Jules Bianchi, O Fim de um sofrimento já esperado – Piloto Francês morreu nessa sexta-feira em Nice

O Francês Jules Bianchi faleceu no inicio de dia na França e noite de ontem no Brasil após 9 duros meses de luta no hospital devido ao terrível acidente ocorrido no Chuvoso GP do Japão no ano passado aonde o carro da Marussia dele acabou saindo da pista e se chocando com o trator que retirava o carro do piloto Alemão Adrian Sutil, Foi um acidente feio, tanto é que a corrida Japonesa no ano passado acabou encerrada na volta 43. Imagens e vídeo do acidente nesse link

Bianchi foi levado para o hospital Em Nagoya e passou por uma cirurgia devido a uma lesão axonal difusa, Depois de 1 mês no Japão ele foi levado para o Hospital Universitário em Nice e de lá não saiu mais seguindo lutando para conseguir reagir e sobreviver, Mas ontem a família de Jules Bianchi anunciou para o mundo que o Piloto francês tinha falecido

“Jules lutou até o fim, como sempre fez, mas ontem sua batalha terminou. Nós sentimos uma dor imensa e indescritível”. Assim falou a família de Bianchi em Nota oficial.

Nessa mesma semana para o Info France Philippe Bianchi falou da sua tristeza com a situação vivida naquele momento : “é insuportável. É uma tortura diária. Às vezes, sinto que estamos enlouquecendo, porque, para mim, certamente é mais cruel do que se ele tivesse morrido” Possivelmente a Família se por um lado está triste pelo Falecimento de Jules Bianchi pois acreditava que ele poderia um dia reagir, Mas por um outro lado acabou sendo um alivio para a Família que estava vendo dia a dia a situação não mudar e os tratamentos não surtirem efeito.

Jules Bianchi correu por 34 corridas na Formula 1 todas pela equipe Marussia, Seu melhor resultado na categoria foi o 9ºlugar no GP de Mônaco, marcando os 2 únicos pontos da equipe Russa e são esses mesmos pontos que fizeram a Manor continuar na categoria até porque com a posição de Bianchi a Marussia ficou em 9ºlugar nos construtores e com isso pode ter o Dinheiro de Premiação por essa classificação. Esse pode ter sido o maior legado que o piloto de 25 anos deixou em sua carreira.

Fotos:

 

View post on imgur.com

Carreira no automobilismo:

Bianchi começou nos monopostos na Eurocup Formula Renault 2.0 em 2007 e foi campeão da Formula Renault Francesa 2.0, Em 2008 e 2009 foi piloto da Formula 3 Euroseries aonde foi 3ºcolocando em 2008 e campeão no ano seguinte, Em 2008 venceu o Masters of Formula 3.
Em 2010 e 2011 Bianchi correu na GP2 series aonde ele ficou colocado na 3ªPosição por 2 anos seguidos, Em 2011 passou a ser piloto de Testes da Ferrari que tinha no piloto Francês um futuro promissor na categoria. Em 2012 correu na World Series da Renault 3.5 ficando com o vice-campeonato e sendo piloto de testes na Force India e já certo como piloto de lá para 2013, Mas dai foi preterido pelo dono da equipe Vijay Mallya que preferiu a contratação de Adrian Sutil. Bianchi então entrou na vaga de Luiz Razia que não tinha conseguido cumprir os pagamentos de patrocinador e com isso teve que deixar a vaga para o piloto Francês.

jules_valencia_2011

Bianchi não tinha carro para lutar por boas posições, Mas impressionava pela sua velocidade andando sempre mais rápido que os outros pilotos das Nanicas em 2013 e em 2014 por ter mais carro ele conseguiu superar em muitos momentos ao Japonês Kamui Kobayashi que tinha a Caterham. Bianchi começava a ser cogitado para ser o piloto da Ferrari ou da Sauber para um futuro próximo.

Fica aqui a nossa homenagem ao piloto Francês que acabou Falecendo na profissão que ele mais gostava! Jules, Haja con deus!, Vai com deus Jules!, #JB17

Texto: Deivison Conceição
Fotos: F1-Gears / Minidrivers

Jules_Bianchi_9th_monaco2014

 

Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *