Argentinos massacraram a concorrência no 5ºdia dos Quadriciclos

Mais um dia de massacre Argentino nesse 5ºestágio do Dakar, Que acabou com a vitória do líder na Geral Nicolas Cavigliasso que se mostra cada vez mais e mais favorito ao título de 2019 nos Quadriciclos.

Nicolas Cavigliasso partiu na liderança, Com 48 segundos a frente de Gustavo Gallego que abre apenas 3 segundos de frente para Manuel Andujar. O trio argentino vinha a frente de Alexandre Giroud. O único europeu que conseguia ser competitivo a altura dos pilotos Argentinos. Santiago Hansen e Jeremias Ferioli completavam os 6 primeiros colocados. Muito longe deles vinha Emilio Choy em 7º (6 minutos e 19 segundos atrás) e Mattarucco em 8ºlugar.

No 2ºSetor, Gavigliasso aumentou sua vantagem para 1 minuto e 7 segundos a frente de Manuel Andujar. Alexandre Giroud da França vinha a 8 segundos atrás de Andujar e 3 segundos a frente de Jeremias Gonzales Ferioli. Aliás do 4º para o 8ºlugar só tinha Argentino: Gustavo Gallego e Santiago Hansen vinha disputando o 5ºlugar, 1 segundo atrás. Gaston Ariel Mattarucco vinha em 7º e Julio Estanguet em 8ºlugar, Com vantagem de apenas 6 segundos do Polonês Kamil Wisniewski. Luis Barahona completava os 10 primeiros lugares.

No WP3, Nicolas Cavigliasso continuava a liderar com 1 minuto e 51 segundos de frente para Andujar. O terceiro lugar continua sendo de Alexandre Giroud da França. Sem qualquer mudança nas outras posições. Só salientar que os 6 primeiros lugares completados por Ferioli, Gallego e Hansen vinham separados por apenas 3 minutos e 7 segundos.

No 4ºsetor da prova, Ficou escancarado o total domínio dos Argentinos. Os 6 primeiros colocados estavam nas mãos deles. Nicolas Cavigliasso abriu 3 minutos e 59 segundos para Gustavo Gallego. Em terceiro lugar era Santiago Hansen vinha disputando essa posição com Jeremias Gonzalez Ferioli. Andujar e Mattarucco completava o domínio dos Argentinos. O Francês Alexandre Girold caiu do 3º para o 7ºlugar, Kamil Wisniewski, Luis Barahona e Julio Estanguet completava os 10 primeiros lugares.

No 5ºSetor, Cavigliasso aumenta a liderança para 6 minutos e 41 segundos sobre Jeremias Ferioli, que passou do 4º para o segundo lugar. Superados pelo vice-líder na Geral estavam os pilotos Gustavo Gallego e Santiago Hansen separados por 32 segundos.

Manuel Andujar completa os 5 primeiros lugares. Giroud superou Mattarucco ganhando o 6ºlugar. Wisniewski, Barahona e Estanguet mantiveram suas posições ao final do Estágio.

Cavigliasso não só manteve a ponta como ampliou sua vantagem para Jeremias Gonzalez Ferioli e acabou conquistando a vitória de número 4 em 5 etapas do Dakar em 2019. Se nada acontecer até o final. Ele é um seríssimo candidato a vitória na Geral. 14 minutos e 27 segundos depois chegou Jeremias Gonzalez Ferioli. Gustavo Gallego chegou em 3ºlugar. Completando o Massacre Argentino chegaram Santiago Hansen e Manuel Andujar.

O primeiro não Argentino foi o Francês Alexandre Girold, Com 52 minutos e 54 segundos atrás do Vencedor, Mas longe ainda Kamil Wisniewski chegou em 7ºlugar a 1 hora, 20 minutos e 39 segundos. Emilio Choy, Luis Barahona e Martin Sarquiz fecharam os Top 10.

Resultado final da 5ªEtapa do Dakar – Quadriciclos

pospilotoPaisEquipeVeiculoTempo
1240Nicolas CavigliassoArgentinaDrag’on Rally TeamYamaha YFM700R05H 08′ 11”
2241Jeremias Gonzalez FerioliArgentinaFerioli Racing TeamYamaha Raptor 700+ 00H 14′ 27”
3257Gustavo GallegoArgentinaGustavo Gallego CompeticionYamaha Raptor 700+ 00H 16′ 07”
4264Santiago HansenArgentinaNosiglia SportHonda TRX700XX+ 00H 22′ 33”
5273Manuel AndujarArgentina7240 TeamYamaha Raptor 700+ 00H 27′ 47”
6250Alexandre GiroudFrançaTeam GiroudYamaha YFZ 700+ 00H 52′ 54”
7255Kamil WisniewskiPolôniaKamil WisniewskiCAN-AM Renegade 850XXC+ 01H 20′ 39”
8262Emilio ChoyPeruECM Racing TeamYamaha Raptor 700+ 01H 43′ 34”
9269Luis BarahonaChileLB Rally AnofagastaYamaha Raptor 700+ 01H 51′ 59”
10254Martin SarquizArgentinaDKR TeamCAN-AM 800 R+ 01H 54′ 13”

Classificação Geral

pospilotoPaisEquipeVeiculoTempo
1240Nicolas CavigliassoArgentinaDrag’on Rally TeamYamaha YFM700R20H 57′ 30”
2241Jeremias Gonzalez FerioliArgentinaFerioli Racing TeamYamaha Raptor 700+ 00H 49′ 30”
3257Gustavo GallegoArgentinaGustavo Gallego CompeticionYamaha Raptor 700+ 01H 05′ 26”
4250Alexandre GiroudFrançaTeam GiroudYamaha YFZ 700+ 02H 01′ 53”
5264Santiago HansenArgentinaNosiglia SportHonda TRX700XX+ 02H 41′ 15”
6255Kamil WisniewskiPolôniaKamil WisniewskiCAN-AM Renegade 850XXC+ 04H 29′ 46”
7273Manuel AndujarArgentina7240 TeamYamaha Raptor 700+ 05H 31′ 59”
8260Kamil WisniewskiPolôniaKamil WisniewskiCAN-AM Renegade 850XXC+ 05H 32′ 08”
9254Martin SarquizArgentinaDKR TeamCAN-AM 800 R+ 05H 35′ 26”
10269Luis BarahonaChileLB Rally AnofagastaYamaha Raptor 700+ 05H 42′ 18”

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Nicolas Cavigliasso sobrou no 2ºdia e conquista segunda vitória no Dakar

Os pilotos da categoria Quadriciclos saíram a partir das 9 e 36 da manhã com o vencedor da primeira etapa: Nicolas Cavigliasso, Os 26 pilotos estavam na disputa. A Vitória ficou com o próprio piloto Argentino, Sobrou na Turma abrindo cada vez mais e mais vantagem para os demais pilotos.

No primeiro estágio, O Argentino Manuel Andujar, Supreendeu e passou a liderança, Com uma boa vantagem inicial de 1 minuto e 54 segundos de frente para Nicolas Cavigliasso que estava em 2º. Em terceiro vinha o Chileno Italo Pedemonte da Yamaha. Os franceses Sebastian Souday e Alexandre Giroud completavam os Top 5. Gustavo Gallego vinha em 6ºlugar, A 5 minutos e 6 segundos dos líderes. Quem começou mal era Jeremias Feroli que perdeu 19 minutos e 16 com relação ao Líder e estava em 25º e penúltimo lugar.

No segundo estágio, Andujar continuava na frente com praticamente a mesma vantagem para Nicolas Cavigliasso (Tirou 6 segundos de Manuel Andujar, que vinha a 1 minuto e 48 segundos do líder) Italo Pedemonte continuava em 3ºlugar. Porém, estava pressionado pelo Francês Alexandre Giroud que vinha 18 segundos atrás do Chileno. Gustavo Gallego passou para o 5ºlugar, 5 segundos a frente de Sebastian Souday.

Tomas Kubiena da Ibos Hawk vinha em 7º, O Tcheco estava 8 minutos e 19 segundos atrás do líder. Axel Dutrie, Giorgio Enrico e Walter Nosiglia completavam os 10 primeiros colocados. Jeremias Gonzalez Ferioli vinha em 21ºlugar, A 21 minutos e 31 segundos.

Nicolas Cavigliasso acabou com a brincadeira, No 3ºSetor de Cronometragem O vice-campeão de 2018 assumiu a liderança. E não foi por pouco não, ele abriu 4 minutos e 37 segundos a frente do também Argentino Gustavo Gallego. Esse estava com 13 segundos de frente para Alexandre Giroud que vinha em terceiro e 19 segundos a frente de Sebastian Souday, O Quarto colocado da prova. Italo Pedemonte acabou caindo do 3º para o 5ºlugar, A 5 minutos e 15 segundos atrás da liderança.

Tomas Kubiena subiu do 7º para o 6ºlugar, 7 minutos e 5 segundos da liderança. Axel Dutrie vinha em 7º, Giorgio Enrico, Walter Nosiglia e Nelson Augusto Sanabria completava os 10 primeiros colocados. Jeremias Ferioli sobe e se recupera e vinha em 17ºlugar, 20 minutos e 32 segundos atrás de Cavigliasso.

No 4ªSetor, Cavigliasso aumenta ainda mais sua vantagem para 7 minutos e 2 segundos de frente para o Francês Sebastian Souday, Que disputava posição com o seu compatriota Alexandre Giroud, Que estava a 10 segundos atrás, Em 3ºlugar. Gustavo Gallego vinha em 4º e o Tcheco Tomas Kubiena da Ibos Hawk completava as 5 primeiras posições.

Italo Pedemonte continuava a perder posições, Com 9 minutos e 22 segundos ele estava em 6ºlugar, Bem a frente de Giorgio Enrico, (Com 14 minutos e 43 segundos atrás de Cavigliasso) 2 segundos atrás em 8ºlugar vinha o francês Axel Dutrie. Barahona e Ferioli (Em bonita recuperação) Completavam os 10 primeiros lugares.

Cavigiasso aumentou para 10 minutos a sua vantagem na liderança, O Seus mais próximos seguidores eram os Franceses Sebastian Souday em 2º, 35 segundos a frente de Alexandre Giroud que vinha em 3º. A briga pelo 2ºlugar também envolvia: Gustavo Gallego em 4ºlugar, Italo Pedemonte em 5º e Tomas Kubiena em 6ºlugar. Todos eles separados por apenas 2 minutos e 41 segundos.

Giorgio Enrico vinha mais longe, A 18 minutos e 19 segundos em 7º, Mais longe ainda vinha Jeremias Gonzalez Ferioli que vinha em 8ºlugar, Mas a 25 minutos e 37 segundos atrás do seu mais temível rival na disputa pelo campeonato. Barahona e Walter Nosiglia completavam os Top 10 do WP5.

No WP6, Cavigliasso aumenta ainda mais a sua liderança, O Argentino sobrava na turma. Enquanto isso: Alexandre Giroud (a 12 minutos e 3 segundos), Gustavo Gallego (a 12 minutos e 34) e Italo Pedemonte (a 12 minutos e 51 segundos) disputavam o 2ºlugar. Sebastian Souday acabou caindo 3 posições perdendo 4 minutos e ficando um pouco mais para o Tcheco Tomas Kubiena da Ibos Hawk, Numa possível disputa do 5ºlugar.

Giovanni Enrico vinha em 7ºlugar, Com longos 20 minutos e 27 segundos atrás do Líder. Fazendo uma boa prova. Gonzalez Ferioli, Barahona e Walter Nosiglia completava os 10 primeiros.

Cavigliasso a partir dos últimos setores começou a administrar a sua vitória, Mesmo assim acabou ganhando mais alguns segundos de vantagem para Giroud que vinha em 2º com uma pequena vantagem sobre o Argentino Gustavo Gallego. Sebastian Souday recuperou posição de Pedemonte por uma diferença de 21 segundos.

Tomas Kubiena manteve a 6ªposição, Com Enrico a quase 5 minutos atrás do Tcheco em 7ºlugar. O Argentino Jeremias Gonzalez Ferioli vinha a 26 minutos e 59 segundos atrás da liderança vinha em 8ºlugar. Luis Barahona e Walter Nosiglia continuavam completando os 10 primeiros colocados.

Nicolas Cavigliasso conquistou a vitória, depois de 4 horas de disputa dura para os outros, Mas muito fácil para o Argentino que ganhou com tranquilos 11 minutos e 18 segundos a frente do Argentino Gustavo Gallego que acabou superando em muito o Francês Alexandre Giroud que ficou 8 minutos atrás em 3ºlugar. 16 segundos depois acabou o Chileno Giovanni Enrico.

Depois da Quadra da Yamaha completou os Top 5 o Tcheco Tomas Kubiena com o Quadriciclos da Ibos Hawk, 22 minutos e 22 segundos. O sexto Lugar ficou com Jeremias Gonzalez Ferioli, 27 minutos e 41 segundos atrás. Isso não é muito bom para Ele, Visto que seu rival se distancia muito na disputa pelo título.

Manuel Andujar, Martin Sarquiz com o melhor CAN-AM do dia, Walter Nosiglia com a Honda e Nelson Sanabria completaram os 10 primeiros lugares. Axel Dutrie abandonou a disputa com problemas mecânicos.

Resultado final da 2ªEtapa

pospilotoPaísEquipeVeiculoTempo
1240Nicolas CavigliassoArgentinaDrag’on Rally TeamYamaha YFM700R04H 22′ 10”
2257Gustavo GallegoArgentinaGustavo Gallego CompeticionYamaha Raptor 700+ 00H 11′ 18”
3250Alexandre GiroudFrançaTeam GiroudYamaha YFZ 700+ 00H 19′ 21”
4270Giovanni EnricoChileEnrico Racing TeamYamaha Raptor+ 00H 19′ 37”
5253Tomas KubienaRepública TchecaMoto Racing Group (MRG)IBOS Hawk 690+ 00H 22′ 22”
6241Jeremias Gonzalez FerioliArgentinaFerioli Racing TeamYamaha Raptor 700+ 00H 27′ 41”
7273Manuel AndujarArgentina7240 TeamYamaha Raptor 700+ 00H 29′ 39”
8254Martin SarquizArgentinaDKR TeamCAN-AM 800 R+ 00H 44′ 40”
9258Walter NosigliaBolíviaNosiglia SportHonda TRX700XX+ 00H 46′ 16”
10245Nelson Augusto SanabriaParaguaiDrag’on Rally TeamYamaha YFM700R+ 00H 48′ 46”

Texto: Deivison da Conceição da Silva