Felipe Massa conquista a pole depois de mais de 5 anos na seca

Felipe Massa conquista a pole depois de mais de 5 anos na seca
A Volta do GP da Áustria marca para Felipe Massa como a volta do piloto Brasileiro a pole position, Com 1:08.759 feito no final do treino oficial e contando com a Sorte de ver Rosberg não melhorando e Hamilton errando no final do Treino, Essa foi a Primeira pole position desde do GP do Brasil de 2008 e a primeira da Williams nessa temporada e com Dobradinha já que o Finlandês Valtteri Bottas larga em segundo lugar e conquistou seu melhor grid na sua carreira na formula 1. A

Williams do Fundo do poço em 2013 para uma dobradinha na primeira fila na 8ªEtapa na Áustria. Como é bom ter dois pilotos na equipe pela qualidade deles e não por causa do dinheiro. Uma lição que a Williams dá para o resto do mundo de que pilotos pagantes não dão resultados a longo prazo para equipes que querem crescer.

A Mercedes ficou com o terceiro lugar com Nico Rosberg e Lewis Hamilton errou na sua volta e com isso vai largar em 9ºlugar, Pensando no campeonato é mais vantagem para Rosberg que tem 22 pontos sobre Hamilton. Fernando Alonso levou sua Ferrari para o 4ºlugar o que é muito para a equipe italiana no estágio do carro deles hoje. Daniel Ricciardo que venceu no Canadá deu mais um Vareio em Sebastian Vettel que acabou de fora da parte final e vai largar em 12ºlugar, Beneficiado pela punição de Sérgio Perez que classificou seu carro em 11ºlugar, Mas com a perda de 5 posições no Grid de largada Perez vai largar em 16º Beneficiando a 5 pilotos inclusive a Sebastian Vettel.

Destaques para Kevin Magnussen com a Mclaren largando em 6ºlugar e para Danill Kvyat que fez o 7ºtempo, eles acabaram massacrando seus companheiros de equipe que ficaram no Q2.

No final do Grid Definitivamente a Sauber parece se juntar ao bloco das últimas posições e pior disso perdendo terreno para a Marussia e a Caterham. As três equipes já foram minadas do treino logo após a primeira fase do treino.

Grid de largada do GP da Áustria de Formula 1:

1 19 Felipe Massa (Williams-Mercedes) 1:08.759 – 19 Voltas
2 77 Valtteri Bottas (Williams-Mercedes) 1:08.846 – 19 Voltas
3 6 Nico Rosberg (Mercedes) 1:08.944 – 17 Voltas
4 14 Fernando Alonso (Ferrari) 1:09.285 – 25 Voltas
5 3 Daniel Ricciardo (Red Bull Racing-Renault) 1:09.466 – 22 Voltas
6 20 Kevin Magnussen (McLaren-Mercedes) 1:09.515 – 29 Voltas
7 26 Daniil Kvyat (STR-Renault) 1:09.619 – 21 Voltas
8 7 Kimi Räikkönen (Ferrari) 1:10.795 – 23 Voltas
9 44 Lewis Hamilton (Mercedes) Sem Tempo – 15 Voltas
10 27 Nico Hulkenberg (Force India-Mercedes) Sem Tempo – 23 Voltas
11 22 Jenson Button (McLaren-Mercedes) 1:09.780 – 22 Voltas
12 1 Sebastian Vettel (Red Bull Racing-Renault) 1:09.801 – 15 Voltas
13 13 Pastor Maldonado (Lotus-Renault) 1:09.939 – 18 Voltas
14 25 Jean-Eric Vergne (STR-Renault) 1:10.073 – 19 Voltas
15 11 Sergio Perez (Force India-Mercedes) 1:09.754 – 18 Voltas *
16 8 Romain Grosjean (Lotus-Renault) 1:10.642 – 21 Voltas
17 99 Adrian Sutil (Sauber-Ferrari) 1:10.825 – 10 Voltas
18 21 Esteban Gutierrez (Sauber-Ferrari) 1:11.349 – 10 Voltas
19 17 Jules Bianchi (Marussia-Ferrari) 1:11.412 – 9 Voltas
20 10 Kamui Kobayashi (Caterham-Renault) 1:11.673 – 10 Voltas
21 9 Marcus Ericsson (Caterham-Renault) 1:12.673 – 11 Voltas
22 4 Max Chilton (Marussia-Ferrari) 1:11.775 – 10 Voltas **
Tempo dos 107% no Q1: 1:14.379

* Punido por provocar acidente com Felipe Massa no GP do Canadá
** Punido por provocar acidente

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Foto: Williams

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *