Especial Formula 1 Formula 1 - 1991 Fotos História Ligier

Especial Ligier : Temporada de 1991

A Ligier após a temporada de 1990 acabou pedindo ajuda para o Governo francês na busca de melhores dias e de melhores posições na Formula 1, O Apoio foi conseguido, Mas não seria para 1991 que ele iria se concluir e por isso a equipe teve que se virar nessa temporada com o que iria conseguir.

Em Termos de Motor e Material Humano (Pilotos) A Equipe fez grandes aquisições: A Primeira delas é a troca de Motor do Fraco Ford Cosworth DFR para o promissor Lamborghini V12, Em Termos de pilotos acabaram Nicola Larini e Phillipe Alliot saindo da equipe para  a entrada do excelente Thierry Boutsen que saia da equipe Williams após 2 temporadas muito bem sucedidas e dispensado de maneira injusta pelo time de Frank Williams na minha opinião e do jovem Francês Erik Comas que conquistou o título do campeonato internacional de Formula 3000 no ano de 1990 e foi vice desse mesmo campeonato em 1989 perdendo no desempate para Jean Alesi. O Novo Chassi o JS35 foi construído pelos projetistas Michel Beaujon (Diretor Técnico),Frank Dernie (Design) e Loic Bigois (Aerodinâmica).

Boutsen em Phoenix

Boutsen em Phoenix

As expectativas só por isso já seriam bem superiores a temporada vexatória de 1990.

Ao Começar da temporada em Phoenix somente Boutsen consegue classificação para o Grid de largada levando o Ligier-Lamborghini até o 20ºlugar no Grid de largada enquanto que Comas não largou por que ficou de fora dos 26 primeiros colocados. Na Corrida Boutsen levou a ligier até o 12ºlugar até deixar a corrida na 40ªVolta com problemas de Eletrônica, Uma estreia frustrante para os azulzinhos de Magny-Cours. Na etapa Brasileira em Interlagos já foi um pouco melhor até porque Comas conseguiu classificar para a corrida largando em 23ºlugar e 5 posições na frente largou Boutsen que levou o Ligier a terminar a primeira corrida na temporada fechando na 10ªposição a 3 Voltas do Vencedor (Ayrton Senna), Comas acabou deixando a corrida com problemas de Rotação.

Na primeira etapa em San Marino ambos os pilotos classificaram para a corrida devido aos tempos de sexta-feira, Comas largou em 19ºlugar e Boutsen em 24º sendo assim a primeira corrida que o jovem Francês largou na frente do experiente piloto Belga.

Na Corrida devido a muitos abandonos dos favoritos Boutsen chegou a ficar durante algumas voltas na 6ªposição, Mas o piloto Belga teve de fazer uma parada nos boxes e apesar de boa recuperação o piloto não conseguiu superar Julian Bailey e acabou a corrida em 7ºlugar ficando mais uma vez sem pontuar, Erik Comas acabou completando a prova em 10ºlugar, Mais isso tudo a 3 voltas de desvantagem de Boutsen e 4 de Comas, Uma prova atípica como essa fez com que por pouco a equipe saísse do jejum de quase 2 anos sem pontuar na Formula 1. Em Mônaco nas ruas travadas de Monte Carlo mais uma vez Thierry Boutsen conseguiu fazer uma bela corrida e de novo ficou muito perto de pontuar largando da 16ªposição e chegando ao final da corrida em 7ºlugar enquanto que Comas largou em 23ºlugar e levou seu carro até o 10ºlugar.

Boutsen conseguiu seus melhores resultados no ano.

Boutsen conseguiu seus melhores resultados no ano.

