Dakar 2021 – 9ªEspecial

A etapa 9 do Dakar derrubou candidatos ao título nas motos e deixou mais clara as chances de título tanto para a Honda como para Stéphane Peterhansel que venceu a especial e abriu considerável vantagem para seu mais temível adversário. Em Neom, foi realizada a especial longa de 465 km.

Motos:

Nas motos, as chances de título para um piloto da Honda aumentaram consideravelmente depois da especial de hoje. O Chileno Jose Ignacio Cornejo tem uma situação muito favorável para ele ser o campeão, apesar da vitória ter sido do companheiro de equipe, o Argentino Kevin Benavides venceu a especial e se tornou o vice-líder da geral. A KTM só tem Sam Sunderland na disputa do título, em meio aos 4 pilotos da equipe Honda.

Nos primeiros 30 km, a disputa estava bem acirrada, O espanhol Joan Barreda Bort vinha 12 segundos a frente de Adrien van Beveren com sua Yamaha. Bem próximos estavam Daniel Sanders, Ricky Brabec e Jose Ignacio Cornejo, esses dois empatados na 4ªposição. 40 segundos depois do líder, Sam Sunderland levava a KTM oficial na 6ªposição, 6 segundos a frente de Lorenzo Santolini da Sherco TVS. Stefan Svitko da Slovnaft, Kevin Benavides da Honda e Matthias Walkner da KTM completou os 10 primeiros colocados.

O Espanhol Joan Pedrero Garcia em seu melhor momento vinha na 11ªposição. Com vários favoritos caindo e quebrando, muitos pilotos que ficaram mais para trás começam a aparecer, como é o caso de Mathieu Doveze da Nomade na 15ªposição. O Norte-americano Skyler Howes da Bas Dakar KTM não começou muito bem, mas mesmo na 32ªposição o norte americano só estava à 5 minutos e 29 segundos atrás do líder.

No km 63 (2ºCheckpoint), Jose Ignacio Cornejo assumiu a liderança, com 2 dos seus companheiros de equipe próximos. Ricky Brabec na segunda posição (20 segundos atrás) e Kevin Benavides (27 segundos atrás). Os três abriram um pouco de vantagem para o francês Adrien van Beveren da Yamaha, na 4ªposição e com Sam Sunderland colado nele, na 5ªposição.

Joan Barreda Bort acabou caindo da 1ª para a 7ªposição, 4 segundos atrás de Daniel Sanders da KTM. 34 segundos depois, 5 pilotos disputando a 8ªposição, liderados pelo chileno Pablo Quintanilla da Husqvarna, seguido de Santolino, Svitko, Joaquim Rodrigues e Walkner. Oriol Mena da Rieju vinha na 13ªposição. Jaume Betriu da FN Speed e Milan Engel da MRG completavam os Top 15.

No km 91, Ricky Brabec empata com Jose Ignacio Cornejo na primeira posição, os dois pilotos da Honda estavam apenas 5 segundos à frente do terceiro colocado, o Argentino Kevin Benavides. Sam Sunderland vinha tentando chegar nessa briga na 4ªposição. Adrian van Beveren da Yamaha caiu para 5ªposição e segurava por 4 segundos a posição sobre Pablo Quintanilla da Husqvarna.

Daniel Sanders vinha a 1 minuto e 58 segundos na 7ªposição, seguido de Matthias Walkner da KTM, Joaquim Rodrigues da Hero,  Lorenzo Santolino da Sherco e Stefan Svitko da Slovnaft. Joan Barreda Bort caiu mais 4 posições indo para a 12ªposição. Martin Michek caiu para a 27ªposição a mais de 11 minutos da liderança.

Brabec liderava a sessão, mas no km 157, ele deve ter parado para dá assistência a algum piloto acidentado e acabou indo para a 27ªposição, com 21 minutos atrás de Jose Ignacio Cornejo, novamente líder da especial com 51 segundos a frente de Kevin Benavides. Os dois pilotos da Honda abriram bem para Adrien van Beveren na 3ºposição a mais de 4 minutos do líder, a partir dai, os pilotos começaram a se afastar uns dos outros. O piloto da Hero Joaquim Rodrigues da Hero vinha na 4ªposição com 25 segundos à frente de Pablo Quintanilla da Husqvarna.

Matthias Walkner vinha em 6ºlugar com a melhor KTM, O estreante Sanders e o independente  Howes (BAS Dakar KTM) vinham separados em 5  segundos na 7ªposição. Santolino e Svitko completava os Top 10. San Sunderland caiu para 23ªposição provavelmente por ter dado assistência ao acidentado Toby Price. No km 198, Cornejo Florimo e Kevin Benavides vinham 7 minutos a frente dos seus mais próximos adversários. Adrien van Beveren e Joaquim Rodrigues. A Honda mostrava seu domínio nesse momento.

No km 239, Kevin Benavides assume a ponta e abre 2 minutos e 7 segundos de vantagem para Jose Ignacio Cornejo. O Argentino ainda vinha tendo esperanças de conquistar o título na geral. O único piloto da Yamaha na disputa Adrien van Beveren vinha em 3º a 7 minutos e 11 segundos da liderança. Joaquim Rodrigues vinha de forma sólida na 4ªposição, 15 segundos a frente de Skyler Howes e 25 segundos a frente de Pablo Quintanilla.

Mattihas Walkner vinha em 7º, 18 segundos atrás do piloto chileno da Husqvarna. Completavam os 10 primeiros colocados, Lorenzo Santolino, Daniel Sanders e Stefan Svitko. O Alemão Sebastian Bülher que foi muito bem na especial passada vinha na 11ªposição, seguido de Joan Barreda Bort, a 13 minutos e 47 segundos da liderança. San Sunderland na 16ªposição e Ricky Brabec vinha na 21ªposição.

No km 320 da longa etapa de Neom, Kevin Benavides continuava na frente com tranquilos 2 minutos e 47 segundos de frente para Jose Ingacio Florimo, os dois pilotos da Honda vinham abrindo cada vez mais vantagem para Adrien van Beveren e Matthias Walkner que vinham na 3ª e 4ªposições. A partir de Daniel Sanders em diante já estavam a mais de 10 minutos atrás de Benavides. Lorenzo Santolini em seu melhor momento na especial vinha na 6ªposição.  Joan Barreda Bort recuperou algumas posições e já estava na 7ªposição. Joaquim Rodrigues é que deu uma queda na classificação, em 8ºlugar, a 13 minutos e 39 segundos do líder, mas em contrapartida, vinha bem na frente de Skyler Homes e Oriol Mena, os pilotos que completavam os 10 primeiros colocados.

Sam Sunderland estava em 11º a 19 minutos e 29 segundos atrás de Benavides. O espanhol Jaume Betriu vinha na 12ªposição. Ricky Brabec vinha se recuperando também, na 13ªposição, 21 minutos atrás do líder. Milan Engel e Martin Michek da MRG completa os top 15. Pablo Quintanilla e Stefan Svitko tiveram que ajudar piloto acidentado e ficaram muito para trás na classificação da especial.

A situação das primeiras 3 posições não se alterou, nem mesmo a enorme vantagem de Benavides e Cornejo Florimo para os demais pilotos. Isso continuou até o final da especial. No final dos mais de 400 km e de 4 horas e 49 minutos de batalha, Kevin Benavides acabou sendo o vencedor, o argentino partiu da liderança a partir da 2ªmetade da especial para a vitória e para a vice-liderança na classificação geral. O Chileno Jose Ignacio Cornejo Flomino ficou a 1 minuto e 34 segundos de Benavides, na terceira posição. Ricky Brabec teve seu tempo recuperado e o norte-americano pode terminar a especial na 2ªposição. A Honda dominou o pódio e deu um grande passo para conquistar o bicampeonato no Dakar na categoria Motos.

Com o enorme atraso de Walkner e o abandono de Price, só sobra o inglês Sam Sunderland para representar a equipe oficial da KTM, em 4ºlugar na especial a 10 minutos e 11 segundos atrás do vencedor. Isso complica demais para o piloto da marca Austriaca que tem que tirar 14 minutos e 34 segundos de Cornejo Florimo para sonhar com o título do Dakar. O Austríaco Matthias Walkner fechou os 5 primeiros colocados, 10 segundos a frente do espanhol Joan Barreda Bort, o último dos pilotos da Honda nessa especial.

Lorenzo Santolino conseguiu uma importante 6ªposição e se coloca muito bem para disputar boas posições na classificação geral, a mesma coisa é dita para Daniel Sanders (Se não tiver problemas, o Rookie do Dakar) e Skyler Howes (melhor piloto de moto privada) que vão disputar a 6ªposição na classificação geral. Muito longe do título, Pablo Quintanilla chegou na 10ªposição e ver seu compatriota perto de um título, algo que Pablo quase conseguiu no ano passado.

Stefan Svitko ficou na 11ªposição, chegando a frente de Adrien van Beveren da Yamaha, que definitivamente faz o seu pior Dakar desde da sua estreia em 2016. O Português Joaquim Rodrigues chegou a estar na 4ªposição, mas acabou caindo, caindo, caindo até chegar na 13ªposição. Oriol Mena com a Rieju e Milan Engel da MRG completaram os 15 primeiros colocados. A se destacar a boa atuação do indiano Koitha Veettil que chegou na 17ªposição, 40 minutos atrás do vencedor e 2 segundos a frente do experiente Joan Pedrero Garcia.

Toby Price acabou abandonando o Dakar após um acidente no km 155, Ross Branch teve uma quebra do motor Yamaha e deixou a disputa e a fábrica só com um piloto para esse final de evento. Luciano Benavides se acidentou no Km 239 e também deixou a disputa. Faltam apenas 3 especiais para se definir o campeão do Dakar.

Quadriciclos:

A batalha entre os três lideres dos quadriciclos foi acirrada, A vitória ficou com Giovanni Enrico após mais de 6 horas e 20 minutos de disputa, O chileno ficou um minuto e meio a frente de Alexandre Giroud e 1 minuto e 45 segundos a frente de Manuel Andujar. Na classificação geral, Andujar vem 19 minutos e 28 segundos a frente de Giroud e 24 minutos e 15 segundos de Enrico. Pedemonte e Copetti chegaram em 4º e 5ºlugares, na geral, os dois invertem de posição, os dois já estão a mais ou menos 3 horas dos lideres.

Carros:

Espectacular vitória de Stéphane Peterhansel, o piloto da Mini deu um importante passo para ser o campeão do Dakar, mesmo tendo ganho apenas a sua primeira especial da edição. O mais importante, colocou 12 minutos em Nasser Al-Attiyah e agora tem uma vantagem razoavelmente tranquila a 3 dias do final do Dakar 2021.

No km 30, Nasser Al-Attiyah, Carlos Sainz e Stéphane Peterhansel começaram na frente, separados por apenas 6 segundos de diferença. O Russo Vladmir Vasilyev liderava o segundo pelotão, 38 segundos atrás dos líderes e apenas 2 segundos a frente de Giniel de Villiers da Toyota e  8 segundos a frente do Tcheco Martin Prokop da Ford. Serradori (Century), Roma (Hunter) e Liu (BAIC) completa os Top 10.

No km 63, Stéphane Peterhansel assumiu a liderança com seu Mini, mas tudo ainda estava muito disputado, Al-Attiyah a 8 segundos e Sainz a 10 segundos vinham próximos do francês. Já o segundo pelotão estava sendo liderado por Sheikh Al Qassimi da Pegueot, 8 segundos depois vinha Mathieuu Serradori e completando o pelotão vinha Martin Prokop na 6ªposição.Completando os 10 primeiros colocados: Yazeed al Rajhi, Nani Roma, Jakub Przygonski e Giniel de Villiers.

Peterhansel e Al-Attiyah começaram a se distanciar de Sainz. O espanhol começou a ficar mais para trás. No km 157, Peterhansel já estava abrindo 1 minuto e 25 segundos a frente de Mathieu Serradori da Century. O terceiro colocado era o saudita Yazeed Al Rajhi a quase 3 minutos atrás da lenda do Dakar. Nasser Al-Attiyah já esta 5 minutos atrás do seu mais feroz adversário na 4ªposição e Giniel de Villiers completava os 5 primeiros colocados, 18 segundos atrás do piloto do Qatar e 1 segundo a frente de Jakub Przygonski, todos os três pilotos com carros da Toyota.

Nani Roma e Vladimir Vasilyev vinham em disputa pela 7ªposição (Separados por apenas 2 segundos). Brian Baragwanath da Century e Martin Prokop da Ford completavam as 10 primeiras posições.

Mas Peterhansel não teria facilidades, Mathieu Serradori passou a pressionar o piloto francês, já sem nada a fazer a não ser correr (Sem chances de título) foi pra cima do líder da geral que tinha tudo a perder enquanto que o piloto da Century nada tinha a perder. Ao chegar no Km 271, Stéphane Peterhansel tinha apenas 17 segundos de frente para Serradori, o que interessa era que Nasser Al-Attiyah vinha 10 minutos e 20 segundos atrás na 5ªposição. Na frente do piloto da Toyota, vinham o Brasileiro Marcelo Tiglia Gastaldi e o sul-africano Giniel de Villiers disputavam a 3ªposição, separados por apenas 5 segundos.

Outra briga que estava ocorrendo era entre Brian Baragwanath da Century e Jakub Pryzgonski da Toyota pela 6ªposição separados por 3 segundos entre os dois. Martin Prokop vinha 10 segundos de frente para Yazeed Al Rajhi na 8ªposição. O lituano Benediktas Vanagas completava os 10 primeiros.

No km 320, Mathieu Serradori assumiu a liderança da especial, o piloto da Century colocou 1 minuto e 37 segundos a frente de Stéphane Peterhansel da Mini. Os dois disputavam a vitória no Estágio, já que o 3ºcolocado Marcelo Tiglia Gastaldi já vinha longe, a 9 minutos e 31 segundos de diferença, Giniel de Villiers e Nasser Al-Attiyah completavam os 5 primeiros colocados. A situação de Al-Attiyah era complicada, estava a 11 minutos e 11 segundos da liderança e quase a 10 minutos atrás de Peterhansel.

Pior para Carlos Sainz que foi caindo, caindo na classificação e nesse momento estava a 22 minutos do líder e a mais de 20 minutos de Peterhansel.

Serradori partia para a vitória, mas no penúltimo Checkpoint, Peterhansel voltou a liderança da especial com 9 minutos e 30 segundos para Giniel de Villiers e 9 minutos e 32 segundos de Nasser Al-Attiyah, os dois pilotos da Toyota vinham brigando pela segunda posição. Já Mathieu Serradori perdeu mais de meia hora e caiu para a 26ªposição. O Saudita Yazeed Al-Rajhi com o Toyota e Brian Baragwanath da Century completavam as 5 primeiras posições. Já a 13 minutos de Peterhansel, vinha o tcheco Martin Prokop da Ford na 6ªposição. O Lituânio Benediktas Vanagas subiu da 10ª para a 7ªposição, já Gastaldi caiu da 3ª para a 8ªposição. Nani Roma e Cyril Despres completavam os Top 10.

Stéphane Peterhansel conquistou a sua primeira vitória em especial, e deu um importante passo rumo ao seu 14ºcampeonato no Dakar. O Qatari Nasser al-Attiyah acabou chegando na segunda posição, mas ao contraio das outras especiais, a diferença foi muito grande, 12 minutos atrás do vencedor e rival na disputa pelo título. O pódio do dia ficou com o Sul-Africano Giniel de Villiers da Toyota. Tanto ele como o saudita Yazeed Al Rajhi que ficou em 4ºlugar acabaram separados por apenas 44 segundos entre eles. Brian Baragwanath da Century completou os 5 primeiros colocados.

Em 6º chegou Martin Prokop, que levou mais uma vez com muita dignidade o seu Ford ao final de mais uma especial. Cyril Despres e o Sheikh Khalid Al Qassimi levaram mais uma vez a Pegueot as 10 primeiras posições em 7º e 8ºlugar. O Lituânio Benediktas Vanagas alcançou seu primeiro Top 10 no Dakar 2021 com a 9ªposição e Nani Roma com seu carro da Hunter fecha os 10 primeiros colocados. Carlos Sainz chegou na 11ªposição, com 22 minutos e 30 segundos de atraso.

Restando 3 dias para o final da competição, A disputa pelo campeonato fica em definitivo entre Peterhansel e Al-Attiyah. O Resultado de hoje pode ter sido fundamental para o destino do Dakar 2021.

Veículos Leves:

Nos veículos leves, uma grande reviravolta faz Francisco Lopez Contardo voltar a liderança do Dakar, o que parecia ser algo bem difícil de acontecer. O Chileno venceu a especial e contou com o abandono de Seth Quintero da Red Bull e o desempenho não muito bom de Austin Jones que ficou a mais de 30 minutos atrás do vencedor para assumir a liderança da geral novamente. O pódio foi completado pelo Khalifa al Attiyah e por Marek Goczal.

Na classificação geral, Lopez Contardo tem 12 minutos e 25 segundos a frente de Austin Jones e 38 minutos e 3 segundos a frente do terceiro colocado, o polonês Aron Domzala. Michal Goczal e Reinaldo Varela completam os Top 5 na soma dos resultados.

Caminhões:

Finalmente um caminhão da Iveco consegue uma vitória no Dakar, ela foi de Martin Macik, sua primeira vitória no Dakar 2021. Essa foi a segunda vez que a Kamaz perdeu uma especial. Airat Mardeev e Dmitry Sotnikov completaram o pódio, a diferença entre os dois foi de 10 segundos apenas. Sotnikov segue tranquilo na liderança da Geral, com 45 minutos de frente para Anton Shibalov. Airat Mardeev completa a trinca de pilotos da Kamaz nas três primeiras posições. Loprais da Instaforex e Martin da Iveco completam os 5 primeiros colocados.

Resultado final da 9ªespecial do Dakar 2021
Neom – 465 km de Especial

Motos:

posPilotoPaísmotoEquipetempoPenality
147Kevin BenavidesArgentinaHondaMonster Energy Honda Team 202104H 49′ 15”
21Ricky BrabecEstados UnidosHondaMonster Energy Honda Team 2021+ 00H 01′ 18”
34Jose Ignacio Cornejo FlorimoChileHondaMonster Energy Honda Team 2021+ 00H 01′ 34”
45Sam SunderlandInglaterraKTMRed Bull KTM Factory Team+ 00H 10′ 11”
552Matthias WalknerÁustriaKTMRed Bull KTM Factory Team+ 00H 14′ 19”
688Joan Barreda BoatEspanhaHondaMonster Energy Honda Team 2021+ 00H 14′ 29”
715Lorenzo SantolinoEspanhaSherco TVSSherco TVS Rally Factory+ 00H 16′ 43”
821Daniel SandersAustráliaKTMKTM Factory Team+ 00H 17′ 17”
99Skyler HowesEstados UnidosKTMBAS Dakar KTM Racing Team+ 00H 22′ 39”
102Pablo QuintanillaChileHusqvarnaRockstar Energy Husqvarna Factory Racing+ 00H 23′ 30”
1111Stefan SvitkoEslováquiaKTMSlovnaft Rally Team+ 00H 27′ 59”
1242Adrien van BeverenFrançaYamahaMonster Energy Yamaha Rally Team+ 00H 28′ 52”00H 15′ 00”
1327Joaquim RodriguesPortugalHeroHero Motosports Team Rally+ 00H 31′ 48”
1487Oriol MenaEspanhaRiejuFN Speed – Rieju Team+ 00H 34′ 04”
1526Milan EngelRep. TchecaKTMMoto Racing Group (MRG)+ 00H 36′ 16”
1674Jaume BetriuEspanhaKTMFN Speed – KTM Team+ 00H 39′ 09”00H 01′ 00”
1733Noah Koitha Veettil HarithÍndiaSherco TVSSherco TVS Rally Factory+ 00H 40′ 34”00H 02′ 00”
1817Juan Pedrero GarciaEspanhaKTMFN Speed – Rieju Team+ 00H 40′ 36”
19101David KnightInglaterraHusqvarnaHT Rally Raid Husqvarna Racing+ 00H 42′ 41”
2031Michek MartinRep. TchecaKTMMoto Racing Group (MRG)+ 00H 44′ 34”00H 01′ 00”
2132Tosha SchareinaEspanhaKTMFN Speed – KTM Team+ 00H 55′ 22”
2295Xavier FilckFrançaHusqvarnaXtrem Racing+ 00H 57′ 19”
2344Laia SanzEspanhaGas GasGas Gas Factory Team+ 00H 57′ 25”
2424Sebastian BülherAlemanhaHeroHero Motosports Team Rally+ 00H 58′ 28”
2529Emanuel GyenesRomeniaKTMAutonet Motorcycle Team+ 01H 00′ 51”
2636Jan BrabecRep. TchecaKTMStrojrent Racing+ 01H 04′ 10”00H 18′ 00”
2739Benjamin MelotFrançaKTMBenjamin Melot+ 01H 09′ 43”
2880Michael BurgessAustráliaKTMBAS Dakar KTM Racing Team+ 01H 09′ 57”
2948Mathieu DovezeFrançaKTMNomade Racing Assistance+ 01H 10′ 56”
3053Libor PodmolRep. TchecaHusqvarnaPodmol Dakar Team+ 01H 14′ 34”
3154Camille Chapeliere FrançaKTMTeam Baines Rally+ 01H 19′ 36”00H 20′ 00”
3230Arunas GelazninkasLituâniaKTMZigmas Dakar Team+ 01H 20′ 27”
3363Konrad DabrowskiPolôniaKTMDuust Rally Team+ 01H 25′ 49”
34108Marc CalmetEspanhaKTMFN Speed – Rieju Team+ 01H 33′ 46”
3576Roman KrejciRep. TchecaKTMBo!Beton Team+ 01H 35′ 51”00H 17′ 00”
3637David PabiskaRep. TchecaKTMJantar Team+ 01H 36′ 15”
3725Paul SpieringsHolandaHusqvarnaHT Rally Raid Husqvarna Racing+ 01H 42′ 10”
3841Zaker YakpChinaKTMWu Pa Da Hai Dad dakar Rally Team+ 01H 44′ 25”00H 01′ 00”
3919Rui Jorge Goncalves DiasPortugalSherco TVSSherco TVS Rally Factory+ 01H 45′ 58”00H 15′ 00”
4084Neil HawkerInglaterraHusqvarnaNeil Hawker+ 01H 48′ 45”

Quadriciclos:

posPilotoPaísQuadricicloEquipetempoPenality
1159Giovanni EnricoChileYamahaEnrico Racing Team06H 24′ 41”
2152Alexandre GiroudFrançaYamahaTeam Giroud+ 00H 01′ 30”
3154Manuel AndujarArgentinaYamaha7240 Team+ 00H 01′ 45”
4168Italo PedemonteChileYamahaEnrico Racing Team+ 00H 16′ 00”
5163Pablo CopettiEstados UnidosYamahaMX Devesa by Berta+ 00H 17′ 31”
6174Toni VingutEspanhaYamahaVisit Sant Antoni – Ibiza+ 00H 30′ 46”00H 02′ 00”
7155Kamil WisniewskiPolôniaYamahaOrlen Team+ 00H 41′ 43”
8153Tomas KubienaRep.TchecaYamahaStory Racing S.R.O.+ 01H 27′ 08”00H 01′ 00”
9176Laisvydas LaniciusLituâniaYamahaStory Racing S.R.O.+ 01H 32′ 01”00H 01′ 00”
10157Romain DutuFrançaYamahaSMX Racing+ 01H 35′ 29”
11169Juan Carrizo TobiasArgentinaYamahaM.E.D. Racing Team+ 02H 54′ 02”
12177Suany MartinezBolíviaCan-AmTeam Can Am Martinez+ 03H 13′ 51”
13175Leonardo MartinezBolíviaCan-AmTeam Can Am Martinez+ 03H 14′ 59”

Carros:

posPiloto/CoPilotoPaísCarro/EquipetempoPenality
1302Stéphane PeterhanselFrançaMini04H 50′ 27”
Edouard BoulangerFrançaX-Raid Mini JCW Team
2301Nasserr Al-AttiyahQatarToyota+ 00H 12′ 00”
Matthieu BaumelFrançaToyota Gazoo Racing
3304Giniel de VilliersÁfrica do SulToyota+ 00H 12′ 19”
Alex Haro BravoEspanhaToyota Gazoo Racing
4303Yazeed al RajhiArábia SauditaToyota+ 00H 12′ 44”
Dirk von ZitzewitzAlemanhaOverdrive Toyota
5339Brian BaragwanathÁfrica do SulCentury+ 00H 13′ 51”
Taye PerryÁfrica do SulCentury Racing
6312Martin ProkopRepública TchecaFord+ 00H 16′ 37”
Viktor ChytkaRepública TchecaOrlen Benzina Team
7314Cyril DespresFrançaPegueot+ 00H 18′ 45”
Mike HornSuíçaAbu Dhabi Racing
8310Sheikh Khalid Al QassimiEAUPeugeot+ 00H 19′ 40”
Xavier PanseriFrançaAbu Dhabi Racing
9320Benediktas VanagasLituâniaToyota+ 00H 19′ 56”
Filipe PalmeiroPortugalInbank Toyota Gazoo Racing Baltics
10311Nani RomaEspanhaHunter+ 00H 21′ 39”
Alexandre Winocq FrançaBahrein Raid Xtreme
11300Carlos SainzEspanhaMini+ 00H 22′ 30”
Lucas CruzEspanhaX-Raid Mini JCW Team
12334Ricardo PoremPortugalBorgward+ 00H 24′ 33”
Jorge MonteiroPortugalBorgward
13358Marcelo Tiglia GastaldiBrasilCentury+ 00H 24′ 41”00H 05′ 00”
Lourival RoldanBrasilCentury Racing
14326Christian LavieilleFrançaOptimus+ 00H 27′ 35”
Jean-Pierre GarcinFrançaMD RallyE Sport
15317Vladimir VasilyevRússiaBMW+ 00H 28′ 17”
Dmitro TsyroUcraniaX-Raid Mini JCW Team
16319Jérome PélichetFrançaOptimus+ 00H 28′ 46”
Pascal LabroqueFrançaRaidlynx
17318Wei HanChina2WD+ 00H 32′ 01”
Min LiaoChinaQuzhou Motorsport City Team
18330Shameer VariawaÁfrica do SulToyota+ 00H 32′ 35”
Dennis MurphyÁfrica do SulToyota Gazoo South Africa
19322Ronan ChabotFrançaToyota+ 00H 33′ 23”
Gilles PillotFrançaOverdrive Toyota
20335Guilherme SpinelliBrasilMini+ 00H 34′ 06”
Youssef HaddadBrasilX-Raid Mini JCW Rally Team
21321Dominque HousieauxFrançaOptimus+ 00H 35′ 24”00H 02′ 00”
Simon VitseFrançaMD RallyE Sport
22348Alexandre LeroyBélgicaBuggy+ 00H 35′ 35”
Nicolas DelangueFrançaSRT Racing
23315Romain DumasFrançaRebellion Motors+ 00H 36′ 06”00H 01′ 00”
Gilles de TurckheimFrançaRebellion Motors
24307Jakub PrzygonskiPolôniaToyota+ 00H 37′ 22”
Timo GottschalkAlemanhaOverdrive Toyota
25347Tim CoronelHolandaJefferies Dakar Rally+ 00H 37′ 47”
Tom CoronelHolandaMaxxis Dakar Team Powered by Eurol
26308Mathieu SerradoriFrançaCentury+ 00H 38′ 57”
Fabian LurquinBélgicaSRT Racing

Veículos Leves:

posPiloto/CoPiloto/MecânicoPaísveiculo/EquipetempoPenality
1401Francisco Lopez ContardoChileCAN-AM05H 31′ 41”
Juan Pablo Latrach VinagreChileSouth Racing CAN-AM
2422Nasser Khalifa Al AttiyahQatarCAN-AM+ 00H 11′ 34”
Paolo CeciItáliaSouth Racing CAN-AM
3430Marek GoczalPolôniaCAN-AM+ 00H 21′ 46”00H 05′ 00”
Rafal MartonPolôniaEnergylandia Rally Team
4403Jose Antonio Hinojo LopezEspanhaCAN-AM+ 00H 21′ 55”
Diego Ortega GilEspanhaHibor Raid
5404Reinaldo VarelaBrasilCAN-AM+ 00H 25′ 36”
Maykel JustoBrasilMonster Energy CAN-AM
6420Wayne MatlockEstados UnidosPolaris+ 00H 27′ 07”
Sam HayesEstados UnidosPolaris RZR Factory Racing
7406Aron DonzalaPolôniaCAN-AM+ 00H 27′ 23”
Maciej MartonPolôniaMonster Energy CAN-AM
8424Michal GoczalPolôniaCAN-AM+ 00H 30′ 45”
Szymon GospodarczykPolôniaEnergylandia Rally Team
9416Kees KoolenHolandaCAN-AM+ 00H 31′ 27”
Jurgen van den GoorberghHolandaSouth Racing CAN-AM
10408Austin JonesEstados UnidosCAN-AM+ 00H 33′ 16”
Gustavo GugelminBrasilMonster Energy CAN-AM

Caminhões:

Piloto/CoPiloto/MecânicoPaíscaminhão/EquipetempoPenality
1503Martin MacikRep.TchecaIVECO05H 05′ 54”
Frantisek TomasekRep.TchecaBig Shock Racing
David SvandaRep.Tcheca
2509Airat MardeevRússiaKamaz+ 00H 02′ 27”
Dimtriy SvistunovRússiaKamaz-Master
Akhmet GaliaudtinovRússia
3507Dmitry SotnikovRússiaKamaz+ 00H 02′ 37”
Ruslan AkhmadeevRússiaKamaz-Master
Ilgiz AkhmetzianovRússia
4504Ales LopraisRep.TchecaPraga+ 00H 03′ 41”
Petr PokdraRep.TchecaInstaforex Loprais Praga
Khalid AlkendiEAU
5501Anton ShibalovRússiaKamaz+ 00H 04′ 12”
Dmitri NikitinRússiaKamaz-Master
Ivan TatarinovRússia
6500Andrey KarginovRússiaKamaz+ 00H 04′ 53”
Andrey MokeevRússiaKamaz-Master
Igor LeonovRússia
7506Martin van den BrinkHolandaRenault Trucks+ 00H 22′ 12”
Wouter de GraaffHolanda
Daniel KozlovskyRep.Tcheca
8505Alisksei VishneuskiBielorrússiaMAZ-SPORTAUTO+ 00H 25′ 35”
Maksim NovikauBielorrússiaMAZ-SPORTAUTO
Siarhei SachukBielorrússia
9514Martin SoltysRep.TchecaTatra+ 00H 49′ 13”00H 02′ 00”
David SchovanekRep.TchecaTatra Buggyra Racing
Tomas SikolaRep.Tcheca
10508Teruhito SugawaraJapãoHino+ 01H 05′ 26”
Hirokazu SomemiyaJapãoHino Team Sugawara
Yuji MochizukiJapão

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Dakar

Um comentário em “Dakar 2021 – 9ªEspecial

  1. Pingback: Guia do Dakar 2021 – Portal Sportszone

Deixe uma resposta