Fotos MotoGP MotoGP 2017 Motos Motovelocidade Mundial de Motovelocidade

Marc Marquez conquista 8ªVitória seguida em Sashenring. Folger conquista brilhante 2ºlugar na sua casa

Published by:

O Espanhol Marc Marquez conquistou pela 8ªVez seguida conquistou a vitória no circuito alemão de Saschering e de quebra termina a primeira parte do campeonato na liderança. Superando a Marevick Viñales, Valentino Rossi e Andrea Dovizioso que começou o final de semana na liderança do Mundial.

Na largada Marquez manteve a liderança com Pedrosa em 2º, Quem largou bem foi Jorge Lorenzo que pulou do 6º para o 3ºlugar. Petrucci que largou em 2º perdeu 3 posições caindo para o 5ºlugar. Hector Barbera foi punido por ter queimado a largada, Mas o piloto da Avintia acabou ignorando a obrigação de pagar a punição, O espanhol levou bandeira preta e foi eliminado da corrida.

Jonas Folger começou a se destacar com sua Tech 3. Passou na terceira volta Jorge Lorenzo e começou a acompanhar os pilotos da Repsol Honda enquanto que o Piloto Oficial da Ducati que perdeu uma posição para Petrucci da Pramac estavam ficando para Valentino Rossi que vinha se sustentando em 6ºlugar na frente de Crutchlow, Aleix Espargaró e do líder do campeonato Andrea Dovizioso.

Folger não queria só acompanhar os pilotos da Honda, na 5ªVolta o piloto Alemão ultrapassou Dani Pedrosa tomando o segundo lugar e partiu para cima da Formiga Atômica querendo a liderança e a primeira vitória da carreira. Na Volta seguinte Folger passa Marquez assumindo a 1ªposição.

Enquanto isso Petrucci seguia em 4ºlugar com Rossi e Dovizioso que já vinha em 6ºlugar na sua cola. O italiano na volta 10 passou Rossi assumindo o 5ºlugar, Mas logo Valentino deu o troco e passou Petrucci e Dovizioso de uma vez assumindo o 4ºlugar, Quem foi escalado foi Danilo Petrucci que caiu para o 6ºlugar. Já Jorge Lorenzo já estava em 8ºlugar perdendo posição para Aleix Espargaró.

Enquanto isso Jonas Folger errou a curva e Marquez aproveitou essa falta do piloto Alemão e voltou a 1ªposição. A parir dai Folger passou a seguir o líder tentando uma chance de retornar a liderança enquanto que Pedrosa começava aos poucos a ficar mais afastado dessa briga. Lorenzo lá atrás sentia as consequências de uma aposta errada na escolha dos pneus. Ele optou por pneus mais macios e com o maior desgaste desses pneus acabou caindo para o 10ºlugar.

Em Recuperação Marevick Viñales já na 6ªposição partiu para cima de Andrea Dovizioso em confronto direito pelo campeonato e de Valentino Rossi que também estava disputando diretamente o título. Dovi chegou a assumir o 4ºlugar, Mas logo Rossi tratou de recuperar a posição e na volta seguinte (19) Viñales passa o piloto da Ducati e sobe para a 5ªposição. Mais atrás se Lorenzo sofria com os pneus mais desgastados o Italiano Danilo Petrucci estava pior ainda. O piloto da Pramac Despencou para o 12ºlugar após ter largado na 2ªposição. Outro que vinha em grande corrida era Alvaro Bautista que já vinha com a moto Ducati de 2016 na 7ªposição.

Andrea Iannone que vinha querendo tomar o 10ºlugar de Lorenzo que vinha com desempenho ruim acabou continuando com a sua sina de cair de novo e de deixar a corrida (Como faz falta Viñales) Marquez na parte final da prova se livrou de Folger e abriu diferença sobre o piloto da Casa. O piloto Espanhol conquistou a 8ªVitória seguida e a 8ªVitória em 10 corridas realizadas pelo tricampeão do mundo que termina a metade do campeonato na liderança do campeonato.

Jonas Folger em brilhante corrida (Sua melhor na MotoGP) conquista o seu primeiro pódio na categoria com a Tech 3 Yamaha que esta madurando uma vitória para o time Francês. Dani Pedrosa completou o pódio na terceira posição e ainda mantem esperanças de entrar na disputa pelo título mesmo a um pouco mais de 1 vitória de desvantagem do seu companheiro de equipe Marc Marquez.

Marevick Viñales superou a Valentino Rossi no final da corrida chegando na 4ªposição ficando na vice-liderança do campeonato. Rossi esta em 4ºlugar no mundial de motovelocidade.

Andrea Dovizioso que era o líder do campeonato acabou fazendo uma corrida lutadora, Mas o seu rendimento não foi o bastante para obter um bom resultado. O piloto da Ducati foi superado na parte final pelo Alvaro Bautista que foi o melhor piloto da Ducati com a Moto de 2016 da Aspar Martinez na 6ªposição e de Aleix Espargaró que levou a Aprilla a uma boa 7ªposição. Dovi com o 8ºlugar perdeu a liderança do campeonato para Marquez e esta em 3ºlugar a um ponto atrás de Viñales.

Johann Zarco em um final de semana fraco acabou reagindo no final ficando em 9ºlugar, Na frente de Cal Crutchlow que completou os Top 10. Jorge Lorenzo que arriscou em usar pneus mais macios e acabou não se dando bem ficando apenas em 11ºlugar. Pior ficou para o Italiano Danilo Petrucci que largou na primeira fila em um ótimo treino acabou fazendo uma corrida muito ruim ficando apenas em 12ºlugar. Um balde de Água fria para o piloto da Pramac.

Pol Espargaró apesar de ter caído na corrida ainda assim ficou em uma boa 13ªposição com a KTM que apesar da melhora visível em treinamentos ainda tem deficiência nas corridas quando melhores motos em termos de consistência de rendimento em uma corrida. Bradley Smith de KTM e Jack Miller com a Marc VDS fecha a zona de pontuação. Mika Kallio que correu nessa corrida na Alemanha bateu na trave ficando em 16ºlugar.

Final de semana deprimente de Scott Redding que largou na penúltima posição e acabou a corrida sem qualquer destaque 20ªposição a frente apenas de Alex Rins da Suzuki. A MotoGP vai para as férias e só volta dia 6 de Agosto com a 10ªetapa no circuito Tcheco de Brno. Até lá, Marc Marquez pode ir para as férias de verão no Topo do Mundial de Motovelocidade.

Resultado final do GP da Alemanha do Mundial de Motovelocidade
Saschering – 30 Voltas

Pos Piloto Equipe Moto Tempo Grid
1 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda RC213V 40’59.525 1
2 94 Jonas Folger Monster Yamaha Tech 3 Yamaha YZR-M1 3.310 5
3 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda RC213V 11.546 3
4 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha YZR-M1 14.253 11
5 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha YZR-M1 14.980 9
6 19 Alvaro Bautista Pull&Bear Aspar Team Ducati Desmosedici GP16 16.534 12
7 41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia RS-GP 19.736 8
8 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati Desmosedici GP17 20.188 10
9 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha YZR-M1 21.138 19
10 35 Cal Crutchlow LCR Honda Honda RC213V 24.210 4
11 99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati Desmosedici GP17 25.659 6
12 9 Danilo Petrucci OCTO Pramac Racing Ducati Desmosedici GP17 31.540 12
13 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 32.179 7
14 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 36.453 15
15 43 Jack Miller EG 0,0 Marc VDS Honda RC213V 37.771 13
16 36 Mika Kallio Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 37.852 17
17 17 Karel Abraham Pull&Bear Aspar Team Ducati Desmosedici GP15 39.323 20
18 53 Tito Rabat EG 0,0 Marc VDS Honda RC213V 41.190 24
19 76 Loris Baz Reale Avintia Racing Ducati Desmosedici GP15 59.850 14
20 45 Scott Redding OCTO Pramac Racing Ducati Desmosedici GP16 1’01.664 23
21 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki GSX-RR 1’01.695 22
29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki GSX-RR 6 Voltas 16
22 Sam Lowes Aprilia Racing Team Gresini Aprilia RS-GP 18 Voltas 21
8 Hector Barbera Reale Avintia Racing Ducati Desmosedici GP16 Desclassificado 18

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Automobilismo Internacional Automobilismo Nacional Divulgação Fotos Mercedes Challenge Mercedes-Benz Challenge

MB Challenge: José Vitte vence na CLA/AMG Master em Curitiba A

Published by:

O paulista José Vitte terminou na terceira colocação da terceira etapa da Mercedes-Benz Challenge no Autódromo Internacional de Curitiba. Já no início da prova ele mostrou que veio para brigar pelas primeiras posições, fez uma excelente largada pulando da quinta para a segunda posição antes da primeira curva. Durante toda a corrida ele se mostrou super competitivo sem se desgarrar do pelotão da frente. Na categoria CLA/AMG Master ele foi o vencedor da prova.

Vitte comemora o fim de semana de bons resultados em Curitiba. “Foi muito bom o final de semana, começamos com um pequeno problema na sexta-feira, mas organizamos o carro para o sábado e demos mais um tapinha para a corrida, mas o saldo do fim de semana foi ótimo”, ressalta. Após a boa apresentação em no circuito paranaense o piloto permanece na quarta colocação no campeonato da CLA/AMG e se aproxima do líder na CLA/AMG Master. “Estou bastante empolgado, pois encostamos no líder da Master, enfim foi um fim de semana fantástico”, avalia Vitte.

A meta agora é se prepara para manter os bons resultados na próxima etapa no Autódromo Vello Città, em São Paulo. “Hoje eu só tenho que agradecer a equipe, os preparadores e todos que ajudaram e torceram para essa prova aqui em Curitiba”, finaliza Vittte.

José Vitte conta com o patrocínio da Comark Mercedes, Da_natu Sucos Naturais, Carbon Blindados.

Schaefer Assessoria

Fotos: Claudio Kolodiziej

 
Fernando Silva – Administrador
Fone: (51) 9363 -1334
          (51) 3365 – 6843
 
Leila Schaefer – Jornalista
Fone: (51) 9981 1623
Fotos Moto 2 Moto 2 - 2017 Motos Motovelocidade Mundial de Motovelocidade

Morbidelli vence na Alemanha e dispara na liderança do Campeonato com quedas de Luthi e Marquez

Published by:

Franco Morbidelli teve um domingo ideal na Alemanha. Além de conseguir a 6ªVitória da temporada e de quebra o ítalo-brasileiro viu seus principais rivais da briga no campeonato caírem.

Mas se pensa que o piloto da Marc VDS teve uma vitória fácil e tranquila. Se enganou, Nada foi fácil para Morbidelli que na largada perdeu a liderança para Alex Marquez caindo para o 2ºlugar. Sandro Cortese e Thomas Luthi seguiam os pilotos da Marc VDS em 3º e 4ºlugares.

Thomas Luthi que largou em 7ºlugar começou com a corrida ligado em 330 volts passando Cortese, Morbidelli e Marquez assumindo a primeira posição. Logo depois de uma 1 volta Morbidelli passou Marquez assumindo o segundo lugar. Na 3ªVolta o estreante  Hector Ganzo e o Italiano Andrea Locatelli caíram e deixaram a corrida. No começo da 5ªVolta o terceiro lugar do campeonato Alex Marquez acabou caindo e saindo também da prova.

Enquanto Franco Morbidelli partiu para disputar a liderança que estava nas mãos do Suíço Thomas Luthi, O Alemão Sandro Cortese começava a ficar para Simone Corsi, Mattia Pasini e Francesco Bagnaia. Era evidente que o rendimento de Cortese não era tão bom para disputar os primeiros lugares.

Franco Morbidelli foi a caça de Luthi e no final da volta 9 o Piloto da Marc VDS passou o suíço e assumiu a liderança. Luthi tentou recuperar a liderança e estava acompanhando Morbidelli até que no final da 12ªVolta Luthi acabou caindo e deixando a corrida que praticamente ficou nas mãos do líder do campeonato que com seus dois adversários no campeonato de fora da disputa e vencendo poderia o Ítalo-Brasileiro disparar na liderança.

Mas Morbidelli não teria moleza já que o Português Miguel Oliveira já estava em 2ºlugar e volta após volta tirou os 3 segundos de diferença e demonstrava mais desempenho que o piloto da Marc VDS. Logo Oliveira chegou em Morbidelli a 10 voltas para o termino da prova. Mais atrás Simone Corsi, Francesco Bagnaia e Mattia Pasini disputavam a 3ªposição. Cortese perderia posições para Jorge Navarro que vem cada corrida melhor com sua moto da Gresini e para o sul-africano Brad Binder que parece pegar a mão dessa Moto e dessa categoria cada vez mais.

A primeira impressão é que Oliveira com sua KTM iria passar de cara pelo Franco Morbidelli, Mas acabou que o piloto da Marc VDS conseguiu resistir os ataques do piloto Português por muito tempo até que na parte final da prova a 2 voltas do final Miguel Oliveira dá o bote nas últimas curvas do circuito e assumiu a liderança. Morbidelli acabou reagindo bem rápido a essa ultrapassagem. Ele só tinha uma chance e na entrada da volta final o piloto da Marc VDS passou o piloto da KTM que poderia ter vencido a 1ªcorrida na moto 2.

No final a vitória pela 6ªVez na temporada termina nas mãos de Franco Morbidelli que dispara na liderança do campeonato chegando a 66 milésimos na frente de Miguel Oliveira levando mais uma vez a KTM para a segunda posição nessa temporada. Na parte final de prova Simone Corsi tentou resistir aos ataques de Francesco Bagnaia, Mas não obteve sucesso nessa disputa que durou até poucas voltas do final. Depois disso  o piloto da Sky Racing Team se aproximou dos lideres , Mas acabou não dando tempo na disputa pela vitória. Bagnaia ficou em 3ºlugar voltando ao pódio depois de algumas corridas não muito boa deixando Simone Corsi que fez uma bela corrida com sua moto da Speed UP na 4ªposição.

Mattia Pasini da Italtrans Racing Team ficou em 5ºlugar. A diferença entre os 5 primeiros colocados foi de 1.3 segundos. Jorge Navarro da Gresini fez sua melhor corrida na Moto 2. O 6ºlugar de hoje só confirma que vem em constante melhora desde do começo do ano, Assim como Brad Binder que vem melhorando desde do começo da temporada e hoje com a KTM conquistou seu melhor resultado de 2017.

Sandro Cortese não teve ritmo de corrida para ficar nos primeiros lugares, Mas pelo menos conseguiu um honroso 8ºlugar 2 segundos na frente do seu companheiro de equipe da Dynavolt Intact GP Marcel Schrotter que concluiu a prova em 9º. Takaaki Nakagami saiu do 23ºlugar para completar a corrida nos Top 10 em uma bela corrida de recuperação do piloto da Honda Asia Team.

Essa prova marca também pela primeira vez o Italiano Stefano Manzi na zona de pontuação com o 15ºlugar obtido por ele hoje. Férias para a Motovelocidade. Os pilotos voltam no dia 6 de Agosto  em Brno na República Tcheca. Até lá, Franco Morbidelli vai para as férias como o líder da Moto 2 e como o piloto a ser batido.

Resultado final do GP da Alemanha – Mundial de Motovelocidade
Moto 2 – Saschering – 29 voltas

Pos Piloto Equipe Moto Tempo Grid
1 21 Franco Morbidelli EG 0,0 Marc VDS Kalex Moto2 41’05.137 1
2 44 Miguel Oliveira Red Bull KTM Ajo KTM Moto2 0.066 6
3 42 Francesco Bagnaia SKY Racing Team VR46 Kalex Moto2 0.574 10
4 24 Simone Corsi Speed Up Racing Speed Up SF7 0.749 8
5 54 Mattia Pasini Italtrans Racing Team Kalex Moto2 1.300 4
6 9 Jorge Navarro Federal Oil Gresini Moto2 Kalex Moto2 8.958 16
7 41 Brad Binder Red Bull KTM Ajo KTM Moto2 9.204 19
8 11 Sandro Cortese Dynavolt Intact GP Suter MMX2 15.099 3
9 23 Marcel Schrotter Dynavolt Intact GP Suter MMX2 17.875 12
10 30 Takaaki Nakagami IDEMITSU Honda Team Asia Kalex Moto2 19.291 23
11 55 Hafizh Syahrin Petronas Raceline Malaysia Kalex Moto2 20.767 11
12 87 Remy Gardner Tech 3 Racing Tech 3 Mistral 610 21.533 13
13 40 Fabio Quartararo Pons HP40 Kalex Moto2 24.635 9
14 19 Xavier Simeon Tasca Racing Scuderia Moto2 Kalex Moto2 27.357 18
15 62 Stefano Manzi SKY Racing Team VR46 Kalex Moto2 27.411 25
16 2 Jesko Raffin Garage Plus Interwetten Kalex Moto2 37.620 24
17 68 Yonny Hernandez AGR Team Kalex Moto2 44.500 21
18 45 Tetsuta Nagashima Teluru SAG Team Kalex Moto2 44.556 14
19 57 Edgar Pons Pons HP40 Kalex Moto2 48.711 20
20 89 Khairul Idham Pawi IDEMITSU Honda Team Asia Kalex Moto2 49.534 30
21 27 Iker Lecuona Garage Plus Interwetten Kalex Moto2 52.511 28
22 32 Isaac Vinales BE-A-VIP SAG Team Kalex Moto2 1’04.259 27
23 6 Tarran Mackenzie Kiefer Racing Suter MMX2 1’12.905 26
24 22 Federico Fuligni Forward Racing Team Kalex Moto2 1’18.109 29
12 Thomas Luthi CarXpert Interwetten Kalex Moto2 18 Voltas 7
77 Dominique Aegerter Kiefer Racing Suter MMX2 22 Voltas 15
73 Alex Marquez EG 0,0 Marc VDS Kalex Moto2 25 Voltas 2
14 Hector Garzo Tech 3 Racing Tech 3 Mistral 610 27 Voltas 5
5 Andrea Locatelli Italtrans Racing Team Kalex Moto2 27 Voltas 22
37 Augusto Fernandez Speed Up Racing Speed Up SF7 Desclassificado 17

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Fotos Moto 3 Moto 3 - 2017 Motos Motovelocidade Mundial de Motovelocidade

Joan Mir conquista 5ªvitória na temporada e Ramirez conquista primeiro pódio da carreira

Published by:

O Campeão do primeiro turno, O Espanhol Joan Mir conquistou a vitória agora a pouco em Saschering na etapa alemã do Mundial de Motovelocidade. Apos as últimas corridas que tiveram disputas com mais de 10 pilotos disputando os primeiros lugares dessa vez foi diferente.

Na largada Mir foi para o ataque em cima de Canet e assumiu a liderança em cima do pole position que começou uma queda livre na classificação enquanto que Mir estava na frente, Mas isso não iria durar por muitas curvas já que Marcos Ramirez assumiu a primeira posição. Na segunda volta Mir recuperou a ponta, Porem Romano Fenati entrou nessa disputa e assumiu a liderança sendo o terceiro a liderar em menos de 2 voltas completadas. Com o passar das voltas Mir, Fenati, Ramirez, Bulega e Arbolino se separaram do restante da turma formando o primeiro pelotão. Enquanto isso Aron Canet vinha em 6ºlugar, Mas continuando no processo de queda na corrida.

Ramirez, Mir e Fenati estavam se revezando na liderança enquanto que Bulega e Arborino disputavam a 4ºposicao esperando o que iria acontecer na disputa dos 3 primeiros colocados. Mais atrás Phillip Oettl tentava uma fuga dos demais pilotos do 2ºbloco.

Em determinado momento da corrida Fenati e Mir conseguiram se estabelecer por algumas voltas na liderança da prova. Nicolo Bulega chegou por uma volta a ficar no 3ºlugar superando o piloto da Platinum Bay (Ramirez)

Aron Canet que vinha fora dos 10 primeiros colocados cai e abandona a corrida, Deixando a vida de Mir e Fenati mais tranquilos em relação ao campeonato. Já na reta final de corrida Mir da Leopard Racing e Fenati da Rivacold tinham que se preocupar com o Espanhol Marcus Ramirez que estava apenas na espera e parecia ter um equipamento melhor que os dois lideres. Bulega estava em 4ºlugar sozinho e afastado da disputa pela vitória. Tony Arbolino acabou tendo uma queda feia e acabaria com a melhor corrida dele na sua carreira.

A 3 voltas do final Ramirez assumiu a primeira posição. O que poderia ser  a primeira vitória do jovem piloto Espanhol durou uma volta apenas já que Mir e Fenati tomaram posição dele. No final da penúltima volta Fenati passa Mir assumindo a liderança. Quando se pensava que o líder do campeonato iria pensar no campeonato administrando um 2ºlugar ele resolveu administrar o campeonato atacando Fenati nas ultimas curvas em Saschering e conquistando a ultrapassagem que o levou a 5ªvitória na temporada de 2017 consolidando ainda mais a liderança do campeonato com 37 pontos de frente para o 2ºcolocado de Hoje Romano Fenati que se beneficiou do fracasso de Canet na dia de hoje.

Marcos Ramirez apos bater na trave em algumas corridas finalmente conseguiu pela primeira vez subir ao pódio ficando com o 3ºlugar com sua KTM ficando na frente de Nicolo Bulega que acabou com o melhor resultado da temporada em 4ºlugar. Phillip Oettl conseguiu o 5 lugar, Um bom resultado para quem corrida em casa conseguindo segurar essa posição no final de prova dos ataques de Enea Bastianini que ficou em 6ºlugar com a Honda da Estrella Galicia que sobrou.

Completaram os 10 primeiros colocados os pilotos Livio Loi da Leopard, Bo Bendsneyder da Red Bull KTM Ajo, Tatsuki Suzuki da SIC58 e Darryn Binder da Platinum Bay.

Pos Piloto Equipe Moto Tempo Grid
1 36 Joan Mir Leopard Racing Honda NSF250RW 39’34.775 2
2 5 Romano Fenati Marinelli Rivacold Snipers Honda NSF250RW 0.121 6
3 42 Marcos Ramirez Platinum Bay Real Estate KTM RC250GP 0.218 4
4 8 Nicolo Bulega SKY Racing Team VR46 KTM RC250GP 5.074 3
5 65 Philipp Oettl Südmetall Schedl GP Racing KTM RC250GP 13.073 7
6 33 Enea Bastianini Estrella Galicia 0,0 Honda NSF250RW 13.650 9
7 11 Livio Loi Leopard Racing Honda NSF250RW 14.318 13
8 64 Bo Bendsneyder Red Bull KTM Ajo KTM RC250GP 14.466 8
9 24 Tatsuki Suzuki SIC58 Squadra Corse Honda NSF250RW 14.583 12
10 40 Darryn Binder Platinum Bay Real Estate KTM RC250GP 14.666 16
11 21 Fabio Di Giannantonio Del Conca Gresini Moto3 Honda NSF250RW 15.438 24
12 58 Juan Francisco Guevara RBA BOE Racing Team KTM RC250GP 16.146 11
13 7 Adam Norrodin SIC Racing Team Honda NSF250RW 16.234 14
14 95 Jules Danilo Marinelli Rivacold Snipers Honda NSF250RW 16.324 25
15 12 Marco Bezzecchi CIP Mahindra MGP3O 17.603 17
16 16 Andrea Migno SKY Racing Team VR46 KTM RC250GP 17.752 22
17 71 Ayumu Sasaki SIC Racing Team Honda NSF250RW 17.845 20
18 84 Jakub Kornfeil Peugeot MC Saxoprint Peugeot MGP3O 17.863 18
19 48 Lorenzo Dalla Porta Aspar Mahindra Moto3 Mahindra MGP3O 40.054 23
20 96 Manuel Pagliani CIP Mahindra MGP3O 40.254 21
21 27 Kaito Toba Honda Team Asia Honda NSF250RW 40.521 19
22 31 Raul Fernandez Aspar Mahindra Moto3 Mahindra MGP3O 1’09.377 27
23 41 Nakarin Atiratphuvapat Honda Team Asia Honda NSF250RW 1’09.466 26
24 77 Tim Georgi Freudenberg Racing Team KTM RC250GP 1’09.590 30
25 4 Patrik Pulkkinen Peugeot MC Saxoprint Peugeot MGP3O 1’13.004 29
26 6 Maria Herrera AGR Team KTM RC250GP 2 Voltas 31
19 Gabriel Rodrigo RBA BOE Racing Team KTM RC250GP 1 Volta 15
14 Tony Arbolino SIC58 Squadra Corse Honda NSF250RW 8 Voltas 5
44 Aron Canet Estrella Galicia 0,0 Honda NSF250RW 12 Voltas 1
52 Danny Kent Red Bull KTM Ajo KTM RC250GP 12 Voltas 28
17 John McPhee British Talent Team Honda NSF250RW 21 Voltas 10

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Fotos MotoGP MotoGP 2017 Motos Motovelocidade Mundial de Motovelocidade

Marc Marquez conquista 8ª pole position seguida em Saschering sob chuva

Published by:

Em um treino onde tivemos pista molhada o tempo todo acabou tendo o mesmo pole position de 2010, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015 e 2016. Marc Marquez conquista a 8ªpole position no circuito alemão. Em um treino dramático pela pista molhada que começou no Q1 aonde no começo do Treino os pilotos Jack Miller, Andrea Iannone e Loris Baz disputando as primeiras posições. Até que o piloto Italiano Danilo Petrucci que vem de um 2ºlugar em Assen veio para a briga tomando a primeira posição.

O Treino se seguiu e houve trocas de posições até que Danilo Petrucci fez o melhor tempo conseguindo se firmar no 1ºlugar na reta final da classificação. Já a segunda vaga para o Q2 foi disputada até a última volta que ficou com Jack Miller até que o piloto da KTM Pol Espargaró fez um belissimo tempo colocando a moto Austríaca para a parte final do Treinamento. Jack Miller e Loris Baz que são dois pilotos que correm bem na chuva ficaram de fora ficando com o 13º e 14ºlugar no Grid de largada.

Mika Kallio que corre com a terceira moto da KTM nessa corrida conseguiu uma razoável 7ªposição e larga em 17ºlugar. As Decepções foram Johann Zarco que em nenhum momento conseguiu disputar a vaga no Q2 e vai largar em uma melancólica 19ªposição. Pior ainda foi o Inglês Scott Redding que só ficou a frente de Tito Rabat largando em 23ºlugar. Visto que o seu companheiro de equipe Pramac classificou para o Q2 em primeiro lugar.

Resultado do Q1:

Pos. Piloto Equipe Moto Tempo
1 9 Danilo Petrucci OCTO Pramac Racing Ducati Desmosedici GP17 1’27.688
2 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’27.695
3 43 Jack Miller EG 0,0 Marc VDS Honda RC213V 1’27.967
4 76 Loris Baz Reale Avintia Racing Ducati Desmosedici GP15 1’27.979
5 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’28.015
6 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki GSX-RR 1’28.103
7 36 Mika Kallio Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’28.285
8 8 Hector Barbera Reale Avintia Racing Ducati Desmosedici GP16 1’28.404
9 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha YZR-M1 1’28.444
10 17 Karel Abraham Pull&Bear Aspar Team Ducati Desmosedici GP15 1’28.625
11 22 Sam Lowes Aprilia Racing Team Gresini Aprilia RS-GP 1’28.659
12 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki GSX-RR 1’29.504
13 45 Scott Redding OCTO Pramac Racing Ducati Desmosedici GP16 1’29.578
14 53 Tito Rabat EG 0,0 Marc VDS Honda RC213V 1’30.028

No Q2 a classificação teve em seu começo o piloto Danilo Petrucci da Pramac se destacou assumindo desde do começo da parte final da classificação. Lorenzo com as dificuldades que ele tem sobre chuva ele conseguia ser razoavelmente competitivo. Marc Marquez ficou na dele na primeira parte. mesmo fazendo o segundo tempo na metade da classificação em determinado momento do treino.

Pol Espargaró em seu melhor treino com a KTM que começava a mostrar qualidades da sua moto que esta de volta a categoria nessa temporada vinha disputando os primeiros lugares. Dani Pedrosa com a Honda estava disputando também essa pole com a outra Honda Repsol.

A 2 minutos do Final Marquez toma a primeira posição de Petrucci que não se deu por vencido e foi para luta tentar recuperar a liderança e a pole position, Mas Marc Marquez em sua volta final fez 1:27.302 marcando a 8ªpole position seguida e luta pela 8ªvitória no circuito Alemão sendo disparado o piloto que mais venceu em Saschering. Danilo Petrucci que veio do Q1 mostra sua excelente fase na motoGP larga em 2ºlugar após dominar a maior parte do Q2. A primeira fila é completada pelo Espanhol Daniel Pedrosa com a outra moto da Honda Repsol com um tempo bem longe de Marquez e Petrucci.

Na segunda fila largam o Britânico Cal Crutchlow da LCR Honda, O dono da casa o Alemão Jonas Folger da Tech 3 largam em 5ºlugar dessa vez sendo ele o homem da equipe Francesa e o melhor piloto com a moto da Yamaha e Jorge Lorenzo que acabou fazendo um treino bem melhor do que na semana passada em Assen completa a segunda fila em 6ºlugar. Na Frente do Líder do campeonato o Italiano Andrea Dovizioso que larga em 10ºlugar.

Pol Espargaró conseguiu a melhor posição da KTM no Grid de largada após um belíssimo trabalho no Sábado largando na 7ªposição. Aleix Espargaró com a Aprilla largam em 8ºlugar ficando na frente de Valentino Rossi que venceu em Assen no domingo passado, Mas hoje não pode fazer muito mais do que a 9ªposição. Pior ficou para Marevick Viñales que após um começo de ano dominador agora esta sofrendo a pressão de momentos difíceis para a Yamaha. Em um treino fraquíssimo V8 larga apenas em 11ºlugar ficando na frente apenas do Espanhol Alvaro Bautista da Aspar Martinez Ducati de 2016.

Amanhã as 9 da manhã teremos o GP da Alemanha no Sportv 2. A prova que marca a metade do campeonato e com 4 pilotos que podem terminar a primeira metade de temporada na liderança do campeonato de 2017. Dovizioso, Viñales, Marquez e Rossi. Quem vai sair da Alemanha na liderança do Campeonato? Descobriremos amanhã após a prova.

Grid de largada – GP da Alemanha
Moto GP – 9ªEtapa do Mundial de Motovelocidade

Pos. Piloto Equipe Moto Tempo
1 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda RC213V 1’27.302
2 9 Danilo Petrucci OCTO Pramac Racing Ducati Desmosedici GP17 1’27.462
3 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda RC213V 1’27.949
4 35 Cal Crutchlow LCR Honda Honda RC213V 1’28.089
5 94 Jonas Folger Monster Yamaha Tech 3 Yamaha YZR-M1 1’28.210
6 99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati Desmosedici GP17 1’28.383
7 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’28.402
8 41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia RS-GP 1’28.526
9 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha YZR-M1 1’28.669
10 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati Desmosedici GP17 1’28.703
11 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha YZR-M1 1’28.823
12 19 Alvaro Bautista Pull&Bear Aspar Team Ducati Desmosedici GP16 1’28.968
13 43 Jack Miller EG 0,0 Marc VDS Honda RC213V 1’27.967
14 76 Loris Baz Reale Avintia Racing Ducati Desmosedici GP15 1’27.979
15 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’28.015
16 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki GSX-RR 1’28.103
17 36 Mika Kallio Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16 1’28.285
18 8 Hector Barbera Reale Avintia Racing Ducati Desmosedici GP16 1’28.404
19 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha YZR-M1 1’28.444
20 17 Karel Abraham Pull&Bear Aspar Team Ducati Desmosedici GP15 1’28.625
21 22 Sam Lowes Aprilia Racing Team Gresini Aprilia RS-GP 1’28.659
22 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki GSX-RR 1’29.504
23 45 Scott Redding OCTO Pramac Racing Ducati Desmosedici GP16 1’29.578
24 53 Tito Rabat EG 0,0 Marc VDS Honda RC213V 1’30.028

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP