Gp2 Series – Em Primeiro final de semana que Vandoorne foi desbancado Sirotkin e Haryanto vencem

Grid de Largada:

1.Sergey Sirotkin (Rapax) 1:39.949
2.Stoffel Vandoorne (ART Grand Prix) 1:40.134
3.Richie Stanaway (Status Grand Prix) 1:40.378
4.Alexander Rossi (Racing Engineering) 1:40.419
5.Arthur Pic (Campos Racing) 1:40.434
6.Pierre Gasly (DAMS) 1:40.498
7.Nobuharu Matsushita (ART Grand Prix) 1:40.520
8.Raffaele Marciello (Trident) 1:40.533
9.Oliver Rowland (MP Motorsport) 1:40.537
10.Julian Leal (Carlin) 1:40.547
11.Nick Yelloly (Hilmer Motorsport) 1:40.697
12.Alex Lynn (DAMS) 1:40.708
13.Jordan King (Racing Engineering) 1:40.765
14.Sergio Canamasas (Daiko Team Lazarus) 1:40.789
15.Rio Haryanto (Campos Racing) 1:40.793
16.André Negrao (Arden International) 1:41.039
17.Nathanaël Berthon (Daiko Team Lazarus) 1:41.046
18.Johnny Cecotto (Carlin) 1:41.064
19.Robert Visoiu (Rapax) 1:41.118
20.Norman Nato (Arden International) 1:41.252
21.Mitch Evans (RUSSIAN TIME) 1:41.275
22.Daniel De Jong (MP Motorsport) 1:41.542
23.Rene Binder (Trident) 1:41.762
24.Marlon Stockinger (Status Grand Prix) 1:41.802
25.Artem Markelov (RUSSIAN TIME) 1:41.805

1ªCorrida:

O pole Sergey Sirotkin acabou não largando muito bem e com isso perdeu a liderança para o Richie Stanaway da Status, Sirotkin ficou em 2º, Matsushita em 3º, Vandoorne em 4º e Rossi em 5º. Na primeira volta o piloto Nathanael Berthon acabou rodando e o piloto Russo Artem Markelov não conseguiu desviar e acabou batendo e decolando o seu carro da Russian Team, Com isso o Safety Car entrou na pista para tirar o carro de Berthon, Já Markelov foi para os boxes colocar nova asa dianteira.

O Safety Car saiu no final da terceira volta e logo depois disso o Russo Sirotkin fez uma belíssima ultrapassagem sobre Stanaway assumindo a liderança e levando com ele de carona o Rápido piloto Japonês Matsushita que foi para a segunda posição deixando Stanaway em 3º

Mas a felicidade do Japonês durou pouco já que ele deixou a corrida na 7ªvolta com problemas mecânicos, Logo Stanaway estava tendo por perto o belga Stoffel Vandoorne que tinha a pressão atrás dele do Norte-Americano Alexander Rossi da Racing Engineering. Um pouco mais atrás vinham Pierre Gasly e Arthur Pic lutando pelo 5ºlugar.

batida_corrida_sabadogp2series

Nick Yelloly, Jordan King, Olivier Rowland que estava fazendo sua estreia na GP2 Series pela MP Motorsport, O Inglês lidera o campeonato da World Series da Renault 3.5 foram para uma parada logo nas primeiras voltas para tentarem uma pista mais livre dos outros pilotos e para ganharem posições. Mitch Evans abandonava a corrida e não era o dia da Russian Time que teve Markelov penalizado em 10 segundos de punição. (Para mim de maneira injusta pois ele tentou desviar do acidente e não teve intenção de provocar a batida)

Continuava a disputa pelo 2ºlugar entre Stanaway, Vandoorne e Rossi enquanto isso Sirotkin continuava tranquilo na liderança da prova. Na 16ªVolta o piloto da Racing Engineering conseguiu uma brecha para passar o lider do campeonato e acabou passado assumindo o 3ºlugar na corrida e dai começou um ataque para cima do piloto Neozelandês da Status GP e em pouco tempo Rossi passou Stanaway assumindo o segundo lugar na corrida, Logo começava-se a perceber que Stanaway estava com mu ritmo de corrida pior e com isso ele começou a segurar todo mundo e o Belga Stoffel Vandoorne conseguiu passar a Stanaway assumindo o terceiro lugar na volta 18.

Na Volta seguinte começaram a parar os primeiros colocados exatamente com Vandoorne e Stanaway para a troca obrigatória, Na volta 20 foi a vez de Alexander Rossi, Na 21 foi a vez do líder Sergey Sirotkin fazer a parada isso fez com que Pierre Gasly e Arthur Pic assumissem a liderança temporariamente até irem para as suas paradas nos boxes nas voltas 22 e 23 respectivamente. Na Mesma volta 23 o Neozelandês Stanaway deixou a corrida com problemas de suspensão, Uma pena até porque ele fez uma bela corrida.

belacorridadestastatus

Nick Yelloly e Jordan King fizeram a a tática de parar antes dar muito certo tanto é que o piloto da Racing Engineering estava em 3º e o piloto da Hilmer em 4ºlugar. Mas logo o Belga Vandoorne passou tanto pelo Yelloly como pelo King assumindo o 3ºlugar e recuperando o pódio, A Partir dai deixou a confusão com o resto do pelotão da Frente, Yelloly acabou sendo mais facilmente ultrapassado por Gasly, Lynn e logo depois por Arthur Pic, Já Jordan King que é filho de um dos donos da Manor e certamente será cotado para pilotar pela equipe no segurou por mais tempo Gasly e Lynn ambos da DAMS que acabaram por passar o piloto Inglês só na penúltima volta de prova tendo de aguentar o o Francês Arthur Pic por um 6ºlugar.

sirotkin_wins9GP2

Lá na Frente Sirotkin só deixou de liderar por 3 voltas, Mas depois recuperou a liderança e não perdeu mais conquistando sua primeira vitória na GP2 Series, chegando quase 6 segundos atrás veio o norte-americano Alexander Rossi da Racing Engineering e o pódio foi completado pelo Stoffel Vandroome que acabou sem a vitória no sábado pela primeira vez na temporada, Pierre Gasly e Alex Lynn colocaram os carros da DAMS em boas colocações, Jordan King que estava a poucos metros de ficar em 6ºlugar acabou empurrado pelo Arthur Pic fazendo ele rodar e ele nem conseguiu completar a corrida ficandoparado a metros do final da corrida. Pic mesmo cruzando em 6ºlugar acabou tendo 20 segundos do tempo acrescentados de maneira justa derrubando o francês para o 14ºlugar. Raffaele Marciello herdou o 6ºlugar, Nick Yelloly ficou ainda em 7º com sua tática que acabou dando certo.

Rio Haryanto em 8ºlugar largaria na pole na corrida curta de domingo depois de largar das últimas posições no Grid de largada e completaram a pontuação Julian Leal e Oliver Rowland. André Negrão acabou sendo punido em 10 segundos e teve uma corrida muito difícil terminando em 20ºlugar.

Resultado da 9ªEtapa da GP2 Series – GP da Inglaterra

1 Sergey Sirotkin (Rapax) 53m13.597s em 29 Voltas
2 Alexander Rossi (Racing Engineering) 5.989s
3 Stoffel Vandoorne (ART Grand Prix) 13.566s
4 Pierre Gasly (DAMS) 16.729s
5 Alex Lynn (DAMS) 20.546s
6 Raffaele Marciello (Trident) 23.550s
7 Nick Yelloly (Hilmer Motorsport) 23.879s
8 Rio Haryanto (Campos Racing) 25.437s
9 Julian Leal (Carlin) 28.753s
10 Oliver Rowland (MP Motorsport) 30.161s
11 Daniel de Jong (MP Motorsport) 30.373s
12 Robert Visoiu (Rapax) 36.922s
13 Johnny Cecotto Jr. (Carlin) 37.436s
14 Arthur Pic (Campos Racing) 42.922s
15 Sergio Canamasas (Daiko Team Lazarus) 44.277s
16 Jon Lancaster (Hilmer Motorsport) 49.850s
17 Rene Binder (Trident) 53.663s
18 Norman Nato (Arden International) 57.444s
19 Marlon Stockinger (Status Grand Prix) 1m00.867s
20 Andre Negrao (Arden International) 1m04.399s
21 Artem Markelov (RUSSIAN TIME) 1m26.692s
22 Jordan King (Racing Engineering) 1 Volta

Não Completaram a prova:

Richie Stanaway (Status Grand Prix) a 6 Voltas
Mitchell Evans (RUSSIAN TIME) a 20 Voltas
Nobuharu Matsushita (ART Grand Prix) a 23 Voltas
Nathanael Berthon (Daiko Team Lazarus) a 29 Voltas

2ªCorrida

Se a primeira prova foi emocionante no Sábado com um dia de Sol, No domingo foi diferente em Silverstone num dia nublado para cinzento e com poucas emoções.

Rio Haryanto da Indonésia largou na pole position e teve uma belíssima largada, O Mesmo não pode se dizer de Nick Yelloly que acabou perdendo 3 posições na largada e antes de terminar na primeira volta acabou sendo ultrapassado pelo Alexander Rossi caindo para o 6ºlugar. Antes de fechar a 1ªVolta Sérgio Canamasas roda devido ao toque de Norman Nato da Arden e ambos tem prejuízos nas suas corridas tendo de ir aos boxes fazendo a recuperação de ambos ficarem comprometida.

rossi_silverstone

Já Rossi acabou indo com tudo para cima de Lynn e conseguiu a ultrapassagem, Mas ele foi para fora da pista com as 4 rodas pra fora e isso fez com que o norte-americano tivesse 5 segundos de acresentados em seu tempo no final da corrida.

A prova em si não teve muitas emoções a não ser a recuperação de Jordan King que ficou a 2 posições de marcar pontos e pelo que ele fez no final de semana ele merecia pontuar, Na frente se destacou os pilotos Nick Yelloly e Olivier Rowland.

Yelloly acabou no final da corrida perdendo posição para Sergey Sirotkin que tinha feito uma bela manobra para conseguir a ultrapassagem, Mas logo depois com o carro da Hilmer rendendo melhor que o carro da Rapax do piloto Russo acabou fazendo Yelloly ultrapassase Sirotkin e assumisse o 6ºlugar, Na volta final Yelloly passou a Alex Lynn enquanto que Olivier Rowland que teve uma bela briga com Vandoorne e acabou conseguindo a ultrapassagem também conseguiu passar o vencedor da primeira corrida em Silverstone feita no Sábado.

haryantogp2_ing

Lá na Frente nada mudou, Rio Hayranto levou o carro tranquilamente para a terceira vitória no ano se igualando a Stoffel Vandoorne, Mas com uma diferença, Enquanto Vandoorne venceu as 3 corridas no Sábado na corrida que vale mais pontos o Indonésio venceu nas 3 corridas de domingo aonde a corrida é mais curta e a pontuação é menor. Mas vitória é vitória e isso faz de Haryanto um dos melhores pilotos dessa temporada de 2015 da GP2 Series e um possível postulante a vaga na Formula e em 2016, O Pódio foi completado pelos pilotos Raffaelle Marciello com o carro da Trident e o Francês Pierre Gasly com o carro da DAMS.

Alexander Rossi mesmo punido conseguiu ficar em 4ºlugar na frente de Yelloly que fez belo final de semana mesmo com seu equipamento limitado, Alex Lynn com a outra DAMS em 6º e uma ótima estreia de Oliver Rowland que ficou em 7ºlugar na segunda bateria passando a Sergei Sirotkin que completou a zona de pontuação.

Pela primeira vez no ano o Belga Stoffel Vandoorne fica sem marcar pontos em uma corrida, Mas ainda assim Vandoorne tem uma confortável diferença de 65 pontos na frente de Alexander Rossi que esta em segundo lugar e com o que ele vem rendendo esse ano pode se esperar até um título sendo decidido até muito cedo. Rio Haryanto e Sergey Sirotkin estão também nesse bolo.

O Brasileiro André Negrão conseguiu fazer uma decente segunda bateria e completou a corrida de domingo em 15ºlugar. Daqui a 3 semanas teremos a 11º e 12ºEtapas do Mundial de GP2 Series na Hungria no circuito de Hungaroring.

Resultado da 10ªEtapa da GP2 Series – GP da Inglaterra

 

1 Rio Haryanto (Campos Racing) 36m27.949s em 21 Voltas
2 Raffaele Marciello (Trident) 1.925s
3 Pierre Gasly (DAMS) 4.993s
4 Alexander Rossi (Racing Engineering) 12.589s
5 Nick Yelloly (Hilmer Motorsport) 13.236s
6 Alex Lynn (DAMS) 15.539s
7 Oliver Rowland (MP Motorsport) 15.845s
8 Sergey Sirotkin (Rapax) 16.305s
9 Stoffel Vandoorne (ART Grand Prix) 17.325s
10 Jordan King (Racing Engineering) 17.500s
11 Robert Visoiu (Rapax) 25.119s
12 Julian Leal (Carlin) 25.694s
13 Richie Stanaway (Status Grand Prix) 32.529s
14 Artem Markelov (RUSSIAN TIME) 33.454s
15 Andre Negrao (Arden International) 33.699s
16 Arthur Pic (Campos Racing) 34.227s
17 Jon Lancaster (Hilmer Motorsport) 36.112s
18 Rene Binder (Trident) 37.145s
19 Nobuharu Matsushita (ART Grand Prix) 43.172s
20 Mitchell Evans (RUSSIAN TIME) 45.224s
21 Nathanael Berthon (Daiko Team Lazarus) 45.653s
22 Marlon Stockinger (Status Grand Prix) 58.353s
23 Norman Nato (Arden International) 1m03.892s
24 Sergio Canamasas (Daiko Team Lazarus) 1m20.858s
25 Johnny Cecotto Jr. (Carlin) 1m28.853s
26 Daniel de Jong (MP Motorsport) a 1 Volta

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: GP2 Series

Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *