Ferrari de Luto Terá que superar uma nova prova de superação – Comentário dos Treinos Livres de Hoje

A Ferrari teve uma notícia muito triste nessa semana. A Morte de Sergio Marchionne por causa de uma embolia (Após complicações em sua Cirurgia) foi um choque para o Grupo FIAT acabou chocando toda a equipe Ferrari.

Ele era presidente da Ferrari até que em Julho com problemas de saúde. A Ferrari passa por um momento difícil, Depois do Acidente que Vettel sofreu após um erro na 52ªVolta do GP da Alemanha e a perda da Liderança do campeonato a equipe Italiana terá que dar a volta por cima. Vettel esta a 17 pontos atrás de Hamilton e a Ferrari perdeu a liderança para a Mercedes e esta a 8 pontos da liderança.

O GP da Hungria pode ser uma prova favorável para a equipe Italiana, Mas a Red Bull será muito forte no circuito húngaro. Com o melhor chassi do Grid, A equipe Austríaca tem a chance de vencer pela 4ªvez nessa temporada. Já a Mercedes, pelo que vimos nos treinos vai ser difícil que a equipe Alemã consiga a vitória nesse domingo. Primeiro porque, A Mercedes só venceu 2 vezes nos últimos 5 anos. Ambas as vezes com Lewis Hamilton (Em 2013 e 2016) A Vitória do ano passado ficou com Sebastian Vettel com a Ferrari.

A Haas que colocou uma homenagem a Marchionne foi muito bem. Particularmente eu esperava que a equipe andasse um pouco mais atrás, Para mim o melhor carro do meio do pelotão seria a Renault (A Quebra no carro de Hulkenberg no meio do 1ºTreino livre atrapalhou um pouco a equipe Francesa) e quem sabe Alonso com a Mclaren. Porém os resultados de Sexta mostra que o Espanhol vai ter problemas para almejar um bom resultado.

Uma outra equipe que pode ter um bom final de semana é a Toro Rosso que apesar dos problemas que vive com o motor Honda, Tem um chassi muito bom que em uma pista lenta aonde o motor não conta muito, Pode disputar até uma vaga para o Q3 com o Pierre Gasly. Hoje a Sauber chamou a atenção pelas rodadas e exageros de Marcus Ericsson do que pela velocidade.

Amanhã, As 7 da manhã teremos o terceiro treino Livre e as 10 da manhã teremos a Classificação aonde a Red Bull tem alguma chance de fazer a pole, Mas a Ferrari e Mercedes devem brigar para largarem na frente.

Resultado dos Treinos Livres de Sexta-Feira

1ºTreino Livre

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo Voltas
1 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:17.613 30
2 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:17.692 24
3 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:17.701 29
4 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:17.948 23
5 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:18.036 28
6 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:18.470 20
7 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:18.975 17
8 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:19.025 14
9 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:19.128 32
10 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:19.187 29
11 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:19.352 30
12 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:19.690 24
13 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:19.841 32
14 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:20.012 33
15 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:20.065 30
16 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:20.151 28
17 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:20.159 27
18 36 Antonio Giovinazzi Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:20.293 31
19 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:20.307 28
20 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:20.697 12

2ºTreino Livre

Pos Piloto Equipe Chassi Motor Tempo Voltas
1 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:16.834 45
2 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:16.908 35
3 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 1:17.061 36
4 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 1:17.153 40
5 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:17.587 43
6 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 1:17.868 46
7 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:18.065 39
8 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:18.495 38
9 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:18.518 43
10 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:18.761 41
11 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 1:18.850 42
12 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:18.857 38
13 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 1:18.880 35
14 27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 1:18.913 23
15 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 1:18.916 41
16 9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:19.043 42
17 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 1:19.137 38
18 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:19.645 45
19 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 1:19.712 38
20 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 1:19.770 45

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Ferrari/Toro Rosso/Red Bull

Formula V8 3.5 – Etapa de Hungaroring – Vitórias de Cecotto no seco e de Dillmann na chuva

Segunda Rodada Dupla da Formula V8 3.5 realizada em Hungaroring dos dias 23 e 24 de Abril e que tinha Dillmann, Panis e Delétraz disputando o campeonato nessa primeira prova do campeonato já que foram os pilotos que se destacaram em Aragón.

No Circuito Hungaró Tom Dillmann mostrou um impressionante domínio nos treinos e largou na pole position com Sobras em relação a concorrência. Panis com o carro da Arden e Louis Delétraz com o carro da Fortec completavam os 3 primeiros lugares.

Grid de largada da 3ªEtapa da Formula 3.5
Hungaroring

1. Tom Dillmann (AVF) 1:26.729
2. Aurélien Panis (Arden) 1:27.371
3. Louis Delétraz (Fortec) 1:27.397
4. Johnny Cecotto jr. (RP Motorsport) 1:27.505
5. Matthieu Vaxiviere (SMP Racing) 1:27.523
6. Alfonso Celis jr. (AVF) 1:27.567
7. Matevos Isaakyan (SMP Racing) 1:27.695
8. Roy Nissany (Lotus) 1:27.725
9. Yu Kanamaru (Ted Martin) 1:27.824
10. Beitske Visser (Ted Martin) 1:27.926
11. René Binder (Lotus) 1:28.129
12. Pietro Fittipaldi (Fortec) 1:28.142
13. Egor Orudzhev (Arden) 1:28.144
14. Bruno Baptista (RP Motorsport) 1:29.143
15. Giuseppe Cipriani (Durango) 1:34.019

Primeira corridafoi realizada com pista seca no dia 23 de Abril

Na largada largou bem Dillmann e não tão bem assim para Panis que perdeu posições para Delétraz e Cecotto jr. caindo para o 4ºlugar. Não é um circuito fácil para uma ultrapassagem então foi importante a largada nessa prova.

largada_hungria2016

Dillmann começou já abrindo enquanto que Ourdzhev fez belíssima ultrapassagem por fora em cima de Kanamaru, Na segunda volta o Israelita Roy Nissany ultrapassou a Vaxiviere assumindo o 5ºlugar e tentando passar também a Panis nesse começo de prova.

Bruno Baptista estava em 11º e Pietro Fittipaldi em 13º isso depois da saída de Matevos Isaakyan da pista (logo depois disso ele foi para os boxes), No final da 4ªVolta o venezuelano Johnny Cecotto jr. passa Delétraz assumindo o 2ºlugar e mais atrás seguia o pega entre Panis, Nissany e Vaxiviere na disputa pelo 4ºlugar.

Classificação após 5 voltas: Dillmann – Cecotto jr. (2.604) – Delétraz (4.012) – Panis (7.536) – Nissany (8.103) – Vaxiviere (8.633) – Celis jr. (11.668) – Orudzhev (12.686) – Visser (13.849) – Kanamaru (16.327) – Baptista (18.610) – Binder (19.257) – Fittipaldi (20.482) – Cipriani (29.844) – Isaakyan (2 Voltas)

Nissany quando parecia se livrar de Vaxiviere para pressionar Panis ele foi supriendido pelo  piloto Francês da SMP Racing que ultrapassou o piloto da Lotus assumindo o 5ºlugar novamente. Lá na frente Tom Dillmann estava tranquilo na liderança com Cecotto jr. a mais de 2.5 segundos atrás do piloto da AVF e Delétraz em 3º tentando se aproximar de do piloto da RP Motorsports.

A 26 minutos do final uma tentativa de ultrapassagem de Orudzhev em cima de Celis jr. acaba em um toque que tirou ambos da prova, Pelo que eu vi Orudzhev tentou passar aonde não devia passar e acabou eliminando a ele e ao Mexicano da prova.

Com esse acidente o Safety Car entrou na pista a 24 minutos do final de prova. Dillmann perderia toda a diferença para Cecotto jr. e Delétraz que iriam tentar atacar o líder da prova e logo depois vinham Panis, Vaxiviere, Nissany que disputavam o 4ºlugar. Visser, Kanamaru, Baptista e Binder completam os 10 primeiros com Pietro Fittipaldi em 11º e Cipriani em 12º.

Após 3 voltas com o Safety e restando metade do tempo de corrida e na relargada Bruno Baptista passou a Yu Kanamaru que perdeu posição também para Pietro Fittipaldi que acabou subindo de 11º para o 9ºlugar logo atrás de Bruno Baptista.

Dillmann que liderava a prova erra a curva e perde a primeira posição para Johnny Cecotto jr. além sofrer pressão de Delétraz, Mas o piloto Suíço não chegou a passar o piloto da AVF que manteve o segundo lugar.

Panis continuava a manter o 4ºposto e resistir aos ataques de Vaxiviere. Mais atrás Pietro passou Vitor Baptista assumindo o 8ºlugar, Aliás o piloto da RP Motorsports perdia rendimento tanto é que ele perdeu o 9ºlugar para Kanamaru. A 12 minutos do final Dillmann vinha tirando a diferença para Cecotto jr. e vinha trazendo com ele o Suíço Delétraz.

Visser que estava em boa 7ªposição foi para cima de Nissany querendo buscar o 6ºlugar e um pouco mais a frente uma disputa entre Franceses pelo 4ºlugar entre Panis e Vaxiviere e Ambos estavam vendo por perto Nissany, Visser e Fittipaldi disputando o 6ºlugar no que poderia promover-se em uma grande disputa da prova na reta final.

6 minutos para o final de prova e Cecotto jr. não estava com a vida sossegada não pois tinha Dillmann a 1.2 segundos atrás e Delétraz a 2.4 segundos atrás, No final da 22ªVolta o Dillmann coloca essa vantagem para apenas 0.9 segundos a 4 minutos do final podendo ter disputa no final da prova entre os dois. Vaxiviere estava decidido a passar Panis que estava decidido em se manter em 4ºlugar que deixaria ele em boa situação no campeonato ao final dessa prova, Um pouco mais atrás vinham Nissany, Visser, Pietro e Kanamaru disputando o 6ºlugar.

tedmartin_hungria2016

Na volta final com o tempo encerrado Cecotto se livrou da pressão de Dillmann que estava buscando segurar o 2ºlugar já que o Suíço Deletraz é um adversário direito na luta pelo título de 2016. Lá atrás Giuseppe Cipriani acabou rodando e deixando a prova no que não varia diferença pois o piloto da Durango era o último colocado dos que estavam na pista. Ao final da prova a vitória ficou mesmo com Johnny Cecotto jr. que se aproveitou de um Safety car e de um erro de Tom Dillmann para levar a vitória na primeira corrida da rodada dupla na Hungria, O francês da AVF que liderou grande parte da prova acabou ficando com um amargo 2ºlugar e o Suíço Louis Deletraz da Fortec completou o pódio.

Após disputa com Matthieu Vaxiviere o piloto Aurélien Panis ficou na 4ªposição depois de muita pressão do piloto da SMP Racing que só se colocou em 5ºlugar no campeonato o que deixa ele bem longe dos líderes. Logo depois vieram Roy Nissany em boa corrida, Beitske e Pietro Fittipaldi que obtiveram seus melhores resultados na temporada em 7º e 8ºlugares, Kanamaru e Vitor Baptista fecharam a zona de pontuação.

Classificação Final da 3ªcorrida da Temporada 2016 da Formula V8 3.5
Hungaroring – Hungria

1. Johnny Cecotto Jr. (RP Motorsport) 27 Voltas
2. Tom Dillmann (AVF)  a 2.290
3. Louis Delétraz (Fortec) a 3.075
4. Aurélien Panis (Arden) a 14.032
5. Matthieu Vaxiviere (SMP Racing) a 14.443
6. Roy Nissany (Lotus) a 16.162
7. Beitske Visser (Ted Martin) a 16.855
8. Pietro Fittipaldi (Fortec) a 17.291
9. Yu Kanamaru (Ted Martin) a 17.957
10. Vitor Baptista (RP Motorsport) a 20.429
11. Rene Binder (Lotus) a 20.968
12. Giuseppe Cipriani (Durango) 3 Voltas
13. Alfonso Celis jr. (AVF) a 19 Voltas
14. Egor Orudzhev (Arden) a 19 Voltas
15. Matevos Isaakyan (SMP Racing) a 24 Voltas

Classificação do campeonato

Tom Dillmann 51
Louis Delétraz 50
Aurelien Panis 47
Johnny Cecotto jr. 35
Matthieu Vaxiviere 28
René Binder 27
Roy Nissany 20
Yu Kanamaru 14
Alfonso Celis jr. 12
Beitske Visser 7
Pietro Fittipaldi 6
Vitor Baptista 5
Matevos Isaakyan 1

Grid de largada da 4ªEtapa da Formula 3.5 – Hungaroring

1. Tom Dillmann (AVF) 2:02.933
2. Roy Nissany (Lotus) 2:03.665
3. Matthieu Vaxiviere (SMP Racing) 2:03.865
4. Aurélien Panis (Arden) 2:03.990
5. Louis Delétraz (Fortec) 2:o4.393
6. Rene Binder (Lotus) 2:04.431
7. Beitske Visser (Ted Martin) 2:04.780
8. Pietro Fittipaldi (Fortec) 2:04.841
9. Johnny Cecotto jr. (RP Motorsport) 2:06.286
10.Giuseppe Cipriani (Durango) 2:08.926
11.Matevos Isaakyan (SMP Racing) Sem Tempo
12.Vitor Baptista (RP Motorsport) Sem Tempo
13.Egor Orduzhev (Arden) Sem Tempo
14.Yu Kanamaru (Ted Martin) Sem Tempo
15.Afonso Celis jr. (AVF) Sem Tempo

A primeira corrida sob chuva na temporada começou com o safety car puxando a fila o que é algo revoltante. Exceto para Beitske Visser que ficou parada no grid de largada no que fez do Pietro Fittipaldi para trás ganhar uma posição.

O Safety Car ficou por longos 10 Minutos na pista até darem a bandeira verde para o começo da corrida pra valer e Dillmann aproveitando que tinha pista limpa abriu um monte da concorrência que nada enchegava, Antés da Largada Nissany rodou perdendo algumas posições. Nas primeiras curvas Delétraz toca em Panis e acaba levando a pior ficando para trás. Também rodaram Celis jr. e Celis jr.

Depois de tudo isso com 5 voltas completadas a classificação era essa: Vaxiviere – Dillmann (3.547) – Panis (4.579) – Fittipaldi (6.404) – Cecotto jr. (6.810) – Deletraz (a 8.786) – Nissany (11.373) – Cipriani (14.773) – Orudzhev (14.949) – Kanamaru (15.474) – Isaakyan (15.941) – Baptista (22.129) – Binder (30.947) – Celis jr. – Visser – No começo da 6ªVolta Orudzhev passou Cipriani ganhando o 8ºlugar do piloto da Durango.

Na segunda parte da 6ªVolta Cecotto jr. passou Fittipaldi assumindo o 4ºlugar. Dillmann, Panis e Delétraz vão para a parada obrigatória (São os primeiros a fazerem isso), Kanamaru acabou passando reto por uma curva chegando a bater quando tentava passar pelo Cipriani. Depois de algumas voltas o Safety Car voltou a pista com 22 minutos para o final da prova que teve de fato apenas 3 voltas com a corrida valendo mesmo.

Classificação: Vaxiviere – Cecotto jr. – Fittipaldi – Orudzhev – Binder – Dillmann – Deletraz – Nissany – Isaakyan – Kanamaru – Cipriani – Baptista – Celis jr. – Visser

Restando 15 minutos para o final da segunda corrida o Safety Car sai da pista e a corrida recomeça. Os que pararam antes do Safety Car eram os favoritos a vitória. O Russo Egor Orduzhev acabou passando do ponto e indo para fora da pista e perdeu pelo menos 1 posição para o piloto Rene Binder.

Já o outro Russo o Matevos Isaakyan acabou Rodando e batendo de leve. Esses dois incidentes já tinha a clareza de que não estava nada fácil andar sobre esse piso molhado. Vaxiviere, Pietro Fittipaldi, Binder e outros que não pararam foram para as suas paradas com exceção de Johnny Cecotto jr. que liderava a prova com 8 segundos a frente de Dillmann que era o primeiro dos que já tinham feito a troca.

Mas o piloto Venezuelano da RP Motorsport precisava parar e foi para os boxes a 10 minutos e meio do final deixando Dillmann em primeiro lugar com Panis e Roy Nissany disputando o segundo lugar e Delétraz em 4ºlugar, No começo da segunda metade de volta Panis destraciona e Nissany aproveita e passa o Francês da equipe Arden tomando o segundo lugar do 3ºlugar do campeonato.

Dillmann 13 Voltas – Nissany (5.355) – Panis (7.017) – Delétraz (7.566) – Kanamaru (8.599) – Vaxiviere (24.959) – Cecotto jr. (26.777) – Cipriani (26.817) – Binder (29.757) – Fittipaldi (38.512) – Orudzhev (57.100)

Delétraz acabou escapando da segunda curva saindo da pista e com isso abriu a chance de Yu Kanamaru de tentar buscar o 4ºlugar do piloto da Fortec. Observando a disputa ambos mostravam habilidade em não escorregarem segurando muito bem. A 9 minutos do Final Binder consegue tomar o 8ºlugar de Cipriani que esta com o pior carro do Campeonato que é o carro da Durango.

vaxiviere_hungria2016

5 minutos para o final na 15ªVolta Delétraz tem grandes dificuldades em se manter em 4ºlugar na frente do piloto Japonês da Ted Martin. Na mesma volta o Italiano de 51 anos Giuseppe Ciprani acabou rodando e batendo de leve na parte final do 2ºsetor deixando a corrida e a chance de marcar pontos pela primeira vez na temporada.

Na Frente Tom Dillmann, Roy Nissany e Aurélien Panis vinham tranquilos nas 3 primeiras posições, Só que o piloto de Israel vinha tirando a diferença para o francês da AVF e com menos de 2 minutos para o final e mais uma volta a ultrapassagem seria possivel de ser realizada.

A diferença a menos de 1 minuto para o final de prova a diferença entre Dillmann e Nissany estava em 1.6 segundos. O outro piloto da Lotus o Austríaco René Binder vinha para cima de Cecotto jr. buscando o 7ºlugar nessa reta final de corrida. Na última volta Dillmann aperta e a diferença abaixa para 1.1 segundos, Só restavam meia pista e Nissany parte para o ataque definitivamente e o piloto Francês buscava defender a primeira vitória na temporada com muita garra e ao final da corrida acabou Tom Dillmann conquistando a vitória com Nissany chegando a menos de meio segundo do vencedor e Aurélien Panis completou o pódio.

Delétraz segurou 4ºlugar dos ataques do Japonês Yu Kanamaru que acabou rodando no final da prova e perdendo posições. Matthieu Vaxiviere ficou em 5ºlugar, Johnny Cecotto jr. fica em 6º, segurando os ataques de Rene Binder, Pietro Fittipaldi acabou a prova em 8ºlugar. Egor Orudzhev e Yu Kanamaru completaram a zona de pontuação. Com esses resultados ao final de 4 corridas Dillmann tinha bons 12 pontos na frente de Delétraz e de Panis que são piloto que tem potencial de futuro pela frente.

Resultado final da 4ªEtapa da Formula V8 3.5 – Hungaroring

1. Tom Dillmann (AVF) 19 Voltas
2. Roy Nissany (Lotus) a 0.898
3. Aurélien Panis (Arden) a 11.854
4. Louis Delétraz (Fortec) a 24.831
5. Matthieu Vaxiviere (SMP Racing) a 27.184
6. Johnny Cecotto jr. (RP Motorsport) a 38.590
7. Rene Binder (Lotus) a 39.380
8. Pietro Fittipaldi (Fortec) a 55.150
9. Egor Orudzhev (Arden) a 1:13.425
10.Yu Kanamaru (Ted Martin) a 1:39.983
11.Giuseppe Cipriani (Durango) a 5 Voltas
12.Matevos Isaakyan (SMP Racing) a 9 Voltas
13.Vitor Baptista (RP Motorsport) a 15 Voltas
14.Alfonso Celis jr. (AVF) a 15 Voltas
15.Beitske Visser (Ted Martin) Não Largou

Classificação do campeonato:

Tom Dillmann 76
Louis Delétraz 62
Aurélien Panis 62
Johnny Cecotto jr. 43
Matthieu Vaxiviere 38
Roy Nissany 38
Rene Binder 33
Yu Kanamaru 15
Alfonso Celis jr. 12
Pietro Fittipaldi 10
Beitske Visser 7
Bruno Baptista 5
Egor Orudzhev 2
Matevos Isaakyan 1
Giuseppe Ciprani 0

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Motorsport.com

Vettel vence uma corrida confusa na Hungria e Iguala as 41 vitórias de Ayrton Senna

Um GP da Hungria que fica entre os mais confusos da história teve a vitória de Sebastian Vettel que conquista a sua segunda vitória pela Ferrari em seu ano de estreia na equipe italiana e foi a 41ªVitória na carreira igualando a Ayrton Senna como o 3ºpiloto em número de vitórias

hungria_domingo_15 (3)

Na primeira largada Massa acabou parando em lugar errado no grid de largada e com isso os pilotos foram para uma segunda volta de apresentação, Na Largada que valeu os pilotos da Ferrari pularam na frente com Vettel em primeiro e Raikkonen em segundo Rosberg caiu para o terceiro lugar e Hamilton que saiu na pole caiu para o 4ºlugar e na tentativa de recuperar posições para Rosberg, Raikkonen e Vettel Hamilton passou pela grama e acabou caindo para o 11ºlugar, Dai Hamilton começou a sua recuperação na corrida sendo o destaque da corrida no começo da corrida.

Até a primeira parte da prova um domínio dos pilotos da Ferrari principalmente de Vettel e Raikkonen em segundo lugar até que ele começou a ter problemas de potência em seu carro.

A Corrida teve um novo rumo na volta 41 para 42 quando o Alemão Nico Hulkenberg acabou batendo depois da sua asa dianteira ter se despedaçado no final da reta dos boxes, O piloto alemão da Force India que já teve o problema da suspensão que acabou dando uma capotagem na sexta-feira acabou tendo problema na corrida e por muito pouco o Finlandês Valtteri Bottas não foi atingido nesse acidente.

hungria_domingo_15 (1)

O Safety car virtual foi logo acionado, Mas logo entrou de vez o safety car na pista para reagrupar os pilotos, Todos aproveitaram esse acidente para fazerem a segunda parada nos boxes e a grande vantagem que a Ferrari tinha conseguido acabou indo por terra, Depois de algumas voltas para os pilotos de trás recuperarem uma volta e de se juntar ao bloco da frente a corrida recomeçou com Rosberg atacando Raikkonen que sofria com a falta de potência em seu carro, O Alemão ganhou o segundo lugar de Raikkonen, Ao Contraio de Hamilton que sofreu com mals bocados, Ele acabou sendo supriendido pelo Australiano Daniel Ricciardo que foi para a briga tentando a ultrapassagem pra cima do piloto da Mercedes, Resultado disso foi que Hamilton acabou com a asa dianteira quebrada e Bottas teve seu pneu furado e caindo para trás. Nessa história o Vettel estava em primeiro com Rosberg em 2º e Ricciardo em 3ºlugar, Hamilton foi para os boxes para trocar sua asa dianteira danificada, Mas o pior estava por vir, Ele foi penalizado por ter sido considerado culpado pelo incidente entre ele e o Ricciardo (Punição muito injusta para Hamilton) e caindo para o 13ºlugar.

Enquanto isso Ricciardo e Kvyat se livraram de Raikkonen que tinha sérios problemas na unidade de potência de seu motor fato que fez o piloto Finlandês deixar a corrida, Daniel Ricciardo já estava no pódio com o 3ºlugar, Mas não satisfeito o piloto da Red Bull foi para cima de Vettel e Rosberg, O piloto Alemão que estava em posição de sair líder do campeonato não tinha rendimento o bastante para superar Vettel e começou a ser ameaçado pelo piloto Australiano que compensava a falta de potência do seu motor Renault com uma pilotagem muito agressiva.

Enquanto isso Fernando Alonso levava a Mclaren a ultrapassar a Sainz que começou a ter problemas e ganhou o 6ºlugar posição que nem em sonhos se imaginaria para a Mclaren com os fracos motores Honda enquanto isso Sainz foi caindo, caindo e caindo para trás até que foi dada a ordem para ele abandonar a corrida.

Enquanto isso Hamilton veio feito um animal incentivado pelo rádio que falou para ele não desistir dos pontos depois do piloto pedir desculpas para a equipe. O piloto da Mercedes usou todo o seu potencial e foi passando um a um dos que vinham na frente, Nasr, Ericsson e ainda contou com uma das punições ao Venezuelano Pastor Maldonado (Maldanado) que acabou tendo 3 punições na corrida toda.

hungria_domingo_15 (2)

Na Reta Final Ricciardo tentava um ataque para cima de Rosberg e Finalmente nas últimas voltas ele consegue o ataque no final da reta dos boxes o Australiano Feliz vai além do limite da freada, Se joga para conseguir a ultrapassagem, consegue no primeiro momento, Mas depois toca em Rosberg furando o pneu do piloto Alemão, Mas quebra a asa dianteira de seu carro, Com isso Ricciardo e Rosberg vão para os boxes significando prejuízo para os dois, Mas pior sendo o de Rosberg que foi lá para trás na corrida, Já Ricciardo foi para os boxes trocou o bico do seu carro e ainda voltou em 3ºlugar perdendo o segundo lugar para o Russo Danill Kvyat que mesmo com uma punição de 10 segundos no final da corrida o jovem piloto que faz sua segunda temporada controlou essa diferença para fazer seu melhor resultado da sua carreira.

Já Vettel numa corrida perfeita levou a Ferrari a segunda vitória na temporada numa grandiosa corrida consolidando como o adversários dos dois pilotos da Mercedes fora do pódio pela primeira vez desde da ultima etapa do Campeonato de 2013 no GP do Brasil. Danill Kvyat levou não só o seu melhor resultado como o melhor resultado da Rússia na Formula 1 com o segundo lugar e completando o pódio um aguerrido Daniel Ricciardo que fez o show para o bem e para o Mal nessa corrida, Para mim ele deveria ter sido punido. Ao final da corrida Vettel dedicou a vitória para Bianchi e Daniel Ricciardo chegando no pódio ele olhou para o céu com os pensamentos claro no piloto Francês.

Max Verstappen conseguiu a 4ªposição numa belíssima corrida e foi o melhor resultado da Toro Rosso desde do GP do Brasil de 2008 aonde Vettel ficou em 4ºlugar. O piloto Holandês poderia muito bem ficar no pódio caso tivesse uma punição ao Ricciardo, Um pouco mais atrás veio Fernando Alonso que aproveitou de todos os erros dos outros adversários e levou a Mclaren-Honda para o seu melhor resultado da parceria com a Honda ficando em 5ºlugar e quem diria que a Mclaren um dia chegaria na frente da Mercedes. Hoje aconteceu, Com uma Série de erros e incidentes Lewis Hamilton ainda conseguiu levar a 6ªposição e com isso aumentar a sua vantagem na liderança do campeonato para 21 pontos em cima de Nico Rosberg que ficou em 8ºlugar atrás de Romain Grosjean que levou a Lotus aos pontos ao invés de Maldonado que levou para Lotus 3 punições nos boxes e ficou em 14ºlugar.

Jenson Button com a Mclaren-Honda em 9ºlugar e Marcus Ericsson com a Sauber completaram a zona de pontuação, Destaque negativo para as Williams que depois de uma bela corrida na Inglaterra acabou saindo sem pontuação, Felipe Massa não foi bem ficando apenas em 12ºlugar numa corrida aonde o carro não tinha rendimento e desde do começo aonde ele alinhou errado o carro no grid de largada o que foi o motivo para uma nova volta de apresentação e ele foi punido com 5 segundos parado nos boxes na primeira parada nos boxes e isso ajudou a corrida dele ir para o saco de vez e Bottas que estava nos pontos foi vitima de um pneu furado na relargada e acabou indo para atrás ficando apenas em 13ºlugar ambos atrás do Brasileiro Felipe Nasr que ficou em 11ºlugar e novamente ficou perto dos pontos, Mas vendo seu companheiro de equipe Pontuar em 10ºlugar o que é péssimo para ele.

Punições que Maldonado tomou nessa corrida

1. Culpado por bater no mexicano Sergio Pérez, da Force India
2. excesso de velocidade nos boxes
3. excesso de velocidade nos boxes ao cumprir o Drive Through.

Se eu fosse o Rádio da Lotus Eu diria uma coisa para o Venezuelano: Parabéns! Seu idiota!

Ficou ainda em 14ºlugar e só não terminou em último porque tínhamos a Manor que vai aposentar esse carro para estrear um novo modelo a partir do GP da Bélgica. Por falar isso a corrida foi feita através de um clima de tristeza ainda pelo passamento do piloto Francês Jules Bianchi, Antes da largada os pilotos se reuniam para fazer um tributo para o jovem de 25 anos que morreu na semana passada após 9 meses de luta desde do acidente que ele sofreu no GP do Japão de 2014.

A Formula 1 vai dar uma parada por 4 semanas até o dia 23 de Agosto quando acontece o GP da Bélgica em Spa-Francorchamps aonde Hamilton começa a segunda parte do campeonato com 21 pontos na frente de Rosberg e a 40 pontos na frente de Vettel que esta na disputa do campeonato sim.

Classificação após 69 Voltas
Piloto Número Equipe-Motor Chassis Voltas Tempo Grid de Largada
1. Sebastian Vettel 5 Ferrari SF15T 69 1:46:09.985 3
2. Danill Kvyat 26 Red Bull-Renault RB11 69 a 15.748 7
3. Daniel Ricciardo 3 Red Bull-Renault RB11 69 a 25.084 4
4. Max Verstappen 33 Toro Rosso-Renault STR10 69 a 44.251 9
5. Fernando Alonso 14 Mclaren-Honda MP4-30 69 a 49.079 15
6. Lewis Hamilton 44 Mercedes F1 W06 Hybrid 69 a 52.025 1
7. Romain Grosjean 8 Lotus-Mercedes E23 Hybrid 69 a 58.578 10
8. Nico Rosberg 6 Mercedes F1 W06 Hybrid 69 a 58.876 2
9. Jenson Button 22 Mclaren-Honda MP4-30 69 a 67.028 16
10. Marcus Ericsson 9 Sauber-Ferrari C34 69 a 69.130 17
11. Felipe Nasr 12 Sauber-Ferrari C34 69 a 73.458 18
12. Felipe Massa 19 Williams-Mercedes FW34 69 a 74.278 8
13. Valtteri Bottas 77 Williams-Mercedes FW34 69 a 80.228 6
14. Pastor Maldonado 13 Lotus-Mercedes E23 Hybrid 69 a 85.142 14
15. Roberto Merhi 98 Manor-Ferrari MR03 67 a 2 Voltas 19
16. Will Stevens 28 Manor-Ferrari MR03 65 a 4 Voltas 20
Carlos Sainz jr. 55 Toro Rosso-Renault STR10 60 Abandonou 12
Kimi Raikkonen 7 Ferrari SF15T 55 motor 5
Sergio Perez 11 Force India-Mercedes VJM08 53 Abandonou 13
Nico Hulkenberg 27 Force India-Mercedes VJM08 41 Quebra da Asa dianteira 11

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Ferrari / Toro Rosso / Red Bull

Grid de largada do GP da Hungria de Formula 1

Grid de Largada
Piloto Número Equipe-Motor Chassi Tempo Etapa
1. Lewis Hamilton 44 Mercedes F1 W06 Hybrid 1:22.020 Q3
2. Nico Rosberg 6 Mercedes F1 W06 Hybrid 1:22.595 Q3
3. Sebastian Vettel 5 Ferrari SF15T 1:22.739 Q3
4. Daniel Ricciardo 3 Red Bull-Renault RB11 1:22.774 Q3
5. Kimi Raikkonen 7 Ferrari SF15T 1:23.020 Q3
6. Valtteri Bottas 77 Williams-Mercedes FW37 1:23.222 Q3
7. Danill Kvyat 26 Red Bull-Renault RB11 1:23.332 Q3
8. Felipe Massa 19 Williams-Mercedes FW37 1:23.537 Q3
9. Max Verstappen 33 Toro Rosso-Renault STR10 1:23.679 Q3
10. Romain Grosjean 8 Lotus-Mercedes E23 Hybrid 1:24.181 Q3
11. Nico Hulkenberg 27 Force India-Mercedes VJM08 1:23.826 Q2
12. Carlos Sainz jr. 55 Toro Rosso-Renault STR10 1:23.869 Q2
13. Sergio Perez 11 Force India-Mercedes VJM08 1:24.461 Q2
14. Pastor Maldonado 13 Lotus-Mercedes E23 Hybrid 1:24.609 Q2
15. Fernando Alonso 14 Mclaren-Honda MP4-30 Sem Tempo Q2
16. Jenson Button 22 Mclaren-Honda MP4-30 1:24.739 Q1
17. Marcus Ericsson 9 Sauber-Ferrari C34 1:24.863 Q1
18. Felipe Nasr 12 Sauber-Ferrari C34 1:24.997 Q1
19. Roberto Merhi 98 Manor-Ferrari MR03 1:27.416 Q1
20. Will Stevens 28 Manor-Ferrari MR03 1:27.949 Q1

Capotagem de Perez marca o dia de treinamentos na Hungria

O Entristecido GP da Hungria não começou muito bem para Sérgio Perez que acabou tendo uma quebra de suspensão o que fez ele bater e em seguida com ajuda de uma das suspensões que se quebrou o carro da Force India acabou capotando e isso paralisou o treinos em uns 10 minutos, Mesmo com essa capotagem Perez conseguiu o 8ºmelhor tempo na primeira sessão. Na segunda Sessão como o carro dele foi destruído pela quebra da suspensão nem Perez e nem Hulkenberg acabaram saindo dos boxes.

O melhor piloto do dia acabou sendo de Lewis Hamilton com o carro da Mercedes que liderou as 2 sessões de Treinamento com Nico Rosberg em 2º na primeira sessão e de Danill Kvyat que fez o 2ºtempo na segunda sessão numa pista em que a Red Bull pode se dar bem devido ao circuito favorecer mais ao chassi da Red Bull que deve ser a adversária da Ferrari para essa prova, As Williams deve ter mais dificuldades para disputarem as primeiras posições.

hungria_sexta (2)

Nesse final de semana são várias as homenagens ao piloto Jules Bianchi que faleceu no final de semana passado em todas as equipes e nos Fans que estão em Hungaroring.

Amanhã Teremos o Treino oficial as 9 da manhã e as 6 da manhã o 3ºtreino livre.

1ºTreino Livre – Resultado

1 44 Lewis Hamilton (MERCEDES) 1:25.141 – 18 Voltas
2 6 Nico Rosberg (MERCEDES) 1:25.250 – 22 Voltas
3 7 Kimi Raikkonen (FERRARI) 1:25.812 – 23 Voltas
4 3 Daniel Ricciardo (RED BULL) 1:26.053 – 20 Voltas
5 26 Danill Kvyat (RED BULL) 1:26.070 – 17 Voltas
6 5 Sebastian Vettel (FERRARI) 1:26.395 – 14 Voltas
7 55 Carlos Sainz (TORO ROSSO) 1:26.727 – 25 Voltas
8 11 Sergio Perez (FORCE INDIA) 1:26.776 – 14 Voltas
9 77 Valtteri Bottas (WILLIAMS) 1:26.825 – 19 Voltas
10 33 Max Verstappen (TORO ROSSO) 1:26.934 – 27 Voltas
11 14 Fernando Alonso (MCLAREN) 1:27.272 – 16 Voltas
12 22 Jenson Button (MCLAREN) 1:27.308 – 17 Voltas
13 27 Nico Hulkenberg (FORCE INDIA) 1:27.317 – 11 Voltas
14 19 Felipe Massa (WILLIAMS) 1:27.381 – 19 Voltas
15 12 Felipe Nasr (SAUBER) 1:27.409 – 24 Voltas
16 9 Marcus Ericsson (SAUBER) 1:27.732 – 23 Voltas
17 13 Pastor Maldonado (LOTUS) 1:28.568 – 9 Voltas
18 28 Will Stevens (MANOR) 1:29.693 – 17 Voltas
19 42 Fabio Leimer (MANOR) 1:30.631 – 18 Voltas
20 30 Jolyon Palmer (LOTUS) Sem Tempo – 4 Voltas

hungria_sexta (2)

2ºTreino Livre – Resultado

1 44 Lewis Hamilton (MERCEDES) 1:23.949 – 36 Voltas
2 26 Danill Kvyat (RED BULL) 1:24.300 – 29 Voltas
3 3 Daniel Ricciardo (RED BULL) 1:24.451 – 16 Voltas
4 6 Nico Rosberg (MERCEDES) 1:24.668 – 34 Voltas
5 7 Kimi Raikkonen (FERRARI) 1:25.134 – 30 Voltas
6 55 Carlos Sainz (TORO ROSSO) 1:25.599 – 37 Voltas
7 5 Sebastian Vettel (FERRARI) 1:25.660 – 26 Voltas
8 14 Fernando Alonso (MCLAREN) 1:25.752 – 31 Voltas
9 77 Valtteri Bottas (WILLIAMS) 1:25.881 – 35 Voltas
10 19 Felipe Massa (WILLIAMS) 1:25.920 – 31 Voltas
11 33 Max Verstappen (TORO ROSSO) 1:25.935 – 19 Voltas
12 22 Jenson Button (MCLAREN) 1:25.994 – 32 Voltas
13 13 Pastor Maldonado (LOTUS) 1:26.090 – 36 Voltas
14 12 Felipe Nasr (SAUBER) 1:26.379 – 36 Voltas
15 8 Romain Grosjean (LOTUS) 1:26.442 – 39 Voltas
16 9 Marcus Ericsson (SAUBER) 1:26.831 – 29 Voltas
17 98 Roberto Merhi (MANOR) 1:29.113 – 29 Voltas
18 28 Will Stevens (MANOR) 1:29.115 – 28 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Force India, Ferrari, Manor