem Tempo 20 U
11 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:32.075 14
12 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:32.115 15
13 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:32.454 15
14 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:32.460 17
15 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:32.820 18
16 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:32.976 10
17 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:33.162 10
18 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:33.636 9
19 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:33.729 10
20 28 Brendon Hartley* Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:33.025 10

*Brendon Hartley foi punido por trocar componentes do Motor.

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Sauber/Renault/Red Bull/Mclaren

Em plena Copa do Mundo, ressurge a França e o circuito de Paul Ricard no cenário da Formula 1

Depois 10 longos anos de ausência, O GP da França volta ao calendário da Formula 1. No tradicional circuito de Paul Ricard, Fora da categoria desde de 1990 quando foi feita a última corrida aonde Alain Prost venceu com uma ultrapassagem a 4 voltas do final em cima do Italiano Ivan Capelli, Com aquele carro da Leyton House.

De 1991 até 2008 a prova foi feita em Magny-Cours. A última corrida em 2008 foi ganha pelo brasileiro Felipe Massa.

Hoje em Paul Ricard o circuito tem um traçado parecido com o traçado dos anos 80 e praticamente o mesmo traçado da prova da Formula 3.5 V8 de 2016. Esse circuito é totalmente sem nenhuma brita. Ela tem nas faixas fora do circuito que substituem a Brita.

O Campo Azul é uma área que ao sair da pista ele permite que o piloto não tenha tanto desgaste. Mas se for para a Areá Vermelha, O desgaste é bem maior para os pneus. Se tem o lado ruim de não ter área de escape e do piloto só deixar a prova ou com batida ou com algum problema mecânico.

Nos treinos livres do dia de hoje, Lewis Hamilton foi o mais rápido em ambos os treinos. A Mercedes deve ser a favorita a pole e a vitória. As características do circuito favorecem mais a potência dos motores Mercedes. Porém o momento da Ferrari é muito bom e a Red Bull também vem muito perto das principais equipes nessa disputa pelo campeonato.

Tirando Kimi Raikkonen e Max Verstappen. Eu diria que Lewis Hamilton, Sebastian Vettel em uma primeira frente e Daniel Ricciardo e Valtteri Bottas um pouco mais atrás estão tendo mais condições de disputarem o campeonato. Independente da pontuação de cada um deles no Mundial de Pilotos.

A Haas vem muito bem nesse final de semana. Os bons tempos de Grosjean e Magnussen comprovam isso. A Frente inclusive da Renault que vem se consolidando na 4ªposição no Mundial de pilotos.

Dois incidentes marcaram o dia em Paul Ricard.

O primeiro foi no Primeiro Treino livre aonde Marcus Ericsson acabou batendo muito forte. Segundos depois devido ao impacto acabou tendo um incêndio. O Sueco demorou para sair do carro da Sauber que virou churrasco. Devido a isso, Ericsson não pode fazer o segundo treino livre.

No segundo treino livre, Sergio Perez acabou rodando devido a uma porca mal fixada na roda traseira do piloto da Force India, Que apesar da melhora nas últimas corridas esta com problemas financeiros que estão claramente prejudicando o desenvolvimento da equipe nessa temporada.

Amanhã a partir das 8 da manhã teremos o 3ºtreino livre e as 11 da Manhã teremos a Classificação para a 8ªetapa do Mundial de Formula 1, O Começo de uma sequência de 3 finais de semana seguidos de Corridas. Começando na França, Semana que vem na Áustria e na outra semana na Inglaterra.

Resultado dos Treinos Livres
GP da França

1ºTreino Livre

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Pneu Voltas
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:32.231 25
2 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:32.371 29
3 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:32.527 25
4 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:33.003 23
5 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:33.172 19
6 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:33.318 22
7 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:33.331 15
8 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:33.685 23
9 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:33.719 26
10 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:34.108 23
11 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:34.258 25
12 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:34.484 14
13 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:34.513 21
14 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:34.592 21
15 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:34.664 25
16 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:34.862 20
17 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:34.881 28
18 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:34.993 24
19 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:35.021 24
20 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:35.105 25

2ºTreino Livre

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Pneu Voltas
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:32.539 27
2 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:33.243 31
3 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:33.271 24
4 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:33.426 29
5 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:33.689 35
6 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:33.699 30
7 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:34.156 7
8 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:34.400 24
9 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:34.457 33
10 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:34.535 35
11 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:35.067 30
12 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:35.086 33
13 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:35.172 28
14 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:35.583 33
15 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:35.697 31
16 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:35.705 25
17 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:35.936 34
18 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:35.970 35
19 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:36.080 13
20 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO Não Treinou 0

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Force India/Renault/Sauber

Corridas Históricas: GP da França de 1986

Grid de largada:

1 Ayrton Senna (Lotus/Renault) 1’06.526
2 Nigel Mansell (Williams/Honda) 1’06.755
3 Nelson Piquet (Williams/Honda) 1’06.797
4 René Arnoux (Ligier/Renault) 1’07.075
5 Alain Prost (McLaren/TAG) 1’07.266
6 Michele Alboreto (Ferrari) 1’07.365
7 Keke Rosberg (McLaren/TAG) 1’07.545
8 Gerhard Berger (Benetton/BMW) 1’07.554
9 Teo Fabi (Benetton/BMW) 1’07.818
10 Stefan Johansson (Ferrari) 1’07.874
11 Jacques Laffite (Ligier/Renault) 1’07.913
12 Johnny Dumfries (Lotus/Renault) 1’08.544
13 Patrick Tambay (Lola/Ford) 1’08.616
14 Derek Warwick (Brabham/BMW) 1’08.905
15 Martin Brundle (Tyrrell/Renault) 1’09.044
16 Riccardo Patrese (Brabham/BMW) 1’09.436
17 Philippe Streiff (Tyrrell/Renault) 1’09.700
18 Christian Danner (Arrows/BMW) 1’09.737
19 Alessandro Nannini (Minardi/Motori Moderni) 1’09.792
20 Alan Jones (Lola/Ford) 1’09.929
21 Thierry Boutsen (Arrows/BMW) 1’09.987
22 Jonathan Palmer (Zakspeed) 1’10.305
23 Andrea de Cesaris (Minardi/Motori Moderni) 1’11.483
24 Huub Rothengatter (Zakspeed) 1’12.163
25 Piercarlo Ghinzani (Osella/Alfa Romeo) 1’12.443
26 Allen Berg (Osella/Alfa Romeo) 1’14.264

Mansell vence e embora tudo no Campeonato de 1986

Depois da 7ªetapa nos EUA, Ayrton Senna era o líder do Campeonato, com 36 pontos, Três a mais que Prost que era o seu mais próximo perseguidor, A corrida que marca a Metade do Campeonato acontecia em Paul Ricard, palco da corrida Francesa, mas palco do acidente fatal de Elio de Angelis em Maio durante testes privados da Brabham, por isso, a pista de Paul Ricard foi cortada de 5,5 km para 3,8 km e de 53 voltas a corrida passou para 80 voltas. a Pole foi de Ayrton Senna com Nigel Mansell em Segundo, Lotus x Williams, Segunda Fila, Piquet de Williams e Arnoux de Ligier, na Terceira Fila, Prost da Mclaren e Alboreto com a Ferrari e é exatamente Alboreto que tem problemas com o seu carro, Ele avisou aos fiscais de corrida, mas a Largada é dada, e Mansell larga melhor e assumi a ponta, com Senna em Segundo e Arnoux em 3º, Piquet largou muito mal e ficou em 7º Alboreto conseguiu largar depois de um tempo, Na primeira volta vários pilotos foram envolvidos na confusão e tiveram que ir aos Boxes, Mansell, Senna, Arnoux, Berger, Prost, Dunfries, Piquet, Rosberg e Laffite, os 9 primeiros colocados.

No Final da segunda volta Piquet já tinha ganhado a 6ªposição de Dumfries, Rothengatter teve problemas nos seus pneus, Johansson nos boxes também com problemas com a sua Ferrari, Andrea de Cesaris com problemas de motor abandona e deixou um monte de óleo na pista, Todos escorregaram, mas Ayrton Senna foi o único a pagar com o muro na quarta volta, Bateu e deixou a corrida muito cedo.

Já tinha desse modo 5 abandonos na corrida, Com isso Prost e Rosberg começam a ir para a luta em cima de Berger que largou muito bem com a sua Benetton, Enquanto isso Mansell estava tranquilo na Frente com Arnoux de Ligier em 2º pretendendo até não fazer troca nenhuma de pneus. A Classificação até naquele Momento era: Mansell, Arnoux, Berger, Prost, Rosberg e Piquet. Enquanto isso Allan Berg com a Terrível Osella rodou.

Prost na Volta 9 passou Berger e assumia a 3ªposição e já partia a caça de Arnoux. Johansson com problemas no Turbo abandona a corrida, Na Volta 10 Rosberg também passou pela Benetton de Berger e foi para o 4ºlugar. Alias Berger caia muito de rendimento, Piquet passou também por ele, O Benetton-BMW ainda não era um carro páreo para lutar pelos primeiros lugares, foi para os boxes, sem bico e voltou lá atrás, A Melhor volta era de Mansell, 1:11.791 feita apenas na 3ªVolta da corrida. Arnoux sofria com a pressão de Alain Prost, Com um motor mais Forte e um carro melhor Prost passou Arnoux e assumiu o segundo lugar na 15ªVolta E Rosberg também vinha pra cima de Arnoux que tenta defender posição em cima de Rosberg, Na 18ªVolta Rosberg finalmente consegue passar Arnoux e assumia a primeira posição, Arnoux decediu ir aos Boxes, o pneus dianteiro não agüentou nem 1 terço de corrida, Arnoux voltava em 9ºlugar. Com 18 Voltas a Classificação era essa: Mansell (22:16.82), Prost (a 4.90), Rosberg (a 9.89), Arnoux (a 11.55), Piquet (a 13.46) e Laffite (a 20.99) claro que a Classificação era antes de Arnoux ir aos boxes. Dumfries que estava em 7ºlugar assumiu o 6ºlugar. Jonatham Palmer com a Zakspeed complicou a vida de Mansell e Prost quando ele tomava 1 volta Depois de 21 Voltas a Classificação era: Mansell, Prost, Rosberg, Piquet, Laffite e Dumfries. Prost estava bem próximo de Mansell na luta pela primeira posição, Rosberg e Piquet tentavam chegar, Na Volta 22 pra 23 Piquet foi aos boxes vai para a sua primeira troca de pneus, com um trabalho muito bom de quase 9 segundos. Patrese tentava lutar pela posição com o Dumfries pelo 6ºlugar. Mas logo Arnoux passou Dumfries e Patrese e assumiu o 6ºlugar. e Prost partiu de vez na briga, Mas quando iria começar a luta Mansell foi para os boxes, Deixando a liderança para Alain Prost, Mansell voltou na 3ªPosição perto dele vinha Laffite numa ótima 4ªposição.

Prost era o Lider da Corrida e Rosberg o segundo, mas tinha muito trafego lá na frente, outro que parava nos boxes era Alboreto que estava se recuperando na corrida após o seu carro ter falhado na largada. Laffite Fez sua parada na Volta 27 Na Volta 27 Mansell Fazia a melhor volta da corrida 1:11.3 17 Carros estavam na corrida: Teo Fabi, Gerhard Berger, Ambos de Benetton e Allen Berg com a Osella abandonaram a corrida. E Mansell com 1:11.314 fazia a melhor volta da corrida o Inglês estava voando na pista, Rosberg na volta 29 foi fazer sua primeira troca de pneus. Prost agora estava sozinho na Frente mas os seus pneus muito desgastados, não estava virando bem, sua pretensão poderia ser apenas uma parada nos boxes.

Classificação após 32 Voltas: Prost (39:22.08), Mansell (a 13.15), Piquet (24.47), Rosberg (a 33.09), Arnoux (a 35.39) e Laffite (a 55.43). Prost era o único que não trocou os pneus. Acidente de Rothengatter, o Holandês acabou se acidentando com Dumfries que conseguiu seguir na corrida. Alain Prost na volta 35 foi para os boxes para trocar os pneus, e voltou na Frente de Pique e Rosberg, na 2ªposição. Piquet na volta seguinte colou em Prost, Tentava passar Prost, Nelson Piquet tinha um pneu mais quente que Prost com os seus pneus ainda ganhando a temperatura, Mas Piquet começava a perder rendimento, seu carro estava com o motor falhando com isso Rosberg se aproximou de Piquet e em poucas voltas passou O Brasileiro e assumiu o 3ºlugar, muito ajudado pelos retardatários que estavam atrasando Prost, Piquet e Rosberg, quem se deu pior foi Piquet que numa manobra errada em cima de um deles, Rosberg aproveitou e passou. Com 44 Voltas As duas Williams, Duas Mclarens e Duas Ligiers estavam dominando a corrida. Tinham os 6 primeiros colocados.

Classificação após 44 Voltas: Mansell (53:59.84), Prost (a 19.81), Rosberg (a 20.89), Piquet (a 23.93), Arnoux (a 36.13), Laffite (52.77). Streiff logo depois e Tomar volta em cima de Mansell abandonou com o seu motor que explodiu, E a missão tão simples de apagar o Fogo virou um martilho, pois quando se imaginava que o Fogo estava controlado o fogo voltou com tudo e o carro inteiro foi para o espaço, os Bombeiros de Paul Ricard tiveram o papel principal de comédia pastelão, isso demonstrava o por que Elio de Angelis faleceu em um acidente nos testes em Paul Ricard, pela demora absurda que os bombeiros atenderam o piloto italiano. Além da incompetência eles jogaram muita espuma na pista, e depois o carro de bombeiros bloqueou a entrada dos boxes. Quer dizer um trabalho absolutamente censurável do primeiro ao último parágrafo. Jonatham Palmer abandonava a corrida na volta 50, ele estava 4 voltas atrás e quebrou o Fraco e frágil motor Zakspeed Turbo (acredita que esse motor é turbo). Depois de tudo isso Piquet e Arnoux foram para os boxes para uma segunda parada de troca de Pneus. Logo Mansell teria que parar, seus pneus estavam já nas últimas. E na volta 53 Mansell foi para os Boxes. e Prost voltava a liderança da Corrida, Mansell em 2º e Rosberg em 3º, Laffite também parava aos boxes para a segunda parada, de todos o Único que tentaria uma parada mesmo era Alain Prost que estava na liderança na 55ªvolta. Mas Mansell poderia brigar pela vitória por que estava com os pneus melhores que Prost. Quando começa a chuviscar em Paul Ricard Tornando a corrida dramática podendo chover pra valer ou não, Classificação após 55 Voltas: Prost, Mansell, Rosberg, Piquet, Arnoux e Laffite.

Mas Prost vivia situação difícil, Mansell chegava rápido em Prost, o Francês já não tinha pneu nenhum. Com 1:09.993 Mansell fazia a melhor volta da corrida, com 23 voltas para o termino da Corrida Prost via a sua vitória fugir de suas mãos. E na Volta seguinte Mansell passou para a ponta, Prost não tinha mais nada a fazer, estava sem pneus, Apesar da Ameaça da Chuva, a chuva parou, Johnny Dumfries acabou parando com problemas no motor. Restando 20 Voltas. Prost Ainda tentava lutar pela vitória com Mansell, Rosberg começava a perder rendimento, poderia ser a falta de Gasolina que é um fantasma para Rosberg em 1986, E Piquet, mesmo com o motor bichado ele estava chegando em Rosberg para lutar pelo 3ºlugar. Mansell a 16 Voltas do Final da Corrida estava tranquila em relação a Prost, controlando a vantagem que ele tinha para o Francês. Partick Tambay que vinha bem em 7ºlugar abandonaria com problemas de Freio, Rosberg estava na alça de mira de Nelson Piquet, a vantagem esta caindo de 24 segundos para apenas 10 segundos em 7 voltas, As Ligiers estavam tranquilas em 5º e 6ºlugares numa boa corrida. Com 5.3 Segundos é a Mostra de que Piquet iria brigar e passar Rosberg e tinha tempo de Sobra, faltavam 10 voltas para o Final da Corrida.

Sendo a única Briga por posições importantes Rosberg e Piquet era o que mais chamava atenção de todos na pista e na Televisão, E a 8 Voltas do Final Piquet coloca por Dentro e passou Rosberg e conquistou a 3ªposição, Rosberg agora não tinha nada a fazer a não ser pagar mais uma vez pelo consumo de combustível. E de tantas e Tantas ameaças de chuva, com até um chuvisco ter caído na pista Estava agora fazendo sol na pista em Paul Ricard, No Final das Contas o Único que trocou pneus apenas uma vez na corrida Foi Alain Prost que acabou não conseguindo vencer a Williams-Honda de Nigel Mansell, Nas últimas voltas pouco se viu, as posições estavam definidas: Mansell, Prost, Piquet, Rosberg, Arnoux e Laffite – Williams, Mclaren e Ligier ficaram com todos os pontos. O Campeonato chegava na metade tendo Prost 39, Mansell 38, Senna 36 e Piquet 23.

Resultado final do GP da França de 1986

Fotos:

 

View post on imgur.com

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Fonte das Fotos: Bestlap , Formel1mic

Patrocínio:
planatina_projeto_gif