Dakar – Estágio 13 – Consagração dos campeões em Buenos Aires

Carros:

Num estágio bem curto que foi esse último estágio acabou consagrando a Robby Gordon e Johnny Campbell que levou o Hummer a vitória com direito a Salto da vitória e com giros na pista, Mas a festa verdadeira ficou para Nasser Al-Attiyah (Qatar)/Matthieu Baumel (França) com o 6ºlugar conquistou o Rally Dakar desse ano, é o segundo dele na sua carreira, Em um Dakar sem erros aonde predominou nas primeiras posições nos estágios e desde do primeiros dias ele ficou na liderança sem dar a menor chance para seus adversários além de alguns dos principais pilotos terem tido problemas como Nani Roma que já teve problemas no primeiro dia e acabou saindo do Dakar na parte final devido a um acidente, Já Stephane Peterhansel teve problemas com a Pegueot e terminou o Dakar apenas em 11ºlugar.

Sobrou para a Dupla Giniel de Villiers e Dirk von Zitzewitz que com a Toyota tentou tirar o Qatari do Topo, Mas ficou a mais em 2ºlugar a mais de 30 minutos dos vencedores apesar de um belo Dakar que essa dupla da Toyota fez, O pódio do Dakar foi completado pelos pilotos Krzysztof Holowczyc (Polônia)/Xavier Panseri (França) com o carro da Mini que dominou o Dakar ficando com o 4ºlugar Erik van Loon (Holanda)/Wouter Rosegaar (Holanda) MINI, Com o 5ºLugar com a Dupla Vladimir Vasilyev (Rússia)/Konstantin Zhiltsov (Rússia) e com o 9ºlugar de Aidyn Rakhimbayev (Cazaquistão)/Anton Nikolaev (Rússia) mostrando que a Mini mesmo sem pilotos como Peterhansel e com os problemas de Orlando Terranova que certamente chegaria entre os 10 primeiros colocados na Classificação Geral. O Único Brasileiro a chegar ao Final do Dakar foi Eduardo Sachs que foi copiloto de Ricardo Leal dos Santos que ficou em 25ºlugar com o carro da Nissan.

Resultado final do último estágio do Dakar: Rosario até Buenos Aires

1 308 Robby Gordon (Estados Unidos)/Johnny Campbell (Estados Unidos) HUMMER 000:13:16
2 327 Leeroy Poulter (África do Sul)/Robert Howie (África do Sul) TOYOTA 000:13:41
3 316 Emiliano Spataro (Argentina)/Benjamin Lozada (Argentina) RENAULT 000:13:45
4 305 Orlando Terranova (Argentina)/Bernardo Graue (Argentina) MINI 000:13:47
5 303 Giniel de Villiers (África do Sul)/Dirk von Zitzewitz (Alemanha) TOYOTA 000:13:50
6 301 Nasser Al-Attiyah (Qatar)/Matthieu Baumel (França) MINI 000:13:55
7 315 Bernhard Ten Brinke (Holanda)/Tom Colsoul (Bélgica) TOYOTA 000:14:04
8 307 Krzysztof Holowczyc (Polônia)/Xavier Panseri (França) MINI 000:14:05
9 314 Erik van Loon (Holanda)/Wouter Rosegaar (Holanda) MINI 000:14:13
10 310 Vladimir Vasilyev (Rússia)/Konstantin Zhiltsov (Rússia) MINI 000:14:17
11 306 Carlos Souza (Portugal)/Paulo Fiuza (Portugal) MITSUBISHI 000:14:19
12 302 Stephane Peterhansel (França)/Jean Paul Cottret (França) PEUGEOT 000:14:22
13 309 Christian Lavielle (França)/Pascal Maimon (França) TOYOTA 000:14:37
14 329 Aidyn Rakhimbayev (Cazaquistão)/Anton Nikolaev (Rússia) MINI 000:14:52
15 320 Ronan Chabot (França)/Gilles Pillot (França) SMG 000:14:54
16 319 Boris Garafulic (Chile)/Filipe Palmeiro (Portugal) MINI 000:15:08
17 360 Ricardo Leal dos Santos (Portugal)/Eduardo Sachs (Brasil) NISSAN 000:15:24
18 332 Yong Zhou (China)/Andreas Schulz (Alemanha) MINI 000:15:29
19 326 Patrick Sireyjol (França)/Francois-Xavier Beguin (Bélgica) BUGGY 000:15:30
20 333 Pierre Lachaume (França)/Jean Brucy (França) BUGGY MD RALLYE 000:15:41
21 322 Cyril Despres (França)/Gilles Picard (França) PEUGEOT 000:15:46
22 328 Thierry Magnaldi (França)/Guy Leneveu (França) BUGGY DESSOUDE 000:16:09
23 380 David Bensadoun (Canadá)/Patrick Beaule (Canadá) OVERDRIVE 000:16:47
24 334 Stephan Schott (Alemanha)/Holm Schmidt (Alemanha) MINI 000:16:49
25 317 Federico Villagra(Argentina)/Andres Memi (Argentina) FORD 000:17:21
26 368 Piotr Beaupre (Polônia)/Jacek Lisicki (Polônia) BMW 000:19:17
27 362 Jerôme Pelichet (França)/Eugenie Decre (Chipre) TOYOTA 000:19:42
28 345 Nicolas Gibon (França)/Akira Miura (Japão) TOYOTA 000:19:52
29 343 Jun Mitsuhashi (Japão)/Alain Guehennec (França) TOYOTA 000:20:05
30 342 Rodrigo Javier Moreno Piazzoli (Chile)/Jorge Gabriel Araya Diaz (Chile) SAM-MERCEDES 000:20:26
31 383 Johan Van Staden (África do Sul)/Mike Lawrenson (África do Sul) NISSAN 000:22:30
32 340 Bauyrzhan Issabayev (Cazaquistão)/Vladimir Demyanenko (Rússia) TOYOTA 000:23:24
33 352 Jurgen Schroder (Alemanha)/Daniel Schroder (Alemanha) NISSAN 000:26:33
34 393 Kun Liu (China)/Min Liao (China) PROTO DESSOUDE 000:28:10
35 358 Peter Jerie(Austrália)/Laurent Lichtleuchter (França) TOYOTA 000:30:15
36 374 Evgeny Firsov (Rússia)/Vadim Filatov (Rússia) TOYOTA 000:31:16
37 387 Gilles Billaut (França)/Mayeul Barbet (França) BMW 000:34:13
38 311 Marek Dabrowski (Polônia)/ Jacek Czachor (Polônia) TOYOTA 000:36:18
39 378 Omar Alberto Campillay Rojas (Chile)/Maurice Andre Maurin Arevalo (Chile) SAM-MERCEDES 000:38:05
40 339 Benediktas Vanagas (Lituânia)/Andrei Rudnitski (Bielorrússia) TOYOTA 000:39:27

Motos:

podio_dakar_2015_motos

No Estágio final os dois pilotos eslovacos dominaram com a vitória de Ivan Jakes com Stefan Svitko em segundo lugar ambos de KTM, Svitko fechou o Dakar em 5ºlugar, O Chileno Pablo Quintanilla acabou em 4ºlugar na classificação geral e foi o melhor piloto sul-americano do Dakar na categoria Motos (8ºnno último estágio). Mas não foi o Bastante para ficar com o pódio e deter o Australiano Toby Price que fez seu primeiro Dakar nesse ano e acabou conquistando o 3ºlugar na Classificação geral o que foi o mesmo Lugar o que conquistou no 13ºEstágio, Paulo Gonçalves e Marc Coma completaram os 5 primeiros colocados.

Marc Coma venceu pela 5ªVez o Dakar na sua carreira (2006-2009-2011-2014-2015) com sua KTM confirmando seu nome como um dos maiores pilotos do Mundo e o maior em Termos de Rally de longa duração como o Dakar, Mas Coma também contou com a Sorte, pois se o Joan Barreda Bort não tivesse problemas possivelmente seria o vencedor do Dakar desse ano, A Honda mais uma vez ficou sem o título ficando com o Português Paulo Gonçalves como o melhor piloto da Honda no Dakar ficando com o vice-campeonato.

Destaque positivo para as Mulheres foi o desempenho de Laia Sanz que levou sua Honda a uma expressiva 9ªposição na Classificação Geral do Dakar, mostrando que as mulheres podem sim serem competitivas e brigarem a altura dos homens em quaisquer categorias do esporte a motor, Jean Azevedo nosso representante brasileiro fez apenas um Dakar Razoável ficando na 22ªPosição na geral.

Resultado final do último estágio do Dakar: Rosario até Buenos Aires

1 21 Ivan Jakes (Eslováquia) KTM 000:52:06
2 18 Stefan Svitko (Eslováquia) KTM 000:52:51
3 26 Toby Price (Austrália) KTM 000:53:13
4 7 Paulo Gonçalves (Portugal) HONDA 000:53:21
5 1 Marc Coma (Espanha) KTM 000:55:17
6 37 Hans Vogels (Holanda) KTM 000:55:42
7 15 Frans Vergoeven (Holanda) YAMAHA 000:56:41
8 31 Pablo Quintanilla (Chile) KTM 000:56:58
9 44 Xavier de Soultrait (França) YAMAHA 000:58:00
10 29 Laia Sanz Pla-Giribert (Espanha) HONDA 001:00:01
11 3 Olivier Pain (França) YAMAHA 001:00:05
12 9 David Casteu (França) KTM 001:00:22
13 49 Emanuel Gyenes (Romênia) KTM 001:00:41
14 25 Fabien Planet (França) SHERCO TVS 001:01:19
15 32 Paolo Ceci (Itália) KTM 001:01:25
16 11 Ruben Faria (Portugal) KTM 001:01:28
17 38 Thomas Berglund (Suécia) KTM 001:01:57
18 22 Javier Pizzolito (Argentina) HONDA 001:02:54
19 79 Txomin Arana Cobeaga (Espanha) YAMAHA 001:03:12
20 160 Ondrej Klymciw (República Tcheca) KTM 001:04:16
21 73 Francisco Errazuriz (Chile) HUQSVARNA 001:05:26
22 34 David Pabiska (República Tcheca) KTM 001:07:19
23 45 Bruno da Costa (França) YAMAHA 001:07:33
24 24 Jean Azevedo (Brasil) HONDA 001:08:27
25 14 Alain Duclos (França) SHERCO TVS 001:08:47
26 65 Jurgen van der Goorberch (Holanda) KTM 001:09:45
27 35 Miran Stanovnik (Eslovênia) KTM 001:09:59
28 57 Laurent Lazard (Uruguai) KTM 001:10:58
29 151 Milan Engel (República Tcheca) KTM 001:12:21
30 156 Sakir Senkalayci (Turquia) KTM 001:12:43
31 60 Patricio Cabrera (Chile) KAWASAKI 001:12:55
32 161 Ariel Lopez Jove Esteban (Argentina) KAWASAKI 001:13:12
33 153 Sergio Miguel Petrone (Argentina) YAMAHA 001:15:49
34 63 Patrice Carillon (França) KTM 001:16:00
35 83 Boldbaatar Damdinkhorloo (Mongólia) KTM 001:17:17
36 92 Juan Sebastian Toro (Colômbia) KAWASAKI 001:17:27
37 51 Mart Meeru (Estônia) HONDA 001:19:01
38 46 Mauricio Javier Gomez (Argentina) YAMAHA 001:19:47
39 167 Jasper Riezebos (Holanda) KTM 001:19:55
40 128 Domingo Fernandez Mendez (Espanha) KTM 001:20:07

Quadriciclos:

casalecampeaopraticamente

A Vitória ficou para Willen Saaijman no último estágio do Dakar, Mas a festa ficou com o Polônes Rafal Sonik que quebra uma sequência de conquistas de pilotos sul americanos nos Quadriciclos que dominam o dakar desde de 2010 com o domínio de Alejandro Patronelli e de Marcos Patronelli e com o título de 2014 de Ignacio Casale Sonik ficou em 8º no estágio final do Dakar, Sonik contou com quebra do Quadriciclo do Campeão Ignacio Casale e do Acidente grave que teve o Uruguaio Sérgio Lafuente que disputaram o título com o Polonês. As os Argentinos tiveram motivos para comemorar com o vice-campeonato de Jeremias Gonzales Ferioli que fez belíssimo Dakar nesse ano, Em terceiro lugar ficou o Boliviano Walter Nosiglia para a alegria de Evo Morales.

Suguita_dakar

André Suguita resistiu ao Dakar conquistando na classificação Geral a 10ªposição com a CAM-AM, um motivo de muito orgulho para o Estreante brasileiro no Dakar sendo um dos 18 pilotos a completarem o evento aonde 45 pilotos começaram essa aventura.

Resultado final do último estágio do Dakar: Rosario até Buenos Aires

1 286 Willen Saaijman (África do Sul) YAMAHA 001:05:05
2 260 Christophe Declerck (França) YAMAHA 001:05:11
3 270 Daniel Domaszewski (Argentina) HONDA 001:05:14
4 278 Juan Carlos Carignani (Itália) YAMAHA 001:05:44
5 256 Nelson Augusto Sanabria Galeano (Paraguai) YAMAHA 001:08:47
6 290 Pablo Luis Bustamante (Argentina) CAN-AM 001:10:21
7 257 Sebastian Palma (Chile) CAN-AM 001:13:00
8 251 Rafal Sonik (Polônia) YAMAHA 001:13:21
9 283 Walter Nosiglia (Bolívia) HONDA 001:14:48
10 261 Jeremias Gonzales Ferioli (Argentina) YAMAHA 001:15:54
11 268 Giuliano Horário Giordana (Argentina) YAMAHA 001:18:21
12 265 Santiago Hansen (Argentina) HONDA 001:18:33
13 295 Andre Suguita (Brasil) CAN-AM 001:18:49
14 287 Christian Cajica Pinto (Colômbia) CAN-AM 001:26:01
15 259 Camelia Liparoti (França) YAMAHA 001:27:21
16 281 Carlos Alejandro Verza (Argentina) YAMAHA 001:31:42
17 277 Ricardo Vinet (Chile) CAM-AM 001:34:56
18 299 Paula Galvez (Chile) CAN-AM 001:37:05

Caminhões:

Campeões_caminhõesdakar2015

Nos caminhões domínio completo da Kamaz tendo os três primeiros lugares no pódio e 4 caminhões entre os 5 primeiros colocados. O título ficou com os Russos Airat Mardeev/Aydar Belyaev/Dmitriy Svistunov que ficaram em 3ºlugar no estágio vencido pelo Caminhão da Iveco do Trio Hans Stacey (Holanda)/Serge Bruynkens (Bélgica)/Bernard der Kinderen (Holanda), Superou seus companheiro de equipe Eduard Nikolaev/Evgeny Yakovlev/Ruslan Akhmadeev que ficaram em segundo lugar e do Trio Andrey Karginov/Andrey Mokeev/Igor Leonov que chegaram em terceiro lugar.

Os únicos que conseguiram classificação além da Kamaz entre os 5 primeiros colocados foi o Trio Ales Loprais (República Tcheca)/Marco Alcayna Ferran (Espanha)/Jan van der Vaet (Bélgica) com o Caminhão da MAN que ficou em 4ºlugar, Em quinto lugar ficou os pilotos da Kamaz Dmitry Sotnikov/Igor Devyatkin/Andrey Aferin. No Dakar na América do Sul acabou sendo um oásis russo de vitórias!

Resultado final do último estágio do Dakar: Rosario até Buenos Aires

1 504 Hans Stacey (Holanda)/Serge Bruynkens (Bélgica)/Bernard der Kinderen (Holanda) IVECO 000:20:31
2 508 Marcel van Vliet (Holanda)/Marcel Pronk (Holanda)/Artur Klein (Alemanha) MAN 000:21:52
3 507 Airat Mardeev (Rússia)/Aydar Belyaev (Rússia)/Dmitriy Svistunov (Rússia) KAMAZ 000:22:54
4 520 Dmitry Sotnikov (Rússia)/Igor Devyatkin (Rússia)/Andrey Aferin (Rússia) KAMAZ 000:23:16
5 502 Eduard Nikolaev (Rússia)/Evgeny Yakovlev (Rússia)/Ruslan Akhmadeev (Rússia) KAMAZ 000:24:03
6 506 Martin Kolomy (República Tcheca)/Rene Kilian (República Tcheca)/David Kilian (República Tcheca) TATRA 000:25:01
7 501 Gerard de Rooy (Holanda)/Darek Rodewald (Polônia)/ Jurgen Damen (Bélgica) IVECO 000:25:14
8 500 Andrey Karginov (Rússia)/Andrey Mokeev (Rússia)/Igor Leonov (Rússia) KAMAZ 000:25:14
9 513 Martin van den Brink (Holanda)/Peter Willemsen (Bélgica)/Richard Mouw (Holanda) RENAULT TRUCKS 000:26:51
10 510 Siarhei Viazovich (Bielorrússia)/Pavel Haranin (Bielorrússia)/Andrei Zhyhulin (Bielorrússia) MAZ 000:28:19
11 519 Pascal de Baar (Holanda)/Wouter de Graaff (Holanda)/Martin Roesink (Holanda) RENAULT TRUCKS 000:29:40
12 509 Pep Vila Roca (Espanha)/Xavi Colome Roqueta (Espanha)/Michel Huisman (Holanda) IVECO 000:29:47
13 535 Aleksandr Vasilevski (Bielorrússia)/Valery Kazlouski (Bielorrússia)/Anton Zaparoshchanka (Bielorrússia) MAZ 000:33:27
14 503 Ales Loprais (República Tcheca)/Marco Alcayna Ferran (Espanha)/Jan van der Vaet (Bélgica) MAN 000:33:48
15 532 Ton van Genugten (Holanda)/C.W.J. Van Limpt (Holanda)/Eric H.F. Van Gemert (Holanda) DAF 000:33:49
16 514 Frits van Eerd (Holanda)/Charly Cotlib (Bélgica)/Peter Vervoort (Holanda) DAF 000:33:58

Fotos:

Final do Dakar:

Parte 1:

Parte 2:

Parte 3:

Parte 4:

Parte 5:

Resumo do 13ºestágio

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Dakar.com
Vídeos: TV Pública da Argentina

Um comentário em “Dakar – Estágio 13 – Consagração dos campeões em Buenos Aires

  1. Pingback: Avaliação e Resultado Final do Dakar 2015 | Portal Sportszone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *