Bottas conquista vitória de ponta a ponta na abertura confusa de temporada na Áustria

Após 71 voltas e com mais quebras do que disputas a primeira prova do campeonato de Formula 1 aconteceu em Spielberg.  Diferente do que se imaginava do favoritismo de Lewis Hamilton, Valtteri Bottas acabou de ponta a ponta, conquistando a vitória na abertura do campeonato. Uma corrida com muitos pilotos sofrendo de falhas técnicas dos seus carros.

Bottas largou bem e manteve a liderança, Norris tentou passar Verstappen que segurou o segundo lugar, Igualmente com Albon que segurou Hamilton. Ainda nos primeiros momentos, Perez superou Leclerc ganhando o 6ºlugar.

Alexander Albon na terceira volta passou Norris e assumiu o terceiro lugar, na volta seguinte foi à vez de Hamilton superar o piloto da Mclaren. O Campeão do Mundo vai para a 4ªposição. Bottas estava a 2.3 segundos a frente de Verstappen. (Com a tática de pneus diferente dos primeiros colocados)

Hamilton chegou pra cima de Albon enquanto que Perez chega em cima de Norris, brigas pelo 3º e 5ºlugares nas primeiras voltas. O Tailandês resistiu a pressão de Lewis até a 9ªVolta, O Britânico passou para o terceiro lugar.

Hamilton teria Verstappen pela frente para chegar em Bottas, mas tudo foi facilitado a sua vida, Pois na volta 11, o carro de Holandês fica lento e se arrasta para os boxes e deixa a corrida. Seria o primeiro a sofrer com falhas de equipamento.

Vettel tentava passar Stroll (Que começava a ter problemas de motor) mas sofria pressão de Daniel Ricciardo da Renault. A sorte do piloto da Ferrari foi que o principal piloto da Renault acabou tendo problemas e acabou deixando a corrida na 18ªvolta.

Ao mesmo tempo que Vettel supera Stroll ganhando o 8ºlugar. Foi nesse momento que os problemas de motor de Stroll se intensificaram, Na volta seguinte, Gasly e Kvyat superaram o piloto da Racing Point, que logo iria para os boxes para abandonar na 21ªVolta. Na mesma volta, Grosjean rodou e acabou tendo de ir para os boxes. Seria a primeira parada da temporada.

Bottas continuava na frente, mas começava a ver sua vantagem cair volta após volta. Hamilton vinha tirando o prejuízo de ter sido punido em 3 posições, após não diminuído a velocidade no final do treino quando Bottas saiu da pista e a bandeira amarela foi acionado em um setores do circuito.

Na 26ªVolta, Ocon estava tentando passar Magnussen e acaba conseguindo na curva 3, ao mesmo tempo que os freios de Kevin Magnussen falha e acaba com a corrida do piloto da Haas, que estava indo numa prova bastante razoável. Apesar de ficar em um local seguro, a direção de prova acionou o safety car pela primeira vez. Todos os pilotos todos se aproveitaram para fazerem a parada e colocarem pneus mais duros, com exceção de Sergio Perez que arriscou colocar pneus médio com 27 voltas completadas. Um pneu duro aguentar 44 voltas era possível, mas um médio aguentar 44 voltas iria ser mais difícil.

Após a retirada do carro do dinamarquês a relargada acontece na 32ªVolta, Bottas continua na frente de Hamilton. Já mais atrás, Leclerc lutou e conseguiu manter a frente de Sainz, Já Vettel tentou passar o piloto da Mclaren, mas foi uma manobra afobada e mal sucedida, Vettel acabou rodando para não bater em Sainz e acabou caindo para o último lugar.

Na volta seguinte, Bottas marcou a melhor volta da prova e ganhou folego sobre Hamilton. Enquanto isso, Perez superou Norris e ganhou o 4ºlugar. Voltas depois, Leclerc chegou a se aproximar de Norris abrindo disputa pela 5ªposição. A Mercedes tinha corrida na mão e Hamilton iria para cima de Bottas. Porém, A equipe por rádio avisou dos problemas no sensor dos dois carros e que ambos não poderiam usar as zebras. Hamilton pediu para usar a potência extra, mas a equipe negou o pedido.

Segundo a Mercedes, o carro do Bottas estava pior do que o carro de Lewis Hamilton, mas o piloto Finlandês não estava se importando com a informação, estava usando a zebra para fugir do companheiro de equipe. Já na parte intermediária, Esteban Ocon vinha tentando passar Danill Kvyat, uma boa briga valendo o 9ºlugar entre a Alpha Tauri e a Renault.

Na 47ªVolta, Bottas estava 1.7 segundos a frente de Hamilton. Já Albon em 3º estava longe dos pilotos da Mercedes e com uma vantagem de 2 segundos sobe Perez, que estava tentando chegar em cima do Tailandês. Norris abriu 3 segundos de Leclerc e se consolidava o 5ºlugar. A prova parecia que vinha tranquila para o final, até que Grosjean erra pela segunda vez, com problemas de câmbio, o francês deixaria a prova. Mas não foi esse abandono que provocou a entrada do safety car, que foi acionado devido ao abandono de George Russell, com problemas no motor, o piloto da Williams encosta o carro na área de escape entre as curvas 5 e 6, na 51ªVolta.

Essa nova bandeira amarela fez com que Albon, Leclerc, Norris, Kvyat, Raikkonen, Vettel e Latifi fosse para os boxes fazerem uma nova parada. Sainz fez isso na 53ªvolta. Bottas, Hamilton e Perez estavam nas 3 primeiras posições com os pneus de 25 voltas de desgaste, enquanto que Albon com os pneus macios novos estava com a chance até mesmo de vencer sua primeira prova na vida.

Na volta 55, tivemos nova relargada, com Bottas e Hamilton mantiveram suas posições, Perez escorrega e Albon se aproveita e passa para o 3ºlugar. Eis que o pneu dianteiro de Raikkonen se solta ainda antes da relargada e o finlandês acaba por encostar na reta dos boxes. Novamente o Safety Car entrava na pista.

A Tensão aumentava muito, restaria poucas voltas para reiniciar a prova. A 11 voltas do final a relargada é dada, Albon vai para cima de Hamilton, vai por fora na curva 4 e quando parecia que iria conseguir a ultrapassagem, acaba tocado pelo campeão do mundo e vai para a caixa de brita. Isso fez com que os comissários investigarem o caso. Enquanto isso, Bottas abria 1.5 segundos na liderança.

Mais atrás, Sainz jr. passou Gasly e assumiu o 6ºlugar na 63ªVolta. Na volta seguinte, Leclerc supera Norris e ganha o 4ªposição, Passando a mirar Perez e o pódio. Enquanto que Vettel foi superado pelo Giovinazzi correndo risco de se quer pontuar, na 11ªposição a poucas voltas do final. Perez acabou sendo superado por Leclerc, o 3ºlugar do Monegasco já estava sendo lucro para a Ferrari.

A Direção de prova decidiu pela punição de 5 segundos a Hamilton, consideraram Lewis culpado pelo incidente que vitimou Albon. Outra punição de 5 segundos foi dada a Sergio Perez por exceder limite de velocidade nos boxes. Com isso, Leclerc que tinha uma missão muito difícil estava com o segundo lugar nas mãos e Perez tinha o pódio na mão, eu falei tinha. Já que Norris que resistiu a um feroz ataque de Sainz jr. e foi para o ataque em cima de Perez, superando o piloto da Racing Point subindo para o 4ºlugar.

Albon com problemas e Kvyat com quebra na sua suspensão abandonaram nas voltas finais. Com apenas 11 pilotos ao final da prova. A vitória ficou com Valtteri Bottas, que de ponta a ponta acabou vencendo pela segunda vez na Áustria e pela 8ªVez na carreira. Repetindo ano passado onde venceu o GP da Austrália.

A se destacar Charles Leclerc, com um carro sem condições acabar a prova em 2ºlugar, uma corrida sem erros do monegasco. Lewis Hamilton cruzou em segundo, mas foi insuficiente para o inglês manter seu lugar no pódio. Numa última volta sensacional, Lando Norris acabou fazendo a melhor volta da prova e de quebra acabou ficando com o pódio herdado pela punição a Lewis Hamilton. Foi o primeiro pódio do piloto inglês e o segundo pódio da Mclaren nas últimas 3 corridas. Uma mostra de ressurgimento da equipe de Woking.

Lewis Hamilton acabou sem o pódio, com o 4ºlugar. Se não tivesse as ocorrências dos Safety Car teria sido no mínimo 2º, até mesmo ter conseguido a vitória, mas imponderáveis da corrida acabaram por comprometer o final de semana de Lewis. Carlos Sainz jr. também foi beneficiado por punição e acabou com o 5ºlugar, superando Sergio Perez que perdeu a chance de marcar o 8ºpódio da carreira. O Mexicano ficou com o 6ºlugar.

Pierre Gasly acabou em 7ºlugar, uma corrida correta do piloto da Alpha Tauri que mostrou ter um equipamento competitivo para o campeonato. Esteban Ocon teve uma prova muito da discreta, mas acabou salvando o final de semana da Renault, que pode fazer um bom campeonato. O Francês ficou em 8º.

Antonio Giovinazzi acabou levando a Alfa Romeo ao 9ºlugar, as expectativas não eram nada boas, mas os 2 pontos do piloto italiano aliviam, ou melhor, mascaram o trabalho ruim da equipe italiana. Pior mesmo ficou Sebastian Vettel, Chegando em 10ºlugar por causa das ocorrências no final, pior foi o erro cometido por ele na metade da prova. O ano de 2020 parece ser mais um capitulo do inferno astral que vive o tetracampeão do Mundo.

Nicholas Latifi fez o que era possível com o Williams e por muito pouco esse possível levou o canadense a marcar pontos na sua estreia na Formula 1. Kvyat e Albon foram classificados em 12º e 13ºlugares por completarem 90% da corrida.

Semana que vem teremos no mesmo Red Bull Ring, a prova de Estíria. 2ªEtapa da Formula 1 em 2020.

Fotos:

Resultado final do GP da Áustria

posPilotoEquipeChassiMotorTempoGrid
177Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:30:55.7391
216Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065a 2.700s7
34Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 20a 5.491s3
444Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M11a 5.689s5
555Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 20a 8.903s8
611Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedesa 15.092s6
710Pierre Gasly Scuderia AlphaTauri HondaAT01Honda RA620Ha 16.682s12
831Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 20a 17.456s14
999Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 065a 21.146s18
105Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065a 24.545s11
116Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M11a 31.650s20
1226Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauri HondaAT01Honda RA620Ha 4 voltas13
1323Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620Ha 4 voltas4
147Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 065a 18 Voltas19
1563George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M11a 22 Voltas17
168Romain Grosjean Haas F1 TeamVF-20Ferrari 065a 22 Voltas15
1720Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 065a 47 Voltas16
1818Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedesa 51 voltas9
193Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 20a 54 voltas10
2033Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620Ha 60 Voltas2

Melhor volta de cada piloto – A volta mais rápida rendeu 1 ponto para Lando Norris

posPilotoEquipeChassiMotorTempoVolta
14Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:07.47571ªVolta
277Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:07.65768ªVolta
344Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:07.71267ªVolta
416Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:07.90164ªVolta
555Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:07.97463ªVolta
611Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:08.30563ªVolta
723Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:08.43250ªVolta
85Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:08.62371ªVolta
999Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:08.79670ªVolta
1031Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:08.93264ªVolta
1110Pierre Gasly Scuderia AlphaTauri HondaAT01Honda RA620H1:09.02564ªVolta
127Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:09.03148ªVolta
1326Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauri HondaAT01Honda RA620H1:09.13550ªVolta
1463George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:09.31749ªVolta
1533Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:09.3515ªVolta
166Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:09.66263ªVolta
178Romain Grosjean Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:10.22846ªVolta
1818Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:10.3264ªVolta
193Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:10.6108ªVolta
2020Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:10.72023ªVolta

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Racing Point/Mclaren/Renault/Alpha Tauri/Haas/Alfa Romeo/Williams

Bottas fica na Mercedes até o final de 2020, Ocon ganha a vaga na Renault e Hulkenberg esta a procura de emprego

Antes mesmo do GP da Bélgica, Duas equipes definiram seus pilotos para 2020. A Mercedes com a manutenção de Valtteri Bottas e a Renault, Com a contratação de Esteban Ocon para o lugar de Nico Hulkenberg.

Esperava-se que a campeã do Mundial de Construtores desde de 2014 e líder do campeonato desse ano esperasse mais tempo para a definição do companheiro de equipe de Lewis Hamilton para 2020.

A decisão a favor de Bottas é para mim bastante segura, O Finlandês vive seu melhor ano na Mercedes, após uma frustrante temporada de 2018, Bottas precisava mostrar serviço, O que acabou acontecendo, Com duas vitórias nas primeiras 4 corridas do ano. Apesar da decepcionante corrida no Canadá (Onde ele ficou em 4ºlugar), Bottas estava próximo de Hamilton na classificação do campeonato até o GP da Inglaterra.

Mas nas duas últimas provas acabaram sendo ruins, abandono na Alemanha e um 8ºlugar, após quebrar sua asa dianteira nas primeiras curvas do GP da Hungria chegaram a colocar a renovação em risco. A Mercedes tinha como opção o jovem Esteban Ocon (Piloto de testes da Mercedes), que correu na Manor em parte da temporada de 2016 e na Force India em 2017 e 2018.

Outro fator para a renovação de Bottas sem duvida é o que se esperar de Ocon na Mercedes, A Incerteza se um jovem piloto, com talento vingaria no carro prateado em 2020. A Equipe alemã não confiou no Francês e preferiu ficar mesmo com Valtteri Bottas.

Mas se a Mercedes não vai apostar em Ocon, A Renault decidiu fazer essa aposta para a temporada de 2020. O Piloto francês será o substituto de Nico Hulkenberg, Que acaba sendo ideal tanto para a equipe como para o piloto. Como Ocon é francês e a equipe é francesa, acaba sendo uma ótima jogada de Marketing.

Opinião: Finalmente Esteban Ocon terá um carro que possa ter potencial de andar nas primeiras posições, Só espero que o carro do ano que vem da Renault seja um carro bem competitivo para que tanto o francês quanto o Australiano Daniel Ricciardo demonstrem seu talento e conquiste grandes resultados, Pois os dois pilotos merecem.

A Relação de Nico Hulkenberg com a Renault estava desgastado, Nos anos de 2017 e 2018 o Alemão fez um bom trabalho, Vencendo seus companheiros de equipe e liderando a equipe. Com a vinda de Daniel Ricciardo para esse ano, O Quadro se inverteu. Em muitas ocasiões, Ricciardo andou mais rápido que Hulkenberg e a relação entre a equipe e o piloto alemão desandou de vez, Nico reclamava da equipe, não dava atenção devida e a equipe não deve ter gostado nada que o piloto de 32 anos falou.

Com a Saída da Renault, Nico Hulkenberg fica a disposição do Mercado. Seu destino pode ser sair da Formula 1, Mas existe uma possibilidade Real do Alemão substituir o desastroso Romain Grosjean para a temporada que vem, O Team Principal Gunther Steiner já confirmou  O Francês faz hora extra não só na Haas como na Formula 1.

Para a Haas seria ótimo ter um piloto experiente como primeiro piloto da Haas, Mas mesmo com todas essas qualidades, Tem um problema: É que Kevin Magnussen que tem contrato para 2020 é um desafeto de Nico Hulkenberg.

Nico e Kevin tem problemas no passado. Eles são desafetos de muito tempo, No GP da Hungria de 2017, Hulkenberg acuson Magnussen de ser o piloto mais antidesportivo da Formula 1, Kevin mandou o troco, mandando o alemão fazer algo que não pode ser dito aqui, por ser uma conotação bem chula. Essa seria possivelmente a única contra indicação dessa contratação.

Com o interesse em um piloto experiente, As portas para Pietro Fittipaldi para a temporada de 2020 estão fechadas na equipe Haas.

Com isso, O Número de vagas ainda existentes para 2020 diminuiu para 6 vagas: 1 na Red Bull, 1 na Haas, 1 na Alfa Romeo, 1 na Williams e 2 na Toro Rosso.

Pilotos Confirmados para 2020:

EquipeTemporada 2020
Alfa RomeoKimi Raikkonen
 Vago
FerrariSebastian Vettel
 Charles Leclerc
HaasKevin Magnussen
 Vago
MclarenLando Norris
 Carlos Sainz jr.
MercedesLewis Hamilton
 Valtteri Bottas
Red BullMax Verstappen
 Vago
RenaultDaniel Ricciardo
 Esteban Ocon
Toro RossoVago
 Vago
WilliamsGeorge Russell
 Vago
Racing PointSergio Perez
 Lance Stroll

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Renault/Manor/Haas

Depois de 113 corridas, Raikkonen conquista vitória e Vettel consegue adiar a decisão para o México

Um longo jejum de mais de 5 anos entre o GP da Austrália de 2013 até o dia de hoje. Foi o que durou o jejum de vitórias de Kimi Raikkonen na Formula 1. Em uma atuação brilhante, O finlandês venceu pela 21ªvez, Se tornando o piloto do seu país com o maior número de vitórias. Os resultados de Lewis Hamilton que ficou em 3ºlugar e Sebastian Vettel em 4ºlugar fazem a definição do campeonato fossem adiado para o GP do México, No próximo domingo.

Para o Homem de Gelo, O Domingo começou a dar tudo certo na Largada aonde ele tracionou melhor que Hamilton e assumiu a liderança no final da reta. Bottas, Ricciardo e Vettel manteram suas posições, Com Hulkenberg e Sainz jr. levando a Renault ao 6º e 7ºlugares. Nas primeiras curvas, Lance Stroll se chocou com Fernando Alonso. Isso fez com que o Canadense ir aos boxes para reparar seu carro e o piloto Espanhol abandona a corrida.

Ainda na primeira volta, Vettel foi para cima de Ricciardo e acabou passando no meio da reta, O Australiano não desistiu da posição, Chegou a voltar ao 4ºlugar e dai, em uma das curvas da parte mais lenta do circuito o Alemão se precipita, toca no piloto da Red Bull e roda, Caindo para o 15ºlugar. Parecia que o campeonato tinha ido para o brejo de forma definitiva. Grosjean também foi para os boxes, Após fazer Charles Leclerc rodar no final da reta oposta.

Impressionante era as primeiras 2 voltas do Verstappen. Que largou do 18ºlugar para o 9ºlugar. 3 Voltas depois,O piloto Holandês passou os dois pilotos da Force India, Subindo para o 7ºlugar. Vettel estava mais atrás, recuperando posições lá atrás.

Na 7ªvolta, Verstappen passou os pilotos da Renault (Hulkenberg e Sainz jr.) e assumiu a 5ªposição e Vettel passou Ocon ganhando o 8ºlugar, Uma recuperação rápida do piloto da Ferrari.

Lá na frente, Raikkonen abre 2 segundos de frente para Hamilton, que estava acompanhando o finlandês. Na 9ªvolta, Daniel Ricciardo abandona a prova , Isso provocou o acionamento do Safety Car virtual a partir da 11ªvolta. Isso fez com que Sirotkin, Vandoorne e Gasly ir para os boxes. Lewis Hamilton aproveitou para ir aos boxes na entrada da 12ªVolta,Tática que Raikkonen não fez e nenhum dos pilotos que estava na frente. Logo depois da Parada de Hamilton, O Safety Car saiu da pista. A corrida recomeça e Vettel na reta oposta passou fácil a Nico Hulkenberg, Passando para o 5ºlugar.

Hamilton voltou a pista e estava bem rápido na pista, Na volta 14 Bottas não deu a menor resistência para o seu companheiro de equipe partir para cima de Raikkonen. Em poucas voltas a vantagem de  6.7 segundos virou pó, Hamilton encostou em Raikkonen na volta 18, A Partir dai o piloto Finlandês começou a segurar o líder do campeonato de maneira heroica durante 3 voltas até que a Ferrari chamou o homem de gelo para a sua parada nos boxes. Hamilton voltava a liderança.

A partir dai começaram os líderes a pararem, Verstappen parou na volta 23 e Bottas na volta 24. O piloto da Red Bull que restou na prova acabou ganhando a posição do piloto da Mercedes nessas paradas. Hamilton era o líder e Vettel era o segundo, O resultado daria uma sobrevida a Vettel no campeonato por 1 ponto no GP do México.

Vettel estava com os pneus desgastados e ficando cada vez mais para trás enquanto que na Volta 25, Raikkonen marcou a melhor volta da prova e passou seu companheiro de equipe. Logo depois o Alemão começou a ficar para Vettel, Com 27 voltas de desgaste dos pneus só restou o piloto da Ferrari ir para a sua parada, Caindo para o 5ºlugar. Todos os outros pilotos fizeram paradas por volta 25 até a 28. Os últimos a fazerem parada nos boxes foram Marcus Ericsson e Kevin Magnussen na volta 31.

Hamilton continuava líder com grande vantagem, para Raikkonen que estava em 2º, Mas a Mercedes vinha consumindo mais pneus que o carro da Ferrari, A cada volta Hamilton perdia de 1 a 1 segundo e meio do Finlandês. Dava para ver que o Hamilton era muito evidente e uma nova parada nos boxes era inevitável. Na volta 38, O piloto inglês foi para os boxes pela segunda vez.

Seriam 18 voltas para Hamilton voar para cima de todo mundo, Para ser campeão. Automaticamente Bottas cedeu o 3ºlugar para seu companheiro de equipe. Nas voltas 39, 40 e 41, Hamilton voou baixo com as melhores voltas da prova e estava se aproximando do Verstappen. Porém Verstappen também se aproximava do Raikkonen e o que estava por vir é um grande final de corrida. Mais atrás, Bottas que sofria com o desgaste dos pneus, começava a sentir a pressão de Sebastian Vettel em disputa a 4ªposição.

A 10 voltas do final, A diferença entre Raikkonen, Verstappen e Hamilton era de apenas 3.7 segundos. O piloto Finlandês tentava escapar do piloto Holandês enquanto que Hamilton tentava se aproximar do piloto da Red Bull, Porém Verstappen estava no ataque também e a turbulência provocada pelo carro do Holandês impedia um avanço do piloto da flecha prateada.

Verstappen e Hamilton tentavam abrir a asa móvel. Por uma volta o Holandês conseguiu abrir a asa móvel. Porém foi Hamilton nas voltas finais é que abriu a asa móvel para chegar em Verstappen.

Na antipenúltima volta, Hamilton foi para cima de Verstappen que acabou dando uma bobeada, Os dois ficaram praticamente lado a lado. Hamilton chegou a passar Verstappen, mas acabou saindo da pista e Verstappen acabou se dando bem e manteve a segunda posição. Com isso, Raikkonen abriu a vantagem suficiente para administrar a liderança até o final da prova.

Após 113 corridas sem vitória, Raikkonen leva a sua vitória de número 21 da carreira. A primeira vitória desde da sua volta a equipe italiana, Que ajudou a Adiar a decisão do título para o GP do México no circuito de Hermanos Rodriguez. Max Verstappen fez uma brilhante prova de recuperação e acabou em 2ºlugar a apenas 1.281 segundos atrás do Homem de Gelo.

Lewis Hamilton acabou não saindo do Texas do título, Mas o 3ºlugar deixa o piloto da Mercedes a apenas um 7ºlugar em qualquer uma das três corridas finais para ser o campeão do Mundo. Sebastian Vettel que viu as suas chances de título acabadas na maior parte da prova acabou ultrapassando no final a Valtteri Bottas ficando com o 4ºlugar. Só que agora não resta outro resultado a Vettel se não vencer as 3 provas finais e que Hamilton não faça mais do que 4 pontos nas três provas finais. Se Vettel deixar de ganhar uma das provas, O título será de Lewis Hamilton. Valteri Bottas acabou em 5º, Com os pneus bem desgastados.

Nico Hulkenberg e Carlos Sainz jr. (Mesmo com uma punição de 5 segundos) fizeram uma grande corrida e com o 6º e 7ºlugares praticamente garantiam o 4ºlugar dos construtores. Já o 8ºlugar tinha ficado com Esteban Ocon, Mas acabou sendo desclassificado após quebra do limite de fluxo de combustível de 100 kg / h durante a 1ªvolta da prova.

Kevin Magnussen que ficou em 9ºlugar também foi desclassificado, Por usar uma quantidade maior do que os 105 kg de combustível permitidos desde do momento da largada até o final da prova. Nisso tudo o 8ºlugar ficou com o Mexicano Sergio Perez com a Force India que sobreviveu da desclassificação.

Brendon Hartley que fez uma belíssima corrida com o carro da Toro Rosso. Com as desclassificações de Ocon e Magnussen o Neozelandês foi do 11º para o 9ºlugar, Seu melhor resultado na Formula 1. E a zona de pontuação é completada pelo Sueco Marcus Ericsson.

Stoffel Vandoorne da Mclaren acabou batendo na trave, Completando em 11ºlugar. Completando os pilotos que terminaram a prova ficaram Pierre Gasly da Toro Rosso, E Sergey Sirotkin e Lance Stroll da Williams.

Semana que vem teremos o GP do México de Formula 1, A prova que provavelmente vai definir o campeonato a favor de Lewis Hamilton, Que só precisa de um 7ºlugar para conquistar o pentacampeonato. Vettel precisa de um milagre para levar a decisão para o Brasil e mais ainda para Abu Dhabi e praticamente um milagre para levar o título em Abu Dhabi. Domingo que vem teremos a segunda tentativa de um Match Point de Lewis Hamilton.

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultado Final – GP dos Estados Unidos
18ªEtapa – Mundial de Formula 1 – 2018

pos Piloto Equipe Chassis Motor Voltas Tempo Grid
1 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 56 1:34:18.643 2
2 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 56 a 1.281s 18
3 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 56 a 2.342s 1
4 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 56 a 18.222s 5
5 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 56 a 24.744s 3
6 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 56 a 1:27.210 7
7 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 56 a 1:34.994 11
DES 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 56 a 1:39.288 6
DES 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 56 a 1:40.657 12
8 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 56 a 1:41.080 10
9 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 55 a 1 volta 20
10 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 55 a 1 volta 16
11 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 55 a 1 volta 17
12 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 55 a 1 volta 19
13 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 55 a 1 volta 14
14 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 54 a 2 voltas 15
16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 31 Abandono 9
3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 8 Elétrico 4
8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 2 Acidente 8
14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1 Acidente 13

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Renault/Toro Rosso/Force India/Haas

Lewis Hamilton conquista pole em Austin e da um importante passo para ser campeão no Texas

Lewis Hamilton deu o primeiro passo para comemorar o título no dia de Amanhã. Com dificuldades, Mas acabou levando a pole position de número 81 da carreira. E tem uma bela vantagem para Sebastian Vettel que vai partir da 5ªposição.

No Q1, Se destacou Hamilton, Colocando quase 4 décimos de frente para Bottas e Vettel. Fora dos 6 primeiros colocados, Pierre Gasly da Toro Rosso e Esteban Ocon da Force India foram os destaques do grupo intermediário.

Max Verstappen quebra a suspensão faltando 5 minutos para o final do Q1, A preocupação não era mais com a primeira parte, A Classificação para o Q2 tava garantida, Mas a Red Bull parece que não iria conseguir consertar a suspensão. Com isso Verstappen saiu do carro e deixou o treino.

No final, Fernando Alonso tentou de qualquer jeito passar para o Q2, Chega a marcar tempo para classificar. Mas no final da classificação, Brendon Hartley conseguiu um tempo que acabou desalojando o Espanhol do Q2.

No Q1, Foram Eliminados Alonso, Sergey Sirotkin, Lance Stroll, Marcus Ericsson e Stoffel Vandoorne.

Resultado do Q1:

pos Piloto Equipe Chassis Motor Tempo
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:34.130
2 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:34.518
3 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:34.569
4 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:34.703
5 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:34.755
6 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:34.766
7 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:34.850
8 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:34.876
9 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:34.891
10 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:34.892
11 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:34.932
12 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:34.972
13 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:35.069
14 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:35.193
15 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:35.206
16 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:35.294
17 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:35.362
18 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:35.480
19 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:35.536
20 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:35.735

Q2, Nem Hamilton e nem Bottas foram os mais rápidos. Raikkonen com os pneus mais macios marcou o melhor tempo e Vettel marcou o segundo tempo, Com os mesmos pneus médios que os dois pilotos da Mercedes usam, Hamilton foi para tentar uma nova volta para melhorar o seu tempo, E conseguiu marcando 1:33.480, ficando com a terceira posição.

Na metade do treinamento os classificados eram: Raikkonen, Vettel, Hamilton, Bottas, Ricciardo, Leclerc, Grosjean, Perez, Ocon e Hulkenberg. Verstappen não voltaria para o treino com a suspensão quebrada, Sainz, Magnussen, Gasly e Hartley buscavam a vaga para o Q3.

Magnussen tentou tirar a vaga de Hulkenberg, Mas acabou não conseguindo sair do 12ºlugar, E nem mesmo Carlos Sainz jr. conseguiu alguma coisa. Os pilotos da Toro Rosso nem treinaram, Com isso estava definido os pilotos que estavam classificados para o Q3. Sainz jr. , Magnussen, Gasly, Hartley e Verstappen foram eliminados.

Resultado do Q2:

pos Piloto Equipe Chassis Motor Tempo
1 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:32.884
2 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:33.079
3 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:33.480
4 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:33.702
5 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:34.185
6 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:34.255
7 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:34.419
8 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:34.522
9 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:34.525
10 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:34.564
11 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:34.566
12 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:34.732

No Q3, Ai se mostrou a força de Lewis Hamilton, Mas não foi tão fácil assim, Na sai primeira tentativa, Bottas e Hamilton disputaram pau a pau na briga pela liderança. Bottas fazia as melhores parciais e Hamilton logo depois baixava esse tempo. Resultado disso foi que Bottas marcou 1:32.686 e Hamilton marcou 1:32.567. Raikkonen fez já tempo na casa de 1:33.024.

Mas dai Vettel foi para a sua volta e colocou um belíssimo tempo de 1:32.655 e assumiu o segundo lugar. A apenas 88 milésimos a frente de Hamilton, Mas na verdade Vettel iria largar em 5ºlugar. Ricciardo vinha em 5º com Romain Grosjean em 6ºlugar da Haas.

Na parte final da classificação, Os pilotos foram para a última tentativa de tentarem tirar a 81ªpole de Lewis Hamilton.

Valtteri Bottas ficou a apenas 49 milésimos do piloto Inglês. Segundos depois aparece Kimi Raikkonen passando a liderança, com 1:32.307. Só que Hamilton segundos depois (Com o 2º e 3º melhores setores da classificação) marcou 1:32.237 e passou a frente de Raikkonen.

Vettel foi o último a marcar tempo e ficou perto de Hamilton, Com 1:32.298. O 2ºlugar na classificação acaba jogando Vettel para o 5ºlugar devido à punição que ele sofreu. Vai largar na 3ªFila. Foi difícil, Mas Hamilton acabou ficando com a pole position.

O piloto inglês pode sim ser o campeão da Formula 1. Depende do desempenho do Vettel na prova, Já que a Ferrari mostrou um desempenho tão bom como o desempenho da Mercedes. Kimi Raikkonen divide a primeira fila com o segundo lugar, O homem de gelo pode ser fundamental para ajudar Vettel nessa tentativa de adiar a decisão do campeonato.

Na segunda fila largam Valtteri Bottas que também pode ser importante para ajudar Hamilton e Daniel Ricciardo da Red Bull que é o intruso dessa guerra que vai se travar em Solo Norte-americano.

Vettel vai largar em 5ºlugar, Ao abrir a terceira fila. O piloto da Ferrari vai ter do seu lado Esteban Ocon da Force India. Na quarta fila larga Nico Hulkenberg da Renault e Romain Grosjean da Haas. A equipe Norte-Americana tem uma boa chance de ter uma boa corrida. Fechando os 10 primeiros colocados: Charles Leclerc da Sauber que levou mais uma vez a equipe ao Q3 e Sergio Perez da Force India.

Amanhã, As 15 horas teremos a prova que pode levar o título para Lewis Hamilton. Uma vitória do piloto Inglês com Vettel chegando de 3 para trás já é o bastante para o pentacampeonato. Para Vettel impedir esse campeonato ele precisa chegar à frente do piloto da Mercedes e levar a decisão para México.

A Resposta saberemos amanhã, Por volta das 16 horas e 40 minutos.

