Portal Sportszone » Blog Archives

Tag Archives: Romain Grosjean

F1 Ferrari 2017 Force India 2017 Formula 1 Formula 1 - 2017 Fotos Haas 2017 Mclaren 2017 Mercedes 2017 Red Bull 2017 Renault 2017 Sauber 2017 Toro Rosso 2017 Williams 2017

Hamilton conquista vitória e ver Vettel de fora com a Vela na Mão em Suzuka

Published by:

4fs20e5t o

A Corrida de hoje praticamente coloca Hamilton com o título na mão. Com uma vitória suada em Suzuka tendo um adversário duro como Max Verstappen na disputa pela vitória com ele o tempo todo. De quebra o piloto da Mercedes viu Sebastian Vettel abandonar a prova com problemas em uma vela do seu carro. O que deixou o piloto da Ferrari sem potência. Com 59 pontos em disputa a 4 corridas do final praticamente define o campeonato para Hamilton.

Byq7gr91 o

Antes da largada a Ferrari tentou resolver esses problemas  no carro do Alemão, Que ainda alimentava esperanças de ser o campeão da temporada de 2017. Na largada Hamilton continua na liderança com Vettel e Verstappen mantendo os  3 primeiros lugares. Esteban Ocon superou Daniel Ricciardo colocando a Force India em 4ºlugar.

Hkds1rro o

As esperanças de Vettel começaram a terminar com Max Verstappen passando a Sebastian Vettel no Grapo. E as coisas para a Ferrari não estavam mesmo boas. Kimi Raikkonen foi tentar passar Nico Hulkenberg e acabou tendo de ir para fora da pista perdendo posições, Caindo para o 14ºlugar. No final da primeira volta começo da segunda volta Vettel acaba perdendo posições para Ocon, Ricciardo e Bottas caindo para o 6ºlugar.

Mnoyvey6 o

O Safety Car entra na pista na entrada da segunda volta com o acidente do piloto da Toro Rosso Carlos Sainz jr. (Que a partir do GP dos Estados Unidos vai correr com o carro da Renault, Substituindo a Jolyon Palmer) que bateu na primeira volta.

Na 4ªVolta a corrida recomeçou e Vettel continuou a perder posições e ao final da volta a equipe pediu para o Alemão ir para os boxes e abandonar a prova. Era caminho mais do que aberto para Hamilton vencer e praticamente consolidar o campeonato.

Raikkonen sendo o único piloto da Ferrari na prova vinha se recuperando. Passando aos dois pilotos da Haas passando para o 9ºlugar. E logo depois passando a Nico Hulkenberg subindo para o 8ºlugar. Lewis Hamilton abriu 1.5 segundos do Max Verstappen que estava a mais de 3 segundos atrás de Ocon que segurava o 3ºlugar em cima do Ricciardo e com Bottas logo atrás em 5ºlugar.

Na 8ªVolta Marcus Ericsson com a frágil Sauber (Em todos os sentidos) acaba batendo e provocando um Safety Car virtual. Após a retirada do carro do piloto sueco a corrida foi reiniciada na 10ªVolta. E logo Ricciardo foi para o ataque em cima de Ocon, Mesmo com todo o esforço do piloto Francês acabou o piloto australiano passando para o 3ºlugar. Na volta seguinte Bottas passou para assumir o 4ºlugar.

Na 14ªVolta Kimi Raikkonen passou Felipe Massa e assumiu o 7ºlugar. Lá na frente Lewis Hamilton já vinha com 4 segundos de vantagem para Max Verstappen e parecia que a prova estava sob controle para o piloto Inglês. Felipe Massa vai para a parada na 18ªVolta.

O homem de gelo continuava a sua escalada por posições. Na 20ªVolta o piloto da Ferrari passou Perez passando para o 6ºlugar. Perez parou no final dessa volta e Ocon parou na volta seguinte.

Max Verstappen que estava na segunda posição parou nos boxes na 22ªVolta para colocar os pneus mais duros. Para não ter qualquer problema de Verstappen tomar a liderança a Mercedes preparou a parada de Hamilton para a 23ªvolta. Como sempre a equipe Alemã trabalhou muitíssimo bem devolvendo Hamilton para a liderança.

Ricciardo passou para a liderança com Valtteri Bottas com os pneus duros na segunda posição. A liderança do piloto Australiano durou até a volta 25. Foi quando o piloto da Red Bull fez a sua parada, Deixando Bottas na liderança com os pneus mais duros e mais desgastados do que os pneus de quem já foi para a parada nos boxes.

Hamilton começava a perder de forma muito rápida a sua vantagem para Max Verstappen que vinha mais rápido nessa parte da corrida. Um ponto fundamental da prova, foi quando Valtteri Bottas sabendo que não tinha ritmo para manter a liderança. Acabou no final da volta 29 ajudando Hamilton que voltou a 1ªposição. E de quebra acabou segurando Verstappen por 2 voltas, Até a sua parada na volta 31. O que fez a vantagem que estava em dramáticos 8 décimos voltar a ficar na casa dos 3 segundos a favor do inglês. Nesse meio tempo Kimi Raikkonen fez sua parada e voltou à frente do Esteban Ocon.

Com 20 voltas pela frente, Hamilton conseguiu se estabilizar nos 3 segundos de diferença que ele teve sobre Max Verstappen. Hulkenberg em 5ºlugar e Jolyon Palmer em 9ºlugar eram os únicos que ainda não tinham feito a parada obrigatória. Enquanto isso os dois pilotos da Williams viviam problemas: Felipe Massa sofria pressão de Kevin Magnussen disputando o 10ºlugar e Lance Stroll tentava segurar Fernando Alonso e defender o 14ºlugar. A corrida do canadense acabou sendo comprometida também. Desde do começo da prova.

Na 39ªVolta o Alemão Nico Hulkenberg foi para a sua parada para colocar os pneus super macios. Na volta seguinte parou Jolyon Palmer. Hulk com os pneus trocados tinha tudo para superar Pierre Gasly, Romain Grosjean, Kevin Magnussen e Felipe Massa para recuperar o 8ºlugar.

Na mesma volta o piloto da Renault passou Gasly que logo depois foi fazer uma nova parada nos boxes, Mas acabou Hulkenberg se estranhando com Romain Grosjean. Logo depois disso o piloto Alemão acabou indo para os boxes e com problemas de Asa acabou por deixar a prova.

Hkaq8rwu o

Voltas depois Kevin Magnussen aproveitou uma brecha que Felipe massa deixou no meio da primeira curva e acabou ganhando a posição e jogando o piloto Brasileiro para quase fora da pista e perdeu posição para Romain Grosjean, caindo para o 10ºlugar. E para a Williams a coisa ficou pior. Lance Stroll acabou tendo uma quebra no seu carro e acabou por deixar a prova e provocar de forma involuntária um novo Safety Car virtual.

Foram 2 voltas com a prova com seu ritmo bem diminuído. Na Volta 50 a corrida recomeçou com Hamilton perdendo rendimento e permitindo a chegada de Verstappen na reta final de prova. Assim como Valtteri Bottas que tirou mais de 10 segundos de diferença para Ricciardo e buscava ainda brigar pelo pódio. Felipe Massa teria de fazer das tripas coração para tentar manter o 10ºlugar dos ataques de Fernando Alonso e marcar 1 ponto para a Williams.

Na reta final acabaram Alonso e Massa sendo protagonistas na disputa pela vitória entre Hamilton e Verstappen. Primeiro na penúltima volta Hamilton passou Alonso na hora certa e conseguiu abrir um pouco de vantagem para Verstappen, que perdeu um tempinho na ultrapassagem sobre o piloto da Mercedes. Ainda tinha chances do Holandês conquistar a vitória, Mas na volta final Hamilton foi mais eficiente do que Verstappen na ultrapassagem de Felipe Massa. O piloto da Williams estava em briga com Alonso acabou segurando Verstappen na parte final de prova.

Wtbz3hwl o

Hamilton agradeceu e após uma corrida duríssima, Acabou confirmou a vitória 61 da sua carreira. Melhor que isso, Com o abandonou de Vettel a sua vantagem na liderança passou a ser de 59 pontos. O que pode fazer de Hamilton ser o campeão já na próxima prova no circuito de Austin (Texas) para o GP dos Estados Unidos.

Max Verstappen após ter vencido na Malásia finalmente emenda um segundo resultado no pódio seguido na temporada de 2017. Com o segundo lugar ele se afasta do Perez e consolida o 6ºlugar no Mundial de pilotos, Quem sabe até brigando pelo 5ºlugar com o veterano Kimi Raikkonen que acabou sendo responsável pelos únicos pontos da Ferrari no dia de hoje.

O pódio foi completado por Daniel Ricciardo que segurou os ataques de Valtteri Bottas para segurar a 3ªposição. Restou a Bottas ter tudo ajudar o seu companheiro e de ter ajudado a Mercedes, Que praticamente garantiu mais um campeonato de Construtores. Acabou em 4ºlugar. Muito na frente de Kimi Raikkonen que marcou os únicos 10 pontos da Ferrari no final de semana. (Ferrari começa a ver o Vice-campeonato ameaçado por causa das desastrosas últimas 3 provas aonde só marcou 22 pontos)

Hhwliytk o

Esteban Ocon que foi o melhor piloto da turma intermediária, No final da prova acabou resistindo aos ataques de Sergio Perez e conquistou o 6ºlugar com o carro da Force India que continua firme e forte em 4ºlugar nos construtores. Após muita luta acabou os dois pilotos da Haas marcando pontos em 8ºlugar com Magnussen e 9ºlugar com Grosjean. A zona de pontuação foi de Felipe Massa, que segurou os ataques de Fernando Alonso com a Mclaren-Honda e toda a torcida da Honda e marcou 1 ponto importante para o Campeonato dele, para a Williams e até para a sua permanência na categoria.

Fernando Alonso não conseguiu levar a Mclaren-Honda para os pontos ficando em 11ºlugar. Jolyon Palmer em sua última prova na Formula 1, Já que a sua demissão foi antecipada acabou ficando em 12ºlugar.

Pierre Gasly em outra corrida Digna ficou em 13ºlugar chegando a frente de Stoffel Vandoorne que teve uma primeira volta desastrosa e dai acabou a corrida dele no começo e Pascal Wehrlein que fez o que era possível em 15ºlugar.

Daqui a 15 dias a Formula 1 vai para os Estados Unidos, O campeonato pode acabar no dia 22 de Outubro. Caso Hamilton saia de lá com uma diferença de mais de 75 pontos, ele será campeão. Para Vettel? Só um milagre para levar o título. (E do jeito que vai, tudo indica que o título vai ser decidido mesmo em Austin) Ricciardo já não tem mais chances de campeonato e Bottas tem chances pequenas para se o campeão do Mundo.

Gyijpnw5 o

Resultado final do GP do Japão
16ªEtapa do 68º Campeonato Mundial de Formula 1

Pos. Piloto Equipe Chassis Motor Tempo Tempo Grid
1 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 53 1h 27:31.193 1
2 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB13 TAG Heuer 53 1.211 3
3 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB13 TAG Heuer 53 9.679 4
4 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 53 10.580 6
5 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 53 32.622 10
6 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 53 1:07.788 5
7 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 53 1:11.424 7
8 20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 53 1:28.953 12
9 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 53 1:29.883 13
10 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 52 a 1 Volta 8
11 14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 52 a 1 Volta 20
12 30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 52 a 1 Volta 18
13 10 Pierre Gasly Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 52 a 1 Volta 14
14 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 52 a 1 Voltas 9
15 94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 51 a 2 Voltas 17
18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 45 Quebra 15
27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 40 Problemas na Asa 11
9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 7 Acidente 16
5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 4 Vela 2
55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 0 Acidente 19

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Red Bull/Force India/Haas

F1 Ferrari 2017 Force India 2017 Formula 1 Formula 1 - 2017 Fotos Haas 2017 Mclaren 2017 Mercedes 2017 Red Bull 2017 Renault 2017 Sauber 2017 Toro Rosso 2017 Williams 2017

Acidente elimina pilotos da Ferrari e Verstappen. Vitória cai no colo de Lewis Hamilton

Published by:

Tudo mudou de forma muito rápida em Cingapura de ontem para hoje. Após uma corrida inédita em piso molhado na sua primeira parte com trilho seco na segunda parte acabou que poderia ser um dia de domínio da Ferrari virar uma vitória de Lewis Hamilton que o coloca muito favorito ao título de 2017. Com 28 pontos de frente para Sebastian Vettel que sai de Cingapura com um duro golpe psicológico nessa disputa.

O Lance que decidiu a corrida foi na largada aonde Verstappen larga pior que Raikkonen que de forma audaciosa tenta passar o piloto Holandês que de leve muda a direção e bate em Raikkonen que já tem meio carro de frente ao piloto da Red Bull. Raikkonen perde o controle do seu carro e acaba batendo no meio do duto de refrigeração do carro de Vettel que curvas depois acaba rodando depois de todos os fluidos do seu carro terem sido derramados pelas primeiras curvas do circuito. Lá Atrás Raikkonen acaba atingindo Verstappen que acaba por atingir Fernando Alonso que poderia assumir o 3ºlugar sem essa pancada.

Claro que o safety car entrou na pista e Lewis Hamilton que saiu do 5ºlugar no Grid de largada assumiu a liderança com Daniel Ricciardo em 2º e Nico Hulkenberg na terceira posição. Perez, Bottas que largou muito mal, Palmer,  A Bandeira amarela durou por 4 voltas com a pista molhada. Na quinta volta a corrida recomeçou e de forma surpreendente Bottas tomou ultrapassagem do demitido Jolyon Palmer que assumiu o 5ºlugar. Mais atrás Fernando Alonso sem rendimento muito devido a batida que ele teve acabou tendo de abandonar a prova voltas depois.

A pista estava em condições críticas, Mas já estava secando e começando a ficar melhor para os pilotos que estavam com os pneus intermediários que estavam ganhando rendimento na prova. Entre eles os pilotos Carlos Sainz jr., Daniil Kvyat e Lance Stroll. Outros pilotos com os pneus intermediários como Esteban Ocon, Kevin Magnussen e Felipe Massa estavam começando a perder rendimento com os pneus de chuva pesada.

Na 11ªVolta Daniil Kyvat perde a freada e bate de frente na proteção de pneus da curva 4 para a 5 e provoca a entrada do Safety Car que entra pela segunda vez na corrida. Todos os pilotos aproveitam para colocarem os pneus intermediários com exceção de Felipe Massa que ficou na pista com os pneus de chuva extrema começou a ficar muito para trás e perdeu posições caindo do 9ºlugar na relargada para o 13ºlugar. Sem ritmo de corrida o piloto Brasileiro foi para os boxes na volta 17 para colocar pneus intermediários. (Deveria ter colocado os pneus de pista seca, Se era para fazer essa parada então porque não arriscou os pneus de pista seca para voltar a corrida. O Erro é do piloto e também a equipe poderia ter tido essa audácia de fazer isso.

A pista mesmo sem estar totalmente seca ela vinha melhorando volta após volta com um trilho seco cada vez mais evidente. Hamilton vinha abrindo diferença para Ricciardo que tinha uma enorme vantagem para Valtteri Bottas que vinha com dificuldades no circuito de Marina Bay o fim de semana inteiro. Carlos Sainz jr. Com a Toro Rosso, Nico Hulkenberg com a Renault e Sergio Perez com a Force India eram os melhores do grupo intermediário. Os estreantes Stoffel Vandoorne e Lance Stroll disputava a 8ªposição.

Kevin Magnussen da Haas por chamada da equipe foi para os boxes ser o primeiro a arriscar pneus de pista seca. Na mesma volta parou Felipe Massa com a Williams. A partir dai a expectativa das voltas seguintes para saber se a tática era a correta. Bastou poucas voltas para a tática se mostra acertada. Daniel Ricciardo foi para os boxes na volta 29. Sabendo disso e com uma diferença de quase 10 segundos para o piloto Australiano Hamilton faz a parada na volta seguinte. O piloto da Mercedes voltou a liderança com Ricciardo em segundo, Bottas em 3º, Hulkenberg, Sainz e Perez nas 6 primeiras posições.

Nas voltas seguintes estávamos vendo os pilotos baixarem seus melhores tempos e as voltas mais rápidas vinham caindo volta após volta. Hamilton tinha mais de 15 segundos de diferença para Ricciardo, Tudo indicava uma vitória tranquila até que na volta 39 o Sueco Marcus Ericsson acabou rodando e batendo no muro danificando a sua roda. Com isso provoca huma nova bandeira amarela e com consequência a esse Safety Car na pista a corrida passou para o tempo de corrida. Restava 30 minutos para o termino da prova.

Nico Hulkenberg que vinha tentando alcançar o primeiro pódio da carreira acabou indo para os boxes com problemas em seu carro. Vi umas mangueiras, possivelmente alguma parte que precisava de ar comprimido ou de reprogramação em seu carro. (Isso não iria adiantar, Já que o piloto Alemão acabou abandonando voltas depois)

Relargada a 26 minutos do final da prova. Hamilton, Ricciardo e Bottas se distanciam dos demais enquanto que Sainz jr. E Perez disputam o 4ºlugar seguidos de Jolyon Palmer e de Stoffel Vandoorne.

Já Lance Stroll segurava o 8ºlugar dos ataques de Romain Grosjean, Nico Hulkenberg que deixaria a corrida voltas depois, de Esteban Ocon. Felipe Massa e Kevin Magnussen estavam ficando um pouco mais distanciados da turma.

Na parte final de corrida Hamilton chegou a aparentar algum problema em seu carro que logo ele ou se acostumou com esse problema ou ele foi temporário já que nas voltas finais ele manteve distância segura para Daniel Ricciardo que teve que se cuidar de um pequeno risco que existiria com a aproximação de Valtteri Bottas.

Hamilton conquistou sua 7ªvitória na temporada 2017 e agora tem 28 pontos de frente para Sebastian Vettel que vai querer esquecer esse dia desastroso para ele e a Ferrari que pela primeira vez tem seus dois pilotos abandonando a corrida por acidente na primeira volta. Daniel Ricciardo conquistou o seu 7ºpódio na temporada e consolidando a quarta posição no Mundial de pilotos abrindo 24 pontos de frente para Kimi Raikkonen. Valtteri Bottas completou o pódio com a outra Mercedes.

Carlos Sainz jr. Motivado com a sua ida para a Renault terminou em 4ºlugar, O melhor resultado do Espanhol na Formula 1 chegando na frente de Sergio Perez que vai permanecer na Force India para 2018.

A surpresa do dia foi o inglês Jolyon Palmer que nem de longe realizou uma exibição tão boa como a que ele fez no dia de hoje conquistando o seu melhor resultado justo no final de semana que ele acabou chutado da Renault para 2018, Mas esse desempenho de hoje pode afastar a ideia da equipe Francesa chamar Sainz jr. Para correr no GP da Malásia já daqui a duas semanas.

Stoffel Vandoorne com a Mclaren-Honda alcançou seu melhor resultado na Formula 1 com uma boa corrida chegando no 7ºlugar. Muito na frente de Lance Stroll que acabou conquistando 4 pontos totalmente inesperados para a Williams. Romain Grosjean e Esteban Ocon completaram a zona de pontuação.

Felipe Massa pagou caro pela aposta errada dos pneus e acabou de fora da zona de pontuação ficando em 11ºlugar apenas a frente de Pascal Wehrlein com a Sauber (Se era para chamar esse carro de carro de Formula 1, pelo pífio desempenho do time suíço)

Restando 6 provas para o final do campeonato nada esta decidido, Mas podemos dizer que Hamilton deu sem dúvida um importante passo rumo ao título de 2017. Daqui a 2 semanas teremos o GP da Malásia no circuito de Sepang com Vettel tentando recuperar o prejuízo e Hamilton tentando começar a matar o campeonato a Favor dele.

Resultado final da 14ªEtapa do Mundial de Formula 1
GP de Cingapura – 58 Voltas

Pos. Piloto Equipe Chassis Motor Voltas Tempo Grid
1 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 58 2:03:23.544 5
2 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB13 TAG Heuer 58 +4.507s 3
3 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 58 +8.800s 6
4 55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 58 +22.822s 10
5 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 58 +25.359s 12
6 30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 58 +27.259s 11
7 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 58 +30.388s 9
8 18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 58 +41.696s 18
9 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 58 +43.282s 15
10 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 58 +44.795s 14
11 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 58 +46.536s 17
12 94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 56 +2 laps 19
20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 50 Unidade de Potência 16
27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 48 Vazamento de óleo 7
9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 35 Acidente 20
26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 10 Acidente 13
14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 8 Acidente 8
5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 0 Acidente 1
33 Max Verstappen Red Bull Racing RB13 TAG Heuer 0 Acidente 2
7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 0 Acidente 4

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Renault/Toro Rosso

F1 Ferrari 2017 Force India 2017 Formula 1 Formula 1 - 2017 Fotos Haas 2017 Mclaren 2017 Mercedes 2017 Red Bull 2017 Renault 2017 Sauber 2017 Toro Rosso 2017 Williams 2017

Hamilton vence duelo com Vettel em Spa e conquista 5ªVitória em 2017.

Published by:

Em uma prova mais estudada do que disputada em Spa-Francorchamps Hamilton e Vettel fizeram o duelo pela vitória e pelo campeonato. No final deu Lewis Hamilton que coloca ainda mais emoção no campeonato com 8 corridas ainda para serem disputadas.

Hamilton largou muito bem e manteve a liderança com Vettel, Bottas, Raikkonen e os dois pilotos da Red Bull (Verstappen e Ricciardo) nas 6 primeiras posições com Alonso largando muito bem pulando do 10º para o 7º. Alonso no final da primeira volta perdeu a posição para Hulkenberg, Curvas depois na segunda volta Alonso conseguiu com o fraquíssimo motor Honda acabou voltando ao 7ºlugar.

Mas não demora muito para Alonso começar a ser ultrapassado pelo Hulkenberg, Ocon, Perez e outros pilotos. Felipe Massa subiu para o 13ºlugar após largar do 16ºlugar com seu fraquíssimo carro da Williams. Hamilton abria uma boa vantagem sobre Vettel que vinha seguindo de longe o piloto da Mercedes. Depois vinha Bottas que estava muito longe dos dois primeiros com uma boa vantagem para Raikkonen.

Max Verstappen que vinha no 5ºlugar com problemas de acelerador acabou abandonando a sua 6ªcorrida na temporada cheia de problemas para o piloto da Red Bull.

Na 9ªVolta Ericsson e Palmer foram os primeiros a fazerem suas paradas nos boxes, Começava a primeira rodada de paradas nos boxes. A grande maioria iria fazer 2 paradas nos boxes.

Hulkenberg e Massa pararam na 12ªVolta. Hamilton foi o primeiro dos lideres a fazer a primeira parada nos boxes com uma parada próxima da perfeição com 2.3 segundos. Vettel assumiu a liderança. Bottas parou na 14ªVolta. Os pilotos da Ferrari que trata melhor os pneus continuaram na pista por mais tempo. Vettel para nos boxes na 15ªVolta, Na 16ªVolta Hamilton sem qualquer dificuldade assumia a liderança enquanto que Raikkonen na volta seguinte foi para os boxes.

A Partir dai Vettel partiu para perseguir Lewis Hamilton a partir da segunda parte da corrida, Enquanto o piloto da Ferrari ameaçava no segundo e terceiro setor o piloto Inglês que respondia fazendo muito bem no Setor 1. Era uma disputa entre os dois já que o terceiro colocado Valtteri Bottas estava longe dessa disputa. Já Kimi Raikkonen por não ter diminuído a velocidade na bandeira amarela por causa do carro do Verstappen acabou punido com 10 segundos parados nos boxes saindo definitivamente da disputa. Após pagar a punição o Homem de Gelo caiu para o 7ºlugar. (Atrás de Ricciardo, Hulkenberg e Ocon)

Já para Fernando Alonso a paciência dele parece esta chegando ao limite na Mclaren (Se não chegou no limite na Formula 1) Mandou o engenheiro dele não falar com ele até o final da corrida. Na 27ªVolta o piloto Espanhol parou de brincar de ser ultrapassado por deus e o mundo e acabou parando com problemas de motor. (Algo me diz que ele não corre na Formula 1 em 2018) Raikkonen recuperou posições para Ocon e Hulkenberg sem maiores dificuldades, Mas para Ricciardo a diferença era bem grande e possivelmente impossível de se recuperar em condições de voltar ao 4ºlugar em condições normais.

Ocon e Perez fizeram a sua segunda parada nos boxes na volta 27 e 28 e se pegam logo atrás de Felipe Massa, Ambos disputando o 10ºlugar. Na volta 29 Ocon é ultrapassado pelo Perez e tenta recuperar o posicionamento e acaba tendo sua asa quebrada por Perez que fechou a porta, Na subida da Eau Rouge acabou o Mexicano escorregando com o pneu furado e com a asa quebrada. A pista ficou suja e foi acionado o Safety Car no circuito de Spa. Com isso todos os pilotos foram fazer a segunda parada nos boxes. Ocon e Perez fizeram paradas para reparar problemas dos seus carros.

Com isso Hamilton com os pneus macios corria riscos de perder a Vitória para Vettel que colocou os pneus supermacios. Raikkonen ganhou uma nova chance de recuperar a posição do Ricciardo. Hulkenberg em 6º seguido de Grosjean, Massa que largou da 16ªposição estava em 8ºlugar com a Williams que se comportou mal o final de semana inteiro, Magnussen e Ocon completavam os 10 primeiros lugares.

A 11 Voltas para o final tivemos a relargada e Hamilton manteve-se na frente. Vettel foi com tudo para cima de Hamilton tentando assumir a liderança. O piloto da Mercedes se defendeu bem desse ataque. Atrás deles Daniel Ricciardo em um lance sensacional ultrapassou Valtteri Bottas que perdeu posição para Kimi Raikkonen caindo para o 5ºlugar. Já o piloto da Red Bull assumiu o 3ºlugar. Antes dessa Relargada Kevin Magnussen passou reto para não bater no Massa ou no Grosjean em cheio e acabou ficando muito para trás perdendo posicionamento na zona de pontuação.

Vettel tentou ficar a menos de 1 segundo do Hamilton que conseguiu impedir isso. Enquanto Vettel ficou impedido de usar a asa móvel e com isso perdeu a sua única chance de vencer a Mercedes em Spa. O piloto da Mercedes levou o carro até o final da prova e conquistou a 5ªVitória em 2017 baixando a diferença de 14 para 7 pontos a vistas de que teremos o GP da Itália na casa da Ferrari, Mas tendo a Mercedes como favoritas a vitória.

Sebastian Vettel em segundo lugar fez uma corrida muito boa e por alguns momentos até sonhou realmente com uma vitória em cima de Hamilton. O Segundo lugar não é de todo o ruim para o Ainda líder do campeonato.

Agora um dos vitoriosos do dia foi Daniel Ricciardo que conquistou um pódio tendo as expectativas de um 5ºlugar na melhor das hipóteses no começo da corrida. Superando a Kimi Raikkonen que recuperou o seu 4ºlugar e de Valtteri Bottas que, Se tinha alguma chance de brigar pelo campeonato possivelmente essa chance praticamente acabou com o fraco 5ºlugar que ele conseguiu hoje.

Nico Hulkenberg com a Renault em ascensão foi o melhor do resto do Grupo fechando a corrida na 6ªposição a frente de Romain Grosjean da Haas. São mais 6 pontos para o time norte-americano que esta disputando posições intermediárias para uma classificação intermediária no Mundial de Construtores.

Felipe Massa largando do 16ºlugar com o ruim momento da Williams foi um dos grandes nomes da corrida combinando sorte e competência acabou a corrida em 8ºlugar. Marcando mais 4 pontos importantíssimos para o Mundial de Construtores.

Esteban Ocon salvou 2 pontos para a Force India que se não entrou em crise devido aos incidentes entre os dois pilotos. É muito possível que a crise se instale, Pois Perez não ficou nada contente com o Ocon que em vice e versa também não ficou feliz com Perez. Isso pode ser ruim para a equipe Indiana. Carlos Sainz jr. Com a Toro Rosso completou a zona de pontuação superando a Lance Stroll que ficou em 11ºlugar.

Daniil Kvyat que sofreu com a quebra do seu motor acabou ficando em 12ºlugar segurado pelo Stroll na parte final da corrida. Jolyon Palmer continua sem pontuar terminando na 13ªposição e depois Stoffel Vandoorne na corrida da sua casa não teve muito que fazer com a Mclaren-Honda com o 14ºlugar ficando na frente de Kevin Magnussen que acabou jogando fora a chance de marcar pontos pela escapada que deu antes da relargada, De Marcus Ericsson com a Sauber e de Sergio Perez que teve um dia desastroso (Voltando a fase de piloto perigoso na Sauber quando ele aprontava aos montes) fechando a lista de pilotos que terminaram a prova.

Próxima semana teremos a etapa no circuito mais rápido do campeonato em Monza com Vettel tentando segurar a liderança e Hamilton busca a vitória para assumir a liderança do campeonato.

Resultado final do GP da Bélgica
13ªEtapa do 68ºMundial de Formula 1 – 44 Voltas

Posição Piloto Equipe Chassis Motor voltas Tempo Grid
1 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 44 1h 24:42.820 1
2 5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 44 a 2.358 2
3 3 Daniel Ricciardo Red Bull RB13 TAG Heuer 44 a 10.791 6
4 7 Kimi Raikkonen Ferrari SF70H Ferrari 062 44 a 14.471 4
5 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 44 a 16.456 3
6 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 44 a 28.087 7
7 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 44 a 31.553 11
8 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 44 a 36.649 16
9 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 44 a 38.154 9
10 55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 44 a 39.447 13
11 18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 44 a 48.999 15
12 26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 44 a 49.940 19
13 30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 44 a 53.239 14
14 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 44 a 57.078 20
15 20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 44 a 1:07.262 12
16 9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 44 a 1:09.711 17
17 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 42 a 2 Volta 8
14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 25 a 17 Voltas – Motor 10
33 Max Verstappen Red Bull RB13 TAG Heuer 7 a 37 Voltas – Motor 5
94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 2 a 42 Voltas – Suspensão 18

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Williams/Sauber

F1 Ferrari 2017 Force India 2017 Formula 1 Formula 1 - 2017 Fotos Haas 2017 Mclaren 2017 Mercedes 2017 Red Bull 2017 Renault 2017 Sauber 2017 Toro Rosso 2017 Williams 2017

Hamilton conquista a pole em Silverstone sobrando na turma e fazendo a festa da torcida

Published by:

Em um treino que começou com chuva era muito incerto quem iria passar para o Q2, Dependia muito mesmo da melhora ou não das condições de pista, Em uma pista dessas acaba diminuindo a diferença entre os carros e a habilidade dos pilotos passa a ser maior. Na primeira parte do Q1 Daniel Ricciardo era o primeiro colocando e ai o carro dele para na pista com problemas eletrônicos. O Australiano abandona o treino e a bandeira vermelha é acionada. Após a retirada do carro da Red Bull o treino recomeçou com Ricciardo na primeira posição.

Esse tempo de 1:42.966 de Ricciardo só foi superado a menos de 6 minutos do final do treino quando Lewis Hamilton melhorou seu tempo. Na parte final do treino os tempos baixaram com a melhora das condições da pista. O melhor tempo ficou por incrível que pareça com o Espanhol Fernando Alonso com a Mclaren. Algo que não acontecia a muito tempo com o espanhol e com a equipe Inglês. Esse tempo espetacular de 1:37.598 acabou eliminando o Canadense Lance Stroll. Os outros eliminados foram Kevin Magnussen, Pascal Wehrlein, Marcos Ericsson e Daniel Ricciardo.

Q1:

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo
1 14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:37.598
2 33 Max Verstappen Red Bull RB13 TAG Heuer 1:38.912
3 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:39.069
4 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:39.201
5 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:39.698
6 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:39.738
7 5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 1:39.962
8 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:40.011
9 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 1:40.455
10 55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:41.114
11 30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:41.404
12 26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:41.726
13 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:41.874
14 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:42.009
15 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 1:42.042
16 18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:42.573
17 20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 1:42.577
18 94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 1:42.593
19 9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 1:42.633
20 3 Daniel Ricciardo Red Bull RB13 TAG Heuer 1:42.966

Com a pista melhor no Q2 tudo voltou a normalidade com os dois pilotos da Mercedes e os dois pilotos da Ferrari estiveram nas primeiras posições. Com um grande trabalho de Nico Hulkenberg que se classificou na frente de Max Verstappen para o Q3. Mais uma vez a Williams acabou ficando de fora do Q3, Felipe Massa não conseguiu ir além do 15ºlugar. Os outros eliminados foram Jolyon Palmer que por muito pouco não foi para o Q3 com a Renault e não dar uma volta por cima depois de uma chuva de críticas e de problemas que ele teve nas últimas corridas, Daniil Kvyat, Fernando Alonso que acabou de fora do Q3 e perdeu pela primeira vez para Stoffel Vandoorne que acabou classificando pela primeira vez para a fase final do treino.

Carlos Sainz jr. e Felipe Massa foram os outros eliminados.

Q2:

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo
1 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:27.893
2 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:28.732
3 5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 1:28.978
4 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 1:28.992
5 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:29.340
6 33 Max Verstappen Red Bull RB13 TAG Heuer 1:29.431
7 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:29.701
8 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:29.824
9 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 1:29.966
10 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:30.105
11 30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:30.193
12 26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:30.355
13 14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:30.600
14 55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:31.368
15 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:31.482

Q3:

Na parte final do treino Hamilton deu o seu show, Já na sua primeira volta já começava a dar as suas cartas fazendo 1:27.231 com Sebastian Vettel com 199 milésimos atrás do dono da casa. Valtteri Bottas com o 3ºlugar o que iria colocar-lo na 8ºposição com a punição no Câmbio. Raikkonen em 4º assim como Verstappen, Hulkenberg, Perez e Ocon se beneficiariam dessa punição do piloto da Mercedes que venceu a prova passada.

Destacar o belissimo treino de Nico Hulkenberg que se colocava na 6ªposição na frente dos pilotos da Force India que evidentemente a 4ªmelhor equipe da temporada.

O final foi dramático. principalmente com o fato do tempo frio em Silverstone e da dificuldades de aquecimento dos pneus. Foi ai que Hamilton acabou sobrando com 1:26.600. Recorde absoluto e com mais de meio segundo de diferença para Kimi Raikkonen que superou Vettel que fez sua última volta com os pneus usados e com Bottas não fazendo uma volta muito boa ficando em 2ºlugar dividindo a primeira fila com o herói da Casa.

Sebastian Vettel o líder do campeonato larga em 3ºlugar. Sem dúvida o piloto mais odiado do local devido a grande rivalidade que existe entre os dois nessa temporada. Com Valtteri Bottas punido com a troca de Câmbio ele acaba caindo para a 9ªposição. Max Verstappen forma a segunda fila com o piloto da Ferrari.

Nico Hulkenberg fez um belissimo treino após algumas corridas apagado e larga na 5ªposição. Na frente de Sergio Perez e de Esteban Ocon com a Force India. O Belga Stoffel Vandoorne teve seu melhor momento até agora na sua carreira, Já seria muito bom o 9ºlugar que ele conseguiu superando Romain Grosjean. O Piloto da Mclaren acaba sendo o último beneficiado da punição de Valtteri Bottas e vai largar na 8ªposição.

Valtteri Bottas largando em 9ºlugar vai ter muito trabalho para fazer uma grande corrida. Mesmo com a classificação prejudicada o Finlandês poderia ter feito um treino melhor que fez no dia de hoje. Romain Grosjean fecha os 10 primeiros colocados. O GP da Inglaterra será realizado a partir das 9 da manhã horário de Brasilia.

Grid de largada do GP da Inglaterra de Formula 1

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo Fase
1 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:26.600 Q3
2 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 1:27.147 Q3
3 5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 1:27.356 Q3
4 33 Max Verstappen Red Bull RB13 TAG Heuer 1:28.130 Q3
5 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:28.856 Q3
6 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:28.902 Q3
7 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:29.074 Q3
8 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:29.418 Q3
9 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:27.376 Q3
10 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 1:29.549 Q3
11 30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:30.193 Q2
12 26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:30.355 Q2
13 14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:30.600 Q2
14 55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:31.368 Q2
15 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:31.482 Q2
16 18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:42.573 Q1
17 20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 1:42.577 Q1
18 94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 1:42.593 Q1
19 9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 1:42.633 Q1
20 3 Daniel Ricciardo Red Bull RB13 TAG Heuer 1:42.966 Q1

* Valtteri Bottas perde 5 posições por trocar o seu câmbio

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Mclaren/Force India/

F1 Ferrari 2017 Force India 2017 Formula 1 Formula 1 - 2017 Fotos Haas 2017 Mclaren 2017 Mercedes 2017 Red Bull 2017 Renault 2017 Sauber 2017 Toro Rosso 2017 Williams 2017

Valtteri Bottas domina Final de semana na Áustria e conquista 2ªVitória da Carreira

Published by:

Q1

Na primeira parte do treinamento já era certo que os pilotos da Sauber iriam ficar no Q1 nas duas últimas posições muito pelo carro pífio que eles tem como o motor da Ferrari de 2016 (Que é um belo motor, Mas sendo de 2016). Mas imagina a Williams parando no Q1 com seus pilotos não conseguindo se quer serem competitivos para entrarem no Q2. Ontem os tempos de Felipe Massa e de Lance Stroll já estavam preocupantes, Mas se esperava uma melhora nesses tempos e o que aconteceu foi ao contraio. Acabaram piorando a ponto de ambos terem sido eliminados.

O último eliminado foi o Inglês Jolyon Palmer da Renault. Surpresa mesmo para mim foi a Mclaren que vem com um novo motor da Honda e parece que esse motor rende um pouco melhor o que leva uma equipe que tem sérios problemas de Potência em seu motor. O último dos eliminados foi o inglês Jolyon Palmer que acabou ficando em 16ºlugar superado pelo Belga Stoffel Vandoorne.

Resultado do Q1:

Piloto Equipe Chassi Motor Tempo
44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:05.064
7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 1:05.148
5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 1:05.585
55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:05.675
77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:05.760
33 Max Verstappen Red Bull RB13 TAG Heuer 1:05.779
3 Daniel Ricciardo Red Bull RB13 TAG Heuer 1:05.854
8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 1:05.902
11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:05.975
26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:05.990
31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:06.033
20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 1:06.143
14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:06.158
27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:06.174
2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:06.316
30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:06.345
19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:06.534
18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:06.608
9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 1:06.857
94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 1:07.011

Q2:

No Q2 Kevin Magnussen já estaria de fora do Treino. Problemas em seu carro impediram de ele disputar uma vaga entre no Q3. Nessa segunda parte do treinamento Vettel, Hamilton, Bottas e Max Verstappen ultrapassaram da barreira do 1 minuto e 4 segundos. Kimi Raikkonen em 5º ficou perto de ultrapassar essa casa. (Como previ ontem que esse tempo poderia baixar do 1 minuto e 4 segundos ou até mesmo para o 1 minuto e 3 segundos. Algo que a 15 anos atrás esse tempo nem em sonhos seria possível esse tempo.

Na parte final do Treinamento Esteban Ocon que estava de fora do Q2 fez o 10ºlugar tirando Alonso da parte final do treinamento. Alonso e Vandoorne tentaram colocar a Mclaren no Q3, Mas não obtiveram sucesso na sua volta final. Hulkenberg na sua última volta ficou a 47 milésimos do 10ºlugar.

Hulkenberg com Renault , Alonso, Vandoorne (Ambos de Mclaren) que ficou nos treinos livres a frente do espanhol acabou ficando em 13ºlugar e Daniil Kvyat com a Toro Rosso. Magnussen não treinou e acabou de fora largando no 15ºlugar.

Piloto Equipe Chassi Motor Tempo
77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:04.316
5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 1:04.772
44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:04.800
33 Max Verstappen Red Bull RB13 TAG Heuer 1:04.948
7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 1:05.004
3 Daniel Ricciardo Red Bull RB13 TAG Heuer 1:05.161
8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 1:05.319
11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:05.435
55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:05.544
31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:05.550
27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:05.597
14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:05.602
2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:05.741
26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:05.884
20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 Sem Tempo

Parte final do Treino. Como Hamilton não poderia ser o pole pela punição na caixa de Câmbio a disputa pelo primeiro lugar seria entre Bottas, Vettel e Raikkonen.

Na primeira tentativa dos pilotos na reta final da classificação foi Valtteri Bottas que com o impressionante tempo de 1:04.251 fez o melhor tempo com Sebastian Vettel em segundo a 42 milésimos em 2ºlugar e Hamilton com 1:04.421 na 3ªposição.

Raikkonen logo depois acabou fazendo o 4ºtempo superando a Daniel Ricciardo e Max Verstappen que vinham em 5º e 6ºlugares respectivamente com a Red Bull. Enquanto os pilotos que disputavam a pole. Daniel Ricciardo deu uma bela melhorada em seu tempo enquanto que Sergio Perez fez o 8ºtempo ficando atrás de Romain Grosjean que estava colocando a Haas em uma surpreendente 7ªposição.

Verstappen foi para a pista e melhorou seu tempo, Mas o 1:04.983 não foi o bastante para fazer o Holandês passar seu companheiro de equipe.

Nos minutos finais de treinamento os pilotos foram para a pista para melhorarem seu tempo, Mas essa melhora não foi possível. O Carro de Romain Grosjean parou na pista no segundo setor do circuito e segundos depois o Australiano Daniel Ricciardo vai para a brita decretando o final do treino. Com as bandeiras amarelas nenhum dos tempos pode ser baixado e isso fez com que o Finlandês Valtteri Bottas conquistasse a segunda pole position de sua carreira o que pode levar o piloto da Mercedes a ganhar pela segunda vez em sua carreira.

Melhor ainda fica para o Alemão Sebastian Vettel que largando na segunda posição tem a vantagem de aumentar ainda mais a liderança do campeonato para o Inglês Lewis Hamilton que vai largar apenas na 8ªposição devido a troca de Câmbio. Tricampeão Mundial cede o 3ºlugar para o homem de Gelo Kimi Raikkonen com a Ferrari que terá ao seu lado o Australiano Daniel Ricciardo que vem de 4 pódios seguidos com uma vitoria em Baku.

Max Verstappen querendo se recuperar do mal momento que vive no ano larga em 5ºlugar na frente de Romain Grosjean que é uma surpresa levar a Haas para uma impressionante 6ªposição na frente dos pilotos da Force India.

Sergio Perez com o carro da Equipe Indiana e o inglês Lewis Hamilton formam a 4ªfila. O piloto da Mercedes vai ter a chance de fazer uma corrida de recuperação, Mas vai ser difícil conseguir uma vitória largando do 8ºlugar. Esteban Ocon com a Force India e Carlos Sainz jr. com a Toro Rosso largam na 5ªFila fechando os 10 primeiros colocados.

Grid de largada – GP da Áustria de Formula 1
Spielberg – Red Bull Ring

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo Fase
1 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:04.251 Q3
2 5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 1:04.293 Q3
3 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 1:04.779 Q3
4 3 Daniel Ricciardo Red Bull RB13 TAG Heuer 1:04.896 Q3
5 33 Max Verstappen Red Bull RB13 TAG Heuer 1:04.983 Q3
6 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 1:05.480 Q3
7 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:05.605 Q3
8 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 1:04.424 Q3
9 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 1:05.674 Q3
10 55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:05.726 Q3
11 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:05.597 Q2
12 14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:05.602 Q2
13 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 1:05.741 Q2
14 26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 1:05.884 Q2
15 20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 Sem Tempo Q2
16 30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 1:06.345 Q1
17 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:06.534 Q1
18 18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 1:06.608 Q1
19 9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 1:06.857 Q1
20 94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 1:07.011 Q1

Lewis Hamilton perdeu 5 posições por trocar o câmbio

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Williams/Force India/Haas/Red Bull

Domingo: A corrida

Valtteri Bottas que largou na pole position teve um domingo sem falhas e conquistou a segunda vitória na temporada 2017 e a segunda da carreira em uma corrida interessante, Mas sem muitas emoções. Apesar de uma pista rápida acabou sendo uma corrida sem grandes disputas e que comprovou o duelo entre a velocidade da Mercedes e a melhor constância de pneus da Ferrari.

Na largada Bottas em um incrível reflexo de 0.201 segundos na largada contra os 0.369 segundos manteve a liderança com Vettel em segundo. Já Max Verstappen largou muito mal e caiu várias posições. Para piorar sua situação o piloto da Red Bull acabou tocado pelo Alonso que foi tocado por Daniil Kvyat. Resultado disso é que o Russo teve de ir para os boxes reparar os danos em seu carro enquanto que Fernando Alonso e Max Verstappen acabaram por ir aos boxes e abandonar a corrida.

Raikkonen acabou perdendo posições para Ricciardo e Grosjean que saiu do 6º para o 4ºlugar, Perez na frente de Hamilton na 6ªposição com Ocon logo atrás dele. Já Felipe Massa e Lance Stroll se aproveitando do incidente da largada subiram 7 posições indo para o 10º e 11ºlugares respectivamente. Na terceira volta Raikkonen ultrapassa o piloto da Haas voltando ao 4ºlugar.

Hamilton por sua vez ganhou a posição de Perez e na 8ªVolta ganhou a posição do Grosjean ganhando o 5ºlugar. Enquanto isso Bottas estava tranquilamente na primeira posição. Kvyat acabou indo para os boxes para cumprir uma punição

Na 15ªVolta Nico Hulkenberg foi o primeiro a fazer a troca de pneus.  E parecia que teríamos a primeira rodada de paradas noa boxes nesse momento, Mas não tivemos movimentação nos boxes depois disso. Hamilton chegava no Raikkonen para lutar pelo 4ºlugar.

Valtteri Bottas começou a virar volta mais rápida em cima de volta mais rápida e abria mais de 7 segundos de vantagem para Vettel. Parecia que o líder iria para os boxes, Mas isso não aconteceu de cara. Vários pilotos reclamavam dos pneus já desgastados e já com bolhas e mesmo assim ninguém vinha para os boxes fazer a parada. Kevin Magnussen com problemas eletrônicos acabou deixando a prova quando vinha pressionando a Lance Stroll pela 10ªposição.

Finalmente na 32ªVolta veio Lewis Hamilton para a primeira parada nos boxes. Como não conseguia passar Raikkonen na pista acabou tendo de usar da tática para tentar ganhar essa posição. Ricciardo parou duas voltas depois. Na volta 35 foi a vez de Vettel realizar a sua parada nos boxes. Bottas e Raikkonen continuavam firmes com o mesmo jogo de pneus.

Valtteri Bottas foi para os boxes na 41ªVolta para a sua única parada na corrida deixando a liderança para Kimi Raikkonen que ainda não tinha parado nos boxes assim como Felipe Massa que estava com pneus mais duros e ainda rendendo na 6ªposição. Bottas passou Raikkonen que foi para os boxes na volta 45 e voltou atrás de Lewis Hamilton em 5ºlugar. Felipe Massa foi o último a fazer a parada na 46ªVolta voltando em 9ºlugar.

A 20 voltas do final Bottas continuava na liderança com Vettel começando a buscar baixar a diferença que ele o finlandês tinha sobre ele, Já Lewis Hamilton buscava tomar o pódio de Daniel Ricciardo, Mas tinha os pneus mais desgastados por já ter 20 voltas contra os pneus um pouco mais novos de seus adversários. Mais Atrás Felipe Massa se aproximou de Esteban Ocon disputando o 8ºlugar.

Vettel na parte final da prova diminuía a diferença para Bottas que conseguiu algum folego com os retardatários. Nisso acabou Felipe Massa sendo prejudicado porque ele buscava disputar posição com o Ocon e toda a vez que ele começava a partir para o ataque ele tinha que ceder ultrapassagem  par os líderes, isso atrapalhou essa disputa de posição.

Na Reta Final Vettel se aproximou de Bottas enquanto que Hamilton se aproximou de Ricciardo buscando o pódio. A 2 voltas do final o piloto da Mercedes colocou por fora do piloto da Red Bull e por muito pouco acabou não tomando o pódio do piloto da Red Bull. Na briga pela vitória Vettel tentou, Mas não impediu que Bottas conquistasse a segunda vitória da temporada e da carreira. Uma corrida perfeita do piloto da equipe Mercedes que o recoloca de uma maneira até indireta na disputa do título.

Vettel em segundo lugar amplia em mais 8 pontos a sua vantagem na liderança do campeonato após o 2ºlugar chegando apenas 6 décimos de diferença para o vencedor. Daniel Ricciardo conquista o seu 5ºpódio seguido na Temporada com a Red Bull que leva um pódio na sua casa. Melhor que isso ele conseguiu segurar a Mercedes de Lewis Hamilton que foi prejudicado pela troca de Câmbio que ele teve de fazer. Conseguiu diminuir o prejuízo enorme que ele poderia ter. Porém o 4ºlugar acabou sendo frustante já que poderia dar sim para levar um pódio com a Mercedes.

Kimi Raikkonen ficou em 5ºlugar com uma corrida sem muitos destaques. Depois de muito tempo o Francês Romain Grosjean acabou em 6ºlugar depois de um final de semana magnifico para ele e para a Haas (A Melhor corrida dele e da equipe em 2017) Superando os pilotos da Force India que vem em um campeonato melhor e com um carro melhor que o da equipe Norte-americana.

Sergio Perez com a Force India voltou a marcar pontos ficando em 7ºlugar em uma corrida eficiente. Esteban Ocon também de Force India segurou Felipe Massa ficando com o 8ºlugar. Felipe Massa que fez uma grande largada ganhando 7 das 8 posições fez uma prova exemplar de como recuperar de uma situação adversa como era a 17ªposição no Grid de largada num dia que deu tudo errado para a Williams. O piloto Brasileiro ficou em 9ºlugar e seu companheiro de equipe Lance Stroll marcando pontos pela terceira vez na carreira fechou a zona de pontuação.

Jolyon Palmer ficou em 11ºlugar como o melhor piloto da Renault ficando mais uma vez na trave para marcar pontos. Depois veio o piloto Stoffel Vandoorne com a Mclaren repetindo seu melhor resultado na temporada. Nico Hulkenberg que se enrolou todo na estratégia ficou atrás do Belga.

Sem qualquer destaque na prova vieram Wehrlein, Ericsson e Kvyat que completaram a prova Austríaca. Semana que vem teremos a etapa do marca a metade da temporada. GP da Inglaterra de Formula 1 em Silverstone na casa de Hamilton que vai ter de partir para cima de Vettel para reaver a liderança do campeonato.

Resultado Final do GP da Áustria de Formula 1
Spielberg – Red Bull Ring – 9ºetapa

Posição Piloto Equipe Chassis Motor Voltas Tempo Grid
1 77 Valtteri Bottas Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 71 1h 21:48.523 1
2 5 Sebastian Vettel Ferrari SF70H Ferrari 062 71 a 0.658 2
3 3 Daniel Ricciardo Red Bull RB13 TAG Heuer 71 a 6.012 4
4 44 Lewis Hamilton Mercedes W08 Mercedes M08 EQ Power+ 71 a 7.430 8
5 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF70H Ferrari 062 71 a 20.370 3
6 8 Romain Grosjean Haas VF-17 Ferrari 062 71 a 1:13.160 6
7 11 Sergio Perez Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 70 1 Volta 7
8 31 Esteban Ocon Force India VJM10 Mercedes M08 EQ Power+ 70 1 Volta 9
9 19 Felipe Massa Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 70 1 Volta 17
10 18 Lance Stroll Williams FW40 Mercedes M08 EQ Power+ 70 1 Volta 18
11 30 Jolyon Palmer Renault R.S.17 Renault R.E.17 70 1 Volta 16
12 2 Stoffel Vandoorne Mclaren MCL32 Honda RA617H 70 1 Volta 13
13 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.17 Renault R.E.17 70 1 Volta 11
14 94 Pascal Wehrlein Sauber C36 Ferrari 061 70 1 Volta 19
15 9 Marcus Ericsson Sauber C36 Ferrari 061 69 2 Voltas 20
16 26 Daniil Kvyat Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 68 3 Voltas 14
55 Carlos Sainz Toro Rosso STR12 Renault R.E.17 44 Motor 10
20 Kevin Magnussen Haas VF-17 Ferrari 062 29 Hidráulico 15
14 Fernando Alonso Mclaren MCL32 Honda RA617H 1 Acidente 12
33 Max Verstappen Red Bull RB13 TAG Heuer 0 Acidente 5

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Williams/Force India/Haas/Red Bull