Resultado do Terceiro Treino Livre – GP da Espanha

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo Voltas
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1: 17.281 15
2 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1: 17.294 19
3 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1: 17,550 16
4 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1: 17.581 17
5 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1: 17.981 16
6 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1: 18.357 15
7 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1: 18.706 16
8 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1: 18,783 16
9 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1: 18.847 14
10 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1: 18.886 17
11 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1: 18.905 16
12 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1: 19.013 5
13 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1: 19.121 20
14 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1: 19.236 17
15 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1: 19.292 19
16 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1: 19.376 17
17 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1: 19.428 23
18 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1: 19.744 17
19 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1: 19.900 15
20 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1: 19.909 13

Sobre seu encoberto na Catalunha, Lewis Hamilton conquista 74ªPole da Carreira

Lewis Hamilton abre a temporada europeia com o pé direito, Após vencer o GP do Azerbaijão ele conquistou hoje a pole position de número 74 da sua carreira. Na Catalunha, Um céu encoberto era o cenário para a classificação. Brendon Hartley já não pode treinar pelo acidente que ele sofreu no FP3. 4 outros pilotos seriam eliminados no Q1.

Hulkenberg sofreu com problemas mecânicos, quando tentou pela primeira vez a sua volta. O Alemão ainda voltou a pista, Conseguiu um lugar entre os 15, Porém: Ocon e Vandoorne que estavam na parte de trás e jogaram o piloto da Renault para fora do Treino.

Vettel e Verstappen foram os mais rápidos da primeira fase do treino. Os dois pilotos da Mercedes ficaram com o 5º e 6ºlugares. Alonso e Sainz passaram para o Q2 o que deixou os espanhóis muito felizes, Leclerc levou a Sauber para o 12ºlugar.

No Q1 ficaram de fora além do Hulkenberg, Marcus Ericsson da Sauber e os dois pilotos da Williams, Com Sirotkin e Stroll que só não largam na última fila porque Hartley não treinou devido ao acidente no 3ºtreino livre.

Resultado do Q1:

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo
1 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:17.031
2 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:17.411
3 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:17.483
4 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:17.623
5 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:17.633
6 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:17.674
7 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:18.169
8 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:18.276
9 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:18.305
10 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:18.480
11 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:18.550
12 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:18.661
13 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:18.740
14 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:18.813
15 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:18.885
16 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:18.923
17 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:19.493
18 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:19.695
19 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:20.225

Segunda parte do treinamento acabou confirmado o equilíbrio entre Mercedes e Ferrari pela disputa da pole position. Vettel acabou quebrando o recorde do circuito e fazendo a volta mais rápida. A Red Bull não conseguia acompanhar o ritmo das favoritas e acabou tendo a companhia da Haas de Kevin Magnussen no meio dos dois carros da equipe Austríaca.

A equipe Norte-Americana se consolidou como a quarta força do final de semana ao classificar com os dois carros para o Q3. As duas últimas vagas ficaram com os dois pilotos Espanhois: Carlos Sainz jr. da Renault e Fernando Alonso com a Mclaren.

Acabaram eliminados o Belga Stoffel Vandoorne com a outra Mclaren, Pierre Gasly da Toro Rosso em uma boa 12ªposição, Esteban Ocon com a Force India que não parece esta a altura de disputar lugar entre os 10 primeiros colocados, Charles Leclerc, que fez o que era possível com o carro da Sauber e o Mexicano Sergio Perez que nem em sonhos poderá repetir o pódio de Baku no circuito da Catalunha.

Resultado do Q2:

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo
1 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:16.802
2 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:17.071
3 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:17.111
4 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:17.166
5 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:17.266
6 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:17.618
7 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:17.638
8 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:17.699
9 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:17.803
10 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:18.100
11 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:18.323
12 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:18.463
13 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:18.696
14 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:18.910
15 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:19.098

No Q3, A disputa pela pole position ficou mesmo entre Os pilotos da Mercedes e Ferrari.

Enquanto Vettel e Raikkonen fizeram voltais ruins, Hamilton com 1:16.491 marcou o melhor tempo com sobras para Verstappen com 1:16.816, Ricciardo com 1:16.858 e Bottas com 1:16.909. Vettel vinha em 5º e Raikkonen apenas em 7º. A frente do Homem de gelo vinha o Espanhol Fernando Alonso, com sua Mclaren-Renault.

Parecia que Hamilton iria realmente não ter qualquer preocupação para marcar a sua 74ªPole da carreira, Porém, Foi bem mais difícil do que se pensou…

Raikkonen foi o primeiro a fazer a sua segunda volta que fez ele saltar para o 2ºlugar, Dai veio Hamilton baixar ainda mais o tempo da pole para 1:16.173. A pole estava nas suas mãos. Mas veio Bottas com 1:16.213. Apenas 40 milésimos atrás do piloto inglês. Vettel acabou fazendo 1:16.305 subindo para o 3ºlugar. A Carroagem da Red Bull vira aborbora.

Hamilton na sua última volta conquistou a pole position. A Mercedes forma a primeira fila com Valtteri Bottas largando em 2ºlugar, A Segunda Fila largam os dois pilotos da Ferrari. Sebastian Vettel larga em 3º e Kimi Raikkonen largando em 4º

Os pilotos da Red Bull ficam com a terceira fila. Com 2 milésimos de segundo, o Holandês Max Verstappen larga na frente de Daniel Ricciardo.

Kevin Magnussen acabou sendo o melhor do segundo pelotão, Sobrando em relação a Romain Grosjean que vive dias bem difíceis na Haas. Visto que o piloto Escandinavo vai largar em 7ºlugar tendo um belo carro nas mãos. Fernando Alonso com a Mclaren-Renault larga em 8ºlugar, Concluindo o seu objetivo de largar entre os 10 primeiros lugares. Carlos Sainz jr. com a Renault e Romain Grosjean com a Haas.

Amanhã, As 10 horas e 10 minutos teremos a largada da 5ªEtapa do Mundial de Formula 1. Em Barcelona que tem possibilidades de chuva na hora da corrida, No que pode embolar tudo, Aguardemos amanhã.

Grid de largada – 5ªEtapa do 69ºCampeonato Mundial de Formula 1
GP da Espanha – Catalunha (Barcelona)

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Voltas Voltas
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:16.173 17
2 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:16.213 14
3 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:16.305 16
4 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:16.612 15
5 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:16.816 15
6 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:16.818 19
7 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:17.676 27
8 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:17.721 21
9 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:17.790 19
10 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:17.835 26
11 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:18.323 18
12 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:18.463 16
13 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:18.696 18
14 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:18.910 15
15 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:19.098 18
16 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:18.923 6
17 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:19.493 9
18 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:20.225 9
19 35 Sergey Sirotkin* Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:19.695 10
20 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H Sem tempo 0
  • Punido em 3 posições por causar colisão nas primeiras curvas do GP do Azerbaijão.

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Haas/Renault/Mclaren/Williams/Toro Rosso

Corridas históricas: GP da Espanha de 1986

Lmg4gatg

Grid de largada:

1 Ayrton Senna (Lotus/Renault) 1’21.605
2 Nelson Piquet (Williams/Honda) 1’22.431
3 Nigel Mansell (Williams/Honda) 1’22.576
4 Alain Prost (McLaren/TAG) 1’22.886
5 Keke Rosberg (McLaren/TAG) 1’23.004
6 René Arnoux (Ligier/Renault) 1’24.274
7 Gerhard Berger (Benetton/BMW) 1’24.501
8 Jacques Laffite (Ligier/Renault ) 1’24.817
9 Teo Fabi (Benetton/BMW) 1’25.052
10 Johnny Dumfries (Lotus/Renault) 1’25.107
11 Stefan Johansson (Ferrari) 1’25.466
12 Martin Brundle (Tyrrell/Renault) 1’25.831
13 Michele Alboreto (Ferrari) 1’26.094
14 Riccardo Patrese (Brabham/BMW) 1’26.231
15 Elio de Angelis (Brabham/BMW) 1’26.550
16 Jonathan Palmer (Zakspeed) 1’26.918
17 Alan Jones (Lola/Hart) 1’26.946
18 Patrick Tambay (Lola/Hart) 1’26.992
19 Thierry Boutsen (Arrows/BMW) 1’27.169
20 Philippe Streiff (Tyrrell/Renault) 1’27.637
21 Piercarlo Ghinzani (Osella/Alfa Romeo) 1’28.423
22 Marc Surer (Arrows/BMW) 1’28.443
23 Christian Danner (Osella/Alfa Romeo) 1’29.046
24 Andrea de Cesaris (Minardi/Motori Moderni) 1’29.195
25 Alessandro Nannini (Minardi/Motori Moderni) 1’30.062

Is9bx1c2

Por 14 milésimos Senna vence em Jerez!

Na segunda corrida da temporada na Espanha que estava de volta depois de 5 anos de Ausência da Formula 1 em Jerez de la Fronteira.
Numa pista bem enxuta e com muitas curvas e de difícil ultrapassagem e nisso um carro um pouco inferior pode se dar bem nesse tipo de Pista. Ayrton Senna com a Lotus larga na pole position com Piquet em 2º, Mansell em 3ºAmbos da Williams, 4ºAlain Prost e 5ºKeke Rosberg com Os Carros da Mclaren sendo os melhores carros.

Na Largada Senna larga bem e se mantem na ponta e os primeiros se mantiveram nas posições, apenas um pequeno incidente aconteceu foi a quebra do Bico do carro de Teo Fabi que acabou perdendo o bico no toque com a Roda Traseira do carro da Ligier, com isso Fabi foi para os Boxes trocar o Seu Bico. Alessandro Nannini não largou (Seu motor Já teve problemas antes da largada) fazendo o piloto da Minardi nem disputou a corrida.

Na primeira volta Mesmo Alan Jones e Jonathan Palmer já se enroscaram e ambos deixaram a corrida, Já na segunda volta Andrea De Cesaris deixa a corrida com Problemas de Diferencial, com isso A Minardi deixava a corrida com uma volta de corrida.

7j6fx59e

Na 3ªVolta, Rosberg passou Mansell e assumiu o terceiro lugar, Nas primeiras voltas Senna, Piquet, Rosberg, Mansell, Prost, Arnoux e Laffite estavam juntos nas primeiras posições formando um primeiro bloco muito competitivo entre Lotus, Mclaren, Williams e Ligier. Senna vinha se mantendo sem muitas dificuldades na ponta mais sem abrir vantagem para os seus adversário que estavam degladiando entre eles (Rosberg em cima de Piquet e Prost em cima de Mansell)

Classificação após 5 voltas: 1. Senna 7:48.123 – 2. Piquet 0.620 – 3.Rosberg 1.190 – 4.Mansell 1.663 – 5.Prost 1.882 – 6. Arnoux 3.041. E o trenzinho começava a se espalhar um pouco e eu diria que as Ferraris começavam a se aproximar um pouco do Grupo. Prost na volta 7 passou Mansell e assumiu o 4ºlugar e logo ele se aproximou de Senna, Piquet e Rosberg.

Na Volta 5, Teo Fabi fez a melhor volta da corrida com 1:30.138 – 168.462 km/h (104.677 MPH) essa média mostra que a pista era de média pra baixa velocidade. Enquanto Senna, Piquet, Rosberg e Prost brigavam pela ponta Mansell começava a ficar mais para Arnoux do que para brigar pelo pódio, Mas logo ele se aproxímou no Grupo, Enquanto isso Ricardo Patrese com o Problemático Brabham-BMW abandonava a corrida com problemas de Câmbio.

Patrick Tambay foi para os Boxes com problemas em seu carro, pelo menos ele voltou a corrida, Curiosidade: Tambay ainda usava motores Hart, já que os motores Ford Turbo não estavam prontos ainda. Classificação Após 10 voltas: Senna 15:21.462 – Piquet a 0.798 – Rosberg a 1.353 – Prost a 1.803 – Mansell a 3.179 – Arnoux a 3.774.

W5qhkhvb

Piercarlo Ghinzani com os Motores Alfa Romeo V8 Deixaram a corrida. O Motor foi o causador do abandono, Enquanto Senna e Piquet conseguiram ter pequena vantagem as Mclarens começavam a brigar pelo 3ºlugar. Na Volta 11 Mansell que parecia estar um pouco atrás dos líderes o Leão fez a melhor volta da corrida com 1:30.001 – Média de 168.718 Km/h. Stefan Johansson teve problemas de Freio e acabou batendo forte de frente, Com isso Johansson acabou tendo dores na perna, Mas ainda bem que foi só problemas na perna após um forte acidente.

Depois de 12 voltas continuavam os 7 primeiros colocados bem perto: Senna, Piquet, Rosberg, Prost, Mansell e Arnoux e um pouco mais longe da turma mas ainda sim perto Jacques Laffite que estava em 7ºlugar já com uma grande vantagem em cima de Michele Alboreto com a Ferrari. Classificação Após 14 voltas: Senna 21.23.228 – Piquet 0.980 – Rosberg 1.928 – Prost 2.344 – Mansell 2.773 – Arnoux 3.375.

Para a Osella a volta 15 seria o fim da Linha, Pois com o mesmo problema de motor de Ghinzani fez Christian Danner acabou abandonando a corrida enquanto isso Rosberg mostra as suas garras e faz 1:29.786 (Média: 169.122 km/h – 105.088 mph) e é o primeiro a baixar o tempo para 1:29. Na Volta 18 De Angelis de volta na pista ficou na frente de Senna, Mas não muito problema para Senna não pois ele passou na Terra para passar o De Angelis. Mansell na volta 19 passa a Prost e assume a 4ªposição, começava o Show do Leão em cima dos lideres. Na Volta seguinte Mansell começava a pressionar Rosberg, Mas Prost não estava fora da briga e Arnoux estava um pouco mais longe, Mas ainda visando os líderes.

Classificação Após 20 voltas era essa: Senna 30:25.089 – Piquet a 1.668 – Rosberg a 2.874 – Mansell a 3.219 – Prost a 3.790 – Arnoux a 5.907.
Tambay tornou um pouco mais difícil as coisas para Senna pois o Brasileiro pegou o Trafego no miolo e com isso Senna perdeu um pouco da sua vantagem em cima de seus mais próximos perseguidores. Michele Alboreto acabou abandonado a corrida com problemas de Rolamento e na mesma volta Phillipe Streiff deixava a corrida com problemas de Motor da Tyrrell-Renault isso na 23ª volta. Rene Arnoux depois de 24 voltas parou para os boxes com problemas em seu carro pois demorava demais a sua parada nos boxes.

Npzw0drx

Senna continuava firme e Forte na ponta da corrida enquanto isso 11 pilotos já estavam fora da corrida 1:29.154 – Média 170.321 Km/h – 105.833 Mph na volta 25 era a melhor volta pertencente a Nigel Mansell, Mas Senna na volta seguinte Respondeu com a melhor volta 1:29.069 – Média de 170.484 km/h – 105.934 Mph. Mas a turma da Frente continuava junta, agora só com o Senna de Lotus e os dois pilotos da Mclaren e da Williams. Depois de 27 Voltas a Classificação era: Senna, Piquet, Rosberg, Mansell, Prost, Laffite, Berger, Brundle, Dunfries, Boutsen eram os dez primeiros colocados.

Na 29ªvolta Senna iria encontrar dois retardatários : Surer e Fabi brigando por posição na corrida, Senna não perdeu tempo com Fabi, Mas com Surer, Senna demorou para passar Surer. Se aproveitando dos retardatários Mansell passou a Rosberg e assumiu o terceiro lugar da Corrida, isso depois de 30 voltas completadas. Senna acabou tendo folga na frente mesmo que seja pouca folga e entre os cinco primeiros houve uma pequena espalhada entre eles. Após 30 Voltas a Classificação era a Seguinte: Senna 45:23.723 – Piquet a 2.236 – Mansell a 3.669 – Rosberg a 5.113 – Prost a 6.460 – Laffite a 13.288, Mas logo logo as coisas iriam esquentar.

Elio de Angelis deixaria a corrida na 30ªvolta com problemas de Câmbio, Rene Arnoux também deixaria a corrida nessa volta com problemas de Semi-eixo enquanto isso Thierry Boutsen foi para os boxes resolver problemas do seu Arrows-BMW, pelo menos o Belga voltou a corrida. Na volta 33 na reta dos Boxes Nigel Mansell passou Nelson Piquet e assumiu a 2ªposição e o Inglês sem dúvida iria para a caça de Ayrton Senna que estava liderando a corrida desde da primeira curva da corrida.

Kobkohof

Classificação após 33 voltas: Senna, Mansell, Piquet, Rosberg, Prost, Laffite, Berger, Brundle, Dumfries e Surer são os dez primeiros colocados sendo que os 5 primeiros estavam bem junto a menos de 6 segundos na frente do 5ªcolocado. Prost na volta 34 passa Rosberg e assumiu o 4ºlugar. A medida que chegava-se na metade da corrida aumentava a expectativa de parada de boxes para os pilotos na corrida, principalmente os pilotos de ponta e Mansell vinha pra cima de Senna.

Classificação Após 36 voltas Completadas: Senna 54:22.238, Mansell a 0.949, Piquet a 5.006, Prost a 5.188, Rosberg a 6.797 e Laffite a 14.268. Piquet já começava a ficar para os dois pilotos da Mclaren enquanto Mansell iria para cima de Senna. Laffite vai para os boxes para a troca de pneus e voltou ainda em 6ºlugar pois Berger em 7º tava longe demais de Laffite. Mansell foi para o embate em cima de Senna e na volta 39 Mansell tentou colocar do lado de Senna para passar.

não conseguiu concretizar a ultrapassagem, Mas na volta Seguinte Mansell se aproveitando do retardatário que era Martin Brundle prendeu Senna por Fora tendo Brundle na frente do Brasileiro e por dentro Mansell passou a Senna e assumiu a ponta da corrida. Enquanto isso Nelson Piquet acabou parando com problemas de motor e deixando a corrida; O Mesmo aconteceu com Marc Surer que vinha em 10ºlugar com problemas de Injeção do seu Carro, Com isso restando 30 voltas para o final da corrida só tínhamos 11 pilotos na corrida.

Mansell começava a abrir sobre Senna. Logo depois vinham Prost e Rosberg perto em 3º e 4ºcolocados, Laffite em 5ºcom a Ligier com um bom ritmo de corrida e Berger que já tinha tomado volta de Mansell e de Senna.

M0tvuane

Classificação após 42 Voltas: Mansell, Senna, Prost, Rosberg, Laffite, Berger, Brundle, Dumfries que eram os 8 primeiros colocados com Fabi, Boutsen e Tambay completando os 11 que continuavam na corrida, Mas esse quadro iria mudar por que Laffite com problemas de Semieixo deixava a corrida com sua Ligier que vinha muito bem. Martn Brundle com a Tyrrell-Renault vinha para a 6ªposição e Berger em 5º. Mas na volta seguinte o Motor de Brundle pede demissão e quebra deixando o piloto da Tyrrell na mão. Com isso eram apenas 9 pilotos na corrida:Mansell, Senna, Prost, Rosberg, Berger, Dumfries, Fabi, Boutsen e Tambay.

Devido aos vários abandonos e do baixo número de carros na corrida o certame começando a ficar monótomo perto do começo da corrida. Senna começava a sofrer pressão de Prost que queria o segundo lugar de Prost, Mas Senna conseguiu na volta seguinte abrir uma boa vantagem em cima de Prost que não conseguiu passar com rapidez a Thierry Boutsen. Berger na volta 46 fez uma parada de Boxes para troca de pneus. Senna tentava aproximação de Mansell e Prost se aproximava de Senna e tudo indicava que os três brigariam pela vitória enquanto Rosberg lutava para terminar a corrida poupando combustível, restando 22 voltas para o Final da corrida.

Nvavwisr

Na 53ªVolta Johnny Dumfries que vinha em 6ºlugar abandonou a corrida com problemas de câmbio. Com isso a Classificação era: Mansell, Senna, Prost, Rosberg, Berger, Fabi, Boutsen e Tambay. As atenções da corrida eram somente entre Mansell, Senna e Prost pela vitória e Ambos os carros já estavam desgastados, muito pelo fato de nenhum dos 3 terem trocado os pneus que é uma surpresa pois a corrida inteira fez sol forte. Classificação após 54 Voltas: Mansell 1:21.15.066 – Senna a 1.370 – Prost a 2.893 – Rosberg a 1:22.584 – Berger 1 Volta – Fabi 1 Volta.

O primeiro embate entre Mansell e Senna foi na volta de número 55, Senna começou o Ataque pra cima de Mansell. Rosberg na volta 56 tomou volta dos três primeiros que acabou quase complicando aos Três pilotos e quase provocou a ultrapassagem de Prost em cima de Senna, Mas Senna conseguiu se manter em 2º. Enquanto Rosberg no final da corrida fazia uma parada nos boxes.

Senna tentou passar Mansell que jogou duríssimo em cima de Senna na volta de número 60, e nas voltas seguintes Senna atacava fortemente a Mansell e Prost vinha apenas acompanhando para tentar se beneficiar caso haja acidente de um dos dois ou de ambos. Na Volta 61 a Classificação era Mansell, Senna e Prost brigando pela vitória, Rosberg tentando sobreviver na corrida em 4º com problemas de combustível e as Benettons de Fabi e Berger, o Italiano acabou passando Berger numa belíssima corrida de recuperação. Fabi em 5º e Berger em 6º, Boutsen e Tambay estavam esperando problemas dos primeiros para poderem entrar nos pontos.

0usfabrd

A Ultrapassagem de Senna sobre Mansell aconteceu na volta de número 62, Senna colocou por dentro em uma curva de Média para Baixa Velocidade e Prost também veio para cima de Mansell e passou para o 2ºlugar Deixando Mansell em 3º. Com isso Mansell foi para os boxes.

Depois de trocar os pneus desgastados para pneus de Classificação Mansell voou na pista nas últimas 8 voltas, Na Volta 65 Mansell fazia a melhor volta da corrida com 1:27.176 – Média de 174,186 km/h – 108.234 Mph tendo em vista que Senna fazia 1:31 e Prost 1:32, Restando 4 voltas para o final da corrida Mansell foi pra cima de Prost que já não conseguia se aproximar de Senna.

Jyqh6lkc

Apesar de Prost ter lutado com os pneus mais velhos Prost não foi páreo para Mansell que assumiu o segundo lugar, A Última volta foi espetacular Mansell num ataque brutal em cima de Senna queria a vitória, Mas Senna não deixou e não permitiu a que Mansell ultrapassasse ao Brasileiro e na última curva Mansell conseguiu colocar de lado de Senna e Passou a Senna, Mas antes eles tinham cruzado a linha de chegada. 14 Milésimos foi que impediu Mansell de Vencer a corrida e foi a diferença que fez de Senna o vencedor do GP da Espanha de 86, a 3ªvitória da carreira e a liderança do Campeonato com 15 pontos, isso depois de uma corrida terrível para os pilotos e equipamentos nessa volta da Espanha a Formula 1.

Resultado completo da corrida

Fotos:

Fontes: Formel1mic, Bestlap

Vídeo da corrida:

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Vídeo: mrviniciusf195