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Grid de largada do GP dos Estados Unidos
Formula 1 – 18ªEtapa

pos Piloto Equipe Chassis Motor Tempo Voltas
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:32.237 20
2 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:32.307 15
3 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:32.616 17
4 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:33.494 14
5 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:32.298 18
6 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:34.145 18
7 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:34.215 18
8 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:34.250 17
9 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:34.420 17
10 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:34.594 17
11 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:34.566 12
12 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:34.732 12
13 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H Sem Tempo – Q2 13
14 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H Sem Tempo – Q2 13
15 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer Sem Tempo – Q2 4
16 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:35.294 6
17 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:35.362 6
18 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:35.480 8
19 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:35.536 8
20 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:35.735 6

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Sauber/Force India/Renault/Haas

Hamilton leva de ponta a ponta em Suzuka e título fica em suas mãos com erro de Vettel

Lewis Hamilton em um domínio que durou o final de semana inteiro, Conquistou sua 71ªVitória de sua carreira e vendo Sebastian Vettel mais uma vez cometer um erro, Que fez o Alemão chegar em 6ºlugar. O pentacampeonato ficou bem mais perto do piloto Inglês, Que só precisa de mais de mais 8 pontos em cima de Vettel para acabar conquistando o campeonato em Austin. A Segunda opção é fazer 34 pontos independente dos resultados que Vettel conseguir até o final da temporada. Valtteri Bottas completou a dobradinha e Verstappen em Belíssima prova chegou a mais um pódio nessa temporada.

A primeira volta foi uma primeira volta incrível. Hamilton e Bottas mantiveram as primeiras posições após a largada, Com Verstappen e Raikkonen disputando o 3ºlugar. Vettel largou muito bem, Subiu do 8º para o 6ºlugar, Superando os dois pilotos da Toro Rosso (Hartley largou muito mal, Caindo para o 10ºlugar) subindo para o 6ºlugar, Antes da Reta oposta, Vettel ganhou a posição de Romain Grosjean subindo para o 5ºlugar. Na Chicane, Verstappen acabou passando do ponto , Mesmo assim ele insistiu em ficar na 3ªposição. Só que ele colocou Raikkonen para fora da pista. Isso fez o piloto Alemão passar o Homem de Gelo. Em 1 só volta, Vettel passou do 8º para o 4ºlugar e passou a partir para cima de Verstappen.

Na segunda Volta, Magnussen fez uma manobra inadequada e Charles Leclerc acabou batendo no piloto da Haas que acabou com o pneu furado. Vários destroços ficaram pela pista o que fez o Safety Car entrar na pista na 4ªVolta. Leclerc aproveitou para fazer a troca de pneus e também do seu bico danificado.

A Relargada aconteceu na volta 8. Antes da Relargada, A direção de prova deu uma punição de 5 segundos para Verstappen pela manobra ilegal em  cima de Raikkonen. Sebastian Vettel foi para cima de  do piloto Holandês, Mas acabou se precipitando em tentar ultrapassar na curva Spoon e acabou tocando no carro do Holandês. Vettel levou a pior e rodou, Caindo para o último lugar. Kevin Magnussen abandona na 9ªvolta. O que era ótimo para Hamilton que poderia aumentar ainda mais sua vantagem na liderança do Mundial.

Hamilton estava na frente, com tranquilos 2 segundos sobre Bottas que vinha mantendo os mesmos 2 segundos a frente de Verstappen que teria de cumprir os 5 segundos de pênalti que ele sofreu. Enquanto isso, Daniel Ricciardo vinha subindo de posição. Já estava em 7ºlugar na volta 12 após passar, Na volta 13 foi a vez de Pierre Gasly ser superado pelo piloto australiano. No final da mesma volta a vitima foi Romain Grosjean da Haas, Ricciardo que largou em 15ºlugar estava em 5ºlugar naquele momento da prova.

Vettel vinha em uma batalha terrível, estava em 15ºlugar com 32 segundos atrás do líder do campeonato. O Alemão começou a reagir, Em 2 voltas já estava na 13ºposição, Logo atrás de Fernando Alonso.

Na 18ªVolta, Raikkonen foi para a sua única parada. Na 19ªVolta, Alonso foi superado pelo Vettel subindo para o 12ºlugar. Enquanto Vettel subia, Hamilton aumentava sua vantagem para 4 segundos de frente a Bottas. Verstappen, Raikkonen, Ricciardo e Grosjean estavam nas 6 primeiras posições.

Na volta 22, Verstappen faz a parada e cumpre a sua punição., Ricciardo passou para o terceiro lugar. Raikkonen vinha recuperando posições sobre os pilotos que ainda não tinham feito a troca de pneus obrigatória. Na 24ªVolta, Bottas e Ricciardo pararam nos boxes. O piloto da Red Bull ganhou a posição em cima de Raikkonen e passou ao 4ºlugar. Dos lideres, Hamilton foi o último a parar na Volta seguinte. Voltou na liderança com 4 segundos de frente para Bottas.

Verstappen vinha 10 segundos atrás de Bottas em 3ºlugar. Daniel Ricciardo que largou do 15ºlugar já vinha em 4º. Raikkonen estava em 5º e Grosjean estava em 6ºlugar. Já Vettel vinha em 10º. Na 27ªVolta, O vice-líder do campeonato faz a sua parada assim como Alonso e Stroll. Os dois pilotos foram punidos, O Canadense não dando espaço e o Espanhol acabou cortando a chicane.

Vettel voltou em 16ºlugar. Logo depois outros pilotos acabaram indo para os boxes, Fazendo a parada. Charles Leclerc foi para cima de um Nico Hulkenberg com os pneus desgastados, E em uma bonita ultrapassagem passou o piloto da Renault que acabou perdendo logo a posição para o Sergio Perez. Na volta 30, Grosjean vai para os boxes. Voltando exatamente a frente do piloto Mexicano. O último a parar nos Boxes foi Carlos Sainz jr. na 33ªvolta.

Pierre Gasly estava na luta, ultrapassou Marcus Ericsson e ganhando o 11ºlugar. O Francês queria fazer ponto para a STR com os motores Honda. Na 34ªVolta, Vettel passou Grosjean e passou ao 6ºlugar.

Lá na frente, Hamilton estava tranquilo na Liderança, Mas Bottas começava a ver Verstappen cada vez mais perto. Era impressionante o desempenho do piloto da Red Bull. Nico Hulkenberg cansou de ficar lá atrás, Acabou indo para os boxes e deixando a prova. O Monegasco Charles Leclerc acabou com problemas na sua Sauber e abandonou na volta 41.

Safety Car Virtual foi acionado, Durou pouco tempo, Com a Relargada, Bottas tentou fugir de Verstappen, O piloto Holandês foi colocar pressão em Bottas, Que acabou sentindo essa pressão por duas vezes: 1º Ele fritou os pneus e por muito pouco não perdeu a 2ªposição para verstappen, Na segunda vez, Bottas passou reto na chicane. Dava para vez que o piloto Finlandês estava com problemas, A diferença entre ele e Hamilton aumentou para mais de 10 segundos de vantagem.

No grupo Intermediário, Sergio Perez passou por fora lindamente Romain Grosjean, Ganhando o 7ºlugar. A 3 voltas do final, Carlos Sainz jr. passou Pierre Gasly e desalojou o piloto da Toro Rosso da Zona de pontuação.

Lewis Hamilton, de ponta a ponta conquistou a sua 71ªVitória da carreira, só faltou ter a melhor volta da prova. (Vettel marcou a melhor volta da prova) O piloto da Mercedes esta cada vez mais perto do campeonato. Lewis já pode acabar com a disputa para daqui a 2 semanas, Caso ele vença e que o segundo lugar não seja o Vettel. Com 77 pontos faltando 75 em disputa, Hamilton já comemoraria o 5ºtítulo Mundial. Se igualando ao Juan Manuel Fangio.

Valtteri Bottas segurou Verstappen no final e acabou conquistando a dobradinha, Max Verstappen que apesar da manobra infeliz no final da primeira volta acabou fazendo uma grande corrida e completou o pódio, chegando ao 3ºlugar.

Daniel Ricciardo fez também uma grande corrida, Do 15ºlugar na largada acabou em uma estupenda 4ªposição, Compensando ao dia muito frustrante no Sábado. Já a Ferrari teve um dia para esquecer. Kimi Raikkonen ficou em 5ºlugar em uma corrida burocrática e Sebastian Vettel acabou em 6ºlugar e agora só um milagre para que ele chegue ao seu 5ºtítulo mundial. É incrível quanto o piloto Alemão não teve psicológico para superar a pressão de ter o melhor carro nas mãos.

Sergio Perez foi o melhor piloto do segundo pelotão, Acabou superando Grosjean com a Haas e chegou em 7ºlugar. Ajudando a Racing Point Force India a se aproximar da decadente Mclaren nessa parte final do campeonato. Romain Grosjean marca mais 4 pontos com o 8ºlugar e se aproxima da Renault que teve apenas 1 ponto conquistado. Graças ao 10ºlugar de Sainz jr. que fez uma prova esforçada com esse carro que parece ter perdido a mão ficando atrás de Haas e Force India.

Esteban Ocon completou em 9ºlugar. Pierre Gasly fez um final de semana competitivo, Mas acabou de fora da zona de pontuação em 11ºlugar. Marcus Ericsson levou a única Sauber a terminar a prova em 12ºlugar. Brendon Hartley que fez um belo treino do Sábado acabou fazendo uma corrida medíocre. O 13ºlugar é só mais um prego em seu caixão fora da Formula 1.

Fernando Alonso em mais uma prova triste ficou em 14ºlugar com sua Mclaren-Renault, Stoffel Vandoorne teve apenas a dignidade de ficar a frente de Sergei Sirotkin e de Lance Stroll com as Williams que está em uma situação ainda mais triste ainda.

Festa para Hamilton, Que pode ser campeão daqui a 2 semanas, Em Austin, No Circuito das Americas pode ser o local da Festa do pentacampeonato do piloto Inglês que vive em seu melhor momento da sua carreira.

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultado final do GP do Japão
17ªEtapa do Mundial de Formula 1

Pos Piloto Equipe Chassis Motor Voltas Tempo Grid
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 53 1:27:17.062 1
2 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 53 a 12.919 2
3 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 53 a 14.295 3
4 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 53 a 19.495 15
5 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 53 a 50.998 4
6 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 53 a 1:09.873 8
7 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 53 a 1:19.379 9
8 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 53 a 1:27.198 5
9 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 53 a 1:28.055 11
10 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 52 a 1 Volta 13
11 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 52 a 1 Volta 7
12 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 52 a 1 Volta 20
13 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 52 a 1 Volta 6
14 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 52 a 1 Volta 18
15 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 52 a 1 Volta 19
16 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 52 a 1 Volta 17
17 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 52 a 1 Volta 14
16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 38 Abandonou 10
27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 37 Abandonou 16
20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 8 Abandonou 12

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Red Bull/Ferrari/Haas/Force India/Renault/Mclaren/Toro Rosso