Marquez leva a 9ªVitória seguida na Alemanha e sai para as férias com 46 pontos a frente de Rossi

Marc Marquez não teve as dificuldades de ontem quando dramaticamente conquistou a 9ªpole seguida. O Espanhol conquistou pela 9ªVez seguida em Sachsering, na Alemanha. A Formiga Atômica sai para as férias com 46 pontos a frente de Valentino Rossi.

Na largada, Lorenzo largou melhor que Marquez e assumiu a liderança, Com Danilo Petrucci ganhando o segundo Lugar do líder do campeonato. Rossi, Viñales, Crutchlow e Dovizioso vinham nas 7 primeiras posições.

Na 3ªVolta, Cal Crutchlow passou Viñales ganhando o 5ºlugar. Essa volta foi o termino da prova de Alex Rins que caiu do 11º para o 23ºlugar na primeira volta. Não satisfeito, O piloto Britânico partiu para cima do Valentino Rossi. Lorenzo tenta abrir diferença para o Petrucci que era pressionado pelo Marquez, Rossi e Crutchlow.

Na Volta 5, A Formiga Atômica ataca o piloto da Pramac, Ganhando a 2ªPosição e partido para cima do Lorenzo, Mas sem pressa. Marquez assim como em Assen estava preservando seus pneus, Enquanto que Lorenzo vinha gastando tudo que podia para manter-se na liderança.

Dovizioso ultrapassou Viñales na mesma volta 5, O piloto da Ducati ganhou o 6ºlugar. No final da volta, O Japonês Takaagi Nakagami acabou indo para o Chão e deixando a prova.

Marquez com a melhor volta da prova dizimou a vantagem de Lorenzo e partiu para a pressão. Assim como Petrucci sendo pressionado pelo “Doutor” Valentino Rossi, Disputa pelo 3ºlugar. Ao começar a 9ªVolta, O piloto da Yamaha passou o piloto da Ducati subindo para o terceiro lugar. Na volta 11, Cal Crutchlow que vinha em 5ºlugar acabou indo para o Chão e deixava a LCR Honda de fora da prova.

A Se destacar o grande desempenho de Alvaro Bautista, Que vinha em uma sensacional 6ªposição com sua Ducati de 2017 da Equipe de Angel Nieto.

Na Volta 13, Lorenzo erra. Os pneus dele começam a acusar o desgaste de pneus. Marc Marquez se aproxima. A Chance era agora de tomar a liderança e ir embora para a 9ªVitória na Alemanha. No final da volta 13, Marquez passa Lorenzo e assume a primeira posição. O piloto da Ducati teria de se virar para deter Rossi com sua Yamaha.

Marquez estava ainda poupando os pneus enquanto que Lorenzo se segurava como pode, Rossi pressionava, e Pressionava, esperando o momento certo para o Bote em cima do Gladiador do Asfalto. Petrucci, Dovizioso, Bautista e Viñales completavam o primeiro grupo de pilotos, Pedrosa e Zarco fazendo provas fracas em 8º e 9ºlugar e o Malaio Sharyin em uma decente 10ªposição.

No começo da 17 Volta, Lorenzo erra a tangência da curva 1 e toma ultrapassagem do Valentino Rossi que assume o segundo lugar. Parceria que no momento que Rossi se livrava de Lorenzo, Marquez começar a andar forte e abre vantagem para rumar mais uma vitória. Enquanto isso, Lorenzo tentava retomar a 2ªposição, Um pouco mais atrás. Petrucci, Dovizioso, Bautista e Viñales. Com muita garra e mostrando uma moto que rendia melhor, Alvaro Bautista pressionou Dovizioso em duas tentativas de ultrapassagem. Foi na segunda que ele acabou jantando o piloto oficial da Ducati ganhando o 5ºlugar, Deixando Dovi para o Marevick Viñales.

A 7 Voltas do Final, Viñales com os pneus preservados ultrapassou Dovizioso passando para o 6ºlugar. Na volta seguinte, O piloto da Yamaha passou Bautista passando para o 5ºlugar.

O final da Ducati team foi bem ruim, Jorge Lorenzo já não conseguia andar com os pneus tão desgastados. Foi uma vitima fácil para Petrucci que ganhou o 3ºlugar, Naquele momento o último lugar do pódio era dele a 5 voltas do final.

Lorenzo seria ultrapassado pelo Viñales e por Bautista, Caindo para o 6ºlugar. Viñales foi atrás e Petrucci, Na busca do pódio. Apesar do piloto da Ducati Pramac ter um bom desempenho  no final de semana inteiro. Acabou o Marevick Viñales passando na metade da penúltima volta ao 3ºlugar. A Yamaha conseguia o que era possível. 2º e 3ºlugar.

A vitória, com Marquez nessa pista era fora de qualquer cogitação. Marc Marquez com tranquilidade na parte final de prova conquistou a vitória. Foi a 5ªVitória na temporada em 9 provas, E foi a 9ªVitória seguida (2010 (Moto 3), 2011 e 2012 (moto 2), 2013 até 2018 pela MotoGP) É espantoso como um piloto pode ter um desempenho impecável em um circuito como a Formiga Atômica tem com esse circuito Alemão.

Valentino Rossi termina a prova em 2ºlugar e esta a 46 pontos atrás de Marquez na liderança do campeonato. O pódio foi completado pelo Marevick Viñales, Também com a Yamaha que foram muito bem hoje.

Danilo Petrucci, mesmo sem o pódio teve um grande final de semana e conseguiu uma bela 4ªposição. Alvaro Bautista com a moto Ducati de 2017 deu um pau nos pilotos oficiais com o 5ºlugar.

Lorenzo com os pneus mais macios, Arriscou demais e acabou despencando na reta final, Ficando em 6ºlugar, Dovizioso com pneus mais duros acabou também tendo problemas de desgaste e acabou ficando em 7ºlugar. A Fábrica Italiana precisa ver esses problemas de desgaste de pneus caso ainda queira disputar o título desse ano, Se ainda for possível fazer isso.

Dani Pedrosa acabou em 8ºlugar, num fim de semana fraco se comparado com a Honda oficial do Marc Marquez. Johann Zarco também teve um final de semana nada elogiável com o 9ºlugar, Sendo o melhor piloto da Tech 3 com a Yamaha de 2016. Quem fechou os Top 10 foi o britânico Bradley Smith que contou com uma grande largada, Mas nada além disso. Um desempenho decente para o piloto da KTM.

O Malaio Hafizh Syarhin veio em 11ºlugar, A seguir um decepcionante Andrea Iannone com a Suzuki em 12º, Esteve Rabat levando a Avintia aos pontos, Jack Miller que teve uma boa recuperação salvando 2 pontos com o 14ºlugar e Scott Redding que fez uma corrida Digna, Completando a Zona de Pontuação.

Stefan Bradl teve um final de semana Heroico, Apesar de não ter conseguido marcado ponto, Acabou dando um passeio no Suíço Thomas Luthi que esta na Marc VDS desde do começo da temporada. O piloto que ainda não marcou ponto no campeonato ficou a frente apenas de Karel Abraham e Xavier Simeon.

O Mundial de Motovelocidade volta no dia 5 de Agosto com o tradicional GP da República Tcheca. Marquez sai para as férias com quase 2 provas de diferencia. O Espanhol já abre uma bela diferença para encaminhar o 5 título em 6 temporadas na MotoGP.

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultado final do GP da Alemanha
Moto GP – Mundial de Motovelocidade

pos piloto Equipe Moto Tempo
1 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda 41’05.019
2 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha a 2.196
3 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha a 2.776
4 9 Danilo Petrucci Alma Pramac Racing Ducati a 3.376
5 19 Alvaro Bautista Angel Nieto Team Ducati a 5.183
6 99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati a 5.780
7 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati a 7.941
8 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda a 12.711
9 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha a 14.428
10 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM a 21.474
11 55 Hafizh Syahrin Monster Yamaha Tech 3 Yamaha a 25.809
12 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki a 25.963
13 53 Tito Rabat Reale Avintia Racing Ducati a 29.040
14 43 Jack Miller Alma Pramac Racing Ducati a 29.325
15 45 Scott Redding Aprilia Racing Team Gresini Aprilia a 34.123
16 6 Stefan Bradl EG 0,0 Marc VDS Honda a 38.207
17 12 Thomas Luthi EG 0,0 Marc VDS Honda a 49.369
18 17 Karel Abraham Angel Nieto Team Ducati a 1’01.022
19 10 Xavier Simeon Reale Avintia Racing Ducati a 1’16.692
35 Cal Crutchlow LCR Honda CASTROL Honda a 21 Voltas
30 Takaaki Nakagami LCR Honda IDEMITSU Honda a 26 Voltas
42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki a 27 Voltas
44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM a 27 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Sem categoria

Deixe uma resposta