Em Sachsenring, Brad Binder alcança primeira vitória na Moto 2. Marini conquista seu primeiro pódio

Campeão da Moto 3 em 2016, Brad Binder que largou em 10ºlugar acabou conquistando sua primeira vitória na Categoria intermediária. A corrida teve na largada não muito boa de Mattia Pasini. Luca Marini assumiu a liderança com Francesco Bagnaia em 2º e Pasini caindo para o 3ºlugar.

Quem fez uma largada genial foi Miguel Oliveira, Ganhando 6 posições, Subindo do 15º para a 9ªposição. Empolgado ele foi para cima de Xavi Vierge, Talvez foi empolgado demais. Quase os dois cairam. Isso fez o Português recuar para o 12ºlugar, Enquanto que o piloto da Dynavolt caindo para o 16ºlugar.

No final da segunda volta, Na entrada da reta dos boxes O lance que acabou mudando a corrida: Pasini acaba caindo e fazendo Francesco Bagnaia ir para a brita e para a grama, Sorte do líder do campeonato por não ter caído, Porém acabou caindo para o 26ºlugar. Curvas depois Lorenzo Baldassarri cai e abandona a prova.

No meio de tudo isso, Luca Marini abriu um segundo para Joan Mir. Na volta seguinte, o piloto da Marc VDS tirou toda essa vantagem indo para cima do piloto da equipe VR46. A ultrapassagem do piloto Espanhol foi na 5ªVolta. Mir assumiu a liderança.

Mas ao mesmo tempo. Estava tendo outras duas brigas. A briga para o Português Miguel Oliveira para se recuperar na prova. Brigando pelo 6ºlugar com Alex Marquez. Uma bela luta que acabou o piloto da KTM levando a melhor.

Mais atrás, Francesco Bagnaia tinha que escalar o pelotão de trás. A Se destacar que ele teve um pouco de dificuldade para passar o Brasileiro Eric Granado. Possivelmente o piloto da Forward ganhou uma motivação a mais para andar mais forte. Isso ajudou sem dúvida na subida do piloto Brasileiro na prova.

Marcel Schrotter ultrapassou a Sam Lowes e ganhou o 4ºlugar, Ele que queria o pódio em casa, seu primeiro na Carreira. Lá na frente, Mir não se livrou da pressão de Marini que vinha logo atrás. O Sul-africano Brad Binder acompanhava eles de perto em 3ºlugar.

Nesse meio tempo, O Britânico Danny Kent caiu e deixou a corrida, A sua situação na Speed UP é péssima principalmente pelos bons resultados de Fabio Quartararo.

A partir dai, O piloto da KTM mostrou suas garras, Partiu para cima de Luca Marini e ganhando o segundo lugar. Na 10ªVolta, Binder toma a liderança da prova. No começo da volta 11, Miguel Oliveira ultrapassou Sam Lowes e subiu para o 5ºlugar.

Já Francesco Bagnaia vinha reagindo na prova. Já andava em 16ºlugar buscando ultrapassagem sobre o Suíço Iker Lecuona. Essa ultrapassagem não foi difícil, Em uma volta ele passou para o 15ºlugar, Entrando na zona de pontuação.

Binder vinha com pouca vantagem sobre Mir e Marini que vinha disputando o 2ºlugar. Na metade da prova, O piloto da VR46 superou o piloto da Marc VDS e recuperou o segundo lugar. Um pouco mais atrás Miguel Oliveira partiu para cima de Marcel Schrotter que lutava para manter o 4ºlugar.

A 11 voltas do final, Binder abriu 8 décimos de frente para Joan Mir que voltou ao segundo lugar ultrapassando a Luca Marini. Ao mesmo tempo, Miguel Oliveira passou Marcel Schrotter, Ganhando o 4ºlugar na curva 12. O Português via a chance de alcançar Marini e Mir para fazer a dobradinha da KTM.

No grupo intermediário, Simone Corsi vinha em uma corrida heroica em 7ºlugar. Com Vierge, Navarro, Alex Marquez, Augusto Fernandes, Quartararo, Gardner, Aegerter e Bagnaia perto do piloto da Tasca restando 7 voltas para o final da prova.

Brad Binder abre uma vantagem considerável Para Joan Mir na parte final da prova. Enquanto Binder encaminhava para a primeira vitória, Mir começava a ser ameaçado para Luca Marini que abriu diferença para Oliveira.

O Sul-Africano Brad Binder conquistou sua primeira vitória na Moto 2. Uma grande corrida. De um piloto que aproveitou bem a chance que tinha para conquista a vitória. Joan Mir se sustentou na segunda posição e completando o pódio, Luca Marini que chega ao seu primeiro pódio da sua Carreira no mundial de motovelocidade. Um grandíssimo final de semana para o meio-irmão de Valentino Rossi, Com um pódio merecido!

Miguel Oliveira em uma bela corrida, Partindo do 15ºlugar acabou a prova em 4ºlugar. A vantagem dele para Francesco Bagnaia caiu em 9 pontos. O Português é um adversário a altura de Bagnaia na disputa pelo título da Moto 2 em 2018. No final da prova Sam Lowes superou Marcel Schrotter e acabou com o melhor resultado do ano, Um 5ºlugar para o britânico. O Alemão conseguiu um honroso 6ºlugar, Uma prova que não deixa de ser boa, Mas que não deu para conquistar seu primeiro pódio.

No Grupo Intermediário, Xavi Vierge recuperou posições e acabou ficando na frente da parte intermediaria, No 7ºlugar. Simone Corsi em pela corrida, Fábio Quartararo com sua Speed UP e Jorge Navarro da Gresini completaram os 10 primeiros colocados. O Francês conquistou o 9ºlugar no photoshop. (Apenas 1 milésimo de diferença entre os dois)

Francesco Bagnaia reagiu no final, Mas sua reação acabou dando apenas o 12ºlugar para o ainda líder do campeonato. Na Volta final, O piloto da VR46 passou Alex Marquez que foi tremendamente mal na prova ficando em 13ºlugar. Remy Gardner com a moto que seu pai prefere que fique em um Museu acabou em 11ºlugar. Dominique Aegerter e Augusto Fernandes Fecharam a zona de pontuação.

Eric Granado fez uma boa corrida. Dentro do que ele poderia fazer, Fechando a prova em 21ºlugar. Daqui a 3 semanas teremos a volta da MotoGP depois das Férias, Com o GP da República Tcheca. Com um campeonato disputando e ficando polarizado entre o Italiano Bagnaia e o Português Miguel Oliveira.

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultado final do GP da Alemanha
Sachsenring – Moto 2

pos piloto Equipe Moto Tempo
1 41 Brad Binder Red Bull KTM Ajo KTM 39’46.306
2 36 Joan Mir EG 0,0 Marc VDS Kalex a 0.779
3 10 Luca Marini SKY Racing Team VR46 Kalex a 0.933
4 44 Miguel Oliveira Red Bull KTM Ajo KTM a 2.143
5 22 Sam Lowes Swiss Innovative Investors KTM a 6.376
6 23 Marcel Schrotter Dynavolt Intact GP Kalex a 6.513
7 97 Xavi Vierge Dynavolt Intact GP Kalex a 15.544
8 24 Simone Corsi Tasca Racing Scuderia Moto2 Kalex a 15.674
9 20 Fabio Quartararo MB Conveyors – Speed Up Racing Speed Up a 16.004
10 9 Jorge Navarro Federal Oil Gresini Moto2 Kalex a 16.005
11 87 Remy Gardner Tech 3 Racing Tech 3 a 16.596
12 42 Francesco Bagnaia SKY Racing Team VR46 Kalex a 17.304
13 73 Alex Marquez EG 0,0 Marc VDS Kalex a 17.458
14 77 Dominique Aegerter Kiefer Racing KTM a 18.138
15 40 Augusto Fernandez Pons HP40 Kalex a 23.816
16 13 Romano Fenati Marinelli Snipers Team Kalex a 24.611
17 89 Khairul Idham Pawi IDEMITSU Honda Team Asia Kalex a 25.617
18 4 Steven Odendaal NTS RW Racing GP NTS a 28.019
19 27 Iker Lecuona Swiss Innovative Investors KTM a 28.173
20 64 Bo Bendsneyder Tech 3 Racing Tech 3 a 36.398
21 51 Eric Granado Forward Racing Team Suter a 40.199
22 16 Joe Roberts NTS RW Racing GP NTS a 41.509
23 21 Federico Fuligni Tasca Racing Scuderia Moto2 Kalex a 1’04.024
24 18 Xavier Cardelus Team Stylobike Kalex a 1 Volta
25 62 Stefano Manzi Forward Racing Team Suter a 7 Voltas
32 Isaac Vinales SAG Team Kalex a 12 Voltas
52 Danny Kent MB Conveyors – Speed Up Racing Speed Up a 21 Voltas
45 Tetsuta Nagashima IDEMITSU Honda Team Asia Kalex a 24 Voltas
7 Lorenzo Baldassarri Pons HP40 Kalex a 26 Voltas
54 Mattia Pasini Italtrans Racing Team Kalex a 27 Voltas
5 Andrea Locatelli Italtrans Racing Team Kalex a 27 Voltas
95 Jules Danilo Nashi Argan SAG Team Kalex a 28 Voltas

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: MotoGP

Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *