Caminhões no Terceiro dia: Kamaz continua invicta no Dakar 2019

Pela terceira vez em 3 etapas que a Kamaz vence no Dakar de 2019. Porém não teve a vitória de Eduard Nikolaev, Mas a vitória ficou com o Russo
Andrey Karginov. A 3ªVitória da Marca Russa nos caminhões. Etapa que foi disputada de San Juan de Marcona até Arequipa.

Eduard Nikolaev, começou na liderança da 3ªEtapa, Com 36 segundos a frente de Andrey Karginov. Ambos estavam com o Caminhão da Kamaz. Com 44 segundos atrás em Terceiro lugar vinha Gerard de Rooy com seu caminhão da Iveco. Alías, um solitário caminhão da Iveco em meio ao esquadrão de pilotos da Kamaz.

Já q eu em quarto vinha Dmitry Sotnikov e em 5º vinha Airat Mardeev, Completando a Turma dos caminhões Russos em um espaço de 56 segundos entre os 4. Martin Macik em 6º e Federeico Villagra em 7º vinham acompanhando por perto os primeiros colocados. Completando os 10 primeiros vem Tom Van Genugten da Iveco, Martin Kolomy da Tatra e Sergei Viazovich da MAZ.

No segundo Setor de Cronometragem a liderança continua nas mãos de Eduard Nikolaev, O Russo abriu 1 minuto e 1 segundo a frente de seu compatriota Karginov. O Argentino Federico Villagra vinha em terceiro lugar, Com 1 segundo de frente para Gerard de Rooy. Dmitry Sotnkov em 5º vinha a 1 minuto e 39 segundos de Nikolaev e 7 segundos a frente de Martin Macik da LIAZ.

Em 7º estava outro Tcheco, Martin Kolomy Com o Caminhão da Tatra, Já mais longe do primeiro pelotão e lutando pela posição com Van Genugten e Viazovich que vinham em 8º e 9º respectivamente. O Holandês Janus van Kasteren com a Renault aparece em 10ºlugar (Primeira vez que a marca francesa aparece entre os 10 primeiros no Dakar)

Andrey Karginov ultrapassa a Nikolaev e assume a liderança, Colocando uma boa vantagem de 6 minutos e 13 segundos sobre o também russo e também piloto da Kamaz Dmitry Sotnikov. Em terceiro lugar vinha o Argentino Federico Villagra, Que se tornou a maior esperança da Iveco, Já que Gerard de Rooy teve problemas em seu caminhão e perdeu mais de 1 hora em relação aos líderes.

Martin Macik passou do 6º para o 4ºlugar com o caminhão da LIAZ, Só depois vem em 5ºlugar o Campeão de 2018 Eduard Nikolaev que perdeu 10 minutos pelo menos e acabou perdendo posições, Mas estava folgado em relação ao 6ºlugar. O Holandês Janus van Kasteren da Renault vinha em 6ºlugar com 23 minutos e 42 segundos. Em Sétimo lugar vinha o Tcheco Martin Soltys da Tatra, Em oitavo vinham o japonês da Hino Teruhito Sugawara, Com 31 minutos e 9 segundos. Tom van Genungten da Iveco e Ales Loprais da Tatra completava os 10 primeiros.

No 5ªSetor, A liderança de Karginov se consolida. A Vantagem dele para Federico Villagra (Que ganhou o segundo lugar de Dmitry Sotnikov) era de 7 minutos e 20 segundos. Sotnikov estava em 3º a 2 minutos e 36 segundos atrás do Argentino da Iveco. Nikolaev recuperou a 4ªposição sobre o Tcheco Macik da LIAZ.

Quase 15 minutos depois continuava sozinho Van Kasteren da Renault, Martin Soltys, Teruhito Sugawara, Ales Loprais e Tom Van Genungten completavam os 10 primeiros colocados. Airat Mardeev vinha em 11ºlugar, A 1 hora e 12 minutos da liderança. Provavelmente tiveram também problemas. Van Genungten vinha a 25 minutos e 44 segundos a frente do Russo.

No 6ºSetor de Cronometragem o Russo Karginov abriu um pouco mais na liderança sobre o Federico Villagra, A diferença era de 7 minutos e 48 segundos. Atrás vinham Dmitry Sotnikov em 3º (a 10 minutos e 35 segundos) e Eduard Nikolaev em 4º (a 14 minutos e 20 segundos). O Tcheco Macik não se entrega e continua perto do principal piloto da Kamaz em 5ºlugar. Janus van Kasteren vinha em 6º a 30 minutos da liderança. Soltys (Tatra) e Sugawara (Hino) vinham em 7º e 8ºlugares. Loprais (Tatra) e Van Genugten (Iveco) completavam os 10 primeiros colocados. Gerard de Rooy vinha em 13ºlugar, A 1 hora, 24 minutos e 9 segundos. O Holandês estava recuperando algum terreno.

Karginov manteve sua vantagem para Villagra praticamente com a mesma vantagem no 7ºSetor. Continuava Sotnikov, Nikolaev e Macik nas suas devidas posições nos 5 primeiros lugares. 18 minutos atrás vinha o piloto da Renault Van Kasteren, Com 13 minutos a frente de Martin Soltys que vinha em 7ºlugar. Ales Loprais e Tom Van Genutgen passaram o Japonês Sugawara que caiu ao 10ºlugar. Gerard de Rooy sobe para o 12ºlugar, Atrás do Bielorrusso Aliaksei Vishneuski da MAZ.

Andrey Karginov abriu mais vantagem em cima de Federico Villagra, Com seu caminhão da Kamaz praticamente com a vitória ganha no Estágio. (10 minutos e 21 segundos a frente do Argentino) Sotnikov mantem o terceiro lugar, Com 1 minuto e 34 segundos a frente de Eduard Nikolaev que tentava tirar o terceiro lugar do seu companheiro nessa reta final de prova. Martin Macik com o LIAZ se manteve em 5ºlugar, Não muito longe dos dois caminhões da KAMAZ.

Longe dos 5 primeiros, Janus van Kasteren vinha para confirmar o 6ºlugar, Com ótima vantagem de 15 minutos a frente do Tcheco Martin Soltys, com seu caminhão da Tatra, Que também vinha em 8º com Ales Loprais. Ton Van Genutgen e Terohiro Sugawara completavam os 10 primeiros. Vishneuski e De Rooy vinham a mais de 20 minutos atrás do 10ºlugar.

Karginov acabou administrando sua vantagem , Até de forma bem comedida para vencer a terceira prova do Dakar em 2019. A terceira vitória da KAMAZ em 3 provas. 4 minutos e 30 segundos a frente do russo Dimtry Sotnikov que ficou em 2º e 5 minutos e 6 segundos a frente de Eduard Nikolaev que ficou em 3ºlugar. O Trio da marca russa ficou a frente de Federico Villagra que caiu 2 posições na parte final, Ficando em 4º a 11 minutos e 55 segundos. Martin Macik com o Liaz teve um brilhante desempenho, Completando os 5 primeiros lugares.

Janik van Kasteren em uma bela corrida ficou em 6ºlugar com o caminhão da Renault, 23 minutos atrás de Macik. Porém, o Holandês acabou 16 minutos e 47 segundos a frente de Martin Doltys com o Caminhão da Tatra que acabou a prova 7ºlugar. Tom Van Genutgen com a Iveco superou Ales Loprais e acabou em 8ºlugar. Completando os 10 primeiros o Japonês da Hino Terohiro Sugawara, A 1 hora, 9 minutos e 42 segundos de Karginov. Gerard de Rooy ficou em 12º.

Com quase 1 hora e meia de atraso acaba complicando a sua situação para o campeonato de 2019. O Vice-Campeão Sergei Viazovich ficou em 22ºlugar, Com 4 horas, 49 minutos e 20 segundos. Sem qualquer possibilidade de título para o Bielorrusso.

Resultado Final da Terceira Etapa do Dakar

pospiloto/Copiloto/MecanicoPaisEquipe/VeiculoTempo
1518Andrey KarginovRússiaKAMAZ-Master04H 26′ 49”
1518Igor LeonovRússiaKamaz 43509
1518Andrey MokeevRússia
2505Federico VillagraArgentinaInfinia Diesel Team de Rooy YPF+ 00H 11′ 55”
2505Adrian Arturo YacopiniArgentinaIveco Powerstar
2505Ricardo Adrian ToArgentina
3514Dmitry SotnikovRússiaKAMAZ-Master+ 00H 13′ 42”
3514Ilnur MustafinRússiaKamaz 43509
3514Dmitri NikitinRússia
4500Eduard NikolaevRússiaKAMAZ – Master+ 00H 14′ 01”
4500Evgeni IakovlevRússiaKamaz 4326
4500Vladimir RybakovRússia
5504Martin MacikRepública TchecaBig Shock Racing+ 00H 17′ 25”
5504Frantisek TomasekRepública TchecaLIAZ 111.154
5504Lucas KalankaEslovência
6531Janus van KasterenHolandaMammoet Rallysport+ 00H 40′ 55”
6531Frank van HoofHolandaRenault Trucks K520
6531Erwin Van Den BoschHolanda
7515Martin SoltysRepública TchecaTatra Buggyra Racing+ 00H 57′ 42”
7515David SchovanekRepública TchecaTatra Phoenix
7515Tomas SikolaRepública Tcheca
8509Ton Van GenugtenHolandaPetronas Team de Rooy Iveco+ 00H 59′ 45”
8509Peter WillemsenBélgicaIveco Powerstar
8509Bernard der KindeHolanda
9507Ales LopraisRepública TchecaInstaforex Loprais Team+ 01H 01′ 02”
9507Petr PokoraRepública TchecaTatra Jamal – Queen 69
9507Ferran Marco AlcanyaEspanha
10510Teruhito SugawaraJapãoHino Team Sugawara+ 01H 09′ 42”
10510Katsumi HamuraJapãoHino 500 Series

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Resultado final do Dakar 2018 – Categoria Caminhões

Pos. Piloto Caminhões Tempo
1 500 Eduard Nikolaev (Rússia) 4326 KAMAZ 54H 57′ 37”
Evgeny Yakovlev (Rússia)
Vladimir Rybakov (Rússia)
2 512 Siarhei Viazovich (Bielorussia) 5309RR MAZ + 03H57’17”
Pavel Haranin (Bielorussia)
Andrei Zhyhulin (Bielorussia)
3 507 Airat Mardeev (Rússia) 4326 KAMAZ + 05H 22′ 34”
Aydar Belyaev (Rússia)
Dmitriy Svistunov (Rússia)
4 508 Artur Ardavichus (Cazaquistão) POWERSTAR IVECO + 06H 38′ 22”
Michel Huisman (Holanda)
Serge Bruynkens (Bélgica)
5 510 Martin Macik (República Tcheca) LIAZ 111.154 + 07H 58′ 45”
Frantisek Tomasek (República Tcheca)
Michal Mrkva (República Tcheca)
6 511 Terohito Sugawara (Japão) HINO 500 Series + 08H 10′ 16”
Mitsugu Takahashi (Japão)
7 517 Gert Huzink (Holanda) Renault K520 + 09H 19′ 23”
Rob Buursen (Holanda)
Martin Roesink (Holanda)
8 509 Ton Von Genugten (Holanda) POWERSTAR IVECO + 09H 24′ 54”
Bernard Der Kinderen (Holanda)
Peter Willemsen (Bélgica)
9 516 Maurik Van Der Heuvel (Holanda) SCANIA Torpedo + 09H 55′ 05”
Wilko Van Oort (Holanda)
Martijn Van Rooij (Holanda)
10 502 Dmitry Sotnikov (Rússia) 4326 KAMAZ + 10H 03′ 47”
Ruslan Akhmadeev (Rússia)
I. Mustafin (Rússia)
11 505 Martin Kolomy (República Tcheca) Tatra Phoenix + 13H 20′ 46”
Jiri Stross (República Tcheca)
Rostislav Plny (República Tcheca)
12 532 Martin Soltys (República Tcheca) TATRA BUGGYRA RACING + 21H 57′ 39”
Josef Kalina (República Tcheca)
Tomas Sikola (República Tcheca)
13 503 Aleksandr Vasilevski (Bielorússia) 5309RR MAZ + 26H 03′ 58”
Dzmitry Vikhrenko (Bielorussia)
Anton Zaparoshchanka (Bielorussia)
14 518 Aliaksei Vishneuski (Bielorussia) 5309RR MAZ + 43H 02′ 15”
Maksim Novikau (Bielorussia)
Andrei Neviarovich (Bielorussia)
15 530 Mathias Behringer (Alemanha) MAN SX + 53H 40′ 40”
Stefan Henken (Alemanha)
Marco Moreiras (Portugal)
16 514 Steven Rotsaert (Bélgica) MAN TGA 26.480 + 73H 17′ 08”
Charly Gotlib (Belgica)
Jan Van Der Vaet (Bélgica)
17 523 Dave Ingels (Bélgica) RTS RACING + 80H 00′ 25”
Michal Wrzos (Poland)
Kurt Keysers (Bélgica)
18 528 Aviv Kadshai (Israel) DAF CF85MX510 + 80H 20′ 09”
Ishar Armony (Malásia)
Maoz Vilder (Israel)
19 522 Rafael Tibau Maynou (Espanha) MERCEDES AXOR + 149H 56′ 36”
Pep Sabate (Espanha)
Rafael Tibau Roura (Espanha)

Abandonaram:

Número Piloto CoPiloto Mecânico Equipe Abandono Etapa
501 Eduard Nikolaev (Rússia) Evgeny Yakovlev (Rússia) Vladimir Rybakov (Rússia) Kamaz – Master Abandonou 13
545 Alberto Herrero (Espanha) Philipp Beier (Alemanha) Jordi Celma Obiols (Espanha) PALIBEX DAKAR TEAM Não Participou 12
515 Anton Shibalov (Rússia) Dmitrii Nikitin (Rússia) Ivan Romanov (Rússia) KAMAZ – MASTER Abandonou 11
524 Gerrit Zuurmond (Holanda) Jasper Riezebos (Holanda) Klaas Kwakkel (Holanda) RAINBOW TRUCK TEAM Abandonou 11
531 Janus Van Kasteren (Holanda) Wouter De Graaff (Holanda) Rijk Mouw (Holanda) MAMMOET RALLYSPORT Não Participou 11
541 Pavel Vrnak (República Tcheca) Petr Lesak (República Tcheca) Filip Skrobanek (República Tcheca) TATRA BUGGYRA RACING Não Participou 11
506 Martin Van Den Brink (Holanda) Wouter Rosegaar (Holanda) Daniel Kozlovsky (República Tcheca) MAMMOET RALLYSPORT Abandonou 6
504 Ales Loprais (República Tcheca) Lukas Janda (República Tcheca) Ferran Marco Alcayna (Espanha) Instaforex Loprais Team Não Participou 5
526 Ed Wigman (Holanda) Elisabert Hendrik (Holanda) Joel Ebbers (Holanda) RIWALD DAKAR TEAM Não Participou 5
519 Jordi Juvanteny (Espanha) Jose Luis Criado (Espanha) Francisco Javier Tamayo Calvo (Espanha) KH7 EPSILON Não Participou 4
527 Marc Leeuw (Holanda) Maurice Geraards (Holanda) Lambertus Gloudemans (Holanda) LEEUW RALLYSPORT NEDERLAND Não Participou 4
533 Antonio Cabini (Itália) Raffaella Cabini (Itália) Giulio Verzeletti (Itália) OROBICA RAID Não Participou 4
534 Paolo Calabria (Itália) Giuseppe Fortuna (Itália) OROBICA RAID Não Participou 4
535 Nicola Montecchio (Itália) Loris Calubini (Itália) Carlos Cabini (Itália) OROBICA RAID Não Participou 4
540 Robert Randysek (República Tcheca) Petr Pokora (República Tcheca) David Schovanek (República Tcheca) MP-SPORTS Não Participou 4
521 Yoshimasa Sugawara (Japão) Katsumi Hamura (Japão) HINO TEAM SUGAWARA Não Participou 3
529 Richard Gonzalez (França) Jean-Pierre Normand Courivaud (França) Jean-Philippe Salviat (França) SODICARS RACING Abandonou 3
536 Michel Saumet (França) Xavier Tancogne (França) TEAM SSP Não Participou 3
544 Georges Ginesta (Andorra) Christophe Allot (França) Marc Dardaillon (França) TEAM BOUCOU Não Participou 2

Resultado final do Dakar 2018 – Categoria SxS

Pos. Piloto Carro Tempo
1 356 Reinaldo Varela (Brasil) CAN – AM 72H 44′ 06”
Gustavo Gugelmin (Brasil)
2 361 Patrice Garrouste (França) POLARIS RZR 1000 TURBO + 00H 57′ 37”
Steven Griener (Suíça)
3 387 Claude Fournier (França) POLARIS RZR 1000 XP + 10H 09′ 25”
 Szymon Gospodarczyk
4 396 Jose Luis Pena Campo (Espanha) POLARIS RZR 1000 + 10H 13′ 20”
Rafael Tornabell Cordoba (Espanha)
5 351 Camelia Liparoti (Itália) YAMAHA YXZ 1000 R + 27H 54′ 15”
Manuel Lucchese (Itália)
6 362 Leo Larrauri (Argentina) CAN – AM + 132H 20′ 12”
Fernando Imperatrice (Argentina)

Abandonaram:

Piloto Copiloto Carro Abandono Etapa
378 Jose Jorge de Barros Sawaya (Brasil) Marcelo Duarte Haseyama (Brasil) POLARIS RZR 1000 Abandonou 13
359 Juan Carlos Uribe Ramos (Peru) Javier Eduardo Uribe Godoy (Peru) CAN – AM MAVERICK X3 TURBO Abandonou 12
388 Anibal Aliaga (Peru) Juan Pedro Cilloniz (Peru) POLARIS RZR 1000 XP Abandonou 11
375 Jose Nicolas Gonzalez (Espanha) Ariel Jaton (Argentina) YAMAHA YXZ 1000 RB Abandonou 7
370 Pedro de Melo Breynerr (Portugal) Pedro Velosa (Portugal) YAMAHA YXZ 1000 R Não participou 3

Antonie Meo vence no Final, Kevin Benavides vai para o dia de folga na liderança do Dakar

Em um Dakar que estava nas mãos de Toby Price acabou escapando diante dos seus dedos e ficando com o Francês Antonie Meo com a KTM.

Os 4 primeiros setores foram cancelados devido as más condições de tempo na Trajetória entre Arequipe até a cidade Boliviana de La Paz. O 5ªSetor foi o que começou pra valer a 6ªEtapa para as Motos e os Quadriciclos.

Nesse setor a 1ªposição estava nas mãos do Francês Xavier de Soultrait que vinha muito bem na classificação geral, sendo já apontado como um dos candidatos a vitória. Por ser um setor curto a diferença entre os 20 primeiros colocados era de apenas 17 segundos entre o líder até o Juan Pedrero Garcia que vinha na última posição entre os 20 primeiros colocados.

O Argentino Diego Duplessis vinha em 2ºlugar, 2 segundos atrás de Soultrait. Depois Barreda Bort e Pablo Quintanilla vinham empatados com 4 segundos atrás do líder e completando os 5 primeiros colocados vinha Johnny Aubert com a Sua Gas Gas. Toby Price, Laia Sanz, Daniel Oliveiras Carreras, Kevin Benavides e Michael Metge completavam os 10 primeiros colocados.

Na 6ªparte o líder continuava sendo Xavier de Soultrait, Que abriu 31 segundos sobre o segundo colocado. O Espanhol Daniel Oliveras Carreras com a KTM da Himoinsa, Era uma grande surpresa nessa etapa. E a zebra não parou por aqui. Diego Duplessis com a Honda da equipe Mec vinha em 3ºlugar a 38 segundos do líder.

Ambos superavam a Pablo Quintanilla que vinha em 4ºlugar com sua Husqvarna, Toby Price vinha em 5ºlugar com a melhor KTM oficial da parcial. Kevin Benavides que brigava pela liderança na geral vinha em 6ºlugar com sua Honda oficial.

Depois vinham Gerard Farres Guell com sua KTM Himoinsa, Antonie Meo em 8ºlugar com sua KTM, Daniel Nosiglia Jager em 9º e  completando os 10 primeiros colocados o piloto Johnny Aubert. 20 segundos depois vinha Adrien Van Beveren em 11ºlugar com sua Yamaha, 1 segundo a frente de Stefan Svitko. Shaun Esposito aparecia em 18ºlugar. Enquanto que Juan Barreda Bort vinha em 20ºlugar. (2 minutos e 42 segundos atrás do líder)

No 7ºSetor, tudo acabou mudando. (Claro é o Dakar das Reviravoltas) O Australiano Toby Price assumiu a liderança do Dakar ao colocar 19 segundos de frente para Kevin Benavides que estava em 2ºlugar. Em terceiro vinha Antonie Meo com a KTM. As surpresas Daniel Olivieras Carreras e Diego Duplessis vinham em 4º e 5ºlugares respectivamente. Os 5 primeiros colocados separados por apenas 1 minuto de distância entre eles. Pablo Quintanilla vinha em 6ºlugar a 11 segundos atrás de Duplessis e a 47 segundos a frente de Xavier de Soultrait que acabou caindo do 1º para o 7ºlugar. Daniel N. Jager, vinha um segundo atrás do piloto francês em 8ºlugar com sua KTM. Farres Guell e Svitko (Dois dos melhores pilotos de moto privada) completavam os 10 primeiros lugares. Adrien van Beveren vinha em 14ºlugar a 2 minutos e 50 segundos atrás e Barreda Bort vinha em 18º. Logo a sua frente vinha o piloto Espanhol Jonathan Barragan da Gas Gas.

Price lidera o 8ºSetor com 6 segundos de Frente para o Francês e companheiro de equipe Antonie Meo, 15 segundos a frente de Kevin Benavides que vinha com sua Honda em 3º. Duplessis e Oliveras Carreras vinham resistindo bravamente a motos e equipes mais poderosas. Em 4º e 5ºlugar, Perto da disputa pela vitória no Estágio. (Menos de um minuto atrás de Price)

Palbo Quintanilla com a sua Husqvarna vinha em um honroso 6º, Daniel Nosiglia Jager vinha fazendo a bandeira da Bolívia brilhar alto, com o 7ºlugar a 1 minuto e 31 segundos do líder da especial. Xavier de Soultrait, Matthias Walkner e Michael Metge completavam os 10 primeiros lugares. Com Gerard Farres Guell e Juan Pedrero Garcia na cola deles buscando entrar nessa turma. Barreda Bort vinha em 15ºlugar.

No final acabou Antonie Meo superou Toby Price e conquistou a vitória no 6ºEstágio. A primeira vitória no Dakar 2018 (Em especial) Kevin Benavides empatou com o piloto australiano campeão de 2016 Toby Price, Em 2ºlugar a 30 segundos do Vencedor.

Diego Martin Duplessis chegou em 4ºlugar e Daniel Oliveras Carreras ficou em 5ºlugar. Junto desses dois o Bolíviano Daniel Nosiglia Jager ficou em 7ºlugar (Atrás de Palbo Quintanilla) Formaram o trio de surpresas nessa curta especial antes da Folga que todos vão ter em La Paz.

Adrien Van Beveren perdeu a liderança na geral, O piloto da Yamaha ficou em 8ºlugar, 3 segundos a frente de Joan Barreda Bort que levou a sua Honda ao 9ºlugar na Especial. (3 minutos e 30 segundos atrás do vencedor) O Francês Michael Metge fechou a lista dos 10 primeiros colocados.

Matthias Walkner ficou longe da disputa pela vitória, Ficou em 11ºlugar (4 minutos e 6 segundos de Meo), Seguido pelos pilotos privados da KTM: Farres Guell e Svitko em 12º e 13º respectivamente. Xavier de Soultrait acabou sendo outro derrotado do dia, Ficou em 17ºlugar a 5 minutos e 12 segundos dos vencedor.

Kevin Benavides vai para a merecida folga na liderança do Dakar, Feito inédito para ele e para a Argentina na categoria Motos.

Resultado Final –6ªEtapa do Dakar 2018

POS. Pilotos Motos Tempo
1 19 Antonie Meo KTM 450 RALLY REPLICA 01H 54′ 10”
2 47 Kevin Benavides Honda CRF450RALLY + 00H 00′ 30”
3 8 Toby Price KTM 450 RALLY REPLICA + 00H 00′ 30”
4 27 Diego Martin Duplessis Honda CRF450RALLY + 00H 01′ 13”
5 29 Daniel Olivera Carreras KTM 450 RALLY + 00H 01′ 55”
6 10 Pablo Quintanilla Husqvarna FR 450 RALLY + 00H 02′ 00”
7 33 Daniel Nosiglia Jager HUSQVARNA FR 450 RR + 00H 02′ 13”
8 4 Adrien van Beveren WR450F YAMAHA + 00H 03′ 27”
9 5 Joan Barreda Bort Honda CRF450RALLY + 00H 03′ 30”
10 14 Michael Metge Honda CRF450RALLY + 00H 03′ 37”
11 2 Matthias Walkner KTM 450 RALLY REPLICA + 00H 04′ 06”
12 3 Gerard Farres Guell KTM 450 RALLY + 00H 04′ 14”
13 9 Stefan Svitko KTM 450 RALLY REPLICA + 00H 04′ 19”
14 17 Armand Monleon KTM 450 RR + 00H 04′ 34”
15 12 Juan Pedrero Garcia 450 RALLYE SHERCO TVS + 00H 04′ 51”
16 23 Xavier de Soultrait Yamaha WR450F RALLY + 00H 05′ 12”
17 40 Johnny Aubert GASGAS + 00H 06′ 06”
18 20 Ricky Brabec Honda CRF450RALLY + 00H 06′ 16”
19 7 Franco Caimi WR450F RALLY YAMAHA + 00H 06′ 52”
20 15 Laia Sanz KTM 450 RALLY REPLICA + 00H 06′ 55”
21 34 Marc Sola Terradellas KTM 450 RALLY + 00H 07′ 33”
22 61 Oriol Mena Hero 450 Rally + 00H 07′ 51”
23 68 Jose Ignacio Cornejo Florimo Honda CRF450RALLY + 00H 08′ 12”
24 77 Luciano Benavides KTM 450 RALLY + 00H 09′ 01”
25 44 Rodney Faggotter Yamaha WR450F RALLY + 00H 09′ 31”
26 60 Jonathan Barragan Nevado GASGAS + 00H 09′ 48”
27 52 Jacopo Cerutti KTM 450 RALLY REPLICA + 00H 09′ 50”
28 54 Andrew Short Husqvarna FR 450 RALLY + 00H 10′ 29”
29 37 Milan Engel KTM 450 RALLY REPLICA + 00H 11′ 39”
30 103 Shane Esposito KTM RALLY REPLICA + 00H 12′ 56”

Classificação Geral

POS. Pilotos Motos Tempo
1 47 Kevin Benavides Honda CRF450RALLY 16H 33′ 20”
2 4 Adrien van Beveren WR450F YAMAHA + 00H 01′ 57”
3 2 Matthias Walkner KTM 450 RALLY REPLICA + 00H 03′ 50”
4 5 Joan Barreda Bort Honda CRF450RALLY + 00H 09′ 33”
5 8 Toby Price KTM 450 RALLY REPLICA + 00H 09′ 39”
6 19 Antonie Meo KTM 450 RALLY REPLICA + 00H 10′ 42”
7 23 Xavier de Soultrait Yamaha WR450F RALLY + 00H 11′ 24”
8 10 Pablo Quintanilla Husqvarna FR 450 RALLY + 00H 16′ 42”
9 3 Gerard Farres Guell KTM 450 RALLY + 00H 18′ 08”
10 9 Stefan Svitko KTM 450 RALLY REPLICA + 00H 29′ 11”
11 20 Ricky Brabec Honda CRF450RALLY + 00H 30′ 34”
12 68 Jose Ignacio Cornejo Florimo Honda CRF450RALLY + 00H 34′ 05”
13 40 Johnny Aubert GASGAS + 00H 42′ 39”
14 33 Daniel Nosiglia Jager HUSQVARNA FR 450 RR + 00H 48′ 42”
15 12 Juan Pedrero Garcia 450 RALLYE SHERCO TVS + 00H 53′ 26”
16 77 Luciano Benavides KTM FACTORY RACING TEAM + 01H 01′ 22”
17 15 Laia Sanz KTM 450 RALLY REPLICA + 01H 03′ 15”
18 44 Rodney Faggotter Yamaha WR450F RALLY + 01H 04′ 45”
19 29 Daniel Olivera Carreras KTM 450 RALLY + 01H 06′ 05”
20 61 Oriol Mena Hero 450 Rally + 01H 14′ 07”
21 60 Jonathan Barragan Nevado GASGAS + 01H 14′ 45”
22 54 Andrew Short Husqvarna FR 450 RALLY + 01H 20′ 10”
23 27 Diego Martin Duplessis Honda CRF450RALLY + 01H 21′ 42”
24 14 Michael Metge Honda CRF450RALLY + 01H 22′ 22”
25 18 Alessandro Botturi Yamaha 450F + 01H 28′ 44”
26 17 Armand Monleon KTM 450 RR + 01H 30′ 23”
27 11 Juan Carlos Salvatierra KTM 450 RALLY REPLICA + 02H 15′ 48”
28 52 Jacopo Cerutti KTM 450 RALLY REPLICA + 02H 23′ 26”
29 34 Marc Sola Terradellas KTM 450 RALLY + 02H 24′ 04”
30 28 Emanuel Gyenes KTM 450 RALLY REPLICA + 02H 25′ 26”

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Dakar

Caminhões no Dakar: Kamaz domina 5ºdia e Nikolaev dispara na ponta do Dakar 2018

O Trio Russo formado por Airat Mardeev/Aybar Belyaev/Dmitry Svistunov conquistou a vitória no estágio de San Juan de Marcona até Arequipa. Em um dia aonde a Kamaz dominou o estágio, Com 3 dos 4 trios Russos nas 3 primeiras posições.

Dmitry Sotnikov ficou em 2ºlugar e Eduard Nikolaev ficou com o 3ºlugar a 4 minutos e 33 segundos dos vencedores, Mas em relação a sua luta pelo título com o Argentino Federico Villagra dai a vantagem do piloto da Kamaz e sua turma foi de 21 minutos e 10 segundos. Os Argentinos ficaram apenas em 9ºlugar com o Caminhão da Iveco. Na Classificação Geral a diferença entre os dois esta em 58 minutos e 5 segundos a favor de Nikolaev/Yakovlev/Rybanov.

Ton von Genugten ficou com o 4ºlugar na especial com o primeiro caminhão da Iveco. Em 5ºlugar ficou com o Cazaque Artur Ardavichus também com o caminhão da Iveco.

Apesar da monopólio da Kamaz dos 3 primeiros lugares. As 5 primeiras posições na classificação geral estão entregues a 5 marcas de caminhões diferentes: Kamaz em 1º com Nikolaev, Iveco em 2º com Villagra, MAZ em 3º com Siarhei Viazovich, Liaz com Martin Macik em 4º e em 5ºlugar o caminhão Japonês da Hino com Terohito Sugawara.

Resultado Final – 5ªEtapa do Dakar 2018

POS. Piloto Caminhão Tempo
1 507 Airat Mardeev (Rússia) 4326 KAMAZ 03H 32′ 39”
Aydar Belyaev (Rússia)
Dmitriy Svistunov (Rússia)
2 502 Dmitry Sotnikov (Rússia) 4326 KAMAZ + 00H 03′ 56”
Ruslan Akhmadeev (Rússia)
I. Mustafin (Rússia)
3 500 Eduard Nikolaev (Rússia) 4326 KAMAZ + 00H 04′ 33”
Evgeny Yakovlev (Rússia)
Vladimir Rybakov (Rússia)
4 509 Ton Von Genugten (Holanda) POWERSTAR IVECO + 00H 05′ 30”
Bernard Der Kinderen (Holanda)
Peter Willemsen (Bélgica)
5 508 Artur Ardavichus (Cazaquistão) POWERSTAR IVECO + 00H 13′ 24”
Michel Huisman (Holanda)
Serge Bruynkens (Bélgica)
6 505 Martin Kolomy (República Tcheca) Tatra Phoenix + 00H 20′ 47”
Jiri Stross (República Tcheca)
Rostislav Plny (República Tcheca)
7 503 Aleksandr Vasilevski (Bielorússia) 5309RR MAZ + 00H 21′ 39”
Dzmitry Vikhrenko (Bielorussia)
Anton Zaparoshchanka (Bielorussia)
8 518 Aliaksei Vishneuski (Bielorussia) 5309RR MAZ + 00H 24′ 34”
Maksim Novikau (Bielorussia)
Andrei Neviarovich (Bielorussia)
9 501 Federico Villagra (Argentina) POWERSTAR IVECO + 00H 25′ 43”
Ricardo Adrian Torlaschi (Argentina)
Adrian Arturo Yacopini (Argentina)
10 512 Siarhei Viazovich (Bielorussia) 5309RR MAZ + 00H 25′ 56”
Pavel Haranin (Bielorussia)
Andrei Zhyhulin (Bielorussia)
11 511 Terohito Sugawara (Japão) HINO 500 Series + 00H 32′ 07”
Mitsugu Takahashi (Japão)
12 517 Gert Huzink (Holanda) Renault K520 + 00H 35′ 10”
Rob Buursen (Holanda)
Martin Roesink (Holanda)
13 510 Martin Macik (República Tcheca) LIAZ 111.154 + 00H 57′ 16”
Frantisek Tomasek (República Tcheca)
Michal Mrkva (República Tcheca)  

 

Classificação Geral:

POS. Piloto Caminhão Tempo
1 500 Eduard Nikolaev (Rússia) 4326 KAMAZ 15H 59′ 39”
Evgeny Yakovlev (Rússia)
Vladimir Rybakov (Rússia)
2 501 Federico Villagra (Argentina) POWERSTAR IVECO + 00H 58′ 05”
Ricardo Adrian Torlaschi (Argentina)
Adrian Arturo Yacopini (Argentina)
3 512 Siarhei Viazovich (Bielorussia) 5309RR MAZ + 02H 43′ 46”
Pavel Haranin (Bielorussia)
Andrei Zhyhulin (Bielorussia)
4 510 Martin Macik (República Tcheca) LIAZ 111.154 + 03H 15′ 40”
Frantisek Tomasek (República Tcheca)
Michal Mrkva (República Tcheca)
5 511 Terohito Sugawara (Japão) HINO 500 Series + 03H 24′ 08”
Mitsugu Takahashi (Japão)
6 502 Dmitry Sotnikov (Rússia) 4326 KAMAZ + 03H 57′ 00”
Ruslan Akhmadeev (Rússia)
I. Mustafin (Rússia)
7 507 Airat Mardeev (Rússia) 4326 KAMAZ + 04H 03′ 15”
Aydar Belyaev (Rússia)
Dmitriy Svistunov (Rússia)
8 508 Artur Ardavichus (Cazaquistão) POWERSTAR IVECO + 04H 21′ 22”
Michel Huisman (Holanda)
Serge Bruynkens (Bélgica)
9 509 Ton Von Genugten (Holanda) POWERSTAR IVECO + 04H 31′ 26”
Bernard Der Kinderen (Holanda)
Peter Willemsen (Bélgica)
10 516 Maurik Van Der Heuvel (Holanda) SCANIA Torpedo + 05H 14′ 52”
Wilko Van Oort (Holanda)
Martijn Van Rooij (Holanda)

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Dakar