GP da Rússia – Treino de Classificação

Mais uma Vez Hamilton largou na Frente!

No Treino de Classificação do GP da Rússia de Formula 1, num circuito muito bem construído e até um circuito rápido com uma média de 210 km/h por volta e em que os carros chegavam a até 330 km/h teve um treino muito intenso aonde um Finlandês ameaçou o domínio da Mercedes na disputa da pole position, Só que Hamilton e Rosberg fizeram a sua parte e garantiram a primeira fila do Grid no Circuito de Sochi.

No Q1 mostrou que a Mercedes, a Williams e a Mclaren por incrível que pareça eram os melhores carros nesse circuito, O melhor tempo foi de 1:38.759 de Lewis Hamilton no Q1, Do outro lado é incrível como a Lotus, Caterham e Marussia estão muito atrás, Mas muito atrás, Tanto que Maldonado, Kobayashi, Ericsson e Chilton foram eliminados sem nenhuma possibilidades de passar para o Q2 e Grosjean seria eliminado sem dúvida…

Apesar do Esforço o piloto Sueco Marcus Ericsson ficou de Fora do Q2 devido ao fraquíssimo carro da Caterham.

… Se a Williams de Felipe Massa não tivesse tido problemas de Potência, Em condições normais o Brasileiro iria com tranquilidade passar para o Q2 acabou eliminado com 18ºtempo na primeira parte da classificação. Com isso Romain Grosjean conseguiu chegar ao Q2 com a sua Fragil Lotus E22 que é um Fracasso nessa temporada de 2014 depois de um Fantástico ano de 2013.

Massa teve um Sábado de problemas e largou lá atrás.

No Q2, A Mercedes, Williams de Bottas e a Mclaren conseguiram vagas para a parte final do Treino oficial sem problema nenhum, Já os pilotos da Ferrari e da Red Bull teriam de lutar pelas vagas no Q3 com os pilotos da Toro Rosso e da Force India que já estava em um patamar um pouco menor e um pouco mais distante, Alonso e Raikkonen da Ferrari e Ricciardo com a Red Bull conseguiram isso, Mas Vettel acabou fazendo voltas não muito boas e assim ficando em 11ºlugar e não passando para a parte final do Treino. Com o Desfalque de Massa e de Vettel acabaram os dois pilotos da Toro Rosso indo para o Q3. Além de Sebastian Vettel ficaram eliminados Nico Hulkenberg e Sergio Perez com a Force India que não parece ter mais evolução nessa temporada ficando para trás na disputa com a Mclaren pelo 5ºlugar nos Construtores, A Sauber que vive problemas financeiros caiu fora com os desmotivados Gutierrez e Sutil e com o Bravo Romain Grosjean que ficou de fora do Q2 algo que pela enorme fraqueza da Lotus era mais que esperado.

Hulkenberg é prejudicado pela troca do Câmbio

No Q3 se esperava um domínio da Mercedes em relação aos outros adversários o que de fato aconteceu, Na primeira volta Rosberg foi o melhor dos pilotos enquanto Hamilton acabou errando essa primeira volta, Mas a Mercedes não teria toda essa tranquilidade, Já que o piloto Nico Rosberg teve o Finlandês Valtteri Bottas fazendo um tempo que acabou possibilitando ao piloto da Williams que sobrou no Treino de tentar conquistar a pole position.

Rosberg não conseguiu superar o Líder do campeonato Lewis Hamilton e largou em 2º

Só que no final do Treino Hamilton se recuperou e a menos de 4 minutos para o final do treino ele completou a volta e tomou a pole position de Nico Rosberg, A partir dai Rosberg e Bottas tentaram buscar o tempo do Hamilton, Porém ambos falharam inclusive Bottas acabou errando na curva final para a entrada a reta dos boxes e com isso acabou eliminando qualquer possibilidade de fazer a pole position, Rosberg não conseguiu superar o tempo de Hamilton que conseguiu a pole com 1:38.513 a exatos 200 milésimos sobre Rosberg que largou na primeira fila em Sochi, Na segunda fila teríamos o Finlandês Valtteri Bottas da Williams e a Mclaren de Jenson Button que tem seu futuro incerto na categoria em 2015, Na Terceira fila tivemos o piloto da casa Danill Kvyat que foi muito bem no treino oficial andando como nunca e conseguindo o melhor grid de largada da sua carreira, O Sexto colocado seria o Dinamarques Kevin Magnussen, Mas por ele ter ter trocado o Câmbio ele perdeu 5 posições no Grid de largada e com isso cedeu essa 6ªposição para o Australiano Daniel Ricciardo.

Festa dos três primeiros colocados no Grid do GP da Rússia

Com isso o Grid foi modificado em algumas posições, A quarta fila foi formada pelos carros da Ferrari com Alonso na Frente de Raikkonen, Completaram os 10 primeiros o Francês Jean-Éric Vergne que pode estar indo para a Force India em 2015 e para o Tetra-Campeão do mundo Sebastian Vettel que esta nas suas últimas apresentações com a Red Bull antes de correr pela Ferrari na temporada de 2015.

Kevin Magnussen com a Mclaren larga ao lado de Sergio Perez com a Force India, A Sauber fez até muito com o seu carro ruim dessa temporada colocando Gutierrez em 13º e Sutil em 14º também ajudado pelas punições a alguns pilotos do Bloco da Frente e pelo incidente de Felipe Massa, pois caso contraio ficariam só na frente de Lotus, Marussia e Caterham infelizmente para a equipe que sofre com problemas financeiros sérios financeiros assim com a Caterham e ambas as equipes muito possivelmente podem não estarem no Grid em 2015.

Marussia faz homenagem a Jules Bianchi

Romain Grosjean com a Melhor Lotus e Marcus Ericsson com um grande desempenho nos treinos fazem a 8ªfila, Nico Hulkenberg com a Force India pode esta fazendo suas últimas corridas na formula 1 em 17º e Felipe Massa que teve um dia de problemas larga em 18º com a Williams, Completaram o Grid de Largada o Japonês Kamui Kobayashi, O Venezuelano Pastor Maldonado e o Inglês Max Chilton que acabou sendo o único piloto da Marussia no Grid de largada do GP da Rússia, O Relato da Corrida será feito ainda nessa noite pois demos toda a atenção para a MotoGP nesse último final de semana em Motegi que havia decisão de título o que acabou acontecendo a Favor de Marc Marquez.

Grid de Largada:

1 44 Lewis Hamilton (Mercedes) 1:38.513 – 18 Voltas
2 6 Nico Rosberg (Mercedes) 1:38.713 – 18 Voltas
3 77 Valtteri Bottas (Williams-Mercedes) 1:38.920 – 23 Voltas
4 22 Jenson Button (McLaren-Mercedes) 1:39.121 – 22 Voltas
5 26 Daniil Kvyat (STR-Renault) 1:39.277 – 27 Voltas
6  3 Daniel Ricciardo (Red Bull Racing-Renault) 1:39.635 – 21 Voltas
7 14 Fernando Alonso (Ferrari) 1:39.709 – 25 Voltas
8 7 Kimi Räikkönen (Ferrari) 1:39.771 – 26 Voltas
9 25 Jean-Eric Vergne (STR-Renault) 1:40.020 – 27 Voltas
10 1 Sebastian Vettel (Red Bull Racing-Renault) 1:40.052 – 13 Voltas
11 20 Kevin Magnussen (McLaren-Mercedes) 1:39.629 – 21 Voltas *
12 11 Sergio Perez (Force India-Mercedes) 1:40.163 – 13 Voltas
13 21 Esteban Gutierrez (Sauber-Ferrari) 1:40.536 – 18 Voltas
14 99 Adrian Sutil (Sauber-Ferrari) 1:40.984 – 18 Voltas
15 8 Romain Grosjean (Lotus-Renault) 1:41.397 – 18 Voltas
16 9 Marcus Ericsson (Caterham-Renault) 1:42.648 – 9 Voltas
17 27 Nico Hulkenberg (Force India-Mercedes) 1:40.058 – 16 Voltas *
18 19 Felipe Massa (Williams-Mercedes) 1:43.064 – 8 Voltas
19 10 Kamui Kobayashi (Caterham-Renault) 1:43.166 – 9 Voltas
20 13 Pastor Maldonado (Lotus-Renault) 1:43.205 – 5 Voltas * – **
21 4 Max Chilton (Marussia-Ferrari) 1:43.649 – 10 Voltas *
Tempo dos 107% no Q1 1:45.672

* Perdeu 5 Posições por causa da Troca de Câmbio
** Perdeu 10 posições devido a Troca do Motor

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Foto: Marussia/Caterham/Mercedes/Force India/Williams/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *