Viñales conquista vitória incontestável para a Suzuki em Silverstone

Em um dia aonde tudo deu certo o Espanhol Marevick Viñales que largou da terceira posição tomou a ponta no começo da prova e fazendo uma corrida absolutamente impecável com a Suzuki conquistando a sua primeira vitória no mundial de Motovelocidade.

Tivemos duas largadas em Silverstone sendo que a primeira delas foi marcada pelo impressionante acidente entre os pilotos Loris Baz e Pol Espargaró que chegou a ter a preocupação do piloto da Avintia ter tido problemas mas sérios, Mas depois de alguns minutos tivemos a notícia de que Baz estava consciente o que fez o clima ficar mais leve, Os pilotos foram para os boxes esperando a limpeza da pista e do atendimento do piloto acidentado e após isso os pilotos foram para o grid de novo com o grid de largada da primeira largada, Na largada Viñales assumiu a liderança e a partir dai o piloto da Suzuki começou a abrir diferença enquanto que Crutchlow, Rossi, Marquez, Iannone, entre outros disputaram do segundo lugar para trás e foi uma grande disputa que ainda contou com Pedrosa e Dovizioso.

Já Lorenzo estava atrás de todos eles e perdeu posição para o Espanhol Aleix Espargaró e continuava a penar com a situação adversa nesse momento no campeonato, Na parte final da corrida Marc Marquez e Valentino Rossi fizeram uma disputa épica pelo terceiro lugar isso depois de Andrea Iannone que fazia uma corrida belíssima já estando em 2ºlugar acabou caindo e deixando a prova. O piloto da Yamaha lutou muito mas a Formiga Atômica assumiu o 3ºlugar e foi para cima de Crutchlow na parte final de prova, Marquez provavelmente conseguiria o 2ºlugar, Mas acabou errando uma das curvas perdendo posicionamento para Rossi e Pedrosa ficando em 5ºlugar. No final Marquez conseguiu ainda tirar o 4ºlugar do seu companheiro de equipe Dani Pedrosa mas nada mais do que isso sem conseguir recuperar a posição para Valentino Rossi.

silverstone2016_motogp (5)

Viñales levou a moto da Suzuki até o final da prova levando a primeira vitória na sua carreira e a primeira da Suzuki desde do GP da França de 2007 aonde Chris Vermeulen levou a vitória naquela prova do campeonato daquele ano. O espanhol que substitui Lorenzo na Yamaha em 2017 é o sétimo vencedor nessa temporada. Cal Crutchlow após a vitória em Brno e largando na pole position na sua casa em conquistou o segundo lugar superando a Valentino Rossi que completou o pódio e consolidou a vice-liderança do campeonato que está a 50 pontos atrás de Marc Marquez que apesar do erro que lhe custou o pódio ficou em 4ºlugar e continua com uma bela diferença e tendo ainda 150 pontos em jogo dificilmente se o Espanhol continuar a administrar tão bem o campeonato da Forma que ele esta conduzindo nesse ano.

silverstone2016_motogp (6)

Dani Pedrosa em uma corrida apenas correta ficou em 5ºlugar assim como Andrea Dovizioso que ficou como a melhor Ducati na corrida em 6ºlugar. A lamentar mais uma corrida fraquíssima de Jorge Lorenzo que andou mal ficando em 8ºlugar atrás de Aleix Espargaró com a Suzuki em 7ºlugar. Completaram os 10 primeiros colocados o Italiano Danilo Petrucci e Alvaro Bautista.

Domingo que vem teremos a 13ªEtapa do Mundial de Motovelocidade no Circuito de Misano o GP de San Marino.

silverstone2016_motogp (7)

Resultado Final da 13ªEtapa do Mundial de Motovelocidade
GP da Inglaterra – Silverstone

1 25 Maverick Viñales (Team SUZUKI ECSTAR Suzuki) 39’03.559
2 35 Cal Crutchlow (LCR Honda Honda) a 3.480
3 46 Valentino Rossi (Movistar Yamaha MotoGP Yamaha) a 4.063
4 93 Marc Marquez (Repsol Honda Team Honda) a 5.992
5 26 Dani Pedrosa (Repsol Honda Team Honda) a 6.381
6 4 Andrea Dovizioso (Ducati Team Ducati) a 12.303
7 41 Aleix Espargaró (Team SUZUKI ECSTAR Suzuki) a 16.672
8 99 Jorge Lorenzo (Movistar Yamaha MotoGP Yamaha) a 19.432
9 9 Danilo Petrucci (OCTO Pramac Yakhnich Ducati) a 25.618
10 19 Alvaro Bautista (Aprilia Racing Team Gresini Aprilia) a 32.084
11 68 Yonny Hernandez (Pull & Bear Aspar Team Ducati) a 36.131
12 50 Eugene Laverty (Pull & Bear Aspar Team Ducati) a 39.130
13 22 Alex Lowes (Monster Yamaha Tech 3 Yamaha) a 40.143
14 8 Hector Barberá (Avintia Racing Ducati) a 41.356
15 53 Tito Rabat (Estrella Galicia 0,0 Marc VDS Honda) a 41.943
16 43 Jack Miller (Estrella Galicia 0,0 Marc VDS Honda) a 47.610
17 45 Scott Redding (OCTO Pramac Yakhnich Ducati) a 1’56.177

Não Completaram a corrida:

29 Andrea Iannone (Ducati Team Ducati) a 6 Voltas
6 Stefan Bradl (Aprilia Racing Team Gresini Aprilia) a 17 Voltas
76 Loris Baz (Avintia Racing Ducati) Não Largou na 2ªLargada
44 Pol Espargaró (Monster Yamaha Tech 3 Yamaha) Não Largou na 2ªLargada

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *