F1 Formula 1 Formula 1 - 1981 Fotos História Ligier

Especial Ligier : Temporada de 1981

1981

A Ligier partia para a sua 6ªTemporada, e tentando buscar ascender mais e mais e dessa vez tentando o Titulo dos Construtores e dos Pilotos. para isso a equipe manteve o seu principal piloto o Francês Jacques Laffite, Trocou os motores Ford Cosworth pelos Matra que ganhou mais de 40 cavalos de potência e contratou o Francês Jean-Pirrie Jabouille, Mas como ele não tinha condições de corrida, então o outro Francês Jean-Pirrie Jarier para substituir Didier Pironi que iria pilotar pela Ferrari. Com a manutenção da estrutura, a Ligier era uma das candidatas ao Titulo junto com a Williams, Brabham, Renault e Ferrari.

Mas infelizmente o inicio os resultados não foram muito animadores. na Estreia em Long Beach um 10ºlugar de Jarier e 12ºlugar de Laffite no Grid, Mas Ambos não completaram a corrida, Jarier com problemas na bomba de combustível e Laffite por causa de Colisão. Na Segunda corrida a equipe já teve um desempenho um pouco melhor, Mas muito longe das suas expectativas. No Chuvoso GP do Brasil Laffite que largou em 16º terminou a corridaem 6º e marcou seu primeiro ponto na temporada e Jarier Largando do 23ºlugar completou a prova em 7ºLugar.

Jean-Pirrie Jabouille volta ao time a partir da etapa da Argentina, Mas nem nessa corrida e nem em San Marino a Ligier se saiu bem, Na Argentina Jabouille nem conseguiu colocar o carro no Grid de largada e acabou não classificado em San Marino, Enquanto que Laffite não completou ambas as corridas.

Só a partir do GP da Bélgica é que a Ligier consegue um grande resultado, Jacques Laffite largaria em 9ºlugar e após 54 voltas em Zolder o Francês chegou a 36 segundos atrás de Carlos Reutemann que venceu a corrida e foi para o pódio junto do Argentino Reutemann e do Inglês Nigel Mansell, Jabouille largou em 16ºlugar e acabou abandonando com problemas de Transmissão.

Em Mônaco Jabouille teve outro fracasso, não classificando para a prova em Mônaco, Mas Laffite  teve mais um final de semana feliz, Após largar da 8ªposição e encerrar a prova em 3ºlugar chegando de novo ao pódio.

Na Corrida seguinte em Jarama na Espanha Laffite faz grande final de semana, Com 1:13,754 ele garantiu a primeira pole na temporada de 1981 para a Ligier que pelo menos para o Veterano piloto francês de 37 anos vinha em ascensão, Já Jabouille largava em 19º quase 3 segundos mais lento que Laffite.

Na Corrida Laffite teve uma péssima largada caindo para o 11ºlugar, Mas partindo de uma recuperação incrível o Francês galgou posição a posição até que na volta 62 quando Laffite passou a John Watson assumindo o 2ºlugar. E Dai Laffite lutou para ultrapassar ao Canadense Gilles Villeneuve, Mas era o dia de Gilles que com uma Ferrari que se mostrava uma decepção não tão grande como a de 1980 mas ainda assim com um desempenho decepcionante ele conquistou a vitória com Laffite, Watson, Reutemann e De Angelis todos separados por apenas 1.231 segundos, Em Três corridas Laffite conseguia 16 pontos dos 17 que ele já tinha conquistados na temporada e estando na 5ªposição no campeonato, a Ligier tinha naquele momento tinha a 4ªposição com os 17 pontos feitos por Laffite contra 61 da Williams, 26 da Ferrari e 25 da Brabham, Com a Williams dominando era praticamente impossível lutar pelo campeonato de construtores já com que a Ligier não tinha um segundo piloto. E Para Jabouille o GP da Espanha foi o último GP da Carreira, Ele devido a um acidente em 1980 no GP do Canadá quando estava na Renault ele teve a perna quebrada e os desempenhos dele mostraram sua falta de Condições físicas. Com isso Jabouille saiu da equipe e para o seu lugar entrava um piloto que estava na Theodore (Equipe de F1 de Hong Kong) O Jovem Partick Tambay que já tinha feito um ponto no campeonato com esse carro de equipe pequena.

Tambay Estreou na Ligier no GP da França na casa da equipe Azul, Mas não fez muita coisa, Largou em 16º e acabou tendo problemas de Rolamento de Roda e deixou a corrida, Já Laffite que largou em 6ºlugar teve problemas na suspensão e deixou a prova.

Na Inglaterra um Grid fraco para Laffite e Tambay, eles largaram em 14º e 15ºlugar respectivamente, Na Corrida Laffite fez grande corrida e conseguiu o pódio na 3ªposição, Já Tambay abandonou a corrida com problemas de Ignição. A Mesma coisa acontece na Alemanha, Laffite novamente no pódio em 3ºlugar após largar numa posição melhor (7ºlugar), Já Tambay Continuava tendo azar, Após largar na 11ªposição o Francês abandonava a corrida. Se para Laffite ele estava mantendo alguma chance de Título para a Ligier era ruim pois estavam tendo pontuação apenas com 1 piloto e isso estava comprometendo o campeonato de Construtores para eles.

Na Áustria na fantástica pista de Osterrechring Laffite largou na 4ºposição com seu Ligier-Matra e fazendo uma grande corrida o velho Francês levou a Ligier a 7ªvitória na sua História na Formula 1, Laffite passou as Ferraris de Villeneuve e Pironi, Passou Piquet e depois esperou a Quebra de Prost e na volta 39 Laffite passou a Arnoux e administrou a Vitória após 53 voltas numa chegada apertada entre ele, Arnoux, Piquet e Jones. Laffite passava a ter 34 pontos e estava a 11 de Reutemann e a 5 de Piquet na terceira posição o título de pilotos começava a ser muito possível para esse grande piloto Francês. Já Tambay largou em 17ºlugar a acabou deixando a prova ainda na parte inicial de prova com problemas de Motor.

Na Holanda e na Itália foram corridas para se esquecer, Na Holanda Laffite largou em 6º e Tambay em 11º e acabaram ambos batendo e deixando a corrida. Já na Itália Laffite largaria em 4º e Tambay largaria em 15º lugar e o vilão dessa vez foi furo de pneu em ambos os carros. Com duas provas para terminar o campeonato o Título para Laffite se via distante das suas mãos com 34 pontos ele estava a 15 pontos sobre Reutemann e a 12 sobre Piquet além dos 3 pontos sobre Prost e Jones. Mas tudo poderia acontecer com 18 pontos ainda em jogo.

E não é que aconteceu o Diluvio em Montreal, Todo mundo se lembra da Heroica pilotagem de Gilles Villeneuve, Mas Laffite fez uma corrida espetacular nesse dia e largando da 10ªposição o piloto Francês venceu a corrida e com os 9 pontos ele saiu do Canadá ainda com possibilidades de título com um carro  que se demonstrava não ser muito rápido, Mas que com o Talento de um piloto como Laffite compensou as deficiências do equipamento. Se Laffite levava a Ligier para a 8ªvitória na sua carreira o outro piloto da equipe Partick Tambay abandonava sua 7ªcorrida em 7 participações na Ligier com problemas de Rotação que obrigaram ele a deixar a prova mais uma vez nas primeiras voltas de prova.

Em Las Vegas num estacionamento de um Casino seria realizada a decisão do Título de 1981 entre Reutemann com 49, Piquet com 48 e Laffite com 43. Laffite só tinha uma opção para ser o campeão: Se ele vencesse a prova desde que Reutemann não passasse do 5ºlugar e que Piquet não passase do 4ºlugar para que a Festa do campeonato seja Francesa.

Os Treinos Partick Tambay conseguiu a 7ªposição no Grid de largada e Laffite um 12ºlugar contra o 1º de Reutemann e o 4ºlugar de Piquet.

A Corrida foi uma coisa de doido, Partick Tambay teve um acidente doido, a Parte da frente foi destruída de uma forma que não sabemos como foi, O piloto estava mancando depois do acidente. Já Laffite viu problemas com o Reutemann e Estava na Frente de Piquet, até a metade da corrida parecia que as coisas conspiravam a favor do piloto Francês, Mas Faltando 30 voltas para o final seu carro perde rendimento e ele cai lá para trás, para o 8ºlugar, Ainda no final consegue ganhar posições de Reutemann e de Watson e com isso salva um ponto, Mas que foi insuficiente para conquistar o título até por que Piquet fez 2 pontos com o 5ºlugar e faturou o campeonato de 1981, Laffite perdeu o terceiro lugar para Alain Jones e acabou o campeonato com 44 pontos ganhos com 2 vitórias, 1 pole, 7 Pódios e 1 melhor volta. E os mesmos 44 pontos a Ligier levou na temporada já que nenhum dos pilotos que correu como companheiro de Laffite conseguiu marcar algum ponto no campeonato. A Ligier fechou o ano em 4ºlugar no Mundial de construtores, As Atenções estavam agora voltadas para a temporada de 1982 e as expectativas são as melhores já que eles já estavam entre as melhores equipes da Formula 1 na era atual.

Números da Ligier em 1981:

GPS: 30 (Largou em 27 GPS)
Vitórias: 2
Poles: 1
Pódios: 7
Pontos: 44
Pneus: Michelin
Motor: Matra V12 3.0 Litros
12 cilindros em V – 2993 cm³
Potência: 520 Cavalos a 13.200 RPM
Pilotos:
Jacques Laffite
Jean-Pirrie Jabouille
Partick Tambay
Número de Voltas Completadas: 1.114

Ligier JS17
Projetistas: Gérard Ducarouge (Diretor Técnico) e Michel Beaujon (Design)
Chassi: Monocoque em Alumínio
Peso: 585 kg
Transmissão: Hewland FGB 400 com 5 Marchas
Combustível e Lubrificante: Elf
Amortecedores: Koni
Freios: Freios a  disco
Comprimento:
Distância entre eixos: 2780 mm
dianteira: 1710 mm
traseira: 1678 mm

 

Vídeo do Acidente do Partick Tambay em Las Vegas:

Fotos:

Texto: Deivison da Conceição da Silva

Fotos: Bestlap / Formel1mic

Capitulos Anteriores:

Temporada de 1976
Temporada de 1977
Temporada de 1978
Temporada de 1979
Temporada de 1980

2 comments

  1. Pingback: Especial Ligier : Temporada de 1982 | Portal Sportszone

  2. Pingback: Portalsportszone – Projeto 2016 – crowdfunding – Portal Sportszone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.