Voltando para a América do Norte no belíssimo circuito de Montreal no Canadá Thierry Boutsen que larga em 16º tenta levar o carro aos pontos, Mas é traído pela quebra do motor na 27ªVolta e Erik Comas que saiu da 26ªposição levou o carro da Ligier-Lamborghini para um honroso 8ºlugar a 1 volta do vencedor fazendo uma bela corrida. Mas no México o mesmo Comas não classifica para a corrida, Já Boutsen levou o carro para o melhor grid da Temporada largando na 14ªposição, Na corrida o belga mais uma vez não conseguiu levar o carro a zona de pontuação levando apenas o 8ºlugar a 2 voltas do vencedor.

Após as 6 primeiras etapas a equipe demitiu Ricardo Diliva (Que não vejo ele como esse gênio de projetista pois vários projetos dele fracassaram) que estava na equipe de projetistas da Ligier, Depois disso restou modificar corrigir os erros de projeto e apesentar o JS35B com a esperança de que as modificações que foram feitas no carro tendo um bico mais refinado e melhor Aerodinâmica.

O primeiro desafio desse novo chassi seria no novo circuito de Magny-Cours  na etapa Francesa na casa da Ligier praticamente. E diante dos olhos dos torcedores Franceses o novo Chassi se mostrou ineficaz, Nos Treinos houve uma melhora com Comas largando em 14º e Boutsen em 16º, Na Corrida Boutsen foi muito bem nas primeiras voltas chegando a estar em 9ºlugar mas logo foi para as últimas posições na corrida e o mesmo aconteceu para Erik Comas, Com isso tudo acabou o piloto francês ficando em 11ºlugar e Boutsen em 12º e último dos pilotos que terminaram a corrida, Na Inglaterra somente Boutsen classificou para a corrida largando em 19ºlugar já que Comas não classificou, O Resultado de corrida na Inglaterra foi um abandono por quebra de Motor na 30ªVolta. Só isso, Para o piloto Belga que até o ano passado tinha um carro que facilmente conseguia marcar pontos.

Imagens do Acidente de Comas na Alemanha

Fir2ln5v

2dnlueef

Lqgkabwx

N21gtkel

Bpcpl67h

Znt3jtlw

B03dck47

67co1ebf

Aajebcsn

Emld2gu4

Na Alemanha abrindo a segunda metade da temporada no rapidíssimo circuito de Hockenheim Erik Comas não fez nada que marcasse sua carreira com o 26ªlugar no grid de largada e o abandono na 23ªVolta por problemas de pressão na óleo. Mais sim por um acidente fortíssimo no treino oficial quando ele bateu em um dos muros de pneus em uma das chicanes e depois disso acabou capotando, pegando fogo, Por sorte o piloto nada sofreu. Boutsen já teve um final de semana mais feliz, Mas apenas em relação a não sofrer acidente pois nos Treinos ele acabou largando em 17ºlugar e na corrida até que foi uma corrida decente ficando na 9ªposição.

Na Hungria mais uma corrida sem resultado, Boutsen largou em 19º e acabou abandonando a 7 voltas do final por quebra de Motor, Comas pelo menos acabou a corrida largando da última fila em 25ºlugar e chegando em 10ºlugar. Indo para o desafiador GP da Bélgica o carro da Ligier junto com o seu motor Lamborghini deu provas de sua incapacidade fazendo seus pilotos mais uma vez largar no final do Grid: Boutsen largando do 18ºlugar acabou levando o carro ao final da corrida na 11ªposição. Comas largou na última posição e abandonou por causa do Motor quando estava na última posição. Em mais um circuito rápido: Monza na Itália mais um desempenho sofrível Boutsen largando do 21ºlugar acabou deixando cedo a corrida com problemas no rotação, Seu companheiro de Equipe Erik Comas largou uma posição atrás e levou o carro a 11ªposição.

f1_513_7

Na Etapa Portuguesa em Estoril a mesma rotina com um grid ruim Boutsen em 20º e Comas em 23º, Na corrida Comas teve um desempenho melhor que seu companheiro de equipe ficando em 11ºlugar contra o 16º do piloto Belga, Fechando a temporada europeia no novo circuito de Catalunha em Montdeló (GP da Espanha) Uma corrida para esquecer, Comas e Boutsen abandonaram (Boutsen devido a um acidente com Bernard e Comas com problemas com a eletrónica) a corrida após largarem na última fila em 25º e 26º Respectivamente.

Indo para as últimas etapas a Ligier já sabia que provavelmente seria um fiasco, Mas ainda assim tentaram salvar a temporada. No Japão Thierry Boutsen leva o Ligier para o 17ºlugar no grid de largada e fazendo a corrida que dava para fazer acabou a prova em 9ºlugar aproveitando várias quebras e acidentes dos seus adversários. Comas largou em 20º e chegou até a ser o sétimo lugar até que deixou a prova com problemas de Alternador no que poderia ser com sorte uma possibilidade de marcar algum ponto.

Comas_japan1991

Na última chance na Austrália o Grid não foi bom com Boutsen em 20º e Comas em 22º e numa corrida tão curta como foi esse GP da Austrália (Apenas 14 Voltas) não foi possível uma reação. Boutsen acabou se envolvendo em um acidente e Comas fechou a corrida em 18ºlugar.

Para Guy Ligier apesar de mais um fiasco em ver a Ligier de novo zerada na classificação do mundial de pilotos pelo menos ele acabou o ano com boas notícias, Eles teriam os motores Renault na próxima temporada além de Gérard Ducarouge como projetista da equipe para a próxima temporada, Além disso flertaram uma vinda de Nelson Piquet que não queria ficar na Benetton para 1992 ou Alain Prost recém demitido da Ferrari por chamar o carro de Caminhão, Se quer saber o que aconteceu para 1992 para a Ligier aguarde o próximo capitulo …

GPS: 32 (participou de 29 GPs)
Vitórias: 0
Poles: 0
Pódios: 0
Pontos: 0
Motor: Lamborghini V12 3512 EV03
Pilotos:
25. Thierry Boutsen (Bélgica)
26. Erik Comas (França)
Motor: Lamborghini 3.5LV 12
Potência:  710hp em 14200rpm.
Câmbio: X-Trax com 6 Marchas
Capacidade do Tanque: 215 Litros
Número de Voltas Completadas: 1.371

Números da Ligier em 1991:

Ligier – Lamborghini JS35

Um carro horrível que fez Thierry Boutsen e Erik Comas sofrerem, Um projeto cheio de Erros como o Airbox que era inadequado, E um motor que bebia demais fazia desse conjunto sofrível.

Michel Beaujon (Diretor Técnico),Frank Dernie (Design) e Loic Bigois (Aerodinâmica)
Chassi :  Monocoque em fibra de carbono
Peso :  505 kg
Transmissão :  XTrac com 6 Marchas
Combustível e Lubrificante :  Elf
Suspensão :  Poussoirs
Amortecedores :  Koni e Bilstein
Freios :  Carbono Industrial Brembo

Ligier – Lamborghini JS35B

Esse chassi não conseguiu resolver muita coisa dos erros do Chassi anterior, Mesmo com um Motor potente como o Lamborghini todo o resto é bastante ruim, A aerodinâmica era muito ruim, E o Alto consumo do Motor V12 da Lamborghini fizeram o ano da Ligier ser um fracasso total.

Chassi : Monocoque em fibra de carbono
Peso :  505 kg
Transmissão :  Transversal semiautomática com 6 Marchas
Combustível e Lubrificante : Elf
Suspensão :  Poussoirs
Amortecedores :  Koni e Bilstein
Freios :  Carbono Industrial Brembo
Comprimento :
Distância entre eixos :  2900 mm
dianteira :  1800 mm
traseira :  1680 mm

Fotos:

 

View post on imgur.com

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Bestlap/Formel1mic

Especial Ligier: 19761977197819791980198119821983 – 19841985 –1986 – 1987 – 19881989 – 1990

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *