Mercado da Formula 1 – Leclerc e Raikkonen trocam de papeis em 2019

O que se previa e o que se desejava, acabou acontecendo. A contratação de Charles Leclerc pela Ferrari da uma mudança não só para o primeiro pelotão da Formula 1 como uma oxigenação para a própria Ferrari.

O piloto Monegasco que faz sua primeira temporada pela Sauber e tem um desempenho notável, Com algumas participações no Q3 e com resultados significativos: Como o 6ºlugar no GP do Azerbaijão. A sua contratação foi concluída em 25 de Junho de 2018 com a assinatura do contrato.

Com a morte do Sergio Marchionne, A Nova direção da Ferrari John Elkann e Louis Camilleri tentaram condicionar a permanência do Raikkonen por mais uma temporada, Mas no dia do GP da Itália, A Ferrari deu a nota de que Kimi Raikkonen não renovaria o seu contrato com a equipe italiana. E nessa Segunda-feira foi confirmado que Leclerc vai correr pela Ferrari em 2019. Logo depois desse anuncio, Kimi Raikkonen confirmou seu retorno a Sauber para correr na equipe suíça pelas próximas 2 temporadas.

Para mim é uma enorme surpresa que Raikkonen queira topar correr de novo pela equipe Sauber, Equipe pela qual ele estreou na temporada de 2001. Uma estreia controversa após uma carreira de apenas 21 corridas em um Carro de Formula Renault e duas corridas de Formula Ford. (23 corridas em carros de Monoposto) Deram a super licença para ele por 4 corridas, Após os bons desempenhos nas primeiras corridas acabaram confirmando sua super licença para o resto da temporada.

Em 2002, ele foi para a Mclaren aonde ele ficou por 5 temporadas, Sendo as temporadas de 2003 e 2005 as melhores dele, Conquistando em ambos o vice-campeonato de pilotos. A Partir de 2007 ele passou a correr pela Ferrari. Em seu ano de estreia acabou conquistando o campeonato com um final de temporada sensacional, Se aproveitando da guerra interna que teve na Mclaren.

Em 2008, Raikkonen teve um ano apagado e ficou longe da disputa do título. Após a temporada de 2009, O piloto Finlandês deixar a Formula 1 e vai correr do WRC por 2 anos, Em 2011, disputa provas pela Nascar. Sua volta foi em 2012 pela equipe Lotus, E foi uma brilhante temporada. Com 18 vezes entre os 10 primeiros colocados, 7 pódios e 1 vitória obtida no GP de Abu Dhabi em 2012. Raikkonen acabou o ano na 3ªposição do campeonato.

O ano de 2013 começou com vitória no GP da Austrália, essa foi sua última vitória. Raikkonen teve um ótimo ano na pista, Mas complicado nos bastidores em relação aos salários. O homem de Gelo acabou acertando sua volta a Ferrari.

Em 2014, Um ano péssimo, Apenas 12ºlugar no campeonato. Em 2015 ele teve um ano melhor e acabou ficando em 4ºlugar com 150 pontos, Porém ele era criticado pela imprensa e desde de já era cogitado outros pilotos para o lugar dele. Em 2016 e 2017 Raikkonen continua sendo questionado pela imprensa sobre a sua permanência na Ferrari. Porém era pedido de Vettel que Raikkonen ficasse na equipe, Até para se evitar que o piloto alemão com status de primeiro piloto tivesse concorrência.

Em 2018, Kimi vem fazendo seu melhor ano pela Ferrari, desde da sua volta a equipe Italiana. Com 164 pontos, 1 pole, 9 pódios e o 3ºlugar no Mundial de Pilotos. Na corrida passada, Raikkonen ficou bem perto da vitória após fazer um iluminado final de semana em Monza, Marcando a pole position e liderando a maior parte da prova. A Vitória escapou de suas mãos devido ao excessivo desgaste dos seus pneus na segunda metade de prova.

Com a sua ida a Sauber, Kimi que tem nesse momento 287 participações em Grandes Prêmios certamente vai superar o recorde de participações em provas de Formula 1 obtido por Rubens Barrichello desde do GP da Turquia de 2008 até hoje. O piloto Brasileiro que correu entre 1993 até 2011 teve 326 participações.

O que muda com essas 2 contratações é que agora a Ferrari tem seus dois pilotos Fechados para 2019. Nesse momento Além da Equipe Italiana, Mercedes, Red Bull, Mclaren e Renault fecharam suas duplas para 2019. Resta confirmar Lance Stroll e Sergio Perez na Racing Point. Resta 2 vagas na Haas, 1 Vaga na Sauber, 2 vagas na Toro Rosso e 2 Vagas na Williams.

Mercado de Pilotos para 2019:

Equipes Piloto 1 Piloto 2
Mercedes Lewis Hamilton (Inglaterra) Valtteri Bottas (Finlândia)
Ferrari Sebastian Vettel (Alemanha) Charles Leclerc (Mônaco)
Red Bull Max Verstappen (Holanda) Pierre Gasly (França)
Renault Nico Hulkenberg (Alemanha) Daniel Ricciardo (Austrália)
Haas Kevin Magnussen (Dinamarca)* VAGO
Racing Point Lance Stroll (Canadá)* Sergio Perez (México)*
Toro Rosso VAGO VAGO
Mclaren Carlos Sainz jr. (Espanha) Lando Norris (Inglaterra)
Sauber Kimi Raikkonen (Finlândia) VAGO
Williams VAGO VAGO

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Sauber/Ferrari/Lotus

Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *