Martin leva a pole em Austin após treino incrível na moto 3

Jorge Martin teve um longo caminho, Com pista molhada no começo do treino e na parte final com a pista seca aonde teve uma frenética troca de posições.

Quando a pista estava molhada no começo do Treino o estreante Alonso Lopez chegou a se destacar assumindo a liderança. Foi uma troca de liderança de acordo a pista melhorando suas condições. Aron Canet, Jorge Martin e principalmente o Italiano Marco Bazzecchi. O Vencedor da corrida passada chegou a liderar a classificação com autoridade.

Aproveitando que a pista vinha secando, O Alemão Phillip Oettl foi para os boxes trocar os pneus e ajustar a Suspensão para entrar na pista. O resultado disso foi que o piloto da Sudmetal Schedl GP Racing colocou 6 segundos sobre o 2ºcolocado. Essa foi a chave para todo mundo ir para os boxes fazer o mesmo que o pole provisório. Com os pneus de pista seca, Todos os outros pilotos foram para a pista e a partir dai o Treino ficou incrivelmente disputado.

Os tempos foram baixando, Oettl continuou na ponta até que a 5 minutos do final o piloto acabou perdendo a liderança para Aron Canet. No final foi uma troca de posições, Todos visando a pole position. No final do Treino depois de ter zerado o Treino, Bastianini que não tinha aparecido o treino inteiro passou para a liderança e ficou por muito pouco tempo. Canet foi para a liderança de novo, Mas que viu por último foi o rei da pole da Moto 3.

Jorge Martin com 2:18.629 conquistou mais uma pole position. Com Aron Canet largando em segundo lugar com a sua moto da Estrella Galícia e o Escocês John McPhee fechando a primeira fila de forma surpreendente com sua moto da CIP-KTM.

Na Segunda fila largam: Tatsuki Suzuki que disputou a pole position, Buscando o 1ºpódio na carreira, Fabio di Giannantonio e Enea Bastianini. Na Terceira fila, Um Dennis Foggia que se quer apareceu no treino inteiro e só apareceu no final. Ayumu Sasaki com a moto da Petronas Sprinta Racing e o vencedor da prova passada Marco Bezzecchi larga em 9º

Phillip Oettl é que não ficou feliz com o seu modesto 11ºlugar após ter liderado o treino o tempo todo. A se destacar o belo treino do Cazaque Makar Yurchenko que larga em 17, Na frente de Niccolò Antonelli e logo atrás de Lorenzo Dalla Porta, Na 6ªfila.

Amanhã a partir do meio dia teremos a 3ªEtapa do Mundial de Moto 3. Com a ótima cobertura do Sportv (Sportv 3) diretamente do Circuito das Américas em Austin. Com o Narrador Guto Nejain e o Comentarista Fausto Macieira.

Grid de largada do GP dos Estados Unidos
3ªEtapa do Mundial de Motovelocidade – Moto 3

pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 88 Jorge Martin Del Conca Gresini Moto3 Honda 2’18.629
2 44 Aron Canet Estrella Galicia 0,0 Honda 2’19.125
3 17 John McPhee CIP – Green Power KTM 2’19.421
4 24 Tatsuki Suzuki SIC58 Squadra Corse Honda 2’19.428
5 21 Fabio Di Giannantonio Del Conca Gresini Moto3 Honda 2’19.497
6 33 Enea Bastianini Leopard Racing Honda 2’19.577
7 10 Dennis Foggia SKY Racing Team VR46 KTM 2’19.588
8 71 Ayumu Sasaki Petronas Sprinta Racing Honda 2’19.640
9 12 Marco Bezzecchi Redox PruestelGP KTM 2’19.684
10 5 Jaume Masia Bester Capital Dubai KTM 2’19.808
11 65 Philipp Ottl Sudmetal Schedl GP Racing KTM 2’19.816
12 19 Gabriel Rodrigo RBA BOE Skull Rider KTM 2’19.850
13 41 Nakarin Atiratphuvapat Honda Team Asia Honda 2’19.970
14 42 Marcos Ramirez Bester Capital Dubai KTM 2’20.002
15 40 Darryn Binder Red Bull KTM Ajo KTM 2’20.027
16 16 Andrea Migno Angel Nieto Team Moto3 KTM 2’20.257
17 48 Lorenzo Dalla Porta Leopard Racing Honda 2’20.323
18 76 Makar Yurchenko CIP – Green Power KTM 2’20.366
19 23 Niccolo Antonelli SIC58 Squadra Corse Honda 2’20.380
20 14 Tony Arbolino Marinelli Snipers Team Honda 2’20.485
21 84 Jakub Kornfeil Redox PruestelGP KTM 2’20.824
22 72 Alonso Lopez Estrella Galicia 0,0 Honda 2’20.917
23 8 Nicolo Bulega SKY Racing Team VR46 KTM 2’20.965
24 75 Albert Arenas Angel Nieto Team Moto3 KTM 2’21.021
25 7 Adam Norrodin Petronas Sprinta Racing Honda 2’21.167
26 11 Livio Loi Reale Avintia Academy KTM 2’21.279
27 22 Kazuki Masaki RBA BOE Skull Rider KTM 2’22.820
28 27 Kaito Toba Honda Team Asia Honda 2’23.083

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Jorge Martin ganha abertura em Losail após disputa com Canet

Classificação: Antonelli leva a pole em Losail por 1 milésimo sobre Jorge Martin

Niccolò Antonelli, Disposto a se recuperar do péssimo campeonato do ano passado levou a primeira pole position do ano na Moto 3. Após intensa disputa com Jorge Martin que liderou a maior parte do tempo. O piloto da SIC58 Squadra Corse superou o piloto da Gresini por apenas 1 milésimo de segundo em sua última volta rápida. Logo depois do Cronometro ter zerado.

Martin poderia ter conseguido a pole, Mas foi um pouco mais lento do que Antonelli no final, Deixando a pole escapar. O Argentino Gabriel Rodrigo vai fechar a primeira fila do Grid de Largada. Na segunda fila larga o Japonês Ayumu Suzuki, o Japonês Kaito Toba e o Italiano Marco Bezzecchi. Três pilotos que não costumam estar entre os primeiros colocados.

Aron Canet abre a terceira fila, Junto dele larga o Alemão Phillip Oettl que chegou a ocupar o segundo lugar na Classificação e do Italiano Lorenzo Dalla Porta que superou em 4 milésimos o primeiro piloto da Leopard Racing, Enea Bastianini que errou sua última tentativa ao se tocar com seu companheiro de equipe. A Frustação do dia fica com os pilotos da equipe de Valentino Rossi que ficaram muito mal colocados no Grid de largada.

Grid de largada – Mundial de Motovelocidade
Moto 3 – 1ªEtapa – GP do Qatar (Losail)

Pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 23 Niccolo Antonelli SIC58 Squadra Corse Honda 2’06.364
2 88 Jorge Martin Del Conca Gresini Moto3 Honda 2’06.365
3 19 Gabriel Rodrigo RBA BOE Skull Rider KTM 2’06.848
4 71 Ayumu Sasaki Petronas Sprinta Racing Honda 2’07.043
5 27 Kaito Toba Honda Team Asia Honda 2’07.048
6 12 Marco Bezzecchi Redox PruestelGP KTM 2’07.058
7 44 Aron Canet Estrella Galicia 0,0 Honda 2’07.059
8 65 Philipp Ottl Sudmetal Schedl GP Racing KTM 2’07.187
9 48 Lorenzo Dalla Porta Leopard Racing Honda 2’07.320
10 33 Enea Bastianini Leopard Racing Honda 2’07.324
11 84 Jakub Kornfeil Redox PruestelGP KTM 2’07.326
12 17 John McPhee CIP – Green Power KTM 2’07.407
13 5 Jaume Masia Bester Capital Dubai KTM 2’07.462
14 16 Andrea Migno Angel Nieto Team Moto3 KTM 2’07.586
15 42 Marcos Ramirez Bester Capital Dubai KTM 2’07.607
16 21 Fabio Di Giannantonio Del Conca Gresini Moto3 Honda 2’07.634
17 7 Adam Norrodin Petronas Sprinta Racing Honda 2’07.758
18 11 Livio Loi Reale Avintia Academy KTM 2’07.901
19 22 Kazuki Masaki RBA BOE Skull Rider KTM 2’08.108
20 40 Darryn Binder Red Bull KTM Ajo KTM 2’08.202
21 72 Alonso Lopez Estrella Galicia 0,0 Honda 2’08.280
22 8 Nicolo Bulega SKY Racing Team VR46 KTM 2’08.364
23 75 Albert Arenas Angel Nieto Team Moto3 KTM 2’08.480
24 76 Makar Yurchenko CIP – Green Power KTM 2’08.547
25 10 Dennis Foggia SKY Racing Team VR46 KTM 2’08.785
26 14 Tony Arbolino Marinelli Snipers Team Honda 2’08.795
27 41 Nakarin Atiratphuvapat Honda Team Asia Honda 2’08.936

Jorge Martin perdeu a pole no Sábado, Mas a vitória por hoje não escapou das mãos dele. Corrida foi a primeira da programação de Losail, No finalzinho de tarde no Qatar a largada acontece e Antonelli continuou na liderança por pouco tempo até que o Argentino Gabriel Rodrigo passou a liderança. Poucas curvas depois Jorge Martin foi que tomou a ponta da prova. Com Rodrigo, Kornfeil e Antonelli nas 4 primeiras posições.

Ao começar a terceira volta, Bastianini e Canet acabaram se dando bem em uma enorme disputa de posição pelo segundo lugar com Ayumi Sasaki também se beneficiando, Mas logo ele ficou mais para trás.

Canet e Bastianini ficaram disputando o segundo lugar e começaram a se aproximar de Jorge Martin na disputa pela liderança.

Na 5ªVolta Bastianini supera Martin e assume a liderança, Mas na volta seguinte o piloto da Leopard Racing caiu e abandonou a corrida, Deixando a Briga pela vitória entre Martin da Gresini e Canet da Estrella Galícia. Ambos distanciaram do Grupo que estava disputando o 3ºlugar formado por : Marco Bezzecchi, Niccolò Antonelli, Jakub Kornfeil, Lorenzo Dalla Porta, Ayumi Suzuki e Gabriel Rodrigo. Um pouco mais atrás vinham Di Giannatonio e John McPhee disputando a 9ªposição.

Ao caminhar do final da prova Canet chega a tomar a liderança de Martin, Que 1 volta depois recuperou a ponta. Enquanto que o último lugar do pódio continuava totalmente indefinido. Canet tentou o bote em Martin que não deu a menor chance para o seu adversário e levou a vitória na abertura do campeonato. Foi a segunda vitória da carreira do piloto Espanhol.

Canet ficou em 2ºlugar a 23 milésimos de Martin. O pódio após imensa disputa acabou ficando com Lorenzo Dalla Porta, Seu primeiro pódio da carreira. Superando Niccolò Antonelli que teve um bom final de semana e do Argentino Gabriel Rodrigo que parece esta mais consistente para disputar o campeonato desse ano.

Fabio di Giannantonio em corrida de recuperação acabou em 6ºlugar, Seguido de Kaito Toba que consegue seu melhor resultado da carreira, Ayumu Sasakl da equipe Petronas, Jakub Kornfeil e Andrea Migno completaram os 10 primeiros colocados.  Marco Bezzecchi caiu na última volta da prova, Ainda conseguiu voltar e chegar e cruzar a linha de chegada em 14ºlugar.

Resultado final do GP do Qatar
Moto 3 – 1ªEtapa – Mundial de Motovelocidade

Pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 88 Jorge Martin Del Conca Gresini Moto3 Honda 38’18.207
2 44 Aron Canet Estrella Galicia 0,0 Honda a 0.023
3 48 Lorenzo Dalla Porta Leopard Racing Honda a 6.746
4 23 Niccolo Antonelli SIC58 Squadra Corse Honda a 6.791
5 19 Gabriel Rodrigo RBA BOE Skull Rider KTM a 6.850
6 21 Fabio Di Giannantonio Del Conca Gresini Moto3 Honda a 6.916
7 27 Kaito Toba Honda Team Asia Honda a 6.946
8 71 Ayumu Sasaki Petronas Sprinta Racing Honda a 6.998
9 84 Jakub Kornfeil Redox PruestelGP KTM a 7.156
10 16 Andrea Migno Angel Nieto Team Moto3 KTM a 7.699
11 7 Adam Norrodin Petronas Sprinta Racing Honda a 7.753
12 5 Jaume Masia Bester Capital Dubai KTM a 8.026
13 22 Kazuki Masaki RBA BOE Skull Rider KTM a 8.829
14 12 Marco Bezzecchi Redox PruestelGP KTM a 21.838
15 42 Marcos Ramirez Bester Capital Dubai KTM a 26.912
16 10 Dennis Foggia SKY Racing Team VR46 KTM a 26.981
17 14 Tony Arbolino Marinelli Snipers Team Honda a 33.401
18 41 Nakarin Atiratphuvapat Honda Team Asia Honda a 33.446
19 76 Makar Yurchenko CIP – Green Power KTM a 33.622
17 John McPhee CIP – Green Power KTM 1 Volta
72 Alonso Lopez Estrella Galicia 0,0 Honda 7 Voltas
11 Livio Loi Reale Avintia Academy KTM 7 Voltas
8 Nicolo Bulega SKY Racing Team VR46 KTM 8 Voltas
33 Enea Bastianini Leopard Racing Honda 13 Voltas
65 Philipp Ottl Sudmetal Schedl GP Racing KTM 15 Voltas
40 Darryn Binder Red Bull KTM Ajo KTM 15 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Marquez conquista o título na Decisão de Valencia, Pedrosa Vence e Lorenzo tira chance de Dovizioso brigar pelo Campeonato

Rnepb4zy oDecisão do Mundial de motovelocidade entre o tricampeão Marc Marquez e o Italiano Andrea Dovizioso que sonhava com o primeiro título com sua Ducati que estava depois de 10 anos com a possibilidade de conquistar um campeonato. (O único título foi com Casey Stoner em 2007)

Em um belo dia de sol e com a casa cheia, podemos dizer que a situação era muito favorável para Marc Marquez que largaria na pole position. Dovizioso iria largar da 9ªposição.

A Largada foi muito favorável para a Honda. Marquez manteve a liderança e Pedrosa que largou do 5ºlugar subiu para o segundo lugar, Zarco que chegou a cair para o 5ºlugar recuperou as posições em cima de Lorenzo e Zarco e voltou ao terceiro lugar. Dovizioso largou bem e pulou do 9º para o 6ºlugar.

Iwjahyqz o

Zarco com os pneus mais macios foi para cima dos pilotos da Honda. Primeiro ele passou Pedrosa e na 4ªvolta o piloto da Tech 3 passou Marquez e assumiu a liderança. Lorenzo e Dovizioso ultrapassagem Iannone e assumiram 4º e 5ºlugares. A partir dai começaria uma novela que iria durar pela maior parte da corrida. Sabedor de que Dovizioso era quem brigava pelo título, A Ducati daria uma ordem para Lorenzo ceder uma ultrapassagem, Para o seu companheiro pelo menos tentasse disputar o campeonato.

Fs4lmbga o

Os 5 primeiros colocados (Zarco, Marquez, Pedrosa, Lorenzo e Dovizioso) se afastaram do resto da Turma. Iannone já estava mais atrás, Disputando o 6ºlugar com o Italiano Valentino Rossi e o Australiano Jack Miller.

Na 10ªVolta, Chegando a um terço de prova Lorenzo não cedia posição para Dovizioso. Na 13ªVolta o piloto Espanhol Recebe uma Mensagem: Mapping 8. Era a ordem para ele ceder o 4ºlugar para Dovizioso. Jorge Lorenzo sabendo dessa ordem simplesmente não quis saber e continuou a não obedecer a essa ordem.

4wlph9g9 o

Na metade da prova Johann Zarco continuava na liderança, Marquez em segundo, iria começar a atacar o piloto da Tech 3 que administrava bem seus pneus mais macios. Já Lorenzo continuava na frente de Dovizioso e a ordem do Mapping 8 continuava sendo dada. Volta após volta.

Sd2wf26e o

A 10 Voltas do final, Marquez começou o ataque em cima de Zarco. Marquez chegou a passar Zarco que acabou dando o troco na curva seguinte. Enquanto que a Ducati começou a mandar placa de forma explicita para Lorenzo deixar Dovizioso passar por ele. O gladiador do Asfalto não estava nem ai com as ordens e continuou na frente, Era um absurdo Jorge Lorenzo não obedecer as ordens da Ducati, não deixar o Dovizioso tentar pelo menos reveter o quadro do campeonato que esta contra ele.

L3uijigp o

Na última curva da 22ªVolta, Marquez que estava com a mão na taça ultrapassou Zarco e assumiu a liderança, Que durou apenas 1 curva. A Formiga Atômica acabou perdendo o controle da Moto e por muito pouco ele não foi para o Chão. Marquez foi para a brita e caiu para o 5ºlugar. Era a chance de Dovizioso de tentar no mínimo disputar a vitória, Mas Lorenzo não obedecia as ordens. Ao contraio disso ele foi para o Ataque, (em cima de Zarco e Pedrosa) querendo vencer a prova.

Sua ambição acabou fazendo ele ir ao chão a 6 voltas do final. (Minha opinião: Mereceu cair, Essa queda resume o patético ano que ele teve com a Ducati) Dovizioso poderia atacar Zarco e Pedrosa, Mas curvas depois ele acaba passando reto e caindo na brita, Definindo o campeonato a favor do Espanhol Marc Marquez. O Italiano ainda levou a moto para os boxes e foi aplaudido pela equipe na sua chegada.

Dovizioso sai muito mais fortalecido da temporada, Que foi sem dúvida a melhor de todas que ele já fez no Mundial de Motovelocidade. Marquez era o 3º e só esperava Levar a Moto até o final para comemorar o tetracampeonato.

1mgs2lvp o

Nas voltas finais, Zarco vinha segurando a liderança dos ataques de Pedrosa. O piloto da Tech 3 resistiu até a entrada da última volta. Quando Pedrosa foi por dentro e deu a cartada final, Em cima do rookie do ano e do melhor piloto de Moto privada de 2017. Pedrosa depois disso apenas administrou a vantagem de moto que tinha sobre Zarco e conquistou sua segunda vitória em 2017. Um abatido Zarco acabou ficando com o 2ºlugar mais frustrante da sua carreira.

Aajohri0 o

Já Marc Marquez recebeu a bandeirada em terceiro e comemorou o seu 6ºcampeonato no Mundial de motovelocidade. A festa de Marc Marquez com a torcida foi fantastica. Com um viciado piloto jogando o dado gigante e caindo no 6. O Número de títulos que ele tem na sua carreira (Sendo 1 nas 125cc, 1 na Moto 2 e 4 na MotoGP)

Lqqg7n9j o

Alex Rins teve seu melhor desempenho na Moto GP e levou a Suzuki ao 4ºlugar. Na frente de Valentino Rossi que ainda fez uma corrida, boa levando em conta o pífio desempenho da Yamaha 2017 em Valencia. Andrea Iannone não teve um desempenho a altura de brigar por posições mais acima  e terminou em 6ºlugar com a outra Suzuki. (Que teve um impressionante final de campeonato)

Mvxxtyjq o

Jack Miller se despediu da Marc VDS com uma bela prova, Ficando na frente de Cal Crutchlow na disputa pelo 7ºlugar com o piloto Inglês. Michelle Pirro, Em uma prova sem chamar atenção em momento nenhum e Tito Rabat em um bom final de semana fecharam os 10 primeiros.

A se destacar a lamentável prova de Marevick Viñales que fez um final de semana muito ruim mesmo, Acabando em 12ºlugar. Começou muito bem com 2 vitórias nas primeiras duas corridas e acabou tendo esse final frustrante. O que acaba por macular um pouco a sua imagem na MotoGP.

I9inc3w6 o

A Pramac em fim de feira teve Petrucci em 13º, Um time que caiu demais na parte final do campeonato. E o Fiasco de Michael Van Der Mark que não passou do 17ºlugar com a Tech 3.

Parabéns a Marc Marquez pelo tetracampeonato do Mundial de Motovelocidade – Na Categoria MotoGP. Um dos maiores pilotos da história e sem dúvida o piloto dessa Década no Mundo das duas Rodas!

Resultado final da Última etapa do Mundial de Motovelocidade
GP da Comunidade Valenciana – MotoGP

Pos. Piloto Equipe Moto Tempo
1 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda 46’08.125
2 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 0.337
3 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda 10.861
4 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 13.567
5 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 13.817
6 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 14.516
7 43 Jack Miller EG 0,0 Marc VDS Honda 17.087
8 35 Cal Crutchlow LCR Honda Honda 17.230
9 51 Michele Pirro Ducati Team Ducati 25.942
10 53 Tito Rabat EG 0,0 Marc VDS Honda 27.020
11 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM 30.835
12 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 35.012
13 9 Danilo Petrucci OCTO Pramac Racing Ducati 38.076
14 17 Karel Abraham Pull&Bear Aspar Team Ducati 41.988
15 8 Hector Barbera Reale Avintia Racing Ducati 47.703
16 76 Loris Baz Reale Avintia Racing Ducati 47.709
17 60 Michael van der Mark Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 52.134
44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM 5 Voltas
4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati 5 Voltas
99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati 6 Voltas
22 Sam Lowes Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 8 Voltas
19 Alvaro Bautista Pull&Bear Aspar Team Ducati 16 Voltas
45 Scott Redding OCTO Pramac Racing Ducati 26 Voltas
41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 27 Voltas
36 Mika Kallio Red Bull KTM Factory Racing KTM 28 Voltas

Só uma palavrinha sobre ao caso da Ducati

Jorge Lorenzo termina o ano de maneira menor do que começou em 2017. Além de tomar uma surra de Andrea Dovizioso, Ele acaba não obedecendo uma ordem de equipe logica (Seu companheiro de equipe estava tentando pelo menos disputar a vitória. O Espanhol mostrou que não é um homem de equipe, Egocêntrico, não pensa no quanto era importante um título para a Ducati diante da tão poderosa equipe Honda. (Que tem uma estrutura muito menor do que das montadoras japonesas de Moto)

O pior para Lorenzo é ver toda a equipe aplaudindo a Andrea Dovizioso. Que sai de 2017 muito mais forte do que entrou. Se eu fosse a Ducati eu investiria mais em Dovizioso para a temporada de 2018 do que em Lorenzo. Até sugeriam que a Fábrica italiana mandasse o tricampeão do mundo ir embora. Eu para 2018 baixaria em um terço o salário do Lorenzo e Dobraria o salário do Dovizioso.

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Em Motegi, Johann Zarco toma pole de Marquez no final do Treino

Brml5avt o

O Francês Johann Zarco sobre condições difíceis conquistou a pole position em cima de Marc Marquez que ficou a maior parte do tempo na primeira posição. O Espanhol acabou arriscando entrar na pista com os pneus de pista seca, Mas acabou não conseguindo melhora dos seus tempos e acabou não só perdendo posição para Zarco como perdeu posição para Petrucci.

D87egfiq o

No Q1 tudo indicava que Marevick Viñales iria se classificar de maneira fácil para o Q2, Porém, Não foi isso que aconteceu. Pelo contraio, O Domínio foi dos pilotos da KTM. Primeiro foi com o Espanhol Pol Espargaró que na primeira parte do treino marcou o melhor tempo com o Espanhol Alvaro Bautista, da Aspar Martinez em 2ºlugar. Deixando de fora o Inglês Cal Crutchlow da LCR Honda e do Viñales com a Moto da Movistar Yamaha em 4ºlugar.

2r13fhqj o

Viñales foi para a pista buscar uma volta rápida para classificar. No entanto, foi atrapalhado em sua melhor volta e acabou segundos depois ele perdeu o segundo lugar para o Bradley Smith fazendo a dobradinha da KTM.

Viñales e Crutchlow acabam não conseguindo superar os pilotos da KTM, Ainda por cima perderam posição para Loris Baz. Ao final do Q1 passaram os dois pilotos da fábrica Austríaca.Uw1xipop o

Resultado do Q1:

pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’55.258
2 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’55.844
3 76 Loris Baz Reale Avintia Racing Ducati 1’55.862
4 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’55.916
5 35 Cal Crutchlow LCR Honda Honda 1’55.952
6 19 Alvaro Bautista Pull&Bear Aspar Team Ducati 1’56.292
7 8 Hector Barbera Reale Avintia Racing Ducati 1’56.668
8 22 Sam Lowes Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’56.771
9 53 Tito Rabat EG 0,0 Marc VDS Honda 1’56.903
10 17 Karel Abraham Pull&Bear Aspar Team Ducati 1’57.144
11 7 Hiroshi Aoyama EG 0,0 Marc VDS Honda 1’57.157
12 45 Scott Redding OCTO Pramac Racing Ducati 1’57.787
13 21 Katsuyuki Nakasuga Yamalube Yamaha Factory Racing Yamaha 1’57.861
14 31 Kohta Nozane Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 2’01.730

 

X79k0cmj oNo Q2 Marquez de cara fez um tempo assombroso em cima de todos os outros concorrentes a pole position sobre chuva. Colocando praticamente 2 segundos no resto do pelotão. Parecia que a pole já tinha dono em Motegi.

Petrucci, Zarco e Lorenzo eram seus mais próximos seguidores até a metade do treinamento, Valentino Rossi tentou andar com os pneus de pista seca sobre o piso altamente molhado até a metade do Treino. Seus tempos estavam sendo 15 segundos mais lento do que os tempos de Marc Marquez. Restando pouco tempo para o final Rossi foi para os boxes e colocou os pneus de pista molhada.

Vendo essa tentativa frustrada de Rossi dos pneus de pista seca, Marc Marquez foi para o final do treino e colocou os pneus de pista seca. Enquanto outros pilotos foram com os pneus macios de chuva. No final do Treino (restando 3 minutos) Pol Espargaró marcou o segundo tempo, Mas ainda longe da Formiga Atomica que ainda não estava conseguindo virar rápido o bastante para melhorar seu tempo com os pneus de pista seca.

A 1 minuto para o final do Treino Johann Zarco com os Macios de chuva acabou superando Marquez e levando a pole position. Danilo Petrucci da Pramac Ducati também superou o líder do campeonato e larga em 2º e Marquez que acabou perdendo a pole por causa de uma aposta errada acabou segurando o último lugar da primeira fila.

Gxoxbr90 o

Na segunda fila será totalmente espanhol com Aleix Espargaró que leva a sua Aprilla para uma 4ªposição, Jorge Lorenzo com a Ducati oficial em 5ºlugar e o Dani Pedrosa (Recordista de vitórias em Motegi).

Jc1npxpc o

A Dupla da KTM liderada por Bradley Smith (Que esta confirmado para 2018) larga em 7º e 8ºlugares e estão a frente de Andrea Dovizioso que larga em 9ºlugar. O vice-líder do campeonato assim como Viñales vão ter de andar muito para disputar a vitória na prova de logo mais na Madrugada de Sábado para Domingo. (4 da manhã do Horário de Verão que começa a vigorar hoje)

Aaqwmtbk o

Completando os 12 primeiros colocados: Alex Rins, Andrea Iannone e Valentino Rossi que não conseguiu melhorar sua posição no Grid.

Vaqfeb3z o

Grid de Largada do GP do Japão
Motegi – 15ªEtapa do Mundial de Motovelocidade – MotoGP

pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’53.469
2 9 Danilo Petrucci OCTO Pramac Racing Ducati 1’53.787
3 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda 1’53.903
4 41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’53.947
5 99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati 1’54.235
6 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda 1’54.342
7 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’54.872
8 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’54.906
9 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati 1’55.064
10 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’55.483
11 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’55.617
12 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’57.786
13 76 Loris Baz Reale Avintia Racing Ducati 1’55.862
14 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’55.916
15 35 Cal Crutchlow LCR Honda Honda 1’55.952
16 19 Alvaro Bautista Pull&Bear Aspar Team Ducati 1’56.292
17 8 Hector Barbera Reale Avintia Racing Ducati 1’56.668
18 22 Sam Lowes Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’56.771
19 53 Tito Rabat EG 0,0 Marc VDS Honda 1’56.903
20 17 Karel Abraham Pull&Bear Aspar Team Ducati 1’57.144
21 7 Hiroshi Aoyama EG 0,0 Marc VDS Honda 1’57.157
22 45 Scott Redding OCTO Pramac Racing Ducati 1’57.787
23 21 Katsuyuki Nakasuga Yamalube Yamaha Factory Racing Yamaha 1’57.861
24 31 Kohta Nozane Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 2’01.730

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Marquez passa Petrucci na volta final e conquista importante vitória em Misano

Marc Marquez conquistou sua 4ªvitória da temporada 2017. Uma vitória difícil e complicada de ser conquistada sobre a pista molhada que começou a secar da metade para o final da corrida.

Na largada nem Marquez e Dovizioso passaram a liderança. Foi Jorge Lorenzo que assumiu a liderança com Marquez, Dovi, Viñales que mais uma vez não largou bem e Bautista nas 5 primeiras posições. O Gladiador do Asfalto começou a abrir vantagem sobre Marquez e Dovizioso. Mais atrás vinha Danilo Petrucci que vinha chegando e passando os demais pilotos mais atrás. Em poucas voltas o piloto da Pramac já vinha em 4ºlugar após superar Viñales e estava partindo para cima de Dovizioso e Marquez.

Jack Miller e Loris Baz também se destacavam na chuva ganhando posições enquanto que Dani Pedrosa vinha ladeira abaixo na classificação pela dificuldade de aquecer os pneus.

Petrucci chega em Dovizioso e Marquez e com desempenho melhor que os dois sendo ele um primoroso piloto na chuva o Italiano da Pramac passou tanto o líder do campeonato como a formiga atômica e assumiu a segunda posição.

Lorenzo vinha abrindo diferença e parecia que o Tricampeão do Mundo iria conseguir finalmente sua primeira vitória na Temporada e na Ducati, Porém na 7ªVolta acabou o Gladiador das duas rodas acabou indo para o chão e abandonando a prova deixando Petrucci na liderança com Marquez avisando a equipe Honda Repsol a prepararem a Moto Reserva. (O que não poderia com a mesma configuração de Moto, segundo o regulamento) O Espanhol vinha pressionado por Dovizioso que queria chegar à frente de Marquez para ampliar sua liderança no campeonato.

Miller em 5ºlugar herdada após queda de Cal Crutchlow (Na mesma volta da Queda de Lorenzo) vinha tendo dificuldades para manter a posição pressionado pelo Francês Loris Baz que vinha fazendo um brilhante trabalho com a sua moto Ducati de 2015 da Avintia, Mas esse bom trabalho cairia por terra por causa de uma queda no final da curva 7 aonde Baz acabou indo ao chão. O Francês voltou à corrida nas últimas posições.

Marquez continuava entre Petrucci e Dovizioso. Por hora ele ira tentar tomar a ponta do piloto da Pramac. Quando ele acabava errando ele ficava mais para um possível ataque de Dovizioso que estava apenas na espera de começar a atacar na parte final de prova.

Enquanto isso Andrea Iannone sofria com os problemas da Suzuki ou então ele é que não esta pegando a mão nessa Moto já que ele tomou passada da KTM de Pol Espargaró. Ao final da 16ªVolta Iannone foi para os boxes para deixar a prova. Enquanto isso Alex Rins vinha em uma situação de corrida bem mais razoável. Entre os 10 primeiros lugares.

Sam Lowes também fazia uma corrida muito boa na chuva até que ele caiu quando vinha em 10ºlugar em um dos seus poucos bons momentos da temporada 2017.

Na parte final da prova Marquez que estava indeciso em trocar de Moto para a Moto com a configuração de pista seca acabou partindo para cima de Petrucci que por sua vez tentava se distanciar de Marquez. Nessa história foi Dovizioso que ficou para trás mesmo.

Na reta final o piloto da Pramac tentou de tudo para ficar a frente de Marquez que parecia que tinha tudo calculado para tentar o bote decisivo na última volta da prova. E foi mesmo na volta final na entrada da reta dos boxes que Marquez definiu a corrida a Favor dele. A Formiga Atômica passou e colocou terra no sonho da primeira vitória do Petrucci e da Pramac na MotoGP.

Marquez deixou Petrucci sem condições para atacar a Formiga Atômica que conquista a quarta vitória em 2017 e divide a liderança do campeonato com Dovizioso que chegou em 3ºlugar. Marquez fica na frente pelo critério de Desempate.

Danilo Petrucci que liderou 23 voltas acabou com um frustrante 2ºlugar após ver a vitória esta a 1 volta de ser sua. Sem dúvida uma situação frustrante demais para o Piloto italiano que merecia conquistar sua primeira vitória no dia de hoje pela senhora atuação que ele teve.

Andrea Dovizioso chega em 3ºlugar e mesmo tendo Marquez com a Mesma pontuação o piloto da Ducati continua forte na disputa pelo título. Marevick Viñales ficou em 4ºlugar, Mas em nenhum momento ele teve algum destaque fazendo a corrida dele e sem chamar atenção.

Michele Pirro no final da corrida foi para cima de Jack Miller da Marc VDS e conquistou o 5ºlugar em uma das suas únicas chances de disputar corridas com a Moto de testes da Ducati e ele aproveitou bem a chance. Miller também não se pode dizer que foi um resultado ruim o 6ºlugar. Foi muito bem o piloto da Marc VDS.

Scott Redding acabou fazendo o que ele poderia com a Moto da Ducati de 2016 da Pramac com o 7ºlugar resistindo a Alex Rins que vem em ascensão na MotoGP com a Suzuki e terminando em 8ºlugar. Com os problemas de Iannone, Eu não tenho a menor cerimonia em colocar o piloto como o piloto número 1 da Suzuki em 2017.

Jonas Folger sem chamar atenção ficou em 9ºlugar. Bradley Smith fez hoje sua melhor corrida na temporada chegando na 10ªposição com Pol Espargaró em 11ºlugar. Sabemos que foi na chuva, Mas aos poucos a KTM vem mostrando evolução na categoria principal.

Alvaro Bautista que começou bem, Mas depois despencou e acabou não tendo destaque nenhum chegando em 12ºlugar a frente de Cal Crutchlow que acabou obtendo um resultado ruim por causa da queda que sofreu no começo da prova e de Dani Pedrosa que melancolicamente chegou em 14ºlugar.

Seria pior para Crutchlow e Pedrosa se não fosse o problema ou de pane seca ou queda de Johann Zarco que teve de andar empurrando sua moto até o final da prova para terminar em 15ºlugar marcando 1 ponto. Baz e Abraham fecharam a corrida em 16º e 17ºlugares.

Daqui a 2 semanas teremos a Etapa de Aragón do Mundial de Motovelocidade. Rossi é dúvida para essa prova. Se quiser ainda disputar o campeonato o doutor vai sem dúvida fara de tudo para disputar essa corrida. A disputa pelo título vai ficando mais para Marquez, Dovizioso e Viñales. 3 pilotos com 3 marcas diferentes na disputa.

Resultado Final do GP de San Marino
Mundial de Motovelocidade – MotoGP – 14ªetapa

Pos Piloto Equipe Moto Tempo Grid
1 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda RC213V 50’41.565 3
2 9 Danilo Petrucci OCTO Pramac Racing Ducati Desmosedici GP17 1.192 8
3 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati Desmosedici GP17 11.706 2
4 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha YZR-M1 16.559 1
5 51 Michele Pirro Ducati Team Ducati Desmosedici GP17 19.499 11
6 43 Jack Miller EG 0,0 Marc VDS Honda RC213V 24.882 14
7 45 Scott Redding OCTO Pramac Racing Ducati Desmosedici GP16 33.872 19
8 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki GSX-RR 34.662 20
9 94 Jonas Folger Monster Yamaha Tech 3 Yamaha YZR-M1 54.082 16
10 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 57.964 22
11 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 +1’00.440 17
12 19 Alvaro Bautista Pull&Bear Aspar Team Ducati Desmosedici GP16 +1’17.356 10
13 35 Cal Crutchlow LCR Honda Honda RC213V +1’35.588 4
14 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda RC213V +1’38.857 7
15 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha YZR-M1 +2’02.212 6
16 76 Loris Baz Reale Avintia Racing Ducati Desmosedici GP15 1 Volta 15
17 17 Karel Abraham Pull&Bear Aspar Team Ducati Desmosedici GP15 1 Volta 12
53 Tito Rabat EG 0,0 Marc VDS Honda RC213V 9 Voltas 18
29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki GSX-RR 12 Voltas 21
22 Sam Lowes Aprilia Racing Team Gresini Aprilia RS-GP 13 Voltas 23
41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia RS-GP 15 Voltas 9
8 Hector Barbera Reale Avintia Racing Ducati Desmosedici GP16 17 Voltas 13
99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati Desmosedici GP17 22 Voltas 5

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP