GP de Abu Dhabi – Domínio de Verstappen na prova final da temporada 2020

Max Verstappen dominou a última etapa do Mundial de Formula 1, no circuito de Yas Marina, nos Emirados Árabes Unidos. Foii a segunda vitória do piloto Holandês em 2020 e a 10ªvitória da carreira. Valtteri Bottas confirmou o vice-campeonato e a Mclaren conquistou a terceira posição no Mundial de Construtores.

A prova de encerramento da temporada marcou a despedida de alguns pilotos de suas equipes e a saída de outros pilotos da Formula 1. Lewis Hamilton, estava de volta após se recuperar da Covid-19. Ele foi o terceiro e último piloto que foi contaminado pelo Covid-19. Com isso, ele voltou ao Cockpit da Mercedes, Russell que se destacou no GP do Sakhir voltou ao cockpit da Williams e Aitken teve de deixar o cockpit da Williams para a arquibancada para ver a corrida.

Classificação do Sábado.

Os primeiros pilotos a entrarem na pista foram Pietro Fittipaldi e Kevin Magnussen da Haas, seria praticamente impossível que a equipe Norte-Americana levasse um dos dois carros para o Q2. Quando os pilotos da frente vieram para a pista, os tempos começaram a baixar, com destaque inicial a Alexander Albon colocando 7 décimos sobre Verstappen.

Bottas vinha na frente, seguido de Perez e Albon. Hamilton (Que fez uma volta que daria o segundo tempo) teve sua volta cancelada por passar do limite da pista na curva 20. Lewis precisou dar mais uma volta para entrar entre os 15, mesmo com um tempo que não era condizente com um carro da Mercedes. A 6 minutos do final, Verstappen foi para sua 2ªtentativa e passou da 11ª para a 2ªposição. Os eliminados naquela altura eram Magnussen, Fittipaldi, Russell, Latifi e Giovinazzi.

A 3 minutos do final, 14 dos 20 pilotos foram para a pista em busca da classificação. Lando Norris e Danill Kvyat fizeram boas marcas no final. Lewis Hamilton fez o melhor tempo do Q1, superando Bottas e Verstappen. Os eliminados do Q1 foram Kimi Raikkonen da Alfa Romeo, Kevin Magnussen da Haas, George Russell da Williams, Pietro Fittipaldi da Haas e Nicholas Latifi da Williams. Antonio Giovinazzi fez o 15ºtempo na sua única tentativa e classificou para a segunda parte da sessão.

Resultado do Q1:

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
144Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:35.528
277Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:35.699
316Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:35.881
433Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:35.993
54Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:36.016
611Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:36.034
723Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:36.106
826Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:36.459
918Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:36.502
1055Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:36.517
1110Pierre Gasly Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:36.545
125Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:36.655
133Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:36.704
1431Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:36.783
1599Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:37.075
167Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:37.555
1720Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:37.863
1863George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:38.045
1951Pietro Fittipaldi Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:38.173
206Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:38.443

Hamilton e Bottas foram os primeiros a entrarem na pista no Q2. Ambos fizeram muito bem seu trabalho. Hamilton faz 1:35.466, seguido de Bottas e de Sainz jr., (esse com 7 décimos de atraso sobre Lewis) e Lando Norris na 4ªposição. Albon chegou a fazer o 4ºtempo, mas acabou com sua volta cancelada. A mesma coisa aconteceu com Daniel Ricciardo.

Hamilton, Bottas, Sainz jr., Norris, Verstappen, Gasly, Leclerc, Kvyat, Stroll e Vettel vinham se classificando para o Q3. Ocon, Giovinazzi precisavam melhorar seus tempos, enquanto que Albon, Ricciardo e Perez precisavam marcar um tempo.

Sergio Perez da Racing Point chega a entrar na pista, mas logo depois acaba voltando aos boxes. Seu carro não tinha condições de fazer uma volta. O mexicano iria largar mesmo na parte de trás do grid. Nos minutos finais, Kyvat faz um bom tempo e consegue entrar no Q3 juntamente de Gasly. Albon conseguiu marcar uma bela volta e se classificou na 4ªposição,a frente de Charles Leclerc da Ferrari, o monegasco fez um tempo sensacional, que garantiu seu lugar na fase final da sessão.

Os eliminados foram Esteban Ocon e Daniel Ricciardo da Renault, Sebastian Vettel da Ferrari que se despede da equipe italiana sem conseguir entrar no Q3.

Resultado do Q2:

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
144Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:35.466
277Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:35.527
333Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:35.641
423Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:35.654
54Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:35.849
616Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:35.932
718Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:36.143
855Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:36.192
926Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:36.214
1010Pierre Gasly Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:36.282
1131Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:36.359
123Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:36.406
135Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:36.631
1499Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:38.248
1511Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT MercedesSem Tempo

Após alguns minutos de intervalo, o Q3 começa para a definição da pole position. Os dois pilotos da Mclaren lideraram a sessão, até Hamilton marca 1:35.550, segundos depois, Bottas supera o campeão do Mundo e marca 1:35.419 e assume a liderança. Max Verstappen faz uma ótima volta e fica a 1 décimo de Bottas, não muito longe, Albon marcou o 4ºtempo, a 156 milésimos da pole position. Além dos 4, os dois pilotos da Mclaren não vinham muito longe dos primeiros colocados.

A 4 minutos do final, os pilotos voltaram para a pista pela última vez. Nessa última tentativa, Lando Norris fez uma excelente volta e conseguiu um lugar na segunda fila, na 4ªposição, a menos de 3 décimos do pole position.

Hamilton melhorou sua marca, mas Bottas superou em 25 milésimos o tempo do heptacampeão do Mundo. Porém, o finlandês não ficou com a pole. Em uma volta impecável de 1:35.246, Max Verstappen acabou levando a pole position, a única pole da Red Bull na temporada de 2020, superando o domínio dos pilotos da Mercedes que tiveram 15 das 17 poles da temporada.

Com Verstappen e Bottas na primeira fila e Hamilton e Norris na segunda fila. As outras posições foram definidas no final da sessão. Azar de Alexander Albon, superado pelo ótimo trabalho de Lando Norris larga na 5ªposição. Ao seu lado, na terceira fila, larga o espanhol Carlos Sainz jr. na sua última apresentação pela equipe Mclaren.

Na 4ªFila, vão largar Danill Kvyat da Alpha Tauri, numa ótima volta do piloto russo. Lance Stroll fez trabalho decente com sua Racing Point e larga ao lado de Kyvat na 4ªFila. Completando os 10 primeiros colocados, Pierre Gasly da Alpha Tauri e Esteban Ocon da Renault. O Monegasco Charles Leclerc foi punido em 3 posições, por provocar a rodada de Sergio Perez na 1ªVolta do GP de Sakhir.

Grid de Largada:

posPilotoEquipeChassiMotorTemponºvoltas
133Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:35.24619
277Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:35.27118
344Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:35.33220
44Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:35.49717
523Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:35.57115
655Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:35.81514
726Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:35.96320
818Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:36.04615
910Pierre Gasly Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:36.24220
1031Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:36.35912
113Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:36.4069
1216Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:36.06520
135Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:36.63112
1499Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:38.24812
157Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:37.5556
1663George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:38.0458
1751Pietro Fittipaldi Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:38.1739
186Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:38.4437
1911Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT MercedesSem Tempo4
2020Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:37.8639

No domingo, tivemos uma das corridas mais chatas do ano, Max Verstappen garantiu que  não tivéssemos briga, foi uma corrida absolutamente dominada pelo piloto da Red Bull que venceu a segunda vez na temporada. Por outro lado, Valtteri Bottas em 2º garantiu o vice-campeonato e Lewis Hamilton completou o pódio.

Na largada, os 9 primeiros colocados mantiveram suas posições. Apenas Esteban Ocon e Sebastian Vettel ganharam 1 posição na largada. Lá atrás, Kevin Magnussen ganhou 3 posições e subiu para a 17ªposição, logo na frente de Sergio Perez. Lembrando que ambos tiveram de largar nas últimas posições. Na segunda volta, Gasly recuperou a posição em cima de Ocon. O francês tentou contra-atacar, mas o piloto da Alpha Tauri não permitiu a ultrapassagem.

Verstappen em 2 voltas colocou mais de 2 segundos a frente de Bottas e 4 segundos de frente de Hamilton. Enquanto isso, Albon passou a pressionar Norris, o tailandês precisava fazer uma boa corrida para tentar salvar seu emprego na Formula 1. A disputa pela 4ªposição durou até a 6ªvolta, foi quando o piloto da Red Bull superou o piloto da Mclaren, ganhando a posição. Na mesma volta, Ricciardo passou Ocon, recuperando a 10ªposição.

Na 8ªvolta, Stroll superou Kvyat, o piloto Russo perderia posição também para Gasly e passou a ser pressionado por Ricciardo. Os pneus macios dele terminaram.

Na 10ªVolta, Sergio Perez, já bastante atrás acabou deixando a corrida e parando o carro fosse retirado. Isso fez com que o Safety Car virtual entrasse na pista. Todo mundo foi para os boxes, com exceção de Daniel Ricciard, Sebastian Vettel, Charles Leclerc, Antonio Giovinazzi e Kevin Magnussen que ficaram na pista em estratégia diferente. Depois, o Safety Car entrou na pista e todo mundo se juntou. Verstappen, Bottas, Hamilton, Albon, Ricciardo, Norris, Leclerc, Sainz jr., Stroll, Gasly, Giovinazzi, Ocon, Kvyat, Magnussen, Raikkonen, Latifi, Russell e Fittipaldi.

Na volta 14, tivemos a relargada, com Vertappen, Bottas, Hamilton e os demais pilotos mantendo suas posições. Curvas depois, Sainz passou Leclerc ganhando a 8ªposição. Na volta seguinte, Ocon superou Giovinazzi, passando para a 11ªposição. Lance Stroll tentou superar Leclerc, mas o piloto da Ferrari conseguiu recuperar a posição, era o primeiro a dar o troco pós ser superado na reta oposta.

Enquanto isso, Sainz jr. passou Vettel e subiu para 7ªposição. Na 19ªvolta, Stroll acabou com a brincadeira e mandou para trás Leclerc, subindo para a 9ªposição. Na volta posterior, Leclerc é superado por Gasly e tira o piloto da zona de pontuação. Ao contraio do desempenho da Ferrari, o australiano Daniel Ricciardo rendia muito bem na 5ªposição, na frente de Norris. Apesar de pneus duros de 10 voltas a mais, o piloto da Renault não sentia problemas de desgaste de pneus.

Leclerc parou na 23ªVolta e voltou na última posição. Verstappen abriu 5 segundos sobre Bottas. Hamilton tentava se aproximar do piloto finlandês, que vinha mais rápido que britânico. Seria natural, já que Hamilton não estava recuperado totalmente da Covid-19, talvez Lewis tenha se precipitado em voltar a correr. Albon vinha 4º, muito na frente de Ricciardo, Norris e Sainz jr.

Vettel em 8º segurava a turma inteira, Stroll tentava de todo o jeito passar o piloto da Ferrari. Na volta 26, o filho de Lawrence Stroll passa reto da chicane, depois da 2ªreta oposta e acaba ficando vulnerável para a aproximação de Gasly. Mais atrás, Leclerc começava a ganhar posições, saindo da última posição. O Inglês George Russell fazia uma corrida bem honesta, na 14ªposição, logo a frente de Leclerc, que tinha superado Lafiti e Magnussen.

Na 29ªVolta, Gasly passou Stroll e levou a 9ªposição, Algumas voltas depois, o piloto da Alpha Tauri passou por Vettel, subindo para a 8ªposição. Enquanto isso, Verstappen abre 7.5 segundos sobre Bottas e quase 11 segundos a frente de Hamilton.

A 20 voltas do final, Vettel foi para os boxes para a parada obrigatória, voltando na 15ªposição. Leclerc passou Russell e logo passou a ir para cima de Kimi Raikkonen, disputando a 12ªposição. Ricciardo parou na 40ªVolta, o piloto da Renault abriu o bastante para voltar na 7ªposição, a frente de Gasly.

Leclerc brigando com Raikkonen pela 13ªposição e Vettel brigando pela 14ªposição com Russell, essa era uma imagem clara e que resume a imagem triste da temporada que a tradicional equipe teve nesse ano.

Nas voltas finais, pouca coisa aconteceu. Ocon passou a pressionar Stroll, disputa valendo a 9ªposição. Albon tentou uma aproximação na parte final em cima de Hamilton, mas faltava pouco tempo para o final da corrida e do campeonato.

Max Verstappen vence de ponta a ponta e termina o ano em alta, um ano em que o holandês teve muitos problemas mecânicos e de acidentes. A 10ªVitória da sua carreira, com uma atuação irretocável.  Que não foi o suficiente para tirar o vice-campeonato de pilotos das mãos de Valtteri Bottas, 2ºcolocado, com uma atuação sólida e sem problemas após as últimas corridas que foram muito complicadas para o piloto finlandês e de um ano também cheio de problemas mecânicos.

Lewis Hamilton segurou a 3ªposição, mesmo sem estar no melhor da sua forma assegurou mais um pódio no ano e na carreira, fechando o ano com uma incrível marca de 347 pontos nas 16 corridas que disputou, uma média de 21,68 pontos e com 124 pontos a frente de Bottas e 133 pontos a frente de Verstappen. Provavelmente esse foi o melhor ano  da carreira de Lewis Hamilton.

Alexander Albon chegou em 4ºlugar, na esperança de que seja o suficiente para provar que merece a permanência na Red Bull. Lando Norris e Carlos Sainz jr. chegaram em 5º e 6ºlugares, graças a regularidade, a Mclaren conquistou a 3ªposição no Mundial de construtores, seu melhor resultado desde da temporada de 2012. Uma incrível recuperação para a equipe tradicional de Woking, superando a Racing Point e a Renault.

Daniel Ricciardo fecha bem seu circulo na Renault com uma bela corrida de recuperação e a melhor volta da prova, mas que não foi nem de longe suficiente para levar a Renault além do 5ºlugar no Mundial de Construtores. Pierre Gasly fecha sua belíssima temporada com a 8ªposição, terminando o ano na 10ªposição e com mais prestígio do que na temporada passada.

Esteban Ocon disputou a 9ªposição nas  voltas finais com Lance Stroll e acabou conseguindo superar o piloto canadense, foi a última ultrapassagem da temporada, que rendeu ao piloto francês a 9ªposição. A Racing Point só conseguiu o único e solitário ponto em Abu Dhabi com o 10ºlugar de Stroll.

Danill Kvyat não levou sorte na questão do Safety Car, isso foi fatal para ele não conseguir chegar na zona de pontos na sua despedida da Alpha Tauri, ficando na 11ªposição. Kimi Raikkonen fez uma bela corrida dentro das condições da Alfa Romeo, o homem de gelo segurou Charles Leclerc e acabou ficando com a 12ªposição.

Charles Leclerc e Sebastian Vettel fecharam a temporada em 13º e 14ºlugares, um triste final de ano da Ferrari, 6ªcolocada no Mundial de Construtores. Vettel se despede em baixa da equipe italiana, mas pela porta da frente e sem perder a sua simpatia.

George Russell voltou a sua triste realidade de piloto da Williams, mas fez sua prova dignamente e terminou na 15ªposição, superando o italiano Antonio Giovinazzi da Alfa Romeo. Nicholas Latifi teve alguns momentos interessantes na corrida e acabou ficando na frente dos pilotos da Haas. Kevin Magnussen e Pietro Fittipaldi terminaram a corrida e o ano como os últimos colocados da corrida.

A Formula 1 só volta daqui a 3 meses com o GP da Austrália. Até lá, se espera que o Mundo tenha voltado razoavelmente ao normal e que tenhamos já saído do pesadelo da covid19.

Fotos:

Resultado final da última etapa do Mundial de Formula 1
17ª Etapa – GP de Abu Dhabi

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
133Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:36:28.645
277Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M11a 15.976s
344Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M11a 18.415s
423Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620Ha 19.987s
54Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 20a 1:00.729s
655Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 20a 1:05.662s
73Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 20a 1:13.748s
810Pierre Gasly Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620Ha 1:29.718s
931Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 20a 1:41.069s
1018Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedesa 1:42.738s
1126Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620Ha 1 volta
127Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 065a 1 volta
1316Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065a 1 volta
145Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065a 1 volta
1563George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M11a 1 volta
1699Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 065a 1 volta
176Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M11a 1 volta
1820Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 065a 1 volta
1951Pietro Fittipaldi Haas F1 TeamVF-20Ferrari 065a 2 voltas
11Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedesa 47 voltas

Melhor volta de Cada piloto – Daniel Ricciardo ganhou 1 ponto pela melhor volta da prova

posPilotoEquipeChassiMotorTemponº da volta
13Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:40.92655
233Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:40.95814
377Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:41.13140
423Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:41.22742
544Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:41.42037
65Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:41.47537
799Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:41.67529
851Pietro Fittipaldi Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:41.70750
918Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:41.86641
1016Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:41.90824
1155Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:41.94748
124Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:41.96453
1320Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:41.99950
147Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:42.14853
1510Pierre Gasly Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:42.47453
166Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:42.49749
1726Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:42.70447
1831Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:42.89447
1911Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:43.2636
2063George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:43.32854

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Mclaren/Renault/Alpha Tauri/Racing Point/Alfa Romeo/Haas/Williams

Sim, Stroll supera Verstappen e conquista 1ªpole position da carreira, O treino em Istambul foi um caos.

O sábado no circuito de Istambul, junto com as péssimas condições da pista proporcionaram uma classificação totalmente imprevisível e que teve o Canadense Lance Stroll, ainda debilitado por causa da Covid-19 tomando a pole position de Max Verstappen, num dia que o holandês da Red Bull sobrava e a Mercedes não conseguiu se adaptar as condições da pista.

Logo nos primeiros momentos, Verstappen rodou com os pneus intermediários, mas a pista estava com muita água, muita mesma, Acertou quem usou os pneus de chuva pesada. Bottas chegou a fazer uma boa volta, mas acabou tendo sua volta anulada. Ocon passou a ser o líder, com uma boa feita em 2 minutos e 6 segundos, Bottas vinha em 2º, proveniente de uma volta na primeira passagem. Visto que a pista estava piorando, os pilotos com pneus intermediários foram colocando os pneus de chuva pesada, mas isso não foi o bastante para que se evitasse a bandeira vermelha a 6:56 do final. Ocon era o líder, com Bottas, Stroll, Hamilton e Perez nas 5 primeiras posições. Verstappen estava em 15ºlugar, numa situação bem complicada, mais complicada estava Leclerc em 16º e Gasly em 18º que estavam naquele momento eliminados.

Foram mais de 40 minutos de atraso, até que o treino recomeça, Verstappen e Albon foram os primeiros a entraram na pista para tentarem se garantir, mas eis que quando estavam na metade da volta, que por sinal era boa, Romain Grosjean roda na curva 1 e vai para a brita. Nova bandeira vermelha a 3:30 do final. Sem mudanças, Verstappen, Leclerc e Gasly estavam numa roubada, só teria uma chance de sair da situação incomoda.

Minutos depois, o treino recomeçou e Verstappen foi o primeiro a sair da pista para uma última tentativa. Nessa tentativa foi certeira, Max fez o melhor tempo do Q1 e Albon o segundo melhor tempo. Os dois pilotos da Mercedes não conseguiram melhorar seus tempos. Bottas ficou em 9º e Hamilton ficou em 14ºlugar e quase ficou de fora do Q2. Os pilotos que saíram do treino foram Kevin Magnussen, Danill Kvyat que rodou várias vezes no final de semana, George Russell que vai largar da última posição por trocar componentes do seu motor, Romain Grosjean e Nicholas Latifi.

Resultado do Q1:

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
133Max Verstappen  Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:57.485 
223Alexander Albon  Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:59.431 
37Kimi Räikkönen Alfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0652:01.249 
45Sebastian Vettel  Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0652:03.356 
516Charles Leclerc  Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0652:04.464 
610Pierre Gasly  Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H2:05.579 
73Daniel Ricciardo  Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 202:05.598 
831Esteban Ocon  Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 202:06.115 
977Valtteri Bottas  Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M112:07.001 
104Lando Norris  McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 202:07.167 
1199Antonio Giovinazzi Alfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0652:07.341 
1218Lance Stroll  BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes2:07.467 
1355Carlos Sainz  McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 202:07.489 
1444Lewis Hamilton  Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M112:07.599 
1511Sergio Perez  BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes2:07.614 
1620Kevin Magnussen  Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0652:08.007 
1726Daniil Kvyat  Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H2:09.070 
1863George Russell  Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M112:10.017 
198Romain Grosjean  Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0652:12.909 
206Nicholas Latifi  Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M112:21.611 

Com a pista melhor, o Q2 aconteceu e o que se viu foi um passeio de Max Verstappen em todos os momentos. Mas a se falar, começaram o Q2 ainda com o guindaste levando o carro de Nicholas Latifi para fora da pista. A Organização do GP da Turquia nesse ano foi primorosa em termos de amadorismo e de falta de competência levada ao extremo.

Verstappen e Albon vinham muito bem com os carros da Red Bull, que se adaptou muito melhor a pista, mas durante o Q2, A Racing Point se revelou que poderia ser a grande adversária da equipe austríaca. Perez e Stroll estiveram por muito tempo na frente.

Ao final da sessão, Os dois primeiros colocados ficaram com Verstappen e Albon. Lewis Hamilton conseguiu o milagre de se colocar em 3º, mas muito distante do tempo dos piloto da Red Bull. Stroll ficou com uma boa 4ªposição.

A surpresa foi Antonio Giovinazzi marcando o 5ºtempo e juntamente do homem de gelo com o 8ºtempo levaram a Alfa Romeo pela primeira vez ao Q3. Entre os dois ficaram Esteban Ocon da Renault e Valtteri Bottas da Mercedes. Sergio Perez e Daniel Ricciardo completaram os piloto que iriam para a fase final.

Leclerc e Vettel com a Ferrari, Norris e Sainz jr. com a Mclaren sucubiram devido aos seus equipamentos e acabaram eliminados do Q2. Pierre Gasly por mais que tenha tentado, as deficiências da Alpha Tauri na chuva se mostraram maiores e o francês ficou em 15º e último da 2ªfase da classificação.

Resultado do Q2:

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
133Max Verstappen  Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:50.293 
223Alexander Albon  Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:52.282 
344Lewis Hamilton  Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:52.709 
418Lance Stroll  BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:53.372 
599Antonio Giovinazzi Alfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:53.431 
631Esteban Ocon  Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:53.657 
777Valtteri Bottas  Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:53.767 
87Kimi Räikkönen Alfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:53.793 
911Sergio Perez  BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:54.097 
103Daniel Ricciardo  Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:54.278 
114Lando Norris  McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:54.945 
125Sebastian Vettel  Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:55.169 
1355Carlos Sainz  McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:55.410 
1416Charles Leclerc  Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:56.696 
1510Pierre Gasly  Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:58.556 

A Red Bull nunca foi tão favorita a pole position como era nesse Q3, a Mercedes não estava bem de forma nenhuma. Verstappen em sua primeira volta marcou 1:52.326, conforme os outros pilotos foram fazer suas voltas, parecia que a pole position seria mesmo do Verstappen, mas ele teria os pilotos da Racing Point como adversários e adversários bem improváveis.

Stroll chegou perto com 1:53.832, mas ainda Verstappen tinha grande vantagem, mas a menos de 7 minutos do final, Perez marcou 1:52.037 e acabou tomando a pole position do piloto Holandês. O pesadelo da Mercedes era visível, Bottas era apenas o 6º e Hamilton vinha em 8º.

Verstappen decidiu jogar tudo ou nada e colocou os pneus intermediários, enquanto outros pilotos tentavam entrar nessa disputa, apesar das boas voltas de Daniel Ricciardo e Lewis Hamilton.

A 1 minuto e 15 segundos do final, Perez aumenta sua vantagem na liderança com 1:49.321, Enquanto que Verstappen não conseguia achar uma boa volta. O Mexicano estava com a pole nas mãos, até que nos últimos momentos, Lance Stroll acabou marcando uma brilhante volta de 1:47.765. O suspense ficou no circuito até a volta final de Verstappen, que acabou indo bem, mas só marcou 1:48.055, insuficiente para evitar a primeira pole do canadense em sua carreira.

A Racing Point levou a pole e quebrou a sequência de 14 GPs seguidos com um carro da Mercedes na pole position. Um inconformado Max Verstappen vai largar em 2º, Ele era o favorito a pole position pelo desempenho que mostrou no final de semana inteiro.

A Segunda fila repete o duelo entre Racing Point e Red Bull. Sergio Perez larga em 3º e Alexander Albon que foi tão bem no final de semana larga em 4º. Se o tempo for de chuva amanhã, as duas equipes devem duelar pela vitória.

Daniel Ricciardo da Renault larga em 5º e vai dividir a terceira fila com o inglês Lewis Hamilton que por incrível que pareça, esta bem perto do título, já que Valtteri Bottas não foi além do 9ºlugar e pela tendência de amanhã, vai ser difícil Bottas tirar 8 pontos de vantagem sobre Lewis, principalmente se tivemos pista molhada.

Esteban Ocon da Renault e Kimi Raikkonen da Alfa Romeo largam na 4ªfila e Valtteri Bottas e Antonio Giovinazzi largam na 5ªfila. Amanhã as 7 da manhã, será dada a largada para o GP da Turquia, a prova que pode dar o 7ºTítulo Mundial de Formula 1 para Lewis Hamilton.

Fotos:

Grid de Largada:
GP da Turquia – 14ªEtapa do Mundial de Formula 1

posPilotoEquipeChassiMotorTemponºvoltas
118Lance Stroll Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:47.76522
233Max Verstappen BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:48.05526
311Sergio Perez Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:49.32121
423Alexander Albon BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:50.44826
53Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:51.59526
644Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:52.56023
731Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:52.62226
87Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:52.74527
977Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:53.25823
1099Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:57.22626
115Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:55.16918
1216Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:56.69618
1310Pierre Gasly Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:58.55617
1420Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0652:08.00710
154Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:54.94518
1655Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:55.41018
1726Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H2:09.0708
188Romain Grosjean Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0652:12.9099
196Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M112:21.6117
2063George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M112:10.0179

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Mclaren/Renault/Alpha Tauri/Racing Point/Alfa Romeo/Haas/Williams

GP da Toscana – Hamilton chega a sua 90ªVitória da carreira em corrida caótica

Depois de uma classificação normal do sábado, nós vamos para o caos da corrida do domingo, um verdadeiro caos, principalmente na primeiras voltas das 59 voltas previstas no domingo de tarde na Toscana.

Na largada, Valtteri Bottas larga melhor que Hamilton e vai para a ponta, Verstappen que poderia tirar posição do Hamilton, acabou caindo várias e várias posições, Quando Verstappen vinha na 12ªposição, O Holandês é tocado pelo Kimi Raikkonen e acaba rodando e indo para a brita…

… mas isso não é a única ocorrência que aconteceria, Pierre Gasly ficou totalmente encaixotado e espremido por Kimi Raikkonen e Romain Grosjean. O piloto da Alpha Tauri foi para o muro e o piloto da Haas escapou e chegou a bater, mas o danado do francês voltou a corrida. Entre as curvas 3 e 4, Carlos Sainz jr. roda e Sebastian Vettel  acaba tocando no piloto espanhol, quebrando a sua asa dianteira.

Depois de tudo isso, o Safety Car entrou na pista. O incidente do Verstappen na largada eu tenho certeza que foi por causa de problemas de potência, já que sua equipe trabalhou já no grid para tentar resolver um problema eletrônico no motor Honda. Certamente isso afetou os 30 segundos de corrida do piloto Holandês. Raikkonen e Vettel tiveram que parar nos boxes para repararem danos nos seus carros e caíram lá para trás.

Depois de 6 voltas, a corrida iria recomeçar, mas um problema sério aconteceu. Bottas vinha aquecendo seus pneus, e fazia isso até chegar perto da largada. Só quando chega a uns 100 metros da linha de largada é que os pilotos são autorizados a acelerarem. Isso gera um problema na relargada. Kevin Magnussen freia demais e acabou Carlos Sainz jr., Antonio Giovinazzi e Nicholas Latifi não conseguindo evitar o acidente. Os 4 pilotos acabaram abandonando e por causa desse acidente acabou a prova sendo interrompida. Em 8 voltas, já tinha 2 acidentes, 6 abandonos e poucos segundos de corrida.

Forma mais de 30 minutos para tudo ficar pronto para a segunda largada. Nessa segunda largada, Bottas largaria na pole, com Verstappen em 2º, Leclerc em 3º e depois Albon, Stroll, Ricciardo, Stroll, Norris, Kvyat, Russell, Raikkonen, Vettel e Grosjean. Esteban Ocon não voltou para a pista, abandonou por problemas os freios.

Na 2ªLargada, Bottas largou bem, mas Hamilton fez uma largada impressionante, ultrapassou por fora o piloto Finlandês e passou para a liderança. Leclerc largou bem e se segurou em 3º. Devo dizer, que Hamilton aqueceu demais os freios e isso ajudou o líder do campeonato a arrancar melhor. Stroll, Perez e Ricciardo superaram Albon. O piloto tailandês caiu da 4ª para a 7ªposição. Norris, Kvyat e Raikkonen completava as 10 primeiras posições.

Leclerc começaria a sofrer com as deficiências da sua Ferrari, Logo ele começa a ser pressionado pelo Lance Stroll, com muito mais carro que o carro do piloto Monegasco. Enquanto que Hamilton e Bottas estavam disparando na frente. Daniel Ricciardo foi para cima de Sergio Perez, o piloto Australiano num ótimo momento acabou superando o mexicano (que vive em um momento de baixa) e ganhando a 5ªposição.

Enquanto isso, Leclerc resistia aos ataques de Stroll, mas isso não duraria para sempre. Na volta 18, Stroll passa para a 3ªposição, superando o piloto da Ferrari por fora. Nas próximas voltas, o monegasco foi superado por Ricciardo (na 19ªVolta), por Albon (na 20ªVolta) e por Perez (na 21ªVolta). Em poucas voltas, Leclerc perdeu 4 posições em 4 voltas. Na volta 22ª Leclerc foi para os boxes colocar os pneus duros, não iria ser fácil ficar 38 voltas com o mesmo pneu, mesmo com os pneus mais duros disponíveis.

Lá na frente, Hamilton vinha na frente, mas Bottas vinha se aproximando, querendo uma briga pela liderança da corrida. Os dois vinha 13 segundos a frente de Lance Stroll, Daniel Ricciardo começava a se aproximar do piloto da Racing Point. Albon vinha em 5º, também querendo se aproximar de uma disputa pelo pódio.

Na 28ªVolta, Norris supera Perez e ganha a 6ªposição, enquanto que Ricciardo realiza a sua parada nos boxes, assim como Kimi Raikkonen. Na 30ªVolta, Norris, Kvyat e Russell pararam e colocaram novos pneus.

Valtteri Bottas teve desgaste excessivo de seus pneus, consequência disso é que Hamilton aumentou sua vantagem para 8 segundos, A Mercedes não teve dúvida em atender o pedido para o finlandês ir para os boxes na 32ªVolta, Mais uma vez a equipe Alemão faz um trabalho excelente e devolve o piloto na 3ªposição, Atrás de Alexander Albon que acabou parando na volta seguinte, Assim como Hamilton o fez. Dessa forma, a classificação em Mugello voltou a ser Hamilton e Bottas. A novidade era Daniel Ricciardo na terceira posição, em busca do seu primeiro pódio na equipe francesa. Porém, Lance Stroll e Alexander Albon vinham próximo do piloto da Renault.

Enquanto isso, na 35ªVolta, Raikkonen superou Grosjean, subindo para a 12ªposição, Bottas fazia volta mais rápida em cima de volta mais rápida, fazendo a diferença cair para 6.5 segundos. Porém, Lewis continuava seguro na liderança.

Leclerc, pressionado por Danill Kyvat acabou indo para os boxes pela 2ªvez na volta 38, o piloto da Ferrari voltou na 11ªVolta. Duas voltas depois, Albon faz a volta mais rápida da prova e se aproxima de Lance Stroll que vinha próximo de Daniel Ricciardo. Com o pódio encaminhado para Hamilton e Bottas, Riccardo, Stroll e Albon disputava o último lugar no pódio.

Na 43ªVolta, Lance Stroll escapou e acabou indo para o muro, o Safety Car entrou na pista, Todo mundo aproveitou para ir aos boxes fazer uma nova parada. Alguns minutos depois, por ter danificado a barreira de proteção de pneus a bandeira vermelha foi acionada. Lance Stroll estava bem e não sofreu nada de mais grave.

Foram mais 20 minutos de paralização pelo menos até que a pista fosse liberada para uma terceira largada para as últimas 13 voltas. Raikkonen e Grosjean foram para a pista um pouco antes para recuperar a volta perdida.

Nessa terceira largada, Hamilton largou bem e manteve a liderança, Ricciardo teve a melhor largada e superou Bottas que não largou tão bem assim. Depois vinham Albon, Perez, Norris e Kvyat. Raikkonen foi punido em 5 segundos por ter entrado nos boxes de maneira inadequada logo depois do acidente de Lance Stroll.

No começo da 48ªvolta, Bottas supera Ricciardo e volta a ter possibilidades de disputar a vitória. Ricciardo ficou mais para Alexander Albon. Na 51ªVolta, o piloto tailandês superou Ricciardo e passou a ser o terceiro colocado, Naquele momento, o piloto da Red Bull vinha conquistando seu primeiro pódio da carreira.

Nas voltas seguintes, Albon chegou a ameaçar a segunda posição de Bottas, mas o Finlandês reagiu na volta 54 e marcou a volta mais rápida da corrida, além de se afastar do perigo do piloto da Red Bull, passou a se aproximar de Lewis Hamilton.

Na parte final de corrida, George Russell tentava na raça entrar na zona de pontuação, mas era difícil, mesmo com um ruim, a Ferrari de Vettel era melhor que a Williams do próprio Russell.

Após 59 voltas, Lewis Hamilton chegou a 90ªvitória na carreira. Agora Lewis esta a 1 vitória do recorde que pertence a Michael Schumacher. Foi a 6ªVitória na temporada em 9 corridas, se encaminhando para o 7ºtítulo mundial. O finlandês Valtteri Bottas teve uma corrida boa, que passou por altos e baixo, mas conseguiu até com certa folga a 2ªposição e abriu boa vantagem na vice-liderança do campeonato com 135 pontos contra 110 de Max Verstappen.

Alexander Albon conquistou o primeiro pódio da carreira, Numa corrida que não começou bem, mas que o Tailandês foi evoluindo com o decorrer das voltas e acabou no final chegando a 3ªposição. Um resultado que alivia a pressão sobre o piloto da equipe Austriaca. Daniel Ricciardo mais uma vez  viu o pódio escapar das suas mãos, o Australiano que chegou a ficar em 3ºlugar acabou ficando em 4ºlugar.

Sergio Perez fez uma corrida apagada, mas levou seu carro até a 5ªposição. Lando Norris teve também uma prova apagada, mas muito mais por causa do carro da Mclaren que não se comportou bem em Mugello, o britânico ficou em 6ºlugar. Daniil Kvyat teve um bom final de semana e levou a Alpha Tauri para uma respeitável 7ªposição.

Charles Leclerc se favoreceu da punição de Kimi Raikkonen e acabou em 8ºlugar. Convenhamos, muito pouco para a Ferrari e muito pouco para o que o monegasco fez nesse final de semana, falta muito carro para a equipe italiana que esta esperando apenas chegar 2021 para poder melhorar o motor e o carro desse ano que é um desastre.

Kimi Raikkonen conquistou seus dois primeiros pontos na temporada com o 9ºlugar. Fechando a zona de pontuação tristemente o Alemão Sebastian Vettel com sua Ferrari, ficando 3 segundos a frente de George Russell, pela terceira vez na temporada, a Williams bateu na trave na zona de pontuação. O piloto inglês ficou em 11ºlugar, na frente de Romain Grosjean, que levou o problemático carro da Haas.

No pódio, Lewis Hamilton vestiu a camisa cobrando justiça pela paramédica Breonna Taylor, morta brutalmente por policiais norte-americanos que invadiram o seu apartamento, dando 8 tiros na jovem de 26 anos no dia 13 de Março. Isso segundo o regulamento da FIA se configura como manifestação política e o caso deverá ser investigado pela Federação Internacional de Automobilismo.

Agora convenhamos, como é que a Entidade pode fazer isso com piloto que tem como objetivo dar um basta no racismo. Que moral tem a FIA em fazer isso, num esporte que tem sua natureza elitista. Um mundo em que a maioria são brancos, que já é bem difícil achar mulheres, muito mais negros e outras etnias. Acho que a FIA deveria se preocupar em como acabar com o racismo no automobilismo. Deveriam reforçar a campanha contra o racismo.

Caso haja uma punição a Lewis Hamilton só vai reforçar que a campanha da FIA para o fim do racismo é só uma campanha de faxada, que a mentalidade continua a mesma de antes, Elitista e ultrapassada, chegando aos tempos de Bernie Ecclestone, o antigo comandante que um dia elogiou ditadores como Adolf Hitler.

Daqui a 2 semanas teremos o GP da Rússia de Formula 1, 10ªEtapa do Mundial. A etapa que pode fazer Hamilton igualar as 91 vitórias de Michael Schumacher.

Fotos:

Resultado Final da 9ªEtapa do Mundial de Formula 1
GP da Toscana – 59 Voltas

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
144Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M112:19:35.060
277Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M11a 4.880s
323Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620Ha 8.064s
43Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 20a 10.417s
511Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedesa 15.650s
64Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 20a 18.883s
726Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620Ha 21.756s
816Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065a 28.345s
97Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 065a 29.770s
105Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065a 29.983s
1163George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M11a 32.404s
128Romain Grosjean Haas F1 TeamVF-20Ferrari 065a 42.036s
18Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedesa 17 voltas
31Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 20a 52 voltas
6Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M11a 53 voltas
20Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 065a 54 voltas
99Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 065a 54 voltas
55Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 20a 54 voltas
33Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620Ha 59 voltas
10Pierre Gasly Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620Ha 59 voltas

Melhor Volta de cada piloto – Lewis Hamilton ganha 1 ponto pela melhor volta da corrida

posPilotoEquipeChassiMotorTemponº da volta
144Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:18.83358
277Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:19.43253
323Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:20.03951
43Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:20.42657
511Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:20.63259
67Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:21.16459
74Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:21.19859
85Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:21.20259
916Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:21.22950
1026Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:21.45851
1163George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:21.64558
1218Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:22.06842
138Romain Grosjean Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:22.26359
146Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M112:11.3656
1531Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 202:11.7936
1699Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0652:13.8094
1720Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0652:13.8124
1855Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 202:14.1035

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Mclaren/Renault/Alpha Tauri/Racing Point/Alfa Romeo/Haas/Williams

Perez diagnosticado com COVID-19, Hulkenberg substitue o mexicano em Silverstone e Stroll lidera treinos de sexta

A Formula 1 chegou a Silverstone já com uma bomba, Sergio Perez foi diagnosticado com COVID-19 e sem perda de tempo foi colocado em quarentena assim como 3 mecânicos da Racing Point que tiveram contato com o mexicano. Nenhum deles estava em Silverstone e por isso não será afetada a programação dos dois finais de semana seguidos no local onde a Formula 1 fez sua primeira corrida da história em 1950.

Perez com Covid-19, A bolha da Formula 1 não falhou, mas sim o piloto que saiu da bolha da categoria para visitar sua mãe (que teria se acidentado lá no México), mas ele acabou estendendo sua escapada para a Itália e acabou indo a restaurantes e tirou foto com seus fans. Uma roteiro ideal para fazer o teste do Covid-19 e o resultado ser positivo. O piloto mexicano vai ficar de fora de pelos menos 2 corridas (As duas corridas em Silverstone).

Valtteri Bottas e Charles Leclerc acabaram furando essa bolha, mas eles foram para suas casas, apesar deles terem encontrado amigos e companheiras por lá. Os dois justificaram suas saídas. Ainda bem que ambos não foram contaminados, o mesmo não aconteceu com Perez que agora precisa cuidar de sua saúde.

O que agora pode acontecer com o Perez? Não falo da sua recuperação que espero que ele se recupere, mas o que pode acontecer a carreira do Perez depois do coronavirus, o que vai acontecer caso ele tenha sequelas da doença? Eu acho que se ele tiver sequelas internas (Como problemas com os pulmões ou até mesmo problemas cardíacos) devido à doença ele pode não voltar ao nível de pilotagem que ele estava nessa temporada.

A Racing Point não demorou muito para indicar Nico Hulkenberg como substituto de Sérgio Perez. Foi à escolha mais acertada já que Nico correu pela antiga Force India nas temporadas de 2012, 2014, 2015 e 2016 e teve algum sucesso. A missão do piloto alemão para a classificação e a corrida do domingo não vai ser das mais fáceis. Visto que Stroll vem andando muito bem e marcou o melhor tempo da sexta-feira. Hulkenberg ficou a 6 décimos do tempo do filho de Lawrence Stroll vem de uma ótima corrida a 2 semanas em solo Húngaro.

A Red Bull pode ser o diferencial nesse final de semana. O melhor tempo de Max Verstappen pela manha e o 2ºlugar de Albon pela tarde significa esperanças para a Red Bull de diminuir a diferença favorável à equipe Mercedes. Tanto Hamilton como Bottas não mostraram todo o potencial da Mercedes em uma volta rápida. Se o desempenho dos pilotos da Mercedes fosse pra valer dificilmente não iriam ficar com as duas primeiras posições.

Apesar das boas posições do Leclerc nas sessões de sexta, a Ferrari teve um dia complicado e problemático com Sebastian Vettel, que não treinou na primeira sessão, com problemas do sistema de arrefecimento do motor. Na segunda sessão, problemas no pedais e um carro desequilibrado fez com que o Alemão ficasse em 18ºlugar, a frente apenas de Kevin Magnussen da Haas e de Nicholas Latifi da Williams.

Alexander Albon depois de marcar o 2ºtempo acabou batendo. O piloto Tailandês esta sobre pressão. E a já conhecida impaciência dos dirigentes da Red Bull por resultados. Possivelmente a excessiva pressão que os pilotos da Red Bull e Alpha Tauri sofrem faça eles terem um desempenho pior do que eles deveriam ter. A muito tempo que a cabeça dos dirigentes dessas duas equipes que pertence ao dono da marca Dietrich Mateschitz e seu Helmut Marko que age feito um carrasco de carreira de pilotos.

Amanhã, teremos as 7 da Manhã o terceiro treino livre. As 10 da manhã teremos a classificação para a formação do Grid de largada do GP da Inglaterra, a primeira das duas corridas que vão ser feitas no circuito da primeira corrida da história da Formula 1.

Fotos:

Sexta – Silverstone 1

Resultado dos Treinos Livres de Sexta-Feira

1ºTreino Livre

posPilotoEquipeChassiMotorTemponº de Voltas
133Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:27.42227
244Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:27.89627
318Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:28.00422
423Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:28.12924
516Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:28.22122
677Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:28.51929
731Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:28.55926
83Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:28.57522
927Nico Hulkenberg BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:28.59223
1026Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauri HondaAT01Honda RA620H1:28.86821
1110Pierre Gasly Scuderia AlphaTauri HondaAT01Honda RA620H1:28.90924
1255Carlos Sainz jr. McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:28.98824
134Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:28.99022
1420Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:29.53223
158Romain Grosjean Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:29.57625
167Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:29.74624
1763George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:29.89923
1899Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:29.92517
196Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:30.70320
205Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065Sem Tempo2

2ºTreino Livre

posPilotoEquipeChassiMotorTemponº de Voltas
118Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:27.27429
223Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:27.36413
377Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:27.43130
416Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:27.57030
544Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:27.58127
655Carlos Sainz jr. McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:27.82035
727Nico Hulkenberg BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:27.91028
810Pierre Gasly Scuderia AlphaTauri HondaAT01Honda RA620H1:27.99731
93Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:28.11230
107Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:28.15935
114Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:28.16926
1231Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:28.21935
1399Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:28.25631
1433Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:28.39023
1526Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauri HondaAT01Honda RA620H1:28.42629
168Romain Grosjean Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:28.56427
1763George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:28.77126
185Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:28.86023
1920Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:28.89827
206Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:29.95835

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Red Bull/Mercedes/Renault/Racing Point/Alpha Tauri/McLaren/Haas/Williams/Ferrari

Corridas Históricas – GP da Malásia de 2009

No quentíssimo circuito de Sepang, Em Kuala Lumpur foi realizada a 11ªEdição do GP da Malásia nos dias 3, 4 e 5 de Abril de 2009. Uma prova marcada por muitos erros de grandes equipes e pela chuva que acabou deixando a prova mais curta, tudo por culpa de uma exigência comercial de horário para o começo da prova. Jenson Button conquistou a pole position e a vitória.

Classificação do Sábado:

Q1, Nico Rosberg foi o mais rápido do Treino da manhã era um grande candidato a pole position. Toyota e Ferrari estavam com bons desempenhos e a Brawn um pouco mais atrás nos treinos livres.

Sebastian Vettel foi punido com 10 posições por ter sido considerado culpado pelo acidente que provocou com Robert Kubica no final do GP da Austrália. Rubens Barrichello perdeu 5 posições por trocar o Câmbio por ter entrado no Neutro na largada do GP da Austrália.

De começo, Os pilotos da Ferrari foram para a pista já para garantir lugar no Q2. Outros pilotos como Fisichella, Sutil, Bourdais e Nakajima buscaram escapar da eliminação. Aos poucos os favoritos foram para a pista, Rosberg já deu as cartas e já foi fazer o melhor tempo no 5ºminuto do Q1. Tempo logo superado por Alemão Adrian Sutil da Force India por poucos milésimos.

A 14 minutos e 37 segundos do final, Raikkonen faz 1:35.476 e coloca 1 segundo de frente para Sutil, Massa quase um minuto depois marcou o 3ºtempo, A 4 décimos do homem de gelo e atrás de Jenson Button. O vencedor do GP da Austrália marcou o melhor tempo a menos de 13 minutos do final.

Enquanto um piloto inglês vivia seu melhor momento na Formula 1, Um outro vivia um inferno astral, Lewis Hamilton foi criticado pelos jornais ingleses. Não só o piloto como a equipe. Isso por que no GP da Austrália, A equipe pediu para que Trulli passasse o piloto Inglês e fingisse que o Italiano acabou fazendo uma manobra ilegal. Isso acabou ocasionando em punição a Trulli em principio. Porém descoberta a farsa o piloto acabou desclassificado e Trulli recuperou o 3ºlugar. Além disso o carro da Mclaren era ruim e não havia grandes expectativas de bom desempenho.

Button e Barrichello estavam nas duas primeiras posições, Com Raikkonen e Massa em 3º e 4ºlugares. A Ferrari achou que os tempos de seus pilotos eram o suficiente para passar ao Q2. Sutil e Bourdais se esforçavam para manter se nos 15 primeiros lugares. Fernando Alonso com problemas de Infecção no ouvido estava no sacrifício, tentando uma boa classificação.

A 6 minutos do final os classificados eram: Button, Nakajima, Barrichello, Raikkonen, Kovalainen, Massa, Vettel, Trulli, Hamilton, Alonso, Webber, Glock, Buemi, Kubica e Bourdais. Sutil, Heidfeld, Rosberg, Fisichella e Piquet estavam eliminados.

Nelsinho Piquet fez uma boa volta para subir a 7ªposição, Jogando Bourdais para a zona de eliminação. Rosberg precisava de um tempo para sair da zona de eliminação e acabou saindo com sobras, marcando o 3ºtempo. A 3 minutos e 16 do final, Trulli marca 1:34.745 e assume a liderança. A Toyota vinha muito forte, O Drama era para Kubica e Heidfeld que vinham fora do Q2. A situação dos pilotos da Red Bull não era das melhores, os dois precisavam melhorar para não correrem riscos. A 1 minutos do final, Vettel passou para o 3ºlugar e Webber superou Vettel e passou para o 2ºlugar.

Nos segundos finais, Barrichello marcou 1:34.681 e subiu do 6º para o 1ºlugar. No final da classificação Kubica e Heidfeld subiram para os 15 primeiros lugares. No final da Classificação, supreendentemente Felipe Massa, Nelson Ângelo Piquet, Giancarlo Fisichella, Adrian Sutil e Sebastien Buemi. Pior que isso é que Raikkonen ficou com o 14ºlugar. A Tática da Ferrari foi desastrosa, achando que os tempos marcados dos dois pilotos davam para levar ambos para o Q2.

Resultado do Q1:

posPilotoEquipeChassisMotorTempo
123 Rubens BarrichelloBrawnBGP 001Mercedes FO 108W1:34.681
29 Jarno TrulliToyotaTF109Toyota RVX-091:34.745
310 Timo GlockToyotaTF109Toyota RVX-091:34.907
415 Sebastian VettelRed BullRB5Renault RS271:34.935
52 Heikki KovalainenMcLarenMP4-24Mercedes FO 108W1:35.023
614 Mark WebberRed BullRB5Renault RS271:35.027
722 Jenson ButtonBrawnBGP 001Mercedes FO 108W1:35.058
816 Nico RosbergWilliamsFW31Toyota RVX-091:35.083
96 Nick HeidfeldBMW SauberF1.09BMW P86/91:35.110
105 Robert KubicaBMW SauberF1.09BMW P86/91:35.166
117 Fernando AlonsoRenaultR29Renault RS271:35.260
121 Lewis HamiltonMcLarenMP4-24Mercedes FO 108W1:35.280
1317 Kazuki NakajimaWilliamsFW31Toyota RVX-091:35.341
144 Kimi RäikkönenFerrariF60Ferrari 0561:35.476
1511 Sébastien BourdaisToro RossoSTR4Ferrari 0561:35.507
163 Felipe MassaFerrariF60Ferrari 0561:35.642
178 Nelson Piquet, Jr.RenaultR29Renault RS271:35.708
1821 Giancarlo FisichellaForce IndiaVJM02Mercedes FO 108W1:35.908
1920 Adrian SutilForce IndiaVJM02Mercedes FO 108W1:35.951
2012 Sébastien BuemiToro RossoSTR4Ferrari 0561:36.107

Jenson Button vence na Malásia, em corrida sensacional em Sepang, interrompida pela chuva

No Q2, Aos poucos, os pilotos foram entrando para a pista, Com o céu um pouco mais escuro, era bom que todos marcassem tempo logo. Nakajima era o primeiro a abrir volta e acabou marcando o tempo de 1:35.118. Já Raikkonen foi para fora da pista e perdeu tempo. Enquanto que Heidfeld e Kubica fizeram os dois primeiros tempos, Até que a 10 minutos e 50 segundos do final do Q2, Jenson Button superou ambos e marcou 1:34.409, passando para a liderança.

Um dos Favoritos a pole, Jarno Trulli superou Button e fez 1:34.250 e Rubens Barrichello passou para o 2ºtempo. Faltava o Rosberg para marcar um tempo, A 8 minutos e 35 segundos do final, O alemão marcou 1:34.547, ficando com o 5ºtempo.

Na Metade do Q2 a Classificação era: Trulli, Vettel, Button, Barrichello, Webber, Rosberg, Heidfeld, Raikkonen, Alonso e Hamilton vinham nas 10 primeiras posições. Kovalainen, Kubica, Nakajima, Glock e Bourdais estavam eliminados.

Kovalainen tentando levar a sua Mclaren para o Q3, mas era difícil. O carro era ruim nesse começo de temporada, Já Raikkonen subiu do 8º para o 6ºtempo a 2 minutos e 10 segundos do final.

Praticamente todo mundo foi para a pista na reta final. O inglês Jenson Button rompeu a barreira do 1 minuto e 34 segundos e acabou marcando 1:33.704, voltando para a ponta.  Glock marcou o 6ºtempo. Hamilton fez uma última tentativa de volta para entrar nos 10 primeiros colocados, Porém foi Alonso que conseguiu levar a Renault no Q3, nas costas. Superando Nakajima que foi uma surpresa com a Williams (Que vinha muito bem no começo de temporada) e Nick Heidfeld.

Button ficou com o melhor tempo, 2 décimos na frene de Jarno Trulli. Webber vinha em 3º com sua Red Bull. Glock, Vettel, Barrichello, Raikkonen, Rosberg, Kubica e Alonso classificaram para o Q3. Heidfeld, Nakajima, Hamilton, Kovalainen e Bourdais acabam eliminados.

Resultado do Q2:

posPilotoEquipeChassisMotorTempo
122 Jenson ButtonBrawnBGP 001Mercedes FO 108W1:33.784
29 Jarno TrulliToyotaTF109Toyota RVX-091:33.990
314 Mark WebberRed BullRB5Renault RS271:34.222
410 Timo GlockToyotaTF109Toyota RVX-091:34.258
515 Sebastian VettelRed BullRB5Renault RS271:34.276
623 Rubens BarrichelloBrawnBGP 001Mercedes FO 108W1:34.387
74 Kimi RäikkönenFerrariF60Ferrari 0561:34.456
816 Nico RosbergWilliamsFW31Toyota RVX-091:34.547
95 Robert KubicaBMW SauberF1.09BMW P86/91:34.562
107 Fernando AlonsoRenaultR29Renault RS271:34.706
116 Nick HeidfeldBMW SauberF1.09BMW P86/91:34.769
1217 Kazuki NakajimaWilliamsFW31Toyota RVX-091:34.788
131 Lewis HamiltonMcLarenMP4-24Mercedes FO 108W1:34.905
142 Heikki KovalainenMcLarenMP4-24Mercedes FO 108W1:34.924
1511 Sébastien BourdaisToro RossoSTR4Ferrari 0561:35.431

Raikkonen de cara foi para a pista, assim que começou os 10 minutos finais da classificação. Button, Trulli e Rosberg são os favoritos a pole. Barrichello por perder 5 posições por trocar o câmbio e Vettel por ter sido punido com 10 posições ficam de fora dessa disputa.

A 6 minutos e 40 segundos do final, Raikkonen fez 1:37.020, Longe de fazer um tempo para disputar o título. Rosberg e Barrichello superaram fácil o piloto da Ferrari. A 6 minutos do final, Trulli marcou o melhor tempo. Porém, 30 segundos depois, Button fez 1:35.773, a mais de 2 décimos de vantagem sobre o principal piloto da Toyota.

Vettel superou Trulli e passou para o segundo lugar e Webber foi para o 4ºlugar. A 4 minutos do final, Jarno Trulli superou em 4 milésimos o tempo de Button. Vettel (a 0.200), Webber (a 0.543), Barrichello (a 0.651), Glock (a 0.843), Rosberg (a 0.912), Kubica (a 1.067), Raikkonen (a 1.251) e Alonso (a 1.890).

Todo mundo foi para os boxes para colocarem novos pneus e tentarem uma última tentativa. Dificilmente a pole não ficaria nas mãos ou de Trulli ou de Button. Raikkonen já foi tentar a volta a 2 minutos e meio do final, mas sem chances de pole position. Apenas a possibilidade de melhorar seu tempo.

O Homem de Gelo deu uma bela melhorada, com o 4ºtempo. Barrichello a 40 segundos do final acabou marcando o 1:35.651 e voltando para a ponta, mas lá vinha Button para melhorar a o tempo e buscar a pole position e foi isso que aconteceu. O inglês Jenson Button marcou 1:35.181, colocando meio segundo de vantagem. Rosberg marcou um bom tempo, ficando em 3ºlugar já com o cronometro zerado, mesmo caso de Vettel, que superou Barrichello e marcou o segundo tempo, mas ainda assim, ficou a 3 décimos de Button.

Mas ainda faltava Trulli, que vinha fazendo um belíssimo tempo provocando suspense no final. E acabou ficando a 92 milésimos de Button, que ficou com a pole position pela segunda vez, repetindo a pole position da Austrália. Trulli ficou perto de uma pole position, O italiano ficou em uma satisfatória 2ªposição. Na segunda fila será composta por Timo Glock da Toyota e Nico Rosberg com a Williams. Na terceira fila seria composta por Mark Webber da Red Bull e Robert Kubica da BMW.

Rubens Barrichello com a perda de 5 posições ficou com o 8ºlugar no Grid de largada. Atrás do finlandês Kimi Raikkonen salvando a honra da Ferrari. Alonso com a Renault e Nick Heidfeld com a BMW Sauber completam os 10 primeiros colocados.

Grid de Largada:

posPilotoEquipeChassisMotorTempoPeso de quem vai largar
122 Jenson ButtonBrawnBGP 001Mercedes FO 108W1:35.181660 kg
29 Jarno TrulliToyotaTF109Toyota RVX-091:35.273656,5 kg
310 Timo GlockToyotaTF109Toyota RVX-091:35.690656,5 kg
416 Nico RosbergWilliamsFW31Toyota RVX-091:35.750656 kg
514 Mark WebberRed BullRB5Renault RS271:35.797656 kg
65 Robert KubicaBMW SauberF1.09BMW P86/91:36.106663 kg
74 Kimi RäikkönenFerrariF60Ferrari 0561:36.170662,5 kg
823 Rubens BarrichelloBrawnBGP 001Mercedes FO 108W1:35.651664,5 kg
97 Fernando AlonsoRenaultR29Renault RS271:37.659680,5 kg
106 Nick HeidfeldBMW SauberF1.09BMW P86/91:34.769692 kg
1117 Kazuki NakajimaWilliamsFW31Toyota RVX-091:34.788683,4 kg
121 Lewis HamiltonMcLarenMP4-24Mercedes FO 108W1:34.905688 kg
1315 Sebastian VettelRed BullRB5Renault RS271:35.518647 kg
142 Heikki KovalainenMcLarenMP4-24Mercedes FO 108W1:34.924688,9 kg
1511 Sébastien BourdaisToro RossoSTR4Ferrari 0561:35.431670,5 kg
163 Felipe MassaFerrariF60Ferrari 0561:35.642689,5 kg
178 Nelson Piquet, Jr.RenaultR29Renault RS271:35.708681,9 kg
1821 Giancarlo FisichellaForce IndiaVJM02Mercedes FO 108W1:35.908680,5 kg
1920 Adrian SutilForce IndiaVJM02Mercedes FO 108W1:35.951655,5 kg
2012 Sébastien BuemiToro RossoSTR4Ferrari 0561:36.107686,5 kg

Dia da corrida – O diluvio que acabou interrompendo uma das melhores corridas da Formula 1 da Década. Em relação a corrida, Button, Trulli e Glock eram os 3 principais candidatos a vitória, Rubens Barrichello por largar em 8ºlugar estava um pouco mais atrás nessa briga. Rosberg poderia ser uma boa surpresa. Webber era a esperança de vitória da Red Bull já que Vettel largaria da 13ºlugar.

Na largada, Kubica fica praticamente parado, Barrichello consegue desviar do carro da BMW Sauber e todo o resto que estava do lado par desviaram sem provocar nenhum acidente. Button, Trulli e Glock não fizeram boas largadas. Em contrapartida, Rosberg pulou do 4ºlugar para a liderança.

Pior para Button, que caiu da ponta para o 4ºlugar nas primeiras curvas. Trulli conseguiu se manter na segunda posição e Alonso pulou do 9º para o 3ºlugar. Barrichello passou do 8º para o 6ºlugar, na quarta para a quinta curva passou Raikkonen e subiu para o 5ºlugar. Webber e Glock completavam os 8 primeiros colocados. Nas primeiras curvas, Kovalainen acabou escapando da pista e deixando a prova.

No final da 1ªvolta, Button passou Alonso deixando o espanhol para Barrichello. O Brasileiro da equipe Brawn não poderia perder tempo, mas Alonso tinha o KERS, isso iria dificultar a ultrapassagem. Kubica com problemas deixou a prova na segunda volta. Buemi tocou o bico e acabou tendo que antecipar a sua parada.

Alonso segurava Barrichello, Que precisava passar logo já que vinha ficando muito para trás na briga pela ponta. No Hairpin, O Brasileiro passou o piloto da Renault, mas perdeu a trajetória e Alonso conseguiu voltar a frente, mas foi por pouco tempo, Rubens colocou por dentro e no final da reta dos boxes consegue a ultrapassagem, passando para o 4ºlugar. e logo foi embora do piloto da Renault, que vinha pesado e com o carro bem ruim. Glock tentava recuperar posições.

Classificação após 4 voltas: Rosberg, Trulli (a 1.914), Button (a 2.989), Barrichello (a 9.520), Alonso (a 11.901), Raikkonen (a 12.463), Webber (a 13.121) e Glock (a 13.603). Alonso estava segurando o ritmo de prova atrás, virando 3 segundos mais lento que os líderes. Heidfeld vinha em 9º, com Vettel em 10º superando Lewis Hamilton. Felipe Massa continuava em 12ºlugar.

Na 5ªvolta, Timo Glock arriscou passar Mark Webber na curva 11, viu que não dava e o piloto Alemão conseguiu evitar o Choque com o piloto da Red Bull. Ainda estava fazendo sol em Sepang, mas as nuvens carregadas rondavam a pista. Muito normal chover no final da tarde na Malásia. Vettel foi para cima de Heidfeld, buscando sua recuperação, levando com ele Hamilton e Massa (um pouco mais atrás) na briga.

Rosberg na 8ªVolta vinha a 2.7 segundos a frente de Trulli, Button vinha a 1 segundo do piloto da Toyota, Barrichello vinha em 4º, quase 10 segundos atrás do líder e abrindo muito de Alonso, Raikkonen, Webber e Glock disputando o 5ºlugar.

Na 9ªVolta, Vettel e Hamilton superaram Heidfeld, que acabou errando e subiram para o 9º e 10ºcolocados. Trulli faz a melhor volta da prova no final da volta. Alonso  continuava segurando Raikkonen tranquilamente, mesmo com um carro melhor que o carro da equipe Francesa.

Na 10ªVolta, Rosberg faz 1:37.660. A melhor volta da prova. Na 11ªVolta, Raikkonen finalmente conseguiu a ultrapassagem sobre Alonso que acabou escorregando um pouco na curva 4. O Homem de Gelo abriu vantagem.Webber passou a ir para cima do Alonso. Classificação após 11 voltas: Rosberg, Trulli (a 3.054), Button (a 4.232), Barrichello (a 10.376), Raikkonen (a 26.523), Alonso (a 28.304), Webber (a 28.801), Glock (a 29.501).

Webber superou Alonso no final da 12ªVolta (Curva 16) O Espanhol tentou voltar, chegou a voltar a frente, mas na curva 1, Alonso perde a trajetória da curva e Webber ganha em definitivo o 6ºlugar. Perto deles, Vettel chega no Grupo e estava perto de Glock na disputa pelo 8ºlugar.

Na volta seguinte, Vettel faz a primeira parada, com 10.7 segundos (Uma parada meio lenta para a tática que ele adotava). Glock vai para cima de Alonso, Hamilton vinha chegando nos dois.

Rosberg foi para os boxes na 16ªvolta, com 9.7 segundo o piloto Alemão volta em 4ºlugar. Com Trulli, Button e Barrichello ainda por fazer à parada. Glock também fez a troca nessa volta. Com o céu cada vez mais escuro, Trulli e Button estavam separados por 1 segundo em 1º e 2ºlugares, Webber vai para a parada na 17ªvolta.

O líder Jarno Trulli foi para a parada, Button assumiu a ponta e Barrichello passou a ser o segundo lugar. Trulli voltou atrás de Rosberg em 4ºlugar. Raikkonen vai para os boxes ao final da 18ªVolta, A Ferrari colocou os pneus de chuva intermediário para o Homem de Gelo. O céu estava cada vez mais fechado.

Button vai para os boxes, A Brawn colocou pneus secos. Ainda não era a Hora de se colocar pneus de pista molhada. Barrichello passou para a liderança e Button voltou na segunda posição, superando Rosberg e Trulli. Raikkonen estava lento, os pneus de chuva dele acabaram em 1 volta, Todo mundo vinha passando por ele.

Rubens Barrichello teve de ir para a sua primeira parada no final da 20ªvolta. Mesmo com a chuva começando a cair, Os pneus foram de pista seca, Voltando para o 4ºlugar, mas bem perto de Trulli. Button passou para a ponta com Rosberg em 2ºlugar. Trulli e Barrichello começavam a brigar pelo 3ºlugar. O desempenho da Brawn do piloto Brasileiro era melhor. No meio da 22ªVolta à chuva começou a cair. Logo de cara, Alonso roda e da forma que ele rodou foi sorte ele ter voltado à prova, era para ter ficado atolado na brita.

Ao ver que a chuva voltou, Button volta aos boxes para colocar os pneus intermediários. O mesmo fez Rosberg, Trulli e Barrichello e todo o resto. Agora a corrida tomava uma outra direção. Após as trocas, Button, Rosberg, Trulli e Barrichello mantiveram as posições. Já Hamilton foi a caça de Heidfeld para disputar o 5ºlugar. Webber e Massa completavam os 5 primeiros.

Webber acabou pegando Lewis no contra pé e acabou passando o campeão do Mundo de 2008, Mas Hamilton continuou lutando e na entrada da volta 23 recuperou a posição. Curvas depois, Webber passou de novo Hamilton e errou a curva. O pega dos dois foi muito bom, Webber mesmo com os erros acabou superando o piloto da Mclaren que novamente dá o troco no Australiano. Mas Webber conseguiu curvas depois superar Hamilton e deu um ponto final nessa briga e foi para cima de Heidfeld, passando por fora o piloto da BMW na 16ªVolta, ganhando o 5ºlugar. Mais atrás, Vettel se aproveitou da escapada para passar Kazuki Nakajima.

Timo Glock vinha voando na pista, em um espaço de 3 voltas, pulou do 11º para o 7ºlugar e na pressão em cima de Nick Heidfeld, antes do final da 26ªVolta. O piloto alemão estava com os pneus intermediários e os outros pilotos com os pneus intermediários. Com exceção de Mark Webber que estava com os intermediários também.

Na 27ªVolta, Barrichello passa com certa facilidade Trulli e sobe para o terceiro lugar. Porém, a chuva cai mais forte e a tática de Glock e Webber foi para o saco. Barrichello passou Rosberg, que foi para os Boxes. A Brawn tinha a dobradinha. Porém ainda os pneus intermediários eram mais rápidos. Era um enorme troca de pneus, Muito grande a movimentação nos boxes.

Barrichello que estava em segundo teve que segurar o carro e Glock e Webber se aproveitam e passam pelo veterano. Trulli e Barrichello foram para os boxes para a 3ªparada. A prova era imprevisível nesse momento. Barrichello superou Trulli de novo e continuava muito rápido. Button foi para a 3ªparada, com 24 segundos a frente de Glock. A 27 Voltas do final, O Alemão era o líder, com pouca vantagem para Button. Porém o piloto da Brawn tinha mais pneus e mais carro. Enquanto Button volta a ponta na 30ªVolta, Glock vai para os boxes.

A chuva apertava ainda mais, todos colocam pneus de chuva mesmo. A partir dai começaram as rodadas. Primeiro com o Fisichella, depois Vettel acabou rodando. Com todo isso, o Safety Car entrou na pista, Os carros em baixa velocidade estavam agua planando.  Logo deram a bandeira vermelha. Button fez 4 paradas, assim como Webber, Trulli, Barrichello, Rosberg. Glock e Hamilton fizeram suas paradas e Heidfeld acabou fazendo uma parada apenas e se beneficiou das adversidades.

Hamilton e Heidfeld também rodaram, mas continuaram na corrida. Os pilotos iriam esperar a chuva passar e as condições de pista. A direção da prova fez tudo que era o possível para recomeçar a prova. O líder da GPDA Mark Webber consultou todos os pilotos e eles afirmavam que estavam muito escuro para correr.

Alguns pilotos ainda estavam no carro, já outros já estavam de fora. Os dois pilotos da Renault não queriam mais voltar a pista. Kimi Raikkonen já tirou o macacão e com comendo um sorvete, O Homem de Gelo não queria mais saber  de corrida.

E depois de mais de 50 minutos de espera, Não tiveram outra opção a não ser declarada a prova como encerrada. Jenson Button conquistou a segunda vitória na temporada, mesmo com a pontuação pela metade. Nick Heidfeld acabou com o segundo lugar, um improvável pódio para o piloto da BMW. Timo Glock da Toyota completou o pódio. Jarno Trulli, Rubens Barrichello, Mark Webber, Lewis Hamilton e Nico Rosberg completaram a zona de pontuação.

Era realmente impossível  a prova ter continuado. A decisão de encerrarem a prova foi acertada, a prova já tinha passado da metade da prova e o risco era enorme para os pilotos e o dia já estava escurecendo. Se tiver um culpado esse alguém é Bernie Ecclestone, por que por causa de fins comerciais, A corrida foi empurrada para o final da tarde, num lugar onde chove nesse horário. Uma pena, mas enquanto durou, a prova foi belíssima. Com muitos pilotos andando muito bem, Alguns como Heidfeld e Glock tiveram sorte. Outros pilotos como Barrichello, Rosberg, Webber e Massa não deram tanta sorte assim e ficaram em posições abaixo do que merecia.

Resultado do GP da Malásia de 2009

Fotos:

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Olivier F1