Sebastian Vettel supera Hamilton e Bottas em Baku e leva a 53ªpole da Carreira

Vettel marcou sua 53ªpole de sua carreira, E a terceira na temporada 2018, O piloto da Ferrari mais uma vez superou os dois pilotos da Mercedes e seu companheiro de equipe. Um treino que teve muita disputa, Mas com os carros italianos parecendo estarem 1 degrau acima dos seus principais adversários.

O Q1 nem  esquenta e Romain Grosjean saiu da pista, O piloto da Haas teve problemas e abandonou o treino. Alías, O final de semana não estava sendo dos melhores para a Haas que vinha deixando a desejar nos treinos livres em relação as 3 primeiras corridas.

Enquanto os pilotos vinham fazendo suas voltas, O Carro do piloto Francês era recolhido. E o bom trabalho dos pilotos da Force India nos treinos se Sexta se confirmaram hoje com uma ótima atuação de Esteban Ocon. Ricciardo e Verstappen chegaram a ocupar os 2ºprimeiros lugares, Depois foram superados por Raikkonen e Vettel.

Nos minutos finais, a Toro Rosso acaba tendo um problema, Por muito pouco seus dois pilotos não se chocam. Hartley com problemas estava lento e Gasly desviou na hora certa da trajetória e acabou indo para a área de Escape. Apesar de evitar a batida, Gasly não evitou a eliminação já no Q1. Quem caiu fora além de Grosjean, Hartley e Gasly foram Marcus Ericsson e Stoffel Vandroome. Lance Stroll na sua última volta assegurou um lugar entre os 15 que partiram para o Q2. Com isso, A Williams pela primeira vez tinha seus dois pilotos na segunda fase da Classificação.

Classificação do Q1:

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo
1 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:42.538
2 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:42.642
3 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:42.693
4 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:42.762
5 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:42.857
6 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:43.021
7 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:43.355
8 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:43.426
9 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:43.674
10 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:43.746
11 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:43.752
12 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:43.992
13 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:44.010
14 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:44.261
15 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:44.359
16 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:44.489
17 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:44.496
18 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:45.541
19 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:57.354

Bottas fez um brilhante tempo no Q2, Para compensar o fraco tempo do Q1, Esse tempo só foi superado pelo seu companheiro de Equipe Lewis Hamilton, Por apenas 3 milésimos de segundo. Tanto no Q1 tanto no Q2 tivemos muitas escapadas de pista, Inclusive dos dois pilotos da Ferrari.

Na reta final do treino, Raikkonen vivia um drama. Ele vinha na última posição até a sua última volta nos últimos segundos. O homem de gelo justificou seu nome. Do último lugar entre os 15 para uma grande volta e para marcar o melhor tempo do Q2, Com 1:42.510. A Ferrari coloca no bolso os dois pilotos da Mercedes que ficaram em 2º e 3ºlugares. Verstappen ficou em 4º com Ocon da Force India em 5º e Vettel num 6ºlugar.

Daniel Riccardo acabou arriscando andar de pneus SuperSoft ao invés dos Ultrasoft, Por muito pouco o Australiano não ficou de fora da parte final do Treino. Passando para o Q3 em 10ºlugar. Atrás de Nico Hulkenberg, Sergio Perez e de Carlos Sainz jr.  que acabaram classificados para o Q3. Ferrari, Mercedes, Red Bull, Force India e Renault acabaram colocando os seus dois carros na parte final do treino.

Ficaram eliminados, Os dois pilotos da Williams que parece estar bem melhor (Pelo menos em Baku) Com Stroll em 11º e Sirotkin em 12º, Marcando os melhores grid de largada de ambos nessa temporada. Fernando Alonso em 13º com uma Mclaren-Renault que não se deu bem. Os outros eliminados foram Charles Leclerc que classificou pela primeira vez no Q2 e Kevin Magnussen com uma Haas Problemática nesse final de semana.

Resultado do Q2:

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo
1 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:42.510
2 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:42.676
3 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:42.679
4 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:42.901
5 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:42.967
6 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:43.015
7 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:43.232
8 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:43.366
9 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:43.464
10 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:43.482
11 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:43.585
12 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:43.886
13 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:44.019
14 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:44.074
15 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:44.759

No Q3, Red Bull, Force India e Mercedes foram os primeiros a entrarem na pista. Pouco depois vinha Hulkenberg e os pilotos da Ferrari e Sainz jr. por último.

Verstappen marcou o melhor tempo, Até Bottas e Hamilton marcarem suas voltas em seguida e colocarem os dois pilotos da Mercedes nas 2 primeiras posições. Sebastian Vettel estraçalhou o tempo das Mercedes, Com 1:41.498 ele tomou a pole das mãos dos carros germânicos.

A 2 minutos do final, Todos os pilotos vão para a última tentativa. Bottas e Hamilton são os primeiros a tentarem, Apesar de melhorarem seus tempos não conseguem chegar ao tempo de 1:41.498 de Vettel.

Kimi Raikkonen, Em sua última volta conseguiu a 1ª e a 2ªmelhores parciais, Parecia que a pole iria para as mãos do Finlandês. Até que ele quase perde o controle do carro na última curva do circuito. Resultado disso foi a perda de mais de 1 segundo no último setor, A pole escapou das mãos de Raikkonen e se confirmou a pole 53 de Vettel na Formula 1.

Hamilton, O grande rival de Vettel, 9 pontos atrás do piloto alemão larga ao seu lado em segundo. Na segunda fila largam Valtteri Bottas com a Mercedes e Daniel Ricciardo que superou em 80 milésimos a Max Verstappen. O Holandês larga na terceira fila junto de Kimi Raikkonen.

Os dois pilotos da Force India largam na Quarta fila: Ocon ficou a 24 milésimos a frente de Sergio Perez e sai na 7ªposição. Um grande final de semana da equipe Indiana que vem no penúltimo lugar no campeonato de Construtores. E a Renault ficaria com a 5ªfila, Se Não tivessem trocado o Câmbio de Nico Hulkenberg que perde 5 posições no Grid. (Caindo do 9º para o 14º) Carlos Sainz jr. Larga em 9º e Lance Stroll fica com o 10ºlugar, Colocando a Williams pela primeira vez no ano em uma posição digna com sua história na Formula 1.

Amanhã, As 9 da manhã teremos o GP do Azerbaijão, Direto do circuito de Baku para mais um duelo pela vitória e pela liderança do campeonato.

Grid de Largada do GP do Azerbaijão
4ªEtapa do 69ºCampeonato Mundial de Formula 1

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo Voltas
1 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:41.498 19
2 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:41.677 21
3 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:41.837 21
4 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:41.911 20
5 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:41.994 19
6 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:42.490 20
7 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:42.523 20
8 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:42.547 20
9 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:43.351 20
10 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:43.585 16
11 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:43.886 17
12 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:44.019 16
13 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:44.074 17
14 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:43.066 20
15 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:44.759 14
16 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:44.489 8
17 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:44.496 9
18 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:45.541 10
19 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:57.354 5
20 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO Sem Tempo 2

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Ferrari/Mercedes/Force India/Williams/Toro Rosso

Situação da Equipe Williams é desesperadora na Formula 1 – Analise dos Treinos Livres do GP da China

Após 2 corridas aonde o FW41 se mostrou um projeto desastroso que jogou os carro da Equipe de Grove para o final do Grid e sem qualquer competitividade demonstrada principalmente no GP do Bahrein aonde os dois carros terminaram nas 2 últimas posições.

Os Pilotos Lance Stroll e Sergei Sirotkin não são os melhores pilotos para o desenvolvimento desse carro. O melhor a se fazer era tentar encaixar  1 um duas sextas-feiras para o Polonês Robert Kubica correr para ver  se ele possa dar alguma informação de onde o carro melhorar e principalmente aonde podemos melhorar. Porém o problema disso é: Um dos pilotos tem o pai bancando sua aventura na Formula 1, Já o Russo tem um banco financiando sua vaga, Não se fala de pouco dinheiro não, É muita grana mesmo!

E mesmo com toda essa grana vindo de 2 pilotos pagantes e com o Comando do desenvolvimento nas mãos do Robert Kubica. O FW41, Um projeto radical que vizava deixar a Williams mais competitiva parece que nasceu pior que o FW40, Agora esta capengando migalhas ao invés dos brilhantes resultados. Nem a vinda do Paddy Lowe adiantou para mudar esse status patético que a Williams se encontra. O primeiro carro sobre direção do Antigo projetista da Mercedes pode ter afundado de vez as pretensões da Williams de voltar a brigar por vitórias na Formula 1.

Sobre os treinos livres de Hoje, Da para notar o quanto Hamilton é mais rápido que o Finlandês Valtteri Bottas, Apesar das diferenças entre os pilotos da Mercedes e da Ferrari terem ficado bem próximos nos tempos. Kimi Raikkonen mais uma vez mostra melhor adaptação ao carro do que Sebastian Vettel que ainda assim conquistou as 2 primeiras vitória na temporada de 2018 e buscar ganhar a 3ªseguida, Algo que ele nunca fez na sua carreira. A Red Bull vem logo a seguir e mesmo com um motor mais fraco como é a Renault, Tem tudo para ao menos buscarem disputar um lugar no pódio.

A Haas é sem dúvida a quarta força nesse começo de ano, Com um motivadíssimo Kevin Magnussen que esta em alta com as belas atuações que ele teve tanto na Austrália, como no Bahrein. A Adversária da equipe norte-americana parece ser a Renault no primeiro dia de treinos. A Toro Rosso e a Mclaren ficaram um degrau atrás das duas, Com Force India um pouco mais atrás. 2 a 3 Degraus abaixo da Haas e quem sabe 1 degrau abaixo da Mclaren e Toro Rosso. A Equipe indiana esta trabalhando os seus carros para a corrida, Já que na classificação eles parecem não ter chance.

A Sauber e a Williams continuam na rabeira do pelotão. Com a vantagem do time Suíço que já marcou pontos em 2018 ao contraio da equipe de Grove. Amanhã a partir da meia noite teremos o 3ºtreino livre e as 3 da manhã teremos a Classificação para o Grid de largada do GP da China de Formula 1.

Resultado dos Treinos Livres – GP da China
3ªEtapa do Mundial de Formula 1

1ºTreino Livre

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Pneu Tempo Voltas
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ Soft 1:33.999 22
2 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO Ultra Soft 1:34.358 14
3 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ Soft 1:34.457 28
4 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer Ultra Soft 1:34.537 22
5 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer Ultra Soft 1:34.668 22
6 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO Ultra Soft 1:34.861 18
7 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO Ultra Soft 1:35.178 21
8 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 Soft 1:35.616 23
9 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO Ultra Soft 1:35.718 21
10 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 Soft 1:35.800 18
11 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H Soft 1:36.037 21
12 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 Ultra Soft 1:36.044 29
13 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ Medium 1:36.051 28
14 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ Medium 1:36.351 32
15 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ soft 1:36.691 31
16 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H Soft 1:36.715 23
17 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO Soft 1:36.723 23
18 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 Soft 1:36.756 25
19 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO Soft 1:36.909 21
20 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ Soft 1:37.277 28

2ºTreino Livre

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Pneu Tempo Voltas
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ Ultra Soft 1:33.482 26
2 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO Ultra Soft 1:33.489 26
3 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ Ultra Soft 1:33.515 27
4 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO Ultra Soft 1:33.590 27
5 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer Ultra Soft 1:33.823 26
6 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 Ultra Soft 1:34.313 30
7 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO Ultra Soft 1:34.458 26
8 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 Ultra Soft 1:34.473 28
9 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer Ultra Soft 1:34.557 26
10 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 Ultra Soft 1:34.632 23
11 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ Ultra Soft 1:34.792 30
12 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H Ultra Soft 1:34.849 33
13 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ Ultra Soft 1:34.874 30
14 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 Ultra Soft 1:35.163 22
15 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H Ultra Soft 1:35.333 37
16 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ Ultra Soft 1:35.340 31
17 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO Ultra Soft 1:35.624 29
18 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO Ultra Soft 1:35.916 26
19 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO Ultra Soft 1:36.471 26
20 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ Ultra Soft 1:37.147 19

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Williams/Ferrari

Max Verstappen sobra e conquista vitória no México, Hamilton conquista Tetracampeonato

Iudtvxv5 o

Sabíamos que a decisão do campeonato poderia ser disputada e com muita disputa entre Ferrari, Mercedes e Red Bull, Mas nunca se imaginou um script, Um roteiro tão complexo como foi ontem no México. Em um momento a situação se complicou para um e segundos depois tudo ficou complicado para outro piloto. Isso tudo em 1 só volta e aconteceu com Lewis Hamilton e Sebastian Vettel.

Quem se aproveitou disso tudo foi o Holandês Max Verstappen que levou a 3ªVitória da sua carreira. Na largada Vettel largou bem e manteve a primeira posição com Verstappen e Hamilton logo atrás. Na entrada da primeira curva, Verstappen foi para cima de Vettel e passa a liderança. E dai houveram 2 toques na asa de Vettel: Primeiro com Verstappen e segundo que acabou furando o pneu traseiro de Lewis Hamilton que tinha ultrapassado a Vettel.

Era a grande chance de Vettel, Caso ele não tivesse quebrado a sua asa dianteira. Resultado disso é que ambos os pilotos tiveram que ir aos boxes. Tanto Vettel como Hamilton foram para os boxes colocarem os pneus duros para irem até o final da prova.

Ut8sqzbq o

Max Verstappen assumiu a liderança com Valtteri Bottas em 2ºlugar, Esteban Ocon, Nico Hulkenberg, Sergio Perez e Felipe Massa se beneficiaram do acidente e ganharam posições. O piloto Brasileiro da equipe Williams vinha na frente de Kimi Raikkonen que perdeu posições na largada. Daniel Ricciardo que largou das últimas posições já estava em 9ºlugar, Na terceira volta o piloto Australiano ultrapassa Lance Stroll, Subindo para o 5ºlugar.

Na volta seguinte o Brasileiro Felipe Massa teve de ir aos boxes. A Williams identificou um furo no pneu. Ao partir nessa tática ele foi para a estratégia de um pneu duro para ir até o final da prova. Assim como Carlos Sainz jr. (tanto Massa como Sainz jr. devem ter furado o pneu ao terem passado pelos destroços da asa dianteira de Vettel)

22fdrtea o

Na volta 6 o motor de Daniel Ricciardo para e deixa o australiano na mão. Enquanto que Verstappen abria 3 segundos e meio para Valtteri Bottas que vinha abrindo uma grande vantagem para Esteban Ocon que estava em uma posição de pódio. O que era raro para uma Force India estar (Ou qualquer equipe que não seja Mercedes, Ferrari e Red Bull) assim como a Renault de Nico Hulkenberg e o Mexicano Sergio Perez que estava segurando a Kimi Raikkonen que vinha no 6ºlugar.

Lá Atrás o Alemão Sebastian Vettel vinha avançando na corrida enquanto que o inglês Lewis Hamilton. Na 13ªVolta o piloto da Ferrari ultrapassou Felipe Massa, ganhando o 15ºlugar. E partiu para cima do Gasly que estava a 1 segundo a frente.

Alonso e Grosjean disputando o 11ºlugar acabou o Francês levando vantagem e foi punido com a perda de 5 segundos quando ele fizesse a parada nos boxes.

Vettel ultrapassou Gasly passando para o 14ºlugar, Duas voltas depois o Alemão passou Grosjean passando para o 13ºlugar. Já Hamilton não conseguia passar ninguém até aquele momento. Continuava no mesmo 19ºlugar desde da troca de pneus.

R7i8zv7d o

Ao mesmo tempo Perez na mesma volta 19, Hulkenberg na volta 20 e Ocon na volta 21 foram para a parada nos boxes. (Para uma única parada) Os três voltaram à frente do Vettel que se via em situação difícil para tentar adiar a disputa pelo campeonato. Na 19ªVolta o público fez uma bela homenagem para as vitimas do Terremoto que assolou o México

5 Voltas depois Hulkenberg acabou por abandonar a corrida com problemas de motor, Voltas antes ele estava em cima do Kevin Magnussen.

Vettel chegou em Ericsson e em Alonso na disputa pelo 9ºlugar. O piloto da Sauber foi para os boxes na volta 29, Na volta seguinte Vettel passou Alonso e subiu para o 9ºlugar, Mas a torcida ficou eufórica com a ultrapassagem de Perez em cima de Magnussen. Levando a 6ªposição do piloto da Haas.

Enquanto Gasly e Massa passaram Grosjean ganhando uma posição, O Neozelandês Brendon Hartley (Que se tornou favorito a vaga na Toro Rosso) acabou tendo problemas de Motor. Era o terceiro com Motor Renault a deixar a prova. Com isso acionaram o Safety Car Virtual. (Não tem certeza que se deveria ser ou não acionado)

Dahip8gm o

Todos os pilotos que não foram para a parada foram para os boxes fazerem sua parada. Isso beneficiou Verstappen, Bottas, Raikkonen, Stroll e Kevin Magnussen que se aproveitaram disso e ganharam posições e tempo. Vettel aproveitou esse safety car virtual e foi para os boxes colocar os pneus ultra macios. Hamilton fez o mesmo para tentar sair dos últimos lugares.

Na volta 34 a corrida recomeçou e Vettel e Hamilton buscavam ganhar posições. Enquanto que Verstappen começava a abrir mais vantagem ainda para Bottas.

O piloto da Ferrari foi para cima de Magnussen (Com a Haas, Aliás o Escandinavo fazia milagre com um carro que não andou nada o final de semana inteiro) Na volta seguinte o piloto da Ferrari levou a 7ªposição e tinha que tirar agora mais de 20 segundos do Mexicano Sergio Perez. Mas o pior de tudo para Vettel é que ele precisava tirar 1 minuto de diferença para Bottas que estava na segunda posição. (Posição que ele precisava para continuar na disputa do campeonato) Restavam 33 Voltas para o final da corrida.

Zz5tmxis o

Hamilton começou a render na corrida, Ultrapassou a Pascal Wehrlein e assumiu o 14ºlugar e começou a partir para cima de Gasly. A ultrapassagem em cima do piloto Francês foi na volta 43, Logo depois ele também ultrapassa Marcus Ericsson. O piloto da Mercedes vinha em 12ºlugar. Mesmo com todo o empenho de Vettel, O título estava nas mãos de Hamilton.

Vettel não desistia e foi para cima de Perez. Em busca do improvável 2ºlugar pelo menos. Na volta 51 após 1 volta atrás do piloto mexicano acabou Vettel passando para o 6ºlugar, Ao passar na entrada da Segunda Chicane. Perez por sua vez vai para os boxes realizar sua parada nos boxes para colocar os pneus mais macios para tentar ganhar posições a menos de 20 voltas para o final da corrida.

Na volta 55, Vettel ultrapassou Stroll com facilidade ganhando o 5ºlugar. Enquanto isso Hamilton passou Vandoorne e estava em 11ºlugar a uma posição da Zona de pontuação. A prova para os 3 primeiros colocados estava muito tranquila (Verstappen, Bottas e Raikkonen)

Hamilton foi para cima de Felipe Massa que ainda tentou resistir, Mas o inglês fez a manobra por fora com perfeição e na chicane acabou levando o 10ºlugar.

Enquanto o motor de Marcus Ericsson iria para o espaço já nos boxes. Vettel acabou passando Esteban Ocon a um pouco mais de 10 voltas para o final da prova. Agora o piloto da Ferrari estava em 4ºlugar, Mas tinha uma imensidão de diferença para Raikkonen e para Bottas. Tornando a chance de prolongar a decisão para o Brasil praticamente impossível.

Hamilton foi para cima de Alonso e Magnussen que disputavam o 8ºlugar. Essa era a posição para enterrar qualquer esperança que Vettel teria no final de prova.

Na parte final Hamilton tentou passar Alonso por duas vezes por fora na entrada da Chicane, O Príncipe das Asturias acabou segurando a posição. As 3 Voltas do final Hamilton finalmente conseguiu a ultrapassagem ganhando o 9ºlugar. Era mais do que o Bastante para ser o
Campeão do Mundo. Visto que Vettel não passaria do 4ºlugar mesmo.

4wk6giam o

Max Verstappen teve uma corrida dominadora (Como resposta a punição dos Estados Unidos) Sem qualquer polêmica o Holandês conquistou a terceira vitória da carreira e a Segunda na Temporada. Ao chegar em 2ºlugar o Finlandês Valtteri Bottas o campeonato já estava definido a favor de Sebastian Vettel que andou muito para fazer uma grande recuperação, E ficou em 4ºlugar. Atrás de Kimi Raikkonen que completou o pódio. A Ferrari Garantiu o vice-campeonato do Mundial de Construtores.

Gu212g9l o

Esteban Ocon ficou no 5ºlugar e repetiu a melhor posição dele na temporada, O piloto Francês que sofreu ameaças de Morte de torcedores xilitas do Perez acabou levando a melhor sobre seu companheiro de equipe que correu em casa.

Xlvjinyh o

Checo, Ficou em 7ºlugar ficando atrás de Lance Stroll que andou discretamente, Mas fez sua tática funcionar e levou mais 8 pontos para a Williams. Felipe Massa ficou em 11ºlugar, A troca dos pneus comprometeu a sua prova que na pior das hipóteses poderia render uma 8ªposição ou uma disputa por esse posição com Kevin Magnussen. Essa posição para Massa acaba sendo ruim, Porque Stroll agora esta na frente do Brasileiro no Mundial de Pilotos.

Vk76mrgf o

Kevin Magnussen foi um dos melhores pilotos da corrida, Levando um carro muito ruim (No circuito Mexicano) como a Haas para o 8ºlugar. Superando a Lewis Hamilton que nem precisava marcar pontos no México. O simples fato de Vettel não ter conseguido lugar nas 2 primeiras posições deu ao Inglês o 4ºtítulo da sua carreira.

Hamilton se junta ao próprio Vettel, Alain Prost como os tetracampeões do Mundo. Agora Ele esta atrás de Michael Schumacher (7 Títulos) e Juan Manuel Fângio (5 Títulos)

Fernando Alonso completou a zona de pontuação em 10ºlugar. Depois de Felipe Massa, Vieram Stoffel Vandoorne, Pierre Gasly, Pascal Wehrlein e Romain Grosjean.

Daqui a 2 semanas teremos o GP do Brasil, No circuito de Interlagos. Agora já sem qualquer briga por disputa de campeonato.

Parabéns a Lewis Hamilton pelo tetracampeonato mundial de Formula 1. Que o coloca definitivamente entre os 10 maiores pilotos da história de 67 anos da categoria mais famosa do Automobilismo Mundial.

98bekywv o

Resultado final do GP do México
18ªEtapa do Mundial de Formula 1

Pos. Piloto Equipe Chassis Motor Voltas Tempo Grid
1 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB13 TAG Heuer 71 1:36:26.552 2
2 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 71 a 19.678s 4
3 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 71 a 54.007s 5
4 5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 71 a 1:10.078s 1
5 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 70 a 1 Volta 6
6 18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 70 a 1 Volta 11
7 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 70 a 1 Volta 9
8 20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 70 a 1 Volta 14
9 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 70 a 1 Volta 3
10 14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 70 a 1 Volta 18
11 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 70 a 1 Volta 10
12 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 70 a 1 Volta 19
13 10 Pierre Gasly Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 70 a 1 Volta 20
14 94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 69 a 2 Voltas 13
15 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 69 a 2 Voltas 15
55 Carlos Sainz Renault R.S.17 Renault R.E.17 59 Direção 8
9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 55 Suspensão 12
28 Brendon Hartley Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 30 Unidade de Potência 17
27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 24 Unidade de Potência 7
3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB13 TAG Heuer 5 Turbo 16

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Williams/@KMagnussenBR/

Acidente elimina pilotos da Ferrari e Verstappen e Vitória cai no colo de Lewis Hamilton

Tudo mudou de forma muito rápida em Cingapura de ontem para hoje. Após uma corrida inédita em piso molhado (na sua primeira parte) e com trilho seco na segunda parte. Era um cenário que poderia ser um dia dominante da Ferrari acabou virando em uma vitória de Lewis Hamilton em poucos segundos, que coloca Lewis mais perto do título de 2017. Com 28 pontos de frente para Sebastian Vettel que saiu de Cingapura com um duro golpe psicológico.

O Lance que decidiu a corrida foi na largada, onde Verstappen larga pior que Raikkonen, que de forma audaciosa tentou passar o piloto Holandês que de leve mudou a sua direção e acabou provocando a batida em Raikkonen (que já tem meio carro de frente ao piloto da Red Bull) que perdeu controle do seu carro e acabou batendo no meio do duto de refrigeração do carro de Vettel que roda depois lavar a pista com os fluidos do seu carro nas primeiras curvas do circuito. Verstappen acabou atingindo Fernando Alonso que poderia ter assumido uma boa posição sem essa pancada.

Com tudo isso, claro que o Satefy Car entrou na pista para organizar essa bagunça. Lewis Hamilton que saiu do 5ºlugar na largada assumiu a liderança, com Daniel Ricciardo em 2º e Nico Hulkenberg na terceira posição. Depois vinham nessa ordem: Sergio Perez, Valtteri Bottas que largou muito mal e Jolyon Palmer. A Bandeira amarela durou por 4 voltas com a pista molhada. Na quinta volta, à corrida recomeça, com Bottas tomando ultrapassagem do demitido Jolyon Palmer que assumiu o 5ºlugar. Mais atrás, Fernando Alonso abandona voltas depois, sem um rendimento minimamente decente depois do incidente da largada.

A pista estava em condições críticas, Mas já em processo de secagem. Quem ganhava com isso eram os pilotos com os pneus intermediários que estavam ganhando rendimento na prova. Entre eles estavam Carlos Sainz jr., Daniil Kvyat e Lance Stroll. Já Esteban Ocon, Kevin Magnussen e Felipe Massa estavam começando a perder rendimento com os pneus de chuva pesada.

Na 11ªVolta Daniil Kyvat perde a freada e bate de frente na proteção de pneus da curva 4 para a 5 e provoca a entrada do Safety Car que entra pela segunda vez na corrida. Todos os pilotos aproveitam para colocarem os pneus intermediários com exceção de Felipe Massa que ficou na pista com os pneus de chuva extrema começou a ficar muito para trás e perdeu posições caindo do 9ºlugar na relargada para o 13ºlugar. Sem ritmo de corrida o piloto Brasileiro foi para os boxes na volta 17 para colocar pneus intermediários. (Deveria ter colocado os pneus de pista seca, Se era para fazer essa parada então porque não arriscou os pneus de pista seca para voltar a corrida. O Erro é do piloto e também a equipe poderia ter tido essa audácia de fazer isso.

A pista mesmo sem estar totalmente seca ela vinha melhorando volta após volta com um trilho seco cada vez mais evidente. Hamilton vinha abrindo diferença para Ricciardo que tinha uma enorme vantagem para Valtteri Bottas que vinha com dificuldades no circuito de Marina Bay o fim de semana inteiro. Carlos Sainz jr. Com a Toro Rosso, Nico Hulkenberg com a Renault e Sergio Perez com a Force India eram os melhores do grupo intermediário. Os estreantes Stoffel Vandoorne e Lance Stroll disputava a 8ªposição.

Kevin Magnussen da Haas por chamada da equipe foi para os boxes ser o primeiro a arriscar pneus de pista seca. Na mesma volta parou Felipe Massa com a Williams. A partir dai a expectativa das voltas seguintes para saber se a tática era a correta. Bastou poucas voltas para a tática se mostra acertada. Daniel Ricciardo foi para os boxes na volta 29. Sabendo disso e com uma diferença de quase 10 segundos para o piloto Australiano Hamilton faz a parada na volta seguinte. O piloto da Mercedes voltou a liderança com Ricciardo em segundo, Bottas em 3º, Hulkenberg, Sainz e Perez nas 6 primeiras posições.

Nas voltas seguintes estávamos vendo os pilotos baixarem seus melhores tempos e as voltas mais rápidas vinham caindo volta após volta. Hamilton tinha mais de 15 segundos de diferença para Ricciardo, Tudo indicava uma vitória tranquila até que na volta 39 o Sueco Marcus Ericsson acabou rodando e batendo no muro danificando a sua roda. Com isso provoca huma nova bandeira amarela e com consequência a esse Safety Car na pista a corrida passou para o tempo de corrida. Restava 30 minutos para o termino da prova.

Nico Hulkenberg que vinha tentando alcançar o primeiro pódio da carreira acabou indo para os boxes com problemas em seu carro. Vi umas mangueiras, possivelmente alguma parte que precisava de ar comprimido ou de reprogramação em seu carro. (Isso não iria adiantar, Já que o piloto Alemão acabou abandonando voltas depois)

Relargada a 26 minutos do final da prova. Hamilton, Ricciardo e Bottas se distanciam dos demais enquanto que Sainz jr. E Perez disputam o 4ºlugar seguidos de Jolyon Palmer e de Stoffel Vandoorne.

Já Lance Stroll segurava o 8ºlugar dos ataques de Romain Grosjean, Nico Hulkenberg que deixaria a corrida voltas depois, de Esteban Ocon. Felipe Massa e Kevin Magnussen estavam ficando um pouco mais distanciados da turma.

Na parte final de corrida Hamilton chegou a aparentar algum problema em seu carro que logo ele ou se acostumou com esse problema ou ele foi temporário já que nas voltas finais ele manteve distância segura para Daniel Ricciardo que teve que se cuidar de um pequeno risco que existiria com a aproximação de Valtteri Bottas.

Hamilton conquistou sua 7ªvitória na temporada 2017 e agora tem 28 pontos de frente para Sebastian Vettel que vai querer esquecer esse dia desastroso para ele e a Ferrari que pela primeira vez tem seus dois pilotos abandonando a corrida por acidente na primeira volta. Daniel Ricciardo conquistou o seu 7ºpódio na temporada e consolidando a quarta posição no Mundial de pilotos abrindo 24 pontos de frente para Kimi Raikkonen. Valtteri Bottas completou o pódio com a outra Mercedes.

Carlos Sainz jr. Motivado com a sua ida para a Renault terminou em 4ºlugar, O melhor resultado do Espanhol na Formula 1 chegando na frente de Sergio Perez que vai permanecer na Force India para 2018.

A surpresa do dia foi o inglês Jolyon Palmer que nem de longe realizou uma exibição tão boa como a que ele fez no dia de hoje conquistando o seu melhor resultado justo no final de semana que ele acabou chutado da Renault para 2018, Mas esse desempenho de hoje pode afastar a ideia da equipe Francesa chamar Sainz jr. Para correr no GP da Malásia já daqui a duas semanas.

Stoffel Vandoorne com a Mclaren-Honda alcançou seu melhor resultado na Formula 1 com uma boa corrida chegando no 7ºlugar. Muito na frente de Lance Stroll que acabou conquistando 4 pontos totalmente inesperados para a Williams. Romain Grosjean e Esteban Ocon completaram a zona de pontuação.

Felipe Massa pagou caro pela aposta errada dos pneus e acabou de fora da zona de pontuação ficando em 11ºlugar apenas a frente de Pascal Wehrlein com a Sauber (Se era para chamar esse carro de carro de Formula 1, pelo pífio desempenho do time suíço)

Restando 6 provas para o final do campeonato nada esta decidido, Mas podemos dizer que Hamilton deu sem dúvida um importante passo rumo ao título de 2017. Daqui a 2 semanas teremos o GP da Malásia no circuito de Sepang com Vettel tentando recuperar o prejuízo e Hamilton tentando começar a matar o campeonato a Favor dele.

Resultado final da 14ªEtapa do Mundial de Formula 1
GP de Cingapura – 58 Voltas

Pos. Piloto Equipe Chassis Motor Voltas Tempo Grid
1 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 58 2:03:23.544 5
2 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB13 TAG Heuer 58 +4.507s 3
3 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 58 +8.800s 6
4 55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 58 +22.822s 10
5 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 58 +25.359s 12
6 30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 58 +27.259s 11
7 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 58 +30.388s 9
8 18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 58 +41.696s 18
9 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 58 +43.282s 15
10 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 58 +44.795s 14
11 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 58 +46.536s 17
12 94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 56 +2 laps 19
20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 50 Unidade de Potência 16
27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 48 Vazamento de óleo 7
9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 35 Acidente 20
26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 10 Acidente 13
14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 8 Acidente 8
5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 0 Acidente 1
33 Max Verstappen Red Bull Racing RB13 TAG Heuer 0 Acidente 2
7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 0 Acidente 4

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Renault/Toro Rosso

Hamilton conquista vitória com Facilidade em Montreal

Matéria da Classificação: Hamilton chega a pole 65 e se iguala ao Senna em número de poles.

Lewis Hamilton conseguiu uma marca história no sábado, Após um treino dominado pelo piloto da Mercedes que arrasou no momento decisivo marcando um tempo espetacular sendo o tempo de 1:11.459 o novo recorde do Circuito Gilles Villeneuve.

No Q1 Hamilton e Bottas ficaram nas 2 primeiras posições no Q1 disputando tempo numa disputa particular da Mercedes. A Ferrari foi a única equipe a não usar pneus ultra macios guardando esse jogo para a parte final do treino ou para a corrida. Raikkonen e Vandoorne na tentativa de melhores tempos encostaram no muro. No final do treino a 1 minuto do final o Alemão Pascal Wehrlein acabou rodando e batendo na entrada da primeira curva do circuito provocando o final do Treino.

O próprio piloto que bateu (Wehrlein), Ericsson, Magnussen, Stroll e Vandoorne foram eliminados. De Volta a formula 1 o Espanhol Fernando Alonso praticamente encostou no muro para colocar a Mclaren no Q2.

No Q2, em seu começo viu Force India de Ocon e Perez e a Williams de Felipe Massa liderar  até que Hamilton acabou com a brincadeira fazendo o melhor tempo com folga em cima dos outros. Carlos Sainz jr. rodou no mesmo lugar que o piloto da Sauber tinha rodado no Q1, mas dessa vez não ocorreu uma batida e o espanhol pode continuar na batalha.

Os pilotos da Mercedes, Ferrari e Red Bull estavam praticamente assegurados para o Q3. Restando 4 vagas que estavam nas mãos de Massa, Perez, Ocon e Hulkenberg. Sainz e Kvyat ainda tinham chances de superarem esses pilotos e entrarem no Q3. Alonso com a sua Mclaren-Honda que andou a 370 km/h em Indianapolis agora tinha que andar quase 20 km menos de reta do que a Williams de Felipe Massa. Não tinha qualquer chance de classificar para o Q3.

No final o quadro não se alterou dos 10 primeiros lugares e com Hulkenberg melhorando o seu tempo foi fatal para qualquer piloto de tentar tirar alguém dos 10 primeiros lugares. Kvyat, Alonso que ainda consegue o 12ºlugar, Sainz, Magnussen e Palmer que já fez muito em ir para o Q2.

No Q3 o inglês Lewis Hamilton mostrou toda a sua categoria quebrando a banca desde da sua primeira volta baixando o tempo para casa do 1 minuto e 11 segundos enquanto que Bottas, Raikkonen e Vettel ficaram na casa do 1 minuto e 12 segundos. Com quase 4 décimos de tempo a favor do inglês era praticamente impossível que a pole fosse para outro piloto que não fosse Hamilton.

Vettel tentou uma segunda tentativa praticamente isolado na pista a 4 minutos do final e conseguiu o 2ºlugar a 4 milésimos de Hamilton. No final os favoritos foram para a pista destronar Lewis, mas o que se viu foi outra volta fantástica de Hamilton, que derrubou os cronômetros para 1:11.459 melhorando em 3 décimos o seu tempo confirmando a pole position de número 65 da carreira. Igualando a Ayrton Senna em poles e ficando a 3 de Michael Schumacher.

No final do treino, na hora da entrevista no começo do Circuito os pilotos Lewis Hamilton, Sebastian Vettel e Valtteri Bottas o inglês aparece com o capacete de Ayrton Senna que é o ídolo de Hamilton no Esporte. Mais um momento emocionante para aquele que intitulo o piloto do povo ver ele sendo saudado por todos e ele retribuindo esse carinho todo.

O líder do campeonato Sebastian Vettel larga em 2ºlugar com a Ferrari que não terá uma missão fácil de deter a Mercedes nesse circuito já que o traçado de muitas retas favorece a equipe alemã. Os finlandeses Valtteri Bottas e Kimi Raikkonen largam na 2ªFila e os pilotos da Red Bull com Max Verstappen na frente de Daniel Ricciardo na 3ªFila.

Felipe Massa com a Williams foi o melhor piloto do resto mostrando a boa forma do time inglês em traçados rápidos como de Montreal. Perez e Ocon colocam a Force India em boas 8ª e 9ªposições e Nico Hulkenberg representa com honra a Renault fechando os Top 10 no grid de largada.

POS. Piloto Equipe Chassi Motor Tempo Fase
1 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:11.459 Q3
2 5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 1:11.789 Q3
3 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:12.177 Q3
4 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 1:12.252 Q3
5 33 Max Verstappen Red Bull RB13 TAG Heuer 1:12.403 Q3
6 3 Daniel Ricciardo Red Bull RB13 TAG Heuer 1:12.557 Q3
7 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:12.858 Q3
8 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:13.018 Q3
9 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:13.135 Q3
10 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:13.271 Q3
11 26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:13.690 Q2
12 14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:13.693 Q2
13 55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:13.756 Q2
14 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 1:13.839 Q2
15 30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:14.293 Q2
16 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:14.182 Q1
17 18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:14.209 Q1
18 20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 1:14.318 Q1
19 9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 1:14.495 Q1
20 94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 1:14.810 Q1

A Corrida

O que poderia ter sido um corrida pra lá de competitiva acabou sendo um passeio de Lewis Hamilton e das Mercedes em Montreal. Uma vitória fácil para os carros prateados que começou na largada, quando Hamilton largou muito bem e Vettel largou mal perdendo 2 posições, Para Verstappen que pulou de 5º para o 2ºlugar de maneira impressionante e Bottas que ficou na 3ªposição.

Nas primeiras curvas do Circuito Carlos Sainz jr. espreme Romain Grosjean que toca no piloto Espanhol que perde o controle do seu carro e atinge o Brasileiro Felipe Massa que não tinha nada com a História. Resultado disso foi que ambos abandonaram a corrida e o Safety Car foi acionado. Grosjean foi para os boxes para trocar seu bico devido a completa impudência do piloto da Toro Rosso. Danill Kvyat que acabou não conseguindo ir para a volta de apresentação acabou conseguindo partir sem partir dos boxes, mas acabou indo para a sua posição normalmente e largando da mesma 11ªposição. (Claro que seria Punido, Até desclassificado por isso)

Na relargada Hamilton abriu diferença para Verstappen que tinha Bottas perto em 3º e Vettel em 4º segurando todo mundo, Sua asa quebrou quando o Holandês da Red Bull passou por ele e por isso o piloto da Ferrari perdeu rendimento e precisou fazer uma parada logo no começo da corrida. E para piorar Raikkonen erra, quase bate e ainda perdeu a 5ªposição para Perez.

Na Volta 11, Max Verstappen acaba parando com problemas em seu carro, o motor parou do nada e isso fez com que o piloto da Red Bull deixasse a prova. Safety Car virtual acionado. Nisso ninguém poderia aumentar a velocidade e nem passar ninguém, Isso foi que fez Magnussen o que ocasionou uma punição para o escandinavo da Haas.

Na volta a corrida, Hamilton continuou líder com Bottas em 2º, Ricciardo em 3º, Perez, Raikkonen, Ocon nas 6 primeiras posições. Com a Punição que Kyvat teve de cumprir que foi um Drive Turorgh (Eu imaginaria até que ele levasse uma desclassificação pelo erro que cometeu) Fernando Alonso estava já em 7ºlugar. Mais atrás destaco a corrida combativa de Lance Stroll que tinha a responsabilidade de levar a Williams para os pontos mostrando serviço e ultrapassando Vandroone e depois passando Nico Hulkenberg entrando para a zona de pontuação. Sebastian Vettel também estava em plena recuperação ganhando posições mais atrás e se aproximando da zona de pontuação.

Na frente, pouca coisa se modificou até a hora das paradas, Raikkonen foi o primeiro, Depois Ricciardo fez a parada arriscando colocar os pneus médios (Os Mais duros) para terminar a corrida. Perez e Bottas foram os próximos a fazerem à parada. Os Únicos que não estavam fazendo a parada eram Hamilton e Ocon que estavam nas duas primeiras posições. O Francês sem dúvida queria dar o pulo do gato e assumir o terceiro lugar.

Ocon fez a parada e voltou atrás de Raikkonen, Hamilton fez a parada e voltou na liderança. Bottas, Ricciardo, Perez, Raikkonen, Ocon e Vettel estavam nas 7 primeiras posições.

Mais atrás, Stroll buscava depois de sua parada a recuperação na corrida passando seus adversários um a um. Disputando com Alonso, com Palmer, com Grosjean. Finalmente em uma corrida bem competitiva desse garoto que começa a dar sinais de evolução mesmo. Danill Kvyat mesmo com a punição que sofreu no começo da prova estava na zona de pontuação mostrando competitividade do piloto Russo.

Enquanto que tudo na frente estava decidido, em 3ºlugar Daniel Ricciardo estava segurando os pilotos da Force India que viam as chances de pódio crescerem. Raikkonen e Vettel foram para uma segunda parada nos boxes para buscarem rapidez no final da prova.

A tática da Ferrari poderia dar muito certo para buscar o pódio, mas dai tivemos polêmica: Raikkonen erra a curva e deixa Vettel passar caindo para o 7ºlugar. Pode ser que tenha sido um erro, mas pode ter o Homem de Gelo errado e permitido ao Vettel a ultrapassagem sem suspeita de jogo de equipe. Depois disso Raikkonen ficou lento com problemas no carro (Ou então simulando problemas) Vettel partiu para cima de Perez e Ocon que estavam em um confronto violento pelo 4ºlugar deixando Ricciardo ficar mais tranquilo em 3ºlugar.

Vettel partiu para o ataque para cima de Ocon na volta 65, conseguiu a ultrapassagem sobre o francês que tentou resistir, mas perdeu a curva 1 e teve de vazar ela perdendo rendimento e perdendo posição para Perez e Vettel. A 2 Voltas do final, Vettel supera Perez e consegue a 4ªposição.

Danill Kvyat na volta 55 com problemas na Roda deixou a corrida e Fernando Alonso a 2 voltas do final abandonou quando estava próximo de marcar o primeiro ponto da Mclaren na temporada de 2017. A unidade de potência da Honda Falhou (Parece piada que isso é unidade de potência para a Formula 1)

Lewis Hamilton foi tranquilo para a 3ªVitória na temporada reduzindo a diferença que Vettel tem na liderança do campeonato. Hoje foi o dia do piloto Inglês que fez um final de semana impecável. Final de semana também perfeito da Mercedes com uma corrida segura de Valtteri Bottas que acabou em segundo lugar.

Daniel Ricciardo obteve êxito em sua tática de pneus mais duros levando a Red Bull pela terceira vez seguida ao pódio. Nada mal para um carro que não tem a potencia que precisava para disputar as primeiras posições. Sebastian Vettel após uma corrida em seu começo desastrosa acabou se recuperando bem e por pouco não conseguiu um lugar no pódio. O Alemão continua líder do campeonato, mas o 4ºlugar não ajudou muito. Pois a diferença para Hamilton caiu para 12 pontos.

Sergio Perez e Esteban Ocon acabaram brigando para ver quem ficava com o pódio e acabaram ficando em 5º e 6ºlugares consolidando o 4ºlugar no Mundial de Construtores para a Force India que sem medo de errar vai ficar nessa posição no Campeonato. Não vejo uma equipe que poderia reagir a ponto de superar a equipe Indiana, que tem uma equipe excelente com um orçamento limitadíssimo.

Raikkonen não foi feliz hoje e ficou apenas em 7ºlugar. Não da para entender do porque a Ferrari Renovou o seu contrato para 2018. Nico Hulkenberg fez uma corrida correta com a Renault levando 4 pontos com o 8ºlugar.

Lance Stroll fez uma bela corrida e finalmente mostrou que pode ser útil para a Williams. Num dia em que Massa nada pode fazer sendo envolvido em um acidente absurdo aonde Sainz foi considerado culpado e perde 3 posições no GP do Azerbaijão (No meu modo de entender, 3 posições de punição é pouco. 10 posições deveria ser no mínimo.) Acabou o Canadense em sua casa fazendo os primeiros pontos da sua carreira com o 9ºlugar. Romain Grosjean levou a Haas para mais um pontinho na temporada 2017 com o 10ºlugar.

Outra vez no Vácuo dos pontos Jolyon Palmer ficou em 11ºlugar. Kevin Magnussen que teve um inicio impressionante, Mas ficou só nisso ficando em 12ºlugar.

Marcos Ericsson com a Sauber conseguiu a proeza (Nem tanto) de ficar na frente de Stoffel Vandoorne que já começo a desconfiar que ele esta sem motivação ou ele era mais marketing do que talento já que ele não consegue fazer frente ao Alonso e até perde para outros pilotos com carros inferiores ao dele.

Pascal Wehrlein ficou em 15ºlugar (Não foi o final de semana dele) Só não ficou em último porque Fernando Alonso ficou ainda classificado em 16ºlugar.

Daqui a 2 semanas teremos a 8ªetapa do Mundial de Formula 1 no Circuito de Baku no Azerbaijão aonde  Hamilton recuperado no campeonato busca continuar a recuperação e Vettel busca a volta por cima na volta ao território europeu.

Pos piloto Equipe Chassi Motor Voltas tempo
1 Lewis Hamilton 44 Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 70 1h 33:05.154
2 Valtteri Bottas 77 Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 70 19.783
3 Daniel Ricciardo 3 Red Bull RB13 TAG Heuer 70 35.297
4 Sebastian Vettel 5 Ferrari SF70H Ferrari 062 70 35.907
5 Sergio Perez 11 Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 70 40.476
6 Esteban Ocon 31 Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 70 40.716
7 Kimi Raikkonen 7 Ferrari SF70H Ferrari 062 70 58.632
8 Nico Hulkenberg 27 Renault R.S.17 Renault R.E.17 70 1:00.374
9 Lance Stroll 18 Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 69 1 Volta
10 Romain Grosjean 8 Haas VF-17 Ferrari 062 69 1 Volta
11 Jolyon Palmer 30 Renault R.S.17 Renault R.E.17 69 1 Volta
12 Kevin Magnussen 20 Haas VF-17 Ferrari 062 69 1 Volta
13 Marcus Ericsson 9 Sauber C36 Ferrari 061 69 1 Volta
14 Stoffel Vandoorne 2 Mclaren MCL32 Honda RA617H 69 1 Volta
15 Pascal Wehrlein 94 Sauber C36 Ferrari 061 68 2 Voltas
16 Fernando Alonso 14 Mclaren MCL32 Honda RA617H 66 Unidade de Potência
Daniil Kvyat 26 Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 54 Roda
Max Verstappen 33 Red Bull RB13 TAG Heuer 10 Bateria
Carlos Sainz 55 Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 0 Acidente
Felipe Massa 19 Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 0 Acidente

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Force India/Sauber/Williams/Mclaren