Mercado de pilotos da MotoGP para 2019

Na categoria principal do Motociclismo Mundial praticamente todas as vagas estão definidas para ano que vem.

Na Repsol Honda, O Campeão Marc Marquez vai para a sua 7ªtemporada e terá seu maior desafio da sua carreira, Com Jorge Lorenzo como seu companheiro de equipe em 2019. O Gladiador do Asfalto que ficou 2 anos na Ducati vem para a Honda para voltar a disputar o título. Lorenzo foi campeão em 2010, 2012 e 2015 sempre pela Yamaha.

LCR Honda, mantem o inglês Cal Crutchlow e o Japonês Takaagi Nakagami na equipe. Com a saída da Marc VDS, A equipe de Lucio Cecchinello passa a ser a única equipe satélite da Honda.

Na Ducati, Andrea Dovizioso será o principal piloto da equipe oficial para a temporada de 2019, Mais forte do que nunca já que ele se saiu vitorioso na pista com Jorge Lorenzo. Seu companheiro de equipe será o questionável Danilo Petrucci, O Italiano que corre pela Pramac vem fazendo uma segunda parte de campeonato muito fraca. A Tal ponto de perder de pilotos com a Ducati do ano anterior.

A Ducati não terá mais a Angel Nieto/Aspar Martinez como equipe satélite. A Pramac é a principal equipe satélite. Jack Miller será o primeiro piloto da equipe, e terá como Companheiro de equipe o Campeão da moto 2, Francesco Bagnaia. Se for como é no ano passado. A Moto de 2019 da Ducati vai para Miller e Bagnaia terá a Ducati desse ano (2018). A Avintia provavelmente vai ter o piloto Espanhol Tito Rabat (Ainda não confirmaram a renovação do piloto Espanhol) que estava tendo sua melhor temporada na MotoGP. O piloto confirmado na equipe é o Tcheco Karel Abraham que corre pela Angel Nieto com a moto de 2016 da Ducati.

Na Yamaha, Se espera uma temporada melhor, Valentino Rossi e Marevick Viñales continuam na equipe principal. Os dois estão brigando e travando uma guerra interna pela liderança da equipe. A Yamaha perde a Tech 3 como equipe Satélite. Mas terá a Petronas Sprinta Yamaha Racing. É uma fusão entre a Aspar Martinez e a SIC Racing e terá como pilotos O Ítalo-brasileiro Franco Morbidelli (Vindo da Marc VDS) e o Francês Fabio Quartararo que sobe da Moto 2 para a categoria principal após uma bela temporada com a moto da Speed UP.

A Suzuki terá uma dupla jovem com grande potencial de futuro. Alex Rins em sua terceira temporada e vindo do seu melhor momento na carreira. Seu companheiro de equipe é o Talentoso Joan Mir, O Espanhol foi campeão do Mundial de moto 3 em 2017 e nesse ano faz uma bela temporada com a moto da Marc VDS na moto 2. A Suzuki tem uma moto que é capaz de vencer prova em 2019.

A KTM após 2 temporadas modestas tendo alguns resultados interessantes vai tentar dar um salto para a parte da frente do pelotão. Para isso eles contrataram o Francês Johann Zarco, Que terá uma moto de Fábrica a sua disposição. Seu companheiro de equipe será o Espanhol Pol Espargaró que esta na equipe desde do ano de 2017. A KTM ganhou junto da contratação de Zarco a equipe Tech 3 de Hervé Poncharal larga a Yamaha depois de 16 anos de parceria para ser a equipe satélite da KTM. Vai ter como pilotos o Malaio Hafizh Syarhin que vai para a sua segunda temporada e o Vice-campeão da moto 2, O Português Miguel Falcão Oliveira. O primeiro piloto de Portugal a correr na categoria principal do Mundial de Motovelocidade.

A Aprilla continua sem uma equipe satélite assim como a Suzuki, Mas ao contraio da Suzuki ainda não demonstrou que possa disputar bons resultados de forma constante. Em 2016 parecia que a fabrica italiana iria dar o passo a frente. Porém nos 2 últimos anos eles ficaram uns 2 passos para trás. Para recuperar o terreno a equipe Gresini contratou Andrea Iannone que veio da Ducati e Suzuki nos últimos 4 anos e mantiveram o trabalhador Aleix Espargaró.

Lista de Pilotos para a Temporada de 2019 da Categoria MotoGP

Ducati Team Ducati Desmosedici GP19
4. Andrea Dovizioso Itália
9. Danilo Petrucci Itália
Red Bull KTM Factory Racing KTM RC16
5. Johann Zarco França
44. Pol Espargaró Espanha
Reale Avintia Racing Ducati Desmosedici
Vago
17. Karel Abraham República Tcheca
Petronas Sprinta Yamaha Racing Yamaha YZR-M1
21. Franco Morbidelli Itália
Fabio Quartararo França
Monster Energy Yamaha MotoGP Team Yamaha YZR-M1
25. Maverick Viñales Espanha
46. Valentino Rossi Itália
Aprilia Racing Team Gresini Aprilia RS-GP
29. Andrea Iannone Itália
41. Aleix Espargaró Espanha
LCR Honda Honda RC213V
35. Cal Crutchlow Inglaterra
30. Takaagi Nakagami Japão
Team Suzuki EcStar Suzuki GSX-RR
42. Álex Rins Espanha
Joan Mir Espanha
Pramac Racing Ducati Desmosedici
43. Jack Miller Austrália
Francesco Bagnaia Itália
Red Bull KTM Tech 3 KTM RC16
55. Hafizh Syahrin Malásia
Miguel Falcão Oliveira Portugal
Repsol Honda Team Honda RC213V
93. Marc Marquez Espanha
99. Jorge Lorenzo Espanha

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *