Em Motegi: Martin caiu e Bezzecchi Venceu no final, diferença entre os dos cai para 1 ponto

Uma sensacional prova da Moto 3 aconteceu em Motegi no Japão. Que acabou com a vitória de Marco Bezzecchi nos últimos metros e o Campeonato acabou de novamente embolar. Com a queda de Jorge Martin na 15ªVolta, A diferença passou de 26 pontos para apenas 1 entre o piloto Espanhol da Gresini e o piloto da Pruestel GP.

Gabriel Rodrigo larga bem, Com Bezzecchi, Martin e McPhee a seguir. Na segunda parte da primeira volta, Bezzecchi passou a liderança enquanto que Martin e McPhee disputavam a 3ªposição. Aron Canet caiu na 4ªCurva e abandonou a prova.

Na 2ªVolta, Um acidente feio entre Vicente Perez e Niccolò Antonelli. Sendo o piloto da Avintia o causador desse incidente. Na volta 4, Na entrada da curva do primeiro túnel, Bezzecchi acabou errando e deixando a liderança para Rodrigo novamente, A liderança do Argentino durou pouco, Martin foi para cima e ao ver a porta aberta assumiu a liderança. No final da última reta do circuito, Bezzecchi passou o piloto da RBA e foi para a 2ªposição.

Os dois principais postulantes ao título trocaram de posição na liderança. Na entrada da curva 5, Lorenzo Dalla Porta faz uma manobra bem ousada e que deu certo, Subindo para o 2ºlugar. No final dessa volta, Fabio di Giannantonio sofreu um violento acidente que culminou em um abandono de prova. Pelas informações da Dorna, Ele esta com traumatismo craniano. Dalla Porta assumiu a liderança ao ultrapassar Bezzecchi na 8ªVolta, Já Martin passou Rodrigo indo para o 3ºlugar. No final da volta, O piloto da PruestelGP voltou a liderança. Masaki acabou caindo na curva 3 deixando a prova.

Martin em poucas curvas da 10ªpassagem passou Dalla Porta e Bezzecchi e assumiu a liderança por algumas curvas, Bezzecchi voltou à liderança e Darryn Binder passou para a segunda posição.

Martin na 12ªvolta recuperou a 3ªposição perdida por 1 volta sobre o Dalla Porta e foi para cima de Binder que buscava chegar no vice-líder do campeonato. Na Curva 6 da Volta seguinte Martin passou o Sul-Africano e três curvas depois Martin fica por dentro pra cima do Bezzecchi e Binder tentou uma manobra que quase acabou levando Martin e Bezzecchi para o Chão. Martin assumiu a liderança com Bezzecchi e Binder logo atrás.

Curvas depois houve várias mudanças de liderança. Primeiro, Bezzecchi voltou a liderança deixando Martin para Trás. Depois o Italiano erra e o líder do campeonato e o piloto Sul-Africano passaram as 2 primeiras posições, Mas tudo mudou curvas depois. Na 14ªVolta a liderança estava com Darryn Binder com Bezzecchi, McPhee, Martin e Dalla Porta.

O que não estava muito bom para Martin acabou por piorar, A menos de 5 voltas e meia para o final, O Espanhol acabou caindo na curva 11 e abandonou a prova e perdeu a possibilidade de abrir ou de administrar bem sua vantagem na liderança do campeonato. A 4 voltas do final, Tony Arbolino entra na disputa pela vitória, Binder e Dalla Porta brigavam pelo 2ºlugar e nessa história toda Bezzecchi tentou abrir vantagem para eles. Parecia que a fatura estava liquidada, Mas a batalha não tinha acabado, Já que Darryn Binder buscou tirar essa vantagem de meio segundo que o vice-líder do campeonato tinha ao seu favor.

Na Volta final, Binder foi para cima de Bezzecchi e vai para a liderança, Depois disso o Sul-Africano sofre grande pressão e segura a primeira posição, A vitória parecia certa, Mas Bezzecchi acabou pegando o vácuo na reta e a sorte é do piloto da Preustel é que a reta foi longa o bastante para permitir a ultrapassagem que deu ao Italiano a vitória. Foi o melhor dos Mundos para Bezzecchi, que marcou 25 pontos e acabou tirando praticamente toda a vantagem que Jorge Martin tinha na classificação do campeonato. Agora os dois estão separados por apenas 1 ponto de distância.

Lorenzo Dalla Porta também aproveitou o vácuo e acabou a prova em 2ºlugar com uma vantagem de 1 milésimo sobre Darryn Binder que conquistou seu primeiro pódio na Moto 3. Esse resultado pode ajudar ele a ter uma moto para 2019, Foi a melhor atuação do irmão de Brad Binder no mundial de motovelocidade.

Dennis Foggia fez mais uma bela corrida e ficou em 4ºlugar, O Italiano faz uma grande 2ªMetade de temporada. John McPhee em belo final de semana conquistou a 5ªposição chegando a brigar pelas primeiras posições na primeira parte da prova. Tony Arbolino que chegou a arriscar disputar a vitória acabou em 4ºlugar.

Enea Bastianini ficou abaixo da média ao chegar em 7ºlugar, O pole position Gabriel Rodrigo começou bem, Mas não teve moto para disputar a vitória e ficou em 8ºlugar. O Japonês Ayumu Suzuki terminou o GP de sua casa em 9ºlugar e Jakub Kornfeil venceu a disputa no segundo pelotão fechou os 10 primeiros colocados. Destaque para dois pilotos, Primeiro o Italiano Celestino Vietti que substitui Niccolò Bulega que se machucou na sua casa, Ele mostrou competência e acabou a prova em 14ºlugar e marcou seus 2 primeiros pontos no Mundial de Motovelocidade. E a piloto Shizuka Okazaki que foi a represente feminina nesse final de semana. Ela completou a prova em 23ºlugar.

Semana que vem teremos o GP da Austrália e a disputa do campeonato voltou a ficar indefinida entre Jorge Martin e Marco Bezzecchi.

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultado final do GP do Japão
Mundial de Motovelocidade – Moto 3

pos Piloto Equipe Moto Tempo
1 12 Marco Bezzecchi Redox PruestelGP KTM 39’35.653
2 48 Lorenzo Dalla Porta Leopard Racing Honda a 0.041
3 40 Darryn Binder Red Bull KTM Ajo KTM a 0.042
4 10 Dennis Foggia SKY Racing Team VR46 KTM a 0.212
5 17 John McPhee CIP – Green Power KTM a 0.251
6 14 Tony Arbolino Marinelli Snipers Team Honda a 0.350
7 33 Enea Bastianini Leopard Racing Honda a 0.404
8 19 Gabriel Rodrigo RBA BOE Skull Rider KTM a 1.561
9 71 Ayumu Sasaki Petronas Sprinta Racing Honda a 3.137
10 84 Jakub Kornfeil Redox PruestelGP KTM a 7.965
11 5 Jaume Masia Bester Capital Dubai KTM a 8.364
12 42 Marcos Ramirez Bester Capital Dubai KTM a 8.435
13 16 Andrea Migno Angel Nieto Team Moto3 KTM a 8.561
14 31 Celestino Vietti SKY Racing Team VR46 KTM a 9.041
15 24 Tatsuki Suzuki SIC58 Squadra Corse Honda a 9.237
16 65 Philipp Ottl Sudmetal Schedl GP Racing KTM a 9.898
17 27 Kaito Toba Honda Team Asia Honda a 10.897
18 72 Alonso Lopez Estrella Galicia 0,0 Honda a 15.691
19 7 Adam Norrodin Petronas Sprinta Racing Honda a 15.704
20 81 Stefano Nepa CIP – Green Power KTM a 24.185
21 41 Nakarin Atiratphuvapat Honda Team Asia Honda a 24.581
22 22 Kazuki Masaki RBA BOE Skull Rider KTM a 41.928
23 13 Shizuka Okazaki Kohara Racing Team Honda a 1’48.336
24 36 Yuto Fukushima Team Plus One Honda a 1 Volta
88 Jorge Martin Del Conca Gresini Moto3 Honda a 6 Voltas
75 Albert Arenas Angel Nieto Team Moto3 KTM a 10 Voltas
21 Fabio Di Giannantonio Del Conca Gresini Moto3 Honda a 15 Voltas
23 Niccolo Antonelli SIC58 Squadra Corse Honda a 19 Voltas
77 Vicente Perez Reale Avintia Academy 77 KTM a 19 Voltas
44 Aron Canet Estrella Galicia 0,0 Honda a 20 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *