Dakar 2014 – O jogo de equipe da Mini

Opinião de Deivison da Conceição da Silva

O jogo de equipe da Mini eu achei uma coisa vergonhosa para o Esporte, Uma prática muito comum na Formula 1 e em muitos casos sendo desnecessária essa prática. A Mini não precisava disso para vencer o Dakar, teve 7 carros entre os 10 primeiros colocados. Manchou o título de Nani Roma que também não precisaria de ordem de equipe para ganhar o Dakar, Stephan Peterhansel ficou irritado por ter recebido essa Ordem, um piloto 11 vezes campeão desse evento não aceitou ser impedido de ganhar pela 12ªVez.

O bom disso é que o Dakar reprovou essa atitude da Mini. Os Organizadores do Evento não ficam vendo com bons olhos essa palhaçada dessa equipe, Mas essa coisa não aconteceu pela primeira vez. Em 1989, a Pegueot no Rally Dakar fez isso, A corrida estava na mão dos pilotos da equipe Francesa. Na última etapa lá vem Jean Todt num helicóptero e manda os pilotos pararem: A História é incrivelmente bizarra. Ele pega uma moeda e os pilotos Ari Vatanen e Jacky Ickx, É isso, ele decidiu o Dakar numa moedinha, O Resultado é que Ari Vatanen foi o vencedor no cara e Coroa e nem é preciso dizer que ganhou o Dakar, Vatanen ganhou.

Lamentável que isso se repita no Dakar, esta na hora da Organização do Evento tomar Medidas duras contra esse tipo de Procedimento para que o Evento não perda credibilidade.

Texto: Deivison da Conceição da Silva

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *