Moto 2 – Bagnaia em casa leva a pole em Misano

Francesco Bagnaia com a Kalex da equipe de Valentino Rossi, larga na pole position do GP de San Marino. A Pole foi definida na primeira parte da Classificação, Como é de tache na Moto 2.

No começo do treino, Mattia Pasini e Fabio Quartararo (Que chegou a cair no começo e logo depois marcou o segundo tempo) Mais logo aos 10 minutos, Bagnaia marcou 1:37.271 assumindo a liderança, Com o Alemão Marcel Schrotter na segunda posição. Não satisfeito, Francesco Bagnaia baixou seu tempo para 1:37.121, se consolidando na 1ªposição.

Schrotter vai atrás de Bagnaia, Melhorando seu tempo aos 16 minutos de treino, 1:37.331. Miguel Oliveira vinha em 8ºlugar. Atrás de Bagnaia, Schrotter, Pasini, Quartararo, Navarro, Marini e Alex Marquez. Faltando 20 minutos para o final, O piloto Português acabou indo ao chão. Prejuízo para Oliveira que voltou a batalha.

Ao final da classificação, Schrotter diminuiu a diferença baixando seu tempo para 1:37.293, Ainda tivemos o Sul-Africano Brad Binder marcando o 5ºtempo e Jesko Raffim que voltou a moto 2 fazendo um razoável 18ºlugar.

Mas nada que ameaçasse a pole position do piloto da VR46. Bagnaia sai com uma grande vantagem sobre Miguel Oliveira que só larga em 9ºLugar. Completa a primeira fila o Alemão Marcel Schrotter da Dynavolt e Mattia Pasini da Italtrans. Na segunda fila largam o Francês Fabio Quartararo da Speed UP diante do domínio das motos da Kalex, Em 5ºlugar larga Brad Binder com a melhor KTM do Grid e de Jorge Navarro da equipe Gresini.

Na terceira fila largam Luca Marini da VR46, Alex Marquez com um decepcionante 8ºlugar e Miguel Oliveira da KTM Red Bull Ajo. Joan Mir completa os 10 primeiros lugares com a outra moto da Marc VDS. Xavi Vierge que não esta 100% das suas condições físicas larga logo atrás em 11ºlugar. A se destacar o treino de Jesko Raffin, que em sua volta larga em 17ºlugar, Na sua primeira corrida na SAG-Team.

Amanhã, As 7 e 20 da manhã a 13ªEtapa do Mundial de motovelocidade, Categoria Moto 2.

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Grid de largada do GP de San Marino
13ªEtapa – Misano – Moto 2

pos Piloto Equipe Motor Tempo
1 42 Francesco Bagnaia SKY Racing Team VR46 Kalex 1’37.121
2 23 Marcel Schrotter Dynavolt Intact GP Kalex 1’37.331
3 54 Mattia Pasini Italtrans Racing Team Kalex 1’37.416
4 20 Fabio Quartararo Ego Speed Up Racing Speed Up 1’37.540
5 41 Brad Binder Red Bull KTM Ajo KTM 1’37.621
6 9 Jorge Navarro Federal Oil Gresini Moto2 Kalex 1’37.632
7 10 Luca Marini SKY Racing Team VR46 Kalex 1’37.645
8 73 Alex Marquez EG 0,0 Marc VDS Kalex 1’37.661
9 44 Miguel Oliveira Red Bull KTM Ajo KTM 1’37.678
10 36 Joan Mir EG 0,0 Marc VDS Kalex 1’37.714
11 97 Xavi Vierge Dynavolt Intact GP Kalex 1’37.774
12 40 Augusto Fernandez Pons HP40 Kalex 1’37.826
13 7 Lorenzo Baldassarri Pons HP40 Kalex 1’37.834
14 77 Dominique Aegerter Kiefer Racing KTM 1’37.954
15 22 Sam Lowes Swiss Innovative Investors KTM 1’37.970
16 45 Tetsuta Nagashima IDEMITSU Honda Team Asia Kalex 1’37.974
17 2 Jesko Raffin Temporary Lavorint SAG Team Kalex 1’37.982
18 27 Iker Lecuona Swiss Innovative Investors KTM 1’38.010
19 87 Remy Gardner Tech 3 Racing Tech 3 1’38.050
20 5 Andrea Locatelli Italtrans Racing Team Kalex 1’38.053
21 24 Simone Corsi Tasca Racing Scuderia Moto2 Kalex 1’38.156
22 13 Romano Fenati Marinelli Snipers Team Kalex 1’38.160
23 64 Bo Bendsneyder Tech 3 Racing Tech 3 1’38.317
24 62 Stefano Manzi Forward Racing Team Suter 1’38.505
25 4 Steven Odendaal NTS RW Racing GP NTS 1’38.671
26 16 Joe Roberts NTS RW Racing GP NTS 1’38.732
27 89 Khairul Idham Pawi IDEMITSU Honda Team Asia Kalex 1’38.766
28 66 Niki Tuuli Petronas Sprinta Racing Kalex 1’39.128
29 95 Jules Danilo Nashi Argan SAG Team Kalex 1’39.496
30 21 Federico Fuligni Tasca Racing Scuderia Moto2 Kalex 1’39.626
31 52 Danny Kent Ego Speed Up Racing Speed Up 1’39.685
32 32 Isaac Vinales Forward Racing Team Suter 1’40.591
33 12 Sheridan Morais Willi Race Racing Team Kalex 1’40.600
34 18 Xavier Cardelus Team Stylobike Kalex 1’40.647

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Formula V8 – 7ºrodada Dupla em Monza – Vantagem de Dillmann cai para 11 pontos e Nissany e Orudzhev vencem

A 7ªRodada Dulpa em Monza aconteceu nos dias 1º e 2 de Outubro

Grid de largada 13ª Corrida da Temporada de 2016
Formula V8 3.5
Monza – Itália

1    Roy Nissany    (Lotus)    1’33.646
2    Pietro Fittipaldi    (Fortec)    1’33.723
3    Rene Binder    (Lotus)    1’33.813
4    Louis Deletraz    (Fortec)    1’33.835
5    Egor Orudzhev    (Arden)    1’33.920
6    Aurelien Panis    (Arden)    1’34.070
7    Matthieu Vaxiviere    (SMP Racing)    1’34.112
8    Vitor Baptista    (RP Motorsport)    1’34.149
9    Tom Dillmann    (AVF)    1’34.169
10    William Buller    (RP Motorsport)    1’34.205
11    Beitske Visser    (Ted Martin)    1’34.338
12    Yu Kanamaru    (Ted Martin)    1’34.995
13    Alfonso Celis    (AVF)    1’35.117
14    Giuseppe Cipriani    (Durango)    1’37.281

Como foi a 13ªEtapa da Formula V8 3.5

formulav8_monza2016

Na largada Pietro Fittipaldi tinha assumindo a liderança, mas passou reto na primeira chicane deixando novamente a liderança com Roy Nissany seguido de Vaxiviere, Delétraz e Panis. Ainda nos primeiros movimentos o russo Egor Orudzhev foi para fora da pista. Pietro Fittipaldi caiu para o 5ºlugar com Binder ganhando a posição de Visser no começo da segunda volta.

Na segunda volta Giuseppe Cipriani acabou rodando de maneira perigosa e por muito pouco mesmo não acabou ele não se chocou com outros pilotos por trás, O piloto francês Matthieu Vaxiviere sofria a pressão de Louis Deletraz valendo a segunda posição da prova, Perto dos dois vinha Aurélien Panis em 4ºlugar com Pietro Fittipaldi bem longe em 5ºlugar segurando Binder, Visser, Kanamaru, Buller e Tom Dillmann. O líder do campeonato não estava bem colocado na prova.

Na reta dos boxes na entrada da volta 5 Delétraz pega o vacuo na reta e coloca de lado e mesmo com todo o esforço do piloto da SMP Racing acaba o piloto da Suíça tomando o segundo lugar. Já a piloto Beitske Visser que vinha bem colocada vazou a Chicane e acabou na volta perdendo posições para Kanamaru, Buller que estava correndo pela RP Motorsport e para Dillmann que subiu uma posição indo para o 9ºlugar.

Na 6ªVolta René Binder passou Pietro assumindo o 5ºlugar e Kanamaru que estava sendo pressionado pelo Buller já chegava em Fittipaldi mostrando o quanto o Brasileiro não tinha rendimento nas retas de Monza. Uma volta depois praticamente o Brasileiro perdeu posição também para Kanamaru.
Tom Dillmann perdeu várias posições caindo para o 13ºlugar.

formulav8_monza2016-2

Lá na Frente Nissany era o líder com Delétraz, Vaxiviere e Panis tentando alcançar o piloto da Lotus checa enquanto Pietro continuava a cair ainda mais perdendo posição para Visser e Orudzhev. Definitivamente era um dia bem ruim para o piloto da Fortec. Já Aurélien Panis quase bateu no Vaxiviere, O piloto da Arden conseguiu, na última hora evitar o choque e passar pela área de escape da segunda chicane do circuito e voltar sem qualquer problema e sem perder ou ganhar posição.

classificação após 9 Voltas: 1. Nissany – 2. Delétraz a 5.738 – 3. Vaxiviere a 7.575 – 4. Panis a 9.029 – 5. Binder a 12.416 – 6. Kanamaru a 17.302 – 7. Visser a 18.550 – 8. Orudzhev a 19.008 – 9. Fittipaldi a 19.750 – 10. Buller a 19.959 – 11. Baptista a 20.353 – 12. Celis jr. a 22.295 – 13. Cipriani a 49.117 – 14. Dillmann a 1 Volta

A situação de Dillmann era dramática visto que Delétraz e Panis iriam tirar muito de sua vantagem na liderança do campeonato enquanto que Vaxiviere iria ser investigado depois da corrida por um incidente na curva 1. Enquanto isso chegando a metade da corrida continuava o calvário de Pietro Fittipaldi que vinha sendo pressionado por William Buller que estava muito mais rápido e por consequência estavam chegando na disputa o Vitor Baptista e o Mexicano Alfonso Celis jr.

Delétraz em segundo abria uma boa distância para Vaxiviere que estava vendo no seu retrovisor ao Panis e ao Binder que vinha na pressão em cima do piloto da Arden começo da segunda metade de corrida. Binder abriu fogo para cima de Panis que já tinha uma postura defensiva ainda mais que o líder do campeonato muito possivelmente não faria pontos. Ao mesmo tempo Orudzhev passou Visser assumindo a 7ªposição.

E continuava a briga entre o francês da equipe Arden e o Austríaco da equipe Lotus que fez uma tentativa de ultrapassagem que foi impedida por Panis. Com isso Vaxiviere agradecia porque ele acabou escapando na terceira posição. Binder vinha mais rápido que Panis, Mas não era o bastante para uma ultrapassagem. Enquanto que Nissany tinha quase 10 segundos sobre Delétraz que estava em segundo. Binder chegou a Passar Aurélien Panis que deu o troco em cima do Austríaco da Lotus checa o que fez o piloto da Arden voltar ao 4ºlugar. Mais atrás Vitor Baptista que vinha apagado na prova resolveu aparecer e ultrapassou a Buller e Celis jr. assumindo o 10ºlugar e partindo para cima de Fittipaldi na luta pelo 9ºlugar.

formulav8_monza2016-3

Classificação após 22 voltas: 1. Nissany, 2. Delétraz a 11.274 – 3. Vaxiviere a 17.047 – 4. Panis a 21.987 – 5. Binder a 22.736 – 6. Kanamaru a 30.233 – 7. Visser a 31.633 – 8. Orudzhev a 34.347 – 9. Baptista a 41.914 – 10. Fittipaldi a 45.006 – 11. Celis jr. a 45.306 – 12. Buller a 45.587 – 13. Cipriani a 1 Volta – 14. Dillmann a 1 Volta. O Brasileiro Vitor Baptista passou Pietro Fittipaldi e se mandou na 9ªposição com o Pietro sofrendo pressão de Celis jr. e Buller na disputa pelo 10ºlugar. acabou ambos passando Pietro deixando o Brasileiro que largou na pole position de fora da zona de pontuação.

Dillmann passou a Cipriani tomando o 13ºlugar. No final de prova já com o cronometro zerado. Binder tentava passar Panis na disputa do 4ºlugar. Enquanto que Visser que vinha em uma sólida 7ªposição acabou rodando e deixando a prova possivelmente com problemas em seu carro.

Roy Nissany praticamente de ponta a ponta conquista a sua 3ªVitória na temporada com 12 segundos na frente de Delétraz que marca importantes 18 pontos no campeonato fazendo a diferença dele para Dillmann cair de 40 para 22 pontos, Apesar de não ter ido ao pódio o piloto da Arden Aurélien Panis teve motivos para festejar pois os 12 pontos pelo suado 4 º que também fazia o piloto Francês tirar 12 pontos da desvantagem que ele tinha sobre Tom Dillmann. Panis ficou na frente de Binder por meio segundo de distância.

formulav8_monza2016-1

Kanamaru, Orudzhev, Baptista, Celis jr. e Buller que veio da Super Formula para disputar essa corrida completaram a zona de pontuação.

Resultado final da 13ª Corrida da Temporada de 2016
Formula V8 3.5
Monza – Itália

1    Roy Nissany    (Lotus)    42:03.914 – 26 Voltas
2    Louis Deletraz    (Fortec)    a 12.422
3    Matthieu Vaxiviere    (SMP Racing)    a 19.343
4    Aurelien Panis    (Arden)    a 26.918
5    Rene Binder    (Lotus)    a 27.481
6    Yu Kanamaru    (Ted Martin)    a 32.082
7    Egor Orudzhev    (Arden)    a 42.083
8    Vitor Baptista    (RP Motorsport)    a 48.757
9    Alfonso Celis    (AVF)    a 51.242
10    William Buller    (RP Motorsport)    a 53.848
11    Pietro Fittipaldi    (Fortec)    a 55.489
12    Tom Dillmann    (AVF)    a 1:43.608
13    Giuseppe Cipriani    (Durango)    a 1 Volta
14    Beitske Visser    (Ted Martin)    a 2 Voltas
Melhor Volta da prova: 1:36.331 Roy Nissany

Classificação do Campeonato após 13 corridas:

1. Tom Dillmann (AVF) 189
2. Louis Delétraz (Fortec) 167
3. Aurélien Panis (Arden) 159
4. Roy Nissany (Lotus) 157
5. Matthieu Vaxiviere (SMP Racing) 145
6. René Binder (Lotus) 119
7. Egor Orudzhev (Arden) 98
8. Yu Kanamaru (Ted Martin) 61
9. Alfonso Celis jr. (AVF) 52
10. Johnny Cecotto jr. (RP Motorsport) 43
11. Vitor Baptista (RP Motorsport) 42
12. Beitske Visser (Ted Martin) 25
13. Pietro Fittipaldi (Fortec) 24
14. Matevos Isaakyan (SMP Racing) 17
15. Giuseppe Cipriani (Durango) 6
16. Marco Bonanomi (RP motorsport) 3
17. Artur Janosz (RP motorsport) 2
18. William Buller (RP motorsport) 1

Grid de largada – 14ª Corrida da Temporada de 2016
Formula V8 3.5
Monza – Itália

1    Roy Nissany    (Lotus)    1’34.798
2    Rene Binder    (Lotus)    1’34.978
3    William Buller    (RP Motorsport)    1’35.232
4    Tom Dillmann    (AVF)    1’35.269
5    Egor Orudzhev    (Arden)    1’35.281
6    Pietro Fittipaldi    (Fortec)    1’35.374
7    Yu Kanamaru    (Ted Martin)    1’35.418
8    Louis Deletraz    (Fortec)    1’35.488
9    Beitske Visser    (Ted Martin)    1’35.533
10    Matthieu Vaxiviere    (SMP Racing)    1’35.670
11    Vitor Baptista    (RP Motorsport)    1’35.692
12    Alfonso Celis    (AVF)    1’36.722
13    Aurelien Panis    (Arden)    1’36.847
14    Giuseppe Cipriani    (Durango)    1’38.007

Como foi a 14ªEtapa da Formula V8 3.5

O pole position Roy Nissany acabou tendo problemas e ficou parado quando foi ordenado os pilotos partirem para a volta de apresentação fazendo com que ele fosse largar dos boxes o que deixava Rene Binder em ótima situação largando na frente tendo o piloto da Super Formula William Buller sendo o piloto a largar na 2ªposição.

Na Largada um acidente irônico envolvendo Alfonso Celis jr. que foi tocado por trás pelo Aurélien Panis que abandonou a corrida, Isso fez o Satefy car entrar  para organizar a bagunça, Na primeira chicane Vaxiviere acaba tocado e passando pela chicane o carro dele solta, Fazendo ele perder várias posições. Com tudo isso Orudzhev se deu bem e assumiu a primeira posição com Binder em 2º, Delétraz em 3º, Dillmnann em 4º, Visser em 5º e depois os dois pilotos Brasileiros (Fittipaldi e Baptista) em 6º e 7ºlugares respectivamente. Buller que largou em 2º caiu para a 9ªposição. (Não é a toa que ele toma pau na Super Formula lá no Japão)

formulav8_monza2016-4

Depois de longos 15 minutos de Safety Car a corrida começou de fato na 6ªVolta com Orudzhev mantendo a liderança com Binder em 2º, Delétraz em 3º. Enquanto que Vaxiviere já foi para os boxes para fazer a parada nos boxes obrigatória. Enquanto que Roy Nissant vinha feito um foguete lá atrás passando todos os adversário um seguido do outro. Até quando ele foi para os boxes para a parada obrigatória.

Já Pietro Fittipaldi foi para cima de Tom Dillmann na disputa pelo quarto lugar. Delétraz em 3ºlugar e Celis jr. foram para os boxes para a parada obrigatória. A briga da prova era entre o líder do campeonato e o Neto de Emerson Fittipaldi enquanto que Binder também não deixava o Russo Orudzhev da equipe Arden em paz. A 19 minutos do final Pietro Fittipaldi foi para os boxes. Binder e Dillmann foi para os boxes deixando apenas Egor Orudzhev e Yu Kanamaru ainda com a obrigação de ir para os boxes.

Na Volta a pista o piloto Austríaco jogou duro para manter posição em cima de Delétraz e Fittipaldi. Orudzhev foi para os boxes e voltou na frente de Binder no que pode representar dependendo da parada do piloto Japonês em uma liderança da corrida para o piloto da Rússia no circuito de Monza.

Vitor Baptista e William Buller disputavam a 6ªposição logo atrás dos dois pilotos da Fortec que estavam pela primeira vez na temporada andando juntos em uma corrida. A 13 minutos do final Kanamaru vai para os boxes. Foi por pouco que o piloto Japonês voltou na liderança da corrida, Mas acabou indo para o 5ºlugar. Na saída da primeira chicane o Brasileiro Vitor Baptista acabou rodando e ficou parado após ter conseguido a 6ªposição.

Restando 10 minutos para o final todos o pelotão estava muito junto com Orudzhev e Binder um pouco mais a frente seguido de Delétraz e Fittipaldi e depois vinha Kanamaru e Buller.

Dillmann e Nissany disputavam a 7ªposição. O piloto da AVF foi duro na defesa de ultrapassagem fazendo com que o piloto Israelita da Lotus checa saisse para a área de escape da segunda chicane. A defesa de Dillmann não ajudou muito até porque Nissany com mais carro tomou o 7ºlugar e tentaria subir ainda mais. Já Vaxiviere não iria a lugar nenhum sendo o único piloto da SMP Racing nesse final de semana.

Kanamaru sofria uma certa pressão de Buller que queria tomar o 5ºposto do piloto Japonês que fazia uma boa corrida e um bom final de semana pelo carro da Ted Martin, Mas o piloto vindo da Super Formula acabou surpreendido pelo Roy Nissany que passou por cima do piloto da RP Motorsport que sobrou na corrida e assumiu o 6ºlugar o que não satisfaria ao piloto da Lotus checa que iria para cima de Kanamaru buscando um 5ºlugar que era bem possível visto o foguete que a Lotus tinha em Monza.

A 3 minutos do final Binder tenta um ataque em cima de Egor Orudzhev buscando a vitória com Delétraz tranquilo em 3º e Pietro Fittipaldi em 4º já um pouco ameaçado por Kanamaru e Nissany que travam um belo duelo pelo 5ºlugar na reta final de prova. Apesar de toda a velocidade do piloto de Israel o Japonês não deixava a peteca cair e de forma valente e heroica segurava a colocação e tentaria um ataque em cima de Fittipaldi que rapidamente o piloto da Fortec conseguiu segurar.

formulav8_monza2016-6

Ao final da prova a vitória ficou para Egor Orudzhev. Acabou tendo sua 3ªVitória nessa temporada com Rene Binder em segundo lugar e Louis Delétraz completando o pódio reduzindo a diferença entre ele e o líder do campeonato Tom Dillmann que terminou em 8ºlugar para apenas 11 pontos  de diferença em um final de semana desastroso para o piloto da AVF.

Bela corrida de Pietro Fittipaldi que finalmente conseguiu andar na mesma badalada de Louis Delétraz nessa temporada chegando ao 4ºlugar na frente de Yu Kanamaru que resistiu aos ataques de Roy Nissany que conseguiu fazer uma boa recuperação levando o 6ºlugar em um final de semana que poderia ter sido de duas vitórias do piloto da Lotus checa. Williams Buller em corrida melhor em 7º, Dillmann, Visser e Celis jr. fecharam a zona de pontuação.

formulav8_monza2016-5

Resultado final da 14ª Corrida da Temporada de 2016
Formula V8 3.5
Monza – Itália

1    Egor Orudzhev    (Arden)        41:44.066 – 22 Voltas
2    Rene Binder    (Lotus)    a 0.965
3    Louis Deletraz    (Fortec)    a 4.106
4    Pietro Fittipaldi    (Fortec)    a 6.725
5    Yu Kanamaru    (Ted Martin)    a 8.221
6    Roy Nissany    (Lotus)    a 8.856
7    William Buller    (RP Motorsport)    a 9.265
8    Tom Dillmann    (AVF)    a 9.898
9    Beitske Visser    (Ted Martin)    a 15.013
10    Alfonso Celis jr.   (AVF)    a 24.692
11    Giuseppe Cipriani    (Durango)    a 47.234

Não Completaram a corrida:

Matthieu Vaxiviere    (SMP Racing)    a 7 Voltas
Vitor Baptista    (RP Motorsport)    a 9 Voltas
Aurelien Panis (Arden) a 22 Voltas
Melhor Volta: Roy Nissany 1:36.256

Classificação do Campeonato após 14 corridas:

1. Tom Dillmann (AVF) 193
2. Louis Delétraz (Fortec) 182
3. Roy Nissany (Lotus) 165
4. Aurélien Panis (Arden) 159
5. Mattihieu Vaxiviere (SMP Racing) 145
6. René Binder (Lotus) 137
7. Egor Orudzhev (Arden)) 123
8. Yu Kanamaru (Ted Martin) 71
9. Alfonso Celis jr. (AVF) 53
10. Johnny Cecotto jr. (RP Motorsport) 43
11. Vitor Baptista (RP Motorsport) 42
12. Pietro Fittipaldi (Fortec) 36
13. Beitske Visser (Ted Martin) 27
14. Matevos Isaakyan (SMP Racing) 17
15. William Buller (RP Motorsport) 6
16. Giuseppe Cipriani (Durango) 6
17. Marco Bonanomi (RP Motorsport) 3
18. Artur Janosz (RP Motorsport) 2

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Motorsport.com

De trás Pedrosa supera favoritos e conquista primeira vitória na temporada

Grid de largada:

1 99 Jorge Lorenzo (Movistar Yamaha MotoGP Yamaha) 1’31.868
2 46 Valentino Rossi (Movistar Yamaha MotoGP Yamaha) 1’32.216
3 25 Maverick Viñales (Team SUZUKI ECSTAR Suzuki) 1’32.381
4 93 Marc Marquez (Repsol Honda Team Honda) 1’32.443
5 51 Michele Pirro (Ducati Team Ducati) 1’32.467
6 4 Andrea Dovizioso (Ducati Team Ducati) 1’32.677
7 35 Cal Crutchlow (LCR Honda Honda) 1’32.743
8 26 Dani Pedrosa (Repsol Honda Team Honda) 1’32.859
9 41 Aleix Espargaró (Team SUZUKI ECSTAR Suzuki) 1’32.918
10 44 Pol Espargaró (Monster Yamaha Tech 3 Yamaha) 1’33.002
11 8 Hector Barbera (Avintia Racing Ducati) 1’33.301
12 19 Alvaro Bautista (Aprilia Racing Team Gresini Aprilia) 1’33.929
13 6 Stefan Bradl (Aprilia Racing Team Gresini Aprilia) 1’33.399
14 22 Alex Lowes (Monster Yamaha Tech 3 Yamaha) 1’33.635
15 9 Danilo Petrucci (OCTO Pramac Yakhnich Ducati) 1’33.716
16 50 Eugene Laverty (Pull & Bear Aspar Team Ducati) 1’33.772
17 43 Jack Miller (Estrella Galicia 0,0 Marc VDS Honda) 1’33.847
18 45 Scott Redding (OCTO Pramac Yakhnich Ducati) 1’33.989
19 53 Tito Rabat (Estrella Galicia 0,0 Marc VDS Honda) 1’34.302
20 68 Yonny Hernandez (Pull & Bear Aspar Team Ducati) 1’34.465
21 12 Javier Fores (Avintia Racing Ducati) 1’35.161

sanmarino2016_motogp-6

Vindo do 8ºlugar Dani Pedrosa de uma forma improvável conquistou a 1ªVitória na temporada em um domínio que parecia ser dos pilotos da Yamaha como aconteceu na largada aonde Lorenzo, Rossi e Viñales mantendo os 3 primeiros lugares com Dovizioso, Marquez e Pedrosa a seguir.

Na segunda volta Rossi foi para cima de Lorenzo na curva 14 e assumiu a liderança com seu companheiro de equipe espalhando o que deixou rossi em uma corrida tranquila na liderança enquanto que Lorenzo começava a sentir pressão de Marc Marquez que nas primeiras voltas se livrou de Andrea Dovizioso e de Marevick Viñales que iriam travar um belo duelo pelo 5ºlugar que durou a maior parte da prova hora Viñales tomava o 5ºlugar e outra hora Dovizioso dava o troco no piloto da Suzuki.

sanmarino2016_motogp-1

Até a metade da corrida Dani Pedrosa que vinha em 4ºlugar não estava sendo muito percebido, Mas a partir dai o piloto da Repsol HRC Honda chamou a atenção e passou por cima do líder do Campeonato e seu companheiro de equipe Marc Marquez que não fez questão de defender com a vida essa posição já que é melhor para a Formiga atômica pensar no campeonato do que jogar pontos fora forçando uma queda. Depois Pedrosa foi para cima de Lorenzo e na mesma curva 14 aonde ele passou Marquez ele conquistou a ultrapassagem em cima do Gladiador do Asfalto assumindo o 2ºlugar e partiu para cima de Valentino Rossi que estava liderando sem ameaça do Lorenzo pela maior parte da corrida.

sanmarino2016_motogp-4

Na parte final da prova Pedrosa desafiou a Rossi e a poucas voltas do final em uma manobra ousada e inesperada a ultrapassagem foi feita sem qualquer contestação a favor do piloto da Honda, O velho da Yamaha tentou ainda disputar com Pedrosa. Mas o dia era do piloto espanhol que finalmente desencantou na temporada conquistando a sua primeira vitória sendo assim o 8ºvencedor diferente no ano. Desde do GP da Holanda quando Jack Miller venceu não temos repetições de pilotos vencedores.

sanmarino2016_motogp-5

Valentino Rossi completou em 2ºlugar e tirou 7 pontos da diferença para Marc Marquez que ficou em 4ºlugar que ainda tem confortáveis 43 pontos de diferença para o doutor Valentino Rossi que parece ser o grande adversário da formiga atômica na parte final de temporada. Entre eles ficou Jorge Lorenzo que volta ao pódio após vexatórias apresentações na chuva que praticamente retira as possibilidades do tetracampeonato para o Espanhol.

Viñales que venceu a prova na Inglaterra em Silverstone conquistou a 5ªposição em Mizano superando Andrea Dovizioso em seu duelo particular entre a Suzuki e a Ducati que durou a maior parte da prova. Ficou o piloto Italiano em 6ºlugar com Michele Pirro que substituiu a Andrea Iannone que sofreu um acidente nos treinos de sexta impossibilitando dele correr fez um bom final de semana conquistando um honroso 7ºlugar.

Fechando os 10 primeiros lugares chegaram Cal Crutchlow que foi o melhor piloto das motos privadas, Pol Espargaró em 9º com a Tech 3 Yamaha de 2015 e Alvaro Bautista que levou pela primeira vez no ano a Aprilla a participar do Q2 e colocou a moto Italiana em respeitável 10ºlugar na frente de Danilo Petrucci com a Pramac Ducati que tem certamente muito mais moto que a Aprilla que cresce a passos de tartaruga na MotoGP.

sanmarino2016_motogp-7

Daqui a duas semanas teremos a 14ªEtapa do Mundial de Motovelocidade em Aragón com mais um duelo eletrizante na disputa do campeonato que começa a ficar polarizado entre Marquez e Rossi.

Resultado Final do GP de San Marino
MotoGP – Mundial de Pilotos

1 26 Dani Pedrosa (Repsol Honda Team Honda) 43’43.524
2 46 Valentino Rossi (Movistar Yamaha MotoGP Yamaha) a 2.837
3 99 Jorge Lorenzo (Movistar Yamaha MotoGP Yamaha) a 4.359
4 93 Marc Marquez (Repsol Honda Team Honda) a 9.569
5 25 Maverick Viñales (Team SUZUKI ECSTAR Suzuki) a 15.467
6 4 Andrea Dovizioso (Ducati Team Ducati) a 19.676
7 51 Michele Pirro (Ducati Team Ducati) a 22.936
8 35 Cal Crutchlow (LCR Honda Honda) a 25.702
9 44 Pol Espargaró (Monster Yamaha Tech 3 Yamaha) a 27.155
10 19 Alvaro Bautista (Aprilia Racing Team Gresini Aprilia) a 33.968
11 9 Danilo Petrucci (OCTO Pramac Yakhnich Ducati) a 39.206
12 6 Stefan Bradl (Aprilia Racing Team Gresini Aprilia) a 39.967
13 8 Hector Barberá (Avintia Racing Ducati) a 42.997
14 50 Eugene Laverty (Pull & Bear Aspar Team Ducati) a 49.450
15 45 Scott Redding (OCTO Pramac Yakhnich Ducati) a 54.879
16 68 Yonny Hernandez (Pull & Bear Aspar Team Ducati) a 1’05.072
17 53 Tito Rabat (Estrella Galicia 0,0 Marc VDS Honda) a 5 Voltas

Não Terminaram a corrida:

41 Aleix Espargaró (Team SUZUKI ECSTAR Suzuki) a 11 Voltas
12 Javier Fores (Avintia Racing Ducati) a 13 Voltas
22 Alex Lowes (Monster Yamaha Tech 3 Yamaha) a 21 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Hamilton larga mal e Rosberg aproveita a falha do inglês e conquista a vitória em Monza

Você não ganha uma prova na primeira e sim você perde uma prova. Essa frase esta certa para Hamilton, Mas para Rosberg no dia de hoje ela vai ao contraio do que aconteceu, aproveitando-se de uma largada ruim do seu rival o Alemão venceu o 7ºGP na temporada e colocou fogo na disputa pelo titulo diante de uma corrida chata e sem muitas emoções no circuito italiano que deveria ter dado uma corrida melhor do que foi o que aconteceu hoje.

Lewis Hamilton que era o favorito a vitória em Monza jogou tudo fora em apenas um único lance que foi na largada quando ele largou muito mal caindo do 1º para o 6ºlugar deixando seu companheiro de equipe Nico Rosberg na liderança com Vettel em 2º, Raikkonen, Bottas e Ricciardo na sequência na frente do Tricampeão do mundo, Max Verstappen e Esteban Gutierrez também largaram muito mal e perderam várias posições.

Com uma situação reversa Hamilton foi logo partindo para cima de Bottas e passando no começar da 2ªVolta de prova, Na mesma 2ªvolta um incidente entre Jolyon Palmer e Felipe Nasr que acabaram se tocando com a quebra da asa dianteira para o inglês e o furo do pneu para o Brasileiro obrigando a ambos fazerem a parada nos boxes. Ambos iriam deixar a prova e os comissários de prova consideraram Nasr como culpado desse acidente e foi por isso que a Sauber recolocou na pista para cumprir a punição ainda na prova e depois deixasse de vez a corrida.

Monza_domingo2016 (3)

Rosberg já tinha boa vantagem para Vettel e Raikkonen que estavam tentando uma perseguição, Já Daniel Ricciardo estava tendo o incomodo de ter logo atrás Hamilton que mesmo com a Red Bull tendo um motor com menos potência do que o motor Mercedes de Hamilton que só conseguiu a ultrapassagem na 10ªVolta. Bottas foi o primeiro a fazer uma parada, Os pilotos da Ferrari, Williams, Red Bull, Force India entre outras equipes apostaram em 2 paradas enquanto que Rosberg, Hamilton com a Mercedes e Grosjean com a Haas estavam na tática de apenas 1 parada o que seria mais lógica em um circuito de poucas Retas.

Foi na volta 25 que Rosberg foi para a sua parada nos boxes colocar os pneus mais duros para levar o carro até o final da prova e Hamilton fez o mesmo na volta seguinte  e voltou em 4ºlugar atrás de Sebastian Vettel e de Kimi Raikkonen que iriam fazer mais uma parada nos boxes, Tirando as diferenças de pneus tínhamos poucas disputas de posição. O piloto Pascal Wehrlein que vinha em uma boa corrida com o carro da Manor deixou a corrida na 27ªVolta na metade de prova.

A Ferrari apostava em 3 etapas de pneus mais macios contra 1 jogo macio e um duro dos pilotos da Mercedes no que na teoria poderia dar certo, Mas na prática acabou não dando resultado já que Na medida que nas primeiras voltas do Rosberg e Hamilton com esses pneus ambos tiveram desempenhos melhores que os dois pilotos da Ferrari que estava com os pneus mais macios, só que ambos estavam com os pneus mais desgastados e isso pode ter feito a diferença para a tática não funcionar como a Ferrari e sua torcida esperava.

Monza_domingo2016 (2)

Vettel parou na volta 34 e Raikkonen parou na volta 35. Após as segundas paradas os dois pilotos da Red Bull mostraram um rendimento melhor o que possibilitou a Ricciardo disputar o 5ºlugar com o finlandês Valtteri Bottas e mesmo com o piloto da Williams contando com o Motor Mercedes o piloto da Red Bull a poucas voltas do final da prova em uma arrojada tentativa conseguiu essa ultrapassagem sobre Bottas bem no final da reta bem perto da chicane sem dúvida esse é o lance mais bonito da corrida na minha opinião. Já Max Verstappen foi para cima de Sergio Perez no final da prova disputando o 7ºlugar, Nesse caso foi mais tranquilo a ultrapassagem que foi feita na Valiante inclusive Perez acabou passando reto na chicane, porém Verstappen já tinha colocado por dentro e a ultrapassagem iria acontecer de qualquer jeito mesmo.

Rosberg levou o carro até o final da prova levando a 7ªVitória na temporada superando seu companheiro de equipe em número de corridas vencidas sendo sua primeira vitória em Monza com Hamilton em segundo chegando a 15 segundos atrás de Rosberg. Com esses resultados a temporada europeia se encerra com Hamilton sustentando a liderança do campeonato a 2 pontos na frente de Nico Rosberg.

Sebastian Vettel voltou ao pódio com uma boa atuação levou a Ferrari ao 3ºlugar na frente de Kimi Raikkonen que chegou em 4º fazendo com que a Ferrari aproveitasse as retas de Monza para diminuir a diferença deles para a Red Bull que acabaram com o desempenho abaixo das últimas corridas por causa do motor Renault, Ricciardo completou a prova em 5ºlugar e Max Verstappen teve uma corrida comprometida pela ruim largada assim como Lewis Hamilton e ficou em 7ºlugar. Entre eles o finlandês Valtteri Bottas que levou a Williams a uma boa 6ªposição algo que não era muito esperado visto que o FW38 perde terreno até para a Force India, Foi um final de semana muito bom mesmo do piloto da equipe Williams.

Sergio Perez completou a prova em 8ºlugar o que acabou sendo a sua posição de largada, Felipe Massa que anunciou sua aposentadoria da Formula 1 fez uma boa largada subindo para o 9ºlugar mas ficou mesmo por ai marcando mais 2 pontos o que ajuda o time de Grove a superar a Force India no mundial de construtores. Nico Hulkenberg fechou a zona de pontuação em 10ºlugar.

Romain Grosjean que largou em 17º devido a uma troca de Câmbio ficou por muito pouco da zona de pontuação ficando em 11ºlugar e resistindo a Jenson Button que fez uma corrida dentro do possível em 12ºlugar. Esteban Gutierrez com a ruim largada comprometeu seu resultado ficando em 13º com Fernando Alonso reclamando no rádio em 14ºlugar com a Mclaren-Honda que precisa ainda melhorar em termos de motor já que em circuitos como Monza ainda não dá para conseguir grandes resultados.

Monza_domingo2016 (1)

E de resto completaram a prova Carlos Sainz com a Toro Rosso com um carro absolutamente superado e com um motor superado, Marcus Ericsson com a Sauber tentando melhorar desde da entrada dos novos investidores, Kevin Magnussen com a Renault que não evolui e Esteban Ocon que se analisar até agora mesmo tendo mais talento do que Haryanto ele até aqui não fez nada muito melhor que o Indonésio mas completou a segunda corrida na Formula 1 e ele esta pegando experiência para a temporada de 2017 aonde ele vai provavelmente correr pela Renault.

Daqui a 2 semanas teremos o GP de Cingapura no circuito de Yas Marina aonde veremos mais um confronto entre Hamilton e Rosberg na disputa pelo título da temporada de 2016.

Monza_domingo2016 (4)

Resultado final do GP da Itália de formula 1

Posição Piloto Equipe Chassis Motor Voltas Tempo Abandono Grid
1 Nico Rosberg 6 Mercedes W07 Mercedes PC106C Hybrid 53 1:17:28.089 2
2 Lewis Hamilton 44 Mercedes W07 Mercedes PC106C Hybrid 53 a 15.070 1
3 Sebastian Vettel 5 Ferrari SF16-H Ferrari 059/5 53 a 20.990 3
4 Kimi Raikkonen 7 Ferrari SF16-H Ferrari 059/5 53 a 27.561 4
5 Daniel Ricciardo 3 Red Bull RB12 TAG Heuer 53 a 45.295 7
6 Valtteri Bottas 77 Williams FW38 Mercedes PC106C Hybrid 53 a 51.015 5
7 Max Verstappen 33 Red Bull RB12 TAG Heuer 53 a 54.236 6
8 Sergio Perez 11 Force India VJM09 Mercedes PC106C Hybrid 53 a 1:04.954 8
9 Felipe Massa 19 Williams FW38 Mercedes PC106C Hybrid 53 a 1:05.617 11
10 Nico Hulkenberg 27 Force India VJM09 Mercedes PC106C Hybrid 53 a 1:18.656 9
11 Romain Grosjean 8 Haas VF-16 Ferrari 059/5 52 a 1 Volta 17
12 Jenson Button 22 Mclaren MP4-31 Honda RA616H 52 a 1 Volta 14
13 Esteban Gutierrez 21 Haas VF-16 Ferrari 059/5 52 a 1 Volta 10
14 Fernando Alonso 14 Mclaren MP4-31 Honda RA616H 52 a 1 Volta 12
15 Carlos Sainz Jr. 55 Toro Rosso STR11 Ferrari 059/4 52 a 1 Volta 15
16 Marcus Ericsson 9 Sauber C35 Ferrari 059/5 52 a 1 Volta 19
17 Kevin Magnussen 20 Renault RS16 Renault RE16 52 a 1 Volta 21
18 Esteban Ocon 31 Manor MRT05 Mercedes PC106C Hybrid 51 a 2 Voltas 22
19 Daniil Kvyat 26 Toro Rosso STR11 Ferrari 059/4 36 a 16 Voltas Abandono 16
20 Pascal Wehrlein 94 Manor MRT05 Mercedes PC106C Hybrid 26 a 26 Voltas Abandono 13
21 Jolyon Palmer 30 Renault RS16 Renault RE16 7 a 46 Voltas Acidente 20
22 Felipe Nasr 12 Sauber C35 Ferrari 059/5 6 a 47 Voltas Acidente 18

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Red Bull/Ferrari/Renault

Formula 1 na Itália em Monza renovado por mais 3 anos com despedida de Felipe Massa

Depois de 2 anos de ameaças de Bernie Ecclestone (O anão que comanda a categoria) foi anunciado a renovação de Monza para as próximas 3 temporadas o que acaba tirando as chances de Imola voltar a sediar uma prova na Formula 1.

Por falar em Monza, Nada mais justo manter uma das provas mais tradicionais da Formula 1 que sem Monza perderia uma parte importante da sua história desse rapidíssimo circuito que hoje é o mais rápido em média horária e em tempo de prova (duração em média de 1 hora e 15 a 1 hora e 20 minutos)

Nos treinos livres de hoje as Mercedes sobraram com Rosberg sendo o melhor no primeiro treino livre e Hamilton sendo o melhor no segundo treino livre com Ambos ficando na 2ªposição em cada um dos treinos que eles foram superados com a Ferrari sendo a segunda força superando os carros da Red Bull, É fundamental que em casa a Ferrari faça um bom papel caso não queira aumentar ainda mais a sua crise nesse mundial principalmente depois de ter sido superada pela Red Bull nas últimas corridas.

Esse final de semana foi marcado pelo anuncio da saída de Felipe Massa da Formula 1, Após correr por 13 temporadas nas equipes Sauber (2002,2004 e 2005), Ferrari (2006-2013) e Williams (2014-2016) o Brasileiro decidiu abandonar a Formula 1 ao final dessa temporada encerrando os rumores que ele poderia correr ou na Renault ou de renovar com a Williams para 2017. Sem perspectivas de um carro competitivo o Brasileiro de 35 anos acabou optando pela saída da categoria, Vários pilotos fizeram homenagens e falaram sobre a carreira e a pessoa Felipe Massa e todas elas falaram muito bem. Provavelmente o destino dele será o WEC aonde ele poderá continuar na Europa e lugar aonde ex-pilotos de Formula 1 como Mark Webber, Lucas di Grassi, Nick Heidfeld, Bruno Senna disputam esse campeonato.

Amanhã as 6 da Manhã teremos o 3ºTreino livre e as 9 da Manhã teremos a Classificação para o Grid de largada do GP da Itália de Formula 1.

Monza_2016_sexta

Resultado do primeiro treino livre

Posição Piloto Equipe Chassis Motor Tempo Número de Voltas completadas
1 Nico Rosberg 6 Mercedes W07 Mercedes PC106C Hybrid 1:22.959 37
2 Lewis Hamilton 44 Mercedes W07 Mercedes PC106C Hybrid 1:23.162 36
3 Kimi Raikkonen 7 Ferrari SF16-H Ferrari 059/5 1:24.047 16
4 Sebastian Vettel 5 Ferrari SF16-H Ferrari 059/5 1:24.307 17
5 Sergio Perez 11 Force India VJM09 Mercedes PC106C Hybrid 1:24.650 32
6 Romain Grosjean 8 Haas VF-16 Ferrari 059/5 1:24.763 17
7 Valtteri Bottas 77 Williams FW38 Mercedes PC106C Hybrid 1:24.785 37
8 Max Verstappen 33 Red Bull RB12 TAG Heuer 1:24.982 25
9 Esteban Gutierrez 21 Haas VF-16 Ferrari 059/5 1:25.113 19
10 Daniel Ricciardo 3 Red Bull RB12 TAG Heuer 1:25.120 17
11 Jenson Button 22 Mclaren MP4-31 Honda RA616H 1:25.351 23
12 Afonso Celis jr. 34 Force India VJM09 Mercedes PC106C Hybrid 1:25.367 30
13 Fernando Alonso 14 Mclaren MP4-31 Honda RA616H 1:25.507 14
14 Felipe Massa 19 Williams FW38 Mercedes PC106C Hybrid 1:25.840 18
15 Marcus Ericsson 9 Sauber C35 Ferrari 059/5 1:25.853 20
16 Carlos Sainz jr. 55 Toro Rosso STR11 Ferrari 059/4 1:25.973 20
17 Daniil Kvyat 26 Toro Rosso STR11 Ferrari 059/4 1:26.074 20
18 Esteban Ocon 31 Manor MRT05 Mercedes PC106C Hybrid 1:26.391 30
19 Felipe Nasr 12 Sauber C35 Ferrari 059/5 1:26.439 21
20 Pascal Wehrlein 94 Manor MRT05 Mercedes PC106C Hybrid 1:26.762 28
21 Jolyon Palmer 30 Renault RS16 Renault RE16 1:26.811 35
22 Kevin Magnussen 20 Renault RS16 Renault RE16 1:26.956 32

Monza_2016_sexta (1)

Resultado do segundo treino livre

Posição Piloto Equipe Chassis Motor Tempo Número de Voltas completadas
1 Lewis Hamilton 44 Mercedes W07 Mercedes PC106C Hybrid 1:22.801 40
2 Nico Rosberg 6 Mercedes W07 Mercedes PC106C Hybrid 1:22.994 42
3 Sebastian Vettel 5 Ferrari SF16-F Ferrari 059/5 1:23.254 33
4 Kimi Raikkonen 7 Ferrari SF16-F Ferrari 059/5 1:23.427 28
5 Max Verstappen 33 Red Bull RB12 TAG Heuer 1:23.732 25
6 Daniel Ricciardo 3 Red Bull RB12 TAG Heuer 1:24.003 33
7 Fernando Alonso 14 Mclaren MP4-31 Honda RA616H 1:24.259 24
8 Valtteri Bottas 77 Williams FW38 Mercedes PC106C Hybrid 1:24.299 41
9 Romain Grosjean 8 Haas VF-16 Ferrari 059/5 1:24.516 35
10 Jenson Button 22 Mclaren MP4-31 Honda RA616H 1:24.549 28
11 Felipe Massa 19 Williams FW38 Mercedes PC106C Hybrid 1:24.556 20
12 Nico Hulkenberg 27 Force India VJM09 Mercedes PC106C Hybrid 1:24.587 40
13 Sergio Perez 11 Force India VJM09 Mercedes PC106C Hybrid 1:24.653 42
14 Esteban Gutierrez 21 Haas VF-16 Ferrari 059/5 1:24.674 33
15 Marcus Ericsson 9 Sauber C35 Ferrari 059/5 1:24.981 25
16 Pascal Wehrlein 94 Manor MRT05 Mercedes PC106C Hybrid 1:25.083 38
17 Carlos Sainz jr. 55 Toro Rosso STR11 Ferrari 059/4 1:25.240 31
18 Esteban Ocon 31 Manor MRT05 Mercedes PC106C Hybrid 1:25.275 13
19 Kevin Magnussen 20 Renault RS16 Renault RE16 1:25.555 39
20 Daniil Kvyat 26 Toro Rosso STR11 Ferrari 059/4 1:25.614 33
21 Felipe Nasr 12 Sauber C35 Ferrari 059/5 1:25.643 31
22 Jolyon Palmer 30 Renault RS16 Renault RE16 1:25.833 45

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Williams/Force India/Haas