Formula 2 – GP da Itália – Round 8

A Sessão de Classificação na Formula 2 na sexta-feira passada foi até uma sessão simples no rapidíssimo circuito de Monza.

Logo que começou os 30 minutos, Yuki Tsunoda em alta no campeonato foi o primeiro a entrar na pista. Todos foram dar 2 voltas de aquecimento, a partir da volta seguinte, o treino começou pra valer para alguns pilotos. Com 5 minutos de treinos, Christian Lundgaard marcou 1:32.296 e se estabeleceu na ponta, com Mick Schumacher em 2º e Roy Nissany em 3º, todos eles superaram Tsunoda que vinha na 4ªposição.

Muitos pilotos ainda não tinham feito voltas pra valer. Noburahu Matsushita, Marino Sato e Daniel Ticktum passaram reto pela 1ªchicane. O Japonês acabou atingindo um das proteções de isopor. Nesse meio tempo, o Estones Juri Vips marcou o terceiro tempo.

A 21:10 do final, Tsunoda se recupera e subiu para a segunda posição com 1:32.443, de imediato, foi superado por Nikita Mazepin por 3 milésimos. Aos 21 minutos do final, Mick Schumacher passou para a liderança com superando em 21 milésimos o tempo de Lundgaard. O Indiano Jehan Daruvala passou para a 3ªposição e Daniel Ticktum passou a ser o 4º. Todos eles separados por menos de 1 décimo de segundo. Depois vinham Mazepin, Tsunoda, Ilott, Matsushita, Deletraz e Ghiotto nas 10 primeiras posições.

Após 10 minutos de classificação, todos foram para os boxes e por lá, ficaram por lá por 8 longos minutos. Até que todo mundo voltou para a pista a 10 minutos do termino da classificação.

O Grupo foi Liderados por Mazepin e Ticktum. A partir dos 6 minutos e meio do final, começaram as voltas pra valer. O piloto da DAMS não vinha bem, mas Mazepin tinha chance de melhorar sua marca e foi isso que ele fez ao marcar 1:32.349. Porém, não foi tão rápido como Christian Lundgaard que marcou 1:32.200 e seria o líder se não fosse a avassaladora volta de Yuki Tsunoda, que passou para a casa do 1 minuto e 31 segundos, com 1:31.959 a 5 minutos do final da classificação. Ghiotto e Nissany passaram a ser 3º e 4ºlugares respectivamente.

Parecia que seria difícil tirar a ponta de Tsunoda, mas para Callum Ilott não foi impossível, em brilhante volta passou para a ponta, com 1:31.929 a 4:45 do final, muito ajudado pelo vácuo de Felipe Drugovich da MP Motorsport.

Com tempo ainda sobrando, os pilotos foram para uma última tentativa de melhorarem suas voltas, tudo esta indo normalmente, até que a 2:06 do final, o alemão Mick Schumacher da Prema acabou batendo na saída da variante Ascari. Isso provocou a bandeira vermelha e apesar de ainda ter tempo para os pilotos darem uma volta final, a direção de prova acabou por encerrar a classificação a 1:54 do final.

Calum Ilott agradeceu, o inglês conquistou a pole position e os 4 pontos fundamentais para a disputa pelo título. Junto do piloto da Uni-Virtuosi, o japonês Yuki Tsunoda vai largar na 2ªposição, ao lado de Ilott. Na segunda fila largam Luca Ghiotto da Hitech, em um bom treino. E Christian Lundgaard da ART Grand Prix.

Na terceira fila, vão largar Roy Nissany, uma surpresa o piloto da Trident largar em uma 5ªposição (ainda mais com o piloto que não mostrou tanto talento como outros pilotos na F2) e Nikita Mazepin da Hitech.

Mick Schumacher que tinha boas chances de ficar nas primeiras filas acabou ficando apenas com o 7ºtempo e iria ter ao seu lado o Indiano Jehan Daruvala da Carlin, voltando a fazer o bom trabalho. Louis Deletraz da Charouz e Daniel Ticktum da DAMS completaram os 10 primeiros colocados.

Grid de largada:

pospilotoequipeTemponºVoltas
14Callum IlottUNI-Virtuosi1:31.92910
27Yuki TsunodaCarlin1:31.95911
325Luca GhiottoHitech Grand Prix1:32.12710
46Christian LundgaardART Grand Prix1:32.20011
522Roy NissanyTrident1:32.22610
624Nikita MazepinHitech Grand Prix1:32.26711
720Mick SchumacherPrema Racing1:32.27710
88Jehan DaruvalaCarlin1:32.30810
911Louis DelétrazCharouz Racing System1:32.34210
102Dan TicktumDAMS1:32.37311
111Jüri VipsDAMS1:32.38110
1215Felipe DrugovichMP Motorsport1:32.41210
1314Nobuharu MatsushitaMP Motorsport1:32.42010
1423Marino SatoTrident1:32.53410
155Marcus ArmstrongART Grand Prix1:32.59210
1621Robert ShwartzmanPrema Racing1:32.59710
173Guanyu ZhouUNI-Virtuosi1:32.60210
1812Pedro PiquetCharouz Racing System1:32.61010
199Jack AitkenCampos Racing1:32.62310
2017Giuliano AlesiBWT HWA RACELAB1:32.62610
2116Artem MarkelovBWT HWA RACELAB1:33.31110
2210Guilherme SamaiaCampos Racing1:33.50110

No sábado, uma bela corrida em Monza, com 30 voltas e uma parada obrigatória. Quem usasse os pneus mais macios tinha a janela de parar entre a 9ª e a 10ªvolta, Já para os pilotos com os pneus duros, a janela seria entre a 17ª a 20ªvolta.

Na largada, a se destacar a brilhante largada de Mick Schumacher, que pulou da 7ª para a 2ªposição em poucos metros de prova. Ilott continuava na liderança. Em terceiro vinha Christian Lundgaard da ART. Depois vinham Ghiotto, Tsunoda, Mazepin, Deletraz e Nissany. O piloto de Israel foi o que perdeu mais posições na largada, na parte da frente. Já na parte de trás, Guanyu Zhou e Felipe Drugovich foram muito mal na largada, sendo que o chinês caiu para 14º e o Brasil vinha na 20ªposição.

Na 2ªVolta, Nissany e Ticktum superaram Louis Deletraz, passando para 7º e 8ºcolocados respectivamente. Lá na frente, Schumacher tinha perto de Ilott tentando a liderança, Lundgaard em 3º, estava bem perto dos dois primeiros. Já Tsunoda superou Ghiotto e passou para 4ªposição na 3ªvolta.

Na 5ªVolta, Tsunoda superou Lundgaard, subindo para a terceira posição. Porém, no final da volta, Lundgaard e Ghiotto atacaram ferozmente o piloto Japonês, que teve de fazer milagre para defender sua posição, usando o lado de fora da parabólica. Além disso, Ghiotto tentou passar os dois por fora, porém, eles se tocam e o piloto italiano levou a pior e acabou tendo de vazar a chicane e ter que manobra pelos obstáculos. Isso fez Ghiotto ficar indefeso e Tsunoda, Lundgaard passarem e depois, Nissany (com duas rodas na brita) superou o piloto da Hitech que caiu para a 6ªposição.

Na volta seguinte, Tsunoda acabou superando Lundgaard na segunda chicane, após um erro do piloto dinamarquês, passando para a 3ªposição. Ao mesmo tempo, Ghiotto recupera a 5ªposição perdida para Roy Nissany na volta anterior.

Na 8ªVolta, Louis Deletraz deu inicio as paradas nos boxes junto de Robert Shwartzman, que vinha em corrida bem apagada. Christian Lundgaard parou na volta seguinte, já seu companheiro de equipe, O Neozelandês Marcus Armstrong foi punido em 5 segundos, por ter jogado Guanyu Zhou pra fora da trajetória na 2ªchicane, isso no começo da prova.

Callum Ilott se livrou de Mick Schumacher, abrindo 1.6 segundos sobre o piloto alemão. Já Yuki Tsunoda vinha em 3º, com 5.1 segundos da liderança (3.5 segundos de Mick). Ticktum superou Nissany e passou a ser o 5ºcolocado. Na entrada da 10ªVolta, Pedro Piquet da Charouz foi para a sua parada obrigatória. Ao contraio das corridas anteriores, os pilotos não foram todos de uma vez nos boxes.

Ticktum liderava o pelotão com Nissany, Mazepin, Daruvala e Zhou, disputando entre o 5º ao 9ºlugar. Na 12ªVolta, Ilott e Tsunoda pararam, essa troca de pneus virou um desastre para Ilott, que ficou parado por muito tempo, o motor acabou morrendo e a equipe teve de religar o motor. Em resumo, mais de 15 segundos perdidos e Ilott voltou na última posição. Schumacher passou para a liderança e liderou pela volta até ir a sua parada na 13ªVolta. Praticamente ao mesmo tempo, Roy Nissany a se defender de Nikita Mazepin, acabou exagerando e colocando o piloto da Hitech para fora da pista. O Russo foi para a brita e perdeu muitas posições, caindo para a 11ªposição. Nissany não saiu imune disso, perdeu 2 posições. Guanyu Zhou superou Jehan Daruvala na briga asiática e passou a ser o terceiro colocado.

Na 15ªVolta, Ghiotto foi para a sua parada, Dentre os pilotos que tinha já parado, Schumacher era o primeiro a fazer a troca. Já Callum Ilott vinha arrebentando lá atrás, marcando a melhor volta da prova a cada volta, uma tempo mais baixo do que o outro. Enquanto isso, Nobuharu Matsushita passou Artem Markelov e subiu para a 6ªcolocação. Ainda na metade da corrida, Mazepin fica bem lento pela pista e praticamente deixa de disputar alguma coisa. Ainda consegue levar seu carro aos boxes e consegue voltar a corrida, mas já sem qualquer chance de nada.

Na 17ªVolta, Markelov e Drugovich pararam nos boxes. Na volta seguinte, Zhou e Daruvala foram para a parada. Na volta 19, Ticktum, Nissany e Matsushita foram para os boxes. O último a fazer a parada foi Juri Vips, que parou na 20ªVolta. Com o termino das paradas, Schumacher assumiu a liderança, com Lundgaard em 2º e Ghiotto em 3º. Depois vinham Tsunoda, Deletraz, Shwartzman, Armstrong, Ilott, Zhou e Ticktum completando os 10 primeiros colocados.

Ilott estava alucinado, num espaço de 3 voltas superou Marcus Armstrong, Robert Shwartzman e Louis Deletraz, tudo na 1ªchicane, subindo de 8ª para o 5ªlugar. Na 25ªVolta, Guanyu Zhou passou Shwartzman ganhando a 7ªposição. Não era o dia do piloto da Prema, que ficou apagado a corrida inteira. Na volta seguinte, Zhou passou Ticktum e ganhou a 6ªposição e Ticktum passou Armstrong, subindo para a 9ªposição, tudo isso na primeira chicane.

Luca Ghiotto vinha chegando em Christian Lundgaard e Callum Ilott queria chegar em Yuki Tsuonda. Na 28ªVolta, Ghiotto supera Lundgaard e leva a 2ªposição. Já Ilott acabou superado por Zhou no final, caindo para a 6ªposição.

Mick Schumacher levou com segurança o carro da Prema para a vitória na casa da Ferrari, Uma grande vitória do piloto alemão, construído desde da sua brilhante largada até o final da corrida. Melhor que isso, o filho de Michael Schumacher entrou de vez na disputa pelo título. Luca Ghiotto chegou na segunda posição, numa bela corrida. Também bela corrida de Christian Lundgaard, que completou o pódio.

Yuki Tsunoda chegou perto do pódio, ficou na 4ªposição o japonês da equipe Carlin. O Chinês Guanyu Zhou chegou na 5ªposição após corrida de recuperação, na frente de Callum Ilott, que perdeu rendimento no final da prova, ainda conseguiu segurar a 6ªposição de um ataque de Daniel Ticktum (Por sinal, corrida competente do piloto da DAMS). Louis Deletraz ao chegar em 8ºlugar larga na pole position na corrida do domingo. Completando a zona de pontuação: Robert Shwartzman que foi muito abaixo do esperado e Jehan Daruvala que voltou a pontuar na Formula 2.

No campeonato, Shwartzman e Ilott vinham empatados com 134 pontos, 3 pontos abaixo vinha Mick Schumacher e com 123 pontos estava colocado Yuki Tsunoda.

Resultado da 15ªCorrida da Formula 2
30 Voltas – GP da Itália

pospilotoequipeTempoMelhor Volta nº da Volta
120Mick SchumacherPrema Racing48:24.6411:34.72930
225Luca GhiottoHitech Grand Prixa 3.1851:34.18125
36Christian LundgaardART Grand Prixa 7.3211:34.90424
47Yuki TsunodaCarlina 9.2791:34.61430
53Guanyu ZhouUNI-Virtuosia 12.5531:34.36024
64Callum IlottUNI-Virtuosia 15.1451:34.19215
72Dan TicktumDAMSa 15.2911:34.22230
811Louis DelétrazCharouz Racing Systema 17.5611:34.99625
921Robert ShwartzmanPrema Racinga 18.2381:35.18621
108Jehan DaruvalaCarlina 21.1541:34.52230
111Jüri VipsDAMSa 23.9471:34.69425
1212Pedro PiquetCharouz Racing Systema 25.0041:35.30427
139Jack AitkenCampos Racinga 27.8591:35.09530
145Marcus ArmstrongART Grand Prixa 28.3791:35.01621
1514Nobuharu MatsushitaMP Motorsporta 28.6661:34.84430
1615Felipe DrugovichMP Motorsporta 29.2571:34.74130
1716Artem MarkelovBWT HWA RACELABa 29.9271:34.99930
1817Giuliano AlesiBWT HWA RACELABa 30.3431:34.63920
1922Roy NissanyTridenta 33.0811:34.64724
2023Marino SatoTridenta 51.4081:35.62727
2110Guilherme SamaiaCampos Racinga 52.4061:35.22628
24Nikita MazepinHitech Grand Prixa 6 Voltas1:35.58320

Grid de Largada da 16ªCorrida da Formula 2

pospilotoequipe
111Louis DelétrazCharouz Racing System
22Dan TicktumDAMS
34Callum IlottUNI-Virtuosi
43Guanyu ZhouUNI-Virtuosi
57Yuki TsunodaCarlin
66Christian LundgaardART Grand Prix
725Luca GhiottoHitech Grand Prix
820Mick SchumacherPrema Racing
921Robert ShwartzmanPrema Racing
108Jehan DaruvalaCarlin
111Jüri VipsDAMS
1212Pedro PiquetCharouz Racing System
139Jack AitkenCampos Racing
145Marcus ArmstrongART Grand Prix
1514Nobuharu MatsushitaMP Motorsport
1615Felipe DrugovichMP Motorsport
1716Artem MarkelovBWT HWA RACELAB
1817Giuliano AlesiBWT HWA RACELAB
1922Roy NissanyTrident
2023Marino SatoTrident
2110Guilherme SamaiaCampos Racing
2224Nikita MazepinHitech Grand Prix

Corrida de domingo, O piloto que venceu na pista, acabou tendo sua vitória retirada por conta do regulamento.

Ticktum tracionou melhor que Deletraz e tomou a liderança das mãos do suíço. Ilott, Tsunoda, Lundgaard e Schumacher completava os 6 primeiros. Jake Aitken acabou passando reto na 2ªchicane da primeira volta.

Mick Schumacher que levou a primeira corrida foi para cima de Christian Lundgaard e acabou tomando o 5ºlugar no piloto da Dinamarca. Já Yuki Tsunoda ficou lento pela pista, e acabou perdendo qualquer possibilidade de um bom resultado. O japonês foi para os boxes, mas ficou completamente sem chance de disputar nada.

Na 3ªVolta, Aitken ao tentar passar Ghiotto, mas perde posições para Shwartzman, Daruvala e Piquet caindo para a 11ªposição. Guanyu Zhou foi para cima de Christian Lundgaard na 4ªVolta. A disputa só durou até a entrada da 5ªvolta, com o Chinês levando vantagem sobre o dinamarquês e conquistando a 5ªposição. Daniel Ticktum foi para 1.5 segundos de vantagem para Louis Deletraz.

Luca Ghiotto com a asa danificada foi para os boxes, deixando a disputa pelo 7ºlugar entre Shwartzman e Daruvala. No começo da 8ªVolta, Mick Schumacher passa reto pela 1ªchicane. E perde posições para Zhou (Que pressionava o piloto da Prema) e para Lundgard. Porém, O filho de Michael Schumacher recupera a posição do Chinês, que tem problemas mecânicos e fica lento pela pista. Ao mesmo tempo, Ilott vai para o ataque em cima de Louis Deletraz, os dois estavam 2.6 segundos atrás de Ticktum, que vinha em uma corrida tranquila lá na frente.

Depois de 3 voltas de disputa, Ilott supera Deletraz e assumiu a segunda posição. O Dinamarquês Christian Lundgaard chegou perto do piloto suíço rapidamente. Deletraz começava a sofrer com as deficiências do carro da Charouz. Mick Schumacher tentava chegar na turma. Shwartzman se livrou de Daruvala e consolidou na 6ªposição. Aitken completava os 8 primeiros colocados.

Na 14ªVolta, Lundgaard passou Deletraz passando a ser o 3ºcolocado. Enquanto Ticktum tinha 4.5 segundos de vantagem para Ilott, Pedro Piquet foi obrigado a ir aos boxes, sua asa dianteira estava danificada.

A 5 voltas do final, Felipe Drugovich é tocado por trás pelo Roy Nissany, roda e fica parado na 2ªperna da primeira chicane, provocando o Safety Car Virtual. Ilott, Lundgaard, Deletraz e Schumacher vinham disputando a segunda posição.

Após a retirada do carro do piloto brasileiro, O Safety Car Virtual foi desativado a 3 voltas do final. Deletraz tentou recuperar a 3ªposição de cara. Porém, seu rendimento não era o bastante para superar o piloto da ART Grand Prix e não teve condições de segurar Mick Schumacher, que ultrapassou no final da reta dos boxes, perdendo a 4ªposição para o Piloto da Prema na penúltima volta.

No final, Daniel Ticktum levou seu carro com tranquilidade até a vitória, um domingo perfeito para o piloto da DAMS. Porém, Daniel foi desclassificado, Ele não tinha gasolina suficiente no tanque para a amostra necessária, mesmo ele parando logo após a bandeirada de chegada.

Callum Ilott herdou a vitória e voltou a liderar o campeonato, O pódio foi completado por Christian Lundgaard da ART, que obteve um grande final de semana e esta na briga pelo campeonato. E Mick Schumacher que ganhou no sábado e ficou em 3º na segunda corrida e assumiu a vice-liderança do campeonato. 6 pontos atrás de Ilott.

Louis Deletraz mais uma vez não conseguiu ir além do 4ºlugar, limitado pelo seu carro. O Russo Robert Shwartzman que começou o final de semana na liderança, fez um final de semana apagado e com o 5ºlugar no domingo, saiu de Monza em 3ºlugar no Mundial de pilotos.

Jehan Daruvala conseguiu marcar pontos mais uma vez ao ficar em 6ºlugar. Completou a zona de pontuação Jack Aitken da Campos e Nikita Mazepin da Hitech. Juri Vips da DAMS bateu pela terceira vez na trave, ficando em 9ºlugar, mais uma vez o estones fica sem pontuar, mas pelo menos já dava para ver o quanto ele é muito mais piloto que Sean Gelael.

Nesse final de semana, teremos a 9ªetapa da Formula 2, em Mugello, junto com a decisão da Formula 3 e da 9ªetapa do Mundial de Formula 1.

Fotos:

F2_Monza_2020

Resultado da 16ªCorrida da Formula 2
30 Voltas – GP da Itália

pospilotoequipeTempoMelhor Volta nº da Volta
14Callum IlottUNI-Virtuosi34:12.5981:34.8916
26Christian LundgaardART Grand Prixa 0.6361:34.7836
320Mick SchumacherPrema Racinga 1.9521:34.5335
411Louis DelétrazCharouz Racing Systema 2.4091:35.1483
521Robert ShwartzmanPrema Racinga 2.6751:35.08115
68Jehan DaruvalaCarlina 6.3261:34.6804
79Jack AitkenCampos Racinga 12.2991:35.45013
824Nikita MazepinHitech Grand Prixa 14.1191:35.1774
91Jüri VipsDAMSa 15.0221:35.18620
1022Roy NissanyTridenta 26.1811:35.11615
1114Nobuharu MatsushitaMP Motorsporta 26.4161:35.3785
1217Giuliano AlesiBWT HWA RACELABa 27.6681:35.5046
1323Marino SatoTridenta 28.4491:35.81120
1410Guilherme SamaiaCampos Racinga 37.1031:35.6885
1525Luca GhiottoHitech Grand Prixa 55.3911:34.60221
1616Artem MarkelovBWT HWA RACELABa 1 Volta1:34.9664
1712Pedro PiquetCharouz Racing Systema 1 Volta1:34.20420
185Marcus ArmstrongART Grand Prixa 1 Volta1:34.71020
2Dan TicktumDAMSDesclassificado1:34.65121
15Felipe DrugovichMP Motorsporta 5 Voltas1:35.3666
7Yuki TsunodaCarlina 6 Voltas1:34.19414
3Guanyu ZhouUNI-Virtuosia 8 Voltas1:34.5705

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Prema/Uni-Virtuosi/Carlin/Chaoruz/Campos/Hitech/DAMS

Deixe uma resposta