F1 Formula 1 Formula 1 - 1989 Fotos História

GP da França de 1989

Grid de Largada:

1 Alain Prost McLaren/Honda 1’07.203 – 204,259 km/h
2 Ayrton Senna McLaren/Honda 1’07.228 – 204.183 km/h
3 Nigel Mansell Ferrari 1’07.455 – 203.496 Km/h
4 Alessandro Nannini Benetton/Ford 1’08.137 – 201.459 Km/h
5 Thierry Boutsen Williams/Renault 1’08.211 – 201.240 Km/h
6 Gerhard Berger Ferrari 1’08.233 – 201.075 Km/h
7 Philippe Alliot Lola/Lamborghini 1’08.561 – 200.213 Km/h
8 Riccardo Patrese Williams/Renault 1’08.993 – 199.161 Km/h
9 Jonathan Palmer Tyrrell/Ford 1’09.026 – 198.864 Km/h
10 Mauricio Gugelmin March/Judd 1’09.036 – 198.835 Km/h
11 Bertrand Gachot Onyx/Ford 1’09.122 – 198.588 Km/h
12 Ivan Capelli March/Judd 1’09.283 – 198.127 Km/h
13 Stefan Johansson Onyx/Ford 1’09.299 – 198.081 Km/h
14 Martin Donnelly Arrows/Ford 1’09.524 – 197.440 Km/h
15 Eric Bernard Lola/Lamborghini 1’09.596 – 197.235 Km/h
16 Jean Alesi Tyrrell/Ford 1’09.668 – 197.032 Km/h
17 Olivier Grouillard Ligier/Ford 1’09.717 – 196.893 Km/h
18 René Arnoux Ligier/Ford 1’10.077 – 195.882 Km/h
19 Satoru Nakajima Lotus/Judd 1’10.119 – 195.764 Km/h
20 Nelson Piquet Lotus/Judd 1’10.135 – 195.720 Km/h
21 Gabriele Tarquini AGS/Ford 1’10.216 – 195.494 Km/h
22 Stefano Modena Brabham/Judd 1’10.254 – 195.388 Km/h
23 Pierluigi Martini Minardi/Ford 1’10.267 – 195.352 Km/h
24 Emanuele Pirro Benetton/Ford 1’10.292 – 195.283 Km/h
25 Eddie Cheever Arrows/Ford 1’10.372 – 195.061 Km/h
26 Alex Caffi Dallara/Ford 1’10.468 – 194.795 Km/h

Não Classificaram para o Grid:

Andrea de Cesaris Dallara/Ford 1’10.591 – 194.455 Km/h
Luis Perez-Sala Minardi/Ford 1’11.079 – 193.120 Km/h
Christian Danner Rial/Ford 1’11.178 – 192.852 Km/h
Roberto Moreno Coloni/Ford 1’11.372 – 192.328 Km/h
Nicola Larini Osella/Ford 1’09.989 – 196.128 Km/h
Martin Brundle Brabham/Judd 1’10.181 – 195.591 Km/h
Volker Weidler Rial/Ford 1’11.059 – 193.175 Km/h
Bernd Schneider Zakspeed/Yamaha 1’11.098 – 193.069 Km/h
Piercarlo Ghinzani Osella/Ford 1’11.528 – 191.908 Km/h
Pierre-Henri Raphanel Coloni/Ford 1’11.953 – 190.775 Km/h
Aguri Suzuki Zakspeed/Yamaha 1’12.031 – 190.568 Km/h
Gregor Foitek Euro Brun/Judd 1’12.179 – 190.177 Km/h
Joachim Winkelhock AGS/Ford 1’13.173 – 187.594 Km/h

Prost Vence de Maneira tranquila em Paul Ricard e Alesi é Grande Destaque!

Em Paul Ricard, no fervente calor da França, Alain Prost fez brilhante corrida e aliada a quebra de Senna nos primeiros metros, correu tranquilo para a vitória na sua casa, Mas a corrida teve emoções na sua primeira largada. Antes da primeira largara Patrese já ficava no meio da pista, desse modo, não largando.
Na primeira largara um acidente muito forte, por uma impudência de Mauricio Gugelmim, que fez uma largara muito boa, mas foi rápido demais e se acidentou feio, envolveu Boutsen e Mansell na confusão, além do salseiro que houve nessa primeira curva, Alesi se acidentou com uma Ligier quebrou o aerofólio nessa confusão e outros pilotos ficaram parados. Não teve outra decisão que os comissários e o diretor de corrida para tomar se não a de largada cancelada, e dai eles formariam uma nova largada. Eram milhares os destroços dos carros, e o carro de Gugelmim ficou totalmente em pedaços, e por sorte Gugelmin estava inteiro acabou podendo largar para a segunda corrida.

Na Nova largada, nenhum incidente, Mas Ayrton Senna não conseguiu terminar a reta, pois seu carro teve problemas e acabou parando por ai, deixando a corrida de maneira muito fácil para Prost. Mansell teve de largar dos boxes, ele iria largar da 3ªPosição, teve de largar em último. Prost na ponta com Berger e Nannini logo atrás tentando acompanhar o Francês. na Segunda Volta: Prost, Berger, Nannini e Boutsen são os 4 primeiros, e depois Alliot, Patrese e Capelli, e depois as Tyrrell de Palmer e de Alesi que também era estreante. e depois os dois carros da Onxy (Gachot e Johansson). na Quarta Volta Gugelmin faz uma parada antecipada, mas o brasileiro tinha problemas na sua March-Judd.

Enquanto que Prost estava cada vez mais aumentando sua frente em cima de Berger, Nannini e Boutsen, Nigel Mansell estava fazendo uma corrida de recuperação agressiva, já esta lutando com Piquet pela 15ºPosição, após largar dos boxes. O Calor era tamanho em Paul Ricard, que até as imagens das câmeras dava impressão de que Paul Ricard era a anti-sala do Purgatório da Beleza e do caos, Rio de Janeiro em dias quentíssimos. Na nona volta Patrese fazia pressão em cima de Phillipe Alliot, mas estava difícil para o Italiano, Alliot queria fazer bonito na sua casa. após 10 voltas completadas: Prost na liderança tranquilo fazendo a alegria da Torcida, Berger em 2º, Nannini 3º, Boutsen em 4º, Capelli com a March-Judd em 5º e Alliot em 6º com Patrese em 7º. Capelli com a March nessa pista eram super rápidos, conceito de Adrian Newey, quem sabe do que estou falando conhece, mas quem não sabe outro dia eu conto para vocês, pode deixar que eu conte sim.

Gugelmin continuava os boxes, ele estava com muitos problemas mesmo, seria um dia de azar para ele? Essa corrida também estreou o Norte Irlandês Martin Donnelly com a Arrows, substituindo Derek Warwick, e no último pelotão, 8 carros estavam nele incluindo, Emanuelle Pirro, Gabriele Tarquini e entre outros com carros sofríveis. Nannini assumia a Segunda posição da corrida e Boutsen o Terceiro e logo depois Capelli já subia para a 4ºposição, Berger tinha problemas e Prost já começava a pegar seus primeiros retardatários. Mansell foi para a sua primeira parada bem cedo. Prost já tinha 8 segundos e meio em relação a Nannini e 23 Segundos em Relação à Alliot que era o 6ºColocado, isso tudo com 16 Voltas completadas. E Depois de muitas voltas, Alliot não resistiu à pressão de Patrese que com um carro mais forte assumia a 6ªPosição após a ultrapassagem no Francês da Lola-Lamborghini Berger nesse Momento já nem aparecia nem perto de Capelli, a corrida do Austríaco fosse para o Espaço. Arnoux, que fazia sua despedida da Formula 1 nesse ano e por consequência se despedia do GP Local abandonou na 14ªVolta por problemas de Câmbio. Com 20 Voltas: Prost, Nannini, Boutsen, Capelli, Patrese e Alliot formavam os seis primeiros colocados. Agora na 21ªVolta em diante Prost teve vida dura com vários e vários Retardatários na frente dele. que fizeram o Francês perder tempo. Mansell na volta 24 já estava na 8ªPosição após ter largado da Última posição e Prost não conseguia passar Com tanta rapidez os Retardatários. Eram 8 no total, na Volta 26 Prost conseguiria se livrar de todos.

Boutsen sofria para passar os Retardatários, Nannini que trocou os pneus já estava na quarta posição, tentando se aproximar dos lideres. Em 28 Voltas a Classificação era: Prost, Boutsen e Capelli brigando pelo segundo lugar, e depois Nannini Patrese e Alliot, os seis primeiros. Capelli na volta 28 Foi para a sua parada de Boxes, e voltou normalmente à pista, a March Trabalhou de maneira correta com o Italiano. E Berger Abandonaria a Corrida na Volta 29, com problemas no seu carro que vinham durando umas 15 Voltas que o Fizeram perder rendimento. Finalmente depois de muitas e muitas voltas o grupo infernal de Retardatários estava se discrepando, e um milagre de termos ainda 22 carros na pista e já estávamos se aproximando da metade da Corrida, pelo calor que estava era até pra ter quebrado mais gente. Com 31 Voltas: a Corrida estava o Seguinte posicionamento: Prost, Boutsen, Nannini, Capelli, Alesi na sua estréia e Alliot. Mas Alliot acabava parando para o desanimo da Torcida, pois ele vinha para um excelente resultado na corrida. Também abandonava nesse momento Gabriele Tarquini com a Fraca AGS, e na Volta Seguinte, foi a vez do Motor Ford de Pierluigi Martini abrir o Bico e quebrar deixando o Talismã da Minardi de fora da Corrida. E na Volta 35, Alain Prost fazia sua parada para troca de Pneus. A Classificação era: Prost, Nannini, Capelli, Alesi, Boutsen e Palmer. Sem Ferrari, e com 2 Tyrrell e 1 March na zona de pontos.

Prost Tinha uma segura vantagem de 6.2 em cima de Nannini que só via de longe Prost, mas tentava buscar o Francês e estragar a Festa, Na Volta 39 Alesi passava Capelli e assumia o terceiro lugar, mas volta depois o Jovem Francês foi para a sua parada de Troca de Pneus. Boutsen e Patrese estavam nos pontos, mas em 5º e 6ºLugares. e Na Volta 41 Nannini tinha a suspensão quebrava do nada e acabou rodando, fim de corrida para o Italiano da Simpática Benetton. e assim Prost ficava mais sossegado na ponta. Capelli num fantástico 2ºLugar com a March agora era o mais próximo perseguidor do Francês, a 16 Segundos de Prost. Palmer acabava fazendo confusão nos pits da Tyrrell. Alesi com a Outra Tyrrell na terceira posição, fazendo muito bonito na Estreia dele na Formula 1. Na Volta 44 Ivan Capelli parava com problemas do Motor, deixando um Alesi em 2º em um dia inspirado do Jovem Francês. Atrás Dele vinha as Duas Williams de Patrese e Boutsen e lá atrás como um louco vinha Mansell que estava buscando já os primeiros lugares.

Com 48 Voltas: Prost liderava com folga com 23 Segundos em cima de Alesi em 2º, Depois Patrese em 3º, Nigel Mansell que em uma excelente corrida estava em 4º, Boutsen e Bertrand Gachot com a Notava Onxy em 6ºLugar. Martin Donnelly passou reto na volta 49 depois da Reta dos Boxes e Demorou muito tempo para voltar a pista. 16 Carros estavam na corrida, que se pela liderança não teve disputas, lá a partir do Segundo lugar estava bem legal de se ver. Thierry Boutsen que estava nos pontos foi obrigado a abandonar a corrida por problemas de Câmbio, e Prost tinha 38 Segundos na Frente de Ricardo Patrese que era o segundo colocado. Voltas 52: o Líder era Prost, com Patrese em 2º, Mansell em 3º, mas bem pertinho do Italiano da Williams e Alesi em 4º com uma excelente corrida, e depois Eric Bernard na sua 1ªCorrida na Formula 1 em 5º e Olivier Grouillard em 6º com a Ligier-Ford, Piloto Francês e Equipe Francesa. Briga pelo Segundo lugar esquentava entre Patrese e Mansell e pelo 6ºLugar, Entre Stefan Johansson e Olivier Grouillard, Lá na Frente a Emoção aumentava entre Patrese e Mansell pelo 2ºPosto na corrida, na volta 57 esse era o pega da corrida naquele Momento.

Na Volta Seguinte Patrese erra e Mansell assume a 2ªPosição, em uma corrida excelente do Leão, que teve um grande dia partindo da última posição e naquela Altura do Campeonato já estava em 2º. Depois disso na Volta 63 a situação estava definida com o Pódio Formado por Prost, Mansell e Patrese, se nada acontecesse de Anormal. 15 Carros continuavam na corrida, e o Sol já estava com poder mais fraco sobre a pista de Paul Ricard, mas ainda sufocante para os pilotos que se mantiveram na corrida. Na Volta 71 a classificação era: Prost, Mansell, Patrese, Alesi, Johansson e Grouillard.

Modena abandonava a corrida. De Destaque Mauricio Gugelmin que acabou a 9 voltas do Líder, mas não se classificou na colocação final pois precisava ter terminado 90% da Corrida. fez a melhor volta da corrida.

Prost só administrou no Final para a sua 2ºVitória no ano e para distanciar na Liderança do Mundial de Formula 1. Mansell fez brilhante corrida de Recuperação e ficou com o 2ºLugar e Patrese ficou em 3º. Mas os verdadeiros destaques da Corrida Foram: Jean Alesi que estreou na sua casa e Brilhou intensamente, chegando na 4ªPosição, Stefan Johansson que marcou os primeiros pontos da sua Equipe, a Novata e Modesta Onxy. e Olivier Grouillard que fez boa corrida e conquistou um ponto para a Ligier que também é francesa. se contamos o patriotismo Francês. Patrese levou a Renault para o Pódio como motor. 14 Carros terminaram a corrida, mas apenas 13 foram os Classificados.

Resultado Final do GP da França de 1989

Fotos:

 

View post on imgur.com

Fonte das Fotos: Bestlap, Formel1mic

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Patrocínio:
planatina_projeto_gif

2 comments

  1. Pingback: Especial Ligier : Temporada de 1989 | Portal Sportszone

  2. Pingback: Especial: Equipe Rial – Parte 2 | Portal Sportszone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.