Mundial de Motovelocidade -GP de Doha – 2ªEtapa – Moto 3

A classificação do Mundial de Motovelocidade começou com a Moto 3, a categoria escola do campeonato. E tivemos uma brilhante atuação de um estreante que conquistou uma vitória improvável e saiu de Losail como líder do Mundial de pilotos.

Ao contraio da semana passada, todo mundo foi de imediato para a pista para a primeira tentativa. Três deles desistiram, dois deles da Leopard Racing (Artigas e Foggia) e Jason Dupasquier da PruestelGP e foram para os boxes. Os outros 11 pilotos foram para a volta rápida.

Desde do inicio, Andrea Migno mostrou ser o mais rápido da sessão, sua primeira volta marcou 2:07.374, na volta seguinte, o piloto da Snipers marcou 2:06.925 e colocou quase meio segundo em cima de Filip Salac, seu companheiro de equipe. Fellon e Rossi eram os outros classificados.

Lembram dos pilotos que desistiram da primeira tentativa? Enquanto todos voltaram para os boxes, Artigas, Foggia e Dupasquier voltaram para a pista para marcarem suas voltas e acabaram sendo boas voltas, Foggia marcou o 2ºtempo, Dupasquier e Artigas vinham logo atrás, todos vinham se classificando junto de Migno que era soberano na repescagem.

A 4 minutos do final, todos foram para a pista para a tentativa final, algo que Artigas, Foggia e Dupasquier já vinham fazendo. Os pilotos da Leopard Racing melhoram um pouco mais suas marcas e superaram Jason Dupasquier, deixando o piloto Suíço na bolha. Porém, os outros pilotos não alcançaram sua marca. Salac teve a chance de entrar na zona de classificação, mas acabou até mesmo superado por Adrian Fernandez da equipe de Max Biaggi e ficou em 6ºlugar na sessão.

Os Classificados foram mesmo Migno (Bem superior aos demais), Foggia e Artigas da Leopard e Dupasquier da PruestelGP (que marcou seus primeiros pontos na 1ªcorrida na semana anterior).

Resultado do Q1:

pospilotoequipemototempo
116 Andrea MignoRivacold Snipers TeamHonda2’06.925
27 Dennis FoggiaLeopard RacingHonda2’07.034
343 Xavier ArtigasLeopard RacingHonda2’07.043
450 Jason DupasquierCarXpert PruestelGPKTM2’07.354
531 Adrian FernandezSterilgarda Max Racing TeamHusqvarna2’07.541
612 Filip SalačRivacold Snipers TeamHonda2’07.661
720 Lorenzo FellonSIC58 Squadra CorseHonda2’07.749
871 Ayumu SasakiRed Bull KTM Tech 3KTM2’07.948
954 Riccardo RossiBOE OwlrideKTM2’07.994
1099 Carlos TatayAvintia Esponsorama Moto3KTM2’08.011
1192 Yuki KuniiHonda Team AsiaHonda2’08.011
1273 Maximilian KoflerCIP Green PowerKTM2’08.233
1319 Andi GilangHonda Team AsiaHonda2’08.469
1453 Deniz ÖncüRed Bull KTM Tech 3KTMSem Tempo

Os pilotos da equipe Ajo que fizeram dobradinha na semana anterior foram os primeiros a entrarem na pista. Os 18 pilotos eram divididos em dois grupos, o primeiro eram liderados por Masia e Acosta e o outro grupo era formado por Migno e os pilotos da Leopard Racing.

Na primeira volta, Sergio Garcia e Izar Guevara da Gas Gas faziam a dobradinha, até que veio Andrea Migno e acabou tomando a ponta com 2:06.730 a 9 minutos e 45 segundos do final. Niccolò Antonelli vinha logo atrás das duas Gas Gas em 4º.

Não se dando bem na primeira volta, o argentino Gabriel Rodrigo foi enfurecido na sua nova volta, essa fúria dá resultado e o piloto da Gresini fez uma bela volta e subiu para a 6ªposição. Andrea Migno em sua nova volta fez 2:06.619 a menos de 7 minutos do final, fica bem difícil a situação da concorrência sobre o domínio do piloto da Snipers. Garcia e Guevara vinham completando a primeira fila, Antonelli, Acosta e Rodrigo formavam a segunda fila.

A 4 minutos do final, os pilotos começaram a sair para a última tentativa de desbancar Andrea Migno. Na reta final, Masia que vinha em 17º, Sergio Garcia e Darryn Binder vinham quebrando os cronômetros na reta final, quem levou a melhor foi o vencedor da 1ªetapa, Jaume Masia marcou 2:05.913 e acabou conquistando a pole position, um ótimo começo de temporada para o piloto da equipe Ajo.

Completariam a primeira fila os espanhóis Sergio Garcia da Gas Gas e Jeremy Alcoba da Gresini, Porém, Garcia teria de largada dos boxes por condução perigosa no 2ºtreino livre. Com isso, Gabriel Rodrigo que fez um treino muito bom herda posição na primeira fila. Tatsuki Suzuki (que se recuperou muito bem na corrida da semana anterior) abre a segunda fila e Andrea Migno que dominava o Q2 e que poderia terminar o dia com a pole position perde no final e acaba o dia na 5ªposição. Darryn Binder da Petronas vai fechar a 2ªfila.

Completam os 10 primeiros colocados: John McPhee da Petronas, Pedro Acosta da Ajo, Izan Guevara da Gas Gas e Jason Dupasquier da PruestelGP.

Grid de Largada:

pospilotoequipemototempo
15 Jaume MasiaRed Bull KTM AjoKTM2’05.913
352 Jeremy AlcobaIndonesian Racing Gresini Moto3Honda2’06.158
42 Gabriel RodrigoIndonesian Racing Gresini Moto3Honda2’06.346
524 Tatsuki SuzukiSIC58 Squadra CorseHonda2’06.407
616 Andrea MignoRivacold Snipers TeamHonda2’06.619
740 Darryn BinderPetronas Sprinta RacingHonda2’06.643
817 John McPheePetronas Sprinta RacingHonda2’06.646
1028 Izan GuevaraGASGAS Gaviota Aspar TeamGASGAS2’06.833
1150 Jason DupasquierCarXpert PruestelGPKTM2’06.967
1223 Niccolo AntonelliAvintia Esponsorama Moto3KTM2’07.025
1327 Kaito TobaCIP Green PowerKTM2’07.108
1643 Xavier ArtigasLeopard RacingHonda2’07.252
176 Ryusei YamanakaCarXpert PruestelGPKTM2’07.429
531 Adrian FernandezSterilgarda Max Racing TeamHusqvarna2’07.541
612 Filip SalačRivacold Snipers TeamHonda2’07.661
720 Lorenzo FellonSIC58 Squadra CorseHonda2’07.749
871 Ayumu SasakiRed Bull KTM Tech 3KTM2’07.948
1099 Carlos TatayAvintia Esponsorama Moto3KTM2’08.011
1192 Yuki KuniiHonda Team AsiaHonda2’08.011
1273 Maximilian KoflerCIP Green PowerKTM2’08.233
1319 Andi GilangHonda Team AsiaHonda2’08.469
211 Sergio GarcíaGASGAS Gaviota Aspar TeamGASGAS2’06.012
937 Pedro AcostaRed Bull KTM AjoKTM2’06.829
1455 Romano FenatiSterilgarda Max Racing TeamHusqvarna2’07.145
1582 Stefano NepaBOE OwlrideKTM2’07.197
187 Dennis FoggiaLeopard RacingHonda2’07.498
954 Riccardo RossiBOE OwlrideKTM2’07.994
1453 Deniz ÖncüRed Bull KTM Tech 3KTMSem Tempo

Na corrida que aconteceu no final da tarde, abrindo a programação do Domingo teria 7 dos 28 pilotos largando dos boxes. Dennis Foggia, Sergio Garcia, Pedro Acosta, Deniz Oncü, Ricardo Rossi, Romano Fenati e Stefano Nepa teriam de partir do pit lane. Os outros 21 partiriam normalmente.

Na largada, Gabriel Rodrigo pula muito bem e passa da 3ª para a 1ªposição com Binder, Suzuki e Masia logo atrás. A liderança do argentino dura poucas curvas, Darryn Binder acabou tomando a liderança para si. Lá atrás, todo mundo largou e estava 10 segundos atrás do pelotão. Xavier Artigas que vinha em 9º teria de pagar 2 voltas longas de punição (por ter provocado o acidente na 1ªEtapa do Mundial), na primeira volta longa o piloto da Leopard caiu para a 21ªposição.

Lá na frente, muitas mudanças de posição na liderança. Tatsuki Suzuki, Kaito Toba, Darryn Binder e Filip Salac (O tcheco na 4ªvolta) tiveram o gostinho de liderarem a corrida. No meio do pelotão, John McPhee e Izar Guevara por pouco não provocam um acidente. Quem agradecia era o pelotão de trás, liderado por Pedro Acosta e Romano Fenati que vinha quase 1 segundo mais rápido por volta.

Salac e Suzuki duelaram pela ponta a 4ªvolta inteira, mas foram engolidos por Gabriel Rodrigo e a turma e caíram para 5ª e 6ªposições (Com o Japonês na frente). Nas voltas 6 e 7, Darryn Binder da Petronas e Andrea Migno da Snipers passaram a liderar a prova. O Vacuo era o fator que deixava a prova imprevisível. Porém, Migno conseguiu por 1 volta evitar a ação do vácuo e passou para a volta 8 na liderança, com Toba da CIP em 2º, Masia em terceiro, Adrián Fernández da equipe de Max Biaggi em 4º Darryn Binder na 5ªposição.

Enquanto isso, Acosta e Fenati chegaram no Ferron e não demoraram muito para superar o segundo piloto da SIC58, eles estavam a 6.8 segundos da liderança e chegando volta após volta. Na entrada da 9ªVolta, Darryn Binder passa para a ponta e tenta junto de Salac, Rodrigo, Migno, Toba e Masia uma fuga do resto do pelotão.

Masia ficou revoltado e chegou a dar o troco no piloto Japonês, mas Toba não é o tipo do piloto que deixa a coisa barata, Na entrada da 10ªVolta, ele dá um chega pra lá em Masia com mais força. Prejuizo ficou para o piloto da equipe Ajo que caiu para a 11ªposição.

Na 11ªVolta, dois pilotos passaram a liderar pela primeira vez, primeiro foi Jeremy Alcoba, do começo da volta até a curva 5, foi quando Ayumi Sasaki superou o piloto da Gresini para liderar a prova por 1 curva e depois Jeremy Alcoba deu o troco e voltou a ponta. Depois dos dois vinham: Rodrigo, Toba, Migno, Suzuki, McPhee, Salac, Masia e Guevara.

Na volta 12, Migno voltou a liderar a prova, com Toba em 2º após superar Gabriel Rodrigo. Os primeiros a caírem ao chão e abandonarem a corrida foram: Xavier Artigas na 12ªvolta e Filip Salac no começo da 13ªvolta. Nesse momento, Migno e Suzuki disputavam a liderança e Acosta, Sergio Garcia, Fenati e Nepa chegaram no pelotão da frente, a 6 voltas do final da prova.

Migno e Toba vinham disputando a liderança curva após curva, até que John McPhee se intromete entre os dois (Passando Migno) e passa a lutar pela ponta com Kaito Toba. Quando o escocês achou que iria levar a ponta, acabou dando azar com Jeremy Alcoba que caiu (após tocar em Darryn Binder) bem a frente de McPhee que também foi ao chão, ambos abandonaram a prova. Adrien Fernandez e Carlos Tatay se estranharam e também abandonaram a prova após ambos caírem ao chão (curva 6).

Toba chegou a ser o líder, mas acabou superado por Migno, Binder  que assumiram as 2 primeiras posições. A 3 Voltas do final, Masia passou para a liderança com Migno, Binder, Rodrigo e Acosta (que partiu do pit lane para a 5ªposição a menos de 3 voltas do final). Gabriel Rodrigo passou para a liderança no estalar da penúltima volta de prova, superando Masia, Binder, Acosta e Migno que se afastaram dos demais pilotos que brigavam pela 6ªposição. Sergio Garcia caiu quando vinha em 9º e saiu da disputa por posições a frente.

Acosta passou Binder na metade da penúltima volta, depois sem conversa passou também por Masia e para comprar sua odisseia o piloto da equipe Ajo passou para a ponta na volta final, com Binder em 2º e Gabriel Rodrigo em 3º, depois de passar Migno e Masia de forma espetacular, mas Masia em tentativa de voltar ao pódio acabou jogando Rodrigo para fora da pista, nessa manobra mal sucedida ambos perderam posições.

Por incrível que pareça, Pedro Acosta que partiu dos boxes acabou com a vitória em Losail, uma brilhante vitória do estreante, isso na sua segunda participação no Mundial de Motovelocidade. De quebra, também passa a liderar o campeonato. Darryn Binder conquista o segundo pódio na temporada com a 2ªposição e completando o pódio, o italiano Niccolò Antonelli da Avintia em grande atuação na reta final de corrida.

Andrea Migno fez um grande final de semana, mas faltou um pouco para levar o lugar no pódio. Em 5º ficou o Japonês Kaito Toba da CIP, seguido de Izar Guevara da Gas Gas/Aspar Martinez, Ayumi Sasaki da Tech 3, Ryusei Yanamaka da PruestelGP, Jaume Masia da Ajo e Romano Fenati da equipe de Max Biaggi.

Gabriel Rodrigo foi muito prejudicado pela manobra de Masia e acabou a corrida na 12ªposição, quando poderia ter muito bem ter conquistado um pódio. Yuni Kunii conquistou seu primeiro ponto no Mundial de Motovelocidade.

Resultado final do Mundial de Motovelocidade
Moto 3 – 18 Voltas – GP de Doha – 2ªEtapa

pospilotoequipemototempo
137 Pedro AcostaRed Bull KTM AjoKTM38’22.430
240 Darryn BinderPetronas Sprinta RacingHondaa 0.039
323 Niccolo AntonelliAvintia Esponsorama Moto3KTMa 0.482
416 Andrea MignoRivacold Snipers TeamHondaa 0.514
527 Kaito TobaCIP Green PowerKTMa 0.651
628 Izan GuevaraGASGAS Gaviota Aspar TeamGASGASa 0.708
771 Ayumu SasakiRed Bull KTM Tech 3KTMa 1.805
86 Ryusei YamanakaCarXpert PruestelGPKTMa 1.857
95 Jaume MasiaRed Bull KTM AjoKTMa 1.875
1055 Romano FenatiSterilgarda Max Racing TeamHusqvarnaa 1.967
1150 Jason DupasquierCarXpert PruestelGPKTMa 1.994
1224 Tatsuki SuzukiSIC58 Squadra CorseHondaa 2.234
132 Gabriel RodrigoIndonesian Racing Gresini Moto3Hondaa 2.235
1473 Maximilian KoflerCIP Green PowerKTMa 2.249
1592 Yuki KuniiHonda Team AsiaHondaa 2.260
1682 Stefano NepaBOE OwlrideKTMa 5.359
177 Dennis FoggiaLeopard RacingHondaa 11.052
1853 Deniz ÖncüRed Bull KTM Tech 3KTMa 11.085
1954 Riccardo RossiBOE OwlrideKTMa 15.996
2020 Lorenzo FellonSIC58 Squadra CorseHondaa 17.130
2199 Carlos TatayAvintia Esponsorama Moto3KTMa 18.480
2219 Andi GilangHonda Team AsiaHondaa 25.872
2311 Sergio GarcíaGASGAS Gaviota Aspar TeamGASGASa 41.914
17 John McPheePetronas Sprinta RacingHondaa 4 Voltas
52 Jeremy AlcobaIndonesian Racing Gresini Moto3Hondaa 4 Voltas
31 Adrian FernandezSterilgarda Max Racing TeamHusqvarnaa 4 Voltas
12 Filip SalačRivacold Snipers TeamHondaa 6 Voltas
43 Xavier ArtigasLeopard RacingHondaa 7 Voltas

Fotos:

image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host image host

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Deixe uma resposta