GP da Toscana – Hamilton chega a sua 90ªVitória da carreira em corrida caótica

Depois de uma classificação normal do sábado, nós vamos para o caos da corrida do domingo, um verdadeiro caos, principalmente na primeiras voltas das 59 voltas previstas no domingo de tarde na Toscana.

Na largada, Valtteri Bottas larga melhor que Hamilton e vai para a ponta, Verstappen que poderia tirar posição do Hamilton, acabou caindo várias e várias posições, Quando Verstappen vinha na 12ªposição, O Holandês é tocado pelo Kimi Raikkonen e acaba rodando e indo para a brita…

… mas isso não é a única ocorrência que aconteceria, Pierre Gasly ficou totalmente encaixotado e espremido por Kimi Raikkonen e Romain Grosjean. O piloto da Alpha Tauri foi para o muro e o piloto da Haas escapou e chegou a bater, mas o danado do francês voltou a corrida. Entre as curvas 3 e 4, Carlos Sainz jr. roda e Sebastian Vettel  acaba tocando no piloto espanhol, quebrando a sua asa dianteira.

Depois de tudo isso, o Safety Car entrou na pista. O incidente do Verstappen na largada eu tenho certeza que foi por causa de problemas de potência, já que sua equipe trabalhou já no grid para tentar resolver um problema eletrônico no motor Honda. Certamente isso afetou os 30 segundos de corrida do piloto Holandês. Raikkonen e Vettel tiveram que parar nos boxes para repararem danos nos seus carros e caíram lá para trás.

Depois de 6 voltas, a corrida iria recomeçar, mas um problema sério aconteceu. Bottas vinha aquecendo seus pneus, e fazia isso até chegar perto da largada. Só quando chega a uns 100 metros da linha de largada é que os pilotos são autorizados a acelerarem. Isso gera um problema na relargada. Kevin Magnussen freia demais e acabou Carlos Sainz jr., Antonio Giovinazzi e Nicholas Latifi não conseguindo evitar o acidente. Os 4 pilotos acabaram abandonando e por causa desse acidente acabou a prova sendo interrompida. Em 8 voltas, já tinha 2 acidentes, 6 abandonos e poucos segundos de corrida.

Forma mais de 30 minutos para tudo ficar pronto para a segunda largada. Nessa segunda largada, Bottas largaria na pole, com Verstappen em 2º, Leclerc em 3º e depois Albon, Stroll, Ricciardo, Stroll, Norris, Kvyat, Russell, Raikkonen, Vettel e Grosjean. Esteban Ocon não voltou para a pista, abandonou por problemas os freios.

Na 2ªLargada, Bottas largou bem, mas Hamilton fez uma largada impressionante, ultrapassou por fora o piloto Finlandês e passou para a liderança. Leclerc largou bem e se segurou em 3º. Devo dizer, que Hamilton aqueceu demais os freios e isso ajudou o líder do campeonato a arrancar melhor. Stroll, Perez e Ricciardo superaram Albon. O piloto tailandês caiu da 4ª para a 7ªposição. Norris, Kvyat e Raikkonen completava as 10 primeiras posições.

Leclerc começaria a sofrer com as deficiências da sua Ferrari, Logo ele começa a ser pressionado pelo Lance Stroll, com muito mais carro que o carro do piloto Monegasco. Enquanto que Hamilton e Bottas estavam disparando na frente. Daniel Ricciardo foi para cima de Sergio Perez, o piloto Australiano num ótimo momento acabou superando o mexicano (que vive em um momento de baixa) e ganhando a 5ªposição.

Enquanto isso, Leclerc resistia aos ataques de Stroll, mas isso não duraria para sempre. Na volta 18, Stroll passa para a 3ªposição, superando o piloto da Ferrari por fora. Nas próximas voltas, o monegasco foi superado por Ricciardo (na 19ªVolta), por Albon (na 20ªVolta) e por Perez (na 21ªVolta). Em poucas voltas, Leclerc perdeu 4 posições em 4 voltas. Na volta 22ª Leclerc foi para os boxes colocar os pneus duros, não iria ser fácil ficar 38 voltas com o mesmo pneu, mesmo com os pneus mais duros disponíveis.

Lá na frente, Hamilton vinha na frente, mas Bottas vinha se aproximando, querendo uma briga pela liderança da corrida. Os dois vinha 13 segundos a frente de Lance Stroll, Daniel Ricciardo começava a se aproximar do piloto da Racing Point. Albon vinha em 5º, também querendo se aproximar de uma disputa pelo pódio.

Na 28ªVolta, Norris supera Perez e ganha a 6ªposição, enquanto que Ricciardo realiza a sua parada nos boxes, assim como Kimi Raikkonen. Na 30ªVolta, Norris, Kvyat e Russell pararam e colocaram novos pneus.

Valtteri Bottas teve desgaste excessivo de seus pneus, consequência disso é que Hamilton aumentou sua vantagem para 8 segundos, A Mercedes não teve dúvida em atender o pedido para o finlandês ir para os boxes na 32ªVolta, Mais uma vez a equipe Alemão faz um trabalho excelente e devolve o piloto na 3ªposição, Atrás de Alexander Albon que acabou parando na volta seguinte, Assim como Hamilton o fez. Dessa forma, a classificação em Mugello voltou a ser Hamilton e Bottas. A novidade era Daniel Ricciardo na terceira posição, em busca do seu primeiro pódio na equipe francesa. Porém, Lance Stroll e Alexander Albon vinham próximo do piloto da Renault.

Enquanto isso, na 35ªVolta, Raikkonen superou Grosjean, subindo para a 12ªposição, Bottas fazia volta mais rápida em cima de volta mais rápida, fazendo a diferença cair para 6.5 segundos. Porém, Lewis continuava seguro na liderança.

Leclerc, pressionado por Danill Kyvat acabou indo para os boxes pela 2ªvez na volta 38, o piloto da Ferrari voltou na 11ªVolta. Duas voltas depois, Albon faz a volta mais rápida da prova e se aproxima de Lance Stroll que vinha próximo de Daniel Ricciardo. Com o pódio encaminhado para Hamilton e Bottas, Riccardo, Stroll e Albon disputava o último lugar no pódio.

Na 43ªVolta, Lance Stroll escapou e acabou indo para o muro, o Safety Car entrou na pista, Todo mundo aproveitou para ir aos boxes fazer uma nova parada. Alguns minutos depois, por ter danificado a barreira de proteção de pneus a bandeira vermelha foi acionada. Lance Stroll estava bem e não sofreu nada de mais grave.

Foram mais 20 minutos de paralização pelo menos até que a pista fosse liberada para uma terceira largada para as últimas 13 voltas. Raikkonen e Grosjean foram para a pista um pouco antes para recuperar a volta perdida.

Nessa terceira largada, Hamilton largou bem e manteve a liderança, Ricciardo teve a melhor largada e superou Bottas que não largou tão bem assim. Depois vinham Albon, Perez, Norris e Kvyat. Raikkonen foi punido em 5 segundos por ter entrado nos boxes de maneira inadequada logo depois do acidente de Lance Stroll.

No começo da 48ªvolta, Bottas supera Ricciardo e volta a ter possibilidades de disputar a vitória. Ricciardo ficou mais para Alexander Albon. Na 51ªVolta, o piloto tailandês superou Ricciardo e passou a ser o terceiro colocado, Naquele momento, o piloto da Red Bull vinha conquistando seu primeiro pódio da carreira.

Nas voltas seguintes, Albon chegou a ameaçar a segunda posição de Bottas, mas o Finlandês reagiu na volta 54 e marcou a volta mais rápida da corrida, além de se afastar do perigo do piloto da Red Bull, passou a se aproximar de Lewis Hamilton.

Na parte final de corrida, George Russell tentava na raça entrar na zona de pontuação, mas era difícil, mesmo com um ruim, a Ferrari de Vettel era melhor que a Williams do próprio Russell.

Após 59 voltas, Lewis Hamilton chegou a 90ªvitória na carreira. Agora Lewis esta a 1 vitória do recorde que pertence a Michael Schumacher. Foi a 6ªVitória na temporada em 9 corridas, se encaminhando para o 7ºtítulo mundial. O finlandês Valtteri Bottas teve uma corrida boa, que passou por altos e baixo, mas conseguiu até com certa folga a 2ªposição e abriu boa vantagem na vice-liderança do campeonato com 135 pontos contra 110 de Max Verstappen.

Alexander Albon conquistou o primeiro pódio da carreira, Numa corrida que não começou bem, mas que o Tailandês foi evoluindo com o decorrer das voltas e acabou no final chegando a 3ªposição. Um resultado que alivia a pressão sobre o piloto da equipe Austriaca. Daniel Ricciardo mais uma vez  viu o pódio escapar das suas mãos, o Australiano que chegou a ficar em 3ºlugar acabou ficando em 4ºlugar.

Sergio Perez fez uma corrida apagada, mas levou seu carro até a 5ªposição. Lando Norris teve também uma prova apagada, mas muito mais por causa do carro da Mclaren que não se comportou bem em Mugello, o britânico ficou em 6ºlugar. Daniil Kvyat teve um bom final de semana e levou a Alpha Tauri para uma respeitável 7ªposição.

Charles Leclerc se favoreceu da punição de Kimi Raikkonen e acabou em 8ºlugar. Convenhamos, muito pouco para a Ferrari e muito pouco para o que o monegasco fez nesse final de semana, falta muito carro para a equipe italiana que esta esperando apenas chegar 2021 para poder melhorar o motor e o carro desse ano que é um desastre.

Kimi Raikkonen conquistou seus dois primeiros pontos na temporada com o 9ºlugar. Fechando a zona de pontuação tristemente o Alemão Sebastian Vettel com sua Ferrari, ficando 3 segundos a frente de George Russell, pela terceira vez na temporada, a Williams bateu na trave na zona de pontuação. O piloto inglês ficou em 11ºlugar, na frente de Romain Grosjean, que levou o problemático carro da Haas.

No pódio, Lewis Hamilton vestiu a camisa cobrando justiça pela paramédica Breonna Taylor, morta brutalmente por policiais norte-americanos que invadiram o seu apartamento, dando 8 tiros na jovem de 26 anos no dia 13 de Março. Isso segundo o regulamento da FIA se configura como manifestação política e o caso deverá ser investigado pela Federação Internacional de Automobilismo.

Agora convenhamos, como é que a Entidade pode fazer isso com piloto que tem como objetivo dar um basta no racismo. Que moral tem a FIA em fazer isso, num esporte que tem sua natureza elitista. Um mundo em que a maioria são brancos, que já é bem difícil achar mulheres, muito mais negros e outras etnias. Acho que a FIA deveria se preocupar em como acabar com o racismo no automobilismo. Deveriam reforçar a campanha contra o racismo.

Caso haja uma punição a Lewis Hamilton só vai reforçar que a campanha da FIA para o fim do racismo é só uma campanha de faxada, que a mentalidade continua a mesma de antes, Elitista e ultrapassada, chegando aos tempos de Bernie Ecclestone, o antigo comandante que um dia elogiou ditadores como Adolf Hitler.

Daqui a 2 semanas teremos o GP da Rússia de Formula 1, 10ªEtapa do Mundial. A etapa que pode fazer Hamilton igualar as 91 vitórias de Michael Schumacher.

Fotos:

Resultado Final da 9ªEtapa do Mundial de Formula 1
GP da Toscana – 59 Voltas

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
144Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M112:19:35.060
277Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M11a 4.880s
323Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620Ha 8.064s
43Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 20a 10.417s
511Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedesa 15.650s
64Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 20a 18.883s
726Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620Ha 21.756s
816Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065a 28.345s
97Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 065a 29.770s
105Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 065a 29.983s
1163George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M11a 32.404s
128Romain Grosjean Haas F1 TeamVF-20Ferrari 065a 42.036s
18Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedesa 17 voltas
31Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 20a 52 voltas
6Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M11a 53 voltas
20Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 065a 54 voltas
99Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 065a 54 voltas
55Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 20a 54 voltas
33Max Verstappen Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620Ha 59 voltas
10Pierre Gasly Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620Ha 59 voltas

Melhor Volta de cada piloto – Lewis Hamilton ganha 1 ponto pela melhor volta da corrida

posPilotoEquipeChassiMotorTemponº da volta
144Lewis Hamilton Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:18.83358
277Valtteri Bottas Mercedes-AMG Petronas F1 TeamF1 W11Mercedes-AMG F1 M111:19.43253
323Alexander Albon Aston Martin Red Bull RacingRB16Honda RA620H1:20.03951
43Daniel Ricciardo Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 201:20.42657
511Sergio Perez BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:20.63259
67Kimi RäikkönenAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0651:21.16459
74Lando Norris McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 201:21.19859
85Sebastian Vettel Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:21.20259
916Charles Leclerc Scuderia FerrariSF1000Ferrari 0651:21.22950
1026Daniil Kvyat Scuderia AlphaTauriAT01Honda RA620H1:21.45851
1163George Russell Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M111:21.64558
1218Lance Stroll BWT Racing Point F1 TeamRP20BWT Mercedes1:22.06842
138Romain Grosjean Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0651:22.26359
146Nicholas Latifi Williams RacingFW43Mercedes-AMG F1 M112:11.3656
1531Esteban Ocon Renault DP World F1 TeamR.S.20Renault E-Tech 202:11.7936
1699Antonio GiovinazziAlfa Romeo Racing ORLENC39Ferrari 0652:13.8094
1720Kevin Magnussen Haas F1 TeamVF-20Ferrari 0652:13.8124
1855Carlos Sainz McLaren F1 TeamMCL35Renault E-Tech 202:14.1035

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Mclaren/Renault/Alpha Tauri/Racing Point/Alfa Romeo/Haas/Williams

Deixe uma resposta