Sainz jr. acerta com a Ferrari e tem grande chance de sua vida, Ricciardo é o escolhido para substituir o Espanhol na Mclaren.

Com o fim da passagem de 6 temporadas de Sebastian Vettel pela equipe Ferrari, A equipe de Maranello precisava tomar uma decisão de quem seria o piloto a substituir o tetracampeão do mundo de Formula 1. A decisão foi rápida, poucos dias depois, A Ferrari anunciou a contratação de Sainz jr. para substituir Sebastian Vettel na temporada de 2021. É a volta de um piloto espanhol a Ferrari depois da passagem de Fernando Alonso (2010-2014).

Sainz jr. apesar de ter um nome do Multi campeão do Rally Carlos Sainz, não tinha uma pressão como piloto de Formula 1, até porque seu pai é campeão no offroad e não em asfalto. O Espanhol pilotou por quase 3 anos pela Toro Rosso, o final de 2017 e a temporada de 2018 pela Renault, ficando um pouco ofuscado pelo companheiro de equipe Nico Hulkenberg.

Em 2019, trocou a Renault pela Mclaren, Uma decisão acertada para o espanhol que fez seu melhor ano da carreira, Com uma temporada bem regular, conseguindo a proeza de conquistar o pódio no GP do Brasil, ficando em 3ºlugar e de ficar em 6ºlugar no Mundial de pilotos. Ficando na frente de Pierre Gasly e de Alexander Albon andando com a Red Bull e da Toro Rosso.

Mesmo sem ter tido corridas na temporada de 2020 por causa da Pandemia, O desempenho do espanhol em 2019 parece ter sido suficiente para a Ferrari ver nele um substituto para Sebastian Vettel. Sem duvida é a chance de Carlos Sainz jr. mostrar que pode ser um dos pilotos de ponta nas próximas temporadas. O que pode ajudar é a boa temporada que ele fez na Mclaren no ano passado. Certamente não vai ter o mesmo desempenho do Leclerc pelo menos para 2021. Porém ele pode ser uma surpresa agradável para o futuro.

O Fato é que Leclerc vai ser o primeiro piloto da Ferrari e terá a dura missão de tirar a equipe da fila que já dura 13 anos sem título de pilotos e de 12 anos sem título de construtores.

Já a Mclaren logo que Sainz jr. foi confirmado pela Ferrari para 2021, A equipe de Woking rapidamente anunciou a contratação de Daniel Ricciardo que está na equipe Renault. O piloto Australiano após sair da Red Bull (Após uma temporada de 2018 inexplicável aonde só o carro dele quebrava na segunda parte da temporada) acabou indo para a Renault na temporada passada.

Mesmo com um projeto audacioso a Renault decepciona e Ricciardo não tem um dos seus melhores anos em 2019. A sua saída da Renault para a sua ida a Mclaren pode ser interpretada de 2 modos: Primeiro é que o piloto Australiano se arrependeu de ter optado pela Renault para tentar brigar pelas primeiras posições por vários motivos. Primeiro que o carro de 2019 foi um carro ruim e que nem de longe proporcionou a chance dele disputar lugar nas primeiras posições de maneira constante. Outra é que o carro não tinha evolução suficiente para alcançar Mercedes, Ferrari e Red Bull. O motor Renault também não ajudou nenhum pouco e para piorar, a Mclaren com o mesmo motor foi muito superior a equipe Francesa.

A segunda é que a Renault pode dar um indício de sair da categoria no final da temporada de 2021. O projeto da Equipe Francesa desde da sua volta a categoria não resultou em voltar a disputar as posições da parte da Frente. O melhor resultado da equipe em corrida e no Mundial de Construtores foi o 4ºlugar. Em 2019 era a temporada em que eles esperavam conquistar pódios e se firmarem como a 4ªforça do campeonato, entrando em disputa por posições melhores, Mas a temporada foi frustrante para a equipe francesa e acabaram ficando em 5ºlugar no sufoco, muito atrás não só das 3 grandes como também sendo superada pela Mclaren, com o mesmo motor Renault.

Ricciardo vai ter uma situação diferente na Mclaren do que teve na Renault, Uma equipe tradicional que está recuperando sua força, que vai ter motores Mercedes no ano que vem e só por isso e esperado que a equipe possa sonhar com algo a mais do que ser a melhor equipe do segundo pelotão. Com o motor Mercedes e a possibilidade de melhora pode sim levar Daniel Ricciardo a disputar até por alguns pódios em 2021.

Se der tudo certo, com o novo regulamento, Tanto Ricciardo como Lando Norris vão poder disputar por vitórias como também disputarem o título. Algo que a Mclaren não faz desde da temporada de 2012, Quando ela conquistou sua última vitória com Jenson Button no GP do Brasil.

Sobre Sebastian Vettel, vamos falar sobre o futuro dele nos próximos dias.

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mclaren/Renault/Red Bull/Toro Rosso