F1 Formula 1 Formula 1 - 1980 Fotos História Ligier

Especial Ligier : Temporada de 1980

A Temporada de 1980 a Ligier precisaria confirmar que era uma das forças da Formula 1, para isso projetou um novo Chassi com conceitos do Chassi de 79, o JS11-15. Manteve Jacques Laffite e Contratou o Jovem Didier Pironi para o Segundo Carro da Ligier e o Motor continuava sendo os motores Ford, A Temporada da Ligier começou muito bem, na primeira corrida na Argentina a Equipe ficou com o 2º e 3º Lugar no Grid Com Jacques Laffite e Didier Pironi respectivamente, apesar de não terminar a corrida com problemas no motor. A Equipe conseguiu se manter forte, Conseguiu os primeiros pontos com Pironi no GP do Brasil com o 4ºLugar após largarem em 2ºlugar com Pironi e em 5ºlugar com Laffite. Na África do Sul conseguiu um duplo pódio com Laffite em 2º e Pironi em 3º, Em Long Beach a Ligier fez uma corrida discreta demais e após um treino fraco com Pironi largando em 9ºlugar acabou salvando 1 ponto ficando em 6ºlugar, Laffite em 13º no Grid Abandonou a corrida

Em Zolder a Ligier mais uma vez colocou seus pilotos bem colocados no Grid com Pironi em 2º e Laffite em Terceiro, Em solo Belga a equipe Azul conquistou sua primeira vitória na temporada com Didier Pironi, Laffite com problemas acabou apenas em 11ºlugar, Era a 5ªVitória da Ligier na Formula 1. Em Mônaco Pironi dá a Ligier a primeira pole do ano, Mas acaba se acidentando na prova, Laffite foi responsável pelo bom resultado da Ligier largando em 5ºlugar e completando a prova em 2º. Na Casa da Ligier na França (Paul Ricard) Laffite voou baixo e fez a pole position e Pironi em 3ºlugar. Na Corrida Pironi e Laffite conquistam pódio, Mas deixam a vitória escapar, Alan Jones líder do campeonato vencia a prova. Ao final da primeira parte de temporada Jones era o líder com 28, Piquet com 25, Arnoux e Pironi com 23 e Reutemann e Laffite com 16. Nos construtores a Ligier estava com 39 pontos na Vice-liderança do campeonato atrás da Williams com 44 pontos que era a líder do campeonato.

Pironi andou demais em Brands Hatch, mas morreu na praia por causa de 2 pneus furados.

Pironi andou demais em Brands Hatch, mas morreu na praia por causa de 2 pneus furados.

Na Inglaterra dobradinha nos Treinos com pole de Pironi e Laffite em 2º, Mas problemas com os pneus acabaram com a corrida de Ambas as Ligier deixando os dois de fora e vendo Jones vencer e Piquet em segundo abrirem vantagem para Pironi e Laffite. Na Alemanha A Ligier não teve um grande grid de largada, Laffite largaria em 5º e Pironi em 7º. Na corrida Laffite fez grande corrida e levou a Ligier a sexta Vitória na Formula 1, Já Pironi com problemas de Transmissão abandonava a corrida complicando mais ainda na Disputa pelo título.

Na Áustria os pilotos da Ligier largaram na 3ªFila com Laffite na frente de Pironi que estava com uma maré de má sorte, pois na corrida ele abandonou mais uma vez com problemas em seu carro Laffite terminou a corrida em 4ºlugar. Na Holanda mais uma vez Pironi abandona uma corrida, Era o quarto abandono seguido no ano, Largando do 15ºlugar ele bateu na corrida e praticamente deu adeus a disputa do título, Laffite por sua vez largou em 6ºlugar e subiu ao pódio na 3ªposição. Na Itália a Ligier teve seu pior Grid um destruido Pironi com o 13ºtempo e Laffite num sofrível 20ºlugar, Na Corrida Pironi depois de 4 abandonos voltou a marcar pontos ficando em 6ºlugar, Laffite ficou em 9ºlugar. No Canadá já sem qualquer chance de Título os pilotos da Ligier fizeram boas corridas, No Canadá Pironi largou em 3ºlugar e fez excelente corrida, cruzando na frente a mais de 40 segundos de Jones que conquistou o título em Montreal, Mas Pironi queimou a largada e com isso foi punido em 1 minuto jogando o piloto para o terceiro lugar, Laffite ficou em 8ºlugar após largar em 9ºlugar, ele sofreu com a pane seca que fez ele abandonar a prova a 2 voltas do final.

Em Waltins Glen Pironi largou em 7ºlugar e chegou ao pódio de novo na Terceira posição, Laffite largou em 12ºlugar e chegou em 5ºlugar. Ao final do campeonato Jacques Laffite terminou em 4ºlugar com 34 pontos e Didier Pironi em 5ºlugar com 32 pontos a Ligier fechava a temporada com o inédito Vice-Campeonato nos Construtores com 66 pontos, longe dos 120 pontos da Williams que foi a campeã. Com 2 Vitórias, 3 Poles, 11 Pódios e 3 Melhores Voltas Completadas.

Jacques Laffite

Jacques Laffite

Gps: 28
Vitórias: 2
Poles: 3
Pódios: 10
Pontos: 66
Motor: Ford Cosworth DFV
8 Cilindros em V com Ângulo de 90º
2 993 cm³
Potência: 475 Cavalos a 11000 RPM
Pilotos:
Didier Pironi
Jacques Laffite
Número de voltas completadas: 1.415

Chassi: Ligier JS 11-15
Projetistas: Gérard Ducarouge (Diretor Técnico), Michel Beaujon (Design) e
Robert Choulet (Aerodinâmica)
Chassi : Monocoque em alumínio
Peso : 575 kg
Transmissão : Hewland FGA 400 com 5 marchas
Combustível e Lubrificante : Elf
Freios: A Disco
Comprimento:
Distância entre eixos : 2800 mm
dianteira : 1778 mm
traseira : 1608 mm

Fotos:

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Bestlap / Formel1mic

Capitulos Anteriores:

Temporada de 1976
Temporada de 1977
Temporada de 1978
Temporada de 1979

1 comment

  1. Pingback: Especial Ligier : Temporada de 1992 | Portal Sportszone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.