Dovizioso domina final de semana em Brno, Com pole e Vitória magistral

Classificação: Na Volta as ferias da MotoGP, tivemos 26 pilotos

No Q1, Miller começou na frente, Mas não demorou muito para Viñales impor seu favoritismo e assumir a liderança do treino com 1:56.109. Miller, Bautista e Morbidelli vinham logo atrás.

A 8 minutos e meio do final, Alvaro Bautista faz 1:56.258 e assume o segundo lugar a 150 milésimos do piloto da Yamaha. O segundo lugar de Bautista durou por um minuto. Alex Rins marcou 1:56.181 e passou ao 2ºlugar. A menos de 7 minutos para o final do treino: Viñales, Rins e Bautista que melhorou seu tempo vinham separados por apenas 77 milésimos. Miller, Morbidelli, Smith, Nakagami e Syarhin vinham muito perto desses três (Menos de 4 décimos entre eles os 8 primeiros colocados.

Nos minutos finais, Viñales colocou os cronômetros para baixo fazendo 1:55.538, praticamente garantindo seu lugar no Q2, Enquanto que Jack Miller caiu e abandonou a Briga pelo segundo lugar. Quando Syahrin fez o 4ºTempo com 1:56.2 o piloto da casa na Moto GP Karel Abraham caiu também.

Bautista marcou 1:56.031, Rins teria que responder essa volta ou terminar o dia com o 13ºlugar no Grid de largada. O piloto da Suzuki conseguiu e com 1:55.852 levou a sua Suzuki para o Q2 junto de Viñales. O Italo-Brasileiro Franco Morbidelli ficou em 3º a 177 milésimos de Rins em 3ºlugar. Alvaro Bautista caiu na sua volta final e acabou de fora do Q2.

Resultado do Q1:

Pos Pilotos Equipe Moto Tempo
1 25 Maverick Viñales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’55.538
2 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’55.852
3 21 Franco Morbidelli EG 0,0 Marc VDS Honda 1’56.029
4 19 Alvaro Bautista Angel Nieto Team Ducati 1’56.031
5 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’56.218
6 55 Hafizh Syahrin Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’56.285
7 43 Jack Miller Alma Pramac Racing Ducati 1’56.316
8 6 Stefan Bradl HRC Honda Team Honda 1’56.330
9 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’56.353
10 30 Takaaki Nakagami LCR Honda IDEMITSU Honda 1’56.512
11 50 Sylvain Guintoli Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’57.037
12 12 Thomas Luthi EG 0,0 Marc VDS Honda 1’57.208
13 17 Karel Abraham Angel Nieto Team Ducati 1’57.217
14 41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’57.250
15 45 Scott Redding Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’57.438
16 10 Xavier Simeon Reale Avintia Racing Ducati 1’58.048

Marquez, Lorenzo e depois os outros pilotos partiram para a disputa pela pole position. Quem poderia parar Marc Marquez que lidera com folga o Mundial de Motovelocidade? A Formiga Atômica em sua primeira volta fez 1:55.559 Com Zarco fazendo 1:56.114. A Marca do piloto da Honda Repsol foi batida, E Bem batida pelo Espanhol Jorge Lorenzo que marcou 1:55.059, Exatamente meio segundo a frente.

Marquez foi superado pelo piloto da LCR Honda Cal Crutchlow que marcou o segundo tempo. Dovizioso vinha em 4º, Com Rins, Pedrosa, Iannone, Zarco, Petrucci, Viñales, Rossi e Rabat nas 12 primeiras posições a 8 minutos e meio do final. Pela primeira metade de Q2, Dava para se arriscar que a pole estava nas mãos do Gladiador do Asfalto.

Faltando 5 minutos para o final, Os pilotos foram para a 2ª e última tentativa de volta. Viñales não melhorou seu tempo. Lorenzo melhorou em 21 milésimos o seu tempo a 1 minuto do final. Marc Marquez a menos de um minuto para o final superou Lorenzo com o tempo de 1:55.055 assumindo a liderança e ficando próximo da pole, Crutchlow marcou 94 milésimos acima da Formiga Atômica para ficar com o 3ºtempo.

Dovizioso, Zarco, Petrucci e Rossi nos segundos finais foram para a pista melhorarem seus tempos, Todos eles melhoraram suas marcas nas 2 primeiras parciais, Dovizioso vinha com as melhores marcas. E foi assim até o final da volta quando o Italiano da Ducati marcou o fenomenal tempo de 1:54.689.

Pole position para Andrea Dovizioso. Valentino Rossi melhorou seu tempo para 1:54.956 e larga em segundo lugar. Os dois jogaram Marc Marquez para o 3ºlugar, Líder do campeonato fecha a primeira fila.

Na segunda fila largam Jorge Lorenzo com a Ducati, que parecia ter a pole nas mãos pela primeira parte da classificação, Cal Crutchlow com a LCR Honda indo muito bem e Danilo Petrucci levando a Pramac para a segunda fila, na 6ºposição.

Johann Zarco com a Tech 3 Yamaha de 2016, Andrea Iannone e Alex Rins com suas Suzuki completando a 3ªfila. Na quarta fila largam Daniel Pedrosa da Honda Repsol, Esteve Rabat com a Avintia, com a moto de 2017 da Ducati largando na frente da Yamaha Oficial de Maverick Viñales.

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Grid de largada:

Pos Pilotos Equipe Moto Tempo
1 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati 1’54.689
2 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’54.956
3 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda 1’54.961
4 99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati 1’55.038
5 35 Cal Crutchlow LCR Honda CASTROL Honda 1’55.055
6 9 Danilo Petrucci Alma Pramac Racing Ducati 1’55.203
7 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’55.221
8 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’55.270
9 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’55.431
10 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda 1’55.474
11 53 Tito Rabat Reale Avintia Racing Ducati 1’55.686
12 25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha 1’55.823
13 21 Franco Morbidelli EG 0,0 Marc VDS Honda 1’56.029
14 19 Alvaro Bautista Angel Nieto Team Ducati 1’56.031
15 38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’56.218
16 55 Hafizh Syahrin Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 1’56.285
17 43 Jack Miller Alma Pramac Racing Ducati 1’56.316
18 6 Stefan Bradl HRC Honda Team Honda 1’56.330
19 44 Pol Espargaro Red Bull KTM Factory Racing KTM 1’56.353
20 30 Takaaki Nakagami LCR Honda IDEMITSU Honda 1’56.512
21 50 Sylvain Guintoli Team SUZUKI ECSTAR Suzuki 1’57.037
22 12 Thomas Luthi EG 0,0 Marc VDS Honda 1’57.208
23 17 Karel Abraham Angel Nieto Team Ducati 1’57.217
24 41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’57.250
25 45 Scott Redding Aprilia Racing Team Gresini Aprilia 1’57.438
26 10 Xavier Simeon Reale Avintia Racing Ducati 1’58.048

Na corrida teríamos 25 pilotos, Pol Espargaró sofreu acidente no Warm up. O piloto da KTM teve fratura na Clavícula esquerda, Que o impediu de disputar a prova no Domingo.

Valentino Rossi largou melhor que Andrea Dovizioso Largada e assumiu a liderança. Na terceira curva, Marevick Viñales acabou se acidentando com Stefan Bradl e com Bradley Smith. (Que ainda acabou voltando a prova e abandonando uma volta depois) Dovi e Rossi disputaram a ponta durante a 1ªVolta até que no final da volta o piloto da Ducati ganha a primeira posição. Rossi, Marquez, Lorenzo, Crutchlow e Petrucci completa os 6 primeiros colocados.

Rossi fica pressionando Dovizioso enquanto que Lorenzo na volta 3 passou Marquez ganhando o terceiro lugar, Cal Crutchlow tentou também passar o líder do campeonato que fechou a porta. O piloto da LCR Honda acabou perdendo posição para Danilo Petrucci e chegou a perder posição para Zarco, Posição recuperada na entrada da 4ªVolta.

Na 5ªVolta, Marquez em uma manobra belíssima em cima do Lorenzo recuperou o 3ºlugar. Esteve Rabat fez a volta mais rápida da prova, Vindo em 11ºlugar logo atrás de Dani Pedrosa. No final da 6ªVolta, Scott Redding acaba caindo e deixando a prova.

No começo da 8ªVolta Lorenzo vai para o ataque em cima de Marquez, Conquista a ultrapassagem e na curva 2 tomou o X da Formiga Atômica. Na Curva 4, Lorenzo passou de novo Marquez e ganha o 3ºlugar. Na Curva 5, Rossi passou Dovizioso e assume a liderança.

Na Volta seguinte, Marquez mais uma vez toma a 3ªposição de Lorenzo, Mais uma linda manobra do piloto da Honda. Enquanto isso, Rabat teve problemas com sua Ducati de 2017 e acabou abandonando a corrida. Marquez foi para cima de Dovizioso na 10ªVolta, Conseguiu a ultrapassagem e na curva seguinte tomou o X. Já Lorenzo não teve a mesma sorte e acabou tomando ultrapassagem de Cal Crutchlow que passou para o 4ºlugar.

Andrea Dovizioso voltou a liderança na volta seguinte ao ultrapassar Valentino Rossi que acabou perdendo posição também para Marc Marquez. No Final da 12ªvolta, Crutchlow passou Rossi. O veterano da MotoGP estava ficando para trás enquanto que o piloto da LCR Honda subia para o pódio nesse momento. Lorenzo e Petrucci completavam os 6 primeiros, Zarco tentava se aproximar da Turma em 7º. Depois vem os dois pilotos da Suzuki (Iannone e Rins) e um Dani Pedrosa em uma triste 10ªposição.

Lorenzo ultrapassou Rossi na 13ªVolta. Os pneus mais macios do Rossi começavam a dar sinais de desgaste. OS 4 primeiros colocados nesse momento eram os 4 pilotos que tinham vencido provas no campeonato. Dovizioso suportava a pressão de Marquez, Com Crutchlow apenas na espera que tentar uma ultrapassagem.

Na Volta 16, Lorenzo dá o bote em cima de Crutchlow na última curva e passa ao 3ºlugar. Marquez foi para cima definitivamente de Dovi querendo sua 6ªVitória em 2018, Porém foi Lorenzo que fez uma magnífica manobra no final da 18ªVolta. Na penúltima curva ele passa Marquez e na curva seguinte passou Dovizioso que acabou voltando a liderança.

A Partir dai, Foi um feroz ataque do Gladiador do asfalto em cima de Dovizioso. Era questão de honra um vencer o outro, O Espanhol fez de tudo para superar Dovizioso, Que das duas vezes deu o troco na curva seguinte. Na Volta final Marquez foi para o ataque e chegou a ganhar a 2ªposição. Lorenzo se recuperou e voltou ao 2ºlugar na metade da volta final.

Porém, Foi tarde demais para superar Dovizioso que conquista a 2ªVitória na temporada, Subindo para o terceiro lugar no campeonato. Melhor que isso, Uma vitória em cima de Jorge Lorenzo o que pode motivar ele para as próximas corridas do ano. Jorge Lorenzo não conseguiu a vitória, Mas foi combativo e ficou em 2ºlugar fazendo a dobradinha da Ducati em Brno.

Marc Marquez fechou o pódio, O que acabou sendo um bom negócio para o piloto da Honda que amplia um pouco mais sua vantagem para Valentino Rossi na Liderança do mundial. O piloto da Yamaha ultrapassou na última curva a Cal Crutchlow e completou a prova em 4ºlugar, Para um piloto de 39 anos estar na vice-liderança do campeonato com uma moto bem problemática como era a moto da Yamaha.

O piloto da LCR Honda fez uma grande corrida, Se não fosse o erro na curva final que permitiu a Rossi a ultrapassagem teria sido perfeita, acabou Ficando em 5ºlugar. Fechando os 6 primeiros lugares o Italiano Danilo Petrucci que fez uma bela corrida.

Johann Zarco foi apagado, em 7ºlugar com sua Tech 3. Dani Pedrosa acabou ultrapassando os dois pilotos da Suzuki e acabou a prova em 8ºlugar. Alvaro Bautista em excelente corrida chegou em 9º e Andrea Iannone e Alex Rins perderam rendimento no final da prova, A Suzuki não conseguiu fazer mais do que o 10º e o 11ºlugar.

Jack Miller deixou um pouco a desejar com o 12ºlugar. Os pilotos que fecharam a zona de pontuação foram Franco Morbidelli da Marc VDS, Hafisz Sharyin da Tech 3 e Aleix Espargaró da Aprilla. Luthi, Nakagami, Abraham Guintoli e Simeon completaram os pilotos que terminaram a prova.

Semana que vem teremos a próxima prova. No Circuito de Spielberg, Na Áustria. A Pergunta que fica é: Quem vai bater as Ducati que são favoritas para esse tipo de circuito?

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultado final do GP da República Tcheca
10ªEtapa do Mundial de Motovelocidade – Moto GP

Pos Pilotos Equipe Moto Tempo
1 4 Andrea Dovizioso Ducati Team Ducati 41’07.728
2 99 Jorge Lorenzo Ducati Team Ducati a 0.178
3 93 Marc Marquez Repsol Honda Team Honda a 0.368
4 46 Valentino Rossi Movistar Yamaha MotoGP Yamaha a 2.902
5 35 Cal Crutchlow LCR Honda CASTROL Honda a 2.958
6 9 Danilo Petrucci Alma Pramac Racing Ducati a 3.768
7 5 Johann Zarco Monster Yamaha Tech 3 Yamaha a 6.159
8 26 Dani Pedrosa Repsol Honda Team Honda a 7.479
9 19 Alvaro Bautista Angel Nieto Team Ducati a 7.575
10 29 Andrea Iannone Team SUZUKI ECSTAR Suzuki a 8.326
11 42 Alex Rins Team SUZUKI ECSTAR Suzuki a 8.653
12 43 Jack Miller Alma Pramac Racing Ducati a 16.549
13 21 Franco Morbidelli EG 0,0 Marc VDS Honda a 19.603
14 55 Hafizh Syahrin Monster Yamaha Tech 3 Yamaha a 21.381
15 41 Aleix Espargaro Aprilia Racing Team Gresini Aprilia a 23.159
16 12 Thomas Luthi EG 0,0 Marc VDS Honda a 27.673
17 30 Takaaki Nakagami LCR Honda IDEMITSU Honda a 28.311
18 17 Karel Abraham Angel Nieto Team Ducati a 41.172
19 50 Sylvain Guintoli Team SUZUKI ECSTAR Suzuki a 42.411
20 10 Xavier Simeon Reale Avintia Racing Ducati a 50.941
53 Tito Rabat Reale Avintia Racing Ducati a 13 Voltas
45 Scott Redding Aprilia Racing Team Gresini Aprilia a 16 Voltas
38 Bradley Smith Red Bull KTM Factory Racing KTM a 20 Voltas
25 Maverick Vinales Movistar Yamaha MotoGP Yamaha a 21 Voltas
6 Stefan Bradl HRC Honda Team Honda a 21 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *