Análises e Projeções da NENÊ DE VILA MATILDE com Will FS

A tradicional escola da Zona Leste vai apostar no que melhor sabe fazer: enredo afro! E, claro, traz um belo samba, o melhor do ano em minha opinião! A Nenê fará uma homenagem a Moçambique e desfilará de manhã, não dá pra imaginar outra coisa que não seja um espetáculo de chão, embora a escola tenha perdido um pouco desse seu belo chão nos últimos anos. Espero que o recupere neste 2015! Visualmente é uma incógnita, porque alterna altos e baixos neste aspecto nos últimos anos, mas tem td pra ser um grande desfile! Acho que o que pode atrapalhar um pouco a Nenê é o fato da inexperiência de seu mestre de Bateria, Markão, de apenas 25 anos. A Nenê resolveu correr o risco em um quesito tão importante, que pode interferir em outros, tomara que ele obtenha sucesso na estreia. Seu intérprete Agnaldo Amaral também tem seus altos e baixos, e tenho medo dele afundar o belo samba no desfile, mas também torço para que isso não aconteça! Se conseguir acertar no visual e nesses aspectos técnicos, dá pra Nenê beliscar uma vaga nas Campeãs, mas por enquanto acho pouco provável devido ao equilíbrio deste ano. Infelizmente a escola não manteve a pegada de crescimento de 2013 e me parece estar tentando voltar a subir de novo! Torço para o sucesso desta querida escola, boa sorte à Nenê de Vila Matilde! E que seu excelente samba seja um sucesso na avenida! Projeto ela entre 7ª e 10º lugares
Nota do samba: 9.8

Compositores: Afonsinho, Rubens Gordinho, Dedé, D’Malva e Jair Brandão
Interprete: Agnaldo Amaral

Bate o tambor do meu samba
Surdo, tarol e repique
A vila hoje canta moçambique
Vem bateria de bamba
Quem esperou pra me ver
Chegou nenê

Amanheceu, resplandeceu, outra vez clareou
Eu sou raiz do povo banto
Presente que o tempo ofertou
Sabedoria, legado dos meus ancestrais
Trago um “eldorado” de riquezas naturais
História singular, guerreira ao despertar
Sagrado meu nome é baobá

O mar virou mareia
Ao longe ouço o cantar, sereia
Eu vi chegar o invasor
Dragões e filhos de alah
Demônios de além mar

Testemunhas de batalhas, resistência
Eu não me curvo jamais
Liberdade, veio a independência
Um forte laço se faz
Hoje a savana renasce
E a vida floresce nos braços da paz
Pérola do índico
Terra de encantos e magia
Surge o “leão da tecnologia”
Vejo um futuro promissor
Espírito ancestral, eu vim pro carnaval
Trazendo o sorriso dessa gente
Minha águia espalha essa semente

Retrospecto dos últimos 10 anos:

2005: 9ºLugar
2006: 12ºLugar
2007: 7ºLugar
2008: 8ºLugar
2009: 13ºLugar (Caiu para o Acesso)
2010: Campeã do Grupo de Acesso
2011: 13ºLugar (Caiu para o Acesso)
2012: Campeã do Grupo de Acesso
2013: 9ºlugar
2014: 12ºLugar

Will FS vai voltar com as Analises da Unidos de Vila Maria

Sem categoria

Deixe um comentário