Em primeiro Estágio em Solo Argentino: Polêmica com os mapas. Quedas e problemas de navegação. Vitória fica nas mãos de Walkner

Após um dia em que tivemos uma prova do Dakar cancelada devido as péssimas condições de tempo a competição entra na Argentina para a sua Reta final. A primeira especial em Solo Argentino foi uma especial polêmica, Que pode ter decidido o Dakar a favor da KTM. De Salta até Belén foi realizada o 10ºestágio do Dakar 2018.

No primeiro setor o Argentino Kevin Benavides assumiu a liderança com sua Honda, Já abrindo uma bela vantagem de 1 minuto e 51 segundos de frente para o Francês Antonie Meo de KTM. O Espanhol Joan Barreda Boat, 3 segundos depois vinha em 3ºlugar. Seguido do Chileno Pablo Quintanilla com a Husqvarna.

Na 5ªposição vinha o Austríaco Matthias Walkner vinha 11 segundos a frente de Stefan Svitko, Em 7ºlugar estava o piloto Australiano Toby Price, Completando a trinca de pilotos da KTM entre o 5º, 6º e 7ºlugar. 4 minutos e 36 segundos atrás de Benavides estava o piloto da Gas Gas Johnny Aubert começando na frente da Hero, Do Espanhol Oriol Mena, Por 39 segundos atrás do francês. Armand Monleon, Darming completava os 10 primeiros colocados. Andrew Short com sua Husqvarna, 26 segundos atrás do piloto Espanhol vinha em 11ºlugar, Seguindo de Pedrero Garcia (Outro espanhol) com a Sherco TVS. Jose Ignácio Cornejo, Gerard Farres Guell e Marc Sola Terradellas completavam os 15 primeiros.

No Segundo Setor, Benavides aumenta a vantagem na liderança para 2 minutos e 47 segundos para Juan Barreda Boat, Também com uma Honda. 28 segundos a frente de Toby Price, Que subiu do 7º para o 3ºlugar com sua KTM. Com a mesma moto Austríaca os pilotos Matthias Walkner e Stefan Svitko completavam os 5 primeiros colocados.

Quem acabou perdendo nesse 2ºsetor foi Antonie Meo que caiu do 2ºlugar para o 6ºlugar (5 minutos e 30 segundos atrás do Líder) e Pablo Quintanilla, que caiu do 4º para o 7ºlugar, Com 7 minutos e 54 segundos atrás. Johnny Albert acabou perdendo posições. Quem se deu bem foi Oriol Mena (Hero) que sobe para o 8ºlugar. 36 segundos depois veio o piloto da Sherco Pedrero Garcia, E Andrew Short completa os Top 10. 26 segundos atrás de Aubert que perdeu 4 posições. Gerard Farres Guell vinha em 12ºlugar, 18 segundos atrás de Aubert com a primeira moto da Himoinsa.

Benavides aumentou mais 19 segundos na sua liderança na especial. A vantagem do Argentino para o segundo lugar que passou para as mãos de Toby Price que passou Barreda Bort. (Vantagem entre os 2 era de 35 segundos) Matthias Walkner e Stefan Svitko, Ambos de KTM (primeiro com a Moto oficial) permaneciam em 4º e 5ºlugar. Antonie Meo (7 minutos e 40 segundos) e Palbo Quintanilla (9 minutos e 51 segundos) seguiram buscando uma recuperação em 6º e 7ºlugares respectivamente.

Oriol Mena segurava Pedrero Garcia por apenas 2 segundos. Em 8ºlugar com a Hero em cima do piloto da Sherco. Andrew Short da Husqvarna, Johnny Aubert da Gas Gas e Farres Guell da Himoinsa KTM continuavam com suas posições. Marc Samuels da Mec Team vinha 1 minuto e 52 segundos atrás de Farres Guell, Em 13ºlugar. Oliveras Carreras, Jose Ignacio Cornejo e Armand Monleon vinham disputando o 14ºlugar. (21 segundos de distância entre os 3)

4ºSetor da especial. Benavides seguia líder, 3 minutos e 14 segundos a frente de Toby Price. A distância entre Price e Barreda Bort aumentou para 2 minutos e 7 segundos. O Espanhol da Honda não era ameaçado pelo Austríaco Matthias Walkner, 1 minuto e 25 segundos atrás. O piloto oficial da KTM aumentou um pouco sua vantagem para o Eslovaco Stefan Svitko que completava os 5 primeiros com sua KTM privada.

Meo e Quintanilla mantiveram o 6º e 7ºlugares. Já Pedrero Garcia Ganhou o 8ºlugar de Mena. O Espanhol estava a 14 minutos e 40 segundos de Kevin Benavides e a 17 segundos a frente do piloto da Hero. Short continuava no 10ºlugar. Do norte-americano da Husqvarna até o 16ºlugar Armand Monleon as posições não se modificaram. Apenas as distâncias que estavam entre eles. Short vinha 8 segundos para Aubert, Que vinha em 11º.

No 5ºSetor Continuava Kevin Benavides na liderança. Com seus 3 minutos e 9 segundos sobre O Australiano Toby Price que vinha em um tranquilo segundo lugar. Matthias Walkner, Com 6 minutos e 43 segundos atrás do líder vinham em 3ºlugar. Antonie Meo reagiu subindo do 6º para o 4ºlugar e Barreda Bort perdeu 2 posições caindo para o 5ºlugar, 10 segundos atrás do piloto Francês.

Stefan Svitko perdeu a posição do Meo. Caindo para o 6ºlugar. 10 minutos e 39 segundos do líder. Palbo Quintanilla vinha mais de 4 minutos atrás do Eslováquio em 7ºlugar. Pedrero Garcia vinha em 8ºlugar. Oriol Mena acabou perdendo muito tempo caindo para o 14ºlugar. Quem subiu foi Farres Guell, Que ganhou 3 posições (passando Aubert, Short e Mena) ganhando o 9ºlugar. Andrew Short completava os 10 primeiros colocados.

Daniel Oliveras Carreras, Mark Samuels e José Ignácio Cornejo disputavam o 11ºlugar, 21 segundos separavam esses três pilotos. Mena caiu para o 14º (27 minutos e 56 segundos atrás do líder) Armand Monleon completava os 15 primeiros colocados.

E dai a partir do penúltimo checkdown do Estágio os pilotos, Vários pilotos se perderam e culparam o mapa entregue pela organização do Dakar. Esse não foi o único problema. Um outro problema foi o fato de apenas 7 pilotos terem tido suas marcas no WP6 no aplicativo do Dakar. Para mim esse estágio por tudo que aconteceu deveria ser cancelada ou então ter sido anulado os últimos setores. Eu defendo que o resultado do WP5 deveria ser o resultado final do Estágio.

O WP6 foi uma confusão, 7 pilotos tiveram seus tempos registrados. Com esse problema, Os dois ultimos Setores da prova deveriam ter sido anulados e o Resultado deveria ter sido o resultado do WP5.

Ao final do Estágio Adrien van Beveren que vinha com sua Yamaha na liderança do Dakar, Acabou não se perdendo, Mas a 3 km do Final ele sofre um grave acidente. O Francês teve serias lesões que acabou fazendo ele deixar o Dakar. A Yamaha praticamente deixava a disputa do Dakar tendo apenas pilotos secundários na disputa.

Matthias Walkner acabou não se perdendo nessa confusão. Conquistou a vitória e com toda essa confusão. O Austríaco abriu uma enorme vantagem em cima dos seus adversários e praticamente dando um grande passo para o título do Dakar de 2018. O segundo lugar do Estágio foi o Chileno Pablo Quintanilla com a Husqvarna que ficou a 11 minutos e 35 segundos do vencedor. Gerard Farres Guell acabou completando o pódio na 3ªposição. Em 4ºlugar, ficou o Espanhol Oriol Mena com um belo especial. Com sua Moto da Hero, Terminando a 20 minutos e 45 segundos atrás de Walkner.

Juan Pedrero Garcia acabou punido em 15 minutos em seu tempo final, Deixando o 5ºlugar para o Chileno Jose Ignacio Cornejo com sua moto da Honda, Que chegou a 59 segundos de frente para o Norte-Americano Andrew Short que conquista seu primeiro Top 10 no Dakar. Nenhum dos favoritos ficaram nos últimos lugares dos 10 primeiros lugares. Mark Samuels da Mec Team ficou em 7ºlugar, 37 segundos atrás do ex-piloto do AMA Motorcross. Daniel Oliveras Carreras com a Himoinsa KTM, Armand Monleon da Daming Racing e Pedrero Garcia da Sherco completaram os 10 primeiros lugares. 11 segundos depois em 11ºlugar a piloto Laia Sanz com sua KTM.

Joan Barreda Bort acabou com toda essa confusão em 14ºlugar, 38 minutos e 15 segundos atrás do vencedor. Kevin Benavides que liderou praticamente toda o Estágio ficou em 17ºlugar, 47 minutos e 35 segundos. Toby Price ficou em 19ºlugar, 49 minutos e 17 segundos atrás. Depois disso tudo por incrível que pareça, O Vice-líder passou a ser Juan Barreda Bort , Que esta a 39 minutos e 42 segundos do Austríaco que lidera o Dakar. E Kevin Benavides que poderia assumir a liderança do Dakar acabou com o resultado final caindo para o 3ºlugar. A 41 minutos e 23 segundos do líder.

Resultado final da 10ªEtapa do Dakar 2018
Categoria Motos

POS. Pilotos Motos Tempo
1 2 Matthias Walkner KTM 450 RALLY REPLICA 04h 52′ 26”
2 10 Pablo Quintanilla Husqvarna FR 450 RALLY + 00h 11′ 35”
3 3 Gerard Farres Guell KTM 450 RALLY + 00h 16′ 21”
4 61 Oriol Mena Hero 450 Rally + 00h 20′ 45”
5 68 Jose Ignacio Cornejo Florimo Honda CRF450RALLY + 00h 23′ 14”
6 54 Andrew Short Husqvarna FR 450 RALLY + 00h 24′ 13”
7 64 Mark Samuels Honda CRF450RALLY + 00h 24′ 50”
8 29 Daniel Olivera Carreras KTM 450 RALLY + 00h 25′ 25”
9 17 Armand Monleon KTM 450 RR + 00h 34′ 18”
10 12 Juan Pedrero Garcia 450 RALLYE SHERCO TVS + 00h 36′ 24”
11 15 Laia Sanz KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 36′ 35”
12 40 Johnny Aubert GASGAS + 00h 37′ 29”
13 44 Rodney Faggotter Yamaha WR450F RALLY + 00h 38′ 07”
14 5 Joan Barreda Bort Honda CRF450RALLY + 00h 38′ 15”
15 33 Daniel Nosiglia Jager KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 40′ 22”
16 34 Marc Sola Terradellas KTM 450 RALLY + 00h 41′ 36”
17 47 Kevin Benavides Honda CRF450RALLY + 00h 47′ 35”
18 60 Jonathan Barragan Nevado GASGAS + 00h 47′ 49”
19 8 Toby Price KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 49′ 17”
20 52 Jacopo Cerutti KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 51′ 39”
21 42 Maurizio Gerini HUSQVARNA 450 + 00h 52′ 40”
22 37 Milan Engel KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 55′ 50”
23 25 Ivan Cervantes Montero KTM 450 RALLY + 00h 56′ 01”
24 20 Ricky Brabec Honda CRF450RALLY + 00h 56′ 13”
25 9 Stefan Svitko KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 59′ 48”
26 19 Antonie Meo KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 00′ 13”
27 58 Maciej Giemza KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 04′ 00”
28 103 Shane Esposito KTM RALLY REPLICA + 01h 04′ 35”
29 128 Maikel Smits KTM 450 RALLY + 01h 05′ 29”
30 28 Emanuel Gyenes KTM 450 RALLY + 01h 15′ 22”

Classificação Geral

POS. Pilotos Motos Tempo
1 2 Matthias Walkner KTM 450 RALLY REPLICA 32h 21′ 03”
2 5 Joan Barreda Bort Honda CRF450RALLY + 00h 39′ 42”
3 47 Kevin Benavides Honda CRF450RALLY + 00h 41′ 23”
4 3 Gerard Farres Guell KTM 450 RALLY + 00h 47′ 46”
5 8 Toby Price KTM 450 RALLY REPLICA + 00h 50′ 18”
6 19 Antonie Meo KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 03′ 35”
7 20 Ricky Brabec Honda CRF450RALLY + 01h 21′ 37”
8 9 Stefan Svitko KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 25′ 09”
9 10 Pablo Quintanilla Husqvarna FR 450 RALLY + 01h 30′ 24”
10 40 Johnny Aubert GASGAS + 01h 40′ 57”
11 68 Jose Ignacio Cornejo Florimo Honda CRF450RALLY + 01h 49′ 50”
12 33 Daniel Nosiglia Jager KTM 450 RALLY REPLICA + 01h 52′ 27”
13 29 Daniel Olivera Carreras KTM 450 RALLY + 01h 56′ 30”
14 61 Oriol Mena Hero 450 Rally + 01h 57′ 08”
15 15 Laia Sanz KTM 450 RALLY REPLICA + 02h 01′ 26”
16 60 Jonathan Barragan Nevado GASGAS + 02h 12′ 10”
17 12 Juan Pedrero Garcia 450 RALLYE SHERCO TVS + 02h 25′ 18”
18 17 Armand Monleon KTM 450 RR + 02h 26′ 58”
19 54 Andrew Short Husqvarna FR 450 RALLY + 02h 41′ 10”
20 44 Rodney Faggotter Yamaha WR450F RALLY + 02h 51′ 04”
21 27 Diego Martin Duplessis Honda CRF450RALLY + 03h 38′ 50”
22 34 Marc Sola Terradellas KTM 450 RALLY + 04h 04′ 04”
23 52 Jacopo Cerutti KTM 450 RALLY REPLICA + 04h 24′ 50”
24 37 Milan Engel KTM 450 RALLY REPLICA + 04h 50′ 42”
25 28 Emanuel Gyenes KTM 450 RALLY + 04h 59′ 40”
26 25 Ivan Cervantes Montero KTM 450 RALLY + 05h 01′ 23”
27 42 Maurizio Gerini HUSQVARNA 450 + 05h 13′ 13”
28 64 Mark Samuels Honda CRF450RALLY + 05h 20′ 02”
29 58 Maciej Giemza KTM 450 RALLY REPLICA + 05h 25′ 01”
30 128 Maikel Smits KTM 450 RALLY + 06h 17′ 19”

Texto: Deivison da Conceição da Silva
Fotos: Dakar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.