Bottas em atuação impecável conquista vitória em Melbourne

Valtteri Bottas, O mesmo piloto que passou ano de 2018 sem vencer corrida acabou fazendo uma impecável corrida e conquistou a vitória na abertura do Mundial. O finlandês foi o dono das 58 voltas nas ruas de Albert Park. O Domínio começou nos primeiros metros da Corrida, Bottas largou melhor que Hamilton e assumiu a liderança, O Piloto Inglês precisou se defender do Sebastian Vettel para manter o 2ºlugar. Max Verstappen e Charles Leclerc mantiveram o 4º e 5ºlugares.

No meio do grid, Daniel Ricciardo em busca de ganhar posições, acabou quebrando seu aerofólio dianteiro passando por cima de uma câmera. Algo até bobo para um piloto com a experiência que tem Ricciardo. Outro incidente na largada foi Robert Kubica quebrando seu aerofólio dianteiro ao se enroscar com o seu companheiro de Equipe George Russell. Ambos foram para os boxes e voltaram nas 2 ultimas posições.

Na primeiras voltas ficava evidente duas coisas, Como Bottas estava disposto a abrir diferença para cima de Hamilton que aos poucos fugia de Vettel que tinha Max Verstappen por perto em 4ºlugar. E a segunda é que era bem difícil a ultrapassagem em Albert Park, Mesmo com todas as modificações das regras que teve para facilitar as ultrapassagens. Charles Leclerc acabou passando na grama na primeira curva e ficou mais para Kevin Magnussen do que para Max Verstappen. O Escandinavo estava na frente no segundo pelotão, Com Romain Grosjean e Nico Hulkenberg atrás deles.

O primeiro abandono do ano foi de Carlos Sainz jr., Com seu motor quebrado na Renault na 12ªvolta. Na volta seguinte começaram as paradas com Kimi Raikkonen que faz a primeira corrida pela Alfa Romeo. Hulkenberg e Perez pararam na volta seguinte. Na 15ªVolta pararam Vettel (O primeiro dos lideres a pararem nos boxes), Magnussen e Albon. O piloto da Haas voltou a frente do Hulkenberg, O piloto da Renault foi para cima aproveitar o pneu frio do piloto da Haas que se defendeu bem do ataque do piloto Alemão.

Na Volta 16, parou Lewis Hamilton. Grosjean fez sua parada na mesma volta. Diga-se de passagem, uma péssima parada que a Haas fez. O francês ficou 10 segundos parado quando no normal é ficar de 2 a 3 segundos para a troca de pneus. Com isso ele ficou mais para trás na classificação.

Bottas vinha 11 segundos aa frente de Verstappen com 17 voltas completadas. Leclerc vinha em 3º, Todos precisando fazer a parada ainda. Hamilton e Vettel já tinham feito a parada estavam em 4º e 5ºlugares. Stroll em 6º, Kvyat em 7º e Gasly em 8º estavam prolongando suas paradas.

Mais atrás vinha Antonio Giovinazzi, Com os pneus desgastados tentou segurar Kevin Magnussen, Mas acabou cometendo um erro e perdendo posição não só para Magnussen como também para Hulkenberg e Raikkonen. Já era hora do piloto da Alfa Romeo fazer a parada nos boxes.

Na 21ªVolta, Bottas liderava e estava com a melhor volta da prova (A melhor volta da prova dava 1 ponto para o autor da volta) e abrindo mais e mais vantagem na liderança. Ficou nítido que a parada de Hamilton e Vettel foi cedo demais para ambos e que os pneus poderiam resistir um pouco mais com boa performance.

Na volta 23, Bottas vai para os boxes e Verstappen vai para a liderança. A Honda lidera uma corrida desde da sua volta a Formula 1. Uma liderança que não iludia ninguém, Já que quando o Holandês parasse ele ficaria para trás e Bottas iria voltar a liderança. E foi isso que aconteceu na 26ªVolta, Verstappen voltou em 5ºlugar, Atrás de Vettel, Hamilton e Leclerc que ainda não tinha parado nos boxes.

O Estreante Lando Norris após muitas tentativas finalmente consegui passar Giovinazzi (Que teimava em ficar na pista com os pneus desgastadíssimos) logo depois Grosjean passou rapidamente o piloto da Alfa Romeo. Nesse meio tempo, Albon acabou escorregando e isso foi a deixa para Perez superar o piloto da Toro Rosso que também fez sua estreia na Formula 1 hoje. Seu companheiro de equipe Danill Kvyat parou na 27ªVolta.

Leclerc parou na volta 29, Com isso tudo voltou ao normal nas 5 primeiras posições. Bottas já estava com 15 segundos a frente de Lewis Hamilton. Na 31ªVolta, Verstappen foi para cima de Vettel e por Fora conseguiu uma grande ultrapassagem. A Red Bull que tinha dúvidas se seria a terceira força já tinha seu piloto no pódio. Quase que ao mesmo tempo dessa ultrapassagem, Daniel Ricciardo recolhia o carro da Renault para os boxes e Romain Grosjean , Com problemas em sua Roda dianteira esquerda acabaram deixando a prova.

Se pensa que Max parou por ai, Se enganou! Hamilton e seu segundo lugar era seu próximo alvo. E desempenho era melhor do piloto da Red Bull sem duvida, Fruto de um pneu bem menos gasto. Com todo isso, Bottas aproveitava para aumentar a sua vantagem na liderança. Chegando a quase 20 segundos de diferença. Mas atrás, Pierre Gasly foi o último dos pilotos a parar nos boxes, Na 36ªVolta quando andava em 6ºlugar. O Francês Voltou a frente de Kvyat, que apesar de ter passado do ponto ao tentar passar Lance Stroll ainda conseguiu recuperar a 10ªposição se aproveitando dos pneus do pilotos da Red Bull estarem frios.

Verstappen vinha com tudo para cima de Hamilton que por sua vez estava resistindo e mantendo 1.5 segundo, Era o bastante para o Holandês não usar a asa móvel, Que seria mais complicado segurar a posição do piloto da Mercedes. Já Vettel não vinha nada bem, Os pneus já estavam desgastados, E ele acusava falta de potência em seu carro. Pior disso era Leclerc tirar 7 décimos por volta, Sem dúvida Vettel perderia o 4ºlugar se continuasse nesse ritmo vagaroso e lento.

Bottas lá na frente vinha 23 segundos atrás. Nas 10 voltas finais ele estava preocupado em manter sua melhor volta da prova. Hamilton ficou mais tranquilo quando Verstappen passou pela grama e a vantagem aumentou para 3.5 segundos. Lá atrás, Pierre Gasly não conseguia de forma nenhuma passar Kvyat, mesmo com pneus teoricamente 10 voltas mais novos que os pneus do piloto Russo e com um equipamento teoricamente melhor que o piloto da Toro Rosso.

Na reta final da prova, Raikkonen se aproximou de Hulkenberg tentando o 7ºlugar, Logo chegaram nessa briga o Canadense Lance Stroll, o Russo Danill Kvyat e o Francês Pierre Gasly.

Verstappen tentava chegar em Hamilton, Na reta final ele fez a melhor volta da prova, Isso fez com que Bottas a poucas voltas do final rebuscar a melhor volta da prova. No penúltima volta ele conseguiu recuperar a volta e o ponto. Era tudo que ele queria, A volta final foi a volta de consagração para o piloto finlandês, Que depois de um ano apagado de 2018 sem vitória. Ele abre o ano com vitória e com todos os 26 pontos ganhos possíveis. 25 da vitória e o ponto extra pela Melhor volta da prova.

Foi sua melhor atuação na carreira, Como ele disse em entrevista após a vitória. Lewis Hamilton em uma corrida que ele não esperava ter sido tão arrasado pela corricada do Bottas. Acabou conseguindo segurar o 2ºlugar da pressão de Max Verstappen. O Holandês levou a Red Bull a um pódio improvável. A Honda chega ao seu primeiro pódio desde da sua volta a Formula 1. Foi uma grande corrida do Verstappen em comparação com a medíocre corrida e o medíocre final de semana de Pierre Gasly, Que se classificou mal ficando no Q1 e fez uma corrida muito fraca, O resultado disso foi o 11ºlugar. Ou seja, não marcou ponto!

A Ferrari foi uma decepção. Pior que isso, A equipe já dá uma ordem de equipe para Leclerc não passar Vettel. O piloto Alemão acabou sendo privilegiado por manter o 4ºlugar, Já Leclerc vive a primeira decepção como piloto da Ferrari, Sabedor de que Vettel é a prioridade da equipe, Algo que não acontece na Mercedes que pelo visto dá mais liberdade para os pilotos disputarem a liderança e a vitória entre eles.

Na disputa pelo 2ºpelotão da Formula 1, Kevin Magnussen com a Haas foi o melhor piloto dessa disputa e conseguiu a proeza de ter terminado a prova na mesma volta dos lideres. Marcando o 6ºlugar e 8 pontos para a Haas.

Nico Hulkenberg segurou a pressão de Raikkonen e acabou em 7ºlugar, Também um bom começo do Homem de Gelo com a Alfa Romeo, ficando em 8ºlugar. Fechando a zona de pontuação, o desacreditado Lance Stroll que surpreendeu com a Racing Point e Daniil Kvyat que apesar de ter feito apenas 1 ponto, Mostrou potencial tanto dele como do carro da Toro Rosso. Segurando a Pierre Gasly com a toda poderosa Red Bull. A atuação dele já foi comentada. Lando Norris fez uma boa corrida, faltou uma definição para fazer ultrapassagens, Mas a Mclaren não se mostra ser um carro ruim e o piloto pode fazer mais que o 12ºlugar conquistado hoje.

Sergio Perez deixou a desejar, fez uma corrida apagada e ficou em 13ºlugar, Alexander Albon fez um final de semana de altos e baixos, acabou a prova em 14ºlugar. Antonio Giovinazzi acabou pagando pela teimosia de manter-se tanto tempo na pista com os pneus desgastados, Acabou ficando apenas a frente da Williams.

Pelo menos um ponto positivo, Os dois pilotos levaram o carro ao final da prova. Russell ficou em 16º e Robert Kubica ficou em 17ºlugar, Mas esta evidente a ruindade desse carro. Os dois estão ferrados para 2019.

Daqui a duas semanas teremos a prova de número 999 da Formula 1, No deserto do Bahrein teremos a segunda etapa, Que pela primeira vez tem Valtteri Bottas liderando o campeonato. E a Mercedes mostra que ainda dá as cartas.

Fotos:

Resultado Final do GP da Austrália
1ªEtapa do Mundial de Formula 1

posPilotoEquipeChassisMotorVoltasTempoMelhor VoltaVoltsPontos
177Valtteri BottasMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+581:25:27.3251:25.5805726
244Lewis HamiltonMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+58a 20.886s1:26.0575718
333Max VerstappenRed Bull RacingRB15Honda RA619H58a 22.520s1:26.2565715
45Sebastian VettelFerrariSF90Ferrari 06458a 57.109s1:27.9541612
516Charles LeclercFerrariSF90Ferrari 06458a 58.230s1:26.9265810
620Kevin MagnussenHaasVF-19Ferrari 06458a 87.156s1:28.182568
727Nico HulkenbergRenaultR.S.19Renault E-Tech 1957a 1 Volta1:28.444526
87Kimi RäikkönenAlfa Romeo RacingC38Ferrari 06457a 1 Volta1:28.270524
918Lance StrollRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+57a 1 Volta1:27.568292
1026Daniil KvyatScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H57a 1 Volta1:27.448391
1110Pierre GaslyRed Bull RacingRB15Honda RA619H57a 1 Volta1:27.229390
124Lando NorrisMcLarenMCL34Renault E-Tech 1957a 1 Volta1:28.555170
1311Sergio PerezRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+57a 1 Volta1:28.485410
1423Alexander AlbonScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H57a 1 Volta1:28.188430
1599Antonio GiovinazziAlfa Romeo RacingC38Ferrari 06457a 1 Volta1:28.479290
1663George RussellWilliamsFW42Mercedes M10 EQ Power+56a 2 Voltas1:28.713550
1788Robert KubicaWilliamsFW42Mercedes M10 EQ Power+55a 3 Voltas1:29.284300
OUT8Romain GrosjeanHaasVF-19Ferrari 06429a 29 Voltas1:28.462170
OUT3Daniel RicciardoRenaultR.S.19Renault E-Tech 1928a 30 Voltas1:29.848180
OUT55Carlos SainzMcLarenMCL34Renault E-Tech 199a 49 Voltas1:30.89990

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Haas/Toro Rosso/Renault/Racing Point/Alfa Romeo

Hamilton conquista pole em Melbourne e Mercedes derruba previsão da Pré-temporada

Contrariando por completo as nossas expectativas de que a Ferrari iria começar o ano na frente como o melhor carro, A Mercedes e seus pilotos engoliram as previsões e acabaram por monopolizar a disputa pela pole position. Lewis Hamilton acabou tendo uma dura batalha com seu companheiro de equipe Valtteri Bottas para conquistar a 84ªpole de sua carreira.

Foi uma classificação excelente para a Mercedes, que se dizia preocupada com o desempenho nos testes de pré-temporada acabou não só superando a Ferrari como também massacrou a equipe italiana que tinha a expectativa de ser o melhor carro do Grid para esse começo de campeonato.

No Q1, Tivemos surpresas. Para começar, Inesperada a eliminação de Pierre Gasly no Q1. A Temporada para o francês já começa muito mal, Visto que a Red Bull deve disputar o posto de terceira melhor equipe pelo menos. Os outros 2 eliminados foram Carlos Sainz jr. com a Mclaren e o Filho do dono da Racing Point, Lance Stroll acabou ficando por muito pouco fora do Q2. George Russell e Robert Kubica apenas cumpriram o carnê de serem os pilotos com o pior carro do Grid.

O melhor tempo do Q1 ficou com o Monegasco Charles Leclerc que antes da sua volta final estava ficando de fora da próxima fase. A sua volta de 1:21. Levou ele a classificação. Hamilton e Bottas ficaram tranquilos em 2º e 3ºlugar. No final da Classificação Antonio Giovinazzi, Danill Kvyat, Kevin Magnussen, Nico Hulkenberg, Lando Norris e Alexander Albon melhoraram seus tempos no final e garantiram seus lugares na próxima fase. Verstappen e Vettel apesarem de terem ficado em 10º e 11ºlugares acabaram ficando tranquilamente entre os 12 primeiros. Quem ficou no limite foi Kimi Raikkonen que quase fica de Fora com o 15ºlugar.

Classificação do Q1:

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
116Charles LeclercFerrariSF90Ferrari 0641:22.017
244Lewis HamiltonMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:22.043
377Valtteri BottasMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:22.367
499Antonio GiovinazziAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:22.431
526Daniil KvyatScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H1:22.511
620Kevin MagnussenHaasVF-19Ferrari 0641:22.519
727Nico HulkenbergRenaultR.S.19Renault E-Tech 191:22.540
84Lando NorrisMcLarenMCL34Renault E-Tech 191:22.702
923Alexander AlbonScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H1:22.757
1033Max VerstappenRed Bull RacingRB15Honda RA619H1:22.876
115Sebastian VettelFerrariSF90Ferrari 0641:22.885
1211Sergio PerezRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+1:22.908
133Daniel RicciardoRenaultR.S.19Renault E-Tech 191:22.921
148Romain GrosjeanHaasVF-19Ferrari 0641:22.959
157Kimi RäikkönenAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:22.966
1618Lance StrollRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+1:23.017
1710Pierre GaslyRed Bull RacingRB15Honda RA619H1:23.020
1855Carlos SainzMcLarenMCL34Renault E-Tech 191:23.084
1963George RussellWilliamsFW42Mercedes M10 EQ Power+1:24.360
2088Robert KubicaWilliamsFW42Mercedes M10 EQ Power+1:26.067

No Q2, Tivemos a prova de o quanto a Mercedes estava rápida, Bottas com 1:21.241 assombrou a todos ao colocar 4 décimos de frente de Max Verstappen e Charles Leclerc que vinham logo atrás. Agora, é de se admirar Verstappen colocar o motor Honda em 2ºlugar, Em um treino normal, sem coisas fora do comum acontecendo. Vettel e Hamilton vinham em 4º e 5ºlugares. Os outros classificados eram: Raikkonen da Alfa Romeo, Magnussen da Haas, Hulkenberg da Renault, Ricciardo da Renault e Perez com a Racing Point.

Mas ainda tinha a última chance de todos os outros pilotos. Nisso a classificação muda e os dois pilotos da Renault acabaram caindo fora da fase final da classificação. Grosjean no final acabou marcando o 5ºtempo e Lando Norris em sua primeira classificação acabou levando a Mclaren a fase final e dá já um vareio total em Carlos Sainz jr. Seu companheiro de equipe que tem 4 anos de experiência vai largar em 18ºlugar.

Os eliminados foram o Alemão Nico Hulkenberg (Renault), Daniel Ricciardo (Renault), Alexander Albon (Toro Rosso), Antonio Giovinazzi (Alfa Romeo) e Danill Kvyat (Toro Rosso). Hamilton no final do Q2 tomou a liderança de Bottas com 1:21.014.

Classificação do Q2:

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
144Lewis HamiltonMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:21.014
277Valtteri BottasMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:21.193
333Max VerstappenRed Bull RacingRB15Honda RA619H1:21.678
416Charles LeclercFerrariSF90Ferrari 0641:21.739
58Romain GrosjeanHaasVF-19Ferrari 0641:21.870
65Sebastian VettelFerrariSF90Ferrari 0641:21.912
720Kevin MagnussenHaasVF-19Ferrari 0641:22.221
87Kimi RäikkönenAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:22.349
94Lando NorrisMcLarenMCL34Renault E-Tech 191:22.423
1011Sergio PerezRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+1:22.532
1127Nico HulkenbergRenaultR.S.19Renault E-Tech 191:22.562
123Daniel RicciardoRenaultR.S.19Renault E-Tech 191:22.570
1323Alexander AlbonScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H1:22.636
1499Antonio GiovinazziAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:22.714
1526Daniil KvyatScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H1:22.774

No Q3, A Mercedes deixou boquiabertos a todos, Terra arrasada para todos os outros adversários. Na primeira volta de cada piloto, O inglês Lewis Hamilton não esperava que Bottas acabou fazendo o inacreditável tempo de 1:20.598. Hamilton vinha em 2ºlugar, 457 milésimos atrás do companheiro de equipe.  Vettel vinha em 3º a 6 décimos atrás e Leclerc em 4º a 8 décimos. Verstappen em 5ºlugar a mais de 1 segundos atrás do pole position até aquele momento. Romain Grosjean e Kevin Magnussen com a Haas e Lando Norris completavam os 8 pilotos que fizeram a volta na primeira parte da fase final.

Tempo da primeira volta:

posPilotoEquipeChassiMotorTempo
177Valtteri BottasMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:20.598
244Lewis HamiltonMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:21.055
35Sebastian VettelFerrariSF90Ferrari 0641:21.250
416Charles LeclercFerrariSF90Ferrari 0641:21.442
533Max VerstappenRed Bull RacingRB15Honda RA619H1:21.656
68Romain GrosjeanHaasVF-19Ferrari 0641:21.983
720Kevin MagnussenHaasVF-19Ferrari 0641:22.407
84Lando NorrisMcLarenMCL34Renault E-Tech 191:23.198

A 3 minutos e meio do final do treino os pilotos foram para a última tentativa de melhorarem seu tempo. Era a hora de Hamilton melhorar seu tempo ou ver Bottas conquistar a primeira pole position.

Hamilton e Bottas melhoraram as suas parciais, Parecia que a pole iria para as mãos do piloto Finlandês, Mas foi na última parcial é que tudo mudou. Hamilton assumiu a liderança com 1:20.485 enquanto Bottas acabou perdendo tempo no final e marcou apenas 1:20.695. Pela 84ªVez na carreira o pentacampeão do Mundo larga na pole position e pelo que se ver do seu desempenho da Mercedes tudo indica que o inglês é um dos grandes favoritos ao campeonato. Bottas larga em 2ºlugar após um grande treino, vai dividir a primeira fila com Hamilton.

Na segunda fila largam Sebastian Vettel com sua Ferrari e Max Verstappen, que acabou superando a Charles Leclerc. Colocando a Red Bull-Honda na 2ªFila. O piloto Monegasco que chegou a ser o mais rápido no Q1 fica com o 5ºlugar e vai dividir a posição com o Francês Romain Grosjean da equipe Haas.

A equipe Norte-Americana ganhou a primeira batalha pelo meio do pelotão, Já que Kevin Magnussen vai sair na 7ªposição. Ao seu lado, larga o inglês Lando Norris em uma ótima Classificação com a Mclaren que parece mostrar um carro decente para a jovem revelação da Inglaterra brigar já por pontos na corrida de amanhã. Completam os Top 10, O Finlandês Kimi Raikkonen da Alfa Romeo e o Mexicano Sergio Perez, que conseguiu mais do que se imaginava levando a Racing Point ao Q3.

Amanhã, A Partir das 2 da manhã teremos a abertura oficial da Temporada de 2019 do Mundial de Formula 1. GP da Austrália, No circuito de Albert Park, Melbourne abre o campeonato pela 22ªvez. Vamos ver se a Mercedes vai dominar a corrida ou algo pode mudar. (No que eu acho que será difícil pelo que a Mercedes mostrou hoje)

Fotos:

Grid de Largada – GP da Austrália:

posPilotoEquipeChassiMotorTempoVoltasFase
144Lewis HamiltonMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:20.48618Q3
277Valtteri BottasMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:20.59819Q3
35Sebastian VettelFerrariSF90Ferrari 0641:21.19016Q3
433Max VerstappenRed Bull RacingRB15Honda RA619H1:21.32017Q3
516Charles LeclercFerrariSF90Ferrari 0641:21.44217Q3
68Romain GrosjeanHaasVF-19Ferrari 0641:21.82617Q3
720Kevin MagnussenHaasVF-19Ferrari 0641:22.09918Q3
84Lando NorrisMcLarenMCL34Renault E-Tech 191:22.30421Q3
97Kimi RäikkönenAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:22.31417Q3
1011Sergio PerezRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+1:22.78115Q3
1127Nico HulkenbergRenaultR.S.19Renault E-Tech 191:22.56210Q2
123Daniel RicciardoRenaultR.S.19Renault E-Tech 191:22.57012Q2
1323Alexander AlbonScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H1:22.63614Q2
1499Antonio GiovinazziAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:22.71414Q2
1526Daniil KvyatScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H1:22.77413Q2
1618Lance StrollRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+1:23.0176Q1
1710Pierre GaslyRed Bull RacingRB15Honda RA619H1:23.0206Q1
1855Carlos SainzMcLarenMCL34Renault E-Tech 191:23.0846Q1
1963George RussellWilliamsFW42Mercedes M10 EQ Power+1:24.3609Q1
2088Robert KubicaWilliamsFW42Mercedes M10 EQ Power+1:26.0678Q1

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Haas/Williams/Racing Point

Mercedes domina os treinos de Sexta e se coloca como a Grande Favorita em Albert Park

A Mercedes começou muito bem os treinos, Muito bem mesmo com Bottas liderando por uma boa parte do treino e Hamilton liderando o restante do Treino quando ele virou a volta em 1:23.599. Depois vieram Verstappen, Leclerc e Vettel. O Piloto Holandês mostrando força não só do seu carro como da Honda. E depois com Leclerc e Vettel com a Ferrari. Se não tínhamos a certeza de quem dominaria o primeiro dia de treinos depois da primeira sessão, Isso acabou ficando muito claro na segunda sessão de o quanto a Mercedes esta na frente das outras equipes.

Lewis Hamilton foi o mais rápido na segunda sessão de treinamentos Marcando 1:22.600, 48 milésimos mais lento veio seu companheiro de equipe Valtteri Bottas, Ambos fizeram 33 voltas na segunda sessão. A Ferrari na segunda sessão não parece ter jogado todas as cartas na mesa. Vettel ficou em 5º a 873 milésimos de frente para Hamilton e o Monegasco Charles Leclerc ficou o com 9ºtempo, (1.154 segundos acima do tempo mais rápido) Até porque se essa for a força da Ferrari, Então podemos dizer que a equipe italiana é a maior decepção dos últimos anos em temos de expectativa para uma temporada depois dos testes de Pré-Temporada.

Já a Red Bull parece ter começado um final de semana promissor, Pierre Gasly que não figurou entre os 6 primeiros na primeira sessão acabou bem colocado em 4ºlugar. A 42 milésimos atrás de Max Verstappen. Será que a Honda finalmente começou a realmente a achar o caminho para voltar a ser um motor vencedor na categoria? Eu acho que no começo do ano eles estão razoavelmente no mesmo estágio do começo do ano passado e que uma vitória só aconteceria em caso de chuva ou de uma situação muito parecida com que aconteceu no GP da China do ano passado.

Os Desempenhos de Kimi Raikkonen com a Alfa Romeo e Danill Kvyat com a Toro Rosso impressionaram muito na primeira sessão. Eles foram muito bem e mostraram que ambos os carros já demonstram qualidades nesse começo de temporada. Na segunda sessão, A Renault mostrou força com Hulkenberg em 7º e Daniel Ricciardo em 8ºlugar. Isso confirma as expectativas de que a Renault desponta como a 4ªforça do Mundial. Isso se Raikkonen não tiver confirmado a expectativa de que a Alfa Romeo vem muito forte nessa disputa. Pelo menos o Homem de Gelo esta levando a antiga Sauber aos primeiros lugares. Ai é necessário ver se é o carro que é muito bom ou então Raikkonen esta tirando mais do que o carro pode dar, Visto que Antonio Giovinazzi ficou em 11º na primeira sessão e num modesto 15ºlugar na segunda sessão.

Na parte de Baixo, a Williams esta disparada como a pior equipe. Os tempos da equipe Inglesa são pelo menos 1 segundo e meio mais lentos por volta do que o 18ºlugar (Lando Norris nas 2 sessões de Treinamentos) Nem eu mesmo acreditava em um carro tão ruim e tão lento como esse que esta se mostrando o FW42 nesse começo. Se algo não melhorar imediatamente, Não vai existir nenhuma chance de George Russell e Robert Kubica se quer marcar pontos nesse ano, Algo que nunca aconteceu com a equipe de Frank Williams.

A Mclaren e Racing Point parece não ter se dado muito bem hoje, Não conseguiram entrar entre os 10 primeiros nas sessões de Sexta-feira. Porém, acho que ainda podem melhorar o desempenho ou acharem um acerto melhor e brigarem pelo Q3 na Classificação. A Haas conseguiu um bom desempenho e sem dúvida vai estar nessa briga entre os 10 primeiros colocados.

O Mico do dia foi o Tailandês Alexander Albon que apanhou muito nas suas sessões de treinamentos. Na primeira sessão ele quebrou o aerofólio dianteiro em uma batida, Na segunda sessão ele passou reto na grama. Os estreantes na maioria tiveram dificuldades. Na Alfa Romeo, Giovinazzi acabou rodando na 2ªmetade da 2ªsessão. Charles Leclerc a 2 minutos do final acabou rodando e ficando do lado contraio da pista, Mas nada de mais grave tivemos nesse primeiro dia de Treinamentos.

De hoje para amanhã, A meia noite no circuito de Albert Park teremos a 3ªSessão de Treinos Livres. E as 3 da manhã a Classificação para definir o Grid da etapa de abertura do Mundial de Formula 1.

Resultado dos treinos livres – GP da Austrália

1ªSessão

posPilotoEquipeChassiMotorTempoVoltas
144Lewis HamiltonMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:23.59926
25Sebastian VettelFerrariSF90Ferrari 0641:23.63718
316Charles LeclercFerrariSF90Ferrari 0641:23.67318
433Max VerstappenRed Bull RacingRB15Honda RA619H1:23.79222
577Valtteri BottasMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:23.86630
67Kimi RäikkönenAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:24.81618
726Daniil KvyatScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H1:24.83230
810Pierre GaslyRed Bull RacingRB15Honda RA619H1:24.93223
920Kevin MagnussenHaasVF-19Ferrari 0641:24.93424
1027Nico HulkenbergRenaultR.S.19Renault E-Tech 191:25.01511
1199Antonio GiovinazziAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:25.16623
128Romain GrosjeanHaasVF-19Ferrari 0641:25.22418
1323Alexander AlbonScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H1:25.23021
1455Carlos SainzMcLarenMCL34Renault E-Tech 191:25.28519
1518Lance StrollRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+1:25.28826
1611Sergio PerezRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+1:25.49821
173Daniel RicciardoRenaultR.S.19Renault E-Tech 191:25.63416
184Lando NorrisMcLarenMCL34Renault E-Tech 191:25.96631
1988Robert KubicaWilliamsFW42Mercedes M10 EQ Power+1:27.91425
2063George RussellWilliamsFW42Mercedes M10 EQ Power+1:28.74025

2ªSessão

posPilotoEquipeChassiMotorTempoVoltas
144Lewis HamiltonMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:22.60033
277Valtteri BottasMercedesF1 W10 EQ Power+Mercedes M10 EQ Power+1:22.64833
333Max VerstappenRed Bull RacingRB15Honda RA619H1:23.40033
410Pierre GaslyRed Bull RacingRB15Honda RA619H1:23.44231
55Sebastian VettelFerrariSF90Ferrari 0641:23.47335
67Kimi RäikkönenAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:23.57240
727Nico HulkenbergRenaultR.S.19Renault E-Tech 191:23.57437
83Daniel RicciardoRenaultR.S.19Renault E-Tech 191:23.64431
916Charles LeclercFerrariSF90Ferrari 0641:23.75435
108Romain GrosjeanHaasVF-19Ferrari 0641:23.81437
1126Daniil KvyatScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H1:23.93336
1220Kevin MagnussenHaasVF-19Ferrari 0641:23.98827
1318Lance StrollRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+1:24.01138
1455Carlos SainzMcLarenMCL34Renault E-Tech 191:24.13326
1599Antonio GiovinazziAlfa Romeo RacingC38Ferrari 0641:24.29337
1611Sergio PerezRacing PointRP19Mercedes M10 EQ Power+1:24.40134
1723Alexander AlbonScuderia Toro RossoSTR14Honda RA619H1:24.67540
184Lando NorrisMcLarenMCL34Renault E-Tech 191:24.73326
1963George RussellWilliamsFW42Mercedes M10 EQ Power+1:26.45332
2088Robert KubicaWilliamsFW42Mercedes M10 EQ Power+1:26.65533

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Alfa Romeo

Haas muda pintura e vai para a temporada de 2019 de Preto e Dourado inspirada na antiga Lotus

A Equipe Haas foi a grande inovação no layout do carro da temporada de 2019, O Carro branco do ano passado acabou dando lugar para o Preto e Dourado. Tudo devido ao novo patrocinador da equipe – A Rich Energy, Uma empresa de Energéticos assim como a Red Bull. A Equipe Norte-Americana no primeiros dois anos conseguiu alguns bons resultados, Mas não tinha consistência na zona de pontuação. Isso foi conseguido na temporada passada, Assim como seus melhores resultados aconteceram no ano passado.  No caso, O GP da Áustria foi o melhor momento da história: Grosjean foi o 4ºlugar e Magnussen foi o 5ºlugar.

Para esse ano a equipe planeja avançar um pouco mais, A equipe quer ultrapassar os 93 pontos da temporada passada e quem sabe conquistar o primeiro pódio da sua história.

Guenther Steiner, Falou sobre o desempenho da equipe no ano passado e a expectativa para 2019.

O Carro do ano passado, mostrou seu potencial nos testes de pré-temporada e a equipe acabou o ano em 5ºlugar, Isso apenas em seu terceiro ano na Formula 1. O Desempenho do VF-18 impressionou no ano passado e pressionou a equipe para fazer do VF-19 também um carro competitivo.

 “É claro que há pressão, já que nosso carro teve um ótimo desempenho no ano passado. Há então pressão para ter um bom carro este ano. Nós não saberemos até que façamos os testes da pré-temporada. As esperanças são de que possamos ter um carro competitivo, mas é o mesmo que todos os outros. ”

Steiner ainda falou sobre a pintura do carro: Muitas pessoas gostam do novo visual. É uma espécie de novo visual antigo (Principalmente pela equipe Lotus), as cores preta e dourada têm uma história na Fórmula 1, nos anos setenta e oitenta em particular.

Mesmo com as mudanças de regas para esse ano com o objetivo de tornar as corridas mais competitivas Steiner acredita em corridas com mais dificuldade de ultrapassagens: “Acho que ultrapassar ainda será difícil, mesmo com as mudanças de regras. Esses carros não ajudam. Vamos ver como essas últimas mudanças vão resultar na Austrália no próximo mês. ”

Romain Grosjean falou que passou suas férias com sua Família.

Não foi um ano muito bom para Grosjean, Apesar disso ele passou para o Q3 por 16 das 21 corridas .“Eu adoro a qualificação. Eu acho que é um ótimo exercício para conseguir uma boa volta, um bom tempo com os novos pneus, é onde você corre o mais rápido ao longo de um fim de semana. É sempre super bom. Dizendo isso, com essas 16 aparições no Q3, tivemos um carro muito bom no ano passado e ele teve um ótimo desempenho. Espero que possamos tentar bater esse número este ano e melhorar ainda mais na pista. ” … “Eu não acho que seja uma pressão. Eu acho que isso é positivo ter tido uma temporada muito boa no ano passado. Nós crescemos e melhoramos como uma equipe. Sabemos que ainda há áreas em que podemos melhorar, e isso é algo para se esperar. A equipe tem trabalhado muito bem, tivemos uma boa temporada, um bom inverno e muita força em 2019. Estou ansioso para pilotar o novo carro. Espero que possamos repetir ou até melhorar o desempenho do ano anterior. ”

Kevin Magnussen também aproveitou as férias para relaxar e descansar com a Família, Depois do Natal e do ano novo o Dinamarquês começou a treinar novamente. Kevin vive seu melhor momento na Formula 1, Após uma grande temporada aonde ele ficou em 9ºlugar no Mundial de pilotos pontuando em 11 corridas.

 “Para nós, como equipe, queremos avançar a cada ano e melhorar a nós mesmos. Queremos aproveitar a experiência que temos e darmos alguns passos em frente a cada ano. No ano passado, demos um grande passo, muito visível, passando do oitavo lugar para o quinto lugar na Classificação dos construtores . É claro que não estamos esperando avançar três posições na classificação este ano, Mas mesmo que possamos dar um pequeno passo à frente, ficaremos felizes porque continuamos a tendência de crescimento que a equipe tem desde o início .

A Haas desde de 2016 tem parceria Técnica com a Ferrari e o Chassis da equipe que tem sua sede na cidade de Kanapolis é produzido pela Dallara. Isso permite que a Haas possa gastar um menor orçamento e obter bons resultados desde do seu primeiro ano. Lutar pelo 4ºlugar no Munidal de Construtores não é fácil, Mas é possível de Acontecer caso o trabalho que faz a equipe continuar a crescer .

Fotos

Dados técnicos

Chassi: VF-19 – Monocoque composto de Fibra de Carbono
Material da Carroceria: Fibra de Carbono
Suspensões: Independentes, Com Molas de Torção ativadas por Pressão
Amortecedores: ZF Sachs
Direção: Ferrari
Caixa de Câmbio: Ferrari, Semi-Automática, 8 marchas + Marcha reversa
Embreagem: AP Racing (Brembo)
Sistema de frenagem: Freios a disco feitos de Fibra de Carbono, Almofadas e Pinças de 6 pistões
Navegação de informações do Cockpit: Ferrari
Cintos: Sabelt
Volante: Ferrari
Assento do Piloto: Construção em Fibra de Carbono, moldada aos contornos do piloto
Rodas: OZ Racing
Pneus: Pirelli P Zero
Célular de Combustível: ATL
Forneceder de Combustivel e de Lubrificante: Shell
Largura Total: 2.000mm
Motor: Ferrari 064 – Turbo
Capacidade: 1.6 Litros
Cilindros: 6 (4 Válvulas por Cilindro)
Rotações por minuto: 15.000 RPM

Pilotos:

20. Kevin Magnussen (Dinamarca)
8. Romain Grosjean (França)

Patrocinadores: Haas, Rich Energy, Jack & Jones, Peak, BlueDEF, Richard Mille, Alpinestars, Branded

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Haas

Hamilton conquista vitória em Interlagos na Raça e na Sorte, Mercedes é a campeã dos Construtores de 2018

Dia de sol em Interlagos para mais uma corrida no Brasil, Uma das melhores da temporada e uma das mais rápidas e competitivas provas que já foram realizadas no Brasil.

Na largada, Hamilton manteve a liderança com Valtteri Bottas assumindo o segundo lugar passando por fora a Sebastian Vettel. Kimi e Max Verstappen disputaram o 4ºlugar, Com vantagem para o piloto da Ferrari. Nas primeiras curvas, Ericsson que largou em 6ºlugar foi tocado e acabou tendo seu carro danificado, Comprometendo sua corrida.

Na segunda volta um pega pra capar entre os dois pilotos da Renault acaba em choque entre dois pilotos provocado pelo Espanhol, Hulkenberg leva a pior e teve de fazer uma parada nos boxes.

A partir da 3ªVolta, Começou o shjow de Max Verstappen. No S do Senna ele ultrapassou Kimi Raikkonen e ganhou o 4ºlugar. Na Volta seguinte, Na mesma curva, Verstappen se joga pra cima de Vettel bem por dentro e ganha o terceiro lugar e vai para cima de Bottas. Vettel perderia posição para Raikkonen, Após um erro depois da reta oposta.

Quem vinha se recuperando muito bem era Daniel Ricciardo, Que no começo da 5ªVolta já tinha passado Charles Leclerc e assumiu o 6ºlugar.

Verstappen destemido vai para cima de Valtteri Bottas, Apesar do melhor carro, O piloto da Mercedes se segurava pela melhor potência do Motor. Hamilton vinham abrindo 2 segundos de vantagem para Bottas e os demais.

O Companheiro de Lewis Hamilton segurou a pressão até o final da 9ªVolta, foi quando Verstappen se aproximou de Bottas e na reta, indo bem por dentro (Bottas ficou no meio da Pista) e passou para o segundo lugar no S do Senna. Enquanto Verstappen parte para disputar a liderança com Hamilton. Bottas segurava Raikkonen, Vettel e Ricciardo. Os pneus do pilotos da Mercedes estavam ruins e não rendiam mais.

No S do Senna, Raikkonen tentou passar Bottas. Essa curva foi o ponto de ultrapassagem para vários pilotos. Entre eles a Kevin Magnussen que passou Ericsson por fora o piloto da Sauber que não estava em um bom dia (Perdeu outras 3 posições caindo para o 14ºlugar) Essa ultrapassagem deu ao Escandinavo o 10ºlugar.

A diferença entre Hamilton e Verstappen cai para 1.5 segundos. O holandês já estava abrindo 5 segundos de vantagem para Bottas que tinha seus pneus pedindo Água além de segurar Raikkonen após 15 voltas de prova. Na 16ªVolta, Alonso fez sua primeira parada que acabou sendo problemática, É muito triste ver um bicampeão mundial terminar carreira em um carro tão pouco competitivo.

Ferrari na 18ªVolta acabou fazendo um blefe nos boxes, Mas Bottas não poderia blefar, Seus pneus estavam no limite. Na 19ªVolta ele vai para os boxes para fazer sua parada, Colocando os pneus mais duros. Na Volta seguinte, O Líder Lewis Hamilton vai para os boxes. Verstappen passa para o primeiro lugar. Raikkonen, Vettel vinham com os pneus médios em 2º e 3º seguido de Ricciardo com a outra Red Bull em 4º. Hamilton voltou em 6º atrás de Leclerc e de Grosjean. Bottas voltou em 8ºlugar atrás de Magnussen.

Hamilton vinha 18.8 segundos atrás de Verstappen que precisava fazer sua parada nos boxes. Sabendo disso o Jovem Holandês fez a melhor volta da prova na 22ªVolta, Porém Hamilton começou logo em seguida a fazer voltas 7 décimos mais rápido que o líder da prova. Na Volta 24, Hamilton ultrapassa Leclerc e assume o 5ºlugar.

Verstappen abriu 8 segundos de frente para Raikkonen. Vettel era pressionado pelo Ricciardo. Na 27ªVolta, O Vice-campeão do Mundo vai para os Boxes deixando o 3ºlugar para o piloto Australiano. Vettel voltou atrás de Bottas. Ambos passaram pelo Francês Romain Grosjean na 29ª e 31ªVolta.  Enquanto que Alonso e Vandoorne faziam um duelo pelo Vexatório 18ºlugar, Que fase da Mclaren.

Raikkonen parou na 32ªVolta. A Red Bull tem Verstappen em 1º e Ricciardo em 2ºlugar. Raikkonen voltou logo atrás de Vettel que na tática ganhou a posição do seu companheiro de equipe. Verstappen estava a 11 segundos a frente em 1ºlugart. E Já vinha a 20 segundos a frente de Hamilton. Nico Hulkenberg abandona a prova.

Hamilton voltou a andar mais rápido que Verstappen. Tava na cara que ao momento que Verstappen parar para colocar pneus mais novos o piloto da Red Bull iria voar pra cima do Campeão do mundo de 2018.

Na Metade da prova (36ªVolta) parou Max Verstappen para colocar os pneus mais novos. Leclerc parou na mesma volta. Raikkonen ganhou a posição do Vettel, O Homem de Gelo tinha pneus melhores que os pneus do Vettel e passou a atacar Bottas.

Verstappen na 38ªVolta faz a volta mais rápida da corrida e passou a pressionar ao Hamilton. A diferença entre os dois era muito grande. A ultrapassagem aconteceu no começo da 40ªVolta, O Holandês assumiu a liderança, Hamilton não se deu por vencido e tentou dar o troco na reta oposta e por fora. Depois disso Verstappen abriu vantagem na liderança. A Corrida estava nas mãos do piloto da Red Bull.

Bottas segurava Raikkonen na Briga pelo 3ºlugar. Enquanto que Ricciardo pressionava a Vettel na disputa pelo 5ºlugar. Na Volta 43, Ricciardo tenta passar Vettel por fora, O Alemão espalhou no que fez o Australiano recuasse.

Na Volta 44, Raikkonen partiu para a ultrapassagem em cima do Bottas. Quase que ao mesmo tempo, Max Verstappen era atingido por Esteban Ocon quando tomava uma volta do líder. Uma manobra totalmente equivocada do piloto da Force India. Com isso Hamilton assumiu a liderança, 6 Segundos a frente de Max Verstappen que poderia estar com seu desempenho prejudicado e agora precisava tirar essa desvantagem para voltar a disputar a vitória.

Na Volta 46, Ricciardo passou Vettel por fora no S do Senna, levando o 5ºlugar. Sebastian ainda tentou o troco, Mas sem sucesso. Verstappen começou a tirar vantagem para Hamilton, Entre 1 a 2 décimos sobre o líder da prova (Mesmo com os pneus danificados pelo incidente com Ocon).

Daniel Ricciardo foi para cima de Valtteri Bottas, Seus pneus estavam em condições muito melhores do piloto da Mercedes. (Daniel Riccardo parou na volta 40)

No final da 53ªVolta, Vettel vai para a 2ªparada nos boxes, Foi excessivo demais o desgaste do pneus para ele. Volta em 7ºlugat atrás de Charles Leclerc. (Raro de Acontecer um piloto como da Sauber andar na frente de um piloto de equipe grande nessa altura de corrida)

Hamilton estava com os pneus em péssimo estado e segurando como pode para ficar na frente de Verstappen que conseguiu uma vantagem minimamente segura de Raikkonen, Que vinha perto do piloto Holandês. Na Volta 58 (Reta dos Boxes) Vettel ultrapassa Leclerc sem maiores problemas e detona o 6ºlugar do Monegasco. Na volta seguinte, Bottas perde o 4ºlugar para Daniel Ricciardo. Isso faz com que o piloto Finlandês parasse pela segunda vez na volta seguinte.

Nessa altura da prova, Ocon pelo incidente foi punido com um Pênalti de 10 segundos parado nos boxes.

Lewis Hamilton vinha com os problemas de pneus e com certa falta de potência em seu carro, Mas precisava ficar na pista. Uma parada nos boxes significaria a Vitória entregue nas mãos de Verstappen, Que tirava sempre de 1 a 2 décimos por volta. A 8 Voltas do final, Bottas marca a volta mais rápido da corrida, Mas estava a quase 20 segundos atrás de Ricciardo e nada poderia fazer o piloto Finlandês.

Por falar no Australiano, ele partiu para cima de Raikkonen para tentar um pódio após largar do 11ºlugar. Hamilton levou o carro com todas as dificuldades até o final da prova e conquistou a vitória no GP do Brasil pela segunda vez na carreira e conquistou sua vitória 72 da sua carreira na Formula 1. Esta a apenas 19 do recorde de Michael Schumacher.

Uma Vitória conquistada na Raça e com uma boa dose de sorte, Até porque o Campeão dessa temporada não tinha nem equipamento e nem pneus para levar essa. Azar para Max Verstappen. Se tivesse acontecido o incidente que foi provocado pelo Esteban Ocon, Certamente a vitória seria dele. Max não escondeu sua frustração pelo segundo lugar.

Kimi Raikkonen segurou Daniel Ricciardo e levou o 3ºlugar subindo ao pódio. Porém, não foi o bastante para evitar o 5ºtítulo consecutivo da Mercedes no Mundial de Construtores. Com antecipação de uma corrida os Alemães desde de 2014 são a melhor equipe de Formula 1 tanto no campeonato de pilotos como de Construtores.

Daniel Ricciardo largando do 11ºlugar devido a um componente da Unidade de Potência Trocado completou a prova em 4ºlugar em sua penúltima prova pela Red Bull. Valtteri Bottas acabou com a melhor volta da prova e com o 5ºlugar na prova Brasileira e ficou na frente de Sebastian Vettel, Que fez uma prova medíocre.

Ao contraio de seu futuro companheiro de equipe na Ferrari. Charles Leclerc fez brilhante corrida com sua Sauber. Os 6 pontos com o 7ºlugar na corrida colocaram a Sauber não só consolidada como a 8ªcolocada no Mundial de Construtores como deixou ela com chances de passar a Force India Racing Point, na última etapa em Abu Dhabi.

A Haas marcou ponto com seus dois pilotos. Romain Grosjean e Kevin Magnussen ficaram em 8º e 9º com um bom desempenho, O Mexicano Sergio Perez completou a zona de pontuação.

Apesar de ter ficado na 11ªposição, Deve-se dizer que Brendon Hartley fez uma boa corrida, Depois de largar em 16ºlugar. Chegando a Frente de Carlos Sainz jr. com a Renault, que passou Pierre Gasly na última volta garantindo o 12ºlugar. Esteban Ocon teve um final de semana para se esquecer. O Incidente que ele participou influenciou totalmente o Resultado final da corrida. Além de ficar sem vaga para 2019 o que aconteceu no Brasil não vai ajudar em nada a Ele. Pelo Contraio, Sua imagem ficara arranhada pelo infeliz incidente.

Stoffel Vandoorne e Fernando Alonso tomaram punição de 5 segundos no tempo final de prova por terem ignorado bandeira azul. Isso pouco mudou o resultado ruim dos dois. Vandoorne ficou em 15º e Alonso em 17º. Os pilotos da Williams ficaram em 16º com Siroktin e em 18º com Lance Stroll.

No dia 26 teremos a última prova do campeonato Mundial de Formula 1. No Circuito de Abu Dhabi, Nos Emirados Árabes Unidos.

Fotos:

Resultado final da 20ªEtapa do Mundial de Formula 1 – Temporada 2018
GP do Brasil – Interlagos

Pos Piloto Equipe Chassis Motor Voltas Tempo Grid
1 44 Lewis Hamilton Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 71 1:27:09.066 1
2 33 Max Verstappen Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 71 a 1.469s 5
3 7 Kimi Räikkönen Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 71 a 4.764s 4
4 3 Daniel Ricciardo Red Bull Racing RB14 TAG Heuer 71 a 5.193s 11
5 77 Valtteri Bottas Mercedes F1 W09 EQ Power+ Mercedes M09 EQ Power+ 71 a 22.943s 3
6 5 Sebastian Vettel Ferrari SF71H Ferrari 062 EVO 71 a 26.997s 2
7 16 Charles Leclerc Sauber C37 Ferrari 062 EVO 71 a 44.199s 7
8 8 Romain Grosjean Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 71 a 51.230s 8
9 20 Kevin Magnussen Haas VF-18 Ferrari 062 EVO 71 a 52.857s 10
10 11 Sergio Perez Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 70 a 1 volta 12
11 28 Brendon Hartley Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 70 a 1 volta 16
12 55 Carlos Sainz Renault R.S.18 Renault R.E.18 70 a 1 volta 15
13 10 Pierre Gasly Scuderia Toro Rosso STR13 Honda RA618H 70 a 1 volta 9
14 31 Esteban Ocon Force India VJM11 Mercedes M09 EQ Power+ 70 a 1 volta 18
15 2 Stoffel Vandoorne McLaren MCL33 Renault R.E.18 70 a 1 volta 20
16 35 Sergey Sirotkin Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 69 a 2 voltas 14
17 14 Fernando Alonso McLaren MCL33 Renault R.E.18 69 a 2 voltas 17
18 18 Lance Stroll Williams FW41 Mercedes M09 EQ Power+ 69 a 2 voltas 19
27 Nico Hulkenberg Renault R.S.18 Renault R.E.18 32 Superaquecimento 13
9 Marcus Ericsson Sauber C37 Ferrari 062 EVO 20 Acidente 6

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Mercedes/Ferrari/Red Bull/Force India/Sauber/Haas