Silly Season já começou na Formula 1 – Em pleno final de semana do GP da Inglaterra

Apesar de estamos no meio da temporada de 2019, algumas dúvidas estão no ar para sabemos qual vai ser o grid de largada para o ano que vem e pra quais pilotos vão manter seus empregos e quem vai sair e ser substituído para 2020.

Para começar, Será que Valtteri Bottas merece ficar na Formula 1? Pelo que ele desempenhou até agora, Sim! O Finlandês vem fazendo uma grande temporada, Apesar do seu fraco desempenho no Canadá. Ele teve problemas de motor no Final do GP da França e na Áustria sofreu com o desgaste dos pneus e acabou segurando o pódio por muito pouco, Mas não podemos esquecer que é Lewis Hamilton seu companheiro de equipe e é bem difícil desafiá-lo. A Renovação pelo andar da carruagem deve ser feita após a primeira metade de temporada.

Para trocar o Finlandês só se ele estivesse mal ou tivesse alguém melhor no mercado para contratar. Hoje, Não tem muita gente melhor e quem é melhor esta contratado já. Então a renovação é o caminho mais possível. Esteban Ocon dessa forma terá de arrumar um outro lugar se quiser se manter competindo, As Chances maiores dele seriam ou na Force India com os Motores Mercedes ou com a Renault substituindo Nick Hulkenberg.

Triste é ver uma parcela dos comentaristas disfarçadamente (disfarçam muito mal) torcendo para Bottas ir mal e ser chutado da equipe Alemã. Não esta na hora desses jornalistas tomarem vergonha na cara e ficarem calados antes de Falarem esse tipo de coisa?

Quem realmente vem muito mal é Romain Grosjean. Ele conseguiu bater na saída dos boxes. Uma cena como essa aconteceu na prova da Formula Indy em Watkins Glen em 2017. Grosjean vem cada vez mais e mais se afundando na Formula 1, Se fosse um lance isolado até seria uma sena cômica, Mas isso é mais uma na conta do piloto Francês que esta na marca do Pênalti para ser Chutado.

Quem vai substituir o Francês? Pietro Fittipaldi eu acho difícil, Ele não parece ter desempenho, Não acho eu ele tenha nível para a categoria. Estão querendo forçar a barra para ter novamente um nome Fittipaldi e por que o carro tem as cores preta e dourada. Esse patrocinador chegou a esta fora da Haas por um dia: A Rich Energy tinha como objetivo até chegar a frente da Red Bull na guerra das bebidas energéticas. O Fim do acordo seria por causa do “desempenho ruim” no Grande Prêmio da Áustria. Quando a equipe chegou a ficar atrás da Williams. Ao contraio do que tinha sido o objetivo da marca, que era rivalizar com a Red Bull dentro e fora da pista.

“Nosso objetivo é vencer a Red Bull Racing e estar atrás da Williams na Áustria é inaceitável. A política e a atitude da equipe na F1 também estão inibindo nossos negócios. Desejamos boa sorte à equipe.”

Um dia depois, A equipe desmentiu esse boato e disse de forma clara que a “Rich Energy é atualmente o parceiro principal da Haas” Os Acionistas da Rich Energy reafirmaram seu compromisso com a equipe e que os twittes do suporto fim da parceria foram “ações desonestas” de um indivíduo solitário. Apesar disso esse patrocinador já esta com um desgaste e eu não duvidaria que ao final do ano esse investidor saia da equipe e também da Formula 1.

Não duvidaria nada que outro brasileiro possa entrar na equipe em 2020. Não seria nenhum absurdo que Sergio Sette Câmara possa correr pela Haas na próxima temporada. Já que na Mclaren a dupla de pilotos já esta confirmada para a próxima temporada. Carlos Sainz jr. e Lando Norris estão em grande momento juntamente com a equipe de Woking, que certamente é a 4ªmelhor equipe do campeonato.

A Mercedes tem tudo para voltar a dominar o GP da Inglaterra nesse final de semana, Dessa vez parece que a Ferrari possa ser a única equipe a ameaçar esse domínio. O primeiro tempo de Pierre Gasly no treino livre da Manhã foi uma surpresa, Ainda mais com o piloto francês. É a primeira vez que Gasly fica na frente de Max Verstappen, Que dificilmente vai ter uma atuação tão fantástica como teve na Áustria. Já seu companheiro de equipe tem a prova do final de semana e as provas da Alemanha e Hungria para mostrar a equipe que ele merece continuar na principal equipe de Dietrich Mateschitz.

Caso não consiga ficar na Red Bull, Gasly provavelmente deve voltar a Toro Rosso. E possivelmente um dos dois (Ou Daniil Kvyat ou Alexander Albon) pilotos da equipe filial da Red Bull poderão subir para a equipe oficial. Provavelmente se forem espertos a ponto de não queimar outro jovem piloto eles deveriam subir o Russo, Até porque eles tem uma dívida moral com Daniil Kvyat que foi retirado de maneira criminosa da Red Bull após o GP da Rússia de 2016. Albon poderia ficar para depois, Quem sabe subir ele para a equipe principal em 2021 ou 2022 ou até o Tailandês (Que faz uma boa temporada de estreia) possa sair da equipe para fazer sua carreira fora do Esquema da Red Bull.

Amanhã, As 7 da manhã teremos o 3ºtreino livre e as 10 da manhã teremos a classificação valendo para o Grid de largada da 10ªetapa do Mundial de Formula 1.

Resultado dos Treinos Livres

1ºTreino Livre

posPilotosEquipeChassiMotorTempoVoltas
110Pierre GaslyAston Martin Red Bull RacingRB15Honda RA619H1:27.17325
277Valtteri BottasMercedes AMG Petronas MotorsportF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:27.62929
333Max VerstappenAston Martin Red Bull RacingRB15Honda RA619H1:28.00921
444Lewis HamiltonMercedes AMG Petronas MotorsportF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:28.12226
516Charles LeclercScuderia Ferrari Mission WinnowSF90Ferrari 0641:28.25321
65Sebastian VettelScuderia Ferrari Mission WinnowSF90Ferrari 0641:28.30421
727Nico HulkenbergRenault F1 TeamR.S.19Renault E-Tech 191:28.80321
83Daniel RicciardoRenault F1 TeamR.S.19Renault E-Tech 191:29.03124
923Alexander AlbonRed Bull Toro RossoSTR14Honda RA619H1:29.09326
1055Carlos SainzMcLaren F1 TeamMCL34Renault E-Tech 191:29.16231
114Lando NorrisMcLaren F1 TeamMCL34Renault E-Tech 191:29.17023
1211Sergio PerezSportPesa Racing Point F1 TeamRP19BWT Mercedes1:29.45327
1326Daniil KvyatRed Bull Toro RossoSTR14Honda RA619H1:29.50026
1418Lance StrollSportPesa Racing Point F1 TeamRP19BWT Mercedes1:29.65725
1599Antonio GiovinazziAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:30.09924
1620Kevin MagnussenRich Energy Haas F1 TeamVF-19Ferrari 0641:30.60524
1763George RussellROKiT Williams RacingFW42Mercedes M10 EQ Power+1:30.74125
187Kimi RäikkönenAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:30.74712
198Romain GrosjeanRich Energy Haas F1 TeamVF-19Ferrari 0641:30.81122
2088Robert KubicaROKiT Williams RacingFW42Mercedes M10 EQ Power+1:32.12127

2ºTreino Livre

posPilotosEquipeChassiMotorTempoVoltas
177Valtteri BottasMercedes AMG Petronas MotorsportF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:26.73225
244Lewis HamiltonMercedes AMG Petronas MotorsportF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:26.80135
316Charles LeclercScuderia Ferrari Mission WinnowSF90Ferrari 0641:26.92930
45Sebastian VettelScuderia Ferrari Mission WinnowSF90Ferrari 0641:27.18030
510Pierre GaslyAston Martin Red Bull RacingRB15Honda RA619H1:27.24931
64Lando NorrisMcLaren F1 TeamMCL34Renault E-Tech 191:27.54638
733Max VerstappenAston Martin Red Bull RacingRB15Honda RA619H1:27.56232
855Carlos SainzMcLaren F1 TeamMCL34Renault E-Tech 191:27.98739
923Alexander AlbonRed Bull Toro RossoSTR14Honda RA619H1:27.99738
1011Sergio PerezSportPesa Racing Point F1 TeamRP19BWT Mercedes1:28.00232
1126Daniil KvyatRed Bull Toro RossoSTR14Honda RA619H1:28.00836
1220Kevin MagnussenRich Energy Haas F1 TeamVF-19Ferrari 0641:28.05930
137Kimi RäikkönenAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:28.12633
143Daniel RicciardoRenault F1 TeamR.S.19Renault E-Tech 191:28.12817
1527Nico HulkenbergRenault F1 TeamR.S.19Renault E-Tech 191:28.21734
1618Lance StrollSportPesa Racing Point F1 TeamRP19BWT Mercedes1:28.24037
1799Antonio GiovinazziAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:28.29428
188Romain GrosjeanRich Energy Haas F1 TeamVF-19Ferrari 0641:28.79426
1988Robert KubicaROKiT Williams RacingFW42Mercedes M10 EQ Power+1:29.93537
2063George RussellROKiT Williams RacingFW42Mercedes M10 EQ Power+1:30.51411

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Haas/Red Bull/Mclaren/Toro Rosso

“Nós avançamos sem medo, como sempre.” – Esse é o lema da Mclaren no lançamento do MCL34 para a temporada 2019

O novo carro da Mclaren – O MCL34 fez sua primeira aparição na semana passada, O laranja tradicional da equipe de Bruce Mclaren continua junto do azul com um layout um pouco diferente do ano passado. Mclaren Racing depois de 12 anos troca inteiramente de pilotos (Em 2007 eles tiveram Fernando Alonso e do novato Lewis Hamilton substituindo Kimi Raikkonen e Pedro de la Rosa ) e pelo segundo ano seguido usa os motores Renault.

6ºLugar no Mundial de Construtores, A Mclaren contará com o Espanhol Carlos Sainz jr. e com o novato Lando Norris de 19 anos. A equipe planeja continuar com seu programa de recuperação para 2019.

O Espanhol Carlos Sainz e o Inglês Lando Norris falaram sobre o novo carro e as expectativas para a temporada de 2019.

Carlos Sainz: Estou com muita vontade de andar nos testes e muito entusiasmado com visual do Carro da Mclaren. Estou consciente de que todo mundo trabalhou muito na fábrica ao longo do inverno para nós preparamos para essa temporada. Eu acho que a equipe fez um ótimo trabalho com o MCL34.

De minha parte estou muito concentrado em minha preparação. Mudei minha rotina de treinamento e dieta, eu tenho realizado sessões específicos no simulador e passei mais tempo com os engenheiros para desenvolver e ajustar algumas características do carro para as minhas preferências. A fábrica tornou minha segunda casa desde de quando me mudei para a Inglaterra. Sabemos que enfrentamos um grande desafio, Mas antes devemos avaliar em qual patamar que estamos após os testes. A partir daí, não vejo a hora para começar a competir e avançar com a equipe pelo resto da temporada.

Lando Norris: “Serio, Eu não posso esperar para entrar no volante do carro nos testes de Barcelona. Eu trabalhei duro durante o inverno para me preparar para essa chegada a Formula 1, Passei muito tempo com a equipe na fábrica, aprendendo tudo que for possível para me preparar para 2019”

“Tem sido meu sonho chegar a Formula 1 desde de quando eu era criança. Tive a oportunidade de ganhar experiência participando de várias sessões de treinamento no ano de 2018, Agora estou ansioso em começar a carreira pela Mclaren. O MCL34 parece ser um carro fantástico e eu quero realmente pilotara-lo.

O CEO da Mclaren Zak Brown, também comentou sobre sua expectativa sobre a temporada

“O MCL34 é o resultado de muitíssimo trabalho e dedicação de toda a equipe. Todos estamos comprometidos, Motivados e Unidos nessa mesma ambição de tornar a Mclaren voltar a ser competitivo. O MCL34 a apenas o começo desse processo”.

“Temos uma nova dupla de pilotos representando uma nova geração de pilotos talentosos na Formula 1, Eles são uma parte fundamental da equipe no nosso esforço de fazer a equipe progredir.” … “A Família Mclaren não é só composta apenas por pessoas e motoristas, Mas também pelos nossos patrocinadores e fãs incríveis. Temos uma forte comunidade de patrocinadores que continua crescendo e um número enorme de fãs que permanecem fiéis e nos apoiam nos melhores e nos piores momentos e querem agradecer a eles antes de começar a temporada de 2019.”

“Nós avançamos sem medo, como sempre.” 

Dados técnicos

Chassi: MCL34 Monoposto composto de fibra de carbono que incorpora controles do motorista e célula de combustível
Estruturas de Segurança: A célula de sobrevivência de cabine incorpora uma estrutura resistente ao impacto e painéis anti-penetração, estrutura de impacto frontal, estruturas de impacto lateral em conformidade com os regulamentos, estrutura de impacto traseira integrada, estruturas de proteção frontal e traseira de capotamento e o componente de segurança Halo

Carroçaria: Composto de fibra de carbono que inclui a tampa do motor, pontões, piso, nariz, spoiler dianteiro e traseiro com DRS dirigido pelo piloto

Suspensão dianteira e traseira: Garfo de fibra de carbono duplo com elementos de suspensão pushrod que operam a barra de torção interna e sistema de amortecedor
Peso total do veículo: 743kg (incluindo piloto, excluindo combustível) A distribuição do peso é entre 45,4% e 46,4%
Eletrônica: McLaren Technologies. Incluindo controle do chassi, controle da unidade de potência, aquisição de dados, sensores, análise de dados e telemetria.
Instrumentos   
Painel de controle: McLaren Applied Technologies
Sistema de freio: Pinças e cilindros de freio Akebono
Pastilhas e discos de freio de carbono
Pneus:Pirelli P Zero
Pneus Aro:Enkei
Radio: Kenwood
Pintura: AkzoNobel Car
Sistemas de refrigeração: Calsonic Kansei          
Fabricação avançada: Mazak Advanced Technology Solutions

Unidade de Potência

Motor: Renault E-Tech 19
Peso mínimo: 145 kg

Componentes principais  da unidade de potência          

Motor de combustão interna (ICE)
Motogerador – Kinetic (MGU-K) 
Motogerador – Calor (MGU-H)
Armazém de energia (ES)
Turbocompressor
Sistemas de controle eletrônico

Motor de combustão interna

Capacidade: 1,6 litros
Cilindros: 6
Ângulo de inclinação: 90 graus
Número de válvulas: 24
Rotações máxima: 15.000 rpm
Taxa máxima de fluxo de combustível :100 kg / hora (mais de 10.500 rpm)
Limite de consumo de combustível/Capacidade de combustível:  110 kg
Injeção de combustível: Injeção direta, um único injetor por cilindro, máximo de 500 bar Carregamento de pressão: Compressor de um estágio e turbina de exaustão, eixo comum

Sistema de recuperação de energia

Arquitetura : Recuperação de energia híbrida integrada através de motores-geradores

MGU-K elétrico conectado ao virabrequim
MGU-H elétrico conectado ao turbocompressor
Armazém de energia: Bateria de iões de lítio entre 20 e 25 kg
Armazenamento máximo de energia: 4 MJ por volta
MGU-K – Rotação máxima: 50.000 rpm
Potência máxima: 120 kW
Máxima recuperação de energia: 2 MJ por volta
Alimentação máxima: 4 MJ por volta
MGU-H – Velocidade máxima: 100.000 rpm
Potência máxima: ilimitada
Recuperação máxima de energia: ilimitado
Fonte de alimentação máxima: ilimitado
Caixa de câmbio: Compartimento principal composto de fibra de carbono, montado longitudinalmente com Marchas: 8 Marchas + Marcha Reversa
Logística de Transporte feito pelos caminhões da Volvo
Transporte: Caminhões Volvo
Designers: Pat Fry (Diretor de Motores) e Peter Prodromou (Chefe de Aerodinâmica)

Pilotos:

55. Carlos Sainz jr. (Espanha)
4. Lando Norris (Inglaterra)

Patrocinadores: Estrella Galícia, Petrobras, Richard Miller, Hilton, FxPro, Dell, Sap, CNBC

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mclaren

Lewis Hamilton fecha temporada com Vitória em Abu Dhabi

Lewis Hamilton fechou a temporada com brilhantismo e conquistou sua 73ªvitória da carreira no circuito de Yas Marina. Apesar de não ter tido tanto trabalho, A equipe Mercedes arriscou uma parada no começo da prova para ele, No que acabou dando certo no final da prova.

Na largada, Hamilton, Bottas, Vettel, Raikkonen e Ricciardo mantiveram as primeiras posições. Quem largou bem foi Leclerc que pulou do 8º para o 6ºlugar, Já Verstappen recuou do 6º para o 10ºlugar. Na curva 9, Grosjean toca no carro do Hulkenberg que acaba capotando, Apesar disso o piloto nada sofreu. Safety Car na pista. Diante dessa confusão, Charles Leclerc passou Riccardo passando para o 5ºlugar.

Brendon Hartley foi para os boxes. O Safety Car ficou por 4 voltas, Na relargada na volta 5 e Hamilton e Bottas disparam na frente, Com Vettel, Raikkonen e Leclerc. O motor de Max Verstappen não estava indo bem, Estava com falta de potência nas retas. Consequência disso é que os Carros da Force India chegaram a ultrapassar o piloto Holandês, Que conseguiu a ultrapassagem sobre os dois. (Perez na volta 5 e Ocon na volta 6)

No começo da 7ªVolta, O Finlandês Kimi Raikkonen tem problemas Elétricos e acabou abandonando a prova. O Safety Car Virtual foi acionado. Com isso a Mercedes de Hamilton, A Sauber de Leclerc e a Haas de Grosjean aproveitaram para chamar seus pilotos para fazerem suas paradas. Com isso, Bottas assumiu a liderança com Vettel, Riccardo, Verstappen e Hamilton em 5ºlugar.

O Safety Car Virtual acabou saindo no final da volta 8. Hamilton já foi para cima de Verstappen, Chega a passar o piloto da Red Bull, Mas acabou tomando o troco do jovem piloto Holandês que voltou ao 4ºlugar. Mais atrás Charles Leclerc vinha recuperando posições, Já em 12ºlugar atrás de Fernando Alonso. Brendon Hartley chegou a bater no muro macio, Mas não foi o suficiente para tira-lo da prova.

Bottas vinha com 2 segundos de Frente para Vettel, Que tentou baixar a diferença para o piloto da Mercedes, Naquela altura do campeonato o finlandês tomava o terceiro lugar no Mundial de Pilotos. Carlos Sainz jr. vai para cima de Marcus Ericsson, O Espanhol com um carro um pouco melhor que o carro do piloto Sueco, Na Segunda reta oposta, Sainz jr. passa Ericsson e ganha o 9ºlugar.

Na 16ªVolta, Vettel vai para os boxes e volta logo atrás de Ocon, Em meia volta o piloto da Ferrari supera o piloto francês, indo para o 5ºlugar. Na Volta 17 para Valtteri Bottas, A liderança passa a ser de Daniel Ricciardo. Max Verstappen parou na volta 18 e voltou atrás de Vettel. Hamilton passou para o segundo lugar a 6 segundos atrás de Daniel Ricciardo que era o único a não ter parado ainda.

Na volta 23 começa a cair algumas gotas de chuva. Algo Inédito em corrida em Abu Dhabi que poderia mudar a prova a favor do piloto Australiano. O Sueco Marcus Ericsson encerra sua passagem na Formula 1 com um abandono. Seu carro apresentou problemas que impediram dele continuar. Na Volta 27, Leclerc acabou passando Fernando Alonso assumindo a 9ªposição. Na Volta seguinte, Alonso faz sua última parada nós boxes da sua carreira.

Na Metade da prova apenas Riccardo, Sainz jr., Magnussen, Stroll, Vandoorne e Sirotkin não tinham feito a parada obrigatória.

Stoffel Vandoorne faz uma bonita manobra de ataque em cima de Ocon e Grosjean, Mesmo com os pneus de 30 voltas. Porém depois ele não pode fazer milagre e acaba perdendo as 2 posições.

Daniel Ricciardo foi para os boxes na 33ªVolta, Lewis Hamilton volta a liderar a prova, Bottas vinha em 2º, Vettel ,Verstappen e Ricciardo completavam os 5 primeiros lugares. Riccardo com os pneus mais novos que os pilotos da frente poderia evoluir no final da prova.

Na 35ªVolta, Os pneus de Bottas acusam problemas e Vettel ultrapassou o piloto da Mercedes, Passando para o segundo lugar. O piloto da Mercedes ficou para Verstappen que aparentava muito mais ritmo de corrida e foi para cima. Na volta 37, Verstappen pegou a posição de Bottas, Na Volta 38 foi à vez de Ricciardo ganhar posição em cima do piloto Finlandês.

A Mercedes teve de fazer uma segunda parada para colocar os pneus mais macios e tentar alguma coisa na reta final da prova.

Vettel vinha tirando alguma vantagem de Hamilton, Com esperanças de brigar pela vitória em Abu Dhabi. Porém Lewis manteve a vantagem sempre em 5 segundos. A 10 Voltas do final, Esteban Ocon abandona em sua última corrida na Force India com problemas de Vazamento de óleo, Na volta seguinte foi a vez de Pierre Gasly deixar a prova com o mesmo problema.

Daniel Ricciardo tentava partir para cima de Max Verstappen na reta final para ganhar o pódio em sua última corrida na Red Bull. E nas 2 voltas finais, Sergio Perez partiu para cima de Charles Leclerc.

Lewis Hamilton acabou segurando a liderança, E com a diferença de 2 segundos e meio em cima de Sebastian Vettel ele conquista sua 73ªVitória da Carreira, Fechando com chave de ouro a temporada de 2018. O Inglês alcançou 408 pontos em 21 corridas, com 11 vitórias, 11 Poles e 17 pódios.

Sebastian Vettel acabou em 2ºlugar com sua Ferrari e Max Verstappen conquistou o pódio em 3ºlugar, Segurando a pressão de Daniel Ricciardo. Com o resultado o Holandês termina a temporada em 4ºlugar no Mundial de Pilotos. Por falar em Daniel Ricciardo encerrou seu circulo na Red Bull com o 4ºlugar na corrida.

Valtteri Bottas que tinha tudo para ficar em terceiro lugar acabou tendo os problemas com os pneus. Com o 5ºlugar ele além de não conseguir superar Kimi Raikkonen acabou perdendo no Campeonato para Max Verstappen, Sai de 2018 em baixa, Além de ter sido o único piloto dos grandes a não ter vencido corridas.

Carlos Sainz jr. com uma bela corrida acabou em 6ºlugar com a Renault que fica com o 4ºlugar no Mundial de Construtores. Charles Leclerc termina a temporada em alta, Com seu melhor final de semana, Completa a prova em 7ºlugar segurando a Sergio Perez que ficou em 8ºlugar. Porém, Os dois pontos a mais da Sauber acabou marcando em Abu Dhabi não foram o suficiente para a equipe Suíça superando a Force India (Racing Point). Com os 59 pontos ganhos antes da mudança de nome, A antiga equipe de Vijay Mallya ficaria com 111 pontos e seria a 5ªcolocada nos Construtores.

Romain Grosjean e kevin Magnussen completaram a zona de pontuação em 9º e 10ºlugar com a Haas.

Fernando Alonso encerrou sua carreira lutando por posições, Sendo competitivo a corrida inteira, Mas sem um bom carro nas mãos ninguém faz milagre. O Espanhol ficou em 11º. Brendon Hartley apesar da Batida ficou em 12ºlugar, O Neozelandês dificilmente vai continuar na Toro Rosso.

Lance Stroll termina o ano com um 13ºlugar, Participando da pior campanha da história da Williams na Formula 1. Stoffel Vandoorne que também não vai estar no Grid da Formula 1 terminou em 14º e Sergey Sirotkin ficou em 15º também se despede da categoria.

Em dezembro teremos uma retrospectiva da temporada e uma analise de cada piloto e de cada equipe em 2018 e as expectativas para a temporada de 2019.

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultado final da 21ªEtapa do Mundial de Formula 1
GP de Abu Dhabi

Pos Piloto Equipe Chassis Motor Voltas Tempo Grid
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 55 1:39:40.382 1
2 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 55 a 2.581s 3
3 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 55 a 12.706s 6
4 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 55 a 15.379s 5
5 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 55 a 47.957s 2
6 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 55 a 72.548s 11
7 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 55 a 90.789s 8
8 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 55 a 91.275s 14
9 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 54 a 1 volta 7
10 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 54 a 1 volta 13
11 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 54 a 1 volta 15
12 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 54 a 1 volta 16
13 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 54 a 1 volta 20
14 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 54 a 1 volta 18
15 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 54 a 1 volta 19
10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 46 Vazamento de Óleo 17
31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 44 Vazamento de Óleo 9
9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 24 Abandono 12
7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 6 elétrico 4
27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 0 Acidente 10

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Renault/Force India/Mclaren/Sauber/Haas

Hamilton leva a pole em Hermanos Rodriguez em treino disputado, No final Rosberg consegue entrar na primeira fila

Hamilton em busca do tetracampeonato conquistou a pole position. Um final de semana aonde o piloto inglês foi o dominador o final de semana inteiro em cima de Nico Rosberg, que conseguiu se achar no final e salvar o 2ºlugae e a primeira fila do grid.

No Q1 tivemos surpresas, Primeira delas foi que a Haas que tinha saído do jejum de pontos desde do GP da Áustria em sua casa teve um treino para esquecer com Romain Grosjean tem problemas em marcar uma volta e na última volta rápida o piloto francês acabou sendo atrapalhado pelo totalmente questionado (No Mínino para não dizer um piloto fraco) Esteban Gutierrez que rodou em sua última volta o que fez Grosjean abortar a última tentativa, Resultado disso foi o 21ºlugar com o Gutierrez que ficou em 17ºlugar também caindo fora logo na primeira parte da classificação.

Daniil Kvyat com problemas de Motor ficou de fora do Q2 em 18ºlugar, Um ano terrivel para ele desde do GP da Espanha. O Contrato com a Toro Rosso para 2017 foi a melhor notícia para ele nessa temporada. Os outros dois eliminados foram Felipe Nasr, Que já esta totalmente fritado pela equipe Sauber, desde da notícia de que ele estaria as portas de entrar na equipe Force India para 2017. já o piloto Sueco Marcus Ericsson passou até com facilidade para o Q2 e Esteban Ocon que viu seu companheiro de equipe o Alemão Pascal Wehrlein fazer uma grande volta classificando a Manor para o Q2 favorecido pelo motor Mercedes.

Jolyon Palmer não treinou devido ao chassi que foi danificado no 3ºTreino Livre.

Resultado do Q1:

1     44     Lewis Hamilton         (Mercedes)             1:19.447
2     7     Kimi Räikkönen         (Ferrari)             1:19.554
3     3     Daniel Ricciardo     (Red Bull Racing TAG Heuer)     1:19.713
4     5     Sebastian Vettel     (Ferrari)             1:19.865
5     33     Max Verstappen         (Red Bull Racing TAG Heuer)     1:19.874
6     6     Nico Rosberg         (Mercedes)             1:19.996
7     11     Sergio Perez         (Force India Mercedes)         1:20.308
8     77     Valtteri Bottas     (Williams Mercedes)         1:20.338
9     19     Felipe Massa         (Williams Mercedes)         1:20.423
10     55     Carlos Sainz         (Toro Rosso Ferrari)         1:20.457
11     14     Fernando Alonso     (McLaren Honda)         1:20.552
12     27     Nico Hulkenberg     (Force India Mercedes)         1:20.599
13     9     Marcus Ericsson     (Sauber Ferrari)         1:21.062
14     20     Kevin Magnussen     (Renault)             1:21.254
15     22     Jenson Button         (McLaren Honda)         1:21.333
16     94     Pascal Wehrlein     (MRT Mercedes)             1:21.363
17     21     Esteban Gutierrez     (Haas Ferrari)             1:21.401
18     26     Daniil Kvyat         (Toro Rosso Ferrari)         1:21.454
19     12     Felipe Nasr         (Sauber Ferrari)         1:21.692
20     31     Esteban Ocon         (MRT Mercedes)             1:21.881
21     8     Romain Grosjean     (Haas Ferrari)             1:21.916

No Q2 as atenções se voltaram para o Mexicano Sergio Perez que acabou desapontando a todos os seus torcedores é não conseguiu tempo suficiente para se classificar para o Q3. Ao contraio do seu companheiro Nico Hulkenberg, que andou muito bem levando o carro para o 6ºlugar classificando com uma bela volta no final do Treino.

Para Hamilton era tudo que ele queria para mudar a história do campeonato em 2ºlugar, Para Rosberg a situação era crítica demais, O tempo dele era apenas o 5º dos tempos que passaram para o Q3. As Williams também trataram de garantir suas vagas para o Q3, O que deixou Fernando Alonso de Fora do Q3.

Além de Alonso e Perez acabaram eliminados: Jenson Button com a outra Mclaren,  e as esperadas eliminações de Kevin Magnussen (Que esta ameaçado seu futuro na Formula 1) da Renault, Marcus Ericsson com a Sauber que de forma definitiva esta dando preferência mesmo para o piloto da Suécia e Pascal Wehrlein que fez um grandioso trabalho por levar a Manor para o Q3.

Classificados foram Max Verstappen que foi o mais rápido no Q2 dando a esperança da Red Bull tentar a pole position, Lewis Hamilton, Sebastian Vettel, Daniel Ricciardo, Nico Rosberg, Nico Hulkenberg, Kimi Raikkonen, Valtteri Bottas, Felipe Massa e Carlos Sainz jr.

Resultado do Q2:

1     33     Max Verstappen         (Red Bull Racing TAG Heuer)     1:18.972
2     44     Lewis Hamilton         (Mercedes)             1:19.137
3     5     Sebastian Vettel     (Ferrari)             1:19.385
4     3     Daniel Ricciardo     (Red Bull Racing TAG Heuer)     1:19.553
5     6     Nico Rosberg         (Mercedes)             1:19.761
6     27     Nico Hulkenberg     (Force India Mercedes)         1:19.769
7     7     Kimi Räikkönen         (Ferrari)             1:19.936
8     77     Valtteri Bottas     (Williams Mercedes)         1:19.958
9     19     Felipe Massa         (Williams Mercedes)         1:20.151
10     55     Carlos Sainz         (Toro Rosso Ferrari)         1:20.169
11     14     Fernando Alonso     (McLaren Honda)         1:20.282
12     11     Sergio Perez         (Force India Mercedes)         1:20.287
13     22     Jenson Button         (McLaren Honda)         1:20.673
14     20     Kevin Magnussen     (Renault)             1:21.131
15     9     Marcus Ericsson     (Sauber Ferrari)         1:21.536
16     94     Pascal Wehrlein     (MRT Mercedes)             1:21.785

decisao_mexico-2

No Q3 Lewis Hamilton sobrou enquanto Rosberg sofreu, Mas conseguiu o segundo lugar. Na primeira tentativa Hamilton já decidiu a pole fazendo 1:18.704 enquanto que Rosberg fez uma volta ruim caindo para o 4ºlugar atrás dos dois pilotos da Red Bull. O Austráliano Daniel Ricciardo em 2º e Max Verstappen em 3º. A Ferrari decepcionou ficando atrás das duas equipes quando parecia que eles iria disputar a pole com a Mercedes na Sexta-feira.

Rosberg tinha que tentar saltar para o segundo lugar para continuar sua tática de preservar a chance de ser o campeão do mundo sem precisar vencer mais. O problema é que Verstappen e Ricciardo foram para a tentativa final para melhorar seus tempos também.

Ricciardo e Verstappen melhoraram seus tempos com o Holandês na frente de Ricciardo na segunda posição. Pressionado na sua volta final Rosberg teve de superar para fazer o tempo de 1:18.958 e garantir o lugar na primeira fila, Era tudo que o piloto Alemão queria.

Hamilton garantiu a pole position e não basta só ele vencer, Ele tem que torcer por um insucesso do seu companheiro de equipe pois com 26 pontos de diferença o que mais não pode acontecer para Hamilton é que Rosberg termine as 3 corridas em 2ºlugar.

Max Verstappen larga em 3ºlugar com Daniel Ricciardo em 4ºlugar ambos da Red Bull de forma supreendente  já que o Motor da equipe Austríaca é menos potente do que os Motors Ferrari e Mercedes.

Mas supreedente foi o 5ºlugar de Nico Hulkenberg que andou muito bem com a Force India superando os pilotos da Ferrari que ficaram com o 6º e 7ºlugares. Valtteri Bottas e Felipe Massa largam em 8º e 9ºlugares com a Williams que luta com a Force India que esta disputando o 4ºlugar no mundial de construtores. Carlos Sainz jr. com a Toro Rosso completa os 10 primeiros colocados.

Daqui a pouco as 5 da Tarde teremos o GP do México de Formula 1

Grid de largada do GP do México
19ªEtapa

Posição Piloto Equipe Chassis Motor Tempo Fase da Classificação
1 Lewis Hamilton 44 Mercedes W07 Mercedes PC106C Hybrid 1:18.704 Q3
2 Nico Rosberg 6 Mercedes W07 Mercedes PC106C Hybrid 1:18.958 Q3
3 Max Verstappen 33 Red Bull RB12 TAG Heuer 1:19.054 Q3
4 Daniel Ricciardo 3 Red Bull RB12 TAG Heuer 1:19.133 Q3
5 Nico Hulkenberg 27 Force India VJM09 Mercedes PC106C Hybrid 1:19.330 Q3
6 Kimi Raikkonen 7 Ferrari SF16-H Ferrari 061 1:19.376 Q3
7 Sebastian Vettel 5 Ferrari SF16-H Ferrari 061 1:19.381 Q3
8 Valtteri Bottas 77 Williams FW38 Mercedes PC106C Hybrid 1:19.551 Q3
9 Felipe Massa 19 Williams FW38 Mercedes PC106C Hybrid 1:20.032 Q3
10 Carlos Sainz jr. 55 Toro Rosso STR11 Ferrari 060 1:20.378 Q3
11 Fernando Alonso 14 Mclaren MP4-31 Honda RA616H 1:20.282 Q2
12 Sergio Perez 11 Force India VJM09 Mercedes PC106C Hybrid 1:20.287 Q2
13 Jenson Button 22 Mclaren MP4-31 Honda RA616H 1:20.673 Q2
14 Kevin Magnussen 20 Renault RS16 Renault RE16 1:21.131 Q2
15 Marcos Ericsson 9 Sauber C35 Ferrari 061 1:21.536 Q2
16 Pascal Wehrlein 94 Manor MRT05 Mercedes PC106C Hybrid 1:21.785 Q2
17 Esteban Gutierrez 21 Haas VF-16 Ferrari 061 1:21.401 Q1
18 Daniil Kvyat 26 Toro Rosso STR11 Ferrari 060 1:21.454 Q1
19 Felipe Nasr 12 Sauber C35 Ferrari 061 1:21.692 Q1
20 Esteban Ocon 31 Manor MRT05 Mercedes PC106C Hybrid 1:21.881 Q1
21 Romain Grosjean 8 Haas VF-16 Ferrari 061 1:21.916 Q1
22 Jolyon Palmer 30 Renault RS16 Renault RE16 Sem tempo Q1

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes

Rosberg vence em Mônaco por erro de estratégia da Mercedes de Hamilton

Nessa corrida o que um piloto construiu em 64 voltas acabou destruído por uma tática desastrosa, Foi o resumo do GP de Mônaco que acabou vencido pelo alemão Nico Rosberg com a Mercedes em uma sonolenta prova talvez a pior da temporada junto do australia que foi também um porre.

Na Largada Hamilton manteve a primeira posição seguido de Rosberg, Vettel e Kvyat que tomou o 4ºlugar de Ricciardo. Dois incidentes aconteceram no começo da prova, Felipe Massa se chocando com Pastor Maldonado na saída da Saint Devoit e Nico Hulkenberg indo parar no muro perdendo o seu bico  e tendo de ir aos boxes igual ao Brasileiro Felipe Massa, Já Maldonado acabou deixando a prova no começo por causa de problemas de Freios na 6ªVolta.

A Partir dai a corrida começou a ser uma procissão daquelas bem sofridas com praticamente nenhuma emoção, As únicas mudanças aconteciam quando Massa passou os dois pilotos da Manor e brigas entre Rosberg e Vettel, Ricciardo e Raikkonen, Mas ultrapassagem praticamente era quase impossível de se concretizar.

Final de semana para esquecer para Massa, Bottas e a Williams.
Final de semana para esquecer para Massa, Bottas e a Williams.

Os pilotos fizeram a sua parada única nos boxes já que os pneus tinham pouco desgaste em Mônaco, O que aconteceu na prova foi apenas Hamilton abrindo diferença para Rosberg que tinha por perto Sebastian Vettel, Com Nasr e Sainz fazendo belas corridas de recuperação, Perez resistindo em 7ºlugar com o carro da Force India. Nesse meio tempo tivemos o abandono de Fernando Alonso que vinha em 9ºlugar e continua na seca na zona de pontuação.

A Corrida depois continuou na sua monotonia até que na Volta 64 Max Verstappen tentou a ultrapassagem em cima de Romain Grosjean valendo o 10ºlugar, Mas acabou sendo uma manobra infeliz, Verstappen atingiu Grosjean e bateu forte no muro na curva Saint Devoit, Foi dada a entrada do safety car virtual, Mas logo a o real Safety car foi para a pista e vários pilotos aproveitaram para fazerem suas paradas. Hamilton foi para os Boxes, Mas Rosberg e Vettel não foram para os boxes…

…E ai a Mercedes matou Hamilton com essa parada tanto é que ele voltou atrás de Rosberg e de Vettel, Na Largada Hamilton por mais que tentasse não conseguiu passar Vettel e Rosberg deve ter agradecido a Mercedes pelo belíssimo trabalho que fizeram ao seu companheiro de equipe dai foi só levar o carro até o final e vencer pela terceira vez seguida em Mônaco e igualando o Feito de Graham Hill, Alain Prost e Ayrton Senna que venceram em 3 anos seguidos.

Vettel segurou de forma soberba a Hamilton e levou a Ferrari a segunda posição e Hamilton que dominou a corrida acabou lesado pela tática da Mercedes acabou com cara de poucos amigos em 3ºlugar e vendo sua vantagem diminuir de 20 para 10 pontos quando poderia sair de Mônaco com 27 pontos na frente.

O Russo Danill Kvyat conseguiu seu melhor resultado na Formula 1 ficando em 4ºlugar após começo de ano muito abaixo do que se esperava dele fazendo uma corrida melhor do que Daniel Ricciardo que fez a parada nos boxes quando estávamos em Safetycar e depois da relargada passou Kimi Raikkonen e Passou Danill Kvyat por pedido da equipe e foi para cima de Hamilton e Vettel para tentar até chegar em 2ºlugar, Mas acabou ficando para trás e devolvendo posição para Kvyat ficando em 5ºlugar, Raikkonen em 6º teve uma corrida bem apagada em relação ao Sebastian Vettel.

Sergio Perez levou mais 6 pontos com a Force India em final de semana que ele apagou totalmente a Nico Hulkenberg com belo desempenho no Treino oficial e na corrida foi manter o seu carro até o final na 7ªposição.

Nasr conseguiu levar a Sauber a 9ªposição num final de semana difícil.
Nasr conseguiu levar a Sauber a 9ªposição num final de semana difícil.

Jenson Button quebra um jejum de quase 7 anos sem a Honda marcar pontos na Formula 1, Pelo menos o motor Honda (Última Vez foi Rubens Barrichello em 2008 no GP da Inglaterra) e faz a Mclaren marcar pontos pela primeira vez no ano com o 8ºlugar mostrando que o Chassi da equipe de Woking é o que tem de melhor na Mclaren e que falta é a potência do motor Honda. Felipe Nasr com um carro bem abaixo do que ele tinha no começo da temporada largou em 15º e numa corrida muito forte levou a Sauber a mais dois pontos o que leva o time suíço a manter o 5ºlugar no mundial de construtores e deu uma surra em seu companheiro de equipe o Regular Marcus Ericsson que ficou em 13º e na 10ªposição completando a zona de pontuação largando do último lugar ficou com Carlos Sainz jr. com a Toro Rosso fazendo excelente corrida de recuperação.

Nico Hulkenberg numa corrida apagada ficou de fora da Zona de pontuação em 11º, Romain Grosjean que por pouco não abandonou a corrida pela manobra de Max Verstappen que acabou dando errado na entrada da Saint devoit levou a Lotus que sobrou da corrida (Ou melhor a Única Lotus na pista) em 12º Ericsson em 13º com a Sauber engolido pelo Nasr.

Para as Williams uma corrida para esquecer, viveram um dia de Mclaren-Honda ou de Minardi, Bottas ficou em 14ºlugar e Massa em 15ºlugar sem qualquer possibilidade de bom resultado e a frente apenas dos dois pilotos da Manor dessa vez com o Espanhol Roberto Merhi na frente de Will Stevens.

Daqui a duas semanas teremos a primeira corrida das Américas em Montreal no Canadá e Hamilton terá que dar a virada ou Rosberg continuar sua luta para tomar a liderança do campeonato, Vettel vai voltar a incomodar e as Williams voltam ao pelotão de frente? Veremos daqui a 2 semanas na 7ªEtapa do Mundial de Formula 1.

Piloto Número Equipe-Motor Chassis Voltas Tempo Grid de Largada Pontos
1. Nico Rosberg
6
Mercedes F1 W06 Hybrid 78
1:49:18.420
2 25
2. Sebastian Vettel
5
Ferrari SF15-T 78
a 4.486
3 18
3. Lewis Hamilton
44
Mercedes F1 W06 Hybrid 78
a 6.053
1 15
4. Danill Kvyat
26
Red Bull-Renault RB11 78
a 11.965
5 12
5. Daniel Ricciardo
3
Red Bull-Renault RB11 78
a 13.608
4 10
6. Kimi Raikkonen
7
Ferrari SF15-T 78
a 14.345
6 8
7. Sergio Perez
11
Force India-Mercedes VJM08 78
a 15.013
7 6
8. Jenson Button
22
Mclaren-Honda MP4-30 78
a 16.063
10 4
9. Felipe Nasr
12
Sauber-Ferrari C34 78
a 23.626
14 2
10. Carlos Sainz jr.
55
Toro Rosso-Renault STR10 78
a 25.026
20 1
11. Nico Hulkenberg
27
Force India-Mercedes VJM08 78
a 26.232
11
12. Romain Grosjean
8
Lotus-Mercedes E23 Hybrid 78
a 28.415
15
13. Marcus Ericsson
9
Sauber-Ferrari C34 78
a 31.159
17
14. Valtteri Bottas
77
Williams-Mercedes FW37 78
a 45.789
16
15. Felipe Massa
19
Williams-Mercedes FW37 77
a 1 Volta
12
16. Roberto Merhi
98
Manor-Ferrari MR03 76
a 2 Voltas
20
17. Will Stevens
28
Manor-Ferrari MR03 76
a 2 Voltas
19
Max Verstappen
33
Toro Rosso-Renault STR10 62
Acidente
9
Fernando Alonso
14
Mclaren-Honda MP4-30 41
Câmbio
13
Pastor Maldonado
13
Lotus-Mercedes E23 Hybrid 5
Freios
8

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes / Williams / Sauber