Power leva a pole para a prova do Circuito de Indianapolis

Will Power conquistou a pole position para a etapa de Indianapolis da Formula Indy, O Evento é abre a cortina para a 102ªEdição das 500 milhas.

No primeiro Grupo parece que o fato de Castroneves não esta disputando a temporada inteira não afetou a sua velocidade ele se colocou entre os Classificados. Passaram para a 2ªFase: Robert Wickens, James Hinchcliffe, Jordan King, Josef Newgarden, Spencer Pigot e Hélio Castroneves. Matheus Leist não foi bem e vai largar apenas na 21ªposição.

No segundo grupo aonde Tony Kannan participou. A principio o Colombiano Gabby Chaves após ter uma falha no seu carro acabou marcando o melhor tempo da sessão na metade do tempo, com Kannan em 2º e Max Chilton com a Carlin em 3º. Porém, O piloto da Harding acabou ficando para trás no final do treino.

Primeiro foi Power que passou do 8ºlugar para o primeiro, Depois o Francês Sebastien Bourdais melhorou para 1:09.55. O Brasileiro Tony Kannan marcou uma bela marca e classificou em 4ºlugar com o carro da Foyt.

Os Classificados: 1. Bourdais, 2. Power, 3. Pagenaud, 4. Kannan, 5. Sato, 6. Rossi A surpresa foi a eliminação de Scott Dixon, Que vai largar em 18ºlugar

Na segunda fase do Treino, Wickens e King começaram a frente. 2 minutos depois o Japonês Takuma Sato baixou seu tempo para 1:10.73 e assumiu a liderança. Essa liderança do piloto da Rahal não durou muito, Power com 1:09.92 passou a liderança que não durou nadinha: Wickens com 1:09.85 e King com 1:09.89 superaram o piloto Australiano. Além deles passaram: Hinchcliffe, Bourdais e Newgarden.

Os Brasileiros ficaram pelo caminho: Castroneves vai largar em 10º e Tony Kannan larga em 12º.

Na parte final do Treino: Power acabou conquistando a pole com 1:09.8182, superando em menos de 1 décimos o tempo da sensação da Indy Robert Vickens que leva a Schmidt Petersen a primeira fila.

Bourdais com a Dale Coyne e James Hinchcliffe da Schmidt Petersen larga na segunda fila, Completando, Na terceira fila largam Jordan King que foi muito bem no Treino de Hoje e Josef Newgarden da Penske. 3 Pilotos com motores Chevrolet e 3 pilotos da Honda, Equilíbrio dos dois motores nesse treino e possivelmente teremos esse equilíbrio na prova.

Amanhã a prova será realizada a partir das 5 da Tarde, Horário de Brasilia.

Grid de largada da 5ªEtapa do Mundial de Formula Indy
GP de Indianapolis

pos Piloto Chassi/Motor Equipe Tempo
1 Will Power Dallara/Chevrolet Team Penske 1’09.8182
2 Robert Wickens Dallara/Honda Schmidt Peterson 1’09.9052
3 Sebastien Bourdais Dallara/Honda Dale Coyne 1’09.9449
4 James Hinchcliffe Dallara/Honda Schmidt Peterson 1’10.0858
5 Jordan King Dallara/Chevrolet Carpenter 1’10.1326
6 Josef Newgarden Dallara/Chevrolet Team Penske 1’10.7276
7 Simon Pagenaud Dallara/Chevrolet Team Penske 1’10.0382
8 Alexander Rossi Dallara/Honda Andretti 1’10.1062
9 Spencer Pigot Dallara/Chevrolet Carpenter 1’10.1601
10 Helio Castroneves Dallara/Chevrolet Team Penske 1’10.1847
11 Takuma Sato Dallara/Honda Rahal-Letterman 1’10.1979
12 Tony Kanaan Dallara/Chevrolet A.J.Foyt 1’10.3592
13 Ryan Hunter-Reay Dallara/Honda Andretti 1’10.0985
14 Marco Andretti Dallara/Honda Andretti-Herta 1’10.1044
15 Ed Jones Dallara/Honda Chip Ganassi 1’10.2859
16 Max Chilton Dallara/Chevrolet Carlin 1’10.2113
17 Graham Rahal Dallara/Honda Rahal-Letterman 1’10.3605
18 Scott Dixon Dallara/Honda Chip Ganassi 1’10.3221
19 Zachary Claman Dallara/Honda Dale Coyne 1’10.5064
20 Zach Veach Dallara/Honda Andretti 1’10.3371
21 Matheus Leist Dallara/Chevrolet A.J.Foyt 1’10.6425
22 Gabby Chaves Dallara/Chevrolet Harding 1’10.5066
23 Charlie Kimball Dallara/Chevrolet Carlin 1’10.7784
24 Kyle Kaiser Dallara/Chevrolet Juncos 1’10.7394

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: IndyCar

Em corrida acidentada Pagenaud vence corrida no misto de Indianápolis

O Francês Simon Pagenaud foi o vencedor do GP de Indianápolis no circuito misto do templo do Automobilismo Mundial, O Francês usou da tática de uma parada a menos para vencer a prova. Uma prova acidentada, E o primeiro incidente foi na largada quando o pole position Sebastian Saavedra não conseguiu largar e foi atingido pelos pilotos Carlos Munoz e pelo Russo Mikhail Aleshin, essa foi uma pancada mais forte, Com o Carro antigo o acidente teria consequências bem piores, Mas com o DW12 mesmo com o fortíssimo acidente nenhum dos 3 pilotos sofreram nada. Na Relargada o estreante Inglês  Jack Hawksworth assumiu a liderança e liderou por boa parte da corrida, Alguns acidente impressionantes num período muito curto de prova, Na 42ªVolta o piloto Scott Dixon acabou rodando  e ficando em posição perigosa numa caixa de brita provocando uma outra bandeira amarela.

Jack Hawksworth – Foto: Indycar

Mas um acidente insano aconteceu na volta 48 quando Martin Plowman com o carro da Foyt voou e atingiu de forma perigosa o piloto Franck Montagny, um acidente perigoso que se for por causa de erro do piloto é caso para ele ser suspenso, Mas não acredito em erro do piloto da forma que foi a batida foi. Na Volta 50 o piloto Graham Rahal teve problemas em uma relargada e perdeu parte do carro abandonando a corrida na reta dos boxes provocando mais uma bandeira amarela. Voltas depois James Hinchcliffe acabou recebendo uma pancada de uma peça de um carro que voou na frente dele e acabou deixando a corrida e depois foi diagnosticado com uma concussão e é dúvida para as 500 milhas de Indianápolis.

Foto: indycar – Acidente de Martin Plowman que atropelou Franck Montagny

A decisão da corrida aconteceu com a bandeira amarela com vários pilotos arriscando não parar, entre eles Oriol Servia, Simon Pagenaud e Ryan Hunter-Reay. Já Hélio Castroneves que completava 39 anos no sábado preferiu parar apostando que os que não pararam teriam de fazer a parada, As coisas conspiraram para uma vitória do piloto Brasileiro, na parte final não teve bandeira amarela o que fez todos que apostaram nessa tática de não parar mais terem de fazer uma parada rápida para completar o tanque, Mas Simon Pagenaud e Ryan Hunter-Reay fizeram a tática funcionar, Com um grande desempenho e largando da 4ªposição o piloto Francês da San Schmidt conquistou a vitória no primeiro GP de Indianápolis no circuito misto. Já Ryan Hunter-Reay da Andretti fechou a prova em segundo e Hélio Castroneves da Penske teve uma belíssima atuação e aparecendo no momento certo na corrida acabou em 3ºlugar, Bem perto de Castroneves veio Sebastian Bourdais com o carro da KV Racing em 4ºlugar.

Destaque para o Inglês Jack Hawksworth que fez bela corrida e que merecia posição melhor que o 7ºlugar, Já Tony Kannan ficou em 10ºlugar, Infelizmente Tony vem deixando a desejar até agora na Ganassi pois se imaginava que o piloto Brasileiro poderia fazer um grande trabalho numa equipe grande como a Equipe de Chip Ganassi. Daqui a 2 semanas teremos as 500 milhas de Indianápolis, prova mais tradicional do mundo do automobilismo mundial.

Resultado Final do GP de Indianápolis da Formula Indy

Power ganha em Sonoma após decisão polêmica dos comissários!

Will Power finalmente desencantou em 2013, após uma temporada até aqui apagada o Australiano conquistou sua primeira vitória na temporada. Uma corrida marcada pelas excessivas bandeiras amarelas e por uma tremenda polêmica em uma parada dos boxes.

Na última parada de troca de pneus e reabastecimento, O Neozelandês Scott Dixon que estava na frente atropelou dois mecânicos algo que totalmente proibido pelo regulamento, só que o Mecânico estava na área de boxes do Dixon com um pneu e com preocupação nenhuma de que queria sair da frente de forma rápida, Mas com um atropelamento é impossível que essa punição não ter um veredito de que foi uma decisão justa. Com isso favoreceu a Power e também a Hélio Castroneves que fez uma corrida Burocrática, sem brilho, Mas sem brilho nenhum o Brasileiro conseguiu abrir em mais pontos de diferença para Power restando 4 corridas para o final Hélio tem como a principal arma a constância algo que falta para os outros adversários.

Dixon com a punição caiu lá para trás e acabou a prova apenas em 15ºlugar. A vantagem entre os 2 esta em 39 pontos. Ryan Hunter-Reay só conseguiu ficar uma posição na frente de Castroneves o que ajuda ao brasileiro na luta pelo título.

Justin Wilson em uma tática diferente conseguiu fazer grande corrida e conquistou a 2ªposição colocando a Dale Coyne mais uma vez em destaque no campeonato, Sendo ele o 7ºcolocado no mundial de pilotos. E Dario Franchitti conseguiu o 3ºlugar mais uma vez chegando ao pódio, Após brigar até pela vitória com Marco Andretti ainda alimentando esperanças de campeonato em 4º e Simon Pagenaud em 5ºlugar mais uma vez se destacando entre os pilotos de equipes médias.

Tony Kannan que pelos boatos estaria próximo da Chip Ganassi para a temporada de 2014 acabou lutando muito, tomou punição e caiu lá para trás conseguiu liderar corrida, Mas seu carro não tinha desempenho suficiente para uma melhor posição que o 13ºlugar. Inclusive acabou atrás da sua companheira de equipe na KV Simona de Silvestro que ficou em 9ºlugar.

Domingo teremos a 16ªEtapa da Formula Indy em Baltimore e depois dessa corrida teremos só mais 3 corridas, duas em Houston que é uma rodada dupla e a última em Fontana.

Vídeo da corrida:

Resultado final do GP de Sonoma

1. Will Power (Penske/Chevy) 2:20:46.8226
2. Justin Wilson (Coyne/Honda) a 1.1930
3. Dario Franchitti (Ganassi/Honda) a 3.4036
4. Marco Andretti (Andretti/Chevy) a 4.1266
5. Simon Pagenaud (Schmidt/Honda) a 4.7042
6. Ryan Hunter-Reay (Andretti/Chevy) a 5.1074
7. Helio Castroneves (Penske/Chevy) a 8.5383
8. James Hinchcliffe (Andretti/Chevy) a 9.0231
9. Simon de Silvestro (KV/Chevy) a 9.2858
10. Sebastien Bourdais (Dragon/Chevy) a 11.2082
11. Graham Rahal (Rahal/Honda) a 12.0359
12. Tristan Vautier (Schmidt/Honda) a 15.1056
13. Tony Kanaan (KV/Chevy) a 17.7606
14. EJ Viso (Andretti/Chevy) a 18.5207
15. Scott Dixon (Ganassi/Honda) a 20.2165
16. JR Hildebrand (Herta/Honda) a 20.7611
17. Ryan Briscoe (Panther/Chevy) a 29.4788
18. James Davison (Coyne/Honda) a 43.7768
19. Ed Carpenter (Carpenter/Chevy) a 1 Volta
20. Charlie Kimball (Ganassi/Honda) a 2 Voltas

Não Terminaram a corrida:

Sebastian Saavedra (Dragon/Chevy) 81 Voltas
Lucas Luhr (Fisher/Honda) 81 Voltas
Takuma Sato (Foyt/Honda) 67 Voltas
Josef Newgarden (Fisher/Honda) 56 Voltas
James Jakes (Rahal/Honda) 28 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Motorsport.com
Vídeo: TheIndySnake